Meu Feed

No mais...

Lançamentos da Netflix na semana (19/02/2021)

canaltech Chegamos a mais uma sexta-feira, dia perfeito para quem é assinante da Netflix organizar o que vai assistir na plataforma de streaming para curtir o fim de semana. E, curiosamente, o serviço está recheado de novidades: de filmes e séries inéditas a produções que todo mundo já conhece e que agora estão de volta ao catálogo, tem de tudo um pouco. Os lançamentos da Netflix em fevereiro de 2021 Os lançamentos do Globoplay em fevereiro de 2021 Os lançamentos do Amazon Prime Video em fevereiro de 2021 Os lançamentos do Disney+ em fevereiro de 2021 Se a semana passada foi um tanto escassa de séries novas para maratonar, esta daqui tem várias candidatas a nova favorita. Começando por Tribes of Europa, uma ficção científica que se passa num futuro apocalíptico, em que o mundo foi completamente devastado pela tecnologia. Com boas doses de drama, ação e aventura, os episódios acertam em cheio ao contar uma história de sobrevivência envolvente.   Crítica | Tribes of Europa empolga com mundo destruído pela tecnologia Para quem é fã de tramas mais misteriosas, a boa da vez é Por Trás de Seus Olhos, que adapta o livro homônimo de Sarah Pinborough para as telas e vem fazendo a cabeça dos brasileiros na semana: desde que foi lançada na Netflix, a série não sai da primeira posição de mais assistidas. A trama conta a história de Louise, uma mãe solteira que, numa das raras oportunidades que sai de casa, se envolve com David num bar. No dia seguinte, ela não só descobre que ele é seu novo chefe, como também é casado. Embora tentem se evitar, os dois acabam iniciando um caso e ela acaba se tornando amiga de Adele, esposa de David. Com o tempo, ela se vê cada vez mais envolvida pelo casal, mas também passa a desconfiar que está participando de um jogo perigoso. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.-   Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Se as duas indicações anteriores surpreendem pelo mundo de ficção que criam, EUA: A Luta Pela Liberdade chama a atenção por retratar a luta por igualdade de direitos nos Estados Unidos. Encabeçada por Will Smith e com nomes de peso como Samuel L. Jackson, Mahershala Ali, Sterling K. Brown e tantos outros, os episódios do seriado documental mostram a batalha incansável e mortal por uma sociedade igualitária em meio ao conservadorismo odioso. E o que tem de bom em matéria de filme? A principal novidade é o suspense Eu Me Importo. Aqui, Rosamund Pike volta a interpretar uma vigarista profissional que comanda uma quadrilha que sequestra idosos para roubar seus bens mais valiosos. Disfarçada de cuidadora profissional de idosos, ela se infiltra na vida das pacientes e leva seus bens a leilão sem que elas saibam. O problema é que a pilantragem vai por água abaixo quando ela vai cuidar de uma mulher que tem amigos muito perigosos. Além disso, voltaram para o catálogo da Netflix um número expressivo de clássicos — sejam eles contemporâneos ou não. O grande destaque aqui é, sem dúvidas, Scarface, um dos melhores filmes de máfia de todos os tempos. As franquias Jurassic Park e Jurassic World voltaram para o serviço de streaming, que, por algum motivo, também investiu pesado para agradar os fãs de Crepúsculo, que agora podem assistir a todos os filmes da Saga na plataforma.   Crítica | Scarface é uma caminhada rumo à morte apoteótica Os 10 melhores filmes que têm a máfia em destaque Essas foram apenas algumas indicações que o Canaltech separou para você aproveitar o fim de semana assistindo o que há de mais interessante na Netflix. Mas tem muito mais coisa legal no catálogo do serviço de streaming, e a gente listou tudo para você logo a seguir. Dê uma olhada, veja o que mais lhe chama atenção, clique e dê o play. Boa diversão! Assine a Disney+ aqui e assista a títulos famosos da Marvel, Star Wars e Pixar quando e onde quiser! 13/02 The Big Day: 1ª temporada Desafios do Amor O Animal Cordial The Netflix Afterparty (Novo episódio) 14/02 Pit Stop: 1ª temporada 15/02 Crepúsculo A Saga Crepúsculo: Lua Nova A Saga Crepúsculo: Eclipse A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 1 A Saga Crepúsculo: Amanhecer - Parte 2 Ted 2 Jurassic World O Incrível Hulk O Segredo da Cabana Paul: O Alien Fugitivo De Volta para o Futuro American Pie 2: A Segunda Vez é Ainda Melhor American Pie 5: O Último Stifler Virgem American Pie 6: Caindo em Tentação Scarface Van Helsing - O Caçador de Monstros Assim na Terra como no Inferno O Sétimo Filho As Aventuras de Peabody e Sherman Golpe Baixo Você Radical: Safari (Filme interativo) Jurassic Park: O Parque dos Dinossauros Código para o Inferno O Virgem de 40 Anos Drácula: A História Nunca Contada Proud Mary: A Profissional A Garota Dinamarquesa Mais Atrapalhado que Mr. Bean Waterworld: O Segredo das Águas Separados pelo Casamento Eu os Declaro Marido... E Larry Casa Comigo? A Grande Mentira O Sombra Alta Tensão Os Batutinhas: Uma Nova Aventura O Grande Milagre Eclipse Mortal Sexo Casual? Se Quiser Diversão, Ligue.... Ethel & Ernest Dragão Vermelho A Grande Aventura de Barney: O Filme Jurassic Park 3 As Apimentadas: Tudo ou Nada Are you the One? - Temporadas 1 e 2 Expresso do Amanhã (Novo episódio) 16/02 Nenhum filme, série e/ou episódio entrou para o catálogo da Netflix neste dia. 17/02 Por Trás de Seus Olhos: 1ª Temporada EUA: A Luta pela Liberdade - 1ª Temporada Assim Falava Kishibe Rohan: 1ª Temporada The Most Unkown O Homem das Multidões   18/02 Nenhum filme, série e/ou episódio entrou para o catálogo da Netflix neste dia. 19/02 Tribes of Europa: 1ª Temporada Eu me Importo   Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Presidente da Argentina afasta ministro da Saúde por vacinar amigos

O Tempo - Mundo A Argentina vem usando a vacina Sputnik, e a imunização tem recebido críticas pela lentidão Veja Mais

Vacina da Pfzer-BioNTech não precisa mais ser armazenada a -70 °C; entenda

canaltech Até então, um dos grandes desafios para a distribuição — e o sucesso — da vacinação contra o novo coronavírus (SARS-CoV-2) era a congelante temperatura de armazenamento (de -70 °C) para as doses da vacina da Pfizer-BioNTech. Nesta sexta-feira (19), a farmacêutica norte-americana Pfizer anunciou que a fórmula continua estável em temperaturas que variam entre -15 °C a -25 °C por até duas semanas. Vacina da Pfizer tem 94% de eficácia, segundo estudo de Israel Pfizer e Moderna começam a testar vacina contra COVID-19 em crianças Vacinas de mRNA contra COVID: o que são e por que vão revolucionar a ciência? A partir de avaliações internas sobre as condições de estabilidade da fórmula contra a COVID-19, os pesquisadores chegaram a esta nova conclusão sobre o armazenamento da vacina. Agora, esta descoberta foi enviada para a agência reguladora dos Estados Unidos, a Food and Drug Administration (FDA), para aprovação do novo protocolo. Com novos possibilidades de armazenamento, vacina da Pfizer contra a COVID-19 deve se popularizar (Imagem: Reprodução/ Hakan Nural/ Unsplash) "A submissão [do novo protocolo] para a FDA inclui dados de estabilidade gerados a partir de lotes fabricados nos últimos nove meses de desenvolvimento da vacina contra a COVID-19, dos lotes que forneceram os primeiros testes clínicos até os lotes [produzidos] em escala comercial, atualmente, em produção. Esses dados também serão enviados às agências reguladoras globais nas próximas semanas", comenta a Pfizer, em nota. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Vacina da Pfizer deve virar "pop" "Temos realizado continuamente estudos de estabilidade para apoiar a produção da vacina em escala comercial, com o objetivo de tornar a vacina o mais acessível possível para profissionais de saúde e pessoas nos Estados Unidos e em todo o mundo”, comentou Albert Bourla, presidente e diretor-executivo da Pfizer, em comunicado. Além disso, Bourla explicou que "trabalhamos para garantir que nossa vacina possa ser enviada e armazenada em condições cada vez mais flexíveis. Se aprovada, esta nova opção de armazenamento ofereceria às farmácias e centros de vacinação maior flexibilidade na forma como administram o fornecimento da vacina”. Em outras palavras, a vacina contra a COVID-19 deve se popularizar, já que as condições de armazenamento a -70 °C restringiam muito o seu uso. Por exemplo, a questão é um dos maiores entraves para adoção do imunizante no Brasil, já que a rede de frios brasileira não suportaria uma campanha nacional com essa demanda de armazenamento. Apenas centros urbanos teriam condição de armazenar as doses, segundo especialistas. Isso porque seriam necessários freezer especiais, agora, equipamentos mais comuns poderiam armazenar o produto de forma estável. Vacina da Pfizer-BioNTech deve aumentar a taxa de efetividade com novo tipo de armazenamento (Imagem: Reprodução/ Torstensimon/ Pixabay ) Maior taxa de efetividade “Nossa principal prioridade era desenvolver rapidamente uma vacina segura e eficaz e disponibilizá-la às pessoas mais vulneráveis do mundo para salvar vidas", afirmou Ugur Sahin, CEO e cofundador da BioNTech. Dessa forma, em um primeiro momento, o principal objetivo era desenvolver uma fórmula com elevada taxa de eficácia, ou seja, capacidade protetora contra a COVID-19. Nesse quesito, o imunizante alcançou uma taxa de 95%, de acordo com os estudos clínicos de Fase 3. Nessas novas condições, a vacina da Pfizer-BioNTech com boa capacidade de proteção contra o coronavírus deve apresentar, agora, uma maior taxa de efetividade contra o coronavírus. Vele explicar que a efetividade é a capacidade de uma vacina controlar uma doença, como a COVID-19, na vida real. Esse processo depende, principalmente, do número de pessoas que tiveram acesso ao imunizante e condições mais simples de armazenamento favorecem ao maior alcance da fórmula. Na corrida por vacinas, a vacina de RNA mensageiro (mRNA) da Pfizer-BioNTech foi a primeira a obter aprovação regulatória no Reino Unido, nos Estados Unidos e na União Europeia, durante o ano passado. No entanto, alguns países tiveram dificuldade de implementar uma vacinação em massa devido a essas condições de armazenamento. A exceção foi Israel — que lidera a vacinação com o imunizante. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

BlizzCon 2021: veja os melhores momentos da feira

BlizzCon 2021: veja os melhores momentos da feira

Tecmundo A BlizzCon 2021 foi realizada na noite desta sexta-feira (19) e trouxe várias novidades empolgantes. Além de informações de jogos que ainda serão lançados, a Blizzard brindou os fãs com um pouco de nostalgia e trouxe de volta games do passado.O Voxel, que transmitiu ao vivo a BlizzCon 2021 no YouTube, separou os melhores momentos do evento para quem não conseguiu acompanhar. Veja, a seguir, tudo o que de melhor rolou na feira online.Leia mais... Veja Mais

Como adicionar uma conta do Gmail no seu celular Android

canaltech O Gmail é uma plataforma gratuita de e-mail do Google que, atualmente, conta com mais de dois bilhões de usuários ativos no mundo. Se você possui duas ou mais contas de e-mail, talvez queira adicioná-las em seu celular para poder gerenciá-las em um só lugar. Como colocar imagem na assinatura do Gmail Como mudar a senha do Gmail de maneira simples Gmail: veja funções do serviço de e-mails que você nem devia saber que existiam Pois saiba que este procedimento é bastante rápido, prático, e pode ser realizado diretamente no app do serviço em seu celular Android. Confira abaixo o passo a passo! Como adicionar uma conta do Gmail no seu celular Android Passo 1: abra o app do Gmail em seu celular e clique no ícone do seu perfil no canto superior direito. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Abra o app do Gmail em seu celular e clique no ícone da sua conta no canto superior direito (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 2: no menu aberto em seguida, clique em “Adicionar outra conta”. Em seguida, clique em "Adicionar outra conta" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 3: selecione Google dentre as opções apresentadas e confirme o seu padrão para poder prosseguir. Selecione o "Google" para adicionar uma conta do Gmail (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 4: digite o endereço de e-mail que você quer adicionar e clique em “Próxima”. Digite o endereço de e-mail e clique em "Próxima" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 5: insira a sua senha e clique novamente em “Próxima”. Insira a sua senha e clique novamente em "Próxima" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 6: na aba seguinte, clique em “Concordo” para finalizar o processo. Clique em "Concordo" na aba seguinte para poder finalizar o processo (Captura de tela: Matheus Bigogno) Como remover uma conta do Gmail no seu celular Android Passo 1: abra o app do Gmail em seu celular, clique no ícone do seu perfil no canto superior direito e, no menu aberto em seguida, clique em “Gerenciar contas neste dispositivo”. Na aba da sua conta, clique em "Gerenciar contas neste dispositivo" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 2: feito isso, selecione a conta que você deseja remover. Selecione a conta que você quer remover (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 3: clique em “Remover conta”. Na aba seguinte, clique em "Remover conta" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 4: na pop-up exibida em seguida, clique em “Remover conta” e a conta será devidamente excluída do seu celular. Na pop-up exibida em seguida, clique em "Remover conta" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Pronto! Agora você pode adicionar ou remover uma conta do Gmail em seu celular Android. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Vitamina D não melhora casos moderados ou graves da COVID-19, diz estudo da USP

canaltech Para auxiliar no tratamento de pacientes contaminados com o novo coronavírus (SARS-CoV-2), pesquisadores avaliam uma série de tratamentos, como o uso de vitamina D, em casos moderados e graves da COVID-19. Uma das ideias por trás deste estudo clínico brasileiro era de que uma parcela significativa de pacientes internados apresentava baixas taxas da vitamina no organismo, além de que a vitamina é conhecida por suas propriedades anti-inflamatórias. COVID-19 | Vitamina D tem alguma relação com infecções pelo coronavírus? Falta de vitamina D é novamente relacionada a sintomas graves da COVID-19 COVID-19 | 80% das pessoas internadas têm deficiência de vitamina D, diz estudo “Estudos anteriores in vitro ou com animais mostraram que a vitamina D e seus metabólitos, em determinadas situações, podem ter efeito anti-inflamatório, antimicrobiano e modulador da resposta imune. Decidimos então investigar se uma dose alta da substância poderia ter efeito protetor no contexto de uma infecção viral aguda, seja reduzindo a inflamação ou diminuindo a carga viral”, comentou a pesquisadora e coordenadora do projeto, Rosa Pereira, para a Agência Fapesp. Pesquisa não identifica a melhora de pacientes com COVID-19 a partir de suplementação de vitamina D (Imagem: Reprodução/ Andrea Piacquadio/ Pexels) A partir disso, o trabalho foi conduzido por pesquisadores da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (FM-USP), com coordenação de Pereira, entre junho e agosto de 2020. No entanto, a suplementação de vitamina D, feita com uma única e alta dose do pró-hormônio em pacientes da COVID-19 não refletiu em melhora no quadro dos internados, de acordo com um estudo publicado no Journal of the American Medical Association (JAMA). -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Como foi o estudo com vitamina D? Para testar a suplementação de vitamina D, os pesquisadores da USP conduziram um ensaio clínico randomizado, duplo-cego e placebo-controlado. Em outras palavras, nem os médicos e nem os pacientes sabiam se estavam recebendo o tratamento ou apenas um placebo. Dessa forma, a evolução da COVID-19 foi avaliada em 240 voluntários atendidos no Hospital das Clínicas, em São Paulo. Os voluntários do estudo foram divididos aleatoriamente em dois grupos, sendo que uma parte recebeu uma única dose de 200 mil unidades (UI) de vitamina D3, diluída em óleo de amendoim e, os demais, apenas o óleo de amendoim. Em paralelo a essa suplementação, todos os participantes foram tratados com o protocolo hospitalar padrão, o que consiste em antibióticos e anti-inflamatórios. Vitamina D pode ser aliada contra a COVID-19? Vitamina D não auxiliou no tratamento de pacientes com casos moderados e graves da COVID-19 (Imagem: Reprodução/ HwangMangjoo/ Rawpixel) Para o estudo, a ideia era avaliar se a suplementação com vitamina D teria um impacto positivo na redução do tempo de internação dos doentes diagnosticados com a COVID-19. Além disso, os pesquisadores buscaram avaliar se haveria redução do risco de internação em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), intubação e óbito entre os voluntários. Para nenhum dos desfechos clínicos avaliados pelo estudo foi observada diferença significativa entre os grupos, ou seja, a Vitamina D não demonstrou ser uma aliada no tratamento destes pacientes contaminados pelo coronavírus. Por outro lado, a suplementação não identificou nenhuma reação adversa grave, exceto o caso de um paciente que vomitou após receber a suplementação. “Até este momento, podemos dizer que não há indicação para ministrar vitamina D a pacientes que chegam ao hospital com a forma grave da COVID-19”, explica Pereira. Sobre esses resultados, Bruno Gualano, pesquisador da FM-USP e coautor do artigo, aponta que “isso não significa, contudo, que o uso continuado de vitamina D não possa exercer alguma ação benéfica” no tratamento para outros casos. Mais pesquisas sobre a vitamina D Para avaliar outros potenciais usos da vitamina D em pacientes da COVID-19, a pesquisadora coordena um segundo estudo também na USP. Neste caso, avalia se indivíduos com níveis suficientes de vitamina D no sangue lidam melhor com a infecção pelo coronavírus do que aqueles com níveis insuficientes da substância no organismo. Uma das dificuldades para a nova empreitada é que o nível ideal de vitamina D no sangue e a dose diária que deve ser suplementada varia de acordo com a idade e as condições de saúde de cada indivíduo. “O ideal é analisar caso a caso, se necessário dosar periodicamente a substância através de exames de sangue e, se for o caso, repor o que falta”, aponta Pereira. Por exemplo, idosos e pacientes com doenças crônicas, como osteoporose, devem ter valores circulantes acima de 30 nanogramas por mililitro de sangue (ng/mL), enquanto adultos saudáveis podem receber valores a partir de 20 ng/mL. O estudo completo sobre a vitamina D, publicado no Journal of the American Medical Association e que recebeu apoio da FAPESP, pode ser acessado aqui. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Confira a lista dos partidos que querem manter Daniel Silveira na prisão

O Tempo - Política Ao todo, 17 partidos orientam votação para manter o parlamentar encarcerado; quatro foram contra manter o deputado recluso e três liberaram a bancada Veja Mais

Nome indicado para comandar Petrobras é diretor da Itaipu e será o primeiro militar a assumir a estatal desde 1989

G1 Economia Indicação de general por Bolsonaro faz parte de uma estratégia do governo de colocar militares em postos de comando das estatais. Jair Bolsonaro indica novo presidente da Petrobras; entenda o caso Com a saída de Roberto Castello Branco da presidência da Petrobras nesta sexta-feira (19), o presidente Jair Bolsonaro anunciou que o general Joaquim Silva e Luna é o presidente indicado para comandar a estatal. Papéis da Petrobras despecam em NY após Bolsonaro indicar novo presidente da estatal Bolsonaro troca presidente da Petrobras; repercussão Bovespa é puxada por forte queda da Petrobras após pressão de Bolsonaro Indicado pelo próprio Bolsonaro, Joaquim Silva e Luna está no comando da Itapu desde janeiro de 2019. Sua indicação faz parte de uma estratégia do governo de colocar militares em postos de comando das estatais. Ele será o primeiro militar a assumir a da Petrobras desde 1989, quando o oficial da Marinha Orlando Galvão Filho deixou o cargo. Bolsonaro anuncia troca de presidente da Petrobras Ele tem pós-graduação em Política, Estratégia e Alta Administração do Exército pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército. Também é pós-graduado, pela Universidade de Brasília, em Projetos e Análise de Sistemas. Durante a carreira no Exército, Silva e Luna comandou o 6º Batalhão de Engenharia de Construção (1996-1998), em Boa Vista (RR), e a 16ª Brigada de Infantaria de Selva (2002-2004), em Tefé (AM). General da reserva do Exército, Silva e Luna foi o primeiro militar a exercer o cargo de ministro da Defesa, no governo do ex-presidente Michel Temer. Ele assumiu o cargo em janeiro de 2018 em substituição a Raul Jungmann. Joaquim Silva e Luna Marcelo Camargo/Agência Brasil Também participou da Missão Militar Brasileira de Instrução no Paraguai e atuou como adido em Israel de 1999 a 2001. Uma troca anunciada Nos últimos dias, o presidente Jair Bolsonaro começou a subir o tom com o rumo da gestão de Castello Branco. A crítica principal era com os sucessivos aumentos de preço dos combustíveis na refinaria — na quinta-feira (18), os preços subiram pela quarta vez em 2020. Com o avanço seguido dos preços dos combustíveis, Bolsonaro indicou que haveria mudanças na companhia. O presidente também prometeu zerar o imposto sobre o diesel e gás de cozinha. A fala preocupou os investidores e as ações da companhia tiveram uma forte queda nesta sexta-feira (19). Em valor de mercado, a companhia perdeu quase R$ 29 bilhões. A Petrobras tem reafirmado que sua política de preços segue o que é praticado no mercado internacional e varia conforme a cotação do petróleo e do dólar. Castello Branco assumiu o comando da Petrobras em janeiro de 2019, logo no início do mandato de Bolsonaro. Sua gestão tem sido marcada por uma política de desinvestimentos, com a venda de refinarias e com a estatal deixando de fazer parte de vários negócios. Quando assumiu, Castello Branco criticou a existência de monopólios e defendeu menor intromissão do Estado na economia. Em 2019, a Petrobras chegou a desistir do aumento do preço do diesel nas refinarias depois de uma determinação do presidente Jair Bolsonaro. Vídeos: Últimas notícias de Economia Veja Mais

Bolsonaro indica Silva e Luna, presidente de Itaipu, para comando da Petrobras

O Tempo - Política Indicação do militar ocorre em meio às críticas do presidente à política de preços da Petrobras Veja Mais

Clubhouse: número de usuários no app aumenta 100% em 16 dias

Clubhouse: número de usuários no app aumenta 100% em 16 dias

Tecmundo O Clubhouse, rede social de áudio, está em alta nas últimas semanas. Segundo dados divulgados pela App Annie, empresa de pesquisas, o aplicativo teve mais de 8,1 milhões de downloads em todo o mundo até o dia 16 de fevereiro. Em 1º de fevereiro, no entanto, a rede social tinha sido baixada apenas 3,5 milhões de vezes. Assim, o número de usuários cresceu mais de 100% em um período de 16 dias. A pesquisa também revelou que a popularidade da plataforma é maior no Reino Unido, Alemanha, Japão, Brasil e Turquia.O Clubhouse é baseado inteiramente em bate-papos de áudio. Não é permitido o envio de mensagens de texto ou imagens dentro da plataforma. Também é possível criar salas de conversas sobre os mais diversos assuntos com pessoas de todo o mundo. Além disso, privacidade não é um problema, já que não é possível gravar as conversas.Leia mais... Veja Mais

Huawei Watch GT2e, mais um relógio que parou no tempo [Análise/Review]

canaltech O Watch GT2e vem com dois pontos de destaque: um design bastante acima da média para o segmento, com uma pegada mais esportiva, e uma bateria que promete durar mais do que a maioria dos modelos disponíveis por aí. Assista ao vídeo. Veja Mais

Japão confirma nova variante do coronavírus no país

canaltech O Japão acaba de confirmar a descoberta de uma nova variante da COVID-19. O anúncio foi feito nesta sexta-feira (19) e, de acordo com o Instituto Nacional de Doenças Infecciosas japonês, a cepa foi encontrada em 91 casos da doença na região leste do país, sendo dois deles em aeroportos. O mundo perdeu 20,5 milhões de anos de vida para a COVID-19, segundo estudo Cães podem detectar COVID-19 com incrível precisão, diz estudo Beber muito álcool pode afetar eficácia da vacina contra COVID-19 Segundo Katsunobu Kato, secretário-geral do Gabinete, o governo está em processo de aumentar a vigilância contra possíveis novas variantes do coronavírus, uma vez que eles podem ser resistentes à vacina que começou a ser distribuída no Japão nesta semana. "Pode ser mais contagiosa do que as cepas convencionais, e se continuar a se espalhar internamente pode levar a um aumento rápido de casos", diz o secretário. Imagem: Reprodução/Viktor Forgacs/Unsplash Segundo as autoridades japonesas, a possibilidade é de que a nova cepa tenha sido originada em outro país, sendo diferente de outros tipos que vêm sendo encontrados eventualmente por lá. A nova variante conta com a mutação E484K na proteína espicular do vírus, que já foi encontrada em outros tipos e que pode representar uma ameaça à eficácia dos imunizantes. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Até o momento, o Japão já registrou 151 casos de variantes do coronavírus vindos do Brasil, África do Sul e Inglaterra. Ao todo, já são mais de 400 mil casos de COVID-19 e 7.194 mortes. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Fala de Daniel Silveira é 'muito grave', diz relatora da prisão do deputado

O Tempo - Política Magda Mofatto é a relatora do processo que discute a manutenção ou não da prisão de Silveira Veja Mais

Daniel Silveira pede desculpas, diz que se excedeu, mas não é risco à democracia

O Tempo - Política 'De maneira alguma me considero um risco à democracia', disse o parlamentar Veja Mais

Após caso Silveira, Lira cria comissão para alteração de imunidade parlamentar

O Tempo - Política A Câmara irá decidir se Daniel Silveira segue preso ou se derruba a decisão referendada pelo plenário do STF nesta semana Veja Mais

Petróleo fecha em queda, com retomada da produção da commodity no Texas

Valor Econômico - Finanças O contrato do petróleo Brent para abril fechou em queda de 1,59%, a US$ 62,91 por barril, e o contrato do WTI para março recuou 2,11%, a US$ 59,24 por barril Os contratos futuros do petróleo fecharam em forte queda nesta sexta-feira (19), pressionados pela expectativa de retomada da produção da commodity no Texas, conforme a onda de frio fora do comum passa pelo sul dos Estados Unidos. Após uma sessão volátil, o contrato do petróleo Brent para abril fechou em queda de 1,59%, a US$ 62,91 por barril, em Londres, depois de oscilar entre a estabilidade e perdas de quase 2,9%. Já o contrato do WTI para março recuou 2,11%, a US$ 59,24 por barril, na Bolsa de Mercadorias de Nova York, depois de chegar a cair quase 3,2% na mínima intradiária. A queda de hoje anula grande parte dos ganhos da semana para o Brent, que encerrou o período em alta de 0,76%, enquanto o WTI recuou 0,38% na semana. O petróleo Brent fechou a US$ 64,34 por barril na quarta-feira (17), na máxima desde janeiro do ano passado, depois que uma onda de frio congelou oleodutos e poços nos EUA, cortando a produção de petróleo texano em 40%, de acordo com o ANZ, que estima que a oferta tenha sido cortada em cerca de 3,5 milhões de barris por dia. A expectativa, agora, é de que as companhias de petróleo comecem a retomar a produção a partir desta sexta, ao mesmo tempo em que os serviços de fornecimento de energia e água começam a ser restaurados no Texas. Além da retomada da oferta americana de petróleo, os investidores seguem atentos também à expectativa de retomada das negociações do acordo nuclear entre os EUA e o Irã. Na noite de ontem, diplomatas americanos anunciaram que podem retomar as negociações com autoridades iranianas nas próximas semanas, gerando especulações de que o Irã volte a exportar mais petróleo. Os investidores estão observando de perto "quão rapidamente o Irã pode retornar ao mercado", disse Bjarne Schieldrop, analista-chefe de commodities do SEB, à Dow Jones Newswires. A expectativa é de que o país some entre 2 e 3 milhões de barris de petróleo por dia à produção global, caso as restrições sejam canceladas, disse. Veja Mais

Havoc: Tom Hardy será um detetive em thriller de ação da Netflix

Havoc: Tom Hardy será um detetive em thriller de ação da Netflix

Tecmundo Tom Hardy (Venom) estrelará Havoc, primeiro filme da nova parceria entre a Netflix e o diretor Gareth Evans (franquia Operação Invasão). De acordo com o Deadline, o cineasta que comandará a produção teria assinado um acordo de exclusividade com o serviço de streaming para lançar diversos títulos nos próximos anos.Segundo as informações, o diretor e a plataforma estariam apenas aguardando a confirmação da entrada do ator no projeto para anunciar o thriller de ação. A trama seguirá um detetive ferido (vivido por Hardy) durante uma problemática movimentação de drogas.Leia mais... Veja Mais

Law & Order: Organized Crime: Stabler pede perdão para Olivia em promo

Law & Order: Organized Crime: Stabler pede perdão para Olivia em promo

Tecmundo A primeira promo divulgada para o novo spin-off de Law & Order (Lei e Ordem), Law & Order: Organized Crime, parece mostrar o Eliott Stabler se desculpando com Olivia Benson após a forma como abandonou a parceira na 13ª temporada de SVU.Durante o episódio desta semana de Law & Order: SVU, o teaser foi exibido. Nele, o personagem de Chris Meloni diz: “Você sabe quanto tempo se passou em que você não pode se comunicar? Dias se tornam meses que se tornam anos e eu continuei esperando pelo momento certo”.Leia mais... Veja Mais

Fiocruz espera receber 2 milhões de doses da AstraZeneca na próxima semana

canaltech No momento, há dois imunizantes sendo aplicados no nosso país: CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório chinês Sinovac, e AZD1222, da Oxford/AstraZeneca, distribuída pela Fiocruz (Fundação Oswaldo Cruz). A Fiocruz anunciou que deve receber até o fim da próxima semana mais 2 milhões de doses da vacina da AstraZeneca. Não é mais 90%? AstraZeneca assume erro de eficácia da vacina da COVID-19 Fiocruz inicia produção da vacina Oxford/AstraZeneca no Brasil; veja prazos AstraZeneca começa a testar remédio anti-coronavírus em humanos Basicamente, Fiocruz fará apenas a rotulagem — uma vez que o material já vem pronto para ser aplicado, foi produzido pelo Instituto Serum, da Índia — para distribuição pelo Programa Nacional de Imunizações. Mais 8 milhões de doses estão previstas pelo acordo com os parceiros AstraZeneca e Instituto Serum, mas ainda não há data prevista para o recebimento. Em janeiro deste ano, a Fiocruz já havia recebido 2 milhões de doses da vacina. A estratégia de receber doses prontas é uma iniciativa paralela à produção própria feita pela Fiocruz, a partir da importação do Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA). Vale lembrar que no início do mês, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estimou que o Brasil receberá 10,6 milhões de doses da vacina ainda no primeiro semestre de 2021, através da aliança intitulada Covax Facility, que tem a premissa de ajudar países em desenvolvimento a ter acesso a vacinas contra a COVID-19.  -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Vacina de Oxford/AstraZeneca Fiocruz espera receber 2 milhões de doses da AZD1222, vacina produzida pela Universidade de Oxford e pela AstraZeneca, na próxima semana(Imagem: Thirdman/Pexels) A AZD1222 utiliza um vírus inativado, o Adenovírus, como vetor de parte do material genético do SARS-CoV-2, que produz a proteína que gera a resposta imune. A estimativa é que sejam entregues, até o final de março, 15 milhões de doses da vacina para o Programa Nacional de Imunizações (PNI), do Ministério da Saúde. Até julho, o número de doses deve chegar a 100,4 milhões. A eficácia da vacina foi de 70,4%. Em novembro, a biofarmacêutica precisou esclarecer isso, porque deixou a entender que a eficácia era de 90%. Isso porque um grupo de voluntários que recebeu uma dose menor parece ter obtido uma proteção melhor do que aqueles que receberam a aplicação de duas doses inteiras. No grupo com as doses menores, de acordo com a AstraZeneca, a eficácia foi de 90%, enquanto o outro grupo que recebeu a vacina completa a potência foi de apenas 62%.  Essa taxa de eficácia de 70% quer dizer que uma pessoa vacinada possui 70,4% menos chances de contrair doença causada pelo vírus SARS-CoV-2 comparado a uma pessoa que não recebe a vacina. Por exemplo, considerando que uma cidade de 1 milhão de habitantes terá 100 mil casos de COVID-19, caso toda a população seja imunizada, a vacina irá prevenir 70 mil desses casos. Nesta matéria especial, explicamos como funciona a taxa de eficácia das vacinas e como ela é calculada. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Para ex-chefe, Silva e Luna é o “mais civil entre os militares”

Valor Econômico - Finanças É assim que Aldo Rebelo, ex-ministro da Defesa, define o futuro presidente da Petrobras, o general Joaquim da Silva e Luna “É o mais civil dos militares.” É assim que Aldo Rebelo, ex-ministro da Defesa, define o futuro presidente da Petrobras, o general Joaquim da Silva e Luna. Quando assumiu a Pasta, em 2015, Rebelo pinçou o mais focado de seus secretários para o segundo posto na hierarquia que, na Defesa, é a secretaria-geral. Era Silva e Luna quem recebia as demandas dos comandantes das Forças e tinha que arrumar dinheiro para atendê-los Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua

canaltech Parece que a parceria entre a Rússia e a China para o desenvolvimento da futura estação de pesquisa International Lunar Research Station (ILRS) está avançando: de acordo com informações da Roscosmos, a agência espacial russa, o país está se preparando para assinar um memorando de entendimento com a China para trabalharem, juntos, nesta estação lunar. Montagem da estação espacial Gateway começará em 2023 na órbita da Lua Conheça todas as estações espaciais já lançadas à órbita da Terra China deve iniciar a construção de sua terceira estação espacial no ano que vem Segundo informações da Roscosmos enviada por e-mail ao portal Space News, “foram finalizados os procedimentos domésticos para harmonizar o memorando de entendimento entre o governo da Federação Russa e o da República Popular da China, em uma cooperação para criar a International Lunar Research Station”. Eles ainda não definiram a data em que o documento será assinado e, para isso, seguem em discussões com parceiros chineses. Ainda de acordo com a agência espacial, o anúncio oficial dos planos de criação da ILRS deverá coincidir com os eventos internacionais da Global Space Exploration Conference, que será realizada em São Petersburgo no mês de junho. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Arte conceitual da ILRS, mostrando também a missão russa Luna 27 (Imagem: Reprodução/Andrew Jones/Twitter) Essa indicação de que a Rússia deverá colaborar com a China para a construção da ILRS não é exatamente recente: no ano passado, Dmitry Rogozin, diretor da Roscosmos, declarou que ambas as nações concordaram que provavelmente iriam trabalhar juntas na construção de uma base de pesquisa lunar. O posicionamento foi reafirmado por Zhang Kejian, diretor da agência Administração Espacial Nacional da China (CNSA). Agora, o novo desdobramento ocorre depois de a Rússia ter decidido não se juntar aos oito países que assinaram os Acordos Artemis em outubro do ano passado. Trata-se de um conjunto de princípios relacionados a todas as atividades da exploração lunar, que devem ser seguidos pelas nações interessadas em participar do programa Artemis, da NASA. Para Bleddyn Bowen, professor de relações internacionais da Universidade de Leicester, a decisão russa de trabalhar com a ILRS não surpreende: "esse memorando de entendimento se encaixa em uma tendência maior, na qual a Rússia se aproxima da China", explicou ele, reforçando que o acordo se baseia na cooperação existente na ciência, compartilhamento de dados e exploração lunar. "Mas esse é apenas um memorando de entendimento, então temos que esperar para ver o que vem disso, se é que há algo", finaliza. A estação de pesquisa deverá ficar no polo sul lunar, e tem o objetivo de estabelecer a presença robótica de longo prazo na Lua no início da década de 2030, além da presença humana sustentável. As missões chinesas Chang'e 6, 7 e 8 serão cruciais para a construção da estação, junto da missão russa Luna 27. Estas etapas iniciais do trabalho serão feitas principalmente pela China e Rússia, enquanto outros países vão contribuir mais discretamente — em contraste ao programa da Estação Espacial Internacional, mais complexo e integrado a outros países. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Lançamentos da Netflix na semana (19/02/2021) Veja Mais

Daniel Silveira ainda enfrentará processos na Câmara, no STF e no PSL

O Tempo - Política Um dos processos, o de cassação deve ter início na próxima semana, com a reativação do conselho de ética da Câmara Veja Mais

Bolsonaro troca presidente da Petrobras; repercussão

G1 Economia Presidente Jair Bolsonaro anunciou Joaquim Silva e Luna para a presidência da estatal no lugar de Roberto Castello Branco. Jair Bolsonaro anuncia novo presidente da Petrobras; entenda o caso O anúncio feito pelo presidente Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (19) de que Joaquim Silva e Luna será indicado para comandar a Petrobras no lugar de Roberto Castello Branco recebeu críticas de antigos aliados. "Lastimável a decisão do governo de tirar Roberto Castello Branco do comando da Petrobras", disse Salim Mattar, ex-secretário de Desestatização do Ministério da Economia. Nome indicado para comandar Petrobras é diretor da Itaipu e será o primeiro militar a assumir a estatal desde 1989 Papéis da Petrobras despecam em NY após Bolsonaro indicar novo presidente da estatal Bovespa é puxada por forte queda da Petrobras após pressão de Bolsonaro Veja abaixo a repercussão sobre troca de comando na estatal. Salim Mattar, ex-secretário de Desestatização do Ministério da Economia "Lastimável a decisão do governo de tirar Roberto Castello Branco do comando da Petrobras. Roberto é um profissional extremamente qualificado que tirou a empresa literalmente do fundo do poço após o maior escândalo de corrupção do planeta. Em seu lugar será nomeado mais um militar." Rodrigo Maia, deputado federal pelo DEM-RJ "Sinal da força da agenda liberal e das privatizações no governo Bolsonaro", ironizou o ex-presidente da Câmara dos Deputados, no Twitter. Bolsonaro anuncia troca de presidente da Petrobras Felipe Salto, diretor-executivo da Instituição Fiscal Independente (IFI) "Vejamos, qual a justifica para catapultar o Castello Branco? Manda (no preço) quem pode e obedece quem tem juízo? Que boa coisa a se fazer para acalmar os ânimos do mercado. Que decisão acertada, em meio ao caos, não é mesmo?" Gustavo Franco, ex-presidente do Banco Central "Boa tarde, Venezuela", disse o economista. Rodrigo de Castro, líder do PSDB na Câmara dos Deputados “A troca do comando da Petrobras anunciada na noite desta sexta é uma sinalização muito ruim ao mercado e também aos preceitos da administração pública e, dada a movimentação do governo de ontem para hoje, pode sugerir interferência política indevida na empresa.” Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

Papéis da Petrobras despecam em NY após Bolsonaro indicar novo presidente da estatal

G1 Economia Ativos da companhia operavam com perdas de 13,59% no after market, cotados a US$ 9,35, depois de uma queda de 7,12% no pregão regular. Jair Bolsonaro indica novo presidente da Petrobras; entenda o caso Os ADrs (Recibos de Depósitos; certificados de ações) da Petrobras em Nova York registram forte queda na noite desta sexta-feira (19), após o presidente Jair Bolsonaro indicar o general Joaquim Silva e Luna, atual diretor da Itaipu Binacional, para o comando da estatal. Bolsonaro troca presidente da Petrobras; repercussão Bovespa é puxada por forte queda da Petrobras após pressão de Bolsonaro Às 20h49 (horário de Brasília), os ativos Petroleo Brasileiro S/A ADR operavam com perdas de 13,59% no after market, cotados a US$ 9,35, depois de uma queda de 7,12% no pregão regular. No mesmo horário, os da Petroleo Brasileiro S/A ADR A, por sua vez, registravam queda de 14,88%, cotados a US$ 9,14. Bolsonaro indica general Joaquim Silva e Luna para a presidência da Petrobras "É uma situação muito delicada, principalmente por ter acontecido de forma tão desordenada. Porque ficou claro que há uma disputa em torno da política de preços da Petrobras, e isso é uma situação que fragiliza muito a empresa. Passa uma insegurança pros investidores", disse à Reuters o professor do Instituto de Economia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Edmar de Almeida. O general Joaquim Silva e Luna está no comando da Itapu desde janeiro de 2019. Sua indicação faz parte de uma estratégia do governo de colocar militares em postos de comando das estatais. Ele será o primeiro militar a assumir a da Petrobras desde 1989, quando o oficial da Marinha Orlando Galvão Filho deixou o cargo. Vídeos: Últimas notícias de Economia Veja Mais

Câmara decide manter prisão de Daniel Silveira

O Tempo - Política Maioria dos parlamentares decidiu manter a prisão do deputado que publicou vídeo com ataques ao STF Veja Mais

Blizzard anuncia expansão 'Ano do Grifo' com novas cartas e modo de jogo

Blizzard anuncia expansão 'Ano do Grifo' com novas cartas e modo de jogo

Tecmundo A Blizzard anunciou, na noite desta sexta-feira (19) durante a BlizzCon, várias novidades para Hearthstone. O jogo de cartas, que comemorará o “Ano do Grifo”, receberá, entre outras coisas, novas cartas e um novo modo de jogo.A expansão Ano do Grifo terá um novo conjunto essencial, com uma seleção de 235 novas cartas, incluindo 29 inéditas. Tudo estará disponível gratuitamente para os jogadores. Cards conhecidos foram reformulados, como o caso de "Asa da Morte" e "Destruidor".Leia mais... Veja Mais

The Flash: Sasha Calle vai interpretar a Supergirl no filme

The Flash: Sasha Calle vai interpretar a Supergirl no filme

Tecmundo A DC Comics anunciou nesta sexta-feira (19) a atriz escolhida para interpretar a Supergirl no filme The Flash, previsto para estrear nos cinemas em 2022. Trata-se de Sasha Calle, que ganhou destaque na novela The Young and the Restless, exibida nos Estados Unidos, pela qual foi indicada ao Emmy.Segundo o Deadline, o diretor do longa Andy Muschietti escolheu a atriz de 25 anos após realizar testes com mais de 400 candidatas, incluindo atrizes do Brasil, México, Argentina, Colômbia e Estados Unidos. Elas só ficaram sabendo qual seria o papel disponibilizado pelo estúdio nas últimas etapas do processo, realizadas por meio de videoconferências no Zoom, por causa da pandemia do novo coronavírus. Leia mais... Veja Mais

Blizzard revela relançamento de Burning Crusade de WoW para 2021

Blizzard revela relançamento de Burning Crusade de WoW para 2021

Tecmundo A Blizzard anunciou, na noite desta sexta-feira (19), durante a BlizzCon, a recriação da expansão Burning Crusade de World of Warcraft. O relançamento está marcado para este ano, sem uma data específica, para PC e Mac.Burning Crusade foi lançado pela primeira vez em 2007. De acordo com a Blizzard, o relançamento proporcionará aos jogadores “a oportunidade de voltar à Terralém de antigamento para reviver uma era de aventuras atemporais – ou de ver o que aguarda além do Portal Negro pela primeira vez”.Leia mais... Veja Mais

NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte

canaltech Em julho do ano passado, a missão Mars 2020, da NASA, foi lançada. Agora, depois de uma jornada de sete meses, o rover Perseverance pousou com sucesso na cratera Jezero, levando consigo o helicóptero Ingenuity. O momento do pouso foi um dos mais desafiadores da missão, e foi registrado em imagens impressionantes feitas pelas câmeras do estágio descendente do Perseverance e pela câmera HiRISE, que integra a sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO). Veja as primeiras fotos tiradas pelo Perseverance logo após o pouso em Marte Perseverance: NASA pousa seu quinto rover em Marte e buscará por sinais de vida Esses 5 itens estão indo para Marte "de carona" com o rover Perseverance Ao longo dos chamados “sete minutos do terror”, uma sequência complexa de manobras foi feita para o Perseverance pousar em segurança na superfície de Marte: depois da reentrada na atmosfera marciana, a velocidade dele foi reduzida de 20 mil km/h para 1.500 km/h. Depois, os paraquedas do rover foram acionados para ajudar na desaceleração, seguidos da ativação de radares para buscar um local seguro e sem obstáculos para o pouso. A imagem abaixo foi feita por uma câmera integrada ao estágio descendente que o sustentava, e o registrou a apenas 2 metros de distância do solo: -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- O Perseverance durante a descida, próximo da superfície de Marte(Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech) Essa é a primeira foto já feita com câmeras montadas no sistema de entrada, descida e pouso do veículo, e faz parte de um vídeo que foi feito mostrando esta etapa. Na imagem, é possível ver os fios de nylon que sustentavam o rover durante a descida, já próximo da superfície da cratera Jezero. Contudo, este não foi o único registro do pouso: o momento da descida pela atmosfera de Marte, com os paraquedas abertos, também foi flagrado pela câmera High Resolution Imaging Experiment (HiRISE), que integra a sonda MRO. Confira a imagem feita pela sonda: O estágio descendente com o rover, durante a descida pela atmosfera marciana (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech) Quando essa foto foi feita, a HiRISE estava a cerca de 700 km de distância do Perseverance, e se movia à velocidade de 3 km/s — essas duas condições representaram desafios consideráveis para o registro, que só pôde ser feito devido à grande precisão do posicionamento da MRO, para que o Perseverance estivesse visível para a câmera no momento certo e na hora certa. Agora que já está na superfície de Marte, o Perseverance tem bastante trabalho pela frente: o veículo irá investigar o Planeta Vermelho em busca de possíveis bioassinaturas na cratera Jezero, onde pode haver vestígios deixados por formas de vida antiga, caso tenha existido por lá. Além disso, o rover vai coletar amostras de rochas e do solo da cratera, que serão armazenadas em tubos especiais. Futuramente, essas amostras serão coletadas por uma missão feita em parceria com a Agência Espacial Europeia (ESA), e então trazidas à Terra para estudos em laboratórios. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Lançamentos da Netflix na semana (19/02/2021) Veja Mais

Como identificar golpes via SMS

canaltech Oi, gente! Hoje quero falar sobre um assunto muito importante. A tecnologia trouxe várias soluções que deixam tudo mais prático, né? Hoje em dia é tão fácil resolver coisas pelo smartphone, dá para trocar mensagens, guardar fotos na nuvem e até mesmo fazer operações bancárias com poucos toques na telinha. Como agir após cair em um golpe cibernético? Seis dicas para não cair em golpes de phishing Isso tudo é possível porque existem vários aplicativos que são ferramentas incríveis para ganhar tempo e encontrar soluções simples. Bem legal, né? Mas gente, olha só! É importante tomar cuidado na internet, porque toda essa facilidade também acaba tendo um lado ruim :( É que muitas vezes golpistas usam dessa comodidade para se aproveitar das pessoas na internet. E na maioria das vezes, as vítimas nem percebem que estão caindo em um! Por exemplo: eles enviam mensagens fazendo se passar pelo seu banco, quando, na verdade, só querem ter acesso a suas informações, então é muito importante ter cuidado com isso, tá? -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Normalmente essas mensagens são bem convincentes, e por isso é difícil identificar se elas são mesmo falsas ou não, mas eu vou te dar algumas dicas que vão te ajudar a garantir sua segurança. Olha só! Não clique em links Essas mensagens costumam chegar com links, dizendo que é para atualizar dados, fazer um novo cadastro ou qualquer coisa do tipo. Mas, qualquer que seja a intenção da mensagem, a dica é não clicar em links externos nem fazer download de arquivos anexos, viu? A chance de isso ser um golpe é bem grande! Não ligue para qualquer número Gente, outro detalhe comum nessas mensagens é que elas passam um número de telefone para você entrar em contato. Muitas pessoas acreditam que, por isso, a mensagem pode ser mesmo um pouco mais segura, mas não é o caso, tá? Não ligue para números assim. Se você quiser entrar em contato com o seu banco, por exemplo, o certo é sempre procurar na internet o número oficial de atendimento. Encontrar esses números é bem fácil, é só acessar o site oficial do banco :) Nunca informe suas senhas Sua senha é uma informação secreta e pessoal. Bancos e serviços em geral nunca vão pedir que você passe sua senha, viu? Suspeite se você receber uma mensagem pedindo sua senha ou dados pessoais. Se você estiver em dúvida, entre em contato com seu banco, mas nunca passe sua senha para ninguém, tá? Dê uma pesquisada no número Normalmente quem aplica esses golpes faz isso com várias pessoas diferentes. Tenho uma dica bem legal! Você pode pesquisar na internet o número que está enviando essas mensagens. Se for um golpe, com certeza você vai encontrar reclamações de outras pessoas em relatos postados por aí. Cuidado com mensagens surpresa Esses golpes acontecem bem quando você menos espera, ou seja, sem que você tenha entrado em contato com o banco ou feito qualquer solicitação. Se esse for o caso, já desconfie! Na maioria das vezes elas chegam dizendo que o banco está atualizando de algum serviço, e por isso precisam confirmar seus dados. Fique de olho, não acredite nesse tipo de mensagem, tá? Cuidados extra Se alguma dessas mensagens chegar em seu celular e você suspeitar do golpe, você pode bloquear o número. Mas não responda, tá? Responder essas mensagens mostra que seu número está ativo, e então a chance de as mensagens golpistas continuarem chegando é grande. A melhor forma de lidar é bloqueando aquele número. Ah! Um detalhe importante é que você não informe seu número publicamente em redes sociais ou sites que não são da sua confiança. Essas mensagens costumam ser enviadas através de computadores capazes de mandar várias de uma vez só. Esse processo é chamado de “smishing”. A palavra é uma mistura entre SMS e “phishing”, que é o nome dado ao golpe onde criminosos tentam conseguir os dados das vítimas enganando elas com mensagens falsas como, por exemplo, através do e-mail ou SMS. E você? Já desconfiou de alguma mensagem estranha que chegou em seu celular? Mande para seus amigos e espalhe essas dicas! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Relatora Magda Mofatto dá parecer para manutenção de prisão de Daniel Silveira

O Tempo - Política Deputada classificou a decisão do ministro Alexandre de Moraes, que determinou a prisão inicialmente, como "correta, necessária e proporcional" Veja Mais

Governo de MG lança Plano Estadual de Desenvolvimento da Cozinha Mineira

O Tempo - Diversão - Magazine A iniciativa visa promover políticas públicas para o fomento, posicionamento e fortalecimento da gastronomia em Minas Gerais Veja Mais

Netflix renova Fate: A Saga Winx para segunda temporada

canaltech A Netflix anunciou na última quinta-feira (18) a renovação de Fate: A Saga Winx, série original que chegou ao catálogo em janeiro e dividiu opiniões entre o público. A produção é adaptada da animação infantil de 2004, que durou oito temporadas e apresentou seis fadas com poderosas habilidades dispostas a salvar o universo. Fate: A Saga Winx peca como adaptação, mas oferece narrativa moderna Os lançamentos da Netflix em fevereiro de 2021 Pela crítica especializada, Fate teve uma má recepção, adquirindo apenas 35% de aprovação baseado em 17 reviews. A maior rejeição, no entanto, partiu do público, que não ficou satisfeito com a fidelidade do figurino, personagens e poderes da história baseada no desenho. Mesmo assim, a série permaneceu no Top 10 da Netflix por dias seguidos, além de ser altamente comentada nas redes sociais, o que justifica sua renovação em tão pouco tempo. QUANDO DAMOS NOSSAS MÃOS ????????????NOS TORNAMOS PODEROSAS ????????pq a 2ª temporada de Fate: A Saga Winx tá CON-FIR-MA-DA! ????‍♀✨ pic.twitter.com/3fUbbmfflj -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- — netflixbrasil (@NetflixBrasil) February 18, 2021 De acordo com o The Wrap, a segunda parte de Fate: A Saga Winx terá oito episódios de uma hora cada, dois a mais do que a primeira temporada. O elenco já confirmado para os novos episódios incluem Abigail Cowen como Bloom, Hannah van der Westhuysen como Stella, Precious Mustapha como Aisha, Eliot Salt como Terra e Elisha Applebaum como Musa. A série deve entrar em produção ainda esse ano, na Irlanda. Assine a Disney+ por R$ 27,90 por mês ou R$ 279,90 por ano "Notícias adicionais de elenco para a segunda temporada serão anunciadas em uma data posterior", declarou um porta-voz da Netflix para o veículo estrangeiro. Ainda não há nada confirmado, mas os fãs esperam a possibilidade de Flora ou Tecna surgir na nova temporada, já que foram "esquecidas" nos primeiros episódios. "Você nunca sabe quem pode aparecer no Alfea no próximo semestre...", declarou o showrunner e produtor executivo Brian Young no comunicado da renovação. Fate: A Saga Winx retornará para segunda temporada (Imagem: Divulgação / Netflix) Fate: A Saga Winx segue a jornada de amadurecimento e aperfeiçoamento das habilidades de cinco fadas que frequentam Alfea, um conceituado colégio para seres místicos. Após Bloom, a fada de fogo, ingressar na instituição, muitos mistérios acabam sendo revelados que mostram que a aluna possui um passado muito maior com o internato do que ela pensa. Assine Amazon Prime por R$ 9,90/mês e ganhe frete grátis, catálogo de filmes e séries que compete com a Netflix, livros, músicas e mais! Teste 30 dias grátis! A primeira temporada está disponível na Netflix. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Commodities: Exportações fracas dos EUA motivam queda do milho em Chicago

Valor Econômico - Finanças Trigo também recuou, enquanto cotações da soja subiram As fracas exportações americanas de milho na semana encerrada no dia 11 de fevereiro pressionaram as cotações do cereal em Chicago nesta sexta-feira. Os papéis para maio caíram 1,32% (7,25 centavos de dólar), para US$ 5,4175 o bushel. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Facebook traz ao Brasil a sua Central de Informações sobre a Ciência do Clima

canaltech O Facebook anunciou, nesta quinta-feira (18), que finalmente está trazendo sua Central de Informações sobre a Ciência do Clima para o Brasil. Inicialmente conhecida como Climate Science Information Center, a plataforma estava disponível na França, Alemanha, Reino Unido e Estados Unidos; agora, desembarca no Brasil, Bélgica, Canadá, Índia, Indonésia, Irlanda, México, Holanda, Nigéria, Arábia Saudita, Espanha, África do Sul e Taiwan. Facebook é acusado de inflar métricas para lucrar mais com publicidade Como colocar um link para o seu WhatsApp no perfil do Facebook Como acessar a lixeira do Facebook e gerenciar seus posts “O Centro de Informações da Ciência do Clima conecta pessoas no Facebook com notícias baseadas na ciência, informações acessíveis e recursos das principais organizações de mudança climática do mundo. O centro inclui imersões aprofundadas que vão além dos fatos básicos, bem como maneiras de se envolver com o tema”, explica a rede social, em um comunicado publicado em seu blog oficial. A Central já pode ser acessada e agrupa uma série de conteúdos sobre as mudanças climáticas: artigos explicativos (desmentindo notícias falsas sobre o tema), notícias de órgãos competentes (incluindo o Programa da ONU para o Meio Ambiente), gráficos com temperaturas médias ano-a-ano, estatísticas sobre o tema, dicas de como colaborar enquanto cidadão e até desafios periódicos virais. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Imagem: Captura de Tela/Canaltech O atual desafio, batizado de #OurPlanetChange, que incentiva os internautas a compartilharem fotografias de locais que gostariam de proteger contra os impactos do aquecimento global. Ademais, para apoiar a redução no nível de carbono na atmosfera, a rede social anunciou uma doação de US$ 100 mil para a Arbor Day Foundation, famosa ONG dedicada a preservação ambiental. “Como afirma Nancy Groves, do Programa Ambiental da ONU: ‘Um planeta saudável depende de todos, em todos os lugares, e isso começa com as pessoas tendo acesso a informações precisas e oportunas. Esperamos continuar a trabalhar com o Facebook neste novo esforço para dissipar mitos e fornecer acesso à ciência’”, finaliza a plataforma. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Terceira temporada de F1: Dirigir para Viver chega em março na Netflix

canaltech A Netflix confirmou nesta sexta-feira (19) que a terceira temporada da série documental F1: Dirigir Para Viver estreia na plataforma em exatamente um mês, no dia 19 de março. Mais uma vez, a série trará os bastidores e conflitos internos, bem como aqueles que foram exibidos aos olhos do público, a partir da visão de pilotos e dirigentes das 10 escuderias que formam o grid da principal categoria do automobilismo mundial. Cidade Invisível | Conheça as lendas do folclore que estão na série da Netflix Hotel Cecil: as tragédias do hotel que é tema da nova série da Netflix Fez história: Bridgerton é o título da Netflix mais assistido de todos os tempos A terceira temporada, que deveria retratar as comemorações dos 70 anos da modalidade, acabarão por relatar um ano complicado para a Fórmula 1 e, também, para a própria produção. As gravações chegaram a ser interrompidas, junto com a temporada em si, devido à pandemia do novo coronavírus. Em 2020, a modalidade contou com um calendário reduzido, com 17 corridas em vez das 22 previstas, e o cancelamento de provas em países estreantes, como o Vietnã, e consagradas, como os Grandes Prêmios de Monaco e do Brasil. Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por FORMULA 1® (@f1) -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Como na temporada passada, a Netflix conta mais uma vez com a participação de todas as equipes da competição, incluindo a Ferrari e a Mercedes, do heptacampeão Lewis Hamilton, que não participaram da estreia do seriado. O número de episódios não foi revelado pelo serviço de streaming, mas a expectativa é por uma temporada de 10 capítulos, como nos anos anteriores. Assine a Disney+ aqui e assista a títulos famosos da Marvel, Star Wars e Pixar quando e onde quiser! Retornam, também, as figuras consagradas pelo seriado, que ganharam atenção extra do público, como o chefe da equipe Haas F1, Günther Steiner, e pilotos que sempre garantem o show, como Daniel Ricciardo (à época, dirigindo pela Renault). Os conflitos pessoais, claro, também devem ganhar espaço, em um ano que também marcou uma grande dança das cadeiras entre competidores iniciantes, em busca de seu espaço, e aqueles que tentavam garantir sua permanência na Fórmula 1. Temporada 1: F1: Dirigir Para Viver mostra a tensão por trás do circo Temporada 2: F1: Dirigir Para Viver traz pressão à competição morna O anúncio da terceira temporada de F1: Dirigir para Viver foi feito em agosto. Na ocasião, a Netflix citou os números positivos do seriado e elogiou a parceria com a Liberty Media, dona dos direitos de transmissão e licenciamento da categoria em todo o mundo. A série, inclusive, faz parte de um esforço da empresa para levar a modalidade a diferentes mídias, o que também inclui um aplicativo oficial de streaming das provas e até acordos com o YouTube, que envolveram a transmissão do Grande Prêmio de Eifel, em outubro, sendo o primeiro com transmissão gratuita por meio da plataforma. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Lira diz estar trabalhando para que auxílio emergencial saia entre março e junho

Valor Econômico - Finanças “Vamos trabalhar para que, com a aprovação do Senado, a PEC Emergencial já tenha o Orçamento de guerra [para fazer o pagamento do auxílio]”, disse o presidente da Câmara O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), afirmou nesta sexta-feira (19) que está trabalhando junto com o Senado para que o pagamento do auxílio emergencial ocorra entre março e junho, mas que o programa foi atrapalhado pela falta de um Orçamento este ano e pela demora na PEC Emergencial e que ainda não há uma decisão sobre os valores. “O auxílio é necessário, foi no momento da primeira pandemia, mas é uma ajuda transitória”, disse. “Vamos trabalhar para que, com a aprovação do Senado, a PEC Emergencial já tenha o Orçamento de guerra [para fazer o pagamento do auxílio]”, disse. Segundo Lira, a PEC Emergencial terá um rito mais rápido no Senado, pelo regimento daquela Casa, e deve ser votada no dia 25 em plenário, em primeiro turno, e na semana seguinte, em segundo turno. “Não terminaremos a PEC Emergencial em fevereiro, estabelecemos prazo de três meses na Câmara e Senado”, disse. A votação da PEC depende da instalação das comissões permanentes, que ele afirmou querer que ocorra na próxima semana. O presidente da Câmara afirmou que foi estabelecido um calendário para as reformas, que a Câmara tratará da administrativa e que ele decidirá junto com Pacheco qual Casa analisará primeiro a reforma tributária, após o parecer do deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) ser entregue na comissão mista do Congresso. Após a sessão que determinou a manutenção da prisão do deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) por ataques ao Supremo Tribunal Federal (STF), Lira disse que isso é página virada e que as agendas que realmente importam para o país serão tratadas. “O Brasil não pode parar, está com problema de pandemia, problema de vacinas, problema de enchentes, as reformas precisam andar”, afirmou. Veja Mais

Diablo 4 terá mundo aberto com muitas quests, PvP e personalização

Diablo 4 terá mundo aberto com muitas quests, PvP e personalização

Tecmundo Hoje (19), a Blizzard anunciou diversas novidades de Diablo IV durante a BlizzConline 2021, como a classe Renegada, que ganhou um trailer incrível. Entretanto, após o fim da cerimônia de abertura, os desenvolvedores do jogo comentaram muitas informações, incluindo a confirmação de que Diablo 4 será um mundo aberto e cheio de atividades.De acordo com os desenvolvedores, o jogo terá um mapa enorme em que os jogadores podem explorar, fazer quests específicas de cada classe espalhadas pelo cenário (com várias facções diferentes), limpar acampamentos corrompidos pelas forças sombrias para criar pontos de viagem rápida (e outros recursos, como ferreiros e outros NPCs). O mundo estará em constante mudança e há muito mais do que foi relatado. A ideia é sair das áreas conectadas (e em grande maioria procedurais) de Diablo 3 e ter uma experiência mais fluida e com aspectos mais modernos.Leia mais... Veja Mais

Os bilhões de vírus que vivem em nosso corpo e ajudam a nos manter saudáveis

Glogo - Ciência Os vírus são os organismos mais numerosos na Terra - e nem todos eles fazem mal às espécies com as quais interagem. Muitos vírus estão envolvidos em processos essenciais do nosso organismo e fazem parte de nosso ecossistema interno Getty Images via BBC Você provavelmente já ouviu falar do microbioma humano, a coleção de micro-organismos como bactérias e fungos com os quais compartilhamos nosso corpo, incluindo a pele e o microbioma intestinal. Mas o que você sabe a respeito do "viroma"? É a soma de todos os vírus em nosso corpo, encontrados em todos os tecidos, do sangue ao cérebro, e até mesmo entrelaçados no código genético dentro de nossas células. Os vírus são os organismos mais numerosos na Terra. Embora se acredite que temos aproximadamente o mesmo número de células bacterianas que células humanas em nosso corpo (cerca de 37 trilhões), provavelmente temos pelo menos 10 vezes mais partículas de vírus. Muitos desses vírus estão envolvidos em processos corporais essenciais, fazendo parte do nosso ecossistema interno. Talvez possamos até dizer que não sobreviveríamos por muito tempo se todos eles desaparecessem. No entanto, ainda temos um longo caminho pela frente antes de sermos capazes de entender exatamente o que a maioria desses vírus faz, ou até mesmo o que a maioria deles é. Estima-se que o campo da virologia tenha explorado até agora apenas cerca de 1% da diversidade viral existente. A maioria dos vírus permanece desconhecida — eles são o que alguns cientistas chamam de "matéria escura viral". Patógenos Apesar disso, eles estão presentes em todas as partes do nosso corpo. Um estudo liderado pelo pesquisador Kei Sato, da Universidade de Tóquio, no Japão, publicado em junho de 2020, encontrou vírus em tecidos humanos do cérebro, sangue, rins e fígado. A equipe de Sato queria quantificar esses vírus para criar um "atlas" viral do tecido humano. Eles fizeram isso comparando os dados da sequência de RNA com os das bibliotecas existentes de genomas virais, mas isso significava que eles só podiam contar os poucos vírus conhecidos que já estavam catalogados. Segundo Sato, isso quer dizer que atualmente há um viés na busca por vírus conhecidos, em sua maioria nocivos, os chamados "patógenos". "Além dos vieses em nossas bibliotecas de referência genética, é difícil coletar amostras em tecidos saudáveis ​​além do intestino, o que significa que podemos estar ignorando muitos vírus inofensivos ou inclusive potencialmente benéficos", explica. Má interpretação É fácil pensar nos vírus como invasores forasteiros maliciosos. Depois de entrar em contato com a superfície de uma célula humana, um vírus injeta seu código de DNA ou RNA, sequestrando o maquinário da célula e transformando-a efetivamente em uma fábrica para a produção de novos vírus. Se você imaginar um vírus agora, pense que sua capa de proteína é semelhante a uma nave espacial, chamada "capsídeo", que ele usa para se transportar entre as células. Talvez você já tenha visto a imagem do coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19, o Sars-CoV-2, com sua "coroa" formada por pontas que cobrem a superfície do capsídeo. No entanto, os vírus não são tão estranhos quanto podem parecer. O termo "vírus", na verdade, descreve entidades com atributos muito diversos. "Às vezes, nossas palavras para nos referirmos às coisas do mundo não correspondem realmente ao que existe", diz o professor Frederic Bushman, especialista mundial em microbioma humano da Universidade da Pensilvânia, nos EUA. Por exemplo, os vírus podem ser transmitidos por meio de uma ampla variedade de mecanismos. Para alguns, nos chamados retrovírus endógenos, o DNA viral passa diretamente entre as células humanas porque estão integradas aos cromossomos. Na verdade, 8% do genoma humano é composto por esses retrovírus endógenos. Sars CoV-2, o causador da Covid-19 Getty Images via BBC Apenas uma pequena fração, menos de 2%, do nosso DNA codifica a produção direta de moléculas de proteína (em um processo conhecido como transcrição), e os biólogos costumavam pensar que o restante não era funcional, alguns até chamavam de 'DNA lixo'. Acredita-se agora que grande parte desse DNA é derivada de inserções de vírus anteriores, e descobrimos que ela é muito importante na regulação da transcrição de outros genes. Alguns genes de vírus são encontrados em regiões do DNA humano que produzem proteínas essenciais. Ao longo da história evolutiva, esses genes foram incorporados para o funcionamento essencial de nossos organismos, então não está claro se deveríamos chamá-los de genes humanos ou virais. Um gene usado no desenvolvimento da placenta humana foi pego emprestado de um retrovírus endógeno, que evoluiu pela primeira vez para produzir proteínas que se fundem às células hospedeiras. Ao longo do nosso passado evolutivo, esse processo de coletar genes por meio da árvore da vida parece ter ocorrido muitas vezes. Foi sugerido que cerca de 145 dos nossos 20 mil genes surgiram dessa transferência horizontal de genes. Ao transferir moléculas genéticas entre espécies diferentes dessa maneira, os vírus conectam efetivamente a árvore evolutiva em uma intrincada rede. Má reputação No entanto, os vírus costumam ter má reputação, uma vez que aqueles que recebem mais publicidade apresentam efeitos prejudiciais, causando doenças como aids, abola, catapora e, claro, Covid-19. Na verdade, temos muito pouco conhecimento sobre como a maioria dos vírus afeta os humanos. Pode haver mais de 320 mil vírus diferentes que infectam mamíferos, muitos dos quais são inofensivos, enquanto alguns podem nos trazer benefícios. Por exemplo, alguns vírus chamados bacteriófagos atacam as bactérias no nosso corpo e têm, portanto, um papel crucial na regulação do nosso microbioma. Assim como uma espécie animal selvagem invasora pode se reproduzir incontrolavelmente quando entra em uma nova área sem predadores ou patógenos (como os sapos-cururus na Austrália ou os ratos em ilhas tropicais), as bactérias também tomariam nossos corpos sem esses mecanismos reguladores. Ilustração de um bacteriófago Getty Images via BBC Os vírus também parecem ser importantes na regulação do nosso sistema imunológico. Em humanos, o vírus da hepatite G pode proteger contra o HIV; enquanto em ratos, o vírus da herpes é conhecido por reduzir doenças autoimunes. Muitos pesquisadores suspeitam que os vírus tenham um papel importante na manutenção do "tônus imunológico" em humanos (ou seja, um sistema imunológico saudável pronto para responder a patógenos que não é hiperativo, tampouco insuficientemente ativo), embora a identidade e o papel de vírus específicos sejam pouco conhecidos. Isso não significa negar os efeitos nocivos de alguns vírus e os impactos devastadores que eles podem ter na vida das pessoas. Muitos vírus são claramente muito prejudiciais para nós, e desenvolvemos mecanismos para conter seus ataques. A equipe de Bushman demonstrou em abril de 2020 que a amamentação reduz a incidência de vírus potencialmente patogênicos que crescem em células humanas no intestino do bebê. Como um todo, o viroma humano não é "bom", nem "mau" — é simplesmente uma parte antiga de nós. Vírus e evolução Os vírus compartilham uma relação evolutiva profunda com animais e plantas. Cada célula do seu corpo faz parte de uma cadeia ininterrupta de vida que se estende por mais de 3,8 bilhões de anos. Os vírus têm sido uma parte importante dessa dança evolutiva desde o início. Quanto mais aprendemos sobre o viroma, mais percebemos como alguns aspectos são essenciais para uma vida saudável. Por isso, se espera uma revolução na maneira como concebemos os vírus. Lembre-se de que costumávamos ver todas as bactérias como "germes" perigosos, até que finalmente obtivemos uma compreensão mais sutil de como elas sustentam nossa saúde: a alteração do microbioma bacteriano está agora envolvida em uma ampla variada de doenças, incluindo a doença de Crohn, síndrome do intestino irritável, diabetes tipo 2 e até distúrbios de saúde mental, como depressão. Somos ecossistemas ambulantes: quimeras de células animais, vírus, bactérias, fungos e outros, e manter o equilíbrio desses ecossistemas é vital para nosso bem-estar. Ainda temos que entender exatamente como funciona nosso viroma humano, mas interrupções podem ter consequências imprevisíveis. O distanciamento social e o uso generalizado de produtos químicos virucidas, tanto para aplicação em espaços públicos quanto para desinfetar as mãos para reduzir a transmissão viral, tem sido um elemento crucial no combate à atual pandemia de Covid-19. Essas mudanças de estilo de vida e outras, como a maneira como nossa alimentação muda e como interagimos com outras pessoas, provavelmente transformarão nosso viroma. "Na atual pandemia de Covid-19, muitas pessoas veem os vírus simplesmente como 'o inimigo', mas precisamos entender melhor os possíveis aspectos de promoção da saúde do nosso viroma humano", conclui Sato. O ritmo de novas descobertas na área de virologia é deslumbrante — então prepare-se para muitas outras que vão lançar luz sobre a ecologia secreta de nosso mundo interior. *Tom Oliver é professor de ecologia aplicada da Universidade de Reading, no Reino Unido, e autor de 'The Self Delusion', livro de ciências sobre a interconectividade humana. Veja Mais

Câmera tripla do Redmi K40 é revelada em imagem oficial

Câmera tripla do Redmi K40 é revelada em imagem oficial

Tecmundo A Redmi, uma das principais submarcas da Xiaomi, lançará na semana que vem a linha de smartphones K40, que finalmente começou a aparecer em imagens. A fabricante divulgou recentemente um teaser mostrando a câmera tripla do aparelho, enquanto uma foto vazada mostrou o display do celular.Segundo a imagem divulgada pelo Redmi na rede social Weibo, os sensores de imagem ficarão dentro de uma matriz arredondada. A composição também inclui um Flash LED e mais dois sensores que não foram identificados até o momento.Leia mais... Veja Mais

Confira como votaram os deputados mineiros no caso Daniel Silveira (PSL)

O Tempo - Política A Câmara manteve nesta-sexta (19) a prisão do parlamentar por por 364 votos a 130 Veja Mais

Vazamento de WandaVision revela final chocante e aparição de personagem do MCU

canaltech WandaVision está perto do fim. A apenas dois episódios de sua conclusão, mais teorias e supostos vazamentos têm tomado conta da internet e criando especulações entre os fãs, fazendo-os se questionarem qual será todo o desfecho da realidade alternativa criada por Wanda Maximoff. Série terá um humor mais cínico em últimos episódios, revela atriz Showrunner explica aparição de personagem no episódio cinco Comerciais podem fazer referência ao passado sombrio de Wanda Maximoff Há alguns dias, uma publicação no fórum online 4chan ganhou popularidade com spoilers do sétimo episódio da minissérie, lançado nesta sexta-feira (19). O autor anônimo do post alegou ter retirado as informações "de uma página do Facebook que vazou detalhes dos episódios cinco e seis antes de ser derrubada pela Marvel Studios". O roteiro não estava sendo levado a sério até hoje, mas após o lançamento de Derrubando a Quarta Parede, capítulo que inclusive homenageia a sitcom Modern Family, tudo o que foi dito acabou sendo confirmado. Atenção! A partir daqui o texto contém spoilers sobre o Episódio 7 de WandaVision, bem como acontecimentos futuros da série. Leia por sua conta e risco. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- (Imagem: Divulgação / Marvel Studios) Embora WandaVision esteja oferecendo um verdadeiro fan service para o público, há muito o que ser discutido e literalmente desmascarado na série ainda. No final do episódio sete, liberado nesta sexta-feira, foi revelado que Agnes na realidade é Agatha Harkness, uma bruxa poderosa que, ao que tudo indica, atuará como a antagonista no restante da série. Nos minutos finais, Agnes aparece explicando muitos acontecimentos, como a manipulação com os vizinhos de Wanda, a morte do cachorro que Tommy e Billy adotaram e o aparecimento de Pietro Maximoff — e, falando nele... Desde o início, foi questionado o porquê Evan Peters estaria interpretando Mercúrio, e não Aaron Taylor-Johnson, que deu vida ao gêmeo de Wanda em Vingadores: Era de Ultron. Na realidade, o Pietro de Evan Peters é uma fraude criada por Agatha justamente para convencer Wanda a permanecer em seu mundo fabricado. Todas essas informações foram adiantadas pelo vazamento no fórum do 4chan, incluindo o spoiler de que Monica Rambeau atravessaria o campo de força e confrontaria a Feiticeira Escarlate com seus novos poderes. Funko Pop de Pietro Maximoff causou dúvidas no público  (Imagem: Divulgação / Pop!) A falsa identidade de Pietro já vinha sido especulada após o lançamento do episódio de Halloween, em que o Funko Pop de seu personagem era o único cujo nome foi apresentado entre aspas. O gêmeo de Wanda, interpretado por Taylor-Johnson, tinha um sotaque sokoviano e um humor muito mais sério. O Mercúrio de Evan Peters é piadista, com um sotaque carregado americano. No capítulo desta sexta-feira, Tommy e Billy chegaram a questionar a mãe sobre o paradeiro do tio. Wanda responde que "ele não é tio de vocês", o que reforça a informação de que Peters não está interpretando o Pietro real. Na cena pós-créditos do episódio, Monica começa a explorar uma das casas da vizinhança até encontrar o caminho que levaria para Agatha e Wanda, mas logo é encontrada por "Pietro Maximoff". Isso aconteceu logo depois que os filhos da Feiticeira Escarlate e Visão desapareceram, encerrando o episódio com milhões de parênteses abertos. Agnes é Agatha Harkness (Imagem: Divulgação / Marvel Studios) De acordo com a página, alguns dos spoilers vazados para os próximos episódios incluem a identidade do verdadeiro vilão da série: Pesadelo será o principal antagonista, mas não está claro se Agatha Harkness é uma das identidades dele ou se é controlada por ele. Assine a Disney+ por R$ 27,90 por mês ou R$ 279,90 por ano e assista WandaVision quando e onde quiser! Além disso, um detalhe sobre o corpo de Visão, como já adiantado por aqui, também foi revelado. Ao que tudo indica, Hayward roubou o cadáver do Vingador para realizar uma espécie de "engenharia reversa", incluindo armamento e reprodução da inteligência artificial, com o objetivo de montar uma nova linha de defesa do planeta Terra. Embora vazamentos sempre sejam tratados como meras especulações e rumores, é possível tratar essa informação como verídica, uma vez que cenas nos trailers lançados de WandaVision mostram a Feiticeira Escarlate adentrando um laboratório que, possivelmente, encontrará Visão desmontado. Seria o fim de Visão no MCU?  (Imagem: Divulgação / Marvel Studios) Sobre os gêmeos, assim que o Hex (a estrutura de força que Wanda tem controlado para manter Westview como uma cidade fictícia) desmoronar, ambos ficarão muito doentes. "Em algum momento [da série], Wanda estará fugindo com Billy, enquanto o destino de Tommy é desconhecido", revela o spoiler. Também foi vazado que "haverá uma subtrama sobre Billy ser intimidado na escola e Tommy se perguntando se ele deveria usar seus poderes para ajudá-lo". Assine Amazon Prime por R$ 9,90/mês e ganhe frete grátis, catálogo de filmes e séries que compete com a Netflix, livros, músicas e mais! Teste 30 dias grátis! Por fim, mas não menos importante, Stephen Strange fará uma aparição no episódio final da série, dando um enorme gancho para Doutor Estranho no Multiverso da Loucura. Vale lembrar que Elizabeth Olsen já se encontra em Londres para gravar o segundo filme do super-herói, e há informações de que a Feiticeira Escarlate será uma espécie de vilã no longa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Legacies 3x5: Hope lida com a morte de Landon (Recap)

Legacies 3x5: Hope lida com a morte de Landon (Recap)

Tecmundo A 3ª temporada de Legacies finalmente trouxe um pouco do foco de volta para Hope Mikaelson. Depois de ser a protagonista da 1ª temporada, a 2ª temporada colocou Hope um pouco nos bastidores, o que já não foi tão legal considerando que ela tinha acabado de voltar de Malivore. Agora, a série voltou a investir no seu desenvolvimento. Infelizmente, não foi exatamente como planejamos, já que ela está lidando com a morte de Landon. Leia mais... Veja Mais

Barões da Pisadinha formam trio com Jorge no segundo single do álbum 'Da roça pra cidade'

G1 Pop & Arte ♪ Quero ver é me esquecer é o título da música cantada pelo duo baiano de forró Os Barões da Pisadinha na companhia de Jorge, cantor da dupla sertaneja Jorge & Mateus. A gravação do trio está disponível a partir desta sexta-feira, 19 de fevereiro, no segundo single duplo extraído do ainda inédito álbum ao vivo Da roça pra cidade. Além da faixa com Jorge, esse segundo single também apresenta Nunca vai ser eu, outra das 17 músicas inéditas que compõem o repertório do disco gravado ao vivo pela dupla em show apresentado em 17 de dezembro de 2020 em Goiânia (GO). A única regravação do disco Da roça pra cidade é Meia noite (Cê tem meu whatsapp), composição de Zé Malhada, lançada em 2018 na voz do cantor piauiense de forró Caio Costta. A previsão é de que todas as 18 faixas do álbum ao vivo – originado do registro audiovisual do show dos Barões da Pisadinha – estejam disponíveis até agosto deste ano de 2021. Capa do single 'Da roça pra cidade', da dupla Os Barões da Pisadinha Divulgação Veja Mais

Virou febre mesmo! Clubhouse já acumula 8 milhões de downloads na App Store

canaltech Se você ainda tinha dúvidas sobre a Clubhouse ser a rede social do momento, eis uma estatística que vai acabar com a sua incredulidade: de acordo com dados da empresa de pesquisas App Annie, o aplicativo atingiu, na última terça-feira (16), a marca de 8,1 milhões de downloads na App Store. Vale lembrar que, por enquanto, o software só está disponível para o iOS; logo, não há números sobre a Google Play Store. Como montar uma sala no Clubhouse Quer usar o Clubhouse? Cuidado com os golpes dos cibercriminosos Como enviar convites no Clubhouse Para fins comparativos, em fevereiro de 2021, o Clubhouse registrava apenas 3,5 milhões de downloads na loja de apps da Maçã. A fama repentina pode ser atribuída ao fato de que diversas celebridades — incluindo Elon Musk, CEO da Tesla, e Mark Zuckerberg, fundador do Facebook — terem endossado o uso da plataforma, criando perfis ativos e até mesmo interagindo com internautas em determinadas salas de bate-papo. Imagem: Reprodução/9to5Mac Para quem ainda não sabe, a proposta do Clubhouse é um tanto diferente de outras redes sociais. Você cria salas temáticas para discutir assuntos que quiser (política, música, cinema etc.) e debate com outros usuários exclusivamente através de mensagens de áudio. Segundo a App Annie, o app se tornou popular sobretudo no Reino Unido, na Alemanha, no Japão, na Turquia e — finja surpresa — no Brasil. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Por mais que a plataforma esteja “explodindo” ao redor do globo, vale lembrar que, conforme recentemente alertado por pesquisadores de segurança, é essencial tomar cuidado com golpes que criminosos cibernéticos possam aplicar em nome da rede social. Não é de se espantar que, em breve, os golpistas comecem a vender falsos convites para o app ou até mesmo criarem versões falsificadas para Android infectadas com malwares. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

WoW Shadowlands ganhará Correntes da Dominação, primeira grande expansão

WoW Shadowlands ganhará Correntes da Dominação, primeira grande expansão

Tecmundo Em 2020, os fãs de World of Warcraft foram agraciados com a expansão Shadowlands, que agradou bastante desde sua chegada. Agora, durante a BlizzConline 2021, a Blizzard anunciou que o MMORPG ganhará a primeira grande atualização, chamada de Correntes da Dominação, trazendo muito conteúdo adicional, megamasmorra e mais.Leia mais... Veja Mais

Constantine: nova série do HBO Max será ligada à Liga da Justiça Sombria

Constantine: nova série do HBO Max será ligada à Liga da Justiça Sombria

Tecmundo O série Constantine, anunciada recentemente como um projeto em desenvolvimento no streaming HBO Max, será ligada diretamente com a série Liga da Justiça Sombria. Ambas as produções pretendem retomar personagens consagrados da DC em uma nova plataforma.Contudo, o famigerado streaming DC Universe, que originalmente trouxe algumas séries relevantes para o público, se tornará exclusivo para a distribuição de quadrinhos, passando o bastão de conteúdo audiovisual oficialmente para o HBO Max — serviço que deverá chegar ao Brasil em junho deste ano.Leia mais... Veja Mais

O CAFÉ TE DEIXA ANSIOSO?

O CAFÉ TE DEIXA ANSIOSO?

 Minutos Psíquicos Você gosta de café ou para você não é nada demais? Hoje vamos conhecer que efeitos o café pode ter no cérebro, na mente e até que ponto o seu consumo pode interferir com a saúde de alguém. Agradecimento especial aos nossos apoiadores no YouTube, no Patreon e no APOIA.SE: Uriel Marx Josue Caetano Juliana Pereira Masashi Inoue Gabriel Tamassia Martinez Fernando da Silva Trevisan Cláudio Toma Angelo Thomazini Anderson Santos da Silva Mathias Gheno Azzolini Marco Aurélio Roncatti Ingrid Philigret de Brito Paulo André Batista Araújo Adinael Fernandes da Silva Tatsuo Adachi Ana Carolina Alves Feitosa Kleber Pereira Thaís Canto Renan Fernandes Elisangela de Moura Gonçalves Mônica Almeida Roger Hendryo de Oliveira Simone Souza Raquel Aquino Débora Medeiros Antonio Rosasse William Oliveira Ingrid Philigret Ana Cláudia Tiago Cruz Jose Luis Fernandes Maísa Barbosa Brum Michel Rezende Artur Luft Gacha Trevisani Josi Silva Andre Elton Mayara Silva Rafael Haruin Nanci Cuozzo Luciana Santa Fé Antonio Neto André Timm LUCIANA SANTOS Heloisa Moura Antonia Braz Danilo Oliveira Ana Carolina Zortea Suellen Santos Vanessa Ariane Ribeiro Ana América Oliveira de Arruda rigen doragon Sawabonas Joao Freire Franca Murilo Juliana Belko Ines Cozzo Fernanda Wanderlind Leandra Garcez Sabrina Morais Adriana Araújo Bruno Andrade Nildson Loki Karen Castro Carmen Adell André Luiz Thieme Robson Tulio Furtado Roberta Coeli Neves Moreira Mírian Batista LEONARDO AUGUSTO DE FREITAS Flávio Wilson Campos de Carvalho Núbia Cristina Cardoso Fernanda Wanderlind Luciano Mesquita de Sousa Marcia Solange Braz Sobrinho Telma de Souza Castelan Keila Cristina Grassi Lourenço Rafael Marques dos Santos Marcia Miyuki Noda Livi Fernanda Regina Mistieri LEONARDO AUGUSTO DE FREITAS Gabrielly Freitas de Sena Nanci da Conceição Cuozzo TAGIANE MARINHO LOPES ARAÚJO Sandra Magna Cavalcante Novais Alexandre de Souza Simões Rafael Franco de Oliveira Flavio Roso Gonçalves Manuella Bahls Thiago Medeiros Rêgo ALEX CORREA SALES Cláudia Cristine Couto Fernandes Dowsley Lucas lustosa mauro DANYELLA BA. RICHARD Maíra de Oliveira Valadares Rayane de Cássia Rezende João Victor dos Santos Matos Elisabete Batista Sampaio Gabriela Miki Kuwai Gilberth Gabriel de Souza Pegado William cezar da silveira Gracy Kelly Zaine Nisa Juliana Pontes de Almeida Rampche GABRIELA LEITE ROMAN João Francisco Silveira Montouro Renan Siqueira Antonio Amsterdan Vasconcelos Fernando Moraes da Costa Chagas LUCIENE DA SILVA BRAZ FELISBERTO Matheus Melo de Sousa Patrícia Ornellas Marchiori Fernanda Alves Mignot Sara Córdova Medeiro Gomes Rejane Barra da Silva INCENTIVE O MINUTOS PSÍQUICOS :) Torne-se um apoiador nosso no YoutTube, Apoia.se ou Patreon: ● https://www.youtube.com/channel/UCFiEI1kDHlO9UQtxx0wj-XA/join ● https://apoia.se/minutospsiquicos ● http://www.patreon.com/minutospsiquicos REDES SOCIAIS ● Facebook: https://www.facebook.com/minutospsiquicos/ ● Twitter: https://twitter.com/minutopsiquicos ● Instagram: https://www.instagram.com/minutospsiquicos/ CRÉDITOS ● Pesquisa, roteiro, apresentação, narração e edição: André Rabelo (@oandrerabelo) ● Ilustração: Pedro Tavares (Xicão) (@pedroxicao) ● Música: Ghosting - Adam Griffith REFERÊNCIAS E INDICAÇÕES https://journals.sagepub.com/doi/full/10.1177/0269881115612404 https://jamanetwork.com/journals/jamapsychiatry/article-abstract/495937 https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/B9780124095175000504 https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/08897077.2021.1876810 https://journals.sagepub.com/doi/10.1177/0269881112442788?icid=int.sj-full-text.similar-articles.2 https://www.eurekaselect.com/126862/article https://www.apa.org/gradpsych/2015/11/coffee https://link.springer.com/article/10.1007/s11920-015-0611-z https://www.huffpost.com/entry/coffee-caffeine-making-anxiety-worse_l_5f9889bdc5b6c7fe5829c1a1 https://www.verywellmind.com/caffeine-stress-and-your-health-3145078 https://www.telegraph.co.uk/women/life/gave-coffee-said-goodbye-anxiety/ https://www.vogue.in/wellness/content/coffee-stress-relation-caffeine-anxiety-depression-effects https://nopanic.org.uk/caffeine/ https://adf.org.au/drug-facts/caffeine/ https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1111/j.1600-0447.1990.tb01348.x https://www.goodrx.com/blog/does-coffee-caffeine-cause-anxiety/ https://www.webmd.com/anxiety-panic/news/20190719/is-caffeine-fueling-your-anxieties https://www.hospitalsiriolibanes.org.br/imprensa/noticias/Paginas/Energ%C3%A9tico-e-%C3%A1lcool-uma-mistura-perigos.aspx https://g1.globo.com/bemestar/noticia/2019/06/06/energetico-com-alcool-pode-ser-uma-mistura-fatal-para-o-coracao.ghtml #café #ansiedade #cafeína Veja Mais

Com Silva e Luna, um militar pode voltar a chefiar a Petrobras depois de três décadas

Valor Econômico - Finanças Os últimos militares a comandarem a Petrobras remetem ao governo de José Sarney, no período da redemocratização do país Com a indicação de Joaquim Silva e Luna para a presidência da Petrobras, a estatal volta a ser comandado por um militar pela primeira vez desde a década de 1980. Debaixo do guarda-chuva do Ministério de Minas e Energia, comandada pelo almirante Bento Albuquerque, a petroleira passa a ser chefiada por um general da reserva. O conselho de administração da empresa já é presidido por outro militar, o almirante da reserva Eduardo Bacellar. Vale lembrar que a Agência Nacional de Petróleo (ANP) também é chefiada, hoje, pelo almirante Rodolfo Saboia. Os últimos militares a comandarem a Petrobras remetem ao governo de José Sarney, no período da redemocratização do país. Durante o mandato de Sarney, chefiaram a estatal Orlando Galvão Filho (em 1989), que fez parte de sua carreira na Marinha, mas que saiu da instituição na década de 1970 e se tornou professor, antes de ingressar na estatal em 1974; e Osíris Silva (1986-1988), ex-tenente-coronel da Aeronáutica e um dos fundadores da Embraer. Em 1992, a empresa chegou a ser presidida por Benedicto Moreira, que chegou a se formar como segundo-tenente da reserva, mas fez a carreira essencialmente fora do meio militar. Silva e Luna vem de uma experiência de dois anos como diretor-geral brasileiro de Itaipu Binacional, mas sem currículo no setor de óleo e gás. Ele vem, basicamente, de experiência na área militar. Antes da diretoria-geral de Itaipu, o general serviu cinco anos no Ministério da Defesa, inicialmente como Secretário de Pessoal, Ensino, Saúde e Desporto; depois, como Secretário-Geral do Ministério; e por último, como Ministro da Defesa. Nos 12 anos como Oficial General da ativa, foi comandante da 16ª Brigada de Infantaria de Selva, em Tefé, Amazonas, de 2002 a 2004; diretor de Patrimônio, de 2004 a 2006; chefe do Gabinete do Comandante do Exército, de 2007 a 2011; e chefe do Estado-Maior do Exército, de 2011 a 2014. Como Oficial Intermediário e Superior, comandou companhias de Engenharia de Construção na Amazônia. Além disso, foi instrutor nas Escolas de Aperfeiçoamento de Oficiais e na Escola de Comando e Estado-Maior do Exército, chefiou a Seção de Imprensa do Centro de Comunicação Social do Exército e comandou o 6º Batalhão de Engenharia de Construção, em Boa Vista, Roraima, de 1996 a 1998. Antes Silva e Luna se graduou e foi declarado Aspirante-a-Oficial da Arma de Engenharia, em 1972. Possui pós-graduação em Política, Estratégia e Alta Administração do Exército, em curso realizado na Escola de Comando e Estado-Maior do Exército (1998); pós-graduação em Projetos e Análise de Sistemas, em curso da Universidade de Brasília (1995); doutorado em Ciências Militares, realizado na Escola de Comando e Estado Maior do Exército (1987/88); e mestrado em Operações Militares, realizado na Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais (1981). Veja Mais

Buffy: possível reboot não terá participação de Sarah Michelle Gellar

Buffy: possível reboot não terá participação de Sarah Michelle Gellar

Tecmundo A atriz Sarah Michelle Gellar, conhecida por interpretar a personagem título da série Buffy, a Caça-Vampiros, revelou que não participaria de um reboot da série. Recentemente, ela esteve no On with Mario Lopez Podcast, programa do apresentador Mario Lopez, no qual comentou sobre o assunto.A intérprete de Buffy, agora com 43 anos, acredita que a série da caçadora de vampiros deve ser protagonizada por uma adolescente. Segundo a esposa de Freddie Prinze Jr, ela afirma que se sente muito cansada e rabugenta para colocar o esforço necessário.Leia mais... Veja Mais

Atraso na colheita de soja reduz exportação do Brasil no início do ano

G1 Economia País tem embarcado, em média, 55 mil toneladas de soja por dia neste mês, enquanto em fevereiro de 2020 média diária foi de 268 mil toneladas, diz AgRural. Situação não deve prejudicar expectativa de safra recorde. Soja Divulgação/Confederação Nacional da Agropecuária O atraso da colheita de soja reduziu as exportações brasileiras neste início de ano, mas não deve prejudicar a expectativa recorde da safra de 2020/2021, diz o analista de mercado AgRural, Adriano Gomes. Os dados parciais de fevereiro apontam que o Brasil tem embarcado, em média, 55 mil toneladas de soja por dia, enquanto essa média era de 268 mil toneladas diárias em fevereiro de 2020, diz Gomes. Já em janeiro deste ano, o Brasil exportou, no total, 49,5 mil toneladas de soja, contra 1,397 milhão de toneladas no mesmo mês de 2020, queda de 96%, mostram dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex). "Ou seja, nós exportamos praticamente nada", diz o analista. Com a demora da colheita, a China, que é a principal compradora do Brasil, tem importado o grão dos Estados Unidos (EUA), o que não implica, porém, em perda de mercado para o Brasil. "Até porque a comercialização dessa safra está bem adiantada, já que houve venda antecipada", comenta. Por que produtores já estão vendendo a soja que só vai ser colhida em 2022 Se as condições climáticas se normalizarem, a tendência é de que ocorra uma concentração de colheita de diversos estados em um mesmo período - entre final de fevereiro e início de março - o que pode aumentar a demanda por transportes, gerando problemas de logística. Seca no plantio e chuva na colheita O atraso da colheita de soja foi provocado pela demora do plantio em função da seca em setembro e início de outubro em Mato Grosso e no Paraná, principais estados produtores e que "dão a largada" na semeadura do grão. O volume colhido no país todo deve chegar a 133 milhões de toneladas nesta temporada, segundo projeção da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Enquanto a estiagem atrapalha o plantio, as chuvas prejudicam a colheita, já que há dificuldade para avançar com as máquinas nas lavouras. "No Paraná, chove demais durante janeiro e isso acabou alongando o ciclo da soja. Algumas lavouras eram para estar sendo colhidas nesta semana, mas só serão apenas no mês de março", diz Gomes. Para os próximos dias, não há previsão grandes chuvas no Paraná, diferentemente de Mato Grosso e Matopiba (Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia), onde o volume de precipitações está elevado. "Por isso produtor mato-grossense está colhendo soja agora, mesmo com umidade elevada, para não ter problema de qualidade. Se deixar com umidade no campo, ele perde", diz Gomes. Excesso de chuva prejudica lavouras de soja e milho no Paraná VÍDEOS: tudo sobre agronegócios Veja Mais

Plenário – Com 364 votos a favor Câmara mantém prisão de Daniel Silveira – 19/02/21

Plenário – Com 364 votos a favor Câmara mantém prisão de Daniel Silveira – 19/02/21

Câmana dos Deputados A Câmara dos Deputados realiza sessão deliberativa do Plenário para apreciar a medida cautelar do Supremo Tribunal Federal (STF) contra o deputado Daniel Silveira (PSL-RJ), que está preso desde terça-feira (16). A sessão foi marcada em reunião de líderes realizada nesta quinta-feira, na residência oficial do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL). A Constituição estabelece que deputados e senadores são invioláveis, civil e penalmente, por opiniões, palavras e votos e não poderão ser presos, salvo em flagrante de crime inafiançável. Nesse caso, os autos serão remetidos à Casa respectiva, para que a maioria absoluta decida, em voto aberto, sobre a prisão. Saiba como será a sessão Confira a íntegra da medida cautelar (CMC 1/21) Conselho de Ética inicia análise do caso Daniel Silveira na terça Daniel Silveira foi preso em flagrante pela Polícia Federal na noite de terça-feira no âmbito de inquérito no STF que investiga notícias falsas (fake news). Ele gravou e divulgou vídeo em que faz críticas aos ministros do Supremo e defende o Ato Institucional nº 5 (AI-5). Na ordem de prisão, o ministro do STF Alexandre de Moraes considerou gravíssimo o episódio da divulgação do vídeo e disse que são “imprescindíveis medidas enérgicas para impedir a perpetuação da atuação criminosa de parlamentar visando lesar ou expor a perigo de lesão a independência dos Poderes instituídos e ao Estado democrático de Direito”. Defesa de Daniel Silveira diz que prisão é um violento ataque à sua imunidade Segundo nota divulgada pela defesa de Daniel Silveira, “a prisão do deputado representa não apenas um violento ataque à sua imunidade material, mas também ao próprio exercício do direito à liberdade de expressão e aos princípios basilares que regem o processo penal brasileiro”. Da Redação/WS Fonte: Agência Câmara de Notícias Veja mais: https://www.camara.leg.br/evento-legislativo/60387 #DanielSilveira #Prisão Veja Mais

Filhos de Asa Branca brigam com viúva do pai por herança do locutor de rodeios

O Tempo - Diversão - Magazine Locutor já chegou a ganhar R$ 1 milhão em um único mês, usava helicópteros e aviões fretados como meio de transporte Veja Mais

WandaVision: série terá grande revelação no final, diz Kat Dennings

WandaVision: série terá grande revelação no final, diz Kat Dennings

Tecmundo WandaVision, a primeira série da Marvel no Disney+, está a apenas dois episódios de seu desfecho. Dessa maneira, muitos espectadores estão se perguntando se todos os mistérios serão solucionados até o final. Sobre isso, segundo a atriz Kat Dennings, que interpreta a famigerada Dra. Darcy Lewis na produção, a série vai segurar todos os mistérios até o fim. Em uma entrevista recente ao The Drew Barrymore Show, ela analisou a progressão de fatos apresentada aos espectadores e comentou ainda sobre o que vem por aí.Leia mais... Veja Mais

Novo presidente da Petrobras nomeado por Bolsonaro é militar da reserva

O Tempo - Política Com 71 anos, Joaquim Silva e Luna serviu seus últimos cinco anos no Ministério da Defesa Veja Mais

CT News - 19/02/2021 (Samsung lança programa de aluguel de celulares)

canaltech No CTN de hoje: Samsung lança programa de aluguel de celular a partir de R$ 159 por mês; Huawei deve reduzir produção de celulares em mais de 60% neste ano, diz site; Windows 10 | 1º grande update de 2021 será focado em segurança e acesso remoto e mais. Ouça ao podcast. Veja Mais

Diablo II: Ressurected é revelado para PC, consoles e tem cross-save

Diablo II: Ressurected é revelado para PC, consoles e tem cross-save

Tecmundo Os rumores foram confirmados e Diablo 2 realmente está de volta! Hoje (19) durante a cerimônia de abertura da BlizzConline 2021 a Blizzard anunciou que Diablo II: Ressurected será lançado ainda em 2021 para PC, Nintendo Switch, PlayStation 5, PS4, Xbox Series X|S e Xbox One pelas mãos da Vicarious Visions!Trata-se de uma remasterização do clássico Diablo 2 que ainda traz a popular expansão Lord of Destruction, agora com visual moderno, suporte a resolução 4K e o melhor som em Dolby Surround 7.1. Em uma bela repaginação gráfica, os velhos modelos em sprites 2D originais agora foram feitos em renderização 3D totalmente baseada em física! Mas os puristas podem ficar tranquilos e desativar a nova roupagem sempre que desejarem.Leia mais... Veja Mais

Diablo IV revela a nova classe Renegada na BlizzConline 2021

Diablo IV revela a nova classe Renegada na BlizzConline 2021

Tecmundo Durante a cerimônia de abertura da feira BlizzConline 2021  a Blizzard revelou mais algumas informações inéditas sobre o aguardadíssimo Diablo IV, um dos lançamentos mais hypados para PC, PlayStation 4 e Xbox One. O grande destaque da noite foi a Renegada, classe muito querida pelos fãs de longa data que finalmente está de volta!Leia mais... Veja Mais

Manipulação de código aberto permite ataques a grandes empresas de tecnologia

canaltech Uma manipulação sofisticada em bibliotecas de código aberto pode ser a chave para permitir ataques a grandes companhias do mundo da tecnologia. Essa é a prova de conceito do pesquisador em segurança Alex Birsan, que por meio de um ataque coordenado a repositórios de software livre, foi capaz de abrir brechas em 35 empresas do setor, com direito a grandes nomes como Apple, Microsoft, Uber, PayPal, Netflix e mais. Microsoft corrige falha que afetava Defender há 12 anos Pandemia aumentou ataques cibernéticos a apps e softwares usados em aulas online Celulares é a categoria que mais sofreu tentativas de fraudes online em 2020 O ataque focado na cadeira de fornecimento, para usar o jargão técnico, se aproveita de falhas de verificação em sistemas de atualização automática e download de pacotes para servidores internos. De forma simplificada, caso um malware fosse ocultado como um destes elementos, ele poderia acabar indo parar nas estruturas das grandes companhias, sendo distribuído em suas aplicações e gerar vulnerabilidades que, na sequência, poderiam ser utilizadas por cibercriminosos. Os testes usaram o PayPal como foco principal, de forma a entender de que maneira os pacotes internos e externos eram gerenciados. Basicamente, Birsan experimentou nomear um elemento de um repositório público como um dos itens criados de forma privada, nos servidores da empresa, descobrindo que, em casos desse tipo, o sistema sempre dará prioridade aos dados públicos, mesmo que isso envolva a substituição dos dados anteriormente presentes em plataformas restritas. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- É uma falha que, no jargão técnico, é chamada de confusão de dependência e, muitas vezes, envolve não apenas o nome do arquivo, mas também números de versão. Usando uma conta com sua própria identidade e indicações de se tratar de uma pesquisa para fins de segurança, sem softwares maliciosos ou dados valiosos envolvidos nessa manipulação, o especialista foi capaz de obter sucesso nos testes contra as dezenas de companhias, e acredita que centenas mais podem estar vulneráveis ao mesmo tipo de exploração. O pesquisador destaca que, ao contrário de outros métodos que também usam essa substituição de pacotes, esse é mais sofisticado por não envolver nenhum tipo de ação manual da vítima. Obter os nomes de pacotes internos pode não ser tão simples, é verdade, mas manifestos disponíveis no Github, outros repositórios ou sistemas de gerenciamento de conteúdo poderiam revelar tais identificações, possibilitando a inserção de malwares, de forma mais efetiva que um ataque de engenharia social, por exemplo. Em seu estudo, Birsan também demonstra como os pacotes maliciosos poderiam ser usados para extração de dados internos. Pelas descobertas, chegou a receber mais de US$ 130 mil em recompensas pelos programas de caça a bugs de diferentes companhias, incluindo o maior valor já pago pela Microsoft em iniciativas desse tipo, US$ 40 mil. Após, decidiu liberar seus achados à toda comunidade, já que considera esta uma falha com amplo potencial ofensivo. Para auxiliar na resolução da questão, o especialista liberou uma ferramenta que checa se os nomes de pacotes em repositórios internos coincidem com aqueles disponíveis publicamente, para que sejam modificados em prol de maior segurança. Além disso, configurações adicionais em ferramentas de instalação e verificação também podem ser implementadas para mitigar o risco. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Bolsonaro anuncia indicação de general Joaquim Silva e Luna para assumir presidência da Petrobras

G1 Economia Indicação acontece após críticas de Bolsonaro à gestão da estatal; conselho tem que aprovar nome. Silva e Luna comanda Itaipu e deve substituir Roberto Castello Branco, escolhido em 2018. Jair Bolsonaro indica novo presidente da Petrobras; entenda o caso O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta sexta-feira (19) a indicação do general Joaquim Silva e Luna, atual diretor da Itaipu Binacional, como novo presidente da Petrobras. Se confirmado, Luna e Silva substituirá o atual chefe da estatal, Roberto Castello Branco, indicado por Bolsonaro após as eleições de 2018. "O governo decidiu indicar o senhor Joaquim Silva e Luna para cumprir uma nova missão, como conselheiro de administração e presidente da Petrobras, após o encerramento do ciclo, superior a dois anos, do atual presidente, senhor Roberto Castello Branco", diz a publicação. A nota foi publicada em rede social como uma imagem, com cabeçalho atribuído ao Ministério de Minas e Energia. O texto foi publicado na página do ministério em seguida, quando Bolsonaro já havia feito a divulgação da troca. Para que a substituição seja concretizada, a indicação ainda precisa do aval do Conselho de Administração da Petrobras. A estatal informou que o conselho tem reunião ordinária prevista para a próxima terça (23) – a pauta do encontro não foi divulgada. Em nota, a Petrobras informou que recebeu oficio do Ministério de Minas e Energia. A União propôs ainda a recondução dos outros integrantes do Conselho de Administração. Bolsonaro anuncia troca de presidente da Petrobras O Conselho de Administração da estatal é composto por até onze membros. Sete deles são indicados pelo acionista controlador, que é a União; três nomes vêm dos outros acionistas, e o último é escolhido pelos empregados da Petrobras. Presidente indicado para comandar Petrobras é diretor da Itaipu e foi ministro da Defesa de Temer Joaquim Silva e Luna completa dois anos na direção-geral-brasileira da Itaipu Binacional na próxima sexta (26). Para a vaga, caso a troca se concretize, Bolsonaro indicou o general da reserva e ex-comandante Militar do Oeste João Francisco Ferreira. Se confirmado, Silva e Luna será o primeiro militar a assumir a da Petrobras desde 1989, quando o oficial da Marinha Orlando Galvão Filho deixou o cargo. A estatal foi comandada por militares durante a maior parte do período ditatorial e chegou a ser capitaneada entre 1969 e 1973 pelo general Ernesto Geisel, que viria a se tornar presidente da República nos cinco anos seguintes. Presidente Bolsonaro voltou a afirmar nesta sexta que haveria mudanças na Petrobras Críticas à Petrobras O anúncio acontece um dia depois de Jair Bolsonaro fazer críticas à gestão da Petrobras e às sucessivas altas no preço dos combustíveis. "Nesses dois meses nós vamos estudar uma maneira definitiva de buscar zerar o imposto para ajudar a contrabalancear esses aumentos, no meu entender excessivo, da Petrobras. Mas eu não posso interferir, nem iria interferir na Petrobras, se bem que alguma coisa vai acontecer na Petrobras nos próximos dias, você tem que mudar alguma coisa, vai acontecer", disse em transmissão na quinta. Bolsonaro afirmou que o último reajuste de preço da Petrobras foi “fora da curva”. “Teve um aumento, no meu entender, aqui, eu vou criticar, um aumento fora da curva da Petrobras. 10% hoje na gasolina e 15% no diesel. É o quarto reajuste do ano. A bronca vem sempre para cima de mim, só que a Petrobras tem autonomia”, afirmou. Preço médio da gasolina sobre pela quarta semana seguida Com a ameaça de intervenção na estatal, o principal índice da bolsa de valores brasileira, a B3, caiu 0,64% nesta sexta, puxado pelo recuo de mais de 6% nas ações preferenciais e de 7,5% nas ações ordinárias da Petrobras. A indicação de Roberto Castello Branco para a presidência da Petrobras foi feita ainda em 2018, durante a transição de governo. Castello Branco tem pós-doutorado pela Universidade de Chicago e ocupou cargos de direção no Banco Central e na mineradora Vale. Passou pelo Conselho de Administração da Petrobras e foi diretor no Centro de Estudos em Crescimento e Desenvolvimento Econômico da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Quem assume o cargo General da reserva do Exército, Joaquim Silva e Luna foi o primeiro militar a exercer o cargo de ministro da Defesa, no governo do ex-presidente Michel Temer. Em 2019 assumiu a presidência da usina binacional de Itaipu. Ele tem pós-graduação em Política, Estratégia e Alta Administração do Exército pela Escola de Comando e Estado-Maior do Exército. Também é pós-graduado, pela Universidade de Brasília, em Projetos e Análise de Sistemas. Durante a carreira no Exército, Silva e Luna comandou o 6º Batalhão de Engenharia de Construção (1996-1998), em Boa Vista (RR), e a 16ª Brigada de Infantaria de Selva (2002-2004), em Tefé (AM). Em Brasília, foi diretor de patrimônio (2004-2006), chefe do gabinete do comandante do Exército (2007-2011) e chefe do Estado-Maior do Exército (2011-2014). Também participou da Missão Militar Brasileira de Instrução no Paraguai e atuou como adido em Israel de 1999 a 2001. Camarotti: ‘Claro movimento de ingerência política na Petrobras’ Combustíveis preocupam A disparada no preço dos combustíveis preocupa o Palácio do Planalto. Gasolina e diesel caros são considerados, politicamente, ruins para a popularidade do governo. Além disso, preços altos podem significar um entrave para setores que dependem de transporte – ainda mais, em um momento em que a economia sofre para retomar o crescimento em meio à pandemia. Na quinta, em meio às críticas e ameaças de intervenção na Petrobras, Bolsonaro anunciou que zeraria os impostos federais sobre o gás de cozinha, de modo definitivo, e sobre o diesel por dois meses a partir de 1º de março. Passadas 24 horas do anúncio, o Ministério da Economia ainda não comentou o tema e não informou como essas renúncias serão incorporadas ao Orçamento de 2021. Desde 2017, a Petrobras adota como política de preço dos combustíveis as cotações internacionais, repassando as oscilações do mercado internacional e do câmbio. Na última semana, o governo enviou ao Congresso Nacional um projeto de lei que prevê ICMS unificado em todo o país para combustíveis. O ICMS é cobrado nos estados e, pela regra atual, cada governo pode fixar sua alíquota sobre os produtos. O texto ainda não começou a tramitar. Veja Mais

Blizzard Arcade Collection resgata jogos clássicos para PC e consoles

Blizzard Arcade Collection resgata jogos clássicos para PC e consoles

Tecmundo Hoje, durante a cerimônia de abertura da BlizzConline 2021, a Blizzard revelou um novo jogo para PC e consoles chamado Blizzard Arcade Collection! Com ele, poderemos reviver nossas melhores memórias ou conhecer clássicos da produtora como Rock N Roll Racing, The Lost Vikings e Blackthorne!O melhor de tudo é que essa coletânea já está disponível em versões para PC, Nintendo Switch, PlayStation 4 e Xbox One (com direito a retrocompatibilidade no PlayStation 5 e Xbox Series X|S), sendo que em todas as plataformas os jogos rodam em versões aprimoradas!Leia mais... Veja Mais

Explosão na demanda, aperto na oferta: como a pandemia impactou o mercado de bicicletas no Brasil

G1 Economia A desvalorização do real e dificuldade da importação de peças atrasam as entregas num momento em que a procura por esse meio de transporte está em alta no país e governo anuncia redução de impostos para importação. O mercado brasileiro de bicicletas durante a pandemia vive uma contradição: aquecido, em meio a uma grande crise econômica, mas desabastecido. Getty Images via BBC O mercado brasileiro de bicicletas durante a pandemia vive uma contradição: aquecido, em meio a uma grande crise econômica, mas desabastecido. O governo federal publicou na quarta-feira (18/02), no Diário Oficial da União, a redução da alíquota de importação de bicicletas. Desde 2011, as bicicletas estavam com imposto de importação elevado à taxa máxima permitida pela OMC (Organização Mundial do Comércio), 35%. A diminuição será progressiva: a partir de março passa para 30%, em julho cai para 25% e, em dezembro, 20% - a alíquota base antes do veículo entrar na LETEC (Lista de Exceções à Tarifa Externa Comum). "São dez anos de um instrumento que deveria ser temporário e que não produziu efeito de incentivar a produção nacional. Não faz sentido manter essa alíquota que é superior a itens como bebida alcoólica, por exemplo", explica o diretor-executivo da Aliança Bike (Associação Brasileira do Setor de Bicicletas) Daniel Guth. A associação participa de estudos e iniciativas junto ao Ministério da Economia para baratear o veículo, como a equiparação do IPI (Imposto sobre os Produtos Industrializados) das bicicletas elétricas com as bicicletas mecânicas convencionais, além da exclusão das bikes da LETEC Para 2021, ainda há expectativa de que mais uma parte do custo da importação seja reduzido. A partir de abril, a TEC (Tarifa Externa Comum) será reduzida de 16 para 2% para câmbios e pinhões de roda livre, o K7 (conjunto de engrenagens que possibilita a troca de marchas nas bicicletas). "Esse foi um pleito que nasceu na Argentina e veio para o Mercosul. Fizemos um estudo técnico e apresentamos para o governo, mesmo assim o Brasil demorou dois anos para responder", afirma Guth. Na fábrica Oggi Bikes, toda a produção dos próximos seis meses já está vendida. Segundo Daniel Douek, sócio-diretor da empresa, dependendo do modelo, a lista de espera pode chegar a 4 meses. "A procura aumentou tanto, que até hoje estou sem produto pra trabalhar direito. Em 12 anos de loja, nunca tinha visto isso", conta o comerciante Wala Costa, de Porto Velho (RO), proprietário da Rondobikes. Grande parte das peças que compõem uma bicicleta de qualquer marca no mundo é importada de países asiáticos, principalmente da China - que já tem uma cultura consolidada de uso do veículo. Após os dois primeiros meses da pandemia no ano passado, houve um boom mundial de procura por novas bicicletas e de peças e acessórios. Com isso, os chineses não conseguiram dar conta nem de seu mercado interno. Segundo a Abraciclo (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares), no ano passado, as fabricantes de bicicletas instaladas no polo industrial de Manaus (AM) produziram um volume 27,7% menor do que o fabricado em 2019. Em contrapartida, o aumento de vendas do veículo em 2020 foi, em média, de 50% em comparação a 2019, segundo levantamento realizado pela Aliança Bike, que ouviu centenas de lojistas, fabricantes e montadores de todo o país ao longo do ano passado e em janeiro de 2021. Em julho, no pico de vendas, esse aumento chegou a 118%. Entre os modelos mais vendidos, as bicicletas de entrada - tanto urbanas, quanto mountain bikes aro 29" -, com valores que variaram entre R$ 800 e R$ 2 mil. O sócio e diretor comercial da Groove - fábrica localizada em Mococa (SP) -, Sérgio Gallo, afirma que hoje 64% do preço de uma bicicleta é imposto. "As fábricas de Manaus importam os mesmos componentes que a gente, mas nós não temos a isenção deles. A ideia da Zona Franca era incentivar a produção nacional, mas hoje todo mundo importa. E nós optamos por trabalhar de modo regionalizado, com atendimento mais próximo, no interior de São Paulo". Além da alta do dólar, o valor do frete marítimo durante a pandemia aumentou demais. Gallo diz que o contêiner que antes ele pagava US$ 1.200 para importar, agora custa US$ 8.000. "Um desafio para que os novos praticantes não desistam da modalidade é o preço da manutenção atualmente. O par da pastilhas de freio que antes custava R$ 80, hoje custa R$ 120, por exemplo". 'Momento não é de reduzir tributos' As empresas que integram a Abraciclo defendem outras políticas para o setor. Cyro Gazola, CEO da Caloi e vice-presidente da Abraciclo, afirma que já há alternativas em planejamento. "Defendemos manter as regras do jogo, pelo menos, o momento atual não é de fazer alterações em tributos. As fábricas brasileiras, de Manaus, já estão preparadas para atender a demanda, mesmo se continuar crescendo". Gazola explica que 90% das bicicletas produzidas pela Caloi são brasileiras. "Nós temos insumos locais, como quadros de aço e alumínio, o que importamos são os produtos de carbono. Já estamos buscando alternativas para não depender tanto do mercado asiático, como sistemas de freios diferentes, ampliando leque de fornecedores, inclusive com brasileiros, reduzindo número de modelos e tentando evitar o repasse do aumento do custo ao consumidor". Outro fator que acabou atrapalhando a expansão do mercado neste ano é o modelo de negócio, normalmente familiar. "O mercado de bicicletas tem margem muito justa, os lojistas são adeptos do Simples nacional, empregam até quatro pessoas, são micro-empresas familiares, de gente apaixonada por bike. As grandes redes não são a realidade do mercado. Então, é um setor que não é de gente que quer sacanear o consumidor. A indústria brasileira é basicamente de montagem e quase tudo vem da Ásia". Talita Oliveira Noguchi, proprietária da Las Magrelas, uma oficina, loja de venda, acessórios e bicicletas de montagem própria (marca Babilônia), de Pinheiros (zona oeste de São Paulo), conta que só não teve seu negócio prejudicado porque conseguiu fazer estoque. "No começo da pandemia nos outros países, eu notei que tinha alguma coisa errada porque peças básicas, como cubo, guidão e garfo, começaram a faltar. Sou eu e três funcionárias, não vendo tanta bicicleta, sou pequena, fiquei assustada porque estava faltando coisas básicas, tipo guidão simples. Então, eu fiz um estoque e foi isso que me salvou". Por conta desse planejamento, Talita conseguiu segurar os preços até o final do ano - outra reclamação de quem já era adepto das bicicletas ou aderiu recentemente. "Agora não tem como, tenho que repassar esse aumento. Não existe nada que não venha da China e a desvalorização da nossa moeda foi absurda. Eu tenho a (marca) Babilônia, que os quadros são feitos aqui, é uma produção artesanal, mas a tubulação vem da China e o preço aumentou em 115%", conta. Luciano Trevisol, 48, teve dificuldades para fazer a manutenção de sua bicicleta por conta do desabastecimento e do preço das peças. Trevisol é costureiro de uma marca que produz bolsas, alforges e mochilas para montanhismo e transporte de carga na bicicleta em Florianópolis (SC) e pedala desde os 10 anos. A bicicleta é seu veículo de locomoção até para viagens. Entre maio e julho, a transmissão - sistema responsável por transformar a força das pernas do ciclista na rotação das rodas, composta de coroas, corrente, cassete, movimento central e pedivela - bateu 8.000 km e precisou ser trocada. "Eu prefiro fazer a manutenção em lojas da região e não comprar em sites, como Mercado Livre. Mas durante a pandemia, tive que fazer isso porque os fornecedores locais não tinham nem coisas básicas como câmara de ar, K7, coroa. E as peças estavam em torno de R$ 50 a mais. Eu não consegui comprar um pedivela porque estava muito caro. Antes custava R$ 230, agora está chegando a R$ 400. Comprei só a coroa e foi mais de R$ 100", conta Trevisol. Expectativa para 2021 Apesar de todos os problemas e dificuldades, todos estão otimistas com o mercado de bicicletas neste ano. As fabricantes de bicicletas instaladas no Polo Industrial de Manaus deverão produzir 750 mil unidades este ano, de acordo com a Abraciclo. O volume deve ser 12,8% superior ao alcançado em 2020, que fechou com 665.186 unidades produzidas. Gazola afirma que a expectativa do setor é de voltar a crescer depois de um ano de retração. "A sociedade brasileira está olhando mais para as bicicletas, retomaram o pedal em família, tiraram a bicicleta da garagem, compraram novas. 12% de aumento é nossa expectativa, mas vou ficar frustrado se for só isso, acredito que será mais", afirma. Apesar de acreditar que a pandemia é uma janela de oportunidades que o Brasil perder, Guth diz que não há espaço para retroceder no uso de bicicletas pelos brasileiros. "Nós estamos otimistas com o mercado, acho que em 2021 vamos continuar com a demanda mais alta do que em pré-pandemia e a expectativa é que não haja mais desabastecimento. Há um crescimento no perfil de consumidor de média para alta renda que está buscando a bike como principal meio de transporte. Isso não deve mudar". Cyro Gazola afirma que a expectativa do setor é de voltar a crescer depois de um ano de retração. Divulgação via BBC Talita também acredita que esse crescimento da demanda é sólido. "Acho que meu mercado vai continuar estável, é só uma questão de planejamento. Minha expectativa, em particular, é boa mesmo dentro de um país em crise econômica e sanitária, com falta de perspectiva. É boa porque estou com saúde e não vou falir". Se depender da professora aposentada Vivian Leyser, 65, e de suas amigas, o mercado vai continuar, sim, aquecido. "Aqui em Florianópolis temos uma ciclovia fácil de acessar. No final de novembro, decidi voltar a ser ciclista. E, para minha satisfação, eu tenho amigas da minha idade que compraram também. Retomar o uso da bicicleta agora tem muito a ver com a sensação de que, para lazer, eu coloco máscara e uso ciclovia, então acho o nível de equilíbrio do risco e benefício é satisfatória". Bicicleta melhor Com o aumento de ciclistas na rua, não basta apenas a normalização da produção, é preciso política pública para segurança dos usuários. A Aliança Bike criou um conjunto de 10 propostas para que abordam desde a ampliação da malha cicloviária nas cidades até a redução da carga tributária, passando pelo desenvolvimento do cicloturismo e a ampliação de direitos para quem optar pela bicicleta como meio de transporte. "Enviamos para ministros, governadores, prefeitos, deputados. O pode público não olhou com atenção ainda a urgência que a mobilidade urbana precisa. Houve redução de frota de ônibus durante a pandemia, por exemplo, mas não houve aumento de ciclovias, nem que fossem temporárias durante esse período. O investimento em bicicleta é barato e de alto retorno social, qualquer economista diria que isso é um ótimo investimento", afirma Guth, diretor da associação. Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

Kroton lança pool de 12 cursos com as tecnologias mais demandadas pelas empresas

canaltech O grupo educacional Kroton anunciou nessa sexta-feira (19) o lançamento da Academia Tech, um pool de 12 cursos com as Tecnologias mais demandadas pelo mercado, como Cloud, Cibersegurança, Ciência de Dados, DevOps, Marketing Digital, entre outros. Disponíveis, principalmente, na modalidade de Ensino à Distância (EAD), os cursos têm duração máxima de cinco semestres e possuem grade curricular atualizada, com foco em direcionar o aluno ao mercado de trabalho logo no primeiro ano de formação. Além disso, o Academia Tech conta com cursos livres, preparatórios e complementares com certificação, realizados em parceria com Big Techs, como AWS Academy e AWS Educate (ambos da Amazon), Cisco Academy e Huawei Academy. Segundo Letícia Galvão, gerente acadêmica da Kroton responsável pelos cursos de tecnologia, a Academia Tech foi formada a partir de entrevistas com mais de 20 empresas do mercado de TI. para entender as lacunas entre o recém formado x profissional mais preparado para o mercado. "Esse benchmarking nos permitiu criar uma grande curricular alinhada às necessidades dos empregadores, garantindo que nosso aluno aprenda, desde o primeiro semestre, os desafios reais do mercado de trabalho.” -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Ao longo dos últimos anos, o mercado de tecnologia no Brasil vem enfrentando uma dura realidade: sobram vagas de trabalho e falta mão de obra qualificada. Estima-se que o déficit na força de trabalho do setor de TI deve chegar a 300 mil até 2024, segundo pesquisa da Associação Brasileira das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (Brasscom), feita em 2020. A cada ano, o país precisaria formar 24 mil novos profissionais a mais na área para suprir a demanda das empresas. "Estudos comprovam que, atualmente no Brasil, há mais vagas abertas na área de TI do que profissionais com formação qualificada. Nesse gargalo, enxergamos uma oportunidade de contribuir para suprir a demanda atual existente", comenta Leonardo Queiroz, vice-presidente de crescimento da Kroton. "Entendemos que as áreas que mais contratam são de desenvolvimento, dados e redes, por isso, investimos nossos esforços para oferecer cursos nesses segmentos", Quais são os cursos disponíveis? Confira abaixo quais são os cursos em alta no mercado e que compõem o Academia Tech: CST em Redes de Computadores Conteúdo: Forma profissionais para gerenciar, criar, implantar e manter projetos físicos e lógicos de redes de computadores e outros dispositivos.Formato / duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres Computação em Nuvem (Cloud computing) Conteúdo: Forma profissionais para desenvolver projetos em ambientes mistos, ser capaz de realizar análises de migração de serviços em nuvem e garantir a estabilidade e a segurança das plataformas em nuvem. Formato / duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres. Cibersegurança Conteúdo: Forma profissionais para identificar vulnerabilidades em diferentes sistemas, buscando soluções e garantindo a segurança de dados da empresa onde irá atuar, de maneira a evitar que o sigilo de seus clientes seja violado. Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres. Inteligência de Mercado e Análise de Dados Conteúdo: Forma profissionais para atuar em empresas de diferentes portes. Em seu dia a dia, usa a mineração e a análise de dados para relatórios ajudando empresas a compilar informações para um embasamento maior em tomadas de decisão estratégicas.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres. Ciência de Dados Conteúdo: Forma profissionais para coleta dados não-estruturados e passa para um formato útil para a empresa através de diferentes linguagens e técnicas de machine learning, processamento de linguagem natural e redes neurais. Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres Arquitetura de DadosConteúdo: Forma profissionais para desenvolver e arquitetar sistemas distribuídos, combinar diferentes fontes de dados, criar a arquitetura de soluções, preencher bancos de dados analíticos, criar esquemas de tabelas e trabalhar com ferramentas para obtenção de dados em Data WarehousesFormato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 5 semestres. DevOps Conteúdo: Forma profissionais que ajudarão na integração das áreas de TI e Negócios para otimizar as entregas e assim elas sejam feitas com qualidade e agilidade. Por isso, o curso é focado no desenvolvimento de softwares de forma ágil, utilizando ferramentas inovadoras para atuar nas áreas de sistemas e infraestrutura, operando em um ciclo integrado de planejamento, desenvolvimento, automação e serviço para obtenção de produtos.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 4 semestres. Dev Back EndConteúdo: Forma profissionais capazes de dominar diferentes linguagens de programação, com foco no desenvolvimento de modo seguro em servidores e sistemas operacionais, conhecendo também sobre integração de webservices para programar, codificar e testar projetos criados.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 4 semestres. Dev Mobile Conteúdo: Forma profissionais capazes de atuar no desenvolvimento de aplicativos ou sistemas para dispositivos móveis, considerando diferentes sistemas operacionais e atuando em todo o projeto de desenvolvimento, desde o planejamento dos recursos do aplicativo até a realização de configuração e testes em apps também para smartphones, tablets, TVs e incluindo o universo de games.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 4 semestres. Dev Web Conteúdo: Forma profissionais para desenvolver Front-End, com capacidade para projetar, desenvolver, testar, implantar, manter e avaliar páginas para sistemas e-commerce, games, sites de Internet e intranets e aplicativos para plataformas móveis para a internet, com foco na experiência do usuário.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD com duração de 4 semestres. Análise e Desenvolvimento de Sistema - DES Conteúdo: Forma profissionais para atuar nas áreas de Tecnologia da Informação e Sistemas. O curso é dividido em quatro pilares: Fundamentos, focando em matemática e toda parte de lógica e algoritmos; Técnico, com linguagens e decomposição de problemas; Ferramentas de programação e suas linguagens e Cultura, que foca em práticas ágeis.Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD, semi presencial e presencial com duração de 4 semestres Marketing Digital Conteúdo: Forma profissionais para lidar com as ferramentas mais modernas da área. O curso exige que o estudante tenha algumas características importantes para o curso: ter uma boa comunicação é um bom caminho, mas só isso não basta. É preciso estar sempre atento à comunicação digital, às mídias sociais, além de se interessar por temas voltados para publicidade, propaganda e marketing. Formato / Duração: Disponível na modalidade EAD e semi presencial com duração de 4 semestres Os cursos do Academia Tech já estão disponíveis para matrícula, nos sites das marcas Anhanguera, Unopar, Pitágoras, Unime, Unic, Fama e Uniderp. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Sonda da NASA parece ter flagrado um objeto entrando na atmosfera de Júpiter NASA divulga fotos do rover Perseverance enquanto pousava em Marte Moradores de vilarejo na França não querem a instalação de antenas Starlink Rússia e China pretendem se unir para desenvolver uma estação de pesquisa na Lua Novas medidas deste buraco negro podem levar astrônomos a repensar sua origem Veja Mais

Bitcoin bate novo recorde e atinge US$ 1 trilhão em valor de mercado

G1 Economia Ganhos da moeda digital foram alimentados por sinais de que ela está ganhando aceitação entre os principais investidores e empresas, desde Tesla e Mastercard a BNY Mellon. Bitcoin: Saiba o que é e como funciona a mais popular das criptomoedas O bitcoin atingiu um valor de mercado de US$ 1 trilhão nesta sexta-feira (19), batendo mais um recorde, contrariando advertências de analistas de que se trata de uma anomalia econômica e uma proteção ruim contra queda em preços de ações. A criptomoeda mais popular do mundo saltou para um recorde acima de US$ 54 mil nesta sexta-feira (19), abrindo caminho para uma valorização semanal de mais de 11%. A moeda acumula alta de cerca de 64% até agora neste mês. Bitcoin bate novos recordes; entenda o que é e os riscos de investir Às 16h45 (horário de Brasília) subia 5,9%, a US$ 54.624,01. Os ganhos foram alimentados por sinais de que está ganhando aceitação entre os principais investidores e empresas, desde Tesla e Mastercard a BNY Mellon. Todas as moedas digitais combinadas têm um valor de mercado de cerca de US$ 1,7 trilhão. "Se você realmente acredita que existe uma reserva de valor no bitcoin, então ainda há muitas vantagens", disse John Wu, presidente da AVA Labs, plataforma de código aberto para a criação de aplicativos que usam a tecnologia blockchain, infraestrutura na qual o bitcoin foi criado. "Se você olhar para o ouro, ele tem um valor de mercado de US$ 9 ou US$ 10 trilhões . Mesmo que o bitcoin chegue à metade dessa capitalização do ouro, isso ainda significa um crescimento de quatro vezes. Então eu não sei quando ela vai parar de subir", acrescentou. Ainda assim, muitos analistas e investidores continuam céticos em relação a um ativo digital que não conta com regulação, é altamente volátil e é pouco usado para comércio. Analistas do JP Morgan disseram que o preço atual do bitcoin está bem acima das estimativas de valor justo. A adoção mais ampla da moeda digital aumenta a correlação do bitcoin com ativos cíclicos, que aumentam e caem de valor com as mudanças econômicas, por sua vez, reduzindo os benefícios de diversificação em criptomoedas, disse o banco em relatório. "Ativos de criptomoedas continuam a ser classificados como o hedge mais pobre para grandes perdas em ações, com benefícios de diversificação questionáveis a preços até agora acima dos custos de produção, enquanto correlações com ativos cíclicos estão subindo conforme o uso de criptomoedas cresce", disse JP Morgan. O banco ainda afirmou que o bitcoin é um "show econômico paralelo", chamando a inovação em tecnologia financeira e crescimento de plataformas digitais de crédito e pagamentos como "a história real da transformação financeira na era Covid-19". Variação do bitcoin G1 Vídeos: Últimas notícias de Economia Veja Mais

Daniel Silveira faz defensa contra a prisão dele decretada pelo STF - 19/02/2021

Daniel Silveira faz defensa contra a prisão dele decretada pelo STF - 19/02/2021

Câmana dos Deputados O deputado Daniel Silveira (PSL-RJ) pediu desculpas pelo vídeo publicado na terça-feira, que levou à sua prisão. “Eu gostaria de ressaltar que, em momento algum, consegui compreender o momento da raiva que ali me encontrava e peço desculpas a todo o Brasil. Foi um momento passional e me excedi de fato na fala”, disse. Ele participa da sessão da Câmara por videoconferência. O vídeo traz ofensas a ministros do Supremo Tribunal Federal, elogio à ditadura militar e ao Ato Institucional nº5, que reduziu as liberdades individuais e endureceu o regime. Silveira é investigado no âmbito do inquérito das fake news e foi preso em flagrante por crimes contra a segurança nacional. A manutenção da prisão será decidida pela Câmara dos Deputados na noite desta sexta-feira. “Assisti ao vídeo três vezes e percebi, com calma e cautela, que minhas palavras foram duras e que há outros modos de expressar minha fala”, disse Silveira. O deputado disse ainda que a decisão do Plenário da Câmara é maior do que apenas mantê-lo ou não na prisão. “O pano de fundo é maior do que decidir se fico preso ou não. Se [a decisão do STF] é uma flagrante ilegalidade ou se defendemos a democracia”, disse. “As consequências desta decisão jamais vão se limitar à minha vida”, emendou. Fonte: Agência Câmara de Notícias Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeputados/ https://www.tiktok.com/@camaradosdeputados? https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais