Meu Feed

No mais...

Veja as vagas de emprego do Sine Macapá para 9 de outubro

G1 Economia Há oportunidades para farmacêutico, lavador de carro, secretária, tapeceiro, entre outros. Uma das vagas ofertadas pelo Sine no Amapá é para farmacêutico Marketing Unoeste O Sistema Nacional de Emprego no Amapá (Sine-AP) oferece oportunidades de empregos para Macapá. O número de vagas está disponível de acordo com as empresas cadastradas no Sine e são para todos os níveis de escolaridade e experiência. Após meses ofertando apenas atendimento on-line devido às restrições pela pandemia de Covid-19, o órgão retornou com os serviços presenciais seguindo todas as medidas de segurança contra o novo coronavírus. A partir de 8h até as 12h, os interessados podem procurar o Sine, localizado na Rua General Rondon, nº 2350, em frente à praça Floriano Peixoto. Em toda a rede Super Fácil tem guichês do Sine e neles é possível obter informações sobre vagas na capital. Sine-AP retoma suas atividades presenciais seguindo os protocolos de segurança da Covid-19 Para se cadastrar e atualizar os dados, o trabalhador deverá apresentar Carteira de Trabalho, RG, CPF e comprovante de residência (atualizado). Veja as vagas disponíveis de acordo com as solicitações das empresas: cuidador de idoso farmacêutico gerente de secretaria instrutor de curso em manutenção de celular instrutor de curso de informática básica lavador de carro mecânico de automóvel pedreiro secretária tapeceiro técnico de refrigeração e instalação técnico em informática trabalhador rural vendedor externo Veja o plantão de últimas notícias do G1 Amapá ASSISTA abaixo o que foi destaque no AP: Veja Mais

Neymar se livra de acusação de crime cibernético contra Najila

Neymar se livra de acusação de crime cibernético contra Najila

Tecmundo O caso de violação cibernética, onde a mulher Najila Trindade acusava o jogador Neymar de publicar suas fotos eróticas, sem permissão prévia, foi encerrado, já que o juiz Marcel Laguna Duque Estrada compreendeu que não havia provas suficientes para incriminar o atleta.Najila, inicialmente, havia acusado Neymar de estupro, por um encontro ocorrido no dia 15 de maio de 2019, em um hotel de Paris. Os dois vinham trocando mensagens íntimas pela internet, até que Najila concordou em ir até a França conhecer o jogador, mas disse ao G1 que o encontrou bêbado e foi forçada a ter relações sexuais contra sua vontade.Leia mais... Veja Mais

Viúva Negra | Vazamento revela detalhes do enredo e cena pós-créditos

canaltech Com a estreia prorrogada para um ano após o planejado, era esperado que algumas coisas de Viúva Negra não conseguissem ser mantidas em sigilo e acabassem vazando. Quando se trata de um filme muito esperado como esse, o único jeito é esperar o lançamento para a confirmação de tantos rumores que o antecedem. Florence Pugh é destaque em novas fotos de Viúva Negra Disney fala sobre a possibilidade de Viúva Negra estrear no Disney+ Cuidado! A partir daqui, o texto pode conter spoilers de Viúva Negra e Vingadores: Ultimato. A novidade da vez é que um suposto vazamento teria revelado algo muito esperado pelos fãs: participações de outros personagens no filme solo de Natasha Romanoff. De acordo com Amit Chaudhari, um usuário do Twitter que diz ser um especialista em gráficos que lida com a localização de filmes e trailers e tem acesso a informações privilegiadas, um dos Vingadores da formação original fará uma aparição especial em Viúva Negra. Segundo ele, esse Vingador seria Clint Barton, o Gavião Arqueiro. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Mesmo com a informação, Chaudhari não confirmou se é uma cena pós-créditos, participação especial no filme ou apenas uma menção na história. Confira o tweet: POTENTIAL SPOILERS from #BlackWidow below: Heard from a source that an OG #Avenger will appear in the #BlackWidow movie & it's none other than Hawkeye. However, it's still not fully confirmed whether it's a new scene, a flashback scene or a post credit scene. pic.twitter.com/nvFXhBCl0J — Amit Chaudhari (@5150Aamrit) October 6, 2020 Outra coisa que Amit Chaudhari publicou é sobre uma participação especial de Tony Stark no filme. Apesar de alguns sites colocarem o nome de Robert Downey Jr. como confirmado na história, não houve nenhuma informação da Marvel a respeito disso, o que deve ser mantido em segredo até a estreia de Viúva Negra. O especialista, por sua vez, declarou que está "duvidando um pouco" da participação do Homem de Ferro no filme, "tentei descobrir algo sobre seu papel, mas não consegui nada. Não há menção alguma sobre sua aparição. Então ele pode não participar do filme." Em janeiro e em julho foi vazado que Viúva Negra teria duas cenas pós-créditos. Novamente, não há nada confirmado pelos estúdios a respeito, então todas essas informações estão sendo tratadas como rumores. De acordo com o BGR, uma das cenas avançará ainda mais a história e configurará a minissérie O Falcão e o Soldado Invernal, que chega em breve ao Disney+. O adiamento para 2021 fez alguns fãs e portais acreditarem que a verdadeira razão para o atraso não seja exclusivamente a pandemia de COVID-19, e sim que a série não pode ser transmitida antes do público descobrir o que acontece em Viúva Negra. Florence Pugh e Scarlett Johansson em Viúva Negra (Imagem: Divulgação / Disney) Assine Amazon Prime por R$ 9,90/mês e ganhe frete grátis, catálogo de filmes e séries que compete com a Netflix, livros, músicas e mais! Teste 30 dias grátis! Já na segunda cena pós-créditos, alguns fãs acreditam que Natasha Romanoff pode receber o mesmo funeral que Tony Stark recebeu em Vingadores: Ultimato, ou, ao menos, ter sua morte homenageada de alguma forma. Nesse caso, Jeremy Renner faria sua participação especial trazendo a história até os dias atuais, após o sacrifício da agente da SHIELD. Confira um trecho do vazamento: A cena dos créditos finais é Clint olhando para o túmulo de Natasha com seus filhos. Bom momento de ternura, mas honestamente uma chicotada emocional do filme de espionagem tortuoso que o precedeu. Além disso, vale lembrar que Viúva Negra será uma prequela, já confirmada pela Marvel. O filme se situa entre os eventos de Guerra Civil e Guerra Infinita. Os vazamentos da trama também diziam que teríamos flashbacks mostrando outros momentos do passado de Natasha como agente da SHIELD. E dado que parte da ação acontece em Budapeste, os fãs devem estar ansiosos por um tipo específico de cena ambientada na capital da Hungria. Nos filmes dos Vingadores, muitas conversas entre Clint Barton e Natasha Romanoff foram sobre "o que aconteceu em Budapeste", aparentemente, o que quer que seja, será revelado no filme de Natasha. Viúva Negra é dirigido por Cate Shortland, e além de Scarlett Johansson e Florence Pugh, traz David Harbor como Alexei Shostakov, OT Fagbenle como Rick Mason e Rachel Weisz como Melina Vostokoff. Depois de diversos adiamentos, a atual confirmação é que o filme chega aos cinemas em 7 de maio de 2021. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Aquisição da Transmoreno pela Simpar é aprovada pelo Cade

Valor Econômico - Finanças A Transmoreno é uma das principais empresas de serviços logísticos para o setor automotivo do país, com clientes como Renault Nissan e Volkswagen A Simpar anunciou, em fato relevante, que o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou sem restrições a aquisição da Moreno Holding, controladora da Transmoreno, pela sua subsidiária JSL. Segundo o comunicado ao mercado, a Transmoreno é uma das principais empresas de serviços logísticos para o setor automotivo do país, com clientes como Renault Nissan e Volkswagen. A companhia atua no Paraná e no Rio de Janeiro no transporte de veículos novos, abastecimento, armazenagem e gestão de pátios. A Simpar afirma que, em parceria com a JSL, “poderão trazer novas soluções e tecnologia para o segmento de transporte de veículos, impactando positivamente o ecossistema com redução de custos para nossos clientes e caminhoneiros, perpetuando nossas relações comerciais”. O comunicado destaca ainda que a aquisição da Transmoreno aumenta a presença da JSL em importantes segmentos. Veja Mais

FBI: Most Wanted: ator de Lost se junta ao elenco da série

FBI: Most Wanted: ator de Lost se junta ao elenco da série

Tecmundo A 2ª temporada de FBI: Most Wanted começou a ser produzida nesta semana em Nova York. Junto com a volta ao trabalho, novidades sobre a nova season começam a surgir. A atual informação nos bastidores é de que o ator Terry O'Quinn, conhecido por ter feito parte de Lost, e a atriz Amy Carlson (Blue Bloods) irão entrar para o elenco do spin-off de FBI. Terry O'Quinn no papel de John Locke, em Lost. (Fonte: American Broadcasting Company/Reprodução)Leia mais... Veja Mais

Tesouro reforça emissão de títulos curtos

Valor Econômico - Finanças O mercado reagiu ao leilão com queda firme dos juros futuros Depois de uma semana de volatilidade elevada na curva de juros, o Tesouro Nacional optou por reforçar a concentração de títulos públicos no curto prazo ao vender ontem 25 milhões de LTNs que vencem em abril de 2021 e diminuir as quantidades ofertadas de papéis com prazos mais longos. O mercado reagiu ao leilão com queda firme dos juros futuros — o contrato de DI para janeiro de 2023 passou de 4,77% para 4,65% no fim da sessão regular —, mas a perspectiva para o mercado se mantém bastante desafiadora no curto prazo. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

FIFA 21 não vai transferir todo progresso para a próxima geração

FIFA 21 não vai transferir todo progresso para a próxima geração

Tecmundo Tem se tornado comum as produtoras oferecerem a possibilidade de transferir o progresso feito em alguns jogos para PlayStation 4 e Xbox One para os consoles da próxima geração. FIFA 21 vai contar com essa opção, mas não de forma integral.De acordo com informações que estão correndo a rede, o conteúdo do FIFA 21 Ultimate Team e do Volta será transferido para o PlayStation 5 e o Xbox Series X/S. Entretanto, o Eurogamer ressaltou que o mesmo não vai acontecer com as Online Seasons, Seasons cooperativas, Career Mode e Pro Clubs.Leia mais... Veja Mais

Frente lança agenda da reforma administrativa – 08/10/20

Frente lança agenda da reforma administrativa – 08/10/20

Câmana dos Deputados Frente Parlamentar lançou nesta quinta-feira agenda legislativa da reforma administrativa. Presidente da Câmara e ministro da Economia prestigiaram o evento. Os detalhes com o repórter Cid Queiroz. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais #CâmaraDosDeputados #agendalegislativa Veja Mais

Commodities: Trigo passa por correção e cai em Chicago

Valor Econômico - Finanças Contratos futuros do cereal para março recuaram 1,8% nesta quinta-feira Após terem atingido o maior patamar desde 2015 na quarta-feira, os preços do trigo caíram em correção na bolsa de Chicago na sessão desta quinta-feira. A queda dos lotes futuros de segunda posição, para março de 2021, foi de 1,84%, ou 11,25 centavos de dólar, para US$ 5,9875 o bushel. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Guedes desconversa sobre pressão para fatiamento de Ministério: 'conversa fiada'

O Tempo - Política Discussão gira em torno da separação da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho da pasta e a recriação do Ministério de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior Veja Mais

Ao lado de Guedes, Maia diz que caminho para programa de renda é cortar despesas

Valor Econômico - Finanças Ele ainda afirmou que a reforma administrativa não busca perseguir, atacar ou condenar servidores públicos O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), falou nesta quinta-feira sobre reforma administrativa e controle de gastos. Ele disse que há pessoas procurando respostas para o teto de gastos ou para o programa de renda mínima pelo lado da receita. “Mas [o caminho] é pelo corte de despesas”, afirmou, no lançamento da agenda Legislativa da Reforma Administrativa, acrescentando que o país irá para o “precipício” se não tomar medidas para controlar o crescimento das despesas. Ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, Maia afirmou que a reforma administrativa não busca perseguir, atacar ou condenar servidores públicos. “Muito pelo contrário”, disse. Maia disse que o Congresso deve ter urgência, mas não pressa no andamento da reforma administrativa. Segundo ele, a comissão especial ou mista deve ser instalada nas próximas três semanas. O presidente da Câmara disse ainda não querer protagonismos, mas união de esforços. A ideia é valorizar o servidor e ter um serviço público de qualidade, com o mesmo nível de qualidade do setor privado, afirmou. Maia parabenizou Guedes, com quem trocou farpas na última semana, e disse que o ministro tem tido um “esforço enorme” em agendas muito difíceis. O deputado disse querer mostrar que o governo e o Legislativo têm prioridades em comum. Entre elas, citou a regulamentação das despesas públicas na PEC Emergencial e a reforma tributária. “Vamos construir um texto de consenso”. Guedes afirmou que há o compromisso do governo com a reforma do Estado brasileiro. Ele agradeceu o apoio do Legislativo e de Maia, na aprovação das reformas. “Nossa agenda é convergente, comum. Trabalhamos juntos”, disse o ministro. O ministro disse que acredita que está sendo construído, em conjunto com o Legislativo e o Judiciário, as “nossas defesas contra essa crise”. “Estamos retomando as reformas”, frisou. Guedes disse ainda que o orçamento de guerra foi “aprendizado” e deve ser incluído no texto do pacto federativo. “Agradeço a apoio às reformas, estamos juntos. Desde o primeiro dia do governo, ele tem levantado essa bandeira das reformas”, destacou, acrescentando que o governo seguirá na linha de transformação do Estado. Maia defendeu uma reforma administrativa ampla que englobe os três poderes, mas destacou que só haverá sucesso nisso se houver articulação com os presidente do STF, com a PGR, com o Congresso e com o Executivo. “Não acho que será um bom debate se não trouxermos todos eles para debater uma reforma que também modernize o Judiciário e os demais poderes”, disse. “Não acredito que vamos resolver nada atropelando os outros Poderes”, frisou. Uma das principais propostas apresentadas pela Frente Parlamentar da Reforma Administrativa é a inclusão dos atuais servidores públicos à reforma. Segundo Maia, no entanto, é preciso respeitar os direitos adquiridos para que a reforma não seja inviabilizada. Isso porque o debate na justiça deve atrasar todo o processo. “Devemos gastar nossas energia olhando para o passado ou mudando o futuro?”, frisou. Segundo ele, outros temas podem ser tratados como é o caso da regulamentação do teto de remuneração. Para o presidente da Câmara, o Estado não tem condições de pagar pela atual estrutura de carreiras e é preciso alterar a forma de ascensão. Ele destacou ainda a elevada disparidade entre os salários pagos pelo setor público e privado que precisa ser corrigida. PEC emergencial Maia disse achar possível que a reforma tributária seja aprovada no plenário da Câmara ainda neste ano, mas que hoje ela não é mais importante que a proposta de emenda à Constituição (PEC) Emergencial. “Acho que o congresso precisa ter como pauta numero 1 a PEC emergencial. É a mais difícil. Vai gerar desgaste, mas vai gerar solução a partir de 2021”, frisou. “Se eu tivesse que escolher só uma das reformas para avançar neste ano, escolheria a PEC emergencial.” Ele destacou que a reforma administrativa seria algo para começar a surtir efeito no segundo semestre do ano que vem ou primeiro de 2022. Ele acrescentou, no entanto, que a reforma tributária já foi bastante debatida e é possível construir um ambiente para votação, com uma proposta de consenso. “Acredito que é possível avançar com a reforma tributária ainda neste ano e deixar a administrativa bem avançada.” Rodrigo Maia e Paulo Guedes Jorge William/Agência O Globo Veja Mais

Grupo Mateus vende ações no piso da faixa sugerida no IPO, dizem fontes

Valor Econômico - Finanças O Grupo Mateus precificou as ações a R$ 8,97, no piso da faixa inicialmente sugerida para o IPO, informam fontes. A oferta deverá movimentar perto de R$ 4,5 bilhões, considerando a colocação de lotes extras. Esse é o maior IPO realizado na B3 este ano, superando os R$ 3 bilhões captados pela Petz. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Google Assistente agora tem atalhos em apps de terceiros

Google Assistente agora tem atalhos em apps de terceiros

Tecmundo O Google Assistente está recebendo ferramentas de integração ainda melhores para aplicativos de terceiros. Comandos de voz no assistente virtual poderão interagir com funções específicas dentro de apps que aprimorarem as funções, permitindo o envio de mensagens, abertura de seções específicas e até fazer pedidos em delivery ou adicionar itens ao carrinho.As interações com o Google Assistente são bem limitadas quando relacionadas à apps de terceiros. Normalmente, o assistente virtual é capaz apenas de abrir o aplicativo e o usuário deve dar conta de toda a atividade a partir daí; em outros casos, o assistente proporciona algumas ações personalizadas, como a reprodução de mídia e alguns outros exemplos.Leia mais... Veja Mais

Como acessar o calendário e o mapa de Stories do Instagram

canaltech O Instagram (Android | iOS) comemorou na última terça-feira (6) seu aniversário de 10 anos. A plataforma, criada em 2010 por Kevin Systrom e Mike Krieger, foi vendida para o Facebook em 2012 e atualmente conta com mais de 1 bilhão de usuários ativos em todo o mundo. Como restringir atividades de outras pessoas no seu Instagram sem bloqueá-las Filtro no Instagram: como fazer e encontrar novas opções para os seus Stories 5 funções pouco conhecidas do Stories que você precisa experimentar Para comemorar esta data tão importante, o app recebeu uma atualização com duas novas funções: visualizar os Stories antigos através de um calendário e pela localização em um mapa. Confira abaixo o passo a passo para acessá-las! Como acessar o calendário e o mapa de Stories do Instagram Passo 1: acesse o Instagram em seu celular Android, ou iOS, e clique no ícone com a sua foto, à direita do menu inferior. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Acesse o app do Instagram em seu celular e clique no ícone com a sua foto à direita do menu inferior (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 2: em seguida, clique no ícone de “Três linhas” no canto superior direito. Em seguida, clique no ícone de "Três linhas" no canto superior direito (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 3: com o menu lateral, ou inferior aberto, clique em “Arquivar” (Android), ou “Itens arquivados” (iOS). Com o menu aberto, clique em "Arquivar" ou "Itens arquivados" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 4: você pode visualizar todas as publicações que você estão armazenadas no arquivo e, no menu superior, agora há duas novas funções, com os ícones de “Calendário” e “Mapa”. No menu superior, você pode acessar as opções de "Calendário" e "Mapas"  (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 5: na aba do “Calendário”, você pode visualizar, através da data, as publicações que você fez, com o intervalo de três anos. Você pode abri-las e compartilhá-las novamente, caso queira. Na aba de "Calendário", você pode acessar suas postagens pela data, com um intervalo de três anos (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 6: acessando a aba “Mapa”, é possível visualizar todos os Stories que você marcou com alguma localização. Você também pode abri-los e compartilhá-los novamente, caso queira. Na aba "Mapa", você pode visualizar os lugares que você marcou em seus Stories (Captura de tela: Matheus Bigogno) Pronto! Agora você pode acessar o calendário e o mapa de Stories, funções lançadas para a comemoração de 10 anos do Instagram. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Maia relata que teve mais de 20% do pulmão comprometido pela covid-19

Valor Econômico - Finanças Presidente da Câmara reforçou tratar-se de uma doença séria e disse que “de hoje até a vacina” usará máscara em todo lugar público que estiver Em sua primeira ida à Câmara após ter se recuperado da covid-19, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), reforçou tratar-se de uma doença séria e disse que “de hoje até a vacina” usará máscara em todo lugar público que estiver. Maia disse que passou por um momento de “isolamento e de sofrimento”, que mais de 20% do seu pulmão foi contaminado e que não foi internado “por muito pouco”. Segundo ele, sua decisão de usar máscara durante a declaração tem relação com o que passou e pelo que “muitos brasileiros ainda vão passar”. “A utilização da máscara é fundamental para que o vírus não continue se multiplicando", defendeu. Maia agradeceu às equipes médicas do país, que já salvaram e “continuam salvando muitas vidas”. Emocionado, disse que hoje volta às atividades. O presidente falou durante lançamento da “Agenda Legislativa da Reforma Administrativa”. O ministro da Economia, Paulo Guedes, também participou. Rodrigo Maia Luis Macedo/Câmara dos Deputados Veja Mais

Eleições em BH: João Vítor pretende revitalizar o hipercentro da capital

O Tempo - Política Candidato do Cidadania afirmou que comerciantes da região se queixam do abandono da localidade, da violência e da falta de infraestrutura Veja Mais

Bolsas de NY sobem com expectativa em relação a estímulos fiscais nos EUA

G1 Economia O Dow Jones fechou em alta de 0,43%, enquanto o S&P 500 avançou 0,80% e o Nasdaq subiu 0,50%. Wall Stree é a sede das principais bolsas de NY como a New York Stock Exchange (NYSE) Reuters Os índices acionários de Nova York fecharam em alta nesta quinta-feira (8), ainda recebendo suporte das perspectivas de mais estímulos fiscais nos Estados Unidos, apesar da falta de sinais de progresso nas negociações em Washington. O Dow Jones fechou em alta de 0,43%, a 28.425,51 pontos, enquanto o S&P 500 avançou 0,80%, a 3.446,83 pontos, e o Nasdaq subiu 0,50%, a 11.420,98 pontos. Os três índices seguem em vias de fechar a semana com ganhos significativos, acumulando altas de 2,7%, de 2,9% e 3,1%, respectivamente. Bovespa fecha em alta, otimista com novos estímulos nos Estados Unidos A líder do Partido Democrata na Câmara dos Deputados dos EUA, Nancy Pelosi, disse que não aprovará um pacote de ajuda às companhias aéreas sem que haja antes um acordo mais amplo de estímulos fiscais à economia do país. O presidente americano Donald Trump defendeu medidas individuais de suporte a empresas, depois de suspender as negociações do pacote de estímulos na terça-feira (6). Apesar da falta de progresso nas negociações, porém, a perspectiva, agora, é a de que, mesmo que um acordo não seja aprovado até a eleição, uma ampla vitória democrata nas eleições presidencial e para o Congresso dos EUA em novembro poderia destravar as negociações no ano que vem. "Uma vitória de Joe Biden, somada a uma maioria democrata em ambas as câmaras do Congresso, parece cada vez mais provável, de acordo com as últimas pesquisas. Na nossa opinião, uma ampla vitória democrata elevaria a chance de um programa de estímulos completo, o que daria suporte às ações e compensaria os impostos corporativos mais elevados", diz Patrik Lang, estrategista-chefe de ações do Julius Baer, em nota. "Neste caso, uma reversão parcial da reforma tarifária de Trump se tornaria mais provável. De acordo com os nossos cálculos, isso poderia levar a uma queda de até 10% nos lucros das empresas que compõem o S&P 500. Por outro lado, Biden planeja investir um total de US$ 2 trilhões ao longo dos próximos quatro anos em projetos de infraestrutura. Ao mesmo tempo, o salário mínimo seria elevado dos US$ 7,25 por hora atuais para US$ 15", explica Lang. "Neste cenário, não vemos uma vitória de Biden combinada [com uma ampla vitória democrata no Congresso] como algo negativo para as ações." Dólar fecha em queda com esperança de estímulos fiscais nos EUA Os ganhos em Wall Street foram amplos hoje, com todos os 11 setores do S&P 500 fechando em alta, mas as performances dos setores continuam demonstrando receios entre os investidores. Excluindo as ações de energia (+3,78%), que foram impulsionadas pela alta dos preços do petróleo, os maiores ganhos do índice amplo de Nova York foram das ações de serviços de utilidade pública (+1,80%) e do setor imobiliário (+1,58%), consideradas mais defensivas. VÍDEOS: Últimas notícias de Economia Veja Mais

Polícia dos EUA exige do Google identidade de quem pesquisa certos assuntos

canaltech Há muitas controvérsias a respeito dos limites de colaboração entre empresas de tecnologia e autoridades governamentais. Essa discussão acaba de ganhar mais um episódio, visto que um documento judicial recentemente arquivado e liberado para consulta pública mostra que, nos EUA, a polícia tem requisitado ao Google informações a respeito de internautas que fizeram determinada pesquisa por termos específicos no motor de buscas. Polícia está sendo processada por prisão de assaltante via localização do Google Produtos de empresa da Amazon estão de olho na vizinhança e conectados à policia Funcionários do Google pedem fim das vendas de produtos para a polícia O documento vem para revelar um episódio preocupante no caso de Michael Williams, associado ao cantor R. Kelly (acusado de assédio sexual), que supostamente colocou fogo no carro de uma testemunha do crime de seu comparsa. Os investigadores enviaram uma procuração ao Google pedindo uma lista de todo mundo que pesquisou o endereço da vítima horas antes do incêndio criminoso. O nome de Michael estava na lista — possivelmente junto com o de vários outros internautas que tiveram sua privacidade violada de maneira coletiva. A partir daí, bastou cruzar os dados de localização geográfica do smartphone do suspeito, que, de fato, estava próximo ao local do crime. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Segundo Albert Fox Cahn, diretor executivo do Projeto de Vigilância de Espionagem Tecnológica (Surveillance Technology Oversight Project ou S.T.O.P., no original em inglês), a ação da polícia pode ser considerada inconstitucional. “Este ‘mandado de palavra-chave’ foge das verificações da Quarta Emenda sobre a vigilância policial. Quando um tribunal autoriza o despejo de dados de cada pessoa que pesquisou um termo ou endereço específico, é provável que seja inconstitucional”, explica. Os “mandados de palavras-chave” são similares aos igualmente polêmicos “mandados de cerca geográfica”, que ocorrem desde 2017 e envolvem o pedido da identidade de todos os usuários que estavam em determinada área geográfica durante determinado período de tempo. Embora a companhia não divulgue números absolutos, ela já afirmou receber cada vez mais pedidos do gênero nos últimos anos. “Exigimos um mandado e pressionamos para estreitar o escopo dessas demandas específicas quando excessivamente amplas, incluindo contestação em tribunal quando apropriado", afirma o diretor de aplicação da lei e segurança da informação do Google, Richard Salgado. “Essas demandas de dados representam menos de 1% do total de mandados e uma pequena fração das demandas legais gerais para dados de usuários que recebemos atualmente”, complementa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Governo autoriza aulas online até 2021 e propõe fusão de anos letivos

canaltech O Conselho Nacional de Educação (CNE), órgão do Ministério da Educação do Brasil, publicou nesta quinta-feira (8) uma série de diretrizes com recomendações sobre como as instituições de ensino poderão proceder no pós-pandemia. A principal novidade é que a autoridade autorizou o uso de aulas remotas até o fim de 2021 — não será obrigatório ensinar à distância, ficando a critério das redes de ensino optar por tal modalidade. COVID-19: como manter seu filho e sua família seguros com a volta às aulas COVID-19 | Quais são os riscos proporcionados pela volta às aulas? Alunos criam "mundo pré-pandemia" em ensino à distância com ajuda do Minecraft Ademais, o texto também sugere que, para reforçar os conteúdos perdidos pelos alunos pela “confusão” das aulas remotas em 2020, que seja feita uma fusão de anos letivos e que 2021 seja utilizado também para reforçar alguns ensinamentos do ano vigente. As escolas foram orientadas a evitar a reprovação de alunos e dar uma “segunda chance” para que eles se recuperem no ano que vem. E então, no fim de 2021, uma avaliação final decidirá se o estudante deve avançar uma ou duas séries, com base em seu nível de conhecimento. Para quem estava no último ano do ensino médio, a ideia é oferecer um ano suplementar de reforço — mas, novamente, o oferecimento desse suplemento é opcional, como seu aceite por parte dos alunos. As diretrizes não são obrigatórias. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- “O reordenamento curricular do que restar do ano letivo de 2020 e o do ano letivo seguinte, pode ser reprogramado, aumentando-se os dias letivos e a carga horária do ano letivo de 2021 para cumprir, de modo contínuo, os objetivos de aprendizagem e desenvolvimento previstos no ano letivo anterior”, explica o texto, deixando a entender que as aulas de 2021 poderão ser mais longas para reprisar o conteúdo de 2020. Por enquanto, o estado de São Paulo foi o único que declarou que acatará a proposta em sua rede estadual. No caso de instituições privadas e de ensino superior (escolas particulares e universidades), a decisão fica por conta da própria diretoria. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Como pagar iFood com saldo do PicPay

canaltech O PicPay (Android | iOS) permite aos seus usuários algumas interações entre serviços através da plataforma. O aplicativo de pagamentos, dispõe por padrão alguns benefícios como pagar boletos, carregar créditos de celular, realizar pagamentos por QR Code e até mesmo receber dinheiro de volta, através de cashback. PicPay: como colocar ou sacar dinheiro pelo aplicativo Como mudar o e-mail do PicPay no app Como usar o PicPay para receber pagamentos Mas você também pode utilizar seu saldo no PicPay em serviços como Uber, Steam, Google Play Store, Netflix e iFood. Sendo assim, através da plataforma é possível adquirir créditos e pagar outros aplicativos com muita facilidade. Como funciona o iFood Loop, seleção de pratos a partir de R$ 10 Como pedir comida no iFood pelo computador Como usar o Google Pay no iFood Em nossa matéria, descubra como pagar pedidos no iFood com seu saldo do PicPay. O seguinte tutorial foi realizado através do aplicativo oficial do iFood (Android | iOS | Web). -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Como pagar iFood com saldo do PicPay Passo 1: na página inicial do PicPay, acesse o ícone do iFood em "Sugestões"; Toque em "iFood" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 2: nesta página, você poderá comprar créditos na plataforma que podem ser resgatados através do código gerado no PicPay. Para isso, selecione um dos valores disponíveis; Selecione qual será o valor de créditos adicionado - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 3: em seguida, selecione entre suas formas de pagamento "Saldo PicPay" na parte inferior da página. Então toque em "Pagar"; Selecione o Saldo do PicPay e toque em "Pagar" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 4: então o código de seus créditos será gerado e poderá ser resgatado através do aplicativo do iFood. Ao pressionar e segurar em cima de seu código, você poderá copiá-lo para sua área de transferência. Essa opção, também é interessante caso deseje dar créditos de iFood de presente para alguém. Então copie o código gerado pelo PicPay - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Como resgatar créditos no iFood  Passo 1: na página inicial do iFood, acesse a aba "Perfil" como indicado na imagem abaixo; No menu principal acesse a aba "Perfil" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 2: em seguida, toque em "Carteira"; Toque em "Carteira" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 3: nessa página, você poderá visualizar o saldo disponível na plataforma, adicionar formas de pagamento e resgatar créditos. Então toque em "Resgatar iFood Card"; Acesse a opção "Resgatar iFood Card" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 4: depois, insira o código que foi gerado através do PicPay. Para prosseguir, toque em "Continuar"; Toque em "Confirmar" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 5: confira se o valor corresponde ao valor de créditos comprados, depois toque em "Continuar'; Toque em "Confirmar" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 6: por fim, seus créditos terão sido adicionados ao seu saldo do iFood; Toque em "Voltar para carteira" - (Captura: Canaltech/Felipe Freitas) Passo 7: você poderá utilizar seu saldo para fazer pedidos na plataforma habilitando a opção "Saldo da carteira" durante seus pedidos. Para utilizar seu saldo ative a opção "Saldo da carteira" - (Captura; Canaltech/Felipe Freitas) Pronto! Agora você sabe como pagar pedidos do iFood com seu saldo do PicPay. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Microsoft Edge ganha comparador de preços e captura de tela

Microsoft Edge ganha comparador de preços e captura de tela

Tecmundo O navegador Microsoft Edge ganhou novas ferramentas de comparação de preço e captura de tela em uma atualização que foi liberada neste mês. Com pequenas mudanças aqui e acolá, o navegador espera melhorar a experiência dos usuários. O recurso de comparação de preços funciona enquanto o usuário faz compras online. Para ver uma análise dos preços, é preciso criar uma lista de produtos dentro de uma Coleção e selecionar a opção "comparar preço com outros varejistas".Leia mais... Veja Mais

NASA captura evento solar difícil de ser registrado e resolve mistério

NASA captura evento solar difícil de ser registrado e resolve mistério

Tecmundo Capturas realizadas pelo satélite Interface Region Imaging Spectrograph (IRIS), utilizado para coletar informações a respeito do movimento de calor e energia do Sol nas camadas mais baixas do astro, trouxeram à luz um fenômeno difícil de identificar, o nanojato, supostamente responsável por impulsionar o aquecimento da atmosfera externa da estrela e elevá-la a temperaturas assustadoramente altas (milhões de graus). Os resultados da análise das imagens, publicados na revista Nature Astronomy, empolgaram a comunidade científica.Tais movimentos, além de serem pequenos (quando comparados à grandiosidade de outras manifestações), ocorrem, normalmente, em alta velocidade, o que dificulta sua identificação. Entretanto, no dia 3 de abril de 2014, pesquisadores da NASA notaram jatos brilhantes durante um evento chamado chuva coronal, no qual gigantescas precipitações de plasma, ou gás eletrificado, gotejam da atmosfera externa. Nele, plasma resfriado caiu da coroa em uma superfície bem mais "fresca" do local e revelou, pela primeira vez em detalhes, como o processo funciona.Leia mais... Veja Mais

Maia diz que PEC Emergencial é a prioridade e 'reforma das reformas' de 2020

O Tempo - Política Ao lado do ministro da Economia, Paulo Guedes, presidente da Câmara participou da apresentação da proposta de agenda legislativa da frente da reforma administrativa Veja Mais

Globoplay já tem 20 milhões de usuários e é líder nacional de streaming

canaltech Responda rápido: qual é a maior plataforma de streaming de vídeos do Brasil? Caso tenha respondido “Netflix”, saiba que a sua conclusão está, em parte, incorreta. Esse título vai para a Globoplay, do Grupo Globo, que atualmente possui nada menos do que 20 milhões de usuários únicos ativos, segundo uma recente pesquisa de mercado. As estatísticas foram coletadas pela Fundação Getulio Vargas, Research and Markets e Conviva. Globoplay lança pacotes com canais ao vivo da Globo no streaming; veja os preços Globoplay passa a oferecer SporTV, Multishow e mais em assinatura única Netflix já tem mais assinantes do que a TV paga no Brasil Vale a pena observar, porém, que isso não significa que o Globoplay ultrapasse a Netflix no número de assinantes — como a própria companhia esclarece ao site Minha Operadora, esses 20 milhões são referentes aos usuários únicos, que diverge do número de assinaturas por conta da quantidade de pessoas que podem acessar uma única conta, por exemplo, dentre vários outros fatores. Ademais, vale lembrar que a Globoplay possui conteúdos de acesso livre, enquanto a Netflix obriga o pagamento de uma mensalidade para assistir a qualquer filme ou seriado. A companhia inclusive retirou recentemente seu teste gratuito em nosso país, sendo impossível experimentar o serviço sem pagar nada. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Mundialmente falando, a Netflix acumula 190 milhões de assinantes, contra 150 milhões do Amazon Prime Video, 60,5 milhões do Disney+, 33 milhões do Apple TV+ e 4,1 milhões do HBO Max. No Brasil, a pioneira ostenta 17 milhões de assinantes ativos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

The West Wing: HBO Max divulga trailer oficial do especial

The West Wing: HBO Max divulga trailer oficial do especial

Tecmundo O especial que reunirá o elenco da série da NBC, The West Wing (Nos Bastidores do Poder), teve seu trailer divulgado pelo serviço de streaming HBO Max.O especial, intitulado A West Wing Special to Benefit When We All Vote, trará o elenco original da série, formado por Rob Lowe, Dulé Hill, Allison Janney, Janel Moloney, Richard Schiff, Bradley Whitford e Martin Sheen. O ator de This Is Us, Sterling K. Brown se junta ao elenco para substituir John Spencer, que faleceu em 2005.Leia mais... Veja Mais

TRE impede que Fabiano Cazeca use recursos públicos durante a campanha

O Tempo - Política Decisão ocorre no processo em que o Ministério Público Eleitoral pede a impugnação do candidato Veja Mais

Bolsonaro chama críticas de indicação ao STF de ‘baixaria’ e culpa ‘direita burra’

Valor Econômico - Finanças "Todo mundo tem o seu nome dos sonhos para colocar lá. Mas esse nome dos sonhos é difícil de colocar." O presidente Jair Bolsonaro justificou hoje a indicação de Kassio Marques ao Supremo Tribunal Federal (STF) dizendo que "tem que compor" e que é difícil colocar o "nome dos sonhos" na mais alta corte do país. "Chegaram até a mim dez nomes para o Supremo; bons nomes, mas eu tenho que compor", afirmou Bolsonaro. "Todo mundo tem o seu nome dos sonhos para colocar lá. Mas esse nome dos sonhos é difícil de colocar." A fala do presidente, em sua live semanal nas redes sociais, ocorre em meio a fortes críticas de membros mais ideológicos de sua base à indicação do desembargador. Os apoiadores veem o perfil de Marques como pouco conservador, desarmamentista e ligado ao PT — pelo fato de ter sido alçado ao posto de desembargador durante os governos petistas. Bolsonaro rechaçou essas afirmações, exemplificando que o ministro Tarcísio de Freitas (Infraestrutura), um de seus auxiliares mais elogiados, também trabalhou no governo durante a gestão Dilma Rousseff. E que Fernando Azevedo, antes de ser nomeado ministro da Defesa, era assessor do ministro do STF Dias Toffoli, um dos mais odiados pelo chamado bolsonarismo raiz. Bolsonaro queixou-se da "direita burra" que o critica nas redes sociais, lembrando que muitos não eram nascidos quando ele já lutava contra a esquerda durante sua juventude no Vale do Ribeira. "É a direita burra, moleque fedelho. Que quando eu lutei na luta armada lá no Vale do Ribeira nem era nascido. Agora vem criticar com baixaria", afirmou. Usa inteligência para criticar. É triste tratar desta forma as pessoas." Bolsonaro disse ainda que "as pessoas mudam" e lembrou que ele apoiou Hugo Chávez quando ele chegou ao poder na Venezuela, em 1999. "Em 1999 apoiei Hugo Chávez. É verdade", afirmou. "Quando Chávez chegou ao poder em 1999, achei uma maravilha. Era colega, paraquedista, achei uma maravilha. Mas depois fez besteira." Marcos Oliveira/Agência Senado Veja Mais

Horário eleitoral tem histórico de ataques baixos e homofobia

O Tempo - Política Propaganda eleitoral gratuita começa nesta sexta-feira (9); veja alguns dos ataques que chocaram e tiveram grande repercussão Veja Mais

Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers

canaltech A chegada da nova geração de consoles vai trazer um pouco do que os jogadores de PC já têm à disposição há algum tempo: tempos menores de loading e renderizações mais rápidas. Isso é possível, também, graças a um bom armazenamento SSD de alta velocidade. Com isso em mente, a Western Digital, muito presente nesse mercado, apresentou três modelos sob a linha WD Black, que chegarão ao Brasil em novembro. SSD vs HDs mecânicos em notebooks: é assim que funcionam na prática Primeiro HD com capacidade de petabytes deve ser feito de... vidro Tudo o que você precisa saber sobre SSDs e nunca te falaram Entre as novidades está o primeiro SSD NVMe da marca com tecnologia PCIe Gen4, um SSD PCIe Gen3 x8 para expansão de armazenamento que aceita instalação de sistema operacional e boot, além de um armazenamento externo SSD NVMe para gamers equipado com Thunderbolt 3, cada um oferecendo opções de iluminação RGB. SSD NVMe WD_BLACK SN850  Modelo de entrada da linha WD_Black, o SN850 é equipado com a tecnologia PCIe Gen4, sendo capaz de entregar rápidas velocidades de leitura/escrita de até 7.000/5.300 MB/s (modelo de 1 TB). Construído com o controlador WD_BLACK G2 e otimizado para sessões de jogos esse SSD reduz tempo de carregamento de jogos e transfere arquivos mais rápido que seu antecessor, usando uma nova tecnologia de cache. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Imagem: Divulgação/Western Digital Além da alta performance, o SN850 também entrega uma menor taxa de rejeição de comandos de input e output (I/O) em relação ao modelo anterior, permitindo os usuários tenham uma experiência mais suave ao carregar programas. No campo do design, haverá um modelo com dissipador de calor e iluminação RGB opcional que reduz a ocorrência de controle térmico. O SSD NVMe WD_BLACK SN850 sem dissipador de calor estará disponível em modelos de 500 GB, 1 TB e 2 TB de capacidade. Add-in-Card SSD NVMe WD_BLACK AN1500 O AN1500 promete ser uma solução prática e potente para jogadores sem que eles tenham que modificar muito seus setups. Equipado com dois SSDs internos em RAID 0 e tecnologia PCIe Gen3 x8, os usuários poderão experimentar velocidades de leitura de até 6.500 MB/s e até 4.100 MB/s de escrita (modelos de 2 TB e 4 TB), proporcionando jogabilidade extremamente veloz para que passem menos tempo esperando — e mais jogando. Imagem: Divulgação/ Western Digital Esse modelo também possui outras facilidades, como instalação de sistema operacional e a possibilidade de realizar o boot. Ele também é equipado com iluminação RGB personalizável e um dissipador de calor integrado para ajudar no controle térmico. O add-in-card SSD NVMe WD_BLACK AN1500 está disponível com capacidades de 1 TB, 2 TB e 4 TB. SSD NVMe WD_BLACK D50 Game Dock Este armazenamento externo compacto foi pensado para notebooks que possuem a entrada Thunderbolt 3 e que querem transformar suas máquinas em computadores ainda mais afeitos para jogos. Este modelo oferece velocidades ultrarrápidas com tecnologia NVMe, maior capacidade para jogos e várias portas para acessórios - tudo alimentado por um único cabo Thunderbolt 3. O SSD NVMe WD_BLACK D50 Game Dock também oferece iluminação RGB personalizável, controlada pelo WD_BLACK Dashboard. Imagem: Divulgação/ Western Digital O SSD NVMe WD_BLACK D50 Game Dock está disponível com 1 TB de capacidade. Há, também, a opção que não é SSD, o WD_BLACK D50 Game Dock, também de 1 TB. Preços e disponibilidade SSD NVMe WD_BLACK SN850 - A partir de US$ 129 (R$ 721 na conversão direta) Add-in-Card SSD NVMe WD_BLACK AN1500 - A partir de US$ 299 (R$ 1672) SSD NVMe WD_BLACK D50 Game Dock - US$ 499 (R$ 2.790) WD_BLACK D50 Game Dock - US$ 319 (R$ 1.783) Todos os produtos chegam ao Brasil em novembro com preços ainda a serem definidos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Telescópio Gaia encontra sua primeira estrela binária simbiótica Veja Mais

Bolsonaro diz que, para seu governo, "não tem Lava-Jato"

Valor Econômico - Finanças Ele ainda indicou que poderá haver ações contra outras autoridades por cinta de desvios na área da saúde. "O Covidão nem começou ainda", disse O presidente Jair Bolsonaro tentou explicar hoje a declaração dada por ele ontem de que acabou com a Lava-Jato "porque não tem mais corrupção no governo". Segundo Bolsonaro, a frase não significa que ele esteja tentando sabotar a operação, que teve como um dos principais ícones o ex-ministro da Justiça, Sergio Moro, que se tornou seu desafeto. "Para os demais Estados, para outras regiões, continua tendo", disse ele em sua live semanal no Facebook. "Ontem mesmo teve operação da PF." Bolsonaro ainda fez referência às diversas acusações sobre desvios de recursos públicos durante a pandemia, comparando um potencial escândalo ao mensalão, que manchou o primeiro mandato do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "O Covidão nem começou ainda", disse. Jair Bolsonaro AP Foto/Eraldo Peres Veja Mais

POCO explica o motivo de rebatizar celulares da Redmi

canaltech Você deve ter reparado que a maior parte dos celulares lançados pela POCO até agora, desde que a empresa se tornou independente, são um Redmi rebatizado para o público indiano, certo? O único modelo realmente novo até agora é o POCO X3 NFC, lançado recentemente no Brasil. POCO X3 NFC chega ao Brasil com recursos de ponta a partir de R$ 2.999 Poco C3 é anunciado como mais um Redmi requentado Como ver o espaço ocupado por aplicativos e arquivos na MIUI 12 De resto, sempre há um Redmi igual no mercado chinês, como é o caso mais recente do POCO C3, que nada mais é do que o Redmi 9C. Alguns até possuem alguma diferença de hardware, como o Poco F2 Pro, que traz opção com menos memória RAM que sua contraparte Redmi K30 Pro Zoom. Mas, no geral, um projeto já pronto é rebatizado sob uma nova “grife” na Índia, mesmo. O diretor regional da POCO, Anuj Sharma, deu uma entrevista ao site The Indian Express, na qual garante que os celulares da marca são “versões melhoradas e com melhor valor para o consumidor” do que os da Redmi. Ambas são empresa independentes da Xiaomi para criar e promover seus celulares, mas ainda utilizam até mesmo a interface do sistema, a MIUI. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Tipo White Label “A POCO ainda é uma marca nova, e projetar celular para todas as faixas é uma tarefa difícil”, explicou Sharma. Por isso, a companhia reaproveita projetos de outra marca também da Xiaomi, uma coisa já feita por outras chinesas no passado. “O primeiro celular da OnePlus — o OnePlus One — era um smarphone rebatizado da OPPO, e a Realme começou com um caso similar”, lembrou o executivo. Tanto a OnePlus quanto a Realme são “submarcas” que pertencem à mesma dona da OPPO, a BBK Electronics. De fato, não há nenhum problema em rebatizar um celular, e há vários casos de marcas que compram um projeto e lançam com sua própria marca. É um processo chamado White Label, quando uma empresa permite que outra explore sua tecnologia comercialmente. Isso não é exclusivo da indústria de eletrônicos, e é ainda mais fácil e comum quando as duas marcas pertencem à mesma empresa. No caso da POCO, a ideia é continuar a aproveitar plataformas da Xiaomi, incluindo a MIUI, no futuro próximo, e a marca não pretende criar uma interface própria tão cedo. Por enquanto, a empresa expandiu os mercados, chegando de maneira oficial ao Brasil com o lançamento do POCO X3 NFC, feito nesta quinta-feira (8), além da promessa de mais novidades para o país no futuro. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Frente parlamentar propõe incluir atuais servidores na reforma administrativa

G1 Economia Proposta enviada pelo governo vale apenas para futuros servidores. Tramitação ainda aguarda retomada dos trabalhos na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara. Frente parlamentar propõe incluir atuais servidores públicos na reforma administrativa A Frente Parlamentar Mista da Reforma Administrativa no Congresso Nacional lançou nesta quinta-feira (8) uma agenda prioritária em que defende a inclusão dos atuais servidores públicos e dos chamados "membros de poderes", como magistrados e parlamentares, na reforma administrativa. O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o ministro da Economia, Paulo Guedes, participaram do evento. Foi o primeiro encontro público dos dois desde o jantar de "reconciliação" na última segunda (5), em que ambos pediram desculpas mútuas por atritos recentes. A proposta do governo enviada em setembro ao Congresso não atinge os atuais servidores nem quem vier a ser admitido no serviço público antes da promulgação das regras. A PEC também não mexe na estabilidade ou nos vencimentos desses funcionários públicos. O texto prevê novas regras apenas para futuros servidores dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário da União, estados e municípios. O presidente da Câmara disse concordar com o texto original do governo. Ele defendeu que a proposta trate apenas dos futuros servidores e não atinja os atuais. Maia explicou que alterar um "direito adquirido" e mexer nas carreiras de funcionários que estão na ativa pode "atrasar e judicializar" o debate em torno da reforma. O deputado ainda disse que, caso o texto seja aprovado e implementado, inicialmente o serviço público contaria com dois modelos de carreira — o dos servidores antigos e o dos novos, já impactados pelas mudanças da reforma. De acordo com o parlamentar, isso ajudará na "competição" e "qualidade do serviço público". "Acho que o mais importante é um consenso que existe entre todos nós de que nós devemos tratar de todos os poderes daqui para frente. E o que for para trás podemos tratar por lei, de outras formas para que a gente já possa ter resultados. Mas que isso não não entre no direito adquirido dos servidores porque vai travar a reforma e nós vamos acabar ficando sem nada, nem o futuro e nem resolvendo o passado", disse. Reforma administrativa 'fake' não afeta principais destinatários de privilégios, diz especialista Ele esclareceu que as regras que envolvem atuais servidores poderão ser tratadas "de outras formas", em leis futuras. "Acho que o mais importante é um consenso que existe entre todos nós de que nós devemos tratar de todos os poderes daqui para frente. E o que for para trás podemos tratar por lei, de outras formas para que a gente já possa ter resultados", afirmou. Rodrigo Maia disse que a comissão especial da PEC da reforma administrativa deverá ser instalada em duas ou três semanas. O deputado cogitou também a criação de uma comissão mista, com a participação também de senadores, e disse que a Câmara não busca o "protagonismo" e sim uma "união de esforços". Comissão apresenta agenda da reforma administrativa Outros poderes A reforma enviada pelo governo também deixa de fora os chamados "membros de poderes": parlamentares, magistrados, promotores, procuradores e militares. De acordo com o governo, essas categorias estão sujeitas a regras diferentes das demais. Maia defendeu que a reforma seja "ampla" e mexa na estrutura de todos os poderes, Legislativo, Judiciário e Executivo. O presidente da Câmara reconheceu que há "jurisprudência" para que um poder, como o Legislativo, aprove uma lei que altere as regras de outro, como o Judiciário, por exemplo. Segundo o deputado, o Congresso pode deliberar sobre as mudanças da carreira dos funcionários da Justiça. "Do nosso ponto de vista, nós podemos, sim, tratar de outros poderes", ponderou. "Estamos juntos pelas reformas", diz Paulo Guedes Com Guedes Maia e Guedes trocaram elogios durante o evento. Nesta segunda-feira (5), os dois pediram desculpas mútuas após atritos nas últimas semanas. O presidente da Câmara parabenizou o ministro pelo "esforço enorme" de Guedes ao defender "agendas difíceis". O ministro da Economia retribuiu agradecendo o apoio do parlamentar. "O Brasil está acima de quaisquer diferenças que possamos ter, que são pequenas. Agradecer o apoio do presidente Maia, desde o primeiro dia. Estamos juntos pelas reformas. Vamos seguir nessa linha de transformação do estado", afirmou Guedes. Propostas O documento da frente parlamentar está alicerçado em três eixos: redução de distorções, modernização do processo de gestão de pessoas e segurança jurídica, com objetivos de curto e de médio prazos. Além da inclusão de servidores atuais e membros de Poder, a frente defende outras mudanças na PEC apresentada pelo governo. Segundo os parlamentares, as mudanças a serem sugeridas em emendas ao projeto incluem: proibir licença remunerada para disputa eleitoral; proibir aposentadorias e pensões vitalícias; possibilitar que o pagamento de abono permanência seja opcional; estabelecer a necessidade de processo seletivo para a maior parte dos cargos de liderança e assessoria; determinar que lei complementar vai regulamentar a perda do cargo - não uma lei de cada ente, como sugere a proposta do governo; retomar a exigência de Escolas de Governo, retirada na PEC, mas sem previsão de impacto nos planos de carreira; retirar a possibilidade de extinção, transformação e fusão de órgãos da administração direta, indireta, autárquica e fundacional. Também participaram do evento no Salão Negro do Congresso Nacional o secretário especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital do Ministério da Economia, Caio Paes de Andrade; o presidente da frente, deputado Tiago Mitraud (Novo-MG), e os vice-presidentes da frente, senadores Antonio Anastasia (PSD-MG) e Kátia Abreu (PP-TO). Projetos de lei Além dessas alterações na proposta de emenda à Constituição, o grupo defende que outras propostas sejam tratadas por projetos de lei simples – que têm tramitação mais rápida e dependem de menos votos para a aprovação. A frente parlamentar advoga, no entanto, que esses textos sejam apresentados "em um segundo momento", após alinhamento com os relatores das matérias. Isso, porque muitas das propostas já estão em tramitação na Câmara, em projetos apresentados em outros momentos. Veja as propostas dos parlamentares por tema: Redução das 'distorções' - A frente parlamentar defende a regulamentação das categorias, por meio de um projeto que já tramita na Câmara. Os detalhes, porém, ainda devem ser definidos com o relator. Gestão de pessoas - Os parlamentares sugerem a criação de um Órgão Central de Políticas de Gestão de Pessoas, uma ideia que ainda será apresentada ao Poder Executivo. Além disso, o grupo apoia uma "modernização" do concurso público. Neste caso, já há um projeto de lei que tramita na Câmara desde 2003. Segurança jurídica - A frente também propõe o aprimoramento da Lei de Improbidade Administrativa. A ideia é aproveitar um projeto que já tramita na Câmara desde 2018. Sem dar detalhes, os parlamentares afirmam que as propostas de mudança serão apresentadas ao relator da matéria. PEC parada na Câmara Protocolada há mais de um mês, a PEC ainda não começou a tramitar na Câmara porque a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) está paralisada desde março, para evitar aglomerações em meio à pandemia do coronavírus. O funcionamento remoto da CCJ depende de uma autorização a ser aprovada no plenário – que tem se reunido por videoconferência. Por falta de acordo entre os partidos, porém, a votação tem sido adiada. Vídeos Veja vídeos com notícias sobre reforma administrativas: Veja Mais

Cidadania decide se posicionar contra indicação de Kassio Marques

O Tempo - Política O diretório nacional do Cidadania também se manifestou contra a possibilidade de reeleição nas presidências da Câmara e do Senado Veja Mais

'Conversa fiada', diz Guedes sobre hipótese de fatiamento do Ministério da Economia

G1 Economia Políticos do Centrão, bloco de partidos que dá apoio ao governo no Congresso, argumentam que 'superministério' de Guedes tem muitas atribuições e defendem desmembramento. O ministro Paulo Guedes classificou nesta quinta-feira como "conversa fiada" a hipótese de que o Ministério da Economia venha a ser desmembrado a fim de atender a interesses políticos do Centrão, o bloco de partidos que passou a dar sustentação ao governo no Congresso. Enquanto caminhava para participar no Congresso do evento de lançamento da "Agenda Legislativa", da Frente Parlamentar da Reforma Administrativa, Guedes foi questionado por jornalistas a respeito. "Desmembramento do Ministério da Economia?", indagou um repórter. "Conversa fiada", respondeu Guedes. Diante da insistência, o ministro tirou a máscara, mostrou o rosto para o jornalista e sorriu. Em transmissão ao vivo em uma rede social, no início da noite desta quinta, o presidente Jair Bolsonaro disse que, "no momento", não tem "interesse" em novos ministérios. "Não existe da nossa parte, no momento, nenhum interesse em recriar ministério", afirmou. Segundo informou o blog da Ana Flor no G1, lideranças do Centrão pressionam o governo pela recriação de ministérios. O objetivo seria criar novas pastas desmembrando partes do "superministério" de Guedes. Natuza Nery relembra os articuladores do Centrão de cada presidente O Planalto tem ouvido repetidos pedidos de recriação dos ministérios de Indústria e Comércio, área cobiçada pelo Republicanos, e da Previdência e Trabalho, que interessa ao PTB, informou o blog. Os partidos argumentam que Guedes administra uma estrutura muito grande e não tem conseguido pilotar todas as áreas. Recentemente, em uma investida anterior dos partidos do Centrão, Guedes chegou a afirmar que deixaria o governo se o Ministério da Economia fosse fatiado. A redução de ministérios foi uma das promessas de campanha eleitoral de Bolsonaro. Inicialmente, ele afirmava que reduziria o número de ministérios de 29 no governo Temer para 15. Atualmente, são 23. Vídeos Veja playlist de vídeos sobre as últimas notícias de política Veja Mais

Novo trailer de Mortal Kombat 11 Ultimate revela Rambo, Mileena e Rain

canaltech Atenção, kombatentes: a aguardada reedição de Mortal Kombat 11, intitulada simplesmente como Mortal Kombat 11 Ultimate, está prestes a ser lançada para PlayStation 4 e PlayStation 5. Para animar ainda mais os fãs da franquia, a Sony acaba de lançar um novo trailer do game revelando os três personagens inéditos que estarão disponíveis nesta versão definitiva da obra. São eles: Rain, Mileena e Rambo. Análise | Mortal Kombat 11 é o game definitivo da franquia Como fazer todos os fatalities de Mortal Kombat 11 Quais os 5 melhores jogos de Mortal Kombat? Após sua última aparição em MK X, o ninja da chuva retorna como lutador jogável utilizando um katar como arma para fatiar seus oponentes. Além disso, ele usa truques mágicos para abrir um portal para uma nova dimensão aquática, na qual suas habilidades ficam ainda mais poderosas. Já Mileena ganhou uma luva com garras afiadas e pode também vestir um elmo no melhor estilo Shao Kahn.   Mas o destaque fica mesmo para o icônico Rambo, que foi desenhado com um visual fidedigno ao do filme original de 1982. Ademais, ele será dublado pelo próprio Sylvester Stallone, ator responsável por personificar o personagem no longa-metragem clássico. “Trabalhamos muito para que toda linha de diálogo pareça saída direto do Rambo que os fãs conhecem e adoram”, afirma a Sony em seu comunicado oficial. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Assine o Xbox Game para PC por apenas R$ 13,99 e ganhe acesso a um pacotão com mais de 100 jogos para Windows, além de descontos exclusivos! Mortal Kombat 11 Ultimate junta todos os DLCs já lançados para o game original, incluindo o Kombat Pack 1 e da expansão Aftermath. A pré-venda do título começa já neste dia 15 de outubro, mas o lançamento oficial está previsto para dia 17 de novembro (no PS4) e 19 de novembro (no PS5, que terá uma versão própria com gráficos e performance aprimorados). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Carro da Tesla que viaja no espaço se aproxima de Marte

Carro da Tesla que viaja no espaço se aproxima de Marte

Tecmundo Depois de viajar mais de 2 bilhões de quilômetros pelo espaço, o Tesla Roadster “dirigido” pelo manequim Starman fez a sua primeira aproximação de Marte, nesta quarta-feira (7). De acordo com a SpaceX, ele chegou a menos de 8 milhões de quilômetros de distância do planeta.“Starman, visto pela última vez saindo da Terra, fez sua primeira aproximação com Marte hoje, dentro de 0,05 unidades astronômicas, ou menos de 5 milhões de milhas, do Planeta Vermelho”, escreveu a empresa em seu perfil oficial no Twitter.Leia mais... Veja Mais

POR QUE SENTIMOS VERGONHA?

POR QUE SENTIMOS VERGONHA?

 Minutos Psíquicos Você é dessas pessoas que sente vergonha muito fácil? Hoje vamos falar um pouco sobre o que está por detrás dessa emoção e como você pode começar a lidar melhor com ela. Agradecimento especial aos nossos apoiadores no YouTube, no Patreon e no APOIA.SE: Uriel Marx Josue Caetano Juliana Pereira Masashi Inoue Gabriel Tamassia Martinez Fernando da Silva Trevisan Cláudio Toma Angelo Thomazini Anderson Santos da Silva Mathias Gheno Azzolini Marco Aurélio Roncatti Ingrid Philigret de Brito Paulo André Batista Araújo Adinael Fernandes da Silva Tatsuo Adachi Ana Carolina Alves Feitosa Kleber Pereira Thaís Canto Renan Fernandes Elisangela de Moura Gonçalves Mônica Almeida Roger Hendryo de Oliveira Simone Souza Raquel Aquino Débora Medeiros Antonio Rosasse William Oliveira ingridpsi Ana Cláudia Tiago Cruz Jose Luis Fernandes Maísa Barbosa Brum Michel Rezende Artur Luft Gacha Trevisani Josi Silva Andre Elton Mayara Silva Rafael Haruin Nanci Cuozzo Luciana Santa Fé Antonio Neto André Timm LUCIANA SANTOS Heloisa Moura Antonia Braz Danilo Oliveira Ana Carolina Zortea Suellen Santos Vanessa Ariane Ribeiro Ana América Oliveira de Arruda rigen doragon Sawabonas Joao Freire Franca Murilo Juliana Belko Ines Cozzo Fernanda Wanderlind Leandra Garcez Sabrina Morais Adriana Araújo Bruno Andrade Nildson Loki Karen Castro Carmen Adell André Luiz Thieme Robson Tulio Furtado Roberta Coeli Neves Moreira Mírian Batista LEONARDO AUGUSTO DE FREITAS Flávio Wilson Campos de Carvalho Núbia Cristina Cardoso Fernanda Wanderlind Luciano Mesquita de Sousa Marcia Solange Braz Sobrinho Telma de Souza Castelan Keila Cristina Grassi Lourenço Rafael Marques dos Santos Marcia Miyuki Noda Livi Fernanda Regina Mistieri INCENTIVE O MINUTOS PSÍQUICOS :) Torne-se um apoiador nosso no YoutTube, Apoia.se ou Patreon: ● https://www.youtube.com/channel/UCFiEI1kDHlO9UQtxx0wj-XA/join ● https://apoia.se/minutospsiquicos ● http://www.patreon.com/minutospsiquicos REDES SOCIAIS ● Facebook: https://www.facebook.com/minutospsiquicos/ ● Twitter: https://twitter.com/minutopsiquicos ● Instagram: https://www.instagram.com/minutospsiquicos/ CRÉDITOS ● Pesquisa, roteiro, apresentação, narração e edição: André Rabelo (@oandrerabelo) ● Ilustração e apresentação: Pedro Tavares (Xicão) (@pedroxicao) ● Música: Ghosting - Adam Griffith REFERÊNCIAS E INDICAÇÕES https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/00223980.2016.1248809 https://positivepsychology.com/shame-guilt/ https://journals.sagepub.com/doi/pdf/10.1177/1077559505281430 https://www.scientificamerican.com/article/the-scientific-underpinnings-and-impacts-of-shame/ https://www.verywellmind.com/what-is-shame-425328 https://www.annualreviews.org/doi/abs/10.1146/annurev.psych.56.091103.070145 https://qz.com/1420754/these-psychologists-studied-shame-around-the-world-and-now-think-its-an-essential-part-of-human-evolution/ https://www.frontiersin.org/articles/10.3389/fpsyg.2016.00557/full https://www.huffpostbrasil.com/entry/shame-psychology-evolution_n_56d4428ce4b0871f60ebf5c9?ri18n=true https://www.psychologicalscience.org/news/full-frontal-psychology/the-shame-of-the-alcoholic.html https://www.vox.com/first-person/2019/4/18/18308346/shame-toxic-productive https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1002/j.1556-6678.2006.tb00390.x https://www.researchgate.net/publication/8163712_Acute_Threat_to_the_Social_Self_Shame_Social_Self-esteem_and_Cortisol_Activity https://www.pnas.org/content/early/2016/02/17/1514699113.abstract https://www.sciencedirect.com/science/article/abs/pii/S0273229704000401?via%3Dihub https://gohighbrow.com/breaking-the-shame-spiral-with-cognitive-behavioral-therapy/ https://youtu.be/RMV9w8SpI5o https://psycnet.apa.org/record/2010-24308-005 https://psycnet.apa.org/record/2007-05228-012 https://journals.sagepub.com/doi/abs/10.1037/a0025754 #vergonha #timidez #culpa Veja Mais

Câmara Hoje - Frente apresenta mudanças na proposta enviada pelo governo - 08/10/2020

Câmara Hoje  - Frente apresenta mudanças na proposta enviada pelo governo - 08/10/2020

Câmana dos Deputados Frente Parlamentar pela Reforma Administrativa apresentou nesta quinta-feira sugestões de mudanças na proposta enviada pelo governo.O presidente da Câmara e o ministro da Economia, participaram dos debates. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Pix coloca BC como elo no mercado de pagamentos

Valor Econômico - Finanças Regulador centralizará liquidação e base de identificação O Pix transformou o Banco Central (BC) num agente do ecossistema de pagamentos e indutor da tecnologia necessária para realizar as transações instantâneas. A situação é nova no mercado brasileiro e foi pensada para assegurar a neutralidade do serviço, mas vai exigir do regulador a capacidade de manter os sistemas atualizados. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Médico da Casa Branca diz que Trump completou tratamento para covid-19

Valor Econômico - Finanças Segundo o memorando de Sean Conley, “Trump respondeu extremamente bem ao tratamento”; segundo o médico, o presidente americano poderá realizar eventos públicos a partir de sábado (10) O médico da Casa Branca, Sean Conley, informou em memorando nesta quinta-feira (8) que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, concluiu o tratamento para a covid-19. O mandatário americano voltou à Casa Branca na segunda-feira (5), após ficar três dias internado em um hospital militar para o tratamento da infecção causada pelo novo coronavírus. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Vacinas contra a COVID-19 podem alterar nosso DNA?

canaltech A internet é um campo minado, onde se deve ter cuidado o tempo todo com a veracidade das informações. Recentemente, vídeos apontaram que as vacinas contra a COVID-19 que usam a técnica mRNA poderiam causar defeitos genéticos irreversíveis e alterar nosso código genético. No entanto, isso não é verdade. As vacinas desse tipo não interferem no DNA humano e não são capazes de provocar danos genéticos. Ministro da Saúde afirma que vacina contra COVID-19 chegará, em breve, no SUS Quanto vão custar as primeiras vacinas contra COVID-19? Estas são as vacinas da COVID-19 na reta final de testes; saiba tudo sobre elas! Um desses vídeos, aliás, ainda afirma que nanopartículas serão instaladas nas doses da vacina para monitorar quem for imunizado, com a participação de Bill Gates. No entanto, Isso também não é verdade. O que acontece é que uma das vacinas em desenvolvimento contra a COVID-19 é a INO-4800, da empresa Inovio, que recebeu uma doação da Fundação Bill & Melinda Gates, e usa uma tecnologia para aumentar a permeabilidade da membrana das células. Inúmeras empresas estão dedicadas a encontrar uma vacina contra a COVID-19, e dentre as candidatas, as que utilizam o mRNA são: Moderna, BionTech (desenvolvida em parceria com a Pfizer), Curevac, Arcturus e People’s Liberation Army (PLA) Academy of Military Sciences/Walvax Biotech. Na prática, vacinas de mRNA têm fragmentos do código genético do vírus, o RNA, que é introduzido nas células do paciente e faz com que o próprio corpo humano passe a produzir essas proteínas do vírus. No entanto, são desenvolvidas para não interferir no DNA humano e são incapazes de causar danos genéticos. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Não, vacinas contra COVID-19 não servem para te espionar nem para mudar seu DNA (Imagem: Karolina Grabowska/Pexels) Em entrevista ao Estadão, Cristina Bonorino, professora titular da Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre (UFCSPA) e membro do comitê científico da Sociedade Brasileira de Imunologia, aponta que não há evidência nenhuma de que essas vacinas possam causar danos genéticos. “Já fazia muito tempo que essa discussão estava em andamento para liberar essas vacinas porque tem evidência robusta de que ela funciona e ela não tem efeitos adversos graves”, afirmou. A afirmação de que Bill Gates financia uma vacina que usa o mRNA e que vai controlar os dados de quem a tomar é inverídica, e já falamos sobre isso no Canaltech. Nenhuma das vacinas financiadas por Bill Gates usa partículas que causarão danos ao nosso organismo ou controlarão os dados. Em março, Bill Gates afirmou que “eventualmente, nós teremos alguns certificados digitais para mostrar quem se recuperou ou foi recentemente testado ou, quando houver uma vacina, quem a recebeu", mas isso não coloca a vacina como forma de controle social. Como saber se uma informação é verdadeira? No início do ano, o Canaltech trouxe uma lista de cinco sites e dicas para você poder validar a veracidade de uma notícia. Antes de acreditar em uma informação (e principalmente compartilhar), vale dar uma olhada em um desses sites para checar a veracidade. É muito importante ficar atento a estas dicas, pois compartilhar fake news pode induzir pessoas a cometerem erros. Combater o compartilhamento de falso conteúdo é uma responsabilidade de todos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Ondas gravitacionais podem revelar formato de buracos negros após colidirem

canaltech Buracos negros não podem ser observados, pois não produzem nem refletem luz, mas isso não impede que os cientistas consigam detectá-los e saber algumas coisas sobre eles. Há alguns meios de fazer isso, e um deles é através das ondas gravitacionais durante uma colisão. Um novo estudo publicado na Nature mostra como as ondas geradas pela colisão entre dois buracos negros podem revelar detalhes sobre a forma que os objetos ganham ao se fundirem. Ondas gravitacionais podem solucionar mistério sobre explosão de supernovas Detectadas mais ondas gravitacionais geradas por colisão de estrelas de nêutrons Encontrados "ecos" no espaço que contrariam a teoria da relatividade de Einstein A colisão entre dois buracos negros é um dos eventos mais cataclísmicos do universo. Estes objetos são altamente massivos e exercem grande força gravitacional sobre outros corpos que se aproximam. Quando são dois buracos negros se atraindo de modo que a colisão se torna inevitável, ondas de choque gravitacionais são produzidas no tecido do espaço-tempo, mais ou menos como as ondulações que aparecem nas águas calmas de um ao jogarmos uma pedra. Essas ondas foram previstas por Einstein na Teoria da Relatividade Geral, mas a primeira detecção de uma onda gravitacional só aconteceu em 2016, quando os cientistas conseguiram encontrar sinais de uma colisão entre dois buracos negros. Quando um impacto desse tipo acontece, uma enorme quantidade de energia é liberada enquanto um novo buraco negro se forma como resultado da fusão. Mas qual é o formato deste novo buraco negro? É isto que os autores do novo estudo querem saber. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Por isso, eles propõem um método que usa as próprias ondas gravitacionais geradas pelo impacto para medir e observar o buraco negro resultante. Os cientistas especulam que após uma fusão, o comportamento deste novo objeto criado é a chave para compreendermos melhor a gravidade. O coautor do estudo Christopher Evans diz que a equipe fez simulações de colisões de buracos negros usando supercomputadores e comparou a forma do novo buraco negro com as as ondas gravitacionais que ele emite. Ilustração artística de uma cúspide de buraco negro (Imagem: Reprodução/C. Evans; J.C. Bustillo) Assim, eles notaram que “esses sinais são muito mais ricos e complexos do que comumente se pensa, o que nos permite aprender mais sobre a forma extremamente mutável do buraco negro final”. Conhecidos como “chirps”, os sinais emitidos por essas ondas gravitacionais são bem simples e, conforme os dois buracos negros se aproximam, o sinal indica a velocidade e o raio da órbita. “O tom e a amplitude do sinal aumentam à medida que os dois buracos negros se aproximam cada vez mais rápido”, explica outro autor do estudo, Calderón Bustillo. “Após a colisão, o buraco negro remanescente final emite um sinal com um tom constante e amplitude decrescente — como o som de um sino sendo tocado”. Uma estranha surpresa Todas essas as conclusões da simulação são consistentes com as observações de ondas gravitacionais realizadas, mas os autores do estudo descobriram algo completamente diferente quando a colisão for observada de outro ponto de vista, a partir do “equador” do buraco negro final. Ao fazer isso, eles viram um sinal mais complexo, “com um tom que sobe e desce algumas vezes antes de morrer”, explica o professor Bustillo. "Em outras palavras, o buraco negro na verdade [emite] chirps várias vezes". Isso foi uma descoberta inesperada, e a equipe percebeu que esse fenômeno está relacionado à forma do buraco negro final. “Quando os dois buracos negros ‘pais’ são de tamanhos diferentes, o buraco negro final inicialmente parece uma castanha, com cúspide de um lado e dorso mais largo e liso do outro”, disse Bustillo, explicando que o objeto final emite ondas gravitacionais mais intensas através de suas regiões mais curvas, que são aquelas ao redor de sua cúspide, porque o próprio buraco negro está girando. Pablo Laguna, coautor do artigo, conta que há muito tempo os cientistas conjecturam essa relação entre as ondas gravitacionais e o comportamento do buraco negro final resultante de colisões. Entretanto, o estudo dessa equipe “fornece o primeiro exemplo explícito desse tipo de relação”, afirmou o professor. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Entidades médicas rejeitam proposta do INSS para usar telemedicina em perícias

G1 Economia Proposta do INSS atende a uma determinação do Tribunal de Contas da União para ajudar a reduzir a fila de de mais de 700 mil trabalhadores que aguardam atendimento no INSS. INSS propõe ao TCU usar telemedicina na concessão do auxílio-doença Associações médicas criticaram nesta quinta-feira (8) o protocolo do Instituto Nacional de Seguro Social (INSS) que propôs o uso de telemedicina para perícias médicas em casos de auxílio por incapacidade temporária para o trabalho, o auxílio-doença. O protocolo, enviado ao Tribunal de Contas da União (TCU) na quarta-feira, é uma resposta à medida cautelar do ministro Bruno Dantas, do TCU, que deu cinco dias para que o INSS elaborasse um protocolo a fim de realizar perícias médicas com o uso de telemedicina. Segundo as últimas informações do INSS, atualmente há 1.995 peritos sem restrição de atendimento presencial. Esses médicos não fazem parte de grupo de risco da Covid-19, por exemplo. No entanto, somente 1.157 peritos médicos têm agenda ativa fazer perícias. O quadro de peritos do INSS é de 3.340. A fila do INSS para perícia médica é de mais de 700 mil pessoas. De acordo com o documento entregue pelo INSS ao TCU, a experiência-piloto com telemedicina se iniciará em 3 de novembro e vai até 31 de dezembro. No último dia 18, o governo determinou que os peritos voltassem ao trabalho presencial. A Associação Nacional dos Médicos Peritos da Previdência Social (ANMP) se posicionou contra esse retorno. A associação argumentou que as agências do INSS, reabertas depois do fechamento em razão da pandemia do novo coronavírus, ainda não cumpriam as especificações de segurança sanitária. Entidades contestam protocolo A Associação Nacional dos Médicos Peritos (ANMP) afirmou que nenhum perito médico federal participará de perícia por telemedicina. Segundo a associação, a proposta não resolve o problema das perícias porque só englobaria 10% do total de segurados. Isso porque o projeto piloto proposto pela Secretaria Especial de Previdência e Trabalho restringe o uso da telemedicina a empresas que já têm convênio com o INSS para requerimento de auxílio por incapacidade. São, em geral, grandes empresas, que têm médicos ou que contratam serviço terceirizado para atendimento médico. A Associação Nacional de Medicina do Trabalho afirmou em nota que “enquanto médico assistente do trabalhador, o médico do trabalho está impedido de realizar perícia no seu próprio paciente”. A proibição, segundo a associação, está no Código de Ética Médica. A proposta do INSS prevê que o funcionário da empresa que estiver solicitando o auxílio-doença esteja acompanhado pelo médico do trabalho da empresa no momento da perícia por telemedicina. Será esse médico do trabalho, de acordo com a proposta, que fará os testes solicitados pelo perito do INSS responsável pelo atendimento por telemedicina. Com isso, o funcionário não necessitaria ir a uma agência do INSS. A entidade dos médicos do trabalho afirmou ainda que as atividades do profissional são complexas e ocupam toda a jornada e que não é viável disponibilizar tempo para realizar “perícia médica”. “Os médicos do trabalho, por todos os motivos expostos, devem prestar assistência à saúde do trabalhador e não participar de perícia médica nos termos expostos, por ser flagrante a ofensa ao Código de Ética e às leis vigentes no país”, afirmou a associação. Veja Mais

Empresas conseguem suspender ações civis públicas milionárias no Supremo

Valor Econômico - Finanças Ministros vão decidir, em repercussão geral, abrangência territorial dos processos Grandes empresas como a Claro e o Santander conseguiram suspender a tramitação de ações civis públicas ajuizadas pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), que geralmente envolvem valores milionários. As decisões foram dadas em reclamações levadas ao Supremo Tribunal Federal (STF), com base em determinação do ministro Alexandre de Moraes. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

A Voz do Brasil - 08/10/2020

A Voz do Brasil - 08/10/2020

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Candidaturas femininas crescem, mas ainda não representam a população; ✔️Brasil terá cadastro nacional com nomes de estupradores condenados; ✔️Debatedores criticam mudanças no Conselho Nacional do Meio Ambiente. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: http://www.facebook.com/camaradeputados http://www.twitter.com/camaradeputados Conheça nossos canais de participação: http://www2.camara.leg.br/participacao/saiba-como-participar/institucional/canais #CâmaraDosDeputados #AVozDoBrasil #RádioCâmara Veja Mais

Cantor Rick, dupla de Renner, põe mansão à venda por quase R$ 12 milhões

O Tempo - Diversão - Magazine São nove suítes, cinco salas, lavabo, cozinha, despensa e 14 vagas de garagem. Também existe na propriedade espaço gourmet com churrasqueira e adega e um pomar Veja Mais

TJ-SP define julgamento de apelação à decisão que condenou Salles por fraude

Valor Econômico - Finanças Segundo o MP-SP, Salles fraudou o processo do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental da Várzea do Rio Tietê, em 2016, quando era secretário de Geraldo Alckmin (PSDB) O ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, terá a apelação de sua condenação em primeira instância por fraude (improbidade administrativa) julgada no próximo dia 15 pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP). O relator do processo na 1ª Câmara Reservada ao Meio Ambiente, desembargador Nogueira Diefenthaler, colocou a ação para julgamento a partir das 9h30. A análise ocorrerá em sessão virtual. Ex-secretário do Meio Ambiente no governo de Geraldo Alckmin (PSDB) em São Paulo, Salles foi condenado em primeiro grau em 19 de dezembro do ano passado pelo juiz Fausto José Martins Seabra, da 3ª Vara da Fazenda Pública. Segundo o Ministério Público do Estado de São Paulo (MP-SP), Salles fraudou o processo do Plano de Manejo da Área de Proteção Ambiental da Várzea do Rio Tietê, em 2016, quando era secretário de Alckmin. Conforme a ação proposta pelo MP-SP, Salles e a Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) teriam modificado mapas elaborados pela Universidade de São Paulo (USP), alterando minuta do decreto do plano de manejo, e promovido perseguição a funcionários da Fundação Florestal, com o propósito de beneficiar setores empresariais, especialmente companhias de mineração e filiadas à entidade empresarial. Salles e a Fiesp negam as acusações e recorreram da decisão. Veja Mais

Taurus cria joint venture com Joalmi para fabricação de carregadores para armas

G1 Economia Nova empresa iniciará a produção ainda em 2020, no parque industrial metalúrgica em Guarulhos (SP) Fantástico - Taurus Reprodução/Fantástico A Taurus confirmou nesta quinta-feira (8) a assinatura de um acordo para criar uma joint venture para fabricação de acessórios para armas. A companhia com quem será firmado o acordo, que não havia sido mencionada em comunicados anteriores sobre a joint venture, é a Joalmi Indústria Metalúrgica. A Joalmi terá 49% de capital acionário da parceria, enquanto a Taurus terá 51%. Segundo o comunicado ao mercado, a nova empresa de carregadores iniciará a produção ainda em 2020, no parque industrial da Joalmi em Guarulhos (SP). Para 2021, há a previsão de uma transferência para o complexo industrial da Taurus em São Leopoldo (RS). A Taurus afirma que a joint venture tornará a empresa autossuficiente na produção de carregadores, “mercado atualmente dominado por poucos fornecedores estrangeiros”, segundo a companhia, além de reduzir custos por meio de uma logística mais integrada e ágil. A empresa afirma ainda que a tecnologia usada na fabricação dos carregadores é fundamental para o funcionamento e segurança das armas, e que a nova parceria ocorre devido a “sinergia entre as duas empresas que possuem como característica fortes investimentos em desenvolvimento de novos produtos e tecnologias de ponta voltados para a segurança das pessoas”. Vídeos: veja mais notícias de economia Veja Mais

Eleições 2020: veja os números das pesquisas Datafolha em BH, SP, RJ e Recife

O Tempo - Política Levantamento foi contratado pela TV Globo e Folha de S. Paulo e perguntou a intenção de voto para prefeito Veja Mais

Apple pode turbinar MacBooks ARM com processadores de até 16 núcleos

canaltech A expectativa é grande para maiores detalhes sobre os modelos de MacBooks com processadores ARM, após a notícia que balançou o mercado das gigantes da tecnologia em junho. Por enquanto, a Maçã permanece calada sobre os detalhes técnicos de suas máquinas, mas um vazamento indica que ela pode estar trabalhando em até três versões diferentes de chips, incluindo um com 16 núcleos que deve chegar ao mercado apenas no primeiro semestre do ano que vem. Por que a Apple trocou processadores Intel pela arquitetura ARM? Apple deve apresentar HomePod mini junto do iPhone 12; saiba o que esperar iPhone 12: saiba o que esperar do próximo lançamento da Apple O vazamento é do insider que se identifica apenas como Komiya e costuma dar previsões sobre os produtos da Apple em sua conta no Twitter. De acordo com ele, os usuários devem ver dois modelos de MacBook com chips ARM chegando ao mercado ainda neste ano, um com processador de oito núcleos e outro com 12, enquanto a verdadeira amostra do poder desta nova jornada de hardware daria as caras no começo do ano que vem, com os 16 núcleos citados. 16 core Apple Silicon is coming next year https://t.co/DxTEUY5gq2 -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- — Komiya (@KOMIYA45020228) October 7, 2020 A fala também condiz com outros rumores publicados antes de que a Apple estaria trabalhando em três configurações de MacBooks para o futuro próximo. O chip de oito núcleos estaria no interior do MacBook Air com tela de 13 polegadas, enquanto o de 12 seria o coração do MacBook Pro com tela de mesmo tamanho. O notebook mais robusto também seria a responsável por receber o modelo com 16 núcleos, constituindo a versão mais parruda da nova geração de computadores da empresa. Os rumores não acompanham mais detalhes técnicos sobre as configurações, que efetivamente demonstrariam o poder da nova arquitetura. A expectativa é que, pelo menos no modelo com 12 núcleos, quatro deles sejam dedicados à eficiência, com outros oito voltados para a performance — seguindo uma lógica que já existe em outros produtos da Maçã, que garante as promessas da empresa de que os novos produtos serão mais poderosos e econômicos do que os atuais. Da mesma forma que não temos uma data para divulgação de tais informações, também não existe previsão de quando os novos MacBooks serão revelados. A aposta mais forte, entretanto, é que eles apareçam já na semana que vem, em 13 de outubro, quando a Apple realiza mais um grande evento voltado para seus produtos de próxima geração, incluindo o iPhone 12. Ela nunca se limita a apenas um assunto, e como o tema da vez é novidade, é de se esperar que os computadores também sejam um tema, ao lado do HomePod, que também pode ganhar versão atualizada. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Sociedade pode estar perdendo a guerra contra os deep fakes, alerta professor

canaltech As fake news evoluíram de simples informações falsas ou recortes mentirosos da realidade para algo muito maior e, principalmente, bem mais perigoso. Imagine ver sua própria imagem, com direito a trejeitos de fala, postura e até cacoetes, reproduzidos em vídeo, mas em uma situação da qual jamais participou, proferindo palavras que nunca disse? Com os deep fakes, isso é possível, e mais do que isso, uma realidade em um mundo cada vez mais polarizado. O que é deepfake e como ela funciona? Fake news: como você lida com este fenômeno? 5 sites para checar se a notícia é verdadeira ou falsa Principalmente quando levamos em conta um estudo conduzido pela Universidade da Califórnia, Berkeley, nos Estados Unidos, que concluiu que uma manipulação desse tipo pode ser, muitas vezes, indistinguível da realidade. A pesquisa foi conduzida pelo professor Hany Farid, ao lado da estudante de graduação Shruti Agarwal, e concluiu que, quando analisados os dados, há mais semelhanças do que diferenças entre uma imagem real e outra falsa. A pesquisa criou um modelo multidimensional de vídeos publicados na internet retratando nomes importantes da política como Barack Obama, Donald Trump e outros. Um algoritmo analisou diferentes características do discurso em si, entonação e volume da voz, assim como maneirismos, tiques e manias de cada um dos retratados, de forma a criar um mapa visual do “jeito” de cada um deles. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- A surpresa foi que, em muitos dos casos, a imagem pertencente à figura real, muitas vezes, se misturou às criadas a partir de manipulações, gerando um resultado que, se é capaz de confundir às máquinas, imagine aos seres humanos. O resultado, segundo Farid, é um combate desbalanceado, que usa elementos de desinformação e se aproveita da atual polarização gerada pelas redes sociais para criar um panorama bastante negativo no qual quem perde é a sociedade. Os deep fakes podem ser usados em zoeiras como estas, mas a realidade de sua utilização pode ser muito mais danosa e assustadora para a sociedade (Imagem: Divulgação/UC Berkeley) “Os desenvolvimentos de sistemas [de inteligência artificial] e a velocidade de disseminação são mais rápidos do que a análise destes conteúdos”, explica, durante uma palestra no evento CyberSec & AI Connected, promovido nesta semana pela Avast. “Os moderadores e as autoridades estão sempre correndo atrás”, completa o professor. Problema renovado Farid aponta, por outro lado, que as manipulações digitais de imagens não são uma novidade, pelo contrário, existem desde os anos 1990 e surgem junto com a evolução dos softwares gráficos. O que começou na forma de alterações visuais de imperfeições ou até mudanças diretas no discurso, entretanto, evoluiu para algo muito mais perigoso, enquanto a relação das pessoas com as imagens se manteve inalterada. Na visão do especialista, os indivíduos sempre estiveram cientes de que imagens podem ser manipuladas e que, ao saírem do mundo, passando através de uma câmera e, depois, por softwares como o Photoshop, elas ainda são, em maior ou menor grau, uma reprodução da realidade. O problema, segundo ele, começou quando a inteligência artificial evoluiu ao ponto de criar farsas completas, que vem sendo utilizadas para fins nada positivos. Ele cita, por exemplo, os sistemas de deep learning capazes de criar rostos com aparência real, mas que não pertencem a pessoas de verdade. Tais plataformas usam uma tecnologia chamada de Rede Geracional Adversarial, que funciona, basicamente, em duas etapas: na primeira, o algoritmo gera uma imagem humana que julga verossímil, enquanto uma segunda IA, com base em fotos reais, avalia se a foto realmente passaria como a de um ser humano. Caso contrário, todo o processo é recomeçado, com o resultante sendo as imagens que passarem com sucesso pelos dois crivos virtuais. IAs responsáveis pelos deep fakes usam uma tecnologia de geração adversarial, com crivos de "realidade" para garantir um resultado verossímil aos olhos humanos (Imagem: Divulgação/UC Berkeley) O mesmo processo também é usado na criação dos deep fakes, de forma que a transposição do rosto de uma pessoa para o corpo de outra aconteça, também, da forma mais natural possível. E assim como as fotografias de pessoas que não existem, no caso de um resultado bem feito, podem ser usadas de forma altamente danosa. “Estamos vendo uma verdadeira armamentização das [imagens falsas], que podem ser usadas para atingir a imagem dos indivíduos reais, manipular a opinião pública ou praticar crimes”, afirma Farid. Ele cita diferentes exemplos durante sua apresentação, com a pornografia não consensual sendo a mais popular. Segundo ele, a ideia vai além de colocar a aparência de celebridades em vídeos de sexo, se tornando muito mais danosa quando falamos de pessoas comuns, principalmente mulheres, que podem ser extorquidas ou difamadas para que as cenas, ainda que falsas, não sejam divulgadas. Outro exemplo aparece nas campanhas de difamação, que podem usar as fotografias forjadas como arma política para colocar algo que nunca foi dito na boca de um político ou representante. Da mesma forma, verdadeiros exércitos de disseminação de conteúdo falso podem ser criados com o uso dos avatares de pessoas inexistentes, disseminando por aí mensagens como se pessoas reais estivessem por trás dos perfis. A partir de alguns poucos clipes, com segundos de duração, algoritmos de deep fakes podem reconhecer expressões, tiques e maneirismos. Quanto mais alimentadas as IAs, melhor o resultado final (Imagem: Divulgação/UC Berkeley) O professor levanta, ainda, um ponto ainda mais grave, voltado ao sistema judiciário. Afinal de contas, como ele afirma, o público ainda não está plenamente ciente das consequências e métodos usados pelos fraudadores. “Como confiar, em um tribunal, nesse tipo de conteúdo que pode ser facilmente manipulado?”, pergunta, indicando também implicações relacionadas à segurança nacional como um aspecto a ser levado em conta. Dois lados Outro problema da sociedade atual se une a este, com a polarização gerada pelas redes sociais constituindo um ponto que leva as pessoas a estarem mais propensas a acreditarem em um deep fake caso ele passe uma mensagem que seja confeniente. “As pessoas querem acreditar no que estão vendo, seja por seus princípios políticos ou, simplesmente, pela forma como enxergam a realidade através de imagens”, afirma, indicando que isso vale, também, no sentido oposto, com imagens verdadeiras que podem ser dispensadas como se fossem falsas, com escândalos e denúncias sendo deixadas de lado enquanto os responsáveis se aproveitam do ambiente de incerteza. Farid defende iniciativas de educação sobre os perigos dos deep fakes, para que os usuários entendam como nem tudo o que enxergam pode ser real, e de que forma discursos desse tipo podem florescer em um ambiente de polarização. O especialista também volta seus olhos às redes sociais e plataformas online, que considera responsáveis pelo atual clima de animosidade. Ele faz uma proposta de regulamentação sobre o alcance dos discursos veiculados e pede que isso não se confunda com censura, uma vez que não se trata de trabalhar o que é dito, e sim, como isso é amplificado e chega aos ouvidos do público, com informações mentirosas e dados manipulados sendo veiculados ao lado da verdade e, agora, também dos deep fakes. O Brasil aparece como um exemplo em que esse tipo de manipulação cria um ambiente de adversários, ao lado da Índia e dos Estados Unidos, que foi o foco da pesquisa feita em Berkeley. Assim como no restante do mundo, os deep fakes ainda não são amplamente explorados como uma arma em nosso país, o que levanta ainda mais, na visão do especialista, a importância da regulamentação sobre a forma como as redes sociais e tecnologias disseminam os discursos, antes que esse tipo de adulteração se torne mais popular. “As plataformas não são neutras. Elas usam algoritmos para exibir conteúdo de acordo com a preferência dos usuários e isso acaba contribuindo para a polarização, uma vez só vemos o que o sistema julga ser conveniente”, completa Farid. Ele sugere medidas oficiais de responsabilidade corporativa também no que toca o funcionamento das plataformas e alerta que o tempo urge. Quanto mais o relógio corre, mais desfavorável a situação e mais perdida se torna a batalha. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Proposta de reforma administrativa inclui atuais servidores e magistrados

O Tempo - Política Frente Parlamentar Mista que trata sobre o tema no Congresso Nacional e tem o deputado federal Tiago Mitraud (Novo-MG) como presidente e o senador Antônio Anastasia na vice, se reúne com minstro da Economia Veja Mais

Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC

canaltech Desde o início da pandemia da COVID-19, pesquisadores e cientistas discutem de quais formas o novo coronavírus (SARS-CoV2) pode ser transmitido. Agora, parece haver o consenso de que esse agente infeccioso pode, realmente, contaminar pessoas saudáveis através das vias áreas. Em outras palavras, ele pode se propagar pelo ar, como a tuberculose, sarampo e catapora, mesmo que essa não seja sua principal forma de transmissão. Cerca de 10% da população mundial já teve COVID-19, afirma OMS Quais desafios o Brasil ainda precisa enfrentar para ter uma vacina contra COVID? COVID-19 impacta serviços de saúde mental em 93% dos países, segundo OMS Diante desse risco, as chances de se contrair COVID-19 são muito maiores em ambientes fechados do que ao ar livre, como em um parque. O novo consenso que está sendo discutido há meses sobre o coronavírus deve afetar, diretamente, as políticas públicas e medidas para contenção de contágio. Ainda em julho, a Organização Mundial da Saúde (OMS) já alertava sobre essa possibilidade, por exemplo. Pesuqisadores apontam que o coronavírus pode ser transmitido pelo ar, como a tuberculose (Imagem: Reprodução/ Kjpargeter/ Freepik) “Esse vírus é liberado em aerossóis que permanecem flutuando no ar, viajam mais de dois metros e podem se acumular no ar da sala”, explica Kimberly Prather, da Universidade da Califórnia, em San Diego, para o jornal El País. Por isso, "as máscaras devem ser usadas em ambientes internos sempre que houver outras pessoas presentes; os aerossóis não param a dois metros”, ressalta rather. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Casos de transmissão por vias áreas “As evidências do estudo dos surtos, sobretudo em massa, indicam que neles o contágio teve de ocorrer principalmente por transmissão aérea de aerossóis que persistiam em suspensão no ar e se distribuíam por toda uma área interna mal ventilada”, explica a virologista Margarita del Val, diretora do grupo Saúde Global, do CSIC de pesquisa sobre o coronavírus. A partir desse tipo de transmissão, pesquisadores explicam a disseminação do coronavírus dentro do coral de Skagit, nos Estados Unidos, onde um dos cantores contaminou outras 52 pessoas em um único ensaio. Na ocasião, alguns estavam vários metrôs de distância e mesmo assim contraíram a COVID-19, em uma sala sem circulação de ar. Casos semelhantes também ocorreram em uma aula de dança na Coreia do Sul e em um restaurante de Guangzhou, na China. “Os casos de superpropagação só podem ser explicados por aerossóis: todos respiram o mesmo ar em uma sala fechada e com pouca ventilação”, afirma Prather. “O desafio com esse vírus é que muitas pessoas se movimentam já infectadas, sem saber que estão doentes; exalam aerossóis infecciosos simplesmente pela fala”, alerta a pesquisadora. Diante desses casos de contágio da COVID-19, pesquisadores e médicos de diferentes institutos — incluindo Prather — publicaram uma carta na revista Science, onde ressaltaram a importância de se tomar medidas para combater os contágios transmitidos por via aérea. CDC faz alerta sobre o risco de transmissão do coronavírus por vias aéreas (Imagem: Reprodução/ Lucrezia Carnelos/ Unsplash) "Os vírus em aerossóis (menores que 100 μm) podem permanecer suspensos no ar por vários segundos até horas, como fumaça, e serem inalados. Eles estão, altamente, concentrados perto de uma pessoa infectada, portanto, podem infectar pessoas nas proximidades. Mas os aerossóis que contêm vírus infecciosos também podem viajar mais de dois metros e se acumular no ar interno mal ventilado, levando a eventos de superespalhamento", afirma o grupo de cientistas. Além de manter o distanciamento social, a higiene das mãos e o uso de máscaras, as autoridades sanitárias devem acrescentar novas orientações voltadas para o risco de transmissão do coronavírus via aerossóis. Afinal, é como se pessoas com a COVID-19 expelissem, a todo momento, partículas virais muito pequenas pelo simples ato de respirar, mas com capacidade de contaminar os outros. CDC reconhece a transmissão por vias áreas Na segunda-feria (5), o Centro de Prevenção e Controle de Doenças (CDC), dos EUA, reconheceu formalmente que o coronavírus pode ser transmitido pelo ar "às vezes" e "sob certas condições". Na ocasião, foram atualizadas as recomendações do site da agência sobre essa forma de contaminação. "Algumas infecções podem ser transmitidas pela exposição ao vírus em pequenas gotículas e partículas que podem permanecer no ar por minutos a horas. Esses vírus podem infectar pessoas que estão a mais de 6 pés [1,8 m] de distância da pessoa infectada ou depois que essa pessoa deixou o local", aponta o novo texto da agência. No entanto, o CDC destaca que, a partir de evidências já estudadas, "essas transmissões ocorreram em espaços fechados com ventilação inadequada. Às vezes, a pessoa infectada respirava com dificuldade, por exemplo, enquanto cantava ou fazia exercícios." "Nessas circunstâncias, os cientistas acreditam que a quantidade de gotículas infecciosas menores e partículas produzidas pelas pessoas com COVID-19 se concentraram o suficiente para espalhar o vírus para outras pessoas. As pessoas infectadas estavam no mesmo espaço durante o mesmo período ou logo após a saída da pessoa com COVID-19", explica a agência. Entretanto, "os dados disponíveis indicam que é muito mais comum que o vírus que causa a COVID-19 se espalhe por contato próximo com uma pessoa que tem a doença do que por transmissão aérea", completa. O curioso é que, há menos de três semanas, o CDC já tinha divulgado uma atualização semelhante a atual sobre esse novo risco de contágio, mas retrocedeu com o alerta. Para acessar a última atualização do CDC, clique aqui. Para ler o artigo publicado na revista Science sobre essa nova forma de contágio, clique aqui. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Telescópio Gaia encontra sua primeira estrela binária simbiótica Veja Mais

Renda Cidadã vai incomodar qualquer que seja a proposta, diz relator

O Tempo - Política Para bancar o programa, que deve substituir o Bolsa Família, a equipe do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) busca cerca de R$ 20 bilhões Veja Mais

Atividade de Serviços da China tem maior expansão em 3 meses em setembro

Valor Econômico - Finanças PMI Caixin subiu de 54,0 em agosto para 54,8 no mês passado, com forte demanda interna Um indicador privado da atividade do setor de serviços da China se expandiu em um ritmo mais rápido em setembro, impulsionado pela forte demanda doméstica em meio a uma recuperação econômica contínua no fim do terceiro trimestre. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Transporte ultraveloz: Hyperloop One construirá centro de testes

Transporte ultraveloz: Hyperloop One construirá centro de testes

Tecmundo A companhia focada em tecnologias de transporte Virgin Hyperloop One anunciou nesta quinta-feira (08) sua mais recente expansão de negócios: um centro de certificação multimilionário no estado da Virgínia Ocidental, nos Estados Unidos. A instalação de US$ 500 milhões será a primeira do tipo no país e servirá como base de operações de testes para a empresa.A Virgin Hyperloop One espera começar as obras em 2022, e a base deve auxiliá-la a conquistar a meta de construir um sistema de transporte ultraveloz. Capaz de levar passageiros por meio de um tubo a vácuo com a velocidade de até 965 km/h, o modelo poderia realizar percursos na metade do tempo de uma viagem de um avião, por exemplo.Leia mais... Veja Mais

Telescópio Gaia encontra sua primeira estrela binária simbiótica

canaltech Em janeiro de 2018, o telescópio espacial Gaia, da ESA, detectou uma explosão em uma estrela conhecida como WRAY 15-136 (ou AT 2018id). Na época, as observações apontaram que se tratava de um tipo de explosão estelar conhecida como “nova”, mas novos dados mostram que, na verdade, uma simbiótica. Objeto binário bastante incomum é descoberto no Cinturão de Kuiper A supernova Cassiopeia A pode ter nascido de uma origem solitária Astrônomos descobrem dupla de estrelas "invisíveis" Estrelas simbióticas são um sistema binário (ou seja, duplo) composto por duas estrelas muito próximas uma da outra, com interações mais amplas que as demais binárias. Elas giram em torno de um centro gravitacional em comum com um longo período orbital que pode levar de 200 dias a 10 anos. Além disso, estão envoltas em gás ionizado. Uma equipe internacional de astrônomos estava observando a estrela WRAY 15-136, que havia ganho um novo nome em 2018, passando a se chamar Gaia18aen, por causa da aparente explosão que lhe conferiu o status de transiente. Entretanto, as novas observações da equipe com o telescópio Gaia acabou mostrando que se trata de uma simbiótica, o que a torna a primeira estrela desse tipo identificada por este observatório espacia. A descoberta foi relatada em um artigo publicado no arXiv.org, que ainda deve ser revisado por pares. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Comparação dos dois espectros da Gaia18aen obtidos nos dia 20 de janeiro e 22 de março de 2018 (Imagem: Reprodução/Merc) O fato de terem antes confundido com uma nova não é exatamente surpreendente. Estrelas simbióticas como esta são variáveis e apresentam mudanças drásticas nos espectros de sua luz. Isso acontece porque esses sistemas binários são formados por uma estrela pequena e muito quente e outra gigante fria. Em geral, tais sistemas são essenciais para pesquisadores que estudam aspectos da evolução estelar. No caso da Gaia18aen, o brilho começou a aumentar entre novembro e dezembro de 2017 e continuou nas semanas seguintes, sendo acompanhada pelo Very Large Telescope (VLT) do ESO no Chile. Jaroslav Merc, da Universidade Charles em Praga, República Tcheca, é o líder do novo estudo. Sua equipe usou o Telescópio Liverpool em La Palma, Espanha e o VLT. A pesquisa foi complementada por dados fotométricos de outros instrumentos, como o LCO e o telescópio robótico PIRATE. “Neste trabalho, analisamos as observações fotométricas e espectroscópicas da Gaia18aen”, escreveu a equipe ao anunciar a descoberta de que o objeto é uma simbiótica do tipo S, localizada a cerca de 19.500 anos-luz de distância. Eles também descobriram que o sistema é composto por uma anã branca quente e uma gigante M cerca de 230 vezes maior que o nosso Sol. Esta segunda teria uma composição que conta com níveis de metal elevados e uma temperatura de aproximadamente 3.500 K. Também constataram que a luminosidade do objeto tem um nível que se aproxima de 7.400 luminosidades solares — ela é, assim, uma das gigantes simbióticas mais brilhantes já detectadas. O período orbital do sistema é de aproximadamente 487 dias. Isso não significa que a explosão detectada em 2018 não aconteceu. Na verdade, o artigo aponta para uma explosão de 3,3 mag em janeiro daquele ano, seguida por novos “abrilhantamentos” que ocorreram 100, 240 e 350 dias depois. A primeira fase da explosão principal teve uma luminosidade relativamente alta, atingindo 27.000 luminosidades solares. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Exportação de carne suína do Brasil sobe 33% em setembro; no ano, vendas superam 2019

G1 Economia Desde janeiro, país já embarcou 764,9 mil toneladas, contra 750 mil toneladas no ano passado. Carnes suína e de frango tem queda de preço nos últimos meses Reprodução/TV TEM As exportações de carne suína do Brasil avançaram 33% em setembro ante igual período do ano anterior, totalizando 86,5 mil toneladas dos produtos in natura e processados, informou nesta quinta-feira a Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Com o resultado, os embarques dos nove primeiros meses de 2020 já superam todo o acumulado de 2019 --foram 764,9 mil toneladas exportadas entre janeiro e setembro deste ano, contra 750 mil toneladas no ano passado completo. Exportação de carne de frango do Brasil cai 2,3% em setembro, diz ABPA A ABPA destacou que os resultados são guiados pelas fortes exportações ao mercado asiático. Apenas a China, principal cliente do Brasil, já importou 376,7 mil toneladas neste ano, alta de 133%. O volume não inclui os embarques para Hong Kong, que totalizam 131,6 mil toneladas no período, avanço de 14%. "Temos boas expectativas quanto à manutenção deste ritmo ao longo dos próximos meses. Os indicativos fortalecem as previsões da ABPA de alcançarmos número próximo de 1 milhão de toneladas exportadas em 2020", disse em nota o presidente da entidade, Ricardo Santin. Em receitas, as exportações geraram 188,5 milhões de dólares em setembro, cifra 34% maior que a de mesmo mês do ano passado. Já no acumulado do ano, os resultados parciais de 2020 também superam os de 2019 inteiro --são 1,677 bilhão de dólares neste ano, contra 1,597 bilhão de dólares em todo o ano anterior. Slug *Vídeos: tudo sobre o agronegócio Veja Mais

Streaming de jogos pode chegar ao Xbox e ao PC, diz Phil Spencer

canaltech O Project xCloud, serviço de games por streaming que faz parte do Xbox Game Pass, chegou há pouco para dispositivos Android e já pode ser considerado um sucesso. Entretanto, a Microsoft já pensa em expandi-lo para outras plataformas e as primeiras a receber esse produto seriam exatamente os consoles, no caso o Xbox Series X e Series S, além do PC. xCloud terá lista gigantesca de jogos disponíveis já no lançamento; veja quais Razer inicia testes de cartão pré-pago com LED e cashback de até 5% Parque temático da Nintendo revela data de inauguração Quem trouxe essa informação foi justamente o chefe da divisão Xbox, Phil Spencer. Em uma série de respostas dadas em seu Twitter, o executivo revelou que a gigante de Redmond já trabalha com a possibilidade de expandir o serviço de streaming para o Xbox e o PC, mas afirma, também, que isso deve ocorrer bem mais para frente. "[Expandir o serviço] Está na longa lista de coisas legais que a equipe do xCloud está trabalhando, mas está mais para frente nessa lista", disse Spencer. Os jogos do Xbox Game Pass agora podem ser transmitidos por meio de dispositivos móveis graças ao xCloud, tornando muito mais fácil do que nunca jogar The Master Chief Collection no banheiro. Mas este é apenas o começo dos planos da Microsoft para streaming, e o chefe do Xbox, Phil Spencer, indicou em um tweet que o streaming também chegará ao Game Pass no Xbox e PC. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Hey @aarongreenberg @XboxP3 any chance this could happen at some point? https://t.co/VYgscHzXRH — The Man About Tech #VypNation (@Vyyyper) October 6, 2020 Algo que pode ajudar nessa expansão no futuro é a tecnologia de streamung Orion, que pertence à ZeniMax Media, comprada pela Microsoft no mês passado. Além de trazer todo o catálogo da Bethesda para seu portfólio, a empresa de Bill Gates pode, também, absorver outras ferramentas e tecnologias para usá-las a seu favor. Assine já: Xbox Game Pass Ultimate é um pacotão que inclui o Live Gold, biblioteca com mais de 100 jogos de Xbox e PC, além de descontos exclusivos! O xCloud faz parte do Xbox Game Pass e só está disponível para usuários Android. O Brasil, por enquanto, não faz parte da lista de países que possuem o serviço. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Eleições em BH: Agenda dos candidatos a prefeito nesta sexta-feira (09)

O Tempo - Política 15 candidatos estão na disputa pela prefeitura de Belo Horizonte Veja Mais

2 em 1: missão Orbilander terá sonda e lander, que estudarão a lua Encélado

canaltech Os compostos orgânicos e oceanos de Encélado tornam esta lua de Saturno uma possível candidata para a possibilidade da ocorrência de vida. Para investigar a lua mais de perto, uma equipe de cientistas e engenheiros da Universidade Johns Hopkins está desenvolvendo a missão Orbilander, que recebeu este nome por funcionar tanto como sonda orbital quanto lander. Cientistas querem que a NASA também envie sonda a Encélado, lua de Saturno Europa ou Encélado: qual lua tem mais chances de abrigar vida microbiana? NASA descobre novos tipos de compostos orgânicos nas plumas de Encélado Muitos cientistas da missão Cassini, lançada em 1997 e encerrada em 2017, reforçam a importância de missões de acompanhamento em Encélado, enquanto conceitos anteriores foram direcionados aos programas Discovery e New Frontier. Assim, a missão Orbilander vem sendo desenvolvida para os próximos estudos de ciência planetária da década, que é um relatório produzido a cada dez anos para guiar as prioridades das missões da NASA. “A comunidade de Encélado foi neste programa de estudos do conceito das missões para garantir que essa seria para esta lua, principalmente se focarmos na principal questão científica dela: é habitada?”, diz Shannon MacKenzie, cientista planetária e autora principal do estudo conceitual da missão. Como a Orbilander irá se transformar de sonda em lander (Imagem: Reprodução/ ) Ela ressalta que os cientistas sabem do potencial do oceano subterrâneo desta lua e têm bons motivos para suspeitar que seja habitável. “Temos a tecnologia para coletar amostras de lá, graças às plumas”, completa. A ideia é que a Orbilander orbite Encélado por cerca de 200 dias — uma tarefa difícil, se considerarmos a gravidade de Saturno tão próxima. Assim, a equipe pensa em aproveitar manobras desenvolvidas para outras missões, e escolheriam trajetórias orbitais que pudessem manter o equilíbrio entre a integridade da nave e o retorno científico. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- As plumas de Encélado pareceram brilhantes nas imagens da missão Cassini, e como não são tão densas, a Orbilander iria voar através de algo semelhante a uma nuvem. Mesmo assim, as partículas das plumas vão se agrupar nos instrumentos científicos em alta velocidade, e a equipe terá que descobrir formas de diminuir a aceleração deles para não acabarem pulverizados. Outra questão é a busca do local certo para o pouso, já que não há dados topográficos o suficiente sobre o polo sul de Encélado. Depois de encontrar o local, a Orbilander iria se transformar em lander e desceria com um sistema de navegação similar àquele que a missão Dragonfly, que estudará Titã, vai usar para sobrevoar a superfície. A missão seria mantida ativa por duas fontes de energia nuclear, e dependeria de um conjunto complexo de instrumentos para descobrir se a água de Encélado tem as substâncias necessárias para a vida como conhecemos. Estes instrumentos incluem espectrômetros de massa para pesar e analisar moléculas, sismômetro, microscópio e sequenciador de DNA. Para detecções remotas, a nave teria câmeras, radares sônicos e um altímetro a laser — todo este arsenal será usado para identificar bioassinaturas, se existirem, claro. Felizmente, os gêiseres da lua permitem coletar amostras de água sem precisar perfurar a superfície. Entretanto, ainda falta algum tempo até vermos tudo isso em ação: devido a restrições de orçamento e à importância de o polo sul de Encélado estar iluminado pela luz solar, a Orbilander não será lançada antes de 2038, e deverá chegar ao seu destino por volta de 2050. Além disso, o design final da nave provavelmente vai sofrer mudanças a partir das possibilidades mostradas no estudo conceitual. Para MacKenzie, esta será uma das oportunidades para uma das maiores descobertas científicas de todos os tempos: "É uma oportunidade esperando por nós. Não consigo pensar em nenhum lugar melhor no Sistema Solar para procurarmos vida em um futuro próximo". Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro da Tesla com traje espacial da SpaceX fez sua 1ª aproximação com Marte Afinal, dá para pegar COVID pelo ar? O que dizem os cientistas e, agora, o CDC Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos Enquanto segue para Marte, nave chinesa Tianwen-1 tira sua primeira selfie Western Digital lança três novos modelos de SSDs com foco em gamers Veja Mais

Anestesista que fez cesariana alcoolizado é julgada por homicídio na França

O Tempo - Mundo Ao entrar na sala de operações, o profissional de saúde cheirava a álcool, segundo várias testemunhas Veja Mais

Tribunal nega liberar documentos da nora de Lula apreendidos em 2016

O Tempo - Política Os órgãos de investigação alegaram que os bens apreendidos são de interesse para apurações em curso Veja Mais

Milhões de brasileiros voltarão à pobreza se auxílio emergencial for interrompido, mostra estudo

G1 Economia Número de brasileiros pobres recuou 23,7%, atingindo nova mínima histórica de 50 milhões de pessoas. Auxílio emergencial foi prorrogado até o fim do ano com mais quatro parcelas de R$ 300 Aloisio Mauricio/Fotoarena/Estadão Conteúdo O Brasil conseguiu diminuir os níveis de pobreza com o auxílio emergencial durante a pandemia da Covid-19, mas se os esforços governamentais de assistência à renda não continuarem 15 milhões de brasileiros serão jogados de volta a essa condição em janeiro, alertou Marcelo Neri, diretor do FGV Social e fundador do Centro de Políticas Sociais (FGV Social/CPS). A extensão dos subsídios está paralisada no Congresso e enfrenta alguma oposição dentro do governo, cuja equipe econômica está preocupada com descontrole do déficit orçamentário. "Estamos entre a cruz e a espada", disse Neri à Reuters. Estudo da FGV publicado nesta quinta-feira (8) mostra que o número de brasileiros pobres — aqueles que ganham menos de meio salário mínimo, ou R$ 515 — recuou 23,7%, atingindo nova mínima histórica de 50 milhões de pessoas, graças ao auxílio mensal, que começou em R$ 600, mas agora reduzido a R$ 300 por mês até dezembro. O presidente Jair Bolsonaro, cuja popularidade cresceu graças às transferências de renda, tenta encontrar uma maneira de manter os pagamentos, mas não há como financiá-los sem romper o teto de gastos e piorar um já elevado déficit orçamentário. Caixa Econômica paga mais um lote do Auxílio Emergencial nesta quinta-feira (8) O Brasil foi mais generoso com sua população pobre durante a pandemia do que outras nações latino-americanas, apesar de sua situação fiscal pior e das tentativas do ministro da Economia, Paulo Guedes, de manter esforço de austeridade fiscal, disse Neri. "Guedes se revelou um gestor de políticas keynesianas surpreendentemente generoso. Agora, a gente está em uma situação em que você precisa ser meio keynesiano, só que a gente não tem recursos", afirmou. O Keynesianismo, ou Escola Keynesiana, é uma teoria político-econômica que defende o Estado como um agente ativo contra crises econômicas e alta no desemprego. O Brasil, que sofreu forte saída de recursos dos mercados de ações e renda fixa no primeiro semestre, corre o risco de gerar ainda mais ruído entre investidores caso aumente as despesas em 2021, alertou Neri, PhD em Economia pela Universidade de Princeton, nos EUA. Benefício para 60 milhões de pessoas O auxílio emergencial foi a iniciativa de maior vulto do governo na crise. Com valor de R$ 600 de abril a agosto e de R$ 300 pelo restante do ano, terá um custo total de R$ 321,8 bilhões em 2020, beneficiando mais de 60 milhões de pessoas por mês. O senador Ney Suassuna (PRB-PB), membro da Comissão Mista de Orçamento, disse que não havia consenso sobre como financiar transferência de renda no próximo ano, apesar da expectativa de que a crise da pandemia continue em meio a uma frágil melhora no mercado de trabalho. Como na maior parte da América Latina, a pandemia reduziu o tamanho da classe média tradicional, com 4,8 milhões de brasileiros deixando esse grupo devido à perda de renda, disse Neri. Milhões de pessoas da classe média latino-americana estão sendo arrastadas de volta à pobreza da Covid-19, que atingiu o mercado de trabalho da região com mais força do que em qualquer outro lugar do mundo. A pobreza deve voltar aos níveis de 2005 na América Latina. Veja Mais

Commodities: Sinais de demanda mais forte elevam preço do cacau

Valor Econômico - Finanças Contratos futuros com vencimento em dezembro subiram 1,4% nesta quinta-feira As cotações do cacau voltaram a fechar em terreno positivo nesta quarta-feira (8) na bolsa de Nova York, impulsionadas pelos indicativos de maior demanda pela amêndoa. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Eleições em BH: Wendel Mesquita quer formação profissional em abrigos da PBH

O Tempo - Política O candidato propõe criar pelo menos uma casa de acolhimento para pessoas em situação de rua em cada uma das nove regionais da cidade Veja Mais

ONG identifica queimadas em fazenda da SLC na Bahia; empresa diz que causa é externa

Valor Econômico - Finanças The Chain Reaction Researh identificou 6,5 mil hectares queimados em fazenda em Formosa do Rio Preto Duas grandes frentes de queimadas foram identificadas em uma fazenda no oeste da Bahia pertencente à SLC Agrícola, uma das maiores companhias de produção de grãos e transformação de terras do país, controlada pela família gaúcha Logemann. Os focos, ainda ativos, foram identificados no dia 6 e já impactaram 6,552 mil hectares, incluindo áreas de vegetação nativa dentro e fora da propriedade. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Consumo de energia elétrica cresce 2,9% em setembro, diz CCEE

Valor Econômico - Finanças Na avaliação da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica, esse comportamento reflete o retorno gradual das atividades no país, após o período mais intenso de isolamento social O consumo de energia elétrica aumentou 2,9% em setembro, em comparação com igual mês de 2019, apontam dados da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE). Na avaliação da câmara, esse comportamento reflete o retorno gradual das atividades no país, após o período mais intenso de isolamento social. No ambiente de contratação regulada (ACR), o consumo cresceu 0,5% em setembro. Já no ambiente livre (ACL), a alta foi de 8,4%. Num cenário que desconsidera as migrações de consumidores, o consumo no ACR teria crescido 2,7%, enquanto no ACL o avanço foi de 3,5%. Na abertura por ramos de atividade, a maioria apresentou aumento na demanda por energia, segundo a CCEE. Os segmentos que apresentaram maior elevação foram saneamento (+29,4%), comércio (+21,3%) e bebidas (+14,7%) — isso decorre, em parte, da migração dos consumidores para o mercado livre. Veja Mais

FT: Estratégia de Trump com a covid pode custar a sua reeleição

Valor Econômico - Finanças Para se reeleger, o presidente americano precisa adotar medidas radicais para fazer os americanos confiarem em sua capacidade de administrar a pandemia “Não tenham medo da covid”, disse Donald Trump ao deixar o hospital nesta semana. Dizer que ele brincou com o destino seria um eufemismo. O presidente dos Estados Unidos não tinha como saber em que situação a doença o deixaria. Ele deveria saber que a única maneira de conseguir a reeleição é se concentrar em qualquer coisa a não ser a pandemia. As pesquisas são claras quanto a isso: a grande maioria da população americana não confia no que ele diz sobre a doença. Isso era verdade muito antes de ele ficar doente e deverá permanecer assim em 3 de novembro. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

PIX passa de 21 milhões de 'chaves' cadastradas em quatro dias, diz BC

G1 Economia Cadastro de informações começou na segunda-feira. Cliente poderá usar número de telefone e CPF, por exemplo, para ser identificado no novo sistema de pagamentos. Primeiro dia de inscrições do PIX tem mais de 3,5 milhões de cadastros O Banco Central informou nesta quinta-feira (8) que atingiu mais de 21 milhões de cadastros de "chaves" de identificação para uso do PIX, o novo sistema de pagamentos e transferências desenvolvido pela instituição Desde segunda-feira (5), os brasileiros podem cadastrar suas informações nos bancos e instituições de pagamento para o uso do PIX; A partir de 3 de novembro, começará uma fase de testes do PIX, em que o serviço será disponibilizado para alguns clientes selecionados; Os pagamentos e transferências por meio do novo serviço para todos os clientes cadastrados, em todo o país, só serão possíveis a partir de 16 de novembro. A "chave PIX" é a informação que vai identificar um cliente e a conta bancária dele no sistema. Essa chave poderá ser um número de celular, um e-mail, o CPF ou o CNPJ. Leia mais abaixo neste texto como cadastrar uma chave para usar o PIX. O cadastramento é necessário para aqueles que pretendem utilizar o PIX em transações financeiras, mas não é obrigatório. PIX: veja perguntas e respostas sobre o novo sistema de pagamentos Veja a página especial do G1 sobre o PIX Cadastro da 'chave PIX' pode ser feito a partir desta segunda (5) A expectativa é que o PIX seja o grande substituto de DOCs e TEDs, por ser gratuito, instantâneo e estar disponível a qualquer hora, sete dias por semana. A previsão é que a maioria das transações seja aprovada e finalizada em até 10 segundos. Como vai funcionar o PIX - pagamento instantâneo Editoria de Arte / G1 De acordo com o BC, 677 instituições já foram aprovadas para oferecer o serviço a clientes e iniciar nesta semana o cadastro das chaves. Embora muitas instituições financeiras tenham lançado um pré-cadastro, elas terão que confirmar a partir desta segunda com os clientes o efetivo registro das chamadas das chaves. De acordo com Carlos Eduardo Brandt, chefe-adjunto do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro do Banco Central, não foram registrados problemas de cadastramento das chaves nesse início do prazo. "A gente teve questões pontuais com algumas instituições, muito poucas tiveram questões de conectividade na primeira hora, algo normal de um sistema que está entrando em funcionamento. Mas o sistema está totalmente operante", disse. Para o representante do BC, o PIX chega para oferecer uma dinâmica de pagamento que suporta novos modelos de negócios. "Essa intensidade no uso da tecnologia que a gente vê sendo algo que está fazendo cada vez mais parte do nosso dia a dia, agora a gente terá um meio de pagamento capaz de suportar essa nova realidade", avaliou. Segurança O BC confirmou que as instituições financeiras poderão reter transferências e pagamentos feitos por meio do PIX por até uma hora em caso de suspeita de fraude. O chefe-adjunto do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro, Carlos Eduardo Brandt, informou nesta segunda-feira que "todas as ações estão sendo direcionadas" para evitar problemas. Ele acrescentou que o BC está avalia como fazer o estorno de valores em caso de fraudes. "Ocorrendo fraude, estamos construindo essa dinâmica de devolução da operação. Está sendo trabalhado dentro com o grupo técnico de segurança, mas terá uma opção para trabalhar com situações atípicas", disse ele. Entenda o que é e como vai funcionar o PIX Como cadastrar a 'Chave PIX'? Para usar o PIX, basta que o cliente peça ao banco ou instituição financeira onde possui conta corrente, conta poupança ou carteira digital. A instituição vai fazer no Banco Central o cadastramento da "chave" escolhida pelo cliente, e que vai identificar a ele e à conta dele. Os quatro tipos de chaves Pix que poderão ser usadas e cadastradas são: Número de CPF; Número do CNPJ; Endereço de e-mail; Número do telefone celular Já para usar o PIX, ou seja, para fazer transferências ou pagamentos usando o sistema, será necessário acessar o aplicativo, site ou o caixa eletrônico do banco, assim como é feito atualmente com o DOC e o TED, por exemplo. Ao invés de digitar uma série de informações, como nome completo, dados bancários e CPF, com o PIX basta inserir a chave da pessoa ou empresa que vai receber o pagamento ou transferência. Ao digitar a chave, os dados da conta do destinatário aparecerão automaticamente na hora de realizar a transação, bastando conferir a identificação e digitar os valores antes de confirmar a operação. Não será possível, porém, vincular uma mesma chave a mais de uma instituição financeira ou a mais de uma conta bancária. Ou seja, se no banco A o cliente cadastrar um email, no banco B terá que cadastrar um outro email ou então o número de celular ou o CPF. Independente do cadastro de uma chave, o sistema vai permitir receber ou enviar um PIX usando a opção inserção manual. Nessa situação, será necessário informar os dados de banco, agência, conta, CPF e nome do favorecido, de forma semelhante à que acontece hoje com TEDs e DOCs. Veja mais detalhes sobre como fazer o cadastro Uso de QR Code As transações pelo PIX poderão ser feitas também por meio de QR Code, o que permitirá que o cliente tanto efetue um pagamento no comércio ou gere um código próprio para receber uma transferência, podendo inclusive já definir o valor da transação. No lugar de informar os dados de uma conta para depósito, bastará por exemplo enviar um QR Code por email ou aplicativo de troca de mensagens. O QR Code possuirá dois formatos no PIX: Estático: que poderá ser utilizado para transferências ou compras no comércio, quando as informações para pagamentos tem preço fixo (Exemplo: vendedor de água de coco) Dinâmico: que poderá ser utilizado quando as informações para pagamentos muda (Exemplo: supermercado, quando o valor de cada compra é diferente) O Banco Central não fixou um valor máximo para as transações que forem feitas pelo PIX. Os bancos e participantes estão autorizados, entretanto, a estabelecer limites máximos para as operações, visando diminuir o risco de fraudes. Assim, as instituições financeiras e de pagamento poderão estabelecer limites por usuário pagador, por transação, por dia ou por mês. Segundo a Febraban, num primeiro momento, os limites deverão ficar em linha aos que hoje são permitidos para TED e compras com cartão de débito. Veja mais detalhes sobre como usar o PIX Assista as últimas notícias de economia Veja Mais

CT News - 08/10/2020 (Instalação do Windows 10 terá enorme transformação)

canaltech No CTN de hoje: Instalação do Windows 10 deve passar por sua maior transformação em anos; Parque temático da Nintendo revela data de inauguração; Rappi lança marketplace de viagens em seu aplicativo e mais. Ouça ao podcast. Veja Mais

Atriz Vera Gimenez, mãe da apresentadora Luciana Gimenez, cai em golpe

O Tempo - Diversão - Magazine Ela recebeu uma mensagem como se fosse da filha, pedindo um depósito, e depois mais um, e, na boa fé, perdeu R$ 50 mil Veja Mais

Força Espacial considera junção de Cabo Canaveral e Centro Espacial Kennedy

Força Espacial considera junção de Cabo Canaveral e Centro Espacial Kennedy

Tecmundo A Força Espacial dos Estados Unidos considera a criação de um espaçoporto nacional com a união do Cabo Canaveral e do Centro Espacial Kennedy. A proposta surgiu da necessidade de expandir a capacidade do espaço comercial oferecido logo após um incomum "engarrafamento" envolvendo o lançamento de três foguetes comerciais com cargas valiosas. O evento aconteceu durante um dia de lançamentos em situações climáticas nada favoráveis. O maior entre os três foguetes, o Delta IV Heavy, carregava um satélite de reconhecimento confidencial com valor estimado em US$1 bilhão. Os outros dois, ambos da SpaceX, levavam satélites em missões comerciais.Leia mais... Veja Mais