Meu Feed

No mais...

Por que David Solomon, CEO do banco Goldman Sachs, acha que trabalhar de casa é 'uma aberração'

G1 Economia Segundo ele, o serviço remoto não se encaixa na cultura de trabalho da companhia e será 'corrigido' o mais rápido possível. Mas nem todo mundo pensa como ele. Solomon acredita que o trabalho remoto é ruim para o setor financeiro Getty Images via BBC Se há uma coisa que David Solomon, CEO do banco Goldman Sachs, não gosta é que os funcionários de sua empresa trabalhem remotamente. Para ele, o home office é "uma aberração". Solomon afirmou que sua companhia, um dos maiores grupos de bancos de investimento e valores mobiliários do mundo, operou em 2020 com "menos de 10% das pessoas" no escritório. Sua ânsia para que os funcionários voltem ao escritório vai de encontro à visão de muitas outras empresas, que sugeriram que trabalhar de casa poderia se tornar algo permanente. Mas, para Solomon, o home office não se encaixa na cultura de trabalho da Goldman Sachs. "Acho que para uma empresa como a nossa, que está dentro de uma cultura de aprendizagem colaborativa e inovadora, isso não é o ideal. E não pode ser um novo normal. É uma aberração que vamos corrigir o mais rápido possível", afirmou em uma conferência recentemente. 'Não estou ansioso para voltar ao escritório' Diversas empresas adotaram home office na pandemia Getty Images via BBC Tom, um homem de 35 anos que trabalha com planejamento urbano, disse à BBC que não deseja voltar ao antigo esquema de trabalho presencial. "Realmente não estou ansioso para voltar ao escritório", admite. Ele contou que gostou de poder se dedicar mais aos filhos pequenos durante a pandemia. Mas seu empregador é bastante "insistente" em querê-lo de volta cinco dias por semana. "Tive muita dificuldade com a falta de compreensão e apoio da geração mais velha de diretores, assim como sua ânsia em voltar aos escritórios e não aprender lições", explica. Segundo ele, seu empregador parece supor que haverá alguém em casa para cuidar das crianças e de outras demandas diárias, enquanto a indústria de tecnologia, em que sua esposa trabalha, permite mais flexibilidade. Tom está agora em busca de um novo emprego que ofereça mais opções. "O melhor cenário para mim seria dois dias no escritório, para estabelecer uma conexão com os colegas, e dois ou três dias em casa", resume. Sem mudanças no longo prazo David Solomon acredita que não haverá grandes mudanças no longo prazo EPA via BBC Em particular, David Solomon, do Goldman Shachs, está preocupado com a próxima "turma" de cerca de 3 mil novos contratados que não se beneficiariam da "mentoria direta" de que precisam. "Estou muito focado no fato de que não quero outra turma de jovens chegando remotamente ao Goldman Sachs no verão", declarou. Embora acredite que a pandemia de covid-19 tenha ajudado a impulsionar a adoção de tecnologias digitais e criado maneiras para o banco operar com mais eficiência, Solomon acredita que não haverá grandes mudanças no longo prazo. "Não creio que, ao sairmos da pandemia, o modo geral de funcionamento de uma empresa como a nossa seja muito diferente", afirmou. Dentro do setor financeiro, parece que Solomon não está sozinho. Em setembro, o CEO do JP Morgan, Jamie Dimon, disse que trabalhar de casa tinha um efeito negativo na produtividade. O chefe do Barclays, Jes Staley, também expressou recentemente esperança de que a vacina permita que os funcionários retornem ao escritório. No entanto, mais recentemente, o Lloyds Banking Group afirmou que planejava reduzir em 20% a quantidade de espaço de escritórios que usa em três anos, e o HSBC anunciou um corte de 40% na presença no escritório. Trabalho permanente de casa? As empresas de tecnologia também parecem estar mais entusiasmadas com o trabalho remoto. Microsoft, Facebook e Twitter disseram que os funcionários teriam a opção de trabalhar de casa permanentemente. O Facebook, especificamente, sugeriu que até metade de sua equipe poderia trabalhar remotamente por 5 a 10 anos. Mas a empresa também deu a entender que os trabalhadores remotos poderiam receber um salário mais baixo, já que suas despesas seriam menores morando longe de São Francisco e do Vale do Silício, nos Estados Unidos. VÍDEOS: como será o trabalho após a pandemia Veja Mais

Com 3.368 novos óbitos em 24h, Brasil passa de 310 mil mortos por covid-19, mostra consórcio

Valor Econômico - Finanças País chegou a 310.694 óbitos e a 12.489.232 casos da doença desde o início da pandemia Após a semana de recordes trágicos, o Brasil registrou 3.368 mortes por covid-19 neste sábado, além de 81.909 novas infecções. O país chegou a 310.694 óbitos e a 12.489.232 casos da doença desde o início da pandemia. Os dados são os aferidos pelo consórcio de veículos de imprensa integrado por “Folha”, “UOL”, “G1”, “O Estado de S. Paulo”, “Extra” e “O Globo” e coletados até as 20h com as secretarias de saúde dos Estados. Na sexta-feira, o país bateu o recorde de mortes em um único dia, com 3.600 óbitos. Mas, apesar de a situação ser gravíssima, ao menos parte desse elevado número de mortes registradas se deve a um represamento de dados que ocorreu durante a semana. O Estado de São Paulo, por exemplo, registrou mais de 1.000 mortes pelo segundo dia seguido: foram 1.051 nas últimas 24h. A média móvel de mortes no país voltou a bater recorde e chegou a 2.548 mortes por dia. Esse é um instrumento estatístico para amenizar grandes variações de dados, como as que ocorrem aos finais de semana e feriados. Ela é calculada pela soma das mortes nos últimos sete dias, dividida por sete. A média recorde anterior era de 2.400 mortes por dia e ocorreu ontem. Até terça-feira, o país completava 25 dias seguidos de valores máximos da média. A sequência foi quebrada justamente no dia em que o Ministério da Saúde mudou a forma de registro das mortes, o que provocou dificuldade na documentação por alguns Estados e fez o número de óbitos cair artificialmente. A medida gerou críticas, que levaram a pasta a suspender a mudança. Ainda assim, o país completa 66 dias com média móvel de mortes acima de 1.000. O consórcio de imprensa também atualizou as informações repassadas sobre a vacinação contra a covid-19 por 22 Estados. Já foram aplicadas no total 19.927.298 doses de vacina (15.248.847 da primeira dose e 4.678.451 da segunda dose), de acordo com as informações disponibilizadas pelas secretarias de Saúde. Isso significa que 7,2% dos brasileiros maiores de 18 anos tomaram a primeira dose e só 2,21%, a segunda. Nas últimas 24 horas, 365.627 pessoas tomaram a primeira dose da vacina e 41.191, a segunda. Veja Mais

Brasil registra novo recorde na média móvel com 2.548 mortes diárias por Covid

Glogo - Ciência País contabilizou 12.489.232 casos e 310.694 óbitos por Covid-19 desde o início da pandemia, segundo balanço do consórcio de veículos de imprensa. Média móvel de casos também registrou recorde de 77.128 novos diagnósticos por dia. O Brasil registrou 3.368 mortes por Covid nas últimas 24 horas e totalizou neste sábado (27) 310.694 óbitos. Com isso, a média móvel de mortes no país nos últimos 7 dias chegou a 2.548, um novo recorde desde o início da pandemia. Em comparação à média de 14 dias atrás, a variação foi de +39%, indicando tendência de alta nos óbitos pela doença. É o que mostra novo levantamento do consórcio de veículos de imprensa sobre a situação da pandemia de coronavírus no Brasil a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde, consolidados às 20h de sábado. Já são 66 dias seguidos com a média móvel de mortes acima da marca de mil; pelo vigésimo dia a marca aparece acima de 1,5 mil; e o país completa agora 11 dias com essa média acima dos 2 mil mortos por dia. Veja a sequência da última semana na média móvel: Domingo (21): 2.255 (recorde) Segunda (22): 2.298 (recorde) Terça (23): 2.349 (recorde) Quarta (24): 2.279 Quinta (25): 2.276 Sexta (26): 2.400 (recorde) Sábado (27): 2.548 (recorde) Em casos confirmados, desde o começo da pandemia 12.489.232 brasileiros já tiveram ou têm o novo coronavírus, com 81.909 desses confirmados no último dia. A média móvel nos últimos 7 dias foi de 77.128 novos diagnósticos por dia, um novo recorde desde o início da pandemia. Isso representa uma variação de +16% em relação aos casos registrados em duas semanas, o que indica tendência de aumento nos diagnósticos. Vinte estados e o Distrito Federal estão com alta nas mortes: CE, MS, SP, PB, RS, BA, GO, MG, RN, TO, AP, ES, PE, RJ, SC, PI, PR, AL, SE, MT. Mortes e casos de coronavírus no Brasil e nos estados Mortes e casos por cidade Veja como está a vacinação no seu estado Brasil, 27 de março Total de mortes: 310.694 Registro de mortes em 24 horas: 3.368 Média de novas mortes nos últimos 7 dias: 2.548 (variação em 14 dias: +39%) Total de casos confirmados: 12.489.232 Registro de casos confirmados em 24 horas: 81.909 Média de novos casos nos últimos 7 dias: 77.128 por dia (variação em 14 dias: +16%) Estados Subindo (20 estados e o Distrito Federal): CE, MS, SP, PB, RS, BA, GO, MG, RN, TO, AP, ES, PE, RJ, SC, PI, PR, AL, SE, MT Em estabilidade (4 estados): MA, RO, PA, AC Em queda (2 estados): AM e RR Essa comparação leva em conta a média de mortes nos últimos 7 dias até a publicação deste balanço em relação à média registrada duas semanas atrás (entenda os critérios usados pelo G1 para analisar as tendências da pandemia). Vale ressaltar que há estados em que o baixo número médio de óbitos pode levar a grandes variações percentuais. Os dados de médias móveis são, em geral, em números decimais e arredondados para facilitar a apresentação dos dados. Vacinação Balanço da vacinação contra Covid-19 deste sábado (26) aponta que 15.248.847 pessoas já receberam a primeira dose de vacina contra a Covid-19, segundo dados divulgados até as 20h. O número representa 7,20% da população brasileira. A segunda dose já foi aplicada em 4.678.451pessoas (2,21% da população do país) em todos os estados e no Distrito Federal. No total, 19.933.528 doses foram aplicadas em todo o país. Variação de mortes por estado Estados com o número de óbitos em alta Arte/G1 Número de estados com número de óbitos em estabilidade Arte/G1 Número de estados com óbitos em queda Arte/G1 Sul PR: +29% RS: +24% SC: +30% Sudeste ES: +104% MG: +42% RJ: +65% SP: +63% Centro-Oeste DF: +142% GO: +22% MS: +64% MT: +52% Norte AC: -10% AM: -41% AP: +84% PA: +12% RO: +14% RR: -40% TO: +57% Nordeste AL: +36% BA: +25% CE: +27% MA: +12% PB: +17% PE: +60% PI: +20% RN: +58% SE: +54% Brasil Sul Sudeste Centro-Oeste Norte Nordeste Consórcio de veículos de imprensa Os dados sobre casos e mortes de coronavírus no Brasil foram obtidos após uma parceria inédita entre G1, O Globo, Extra, O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL, que passaram a trabalhar, desde o dia 8 de junho, de forma colaborativa para reunir as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal (saiba mais). Veja vídeos de novidades sobre vacinas contra a Covid-19: Veja Mais

Autoridade egípcia aponta falha humana em navio encalhado no canal de Suez

O Tempo - Mundo Se maré não ajudar, pode ser necessário retirar contêineres para liberar o cargueiro Ever Given Veja Mais

Medo de contrair COVID-19 traz sérias consequências à saúde mental

canaltech Em outubro de 2020, fizemos um especial sobre o impacto da pandemia na saúde mental da população (parte 1; parte 2), e em meio às consequências de curto e longo prazo, destacamos as preocupações e o medo tomando conta da população. Recentemente, estudos realizados em várias partes diferentes do mundo se concentram em alertar justamente para o medo de contrair a COVID-19, e como isso está afetando as pessoas em geral. O que 2020 nos ensinou sobre saúde mental e como usar isso em 2021 Como estará nossa saúde mental quando a pandemia tiver acabado? Coronavírus: como manter a saúde mental em meio ao isolamento social No início do mês de março o Dr. Joseph Alpert, da Escola de Medicina da Universidade do Arizona (EUA), publicou um relato na revista científica The American Journal of Medicine, observando que os pacientes internados por insuficiência cardíaca ou doença pulmonar crônica tinham diferenças notáveis em relação aos pacientes atendidos ao longo das últimas décadas: estavam consideravelmente mais doentes e mais perto de morrer do que no passado. Dr. Alpert percebeu que os pacientes evitavam o hospital o máximo possível por causa do medo de adquirir uma infecção letal por COVID-19, e pelo mesmo motivo, muitos pacientes hospitalizados recusaram a fisioterapia pós-alta ou a transferência para tratamento psiquiátrico. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Alguns estudos vêm ressaltando as principais consequências negativas desencadeadas pelo medo irracional de contrair a COVID-19 (Imagem: McKinsey/Rawpixel) Os pacientes frequentemente declararam que era mais seguro ficar em casa do que ir ao hospital. "Eu disse repetidamente aos pacientes que eles estavam mais seguros conosco do que fazendo compras no mercado, onde eles não sabiam se a pessoa ao lado estava ou não com COVID-19. Parecia que o medo havia superado o pensamento racional", apontou o médico em seu relato. "A medicina precisa educar o público sobre as condições de segurança em hospitais e clínicas. Se você estiver doente, não hesite em ligar para a emergência ou pedir a alguém para levá-lo ao pronto-socorro mais próximo", concluiu. Em paralelo, a pesquisa MentalCovid, feita pela Universidade Federal do Rio Grande (Furg) do Rio Grande do Sul e pela Universidade do Extremo Sul Catarinense (Unesc) de Santa Catarina, apontou que a saúde mental da população tem sido prejudicada pelo medo de contrair a COVID-19. A análise, que teve início em setembro de 2020, consiste em cinco estudos simultâneos. Por enquanto, apenas os primeiros resultados de dois estudos foram divulgados. Os pesquisadores apontam que o pior quadro de saúde mental não está associado à infecção causada pelo coronavírus, considerando que não houve nenhuma diferença nos escores de depressão e estresse nas pessoas que contraíram a doença, quando comparadas aos que ainda não tiveram. Juntamente com o medo e a preocupação, há a busca excessiva por informações (que os especialistas chamam de infodemia) e o distanciamento social. A pesquisa contemplou 2.170 indivíduos entrevistados, com 18 anos ou mais, em mais de mil domicílios. “Para as pessoas mais afetadas pela pandemia, observou-se maiores níveis de depressão, estresse, tristeza e ideação suicida”, aponta o relatório de divulgação da pesquisa. O medo da COVID-19 Em conversa com psiquiatra, Canaltech busca compreender até que ponto o medo da COVID-19 gera cuidados e não prejuízos à saúde mental (Imagem: Anthony Tran/Unsplash) Com esses estudos em mente, questiona-se: será que já se instala uma fobia de COVID-19? Quem nos esclarece isso é o Dr. Marco Abud, psiquiatra e fundador do Canal Saúde da Mente. O especialista explica, inicialmente, que a presença de ameaças à nossa saúde tanto física, familiar e econômica faz com que o nosso sistema de alerta natural que todo ser humano tem no cérebro seja disparado. Ele aponta que o sistema de alerta é muito útil para o ser humano, pois faz com que frente a um perigo ele reaja de uma forma mais eficiente, seja atacando esse perigo para afastá-lo, resolvê-lo ou então evitando-o de todas as formas. Dito isso, o psiquiatra observa que é comum que diante do estado atual da sociedade e do mundo, as pessoas estejam naturalmente mais ansiosas, considerando que existem mais ameaças. "Até um certo nível esse tipo de ansiedade melhora o nosso raciocínio, o tempo de reação frente a algo ruim que aconteça e faz com que a pessoa tenha uma energia maior para enfrentar, evitar ou proteger tanto nós meses quanto à nossa família", reflete Abud. "De qualquer forma, temos que estar atentos porque ao mesmo tempo que essa ansiedade protege, a partir de um determinado ponto, quando ela fica muito intensa ou quando não consegue ser desligada, pode fazer com que ela comece a roubar a energia e aprisionar e não proteger", acrescenta o especialista. Assim, o psiquiatra conclui que o ser humano está mais sujeito a sentir mais ansiedade nesse momento, mas em algumas pessoas específicas, por características genéticas, história de vida, características relacionadas a comportamentos aprendidos, pode entrar em um ciclo em que esse medo (que pode ser relacionado tanto a contrair COVID-19 como a ter consequências financeiras, ou ainda à incerteza) comece a acontecer a todo momento, atrapalhando a pessoa a fazer outras coisas no dia a dia. "Neste momento, a ansiedade se torna patológica e provavelmente isso seria um diagnóstico de transtorno de ansiedade", aponta. Dr. Abud esclarece que o medo em relação à COVID-19, que seria uma ansiedade tóxica e patológica, estaria entrando em um transtorno de ansiedade. "Esses quadros, uma vez que eles se instalam, autoalimentam — ou seja, entram em um ciclo de ansiedade, em que alguns pensamentos sobre a doença alimentam sintomas físicos e esses sintomas físicos alimentam mais pensamentos, e os pensamentos e sintomas físicos fazem com que a pessoa se envolva em comportamentos de evitação ou de hiper checagem, que retroalimenta tudo isso. Mesmo depois que o gatilho inicial foi embora, esse ciclo permanece", avalia.  Como lidar com o medo? Especialista traz dicas de como se atentar às reações excessivas à possibilidade de contrair COVID-19 e recomenda buscar tratamento se for o caso (Imagem: rottonara / Pixabay) Mas esse medo é bom, por proporcionar mais cuidados? Para o especialista, alguns sinais servem para acender um alerta de que essa preocupação está sendo mais prejudicial do que cuidadosa. "A preocupação é útil à medida que ela ajuda a gente a tomar atitudes para resolver o problema. Se nós estamos nos preocupando com algo sobre o qual nada podemos fazer naquele momento, esta é uma preocupação que não está sendo muito útil, só está gastando energia", indica.  Os sintomas que indicariam um medo excessivo de contrair a doença são os seguintes: se a pessoa está trabalhando e a mente dela é invadida por preocupações relacionadas à COVID-19, ou se ela está em um momento de relaxamento e a mente dela é bombardeada de forma involuntária constantemente por este tipo de pensamento. O outro sinal para ficar alerta seria se a pessoa continua procurando informações sobre a doença, fazendo exames, indo a médicos e ligando para os médicos apesar de já ter recebido os resultados e avaliações de que ela não está doente. "O medo tem que ser um passageiro na nossa mente, ele não tem que ser o motorista das nossas ações", afirma o psiquiatra.  Um outro dado é quando esse tipo de medo faz com que a pessoa evite fazer atividades importantes. "Quando esse medo está fazendo com que ela evite alguns comportamentos importantes, é um sinal de alerta muito claro, de que vale a pena a pessoa dar uma olhada nisso de uma forma mais atenta e procurar uma avaliação e um tratamento, porque todos os quadros que acometem a nossa mente indicam uma disfunção de algum circuito cerebral e são altamente tratáveis. A ideia é que a gente consiga reorganizar o circuito cerebral que está alterado nesses momentos", observa o Dr. Abud.     O especialista ressalta a importância de ter uma ansiedade aumentada nesse momento de pandemia, já que isso ajuda o corpo a ficar mais reativo para responder melhor a esses perigos. No entanto, é preciso ficar atento para que isso não seja excessivo. O médico sugere atenção até na forma como nós buscamos informações na internet. "Dependendo da palavra que digitamos, aumenta a chance de encontrar blogs, sites que confirmem aquilo que estávamos procurando e não encontramos sites confiáveis que neguem a informação procurada", diz. Ao invés de procurarmos exatamente o que está nos preocupando, o médico indica que quando se faz uma pesquisa mais abrangente, encontra-se mais sites que colocam esses sintomas de forma mais ponderada, o que diminuirá a ansiedade e ajudará a tomar atitudes mais embasadas. Outra indicação do psiquiatra é se atentar às fontes. "As informações referentes à saúde, por exemplo, devem partir de profissionais especializados de cada área. Essas dicas podem ajudar a evitar que as pessoas sejam bombardeadas por notícias mais nocivas do que úteis na vida", aponta.  "Se você perceber que esses sinais de alerta estejam acontecendo com você ou alguém próximo, é importante procurar um tratamento, que pode envolver medicações ou não, e terapias que podem ajudar a pessoa a sair desses pensamentos, a desafiar esses pensamentos e desgrudar desse tipo de comportamento", recomenda, por fim, o psiquiatra.  Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro voador elétrico da Embraer levanta voo pela primeira vez; veja como foi Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Conheça os 10 aviões mais rápidos do mundo Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) Xiaomi confirma lançamento da Mi Band 6 para o dia 29; saiba o que esperar Veja Mais

Sem mortes por Covid-19, Austrália já realiza jogos com 50 mil pessoas em arenas

O Tempo - Mundo A última morte provocada pelo novo coronavírus no maior país da Oceania aconteceu em dezembro de 2020 Veja Mais

PicPay agora tem 'empréstimo entre amigos' e ajuda evitar calote

PicPay agora tem 'empréstimo entre amigos' e ajuda evitar calote

Tecmundo A plataforma de serviços financeiros PicPay vai expandir os serviços em breve com uma nova função que ajuda a quem realiza uma tarefa bastante cotidiana: emprestar dinheiropara os outros.A novidade foi confirmada pela Exame em uma entrevista com o vice-presidente de Serviços Financeiros do PicPay, Eduardo Chedid. De acordo com a empresa, o recurso de "P2P lending" deve ser expandido para todos os usuários da plataforma nos próximos meses, por enquanto passando por uma fase de testes com menos usuários.Leia mais... Veja Mais

Como mudar o seu nome de perfil no Microsoft Teams

canaltech Em situações de Home Office, o Microsoft Teams (Android | iOS | macOS | Web | Windows) é uma das principais ferramentas para integração e trabalho em equipe. A plataforma da Microsoft disponibiliza recursos para organizar reuniões, chats privados e divisão em equipe, facilitando diversos processos relativos à comunicação. Guia básico para usar o Microsoft Teams no celular e otimizar seu trabalho Como iniciar uma chamada de vídeo pelo Microsoft Teams Como agendar uma reunião no Microsoft Teams Se você possui uma conta no Microsoft Teams e, por qualquer motivo, precise alterar o nome de perfil, isso pode ser feito rapidamente e em poucos passos. Basta acessar as configurações da sua conta e digitar o novo nome. Veja o tutorial a seguir! Microsoft Teams: como mudar o nome de perfil No computador Passo 1: abra o Teams e selecione o ícone com sua foto de perfil, localizado no canto superior da tela; -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Abra seu perfil no Teams (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Passo 2: um menu lateral será exibido com diversas opções da plataforma. Vá em "Editar perfil"; Escolha a opção de editar o perfil (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Passo 3: em seguida, informe o novo nome e clique em "Salvar". Nessa mesma área, também é possível alterar a foto de perfil. Informe um novo nome (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) No celular Passo 1: abra o aplicativo do Teams e toque no ícone de três barras, localizado no canto superior esquerdo da tela; Acesse o menu do app (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Passo 2: em seguida, selecione seu nome de perfil; Pressione o ícone de seu perfil (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Passo 3: na tela seguinte, toque no ícone de lápis para editar o nome; É possível alterar o nome e a foto de perfil (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Passo 4: digite um novo nome e toque no ícone de confirmação para finalizar. Caption Muito simples, não? Basta seguir esses passos para configurar seu nome no Microsoft Teams. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro voador elétrico da Embraer levanta voo pela primeira vez; veja como foi Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Conheça os 10 aviões mais rápidos do mundo Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) Xiaomi confirma lançamento da Mi Band 6 para o dia 29; saiba o que esperar Veja Mais

Parlamentares cobram explicações de Bolsonaro sobre "contabilidade criativa" no Orçamento

Valor Econômico - Finanças Parlamentares de dez partidos assinam a carta enviada ao presidente e questionam como o teto de gastos será cumprido sem incorrer em "pedaladas fiscais" Um dia após a aprovação do Orçamento pelo Congresso Nacional, parlamentares de dez partidos enviaram uma carta ao presidente Jair Bolsonaro pedindo explicações sobre como o Poder Executivo cumprirá o teto de gastos públicos sem recorrer às chamadas “pedaladas fiscais”, o que, se ocorresse, implicaria em crime de responsabilidade, podendo sustentar o afastamento do mandatário. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Fiocruz recebe insumos para produzir mais 12 milhões de vacinas contra covid-19

Valor Econômico - Finanças Previsão é que princípio ativo, procedente da China, chegue ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Tom Jobim/Galeão) às 18 horas A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) recebe hoje, no Rio de Janeiro, mais duas remessas de insumo farmacêutico ativo (IFA) suficientes para produzir 12 milhões de doses de vacina Oxford/AstraZeneca, usada na imunização da covid-19. A previsão é que o produto, procedente da China, chegue ao Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Tom Jobim/Galeão) às 18h deste sábado. Neste mês, Fiocruz já entregou 1,8 milhão de doses de vacinas produzidas por Bio-Manguinhos Angelo Esslinger/Pixabay Na quinta-feira, a Fiocruz já havia recebido uma remessa para produzir 6 milhões de doses. Na próxima semana, está prevista a chegada de uma nova carga suficiente para fabricar 5 milhões de vacinas. As 23 milhões de doses serão produzidas pela própria Fiocruz e, uma vez prontas, serão entregues ao Ministério da Saúde, entre abril e maio. Neste mês, a Fiocruz já entregou 1,8 milhão de doses de vacinas produzidas no Instituto de Tecnologia em Imunobiológicos (Bio-Manguinhos). Ainda está prevista a entrega de mais 2,1 milhões de doses na próxima semana. Veja Mais

'Covid longa': 7 a cada 10 pacientes não se sentem totalmente recuperados 5 meses após alta, diz estudo

Glogo - Ciência Pesquisa no Reino Unido acompanhou 1.077 pacientes que ficaram internados; uma a cada 5 pessoas relatou dificuldades de ver, ouvir ou andar, entre outras, que puderam ser classificadas como uma deficiência. Estudo ainda não passou por revisão de outros cientistas. VÍDEO: Covid prolongada - sintomas permanecem mesmo depois da cura Um estudo feito com 1.077 pessoas no Reino Unido concluiu que, a cada 10 pacientes internados com Covid-19, 7 não se sentiam totalmente recuperados da doença 5 meses após a alta. Além disso, uma a cada 5 pessoas relatou dificuldades de ver, ouvir ou andar, entre outras, que puderam ser classificadas como uma deficiência. A pesquisa ainda não foi revisada por outros cientistas e nem publicada em revista, mas está disponível on-line. Os fatores de risco para desenvolver a chamada "Covid longa", ou Covid prolongada, foram ser mulher, de meia-idade, branca, com duas ou mais comorbidades e quadros mais graves durante a fase aguda da doença. Sintomas da 'Covid longa' atingem até 80% dos infectados; entenda o que é e conheça 55 efeitos de longo prazo As consequências da doença tiveram impactos na saúde física, mental e na capacidade de trabalhar, segundo a pesquisa, liderada pelo Centro de Pesquisa Biomédica da Universidade de Leicester, na Inglaterra. Veja os principais pontos do estudo: Cada pessoa teve, em média, nove sintomas persistentes. Os dez mais comuns foram dor muscular, fadiga, lentidão física, qualidade do sono prejudicada, dor ou inchaço nas articulações, fraqueza dos membros, falta de ar, dor, perda de memória de curto prazo e pensamento lento. Uma a cada 5 pessoas relatou alguma sequela que incluía dificuldades de enxergar, escutar ou andar, entre outras, que puderam ser classificadas como uma deficiência. Mais de 25% tiveram sintomas clinicamente significativos de ansiedade e depressão e 12% tiveram sintomas de transtorno de estresse pós-traumático (TEPT ou PTSD, na sigla em inglês) no acompanhamento feito 5 meses depois da alta. Metade das pessoas tinha pelo menos duas comorbidades associadas. As mais comuns eram as cardiovasculares (42% dos pacientes tinham alguma) e diabetes tipo 2 (cerca de 20% tinham). Entre os que precisaram ser intubados, 74% eram homens. Os homens também foram os que mais apresentaram função cognitiva prejudicada – o que tem sido chamado de "névoa no cérebro". Os pesquisadores coletaram informações sobre emprego de 950 pacientes. Dos 641 pacientes entrevistados que trabalhavam de alguma forma (em tempo integral ou parcial), 113 não trabalhavam mais depois da doença (cerca de 18%). Os 1.077 pacientes foram internados entre março e novembro de 2020 e avaliados para a pesquisa de agosto até 5 de março deste ano – em média 5 meses depois de ter alta. A idade média dos pacientes foi de 58 anos; 69% dos pacientes eram brancos e 27% precisaram de ventilação mecânica. Os pacientes no estudo serão avaliados novamente em 12 meses para coletar mais dados. Achados A professora associada da Universidade de Leicester Rachael Evans explicou, em entrevista ao site da universidade, que os resultados mostram "uma grande carga de sintomas, problemas de saúde física e mental e evidências de danos a órgãos cinco meses após a alta". Outro ponto constatado é que os pacientes que precisaram de intubação ou que foram para a UTI demoraram mais para se recuperar. "No entanto, muito da grande variedade de problemas persistentes não foi explicada pela gravidade da doença aguda – esta última em grande parte causada por lesão pulmonar aguda – indicando outros mecanismos subjacentes, possivelmente mais sistêmicos", esclareceu Evans. A pesquisa também aponta para um fator biológico potencial por trás de alguns sintomas da Covid longa. “Descobrimos que, exceto nos casos mais leves de sintomas persistentes pós-Covid, os níveis de uma substância química chamada proteína C reativa, que está associada a inflamação, estavam elevados", explicou a pesquisadora Louise Wain, também autora do estudo. “A partir de estudos anteriores, sabe-se que a inflamação sistêmica está associada a uma recuperação ruim em todo o espectro da doença", pontuou Wain, também ao site da Universidade de Leicester. Outro dos objetivos do estudo foi medir o impacto dos medicamentos administrados durante a hospitalização na recuperação dos pacientes. Os primeiros indicadores mostram que, embora os corticoides sejam um fator na redução da mortalidade hospitalar, não parecem ter impacto na recuperação a longo prazo. 1xVelocidade de reprodução0.5xNormal1.2x1.5x2x Veja VÍDEOS da vacinação no Brasil: Veja Mais

3 jogos leves para celular com pouca memória

canaltech Oi, gente! Com o passar do tempo os jogos foram ficando cada vez mais desenvolvidos, né? Hoje em dia todo mundo que tem um celular pode aproveitar jogos divertidos e com ótimos gráficos. Ah! E até mesmo quem tem pouco espaço no celular, pode curtir um pouquinho. Olha só! ???? 7 jogos de puzzle para baixar grátis 5 jogos de corrida grátis para o seu celular Crossy Road Porque a galinha atravessou a rua? Em Crossy Road, você já tem a resposta. O jogo lançado oficialmente em 2014, ainda é um grande sucesso entre as pessoas que gostam do estilo “Arcade”. ????️ -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Nele você precisa ajudar a galinha a atravessar a rua e chegar o mais longe possível para ganhar pontos, desbloquear novos personagens e bater seus recordes. Com um design agradável e controles fáceis de aprender, o jogo pode ser bem divertido e um ótimo passatempo para quem tem pouco espaço de armazenamento no smartphone. Ah! E ele só pesa entre 34 a 64 MB. Você pode baixar Crossy Road para celulares Android e iOS (iPhone). Magic Touch Já em Magic Touch você também pode aproveitar uma aventura mágica ao melhor estilo “Arcade”. Nesse jogo, você será um poderoso feiticeiro que deve defender o castelo usando seus melhores truques, para isso você precisa estourar os balões desenhando as formas e derrubando os cavaleiros antes que eles cheguem ao chão. ???? Com ótimos gráficos e uma temática bem criativa, Magic Touch pode ser legal para quem gosta de jogos desafiadores e curte desenhar. Ele conta com outros modos de jogo que são legais para juntar pontos, moedas e também para quem só quer aproveitar e relaxar um pouquinho. ???? Ele pesa entre 26 a 47 MB. Você pode baixar Magic Touch em smartphones Android e iOS (iPhone). Stack E com estilo mais minimalista e cores incríveis Stack pode ser uma ótima opção para quem quer relaxar e aproveitar um joguinho mais casual. Nesse jogo, você precisa empilhar os bloquinhos o mais alto que você conseguir. Stack leva você em uma experiência bem interessante. Ele é um jogo amigável com quem está aprendendo e ainda oferece muitas opções de personalização para seus blocos. Assim, ele pode ser um passatempo legal e estiloso. ???? Ele pesa entre 43 a 67 MB. Você pode instalar Stack em celulares Android e iOS (iPhone). Prontinho! Agora você conhece algumas dicas de jogos que são leves para baixar em celulares com pouca memória. Gostou da matéria? Compartilhe essas dicas com seus amigos. ???? Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) Xiaomi confirma lançamento da Mi Band 6 para o dia 29; saiba o que esperar Carro voador elétrico da Embraer levanta voo pela primeira vez; veja como foi Como é a gravidade em outros planetas do Sistema Solar? Veja Mais

Rio chega a 1 milhão de imunizados com a primeira dose de vacina contra covid-19

Valor Econômico - Finanças Número representa 5,77% do total da população do Estado O Estado do Rio de Janeiro alcançou a marca de 1 milhão de imunizados com a primeira dose da vacina contra covid-19 neste sábado, dia 27, no segundo dia de restrições durante o recesso de dez dias. A informação foi dada pelo governador Cláudio Castro. No Vacinômetro atualizado pelo site oficial da Secretaria de Estado e Saúde (SES), até as 9h, constam que 1.002.369 milhão de pessoas receberam a vacina. Ou seja, apenas 5,77% do total da população do Estado foi vacinada até o momento. Já em relação à segunda dose, 331.700 mil já estão completamente imunizadas. Em seu perfil no Twitter, Castro publicou uma foto do seu pai, Clerton de Castro e Silva, de 71 anos, que foi vacinado nesta manhã na capital Fluminense, conforme o calendário por gênero divulgado pelo município. "Hoje a emoção é dupla. Meu pai com 72 anos vacinando no dia em que o Estado do Rio marca de 1 milhão de pessoas com a primeira dose aplicada. Acreditamos na vacina e vamos acelerar ainda mais o plano esta semana. Vacina protege. Salva. Redobrem os cuidados, vamos vencer juntos. Todo meu reconhecimento aos profissionais de saúde e aqueles que estão na linha de frente ajudando a salvar vidas. #vacinaprotege", escreveu o governador na rede social. Nesta manhã, por volta das 7h, a Secretaria de Estado de Saúde (SES) realizou a distribuição de 363.600 doses de vacinas contra covid-19 aos 92 municípios do Estado. Deste total, 300 mil são de CoronaVac e 63.600 de Oxford/Astrazeneca. Cinco helicópteros começaram a receber o imunizante, às 7h, para fazer a entrega para 88 municípios do Estado. As cidades do Rio de Janeiro, Niterói, São Gonçalo e Maricá vão retirar as doses por via terrestre, na Coordenação Geral de Armazenagem (CGA) da SES, em Niterói. As vacinas chegam em meio a uma escalada do número de pessoas na fila de espera por leitos em UTI. Dados divulgados na noite desta sexta-feira no Painel covid-19, atualizado pela Secretaria estadual de Saúde, apontam para uma fila de 634 pacientes aguardando leitos de UTI exclusivos para a doença, levando a marca a atingir o patamar máximo pela quarta vez consecutiva. Foi, também, o 13º dia seguido de alta na lista de espera por tratamento intensivo. Em 13 de março, quando a escalada teve início, havia apenas 64 pessoas no aguardo de uma vaga. Em menos de duas semanas, portanto, o total de pacientes na fila por UTIs aumentou praticamente dez vezes. No mesmo período, a quantidade de doentes à espera de leitos de enfermaria dedicados ao coronavirus também cresceu exponencialmente. Há 13 dias, eram 55 pacientes nessa condição. Hoje, a lista soma 236 pessoas, em um aumento de 329%. O número, entretanto, apresentou ligeira queda na comparaçao com a última quarta-feira, quando havia 276 pacientes aguardando por enfermarias no estado. A situação também se reflete no índice de ocupação das UTIs para covid-19 no Rio, que já chegou, nesta sexta-feira, a 92%. No caso das enfermarias, 78% delas encontram-se em utilização neste momento. O panorama e ainda mais crítico na capital, onde 95% dos 693 leitos intensivos estão em uso, além de 88% das vagas de enfermaria. AP Photo/Bruna Prado Veja Mais

Meteoro cai sobre a Lagoa dos Patos, no RS; veja o vídeo

Meteoro cai sobre a Lagoa dos Patos, no RS; veja o vídeo

Tecmundo Um clarão que surgiu em trajetória vertical no céu do Rio Grande do Sul, na noite de quarta-feira (24), chamou a atenção dos moradores de algumas cidades do estado. O curioso fenômeno luminoso era um meteoro que caiu sobre a Lagoa dos Patos, na região metropolitana de Porto Alegre, conforme o Observatório Espacial Heller & Jung.De acordo com o professor e proprietário da instituição Carlos Fernando Jung, a rocha espacial em questão fazia parte da chuva de meteoros Beta Comae Berenicids e provavelmente se desintegrou por completo antes de mergulhar nas águas da lagoa.Leia mais... Veja Mais

MTG: Championship Kaldheim terá 16 brasileiros disputando US$ 250 mil

MTG: Championship Kaldheim terá 16 brasileiros disputando US$ 250 mil

Tecmundo A Wizards of The Coast revelou que neste final de semana irá ocorrer o campeonato internacional de Magic: The Gathering temático da coleção Kaldheim, colocando 212 jogadores para disputar uma premiação total de US$ 250 mil (aproximadamente R$ 1,43 milhão).Entre os dias 26 e 28 de março, pro-players que se destacaram nas classificatórias da Magic Pro League e Rivals Pro League estarão competindo em formatos Histórico e Standard no MTG Arena, versão digital e gratuita do card game. O torneio, que ocorrerá de forma 100% remota, irá contar com a participação de 16 brasileiros, incluindo nomes como Paulo Vitor Damo da Rosa (atual campeão mundial de MTG), Carlos Romão e Lucas Berthoud. Leia mais... Veja Mais

Facebook bloqueia conta de Maduro por violar política sobre desinformação

O Tempo - Mundo Medida veio após a publicação de um vídeo sobre 'gotinhas milagrosas' para tratar o coronavírus Veja Mais

Rick & Morty: 10 vezes em que a série fez paródias de filmes famosos

Rick & Morty: 10 vezes em que a série fez paródias de filmes famosos

Tecmundo Rick & Morty é uma série de animação recheada de bons momentos aos espectadores. Além da trama cheia de personagens interessantes e situações um tanto quanto bizarras, há muitas referências à cultura pop que são desenvolvidas de um jeito divertido e promissor.Nesta lista, vamos aproveitar para relembrar alguns dos melhores momentos da produção quando se trata de parodiar filmes. Portanto, confira dez vezes em que Rick & Morty referenciaram filmes famosos em seus episódios.Leia mais... Veja Mais

Coletivo I Hate Flash celebra a popularização das fotos ingame

Coletivo I Hate Flash celebra a popularização das fotos ingame

Tecmundo Nos últimos anos virou tendência ver um modo fotografia em praticamente todos os grandes jogos do mercado. De Death Stranding ao novo Final Fantasy VII Remake Intergrade, permitir que o jogador brinque de fotógrafo acabou virando quase que uma obrigação entre os jogos triple A.Mas o que fotógrafos de verdade acham desse recurso? Para descobrir, conversamos com Luiz Sontachi e Bléia Campos do coletivo de produtores de conteúdo I Hate Flash, que fazem um trabalho muito legal com fotografias in game. Confira a seguir como foi o nosso papo:Leia mais... Veja Mais

Ministério da Saúde registra 3.438 mortes em 24 horas por covid-19

Valor Econômico - Finanças Casos confirmados somam 12.490.362, dos quais 85.948 diagnósticos contabilizados nas últimas 24 horas Mais 3.438 pessoas morreram de covid-19 nas últimas 24 horas, segundo dados do Ministério da Saúde, número que eleva o total de óbitos provocados pelo novo coronavírus para 310.550. Os casos confirmados de covid-19 somam 12.490.362, segundo o balanço fechado às 18h20 deste sábado, sendo 85.948 diagnósticos contabilizados nas últimas 24 horas. Segundo o ministério, são 10.879.627 pacientes recuperados da doença e 1.300.185 sob acompanhamento. São Paulo é o Estado com mais mortes (71.747) e casos confirmados (2.410.498) de covid-19. Minas Gerais é o segundo Estado com mais casos (1.093.539) e o Rio de Janeiro é o segundo com mais óbitos (36.026). Veja Mais

Justiça condena Bolsonaro a indenizar repórter da “Folha” por danos morais

Valor Econômico - Finanças Bolsonaro foi condenado a indenizar a jornalista Patrícia Campos Mello em R$ 20 mil por danos morais. Ainda cabe recurso contra a decisão O presidente Jair Bolsonaro foi condenado a indenizar a jornalista Patrícia Campos Mello, repórter do jornal “Folha de S.Paulo”, em R$ 20 mil por danos morais. Ainda cabe recurso contra a decisão. O despacho foi proferido em 16 de março pela juíza Inah de Lemos e Silva Machado, da 19ª Vara Civil de São Paulo. A magistrada determinou que o presidente pague as custas processuais e honorários advocatícios no valor de 10% da condenação. A jornalista publicou uma série de reportagens que apontavam um esquema pago por empresários que viabilizaria disparos de mensagens contra o PT nas eleições de 2018. Na ocasião, Bolsonaro derrotou o petista Fernando Haddad no segundo turno. A repórter acionou a Justiça em fevereiro do ano passado, quando sofreu um ataque de cunho sexual. Na ocasião, Bolsonaro disse numa entrevista acompanhada por uma claque de apoiadores em frente ao Palácio do Alvorada que a repórter “queria dar o furo a qualquer preço contra mim”. Para a juíza, Bolsonaro violou "a honra da autora, causando-lhe dano moral". A declaração do presidente foi uma referência ao depoimento de um ex-funcionário de uma agência de disparos de mensagens em massa por WhatsApp, dado à Comissão Parlamentar de Inquérito das Fake News no Congresso. A referência feita pelo presidente dizia respeito ao depoimento de Hans River do Rio Nascimento. Ele trabalhou para a Yacows, empresa especializada em marketing digital, durante a campanha eleitoral de 2018. Em dezembro daquele ano, Patricia Campos Melo publicou uma reportagem, com base em documentos da Justiça do Trabalho e em relatos de Hans, que mostrou que uma rede de empresas, entre elas a Yacows, recorreu ao uso fraudulento de nomes e CPFs de idosos para registrar chips de celular e garantir disparo de lotes de mensagens em benefício de políticos. Sem apresentar provas, Hans disse no depoimento que a repórter queria “um determinado tipo de matéria a troco de sexo”. A fala de Hans foi compartilhada em seguida nas redes sociais pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho do presidente. Na decisão, a juíza Inah de Lemos e Silva Machado afirma que pela estatura do cargo de Bolsonaro as declarações sobre a repórter repercutiram nas redes sociais e ganharam dimensão nacional. Ela também deixa claro que "não há que se falar em liberdade de expressão ou de pensamento", já que é deve-se observar o direito alheio, "especificamente a intimidade, a honra e a imagem da vítima". Veja Mais

Servidores da pasta de Guedes criticam manobras no Orçamento e temem punição

Valor Econômico - Finanças Em nota pública, a Associação Nacional dos Servidores da Carreira de Planejamento e Orçamento (Assecor) critica as manobras aprovadas pelo Congresso Após a equipe econômica alertar que o Orçamento de 2021 é inviável, servidores da pasta do ministro Paulo Guedes (Economia) divulgaram uma nota pública neste sábado criticando as manobras aprovadas pelo Congresso e afirmando que não admitem "que os profissionais de planejamento e Orçamento sejam responsabilizados por essas transgressões e por suas consequências". Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Insatisfeitos, diplomatas pedem em carta demissão de Ernesto Araújo do comando do Itamaraty

Valor Econômico - Finanças No documento, diplomatas afirmam que a gestão de Araújo “está longe de corresponder a um programa de governo que pregou uma política externa livre de ideologias” Em meio à pressão de empresários e parlamentares pela demissão do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, um grupo de diplomatas preparou uma carta criticando a atuação do chanceler. O documento está circulando em grupos fechados de funcionários do Itamaraty, mostrando que a insatisfação com o titular da pasta também ocorre internamente. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Loja pede para "prender" cachorro que roubava pelúcia, e oficial o presenteia

O Tempo - Mundo Cachorro de rua ia todos os dias em uma loja e tentava roubar um unicórnio de pelúcia; oficial resolveu da melhor maneira possível. Veja! Veja Mais

Roberto Carlos é tema de livros previstos para abril, mês em que artista faz 80 anos

G1 Pop & Arte Capa do livro 'Querem acabar comigo', de Tito Guedes Reprodução ♪ Em 1966, Roberto Carlos já era o rei da juventude do Brasil. Sentindo que a coroa era cobiçada, pois havia muita competição no reino da Jovem Guarda, o cantor e compositor externou a preocupação no título de uma das músicas do álbum que lançou em 1966. Composição de autoria somente de Roberto, Querem acabar comigo soou como recado mandado tanto para os cantores rivais que ambicionavam o trono do cantor como para os críticos musicais, já naquela época refratários às conquistas do artista no então recém-criado mercado brasileiro de música pop – postura que se manteria inalterada nas décadas seguintes. Decorridos 55 anos do lançamento da música no álbum Roberto Carlos (1966), Querem acabar comigo dá nome ao livro que Tito Guedes lançará em abril, mês em que Roberto Carlos – nascido em Cachoeiro de Itapemirim (ES) em 19 de abril de 1941 – completa 80 anos. Como já explicita o subtítulo Da Jovem Guarda ao trono, a trajetória de Roberto Carlos na visão da crítica musical, o livro Querem acabar comigo analisa a carreira do cantor sob a perspectiva dos jornalistas que discorreram sobre os discos e shows de Roberto Carlos ao longo dos últimos 60 anos. Produto derivado de tese acadêmica defendida por Tito Guedes em 2019, o livro tem prefácio assinado pelo jornalista Arthur Dapieve e chega ao mercado literário em edição da Máquina de Livros. ♪ Salvo mudança de planos, o livro Querem acabar comigo – Da Jovem Guarda ao trono, a trajetória de Roberto Carlos na visão da crítica musical terá concorrente nas prateleiras físicas e virtuais. Também por conta dos 80 anos do cantor, a editora Record planeja lançar em abril uma nova biografia do artista escrita por Paulo Cesar Araújo, autor do fundamental livro Roberto Carlos em detalhes (2006), recolhido do mercado em 2007 após acordo judicial do artista com a editora Planeta. Veja Mais

Pinduca, ex-deputado estadual, é internado com Covid-19, em Betim

O Tempo - Política Político, de 68 anos, e morador da região do bairro PTB, em Betim, na região metropolitana, está internado no hospital da Unimed-BH, na cidade, desde quarta (24), e está consciente e estável Veja Mais

Cientistas do MIT criam roupa inteligente que detecta os movimentos do usuário

canaltech Depois do smartphone e do smartwatch agora é a vez da “smart roupa” ganhar espaço no seu armário. Pesquisadores do MIT, nos EUA, desenvolveram peças de vestuário capazes de medir os movimentos, detectando como o usuário se move enquanto pratica atividade física e até dando dicas como melhorar a técnica na execução dos exercícios. Tommy Hilfiger lança peças de roupas inteligentes com sistema de troca de pontos Novo material promete revolucionar a robótica e as roupas inteligentes Cientistas criam material que é capaz de se moldar em superfícies O novo vestível utiliza fibras especiais para “sentir” o movimento do usuário por meio do contato com a pele. Os experimentos mostraram que as roupas do futuro podem determinar se alguém está sentado, caminhando ou fazendo qualquer tipo de exercício físico. Além de atividades do dia a dia, o grupo de cientistas do laboratório de Inteligência Artificial do MIT acredita que as roupas poderão ser usadas para treinamento e reabilitação atlética de pessoas que perderam parte dos movimentos. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Sem sair da moda Uma das vantagens da roupa inteligente está no design das peças. A eletrônica tátil mistura fibras especiais e tecidos comuns feitos sob medida e isso faz com que meias, luvas e coletes tenham a aparência de roupas normais. “Ao contrário de muitos aparelhos eletrônicos vestíveis, as roupas inteligentes podem ser incorporadas à produção tradicional em grande escala”, diz o aluno do MIT Yiyue Luo, que faz partes do grupo de pesquisa. Tecido especial mede os movimentos ((Imagem: Reprodução/MIT)) Tecido especial mede os movimentos ((Imagem: Reprodução/MIT)) Tecido especial mede os movimentos ((Imagem: Reprodução/MIT)) Além de serem confortáveis e deixarem o usuário na moda, as roupas inteligentes do MIT possuem vários recursos interessantes. As meias conseguem prever o movimento analisando diferenças entre estilos de pegadas. Já os coletes podem detectar a posição corporal e o tipo de atividade praticada, além de sugerir correções de postura e formas de melhorar o desempenho atlético. Em um futuro próximo, os pesquisadores querem estender o uso das roupas inteligentes para os robôs. As peças funcionariam como uma espécie de pele sintética, que permitiria que andróides também sentissem o toque das pessoas, dando um novo sentido às relações entre humanos e máquinas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Carro voador elétrico da Embraer levanta voo pela primeira vez; veja como foi Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Conheça os 10 aviões mais rápidos do mundo Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) Xiaomi confirma lançamento da Mi Band 6 para o dia 29; saiba o que esperar Veja Mais

Decreto torna educação serviço essencial e eleva pressão para abrir escolas em SP

Valor Econômico - Finanças Em nota, o Movimento Escolas Abertas, que reúne pais com essa bandeira, diz que a norma impede que prefeitos fechem colégios O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) publicou, neste sábado, decreto que declara a educação atividade essencial, elevando a pressão para a reabertura das escolas mesmo à revelia das prefeituras. A norma adiciona ao decreto que disciplina a volta às aulas um artigo com a seguinte redação: "Ficam reconhecidas como essenciais as atividades desenvolvidas no âmbito da rede pública e das instituições privadas de ensino". Em nota, o Movimento Escolas Abertas, que reúne pais com essa bandeira, principalmente da rede particular, afirmou que a norma agora impede prefeitos de fechar os colégios. "Da mesma forma que um prefeito não pode fechar posto policial ou hospital, sob o argumento de combate à pandemia, também não pode fechar uma escola", diz o texto do grupo. Esse, no entanto, não é o único entendimento possível do texto, já que o parágrafo 1º do artigo do decreto estadual em questão condiciona a retomada das aulas na rede estadual e privada à inexistência de ato fundamentado pela prefeitura em sentido contrári Movimento Escolas Abertas, que reúne pais com essa bandeira, principalmente da rede particular, diz que a norma impede prefeitos de fecharem os colégios Thought Catalog/Unsplash o. Ou seja, o município pode vetar a reabertura, desde que embase a decisão. A interpretação, de qualquer forma, deve ser alvo de disputa judicial. Como mostrou a “Folha”, escolas particulares de educação infantil preparam uma ofensiva judicial caso o prefeito Bruno Covas (PSDB) decida prorrogar o fechamento das unidades de ensino na capital paulista. Covas decidiu por medida mais restritiva do que a prevista pelo governo estadual para as escolas durante a fase emergencial. O prefeito proibiu qualquer atividade presencial nas unidades públicas e privadas do município até 4 de abril. Pelo plano estadual, as unidades de ensino podem continuar abertas, desde que atendam até 35% dos alunos matriculados, com a recomendação de restringir ao máximo as ações presenciais e atender só os alunos mais vulneráveis. A divergência entre o Estado e a prefeitura da capital paulista vêm desde o ano passado. Em setembro, o governo paulista liberou a volta às aulas presenciais, mas o município barrou, permitindo apenas atividades extracurriculares a partir de outubro. Veja Mais

China anuncia sanções contra norte-americanos e canadenses

O Tempo - Mundo Proibição de entrada no país e de fazer negócios é retaliação a punições por denúncia de violação de direitos humanos Veja Mais

Navio encalhado em Suez impede a circulação de US$ 9,6 bi por dia; veja imagens

Valor Econômico - Finanças Um único navio - tão comprido quanto o Empire State Building é alto - causou um efeito de transbordamento em todo o mundo quando bloqueou a entrada sul para o canal após aterramento Sessenta e cinco anos depois que o falecido presidente egípcio Gamal Abdel Nasser nacionalizou o Canal de Suez, as hidrovias continuam a ter o controle do comércio mundial. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Kassio vota para manter censura aplicada pelo CNMP a Deltan da Lava Jato

O Tempo - Política A punição foi imposta no ano passado por publicações feitas pelo procurador sobre as eleições para a presidência do Senado, em 2019 Veja Mais

O que é CVV e para que serve esse número do cartão de crédito

O que é CVV e para que serve esse número do cartão de crédito

Tecmundo Tem se tornado cada vez mais comum realizar compras online, sendo que o meio preferencial para o pagamento acaba sendo o cartão de crédito de maneira direta (ou seja, sem o intermédio de serviços como o Paypal, por exemplo). Como essa compra não pede o uso de senha, entra em ação um mecanismo um pouco diferente conhecido como CVV.Quem possui cartão de crédito já deve ter percebido que ele é composto por diversos números. O principal aparece em grupo e é composto por 16 números identificadores (em quatro blocos de quatro cada), mas há outro muito importante localizado geralmente na parte de trás: o CVV.Leia mais... Veja Mais

Veja os destaques do Globo Rural deste domingo (28/03/2021)

G1 Economia Conheça uma família de agricultores que é especialista em abacate. Tem ainda a queda da produção de frango no RS, o contraste do clima no Nordeste e muito mais. Veja os destaques do Globo Rural deste domingo (28/03/2021) O Globo Rural deste domingo (28) vai mostrar uma família de agricultores que é especialista em abacate. Assista a todos os vídeos do Globo Rural Tem ainda a queda da produção de frango no RS, o contraste do clima no Nordeste, as dificuldades da educação à distância no campo e muito mais. Não perca, o Globo Rural começa a partir das 8h30. Veja os vídeos mais assistidos do Globo Rural Veja Mais

Pluto TV adiciona os canais BET, Tokusato e outras novidades

Pluto TV adiciona os canais BET, Tokusato e outras novidades

Tecmundo A Pluto TV anunciou nesta sexta-feira (26) a chegada de novos canais à plataforma de streaming gratuita, reforçando o portfólio de emissoras disponíveis no Brasil com diversos tipos de conteúdos. Duas das novidades já podem ser acessadas pelos usuários, enquanto as outras três chegam no início de abril.Um dos canais com sinal adicionado hoje é o Black Entertainment Television (BET), emissora americana cuja programação é dedicada ao público negro. Algumas das atrações mais populares da marca nos Estados Unidos poderão ser vistas aqui, como o reality show Real Husbands of Hollywood e a série Being Mary Jane.Leia mais... Veja Mais

PDT apresenta ao STF notícia-crime contra Bolsonaro e Mendonça

O Tempo - Política Assinado por Carlos Lupi e Ciro Gomes, o pedido acusa o ministro de direcionar os trabalhos da Polícia Federal com o intuito de materializar interesses pessoais do presidente Veja Mais

Com Covid, deputado Coronel Sandro espera por vaga na UTI de hospital particular

O Tempo - Política Parlamentar foi internado nessa sexta-feira após sentir um mal estar de acordo com a assessoria Veja Mais

Como mudar o idioma de filmes e séries do Paramount+

canaltech O Paramount+ (Android | iOS | Web) é o mais novo serviço de streaming de filmes e séries a ser lançado no país. A plataforma, que antes fazia parte do Prime Channels no Amazon Prime Video, foi reformulada, e agora ganhou um novo espaço para que você possa assistir aos títulos que você mais gosta. Vale a pena assinar o Paramount+? 10 filmes de sucesso para assistir no Paramount+ 10 séries de sucesso para assistir no Paramount+ Mudar o idioma de filmes e séries do Paramount+ é um procedimento bastante rápido, prático, e pode ser realizado diretamente no player da plataforma através do celular ou do PC. Confira abaixo o passo a passo! Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Como mudar o idioma de filmes e séries do Paramount+ no celular Passo 1: enquanto estiver assistindo a um filme ou uma série no app do Paramount+, clique no ícone de “Engrenagem” no canto superior direito. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Assista a um filme ou série no Paramount+ e clique no ícone de "Engrenagem" no canto superior (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 2: na aba seguinte, selecione o idioma do áudio e da legenda. Caso queira, ainda pode utilizar este menu para configurar a qualidade da vídeo. Na aba seguinte, selecione o idioma das legendas e do áudio (Captura de tela: Matheus Bigogno) Como mudar o idioma de filmes e séries do Paramount+ no PC Passo 1: enquanto estiver assistindo a um filme ou série no Paramount+ através do PC, clique no ícone de “Legendas + Áudio” no canto superior direito. Enquanto assiste a um filme ou série no Paramount+, clique no ícone "Legendas + Áudio" (Captura de tela: Matheus Bigogno) Passo 2: na aba seguinte, selecione o idioma das legendas e do áudio e clique no ícone "X" para voltar a assistir. Na aba seguinte, selecione o idioma das legendas e do áudio  (Captura de tela: Matheus Bigogno) Pronto! Agora você pode mudar o idioma de filmes e séries do Paramount+ no celular ou no PC. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: O céu (não) é o limite | Nova força fundamental na física, asteroide perto e + Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Evidências de uma nova força fundamental da natureza podem ter sido encontradas Recurso transforma textos do Word em slides do PowerPoint em segundos Moto G100 chega ao Brasil com processador e recursos avançados a preço baixo Veja Mais

5x Comédia | Tudo sobre a série que fala de pandemia com seriedade e humor

canaltech   Há mais de um ano estando vivendo com a pandemia da COVID-19, sem ter como fugir do assunto. E já que temos que enfrentar essa realidade, por que não falar sobre o tema com humor, mas sem deixar a seriedade de lado? É exatamente essa a premissa da nova série original do Amazon Prime Video, 5x Comédia, a primeira ficção da companhia feita no Brasil, que é baseada em uma peça de teatro e que conta com a direção de Monique Gardenberg, Charly Braun, Pedro Coutinho e Rafael Primot. Os lançamentos do Amazon Prime Video em março de 2021 Amazon Prime Video vale a pena? Conheça o catálogo e planos Os 15 melhores filmes originais do Amazon Prime Video A trama traz grandes nomes do humor brasileiro no elenco, como Gregório Duvivier, Yuri Marçal, Rafael Portugal, Samantha Schmütz, Gabriel Godoy, Katiuscia Canoro, Martha Nowill, Thati Lopes e Victor Lamoglia, em uma antologia que vai trazer a identificação do espectador em frente às diversas situações enfrentadas na quarentena. A produção fala sobre questões envolvendo trabalho, relacionamentos, medo, solidão, diferenças sociais, privilégios e família. Imagem: Divulgação/Amazon Prime Video Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? A série é uma antologia de cinco episódios que falam sobre a pandemia a partir de diferentes pontos de vista, saiba um pouco sobre cada um: -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- 1. Hipocondríaco  O episódio fala sobre a hipocondria em tempos de pandemia, mostrando como João, personagem interpretado por Gregório Duvivier, cria uma estratégia para ficar longe da família, mesmo estando na mesma casa, quando surge a suspeita de contaminação pela COVID-19. Porém, ele acaba contrariando o restante da família que acha a decisão um exagero, precisando de muito esforço para convencer todo mundo a não sair de casa e nem encontrar pessoas; 2. Sem Saída O episódio acompanha os desafios de um jovem casal, Gabi (Thati Lopes) e Lucas (Victor Lamoglia), que está isolado junto durante a pandemia ainda no início do relacionamento. O relacionamento começa a ficar abalado após um mês de confinamento, fazendo com que eles escolham a optar por uma terapia online de casal para que o namoro não acabe; 3. Sexo Online Neste episódio, o casal Claudia (Martha Nowill) e Chico (Luiz Braga) começa a passar aperto na hora de pagar as contas da casa, sendo ela recém-demitida e grávida de gêmeos, e ele um músico frustrado. É quando Claudia tem a ideia de virar uma "webgirl" para ganhar dinheiro fazendo sexo virtual com quem está disposto a pagar, mas ela precisa enfrentar o ciúme e machismo do parceiro; 4. Cinderela Robinson, personagem interpretado por Yuri Marçal, é um jovem morador de uma pequena casa em um morro do Rio de Janeiro, que divide com uma família grande e barulhenta. Com o sonho de se tornar um conhecido produtor de conteúdo nas redes sociais, ele acaba aceitando um pedido da sua chefe e finge ser um milionário na mansão da moça para conseguir mais curtidas. No entanto, ele acaba provocando o descontentamento da irmã, Jaqueline (Roberta Rodrigues), médica que atua na linha de frente no combate à COVID-19; Imagem: Divulgação/Amazon Prime Video 5. Colapso O episódio se passa em um condomínio de luxo, mostrando as realidades de duas pessoas bem diferentes durante a pandemia. Um deles é o morador Edgar (Gabriel Godoy), um profissional do mercado financeiro bem-sucedido, e o outro é o porteiro e zelador Zezinho (Rafael Portugal), que está distante da esposa Maria (Samantha Schmutz) devido à pandemia, precisando dormir no prédio. Ela começa a fabricar máscaras para garantir uma renda melhor, e o marido a ajuda a vender as peças para Edgar. Humor e pandemia Malu Miranda, chefe de produções originais do Amazon Studios no Brasil, contou que a ideia da série surgiu em março do ano passado, quando já se sabia que iríamos começar a viver tempos históricos. "Achamos importante retratar o momento que a humanidade está passando e deixar esse registro para sempre. Falar sobre a humanidade é algo que a Monique (Gardenberg) sempre fez no trabalho dela. A série é sobre falar de todas as formas de amor, solidão, medo e incertezas, e também sobre o que nos une e nos fortalece", explica. Miranda diz ainda que a série fala sobre um assunto sério, mas traz uma leveza na situação que estamos enfrentando. Monique, que é uma das diretoras de 5x Comédia, conta que a gravação da série foi um grande desafio para todo mundo por falar de um tema atual e que ainda está acontecendo, trazendo o riso de uma forma diferente e responsável, pensando em surpreender o espectador. "A forma responsável de trazer esse riso é através do contato com a dor, com o lado assustador. Então, esse foi o caminho que eu procurei buscar. A gente vai rir e a gente vai se emocionar, rir e se assustar com a nossa própria realidade", conta. Imagem: Divulgação/Amazon Prime Video Gregório Duvivier conta que a série traz um olhar do cinema e do teatro para a televisão, com histórias falando sobre humanos sem estereótipos ou clichês. "São histórias de pandemia muito diferentes do estereótipo. Tem muitas pandemias dentro da pandemia. Tem muitas quarentenas dentro da quarentena. Eu, por exemplo, passo por vários estágios diferentes em um mesmo dia. Passando pelo ódio, angústia e depressão. A pandemia nos proporciona, diariamente, uma montanha-russa de emoções", conta o ator. Como a gravação aconteceu durante uma pandemia, tudo aconteceu à distância, e alguns atores nem sequer se encontraram. Monique conta também que a direção de arte foi bastante rígida, enviando itens para os atores de lugares diferentes, entre outros detalhes que foram usados para parecer uma gravação presencial. "Foi desafiador e, ao mesmo tempo, estranhamente reconfortante saber que foi possível trabalhar remotamente, porque a gente precisa continuar criando", diz a diretora. Malu também fala sobre o trabalho à distância, afirmando que tudo foi feito com muita segurança e cautela, seguindo os protocolos extremamente rígidos da Amazon, colocando a saúde da equipe em primeiro lugar. "Você tem uma atriz no Sul em uma casa, você tem atores em São Paulo em um apartamento, um ator em uma casa no Rio de Janeiro, e muitas vezes essa pessoa passa a bandeja para a outra, a outra pega e essa é a magia. Todo mundo na sua casa com seus entes queridos te ajudando com a câmera, fazendo fotografia remota com namorados e esposos, todo mundo ajudando a fazer. É uma coisa artesanal e, ao mesmo tempo, de alta tecnologia e qualidade", comemora Miranda. Gregório conta ainda que se a ideia da série surgisse anos atrás, antes da pandemia, provavelmente não seria viável, citando a evolução dos aplicativos de conversas por vídeo, que se aprimoraram no último ano e possibilitam milhões de encontros diariamente. Assista ao trailer da série 5x Comédia:   5x Comédia já está disponível no Amazon Prime Video. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: O céu (não) é o limite | Nova força fundamental na física, asteroide perto e + Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Evidências de uma nova força fundamental da natureza podem ter sido encontradas Recurso transforma textos do Word em slides do PowerPoint em segundos Moto G100 chega ao Brasil com processador e recursos avançados a preço baixo Veja Mais

O que é o selo CE que encontramos nos produtos?

O que é o selo CE que encontramos nos produtos?

Tecmundo Talvez você já tenha notado a presença das letras CE em algum produto na sua residência ou no seu trabalho. Mas, por acaso, sabe o que elas significam? Trata-se da sigla francesa para Conformité Européenne (em português, “Conformidade Europeia”), um selo europeu que indica conformidade com os padrões de saúde, segurança e proteção ambiental definidos para a região.Leia mais... Veja Mais

Os melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online (27/03/2021)

canaltech Abril está trazendo um aguardado blockbuster e a cerimônia do Oscar, o que fez com que as plataformas de streaming e VOD se mobilizassem para trazer as novidades que nos alimentarão nesse momento de hype. Além disso, a nossa lista de melhores lançamentos de filmes e séries para assistir online ainda traz alguns títulos que estão chegando agora às plataformas e outros um pouco mais antigos, mas que merecem demais não passar despercebidos. Esta semana temos uma ficção científica bem filosófica, terror e suspense psicológicos, um trash para os amantes de bizarrices do terror, a origem do MonsterVerse, um documentário, um indicado ao Oscar de Melhor Filme Internacional e algumas séries para quem adora maratonar a temporada de uma só vez. Ficou curioso para saber que filmes e séries são esses? Então dá uma olhada nas nossas dicas do que assistir online neste final de semana. Para facilitar ainda mais a sua vida, o Canaltech sempre acrescenta trailer e uma pequena descrição de cada produção, além de incluir os links para os serviços em que elas estão disponíveis, assim o seu trabalho é basicamente apenas apertar o play. Veja quais te agradam, prepare a sala, reúna toda a família e divirta-se! -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Os lançamentos da Netflix em março de 2021 Os lançamentos do Amazon Prime Video em março de 2021 Os lançamentos do Disney+ em março de 2021 10. Ex Machina   Inteligência artificial é algo que nos fascina e assusta. Se, por um lado, isso pode ser a solução para muitos dos nossos problemas, por outro lado, sempre questionamos como seria ter por perto inteligências que são desenvolvidas o suficiente para nos enganar ou destruir. Foi com esse assunto complexo que Alex Garland, o roteirista de Extermínio, fez sua estreia como diretor com Ex Machina em 2014. De baixo orçamento, Ex Machina chamou a atenção por ser um filme incrível com pouquíssimos elementos. O sucesso de Ex Machina foi o que possibilitou a Garland dirigir, posteriormente, o elogiadíssimo Aniquilação e a série FX-hulu Devs. Domhnall Gleeson e Oscar Isaac tem atuações incríveis, mas o grande destaque é de Alicia Vikander, cuja atuação em Ex Machina é, para muitos, a melhor da sua carreira. Ex Machina está disponível para streaming no Claro Video, Telecine e Globoplay, além de poder ser comprado ou alugado no Looke, Play Store e iTunes. Leia também: 10 filmes de um futuro distópico em que máquinas se rebelam contra humanos 10 filmes imperdíveis sobre Inteligência Artificial Crítica | Nova Ordem Espacial é sci-fi indie com potencial de blockbuster 9. Medo da Chuva   Uma mistura interessante de drama, terror e suspense, Medo da Chuva é daqueles filmes que deixam o espectador com dúvidas sobre o que é e o que não é real. Escrito e dirigido por Castille Landon, ele chama a atenção ao contar a história de uma garota que luta com os problemas da esquizofrenia quando começa a suspeitar que seu vizinho sequestrou uma criança. Somado a isso tudo, a única pessoa em quem ela acredita é Caleb, um garoto que pode ser apenas um fruto da sua mente. Complicado, não? Medo da Chuva conta ainda com um elenco central formado Katherine Heigl (Como Agarrar Meu Ex-Namorado), Madison Iseman (Jumanji: Próxima Fase), Israel Broussard (A Morte Te Dá Parabéns) e Julia Vasi (Watchmen). Medo da Chuva pode ser comprado ou alugado na Microsoft Store, Play Store e iTunes. Leia também: 10 filmes de suspense instigantes para assistir no Amazon Prime Video Os 10 melhores filmes de suspense disponíveis na Netflix 15 ótimos filmes para quem gosta de resolver mistérios 8. Criaturas   Nem sempre estamos com vontade de assistir às novidades mais quentinhas da sétima arte. Às vezes, tudo o que queremos é um bom e velho trash estranho para bolar de rir com os (d)efeitos e com as histórias loucas que, infelizmente, não são muito populares no cinema contemporâneo. Afinal, qual foi a última vez que vimos a estreia de algum filme sobre criaturas fugitivas de uma prisão marciana? Não deixemos o conhecimento científico aniquilar nossa imaginação (e nosso entretenimento). Sabemos que não existem os tais marcianos, mas Criaturas não está preocupado em ser cientificamente acurado, claro. O filme acabou se tornando um clássico trash com o tempo, o que já é motivo suficiente para os fãs de terror colocarem o título na lista, mas aqui vai mais um detalhe: ele foi o primeiro filme dirigido por Stephen Herek, cujo segundo filme é Bill & Ted: Uma Aventura Fantástica. Criaturas pode ser comprado ou alugado no iTunes. Leia também:10 filmes trash que você precisa assistir Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? 7. You Should Have Left   Estreia do ano passado, You Should Have Left poderia ter sido visto nos cinemas, mas acabou chegando por aqui de uma forma mais discreta. Estrelado por Kevin Bacon e Amanda Seyfried, You Should Have Left é um terror que explora a ideia de casa mal-assombrada, mas com um gostinho muito mais psicológico. Com momentos de arrepiar os pelos da nuca, You Should Have Left é daquele tipo de terror que pode agradar muitas pessoas, mas pode decepcionar quem estava procurando por um terror mais intenso. A solução, como sempre, é tentar se livrar das expectativas e ter a própria experiência. You Should Have Left está disponível para aluguel ou compra na Play Store e no Looke. Leia também: Crítica | You Should Have Left é terror para assistir deitado no divã Crítica | Terror de Relic é lembrança sombria sobre o ciclo da vida Os 15 melhores filmes de terror disponíveis na Netflix 6. Godzilla   O que já era grande está ficando maior ainda, dentro e fora das telas. Godzilla vs. Kong está chegando, o que faz deste o momento ideal para maratonar o MonsterVerse que é iniciado pelo filme Godzilla, de 2014. A franquia já chegou metendo o pé na porta com um elenco incrível e um lagartão recauchutado para os espectadores contemporâneos. Dirigido por Gareth Edwards, Godzilla conta com um roteiro de Max Borenstein, cujo nome ficou marcado como fundador da franquia. Vale lembrar ainda que, para ficar por dentro do MonsterVerse, não basta ver apenas os filmes, mas acompanhar também as histórias que surgiram em outras mídias, o que inclui uma elogiada graphic novel co-escrita por Borenstein. Godzilla está nos catálogos da Netflix e do Globoplay, além de poder ser alugado no Looke. O filme também pode ser comprado ou alugado na Play Store, Microsoft Store e iTunes. Leia também: Godzilla vs. Kong | A cronologia e os filmes que nos trouxeram a este confronto Crítica | Godzilla 2 mostra que o raso também pode tirar o fôlego Crítica | Monster Hunter faz qualquer coisa, menos adaptar o game para as telas 5. Virando o Jogo dos Campeões   A trilogia Nós Somos os Campeões marcou a infância de muita gente nos anos 1990 e, agora, a Disney apela para a nostalgia com o retorno de Emilio Estevez para a série Virando o Jogo dos Campeões. Na primeira temporada, o ator reprisa seu papel como Gordon Bombay em na trama, retorna à ativa para treinar um time de azarões. A primeira temporada chega com 10 episódios, que irão estrear semanalmente, às sextas-feiras. O primeiro episódio, que mostra Alex (Lauren Graham) tentando ajudar o filho Evan (Brady Noon) a montar o próprio time, já traz o retorno de Estevez, que poderá ser visto em todos os demais nove episódios. Virando o Jogo dos Campeões estreou com exclusividade no Disney+, onde também podem ser assistidos os filmes originais. Leia também: Crítica | O Caminho de Volta é a atuação mais sincera da carreira de Ben Affleck 15 filmes, documentários e séries para assistir no Disney+ A Lenda do Tesouro Perdido | Disney autoriza produção de série derivada 4. DOTA - Dragon's Blood   Fãs de DOTA jamais teriam imaginado, há alguns anos, que a Netflix faria uma série animada inspirada no popular jogo de estratégia da Valve. Original Netflix, a série chegou liberando todos os seus oito episódios de uma só vez para quem quiser maratornar tudo logo. Com dublagens de Tony Todd (Candyman), Lara Pulver (Sherlock) e Freya Tingley (Hemlock Grove), a série conta ainda com outras muitas vozes conhecidas da dublagem estadunidense. Dota: Dragon's Blood foi criada por Ashley Miller, conhecido também pelos roteiros de Thor e X-Men: Primeira Classe. Os episódios são dirigidos pelos estreantes Eui Jeong Kim e So Young Park, mas isso não deve ser entendido como um indício de inexperiência, já que a dupla fez parte da produção de animações como Liga da Justiça Sem Limites, Avatar: A Lenda de Aang e Beavis e Butt-Head Detonam a América. DOTA - Dragon's Blood pode ser assistido na Netflix. Leia também: Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) 10 grandes jogos baseados em filmes 10 jogos horríveis baseados em filmes 3. Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos   Produzido pela 1895 Films, que já tem em sua filmografia outros documentários sobre temas espaciais, Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos chega trazendo dois selos de qualidade: Disney e National Geographic. O documentário conta com a direção de Tom Jennings para contar a história dos primeiros astronautas estadunidenses. O documentário reúne diversas imagens de arquivo que deixam os próprios astronautas e outras personalidades da época comentarem sobre o assunto a partir da sua perspectiva como contemporâneos de todos esses acontecimentos. Projeto Mercury: Os Sete Escolhidos está disponível para streaming no Disney+. Leia também: Lançamentos do Disney+ na semana (26/03/2021) Os melhores documentários do NatGeo para assistir no Disney+ 50 anos da Apollo 13: assista a 2 documentários sobre a histórica missão lunar 2. Druk - Mais Uma Rodada   A comédia dramática dinamarquesa Druk - Mais Uma Rodada tem sido bastante procurada depois que foi indicada ao Oscar 2021. Antes disso, o filme chegou a passar por festivais como Globo de Ouro e o BAFTA, o que ajudou a cultivar curiosidade pela história. O filme ainda traz Mads Mikkelsen (Doutor Estranho) como protagonista, marcando a segunda participação dele no Oscar através de um filme dinamarquês (a primeira foi com o filme A Caça). Mais uma vez, Mikkelsen interpreta um professor, mas desta vez sem tretas tão tensas. Na trama de Druk, quatro professores de Ensino Médio resolvem testar a teoria de que é possível melhorar suas vidas mantendo um certo nível de álcool em seus organismos. Druk - Mais Uma Rodada pode ser assistido no NOW, além de estar disponível para compra na iTunes e na Play Store. Leia também: Mank lidera indicações ao Oscar 2021: confira a lista completa Oscar 2021 | Onde assistir aos filmes indicados online Onde assistir às séries e aos filmes vencedores do Globo de Ouro 2021 1. Os Irregulares de Baker Street   Não tão populares quanto o próprio Sherlock, Os Irregulares já apareceram outras vezes na ficção, mas não como são mostrados na nova série da Netflix. Com ares de série de super-herói, mas ambientada na Era Vitoriana, Os Irregulares de Baker Street acompanha um grupo de adolescentes problemáticos que vivem nas ruas e são manipulados para resolver crimes para o sinistro Doutor Watson e seu misterioso parceiro de negócios, o esquivo Sherlock Holmes. A série foi criada por Tom Bidwell, que também assina o roteiro dos oito episódios da primeira temporada. No elenco, poderemos ver Thaddea Graham (Us), McKell David (Black Mirror), Jojo Macari (Sex Education), Darci Shaw (The Bay), Harrison Osterfield e Clarke Peters (The Wire e Destacamento Blood). Os Irregulares de Baker Street pode ser assistido na Netflix. Leia também: Crítica | Os Irregulares de Baker Street deixa Sherlock Holmes em segundo plano Crítica | Sky Rojo traz ação com apelo visual, violência, sexo e crítica social Crítica | O feminismo cuidadoso e contundente de Bela Vingança Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: O céu (não) é o limite | Nova força fundamental na física, asteroide perto e + Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Evidências de uma nova força fundamental da natureza podem ter sido encontradas Recurso transforma textos do Word em slides do PowerPoint em segundos Moto G100 chega ao Brasil com processador e recursos avançados a preço baixo Veja Mais

Cientistas dos EUA criam robô capaz de se regenerar sozinho

canaltech O processo de cura é algo extremamente complexo para os seres vivos e a regeneração completa de tecidos, além de demorada, nem sempre é possível. Mas entre os robôs, esse mecanismo de autoconserto está dando os primeiros passos: pesquisadores do departamento de nanoengenharia da universidade da Califórnia desenvolveram pequenos robôs nadadores que podem se curar de danos severos. MIT cria metal capaz de se regenerar Nanorobôs implantados dentro do corpo podem ajudar na cura do câncer Especial Nanotecnologia [1] | Entenda a ciência invisível a olho nu Os peixinhos robóticos que têm aproximadamente dois centímetros de comprimento podem se regenerar magneticamente depois de serem partidos em até três pedaços. A “cura” acontece enquanto eles nadam em uma solução de peróxido de hidrogênio sem a ajuda de humanos ou elementos externos. Veja como os peixes se "curam" no vídeo abaixo: -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!-   O Nadador do Futuro A autocura espontânea, que parece ter saído dos filmes de ficção científica, só é possível graças à construção dos peixes. Eles possuem uma camada inferior condutora e uma intermediária mais rígida e hidrofóbica, além de uma faixa de micropartículas alinhadas magneticamente. Para mover os robôs, os cientistas adicionaram gotas de platina à cauda, que ao, reagir com o peróxido de hidrogênio, formam bolhas que impulsionam os peixinhos. Esquema de auto-cura dos robôs (Imagem: Reprodução/ACS) Os pesquisadores acreditam que os avanços conseguidos em laboratório serão usados para fabricar dispositivos mais resistentes, que poderiam “nadar” através de fluidos especiais e realizar funções como limpar ambientes, entregar suprimentos e fazer microcirurgias. “A capacidade de autocura versátil e rápida é um passo importante para o desenvolvimento de robôs nadadores que poderiam ser enviados a ambientes hostis, onde o risco de danos é muito grande” diz um dos responsáveis pelo projeto, Joseph Wang. Ainda estamos longe de ver o T-1000 de Exterminador do Futuro 2 correndo por aí e se regenerando em metal líquido, mas um peixinho robótico que consegue recuperar a cabeça e a cauda enquanto nada já é um ótimo começo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: O céu (não) é o limite | Nova força fundamental na física, asteroide perto e + Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Evidências de uma nova força fundamental da natureza podem ter sido encontradas Recurso transforma textos do Word em slides do PowerPoint em segundos Moto G100 chega ao Brasil com processador e recursos avançados a preço baixo Veja Mais

Dezenas de pessoas morrem em manifestações contra golpe militar em Mianmar

Valor Econômico - Finanças Manifestações começaram uma semana após o golpe de 1º de fevereiro, que encerrou abruptamente a trajetória de uma década em direção à democracia no país Em um dia em que os militares que assumiram o poder em Mianmar juraram "proteger as pessoas de todos os perigos", soldados e policiais atiraram em dezenas de homens, mulheres e crianças em todo o país, dando continuidade a uma campanha implacável para reprimir a oposição generalizada ao golpe militar perpetrado no mês passado. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Cidades pelo mundo apagam as luzes pela Hora do Planeta

O Tempo - Mundo Evento chama a atenção para as mudanças climáticas e o meio ambiente Veja Mais

Ministro Paulo Guedes é vacinado contra o coronavírus

O Tempo - Política O responsável pela pasta da Economia recebeu a primeira dose da Coronavac no Estádio Mané Garrincha neste sábado Veja Mais

Grupo de mais de 300 diplomatas publica carta para pedir saída de Ernesto Araújo

O Tempo - Política Ministro está ameaçado de demissão devido a pressões da cúpula do Congresso, de militares, do agronegócio e de grandes empresários Veja Mais

Tentativas de liberar navio encalhado no Canal de Suez continuam

Valor Econômico - Finanças Cerca de 320 embarcações estão esperando para atravessar o canal de quase 200 quilômetros As autoridades egípcias ainda estão trabalhando para liberar o enorme navio de contêineres que bloqueia o Canal de Suez, mas temem oferecer um cronograma firme de quando poderão destravar o "Ever Given", frustrando as esperanças de que ele possa ser rapidamente movido para reabrir a rota comercial fundamental. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

ONU denuncia banho de sangue de civis em Myanmar

O Tempo - Mundo Pelo menos 80 pessoas foram mortas na repressão militar durante o sábado Veja Mais

Os 5 melhores filmes de David Lynch

canaltech David Lynch é um dos diretores mais cultuados da história do cinema e, ao mesmo tempo, aquele com os filmes mais limítrofes. Cada trabalho dirigido por ele parece realizar uma renovação da linguagem cinematográfica, explorando convenções narrativas de um modo, na prática, subversivo. Suas obras alcançam uma espécie de hiper-realismo que é fundamentado, justamente, por uma fuga da realidade — fuga esta que existe para alcançar o real. O cinema de Lynch apresenta temas que podem ser tidos como recorrentes e, claro, características autorais que se repetem desde o seu primeiro filme de longa-metragem (Eraserhead, de 1977). Há um mergulho constante em universos sensoriais, que exploram o máximo da relação filme-espectador, deixando, muitas vezes, claro o valor da experiência acima do valor do entendimento. Duna | Tudo que você precisa saber para assistir ao filme Para as obras lynchianas — e de acordo com o próprio —, o mais importante nunca é o que o diretor quis dizer, mas o que nós entendemos ou a significação que damos ao que assistimos. Ele, com seu cinema hiperbólico, promove o que de mais nobre pode haver nessa apreciação: liberdade para que seus filmes sejam milhões de filmes ao mesmo tempo, porque não é difícil que cada espectador encontre seus próprios significados e, com isso, esteja constantemente ativo ao assistir. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Lynch é um dos maiores gênios vivos do cinema não somente pelo que faz, mas pelo que representa para essa arte. Escolher os cinco melhores filmes de uma carreira que tem somente 10 — e todos acima de qualquer média — foi uma tarefa longe de ser fácil. Mas, assim como toda interpretação dos seus filmes pode estar certa, temos certeza de que qualquer lista feita também estaria. Filmes, Séries, Músicas, Livros e Revistas e ainda frete grátis na Amazon por R$ 9,90 ao mês, com teste grátis por 30 dias. Tá esperando o quê? Vamos às escolhas do Canaltech. Lembrando que, além dos 10 longas-metragens, Lynch tem outras 86 obras entre curtas, videoclipes e episódios de séries — muitos disponíveis livremente na internet. Sem falar na criação de Twin Peaks, tida por muitos como uma das melhores produções para TV já realizadas. Twin Peaks | Assassinato real que inspirou David Lynch terá livro e documentário 5. O Homem Elefante O segundo longa-metragem de Lynch, lançado em 1980, desvia-se um pouco do seu trabalho anterior em questão de simbolismos estéticos. Por outro lado, demonstra uma clareza narrativa exuberante, que passaria a acompanhar a carreira do diretor.   Na história, um cirurgião vitoriano resgata um homem desfigurado que é maltratado enquanto ganha a vida como uma aberração. Acontece que, por trás da fachada vista como monstruosa, revela-se uma pessoa de gentileza, inteligência e sofisticação. Seria uma metáfora do próprio Lynch, que, a despeito de filmes sensoriais, psicológicos, é um homem constantemente referido justamente com essas boas características por quem trabalha com ele? 4. Eraserhead Para quem prefere entender rapidamente os filmes, Eraserhead pode ser a experiência mais enlouquecedora da lista. O primeiro longa de Lynch, lançado em 1977, é exatamente isso: uma experiência — cheia de símbolos, estranhezas e espaço para interpretações.   Na história, Henry Spencer (Jack Nance) tenta sobreviver em um ambiente industrial um tanto quanto inóspito, tendo, ao seu lado, uma namorada furiosa e os gritos insuportáveis de uma espécie de mutante recém-nascido. 10 melhores filmes de terror raiz para assistir no streaming do Telecine 3. Um História Real Uma História Real talvez seja o filme mais fácil de digerir em um primeiro momento da lista. De repente, porque Lynch não tem participação no roteiro e, claro, porque tem o dedo da Walt Disney Pictures. A questão é essa inclusive: o domínio do diretor sobre uma linguagem compreensível é dos mais claros aqui.   Aliás, a direção é não menos que genial ao construir camadas e mais camadas a partir de uma história tão simples e bonita. Fugindo de qualquer sentimentalismo fácil, esse trabalho demonstra, entre tantas lindezas, a força da saudade, assim como o significado de querer ver alguém — que não precisa coincidir com ter muito o que conversar. 2. Cidade dos Sonhos Um dos mais aclamados filmes da carreira de Lynch e constantemente posto em primeiro lugar nas listas de melhores filmes lançados até agora no século XXI, Cidade dos Sonhos é um apanhado fundamental do cinema de seu diretor e roteirista. Trata-se de uma paisagem de sonho que flerta com o surrealismo enquanto desconstrói o subgênero do film noir hollywoodiano.   Aqui, quanto menos sentido faz, mais é difícil deixar de assistir. É a experiência acima de tudo, a forma no domínio de imagem e som como raramente o cinema viu. Confira trailer de Industria, game inspirado no universo surreal de David Lynch 1. Veludo Azul Raivosamente, o aclamado e, infelizmente, falecido crítico Roger Ebert concedeu a sua nota mínima a Veludo Azul quando da estreia (em 1986), em uma espécie de desaprovação por uma aproximação de Lynch com o sadismo. Ebert chegou a comparar o filme com a odiosa cena da manteiga de Último Tango em Paris (de Bernardo Bertolucci, 1972). Talvez tenha sido pela dificuldade habitual que todos temos de lidar com algo que transcende uma época, que comenta uma realidade absurda por meio dos absurdos da forma fílmica. Nesse sentido, a única sugestão de otimismo de Veludo Azul pode dar as caras somente em seus últimos momentos, quando o céu finalmente fica azul, a luz do sol clareia a estética nebulosa e ilumina um pássaro. Nesse ponto, o mundo parece se encaixar. Tudo, porém, pode funcionar como uma camada fina, como um verniz — o "verniz da perfeição" (como anotou outro crítico, James Berardinelli). Acontece que, ao mesmo tempo em que o pássaro tem um besouro no bico, Lynch revela de onde vem aquele inseto e, com isso, completa um ciclo: a beleza existe, a natureza está ali, mas a desumanidade é uma inimiga faminta e íntima.   O filme é, em resumo, a extrapolação disso, do quanto a beleza pode esconder a feiura em suas camadas profunda. Veludo Azul, portanto, parte da descoberta, em um campo, de uma orelha humana cortada e constrói uma investigação relacionada a uma bela e misteriosa cantora — ligada a psicopatas sequestradores. Lynch é duro e, mesmo assim, jamais sai de sua essência. 10 séries de sucesso para assistir no Paramount+ Bônus: os curtas-metragens Fiquem, agora, com uma lista de curtas de Lynch caso desejem viajar nas experiências propostas por ele:   Pois é isso. Ficam, então, todas essas indicações e o espaço dos comentários para acréscimos e tudo o que desejarem. Sem dúvida, como sempre ao fazer uma lista, foi dolorido, mas temos certeza que vocês conseguirão complementar e enriquecer o que está aí. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Lançamentos da Netflix na semana (26/03/2021) Xiaomi confirma lançamento da Mi Band 6 para o dia 29; saiba o que esperar Carro voador elétrico da Embraer levanta voo pela primeira vez; veja como foi Como é a gravidade em outros planetas do Sistema Solar? Veja Mais

"The New York Times" afirma que colapso no Brasil era previsto

O Tempo - Mundo Site do jornal aponta variante do vírus de Manaus, embate político e desconfiança na ciência como agravantes Veja Mais

10 filmes que o público mais quer ver na versão do diretor

10 filmes que o público mais quer ver na versão do diretor

Tecmundo Alguns anos atrás, uma petição online feita pelos fãs para liberar o Snyder Cut da Liga da Justiça ganhou centenas de milhares de assinaturas. Na época, Zack Snyder expressou seu desejo de consertar os erros cometidos no filme de 2017. Então, a Warner Bros. concordou em deixar o diretor fazer uma reedição com filmagens adicionais, que foi lançado exclusivamente na HBO Max, no último dia 18.(DC Films/Reprodução)Leia mais... Veja Mais

Triplica mortalidade de jovens de 18 a 45 anos nas UTIs brasileiras

Valor Econômico - Finanças Se observado só o grupo de jovens sob ventilação mecânica, o aumento é de 31% O percentual de mortes de jovens entre 18 e 45 anos por covid-19 nas UTIs brasileiras triplicou, segundo dados compilados de 1.593 unidades de terapia intensivas públicas e privadas do país. O levantamento é do projeto "UTIs brasileiras", da Amib (Associação de Medicina Intensiva Brasileira) e compara um período de relativa calmaria na UTIs, entre setembro e novembro de 2020, com esse momento de colapso, entre 1º de fevereiro até sexta (26). Os dados mostram que o percentual de jovens mortos passou de 13,1% para 38,5%, um aumento de 193%. Se observado só o grupo de jovens sob ventilação mecânica, o aumento é de 31%: subiu de 43,2% para 56,6%. A mortalidade geral de pacientes intubados, de todas as faixas etárias, é de 53%. Ao mesmo tempo que houve um crescimento de 11% nas internações de pacientes com menos de 45 anos nas UTIs, as de pessoas com mais de 80 anos caíram 27,6%. No período anterior, os mais jovens representavam 18% dos admitidos; agora são 20%. Os mais velhos, eram 13% e hoje são 9,7%. Os dados da Amib convergem para a última edição do Boletim Observatório Fiocruz Covid-19, divulgado nesta sexta (26), que mostra que a epidemia de coronavírus rejuvenesceu no Brasil. Para o médico intensivista Ederlon Rezende, coordenador do projeto, os números derrubam de vez a suposição que se tinha no início da pandemia de que os jovens não desenvolviam a forma mais grave da covid e não morriam em razão dela. "Agora estamos vendo o contrário", diz ele. E por que esses jovens estão morrendo mais? Para Rezende, eles estão chegando mais graves aos hospitais ou porque retardaram a ida ou porque tiveram problemas de acesso por falta de vagas nas UTIs. "Esse gravidade se reflete no fato de que eles estão precisando mais ventilação mecânica, mais prona [técnica que deixa o paciente de barriga para baixo], mais diálise, mais Ecmo [equipamento que funciona como pulmão e um coração artificiais para pacientes que estão com os órgãos comprometidos]", conta. Outra hipótese é que a nova variante do vírus, conhecida como P1, possa estar associada às formas mais graves. Segundo ele, é sempre bom lembrar também que muitas UTIs não estão funcionando em suas condições normais, uma vez que houve um aumento exagerado de leitos para a capacidade das equipes. "A mortalidade está sendo maior em todas as faixas etárias. É o nosso pior momento de mortalidade dentro das UTIs", diz ele. O deslocamento da incidência da covid grave para as faixas mais jovens contribui para o cenário crítico da ocupação de leitos de UTI neste momento de colapso. Por se terem menos comorbidades, a evolução dos casos é mais lenta, e a permanência em leitos de UTI, maior. Vitima de covid chega ao hospital HRAN, em Brasília AP Photo/Eraldo Peres Veja Mais

Facebook bloqueia conta de Nicolás Maduro após vídeo que viola política de desinformação sobre a Covid-19

G1 Economia Durante um mês, o presidente da Venezuela não poderá publicar mensagens ou fazer comentários na plataforma. Segundo a empresa, não é a primeira vez que acontece uma violação à política de desinformação. Nicolás Maduro tem conta no Facebook bloqueada após violações da política sobre desinformação relacionada à Covid-19 Reuters via BBC O Facebook bloqueou por 30 dias a conta do presidente da Venezuela Nicolás Maduro após "reiteradas violações" da política sobre desinformação relacionada à Covid-19, de acordo com um porta-voz da empresa. A medida não elimina a conta do presidente, nem deixa a página invisível na plataforma. Apenas impede que seus administradores publiquem mensagens ou façam comentários por um mês. Facebook e Instagram ampliam quais alegações falsas sobre vacinas contra a Covid-19 serão removidas das plataformas A decisão foi tomada após a recente remoção de um vídeo do presidente sobre o Carvativir, um remédio ainda sem estudos médicos publicados, que Maduro promove como "gotinhas milagrosas" para tratar o coronavírus. "Seguimos as orientações da Organização Mundial da Saúde, segundo as quais atualmente não existe nenhum medicamento que previna ou cure o vírus. Devido a reiteradas violações de nossas normas, bloqueamos a página por 30 dias, durante os quais permanecerá apenas em modo leitura", afirmou um porta-voz do Facebook. Violação recorrente das regras De acordo com a empresa, outras violações desse tipo já aconteceram na conta de Maduro no Facebook. "Uma mensagem é enviada a todos os administradores da conta, com um aviso, sempre que acontece uma violação. Eles estão cientes", afirmou o porta-voz da empresa. Maduro já criticou a rede social por censurar seus vídeos relacionados ao Carvativir. "Eles dizem que até que a OMS diga sim eu não posso falar do Carvativir. Quem manda na Venezuela? O dono do Facebook? Quem manda no mundo? O dono do Facebook? Abusadores, Zuckerberg é o nome? É um tremendo abusador", disse Maduro no dia 2 de fevereiro. O governo venezuelano também já acusou de censura outras redes sociais, como Twitter e Youtube. Diante das muitas informações divulgadas durante a pandemia, o Facebook ajustou suas políticas, regulamentando "anúncios que contenham afirmações enganosas, falsas ou infundadas sobre temas de saúde, incluindo as que asseguram que um produto ou serviço pode oferecer uma prevenção ou imunidade de 100%, ou tem a capacidade de curar o vírus". Com 30 milhões de habitantes, a Venezuela acumula mais de 154 mil casos confirmados de Covid-19 e 1.532 mortes, de acordo com os números oficiais, que são questionados por organizações como a Human Rights Watch por considerar que ocultam uma realidade muito pior. Veja Mais

6 séries parecidas com Sky Rojo para fãs de séries de ação

6 séries parecidas com Sky Rojo para fãs de séries de ação

Tecmundo Sky Rojo acaba de chegar à Netflix. A série estreou na sexta-feira (19)e é dos mesmos criadores de La Casa de Papel. O elenco conta com a participação de Veronica Sanchez, Lali Espósito e Miguel Ángel Silvestre nos papéis principais. No decorrer dos 8 episódios da trama, os espectadores acompanham a saga de 3 profissionais do sexo que tentam escapar dos capangas de seu cafetão após um incidente.  Com muita ação e adrenalina, Sky Rojo já conquistou muitos fãs na plataforma de streaming, ficando no Top dez de diversos países após o seu lançamento. Portanto, se você já terminou de maratonar a série e busca outras produções para se entreter, preparamos uma lista com indicações igualmente interessantes.Leia mais... Veja Mais

EUA já vacinaram 91,7 milhões de pessoas

O Tempo - Mundo CDC calcula que 50 milhões de norte-americanos estão completamente imunizados Veja Mais

Após aprovação do Orçamento, deputados pedem que Bolsonaro explique como cumprirá teto de gastos e meta fiscal

G1 Economia Especialistas ouvidos pelo G1 consideram que orçamento de 2021 não tem parâmetros realistas. Assim, governo terá de bloquear despesas para cumprir regras fiscais. Sessão na Câmara em 9 de março Pablo Valadares/Câmara dos Deputados Deputados federais de 10 partidos enviaram carta ao presidente Jair Bolsonaro na qual pediram que o governo informe as medidas que serão adotadas para cumprir as regras fiscais neste ano sem cometer crime de responsabilidade – que pode ser punido com impeachment. Os parlamentares que assinaram a carta são filiados ao Novo, DEM, PSD, PSB, PSL, PSDB, PV, Avante, PDT E PT. Procurado pela TV Globo, o Palácio do Planalto não se manifestou até o momento. A carta tem data de sexta-feira (26), um dia depois de o Congresso Nacional aprovar o Orçamento de 2021, que segue para sanção de Bolsonaro. O texto estabelece que o déficit primário nas contas públicas poderá chegar a R$ 247,1 bilhões. O texto aprovado foi alvo de críticas pois, segundo técnicos legislativos, os parlamentares adotaram manobras para maquiar o valor das despesas obrigatórias em 2021. Segundo analistas ouvidos pelo G1, esse orçamento não tem parâmetros realistas, o que fará com que a área econômica do governo realize um forte bloqueio de despesas para cumprir as regras fiscais. Conforme economistas, o Legislativo efetuou manobras contábeis para aumentar as emendas parlamentares — instrumento que os congressistas dispõem para destinar mais recursos aos seus projetos nos estados e municípios. Câmara dos Deputados aprova orçamento 2021 Com as alterações, o Congresso cortou R$ 26,45 bilhões em gastos para inflar as emendas parlamentares previstas para este ano, para cerca de R$ 46 bilhões — 2022 é ano eleitoral para deputados, senadores e presidente da República. Na carta enviada a Bolsonaro, os parlamentares pediram que o presidente esclareça ao Congresso e ao país quais medidas "serão tomadas para se fazer cumprir o teto de gastos e a meta de resultado primário de 2021, para que não incorra em crime de responsabilidade". O teto de gastos é um mecanismo pelo qual a maior parte das despesas orçamentárias não pode subir acima da inflação do ano anterior. Márcio Bittar, relator do Orçamento, após reunião com Paulo Guedes em 5 de outubro REUTERS/Ueslei Marcelino A carta registrou que, conforme dados do Ministério da Economia, o governo terá de adotar medidas para cumprir o teto de gastos e a meta de fiscal sem recorrer ao que ficou conhecido por “pedaladas fiscais”. Os deputados disseram na carta que alertaram, durante a sessão na qual o orçamento foi aprovado, sobre o risco de aprovar “um orçamento fictício e não condizente com a realidade do governo federal”. O grupo ressaltou que a base do governo concordou com o texto do orçamento em “condições precárias”, o que foi uma “grande irresponsabilidade com as contas públicas do país, produzindo um orçamento que não condiz com a realidade e não tem como prioridade a saúde pública ou qualquer medida relacionada à pandemia da Covid-19”. “Solicitamos assim o detalhamento por parte do governo federal das providências a serem tomadas para o devido ajuste das contas, explicitando as áreas que serão afetadas, de forma transparente. Pedimos, ainda, a adoção de medidas que mitiguem os danos que essas manobras possam causar à população, que vive atualmente em estado de insegurança com a crise causada pela pandemia do coronavírus”, diz trecho da carta, que pediu uma resposta “urgente” do presidente. Leia a íntegra da carta Assunto: pedido de esclarecimento sobre as medidas a serem tomadas para o cumprimento do teto de gastos e a meta fiscal com a aprovação da Lei Orçamentária de 2021 Excelentíssimo Senhor Presidente da República, Os Deputados Federais abaixo assinados solicitam ao Presidente da República Federativa do Brasil que seja esclarecido ao Parlamento e à nação Brasileira quais medidas serão tomadas para se fazer cumprir o teto de gastos e a meta de resultado primário de 2021, para que não incorra em crime de responsabilidade. Como alertado pelos signatários deste documento, durante a sessão plenária do Congresso em que o Projeto de Lei Orçamentária Anual de 2021 foi aprovado, no dia 25 de março de 2021, havia o risco de estarmos aprovando um orçamento fictício e não condizente com a realidade do Governo Federal. No Relatório de Avaliação de Receitas e Despesas Primárias relativo ao 1º bimestre de 2021 enviado ao Congresso, o Ministério da Economia alertou para um rombo de R$ 17 bi no Orçamento com despesas primárias. Ou seja, será necessário promover ajustes com base na nova estimativa para as despesas primárias obrigatórias em 2021. No entanto, ignorando este fato, o Congresso cortou mais R$ 26 bilhões em despesas primárias obrigatórias para viabilizar o aumento de R$ 3 bi para R$ 30 bi no valor concentrado nas mãos do relator. Isso significa que a previsão de gastos primários obrigatórios feitos pelo Ministério da Economia possui uma diferença de R$ 43 bilhões em relação ao que foi aprovado na LOA 2021, o que exigirá medidas do Governo Federal para cumprir o teto de gastos e a meta de fiscal sem que se recorra às chamadas “pedaladas fiscais”. Ressalta-se que a base do governo na Câmara e no Senado Federal se manifestou pela aprovação da PLOA 2021 nesses moldes, estando de acordo com as condições precárias do texto. O ato foi de grande irresponsabilidade com as contas públicas do país, produzindo um orçamento que não condiz com a realidade e não tem como prioridade a saúde pública ou qualquer medida relacionada à pandemia da Covid-19. Solicitamos assim o detalhamento por parte do governo federal das providências a serem tomadas para o devido ajuste das contas, explicitando as áreas que serão afetadas, de forma transparente. Pedimos, ainda, a adoção de medidas que mitiguem os danos que essas manobras possam causar à população, que vive atualmente em estado de insegurança com a crise causada pela pandemia do coronavírus. Essas medidas são essenciais para o projeto de nação com o qual o governo se comprometeu nas eleições de 2018, para que se conduza o país a um cenário de melhoria das condições de vida dos brasileiros. Na expectativa de uma resposta urgente para as questões aqui apontadas, subscrevem. FIM Veja Mais

Anvisa suspende prazo de análise para uso emergencial da vacina Sputnik

Valor Econômico - Finanças A medida ocorre devido à falta de parte dos dados exigidos para a avaliação A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) informou hoje que suspendeu o prazo de análise do pedido de uso emergencial da vacina russa Sputnik V. A medida ocorre devido à falta de parte dos dados exigidos para a avaliação. O pedido havia sido solicitado na sexta-feira pela União Química, que tem uma parceria com o Fundo de Investimento Direto da Rússia. A empresa busca o aval para o uso de 10 milhões de doses adquiridas pelo Ministério da Saúde no início deste mês. Segundo a agência, uma triagem inicial dos documentos anexados no pedido apontou que faltava parte dos dados exigidos para a avaliação, como especificações de qualidade e informações do tempo médio de acompanhamento dos pacientes que fizeram parte dos estudos. Com isso, o prazo para que a Anvisa decidisse sobre o pedido, previsto neste caso em sete dias úteis, foi suspenso até que haja a entrega dos documentos completos. Enquanto isso, a equipe continuará a análise das informações já enviadas, informa a Anvisa. Assim que os dados restantes forem apresentados, o prazo de sete dias úteis volta a correr. Dados de painel lançado pela Anvisa neste sábado mostram que, dos documentos previstos para serem apresentados, 62% estão em análise, 18,2% precisam de complementação e 18,7% ainda não foram entregues. Em geral, o prazo de análise de pedidos de uso emergencial varia de dez dias (para vacinas com estudos no Brasil) a 30 dias (para aquelas com estudos no exterior, caso da Sputnik V). A União Química, no entanto, fez o pedido com base na lei 14.124/2020, que dá prazo menor no caso de vacinas já aprovadas em alguns países - como a Rússia. Questionada pela reportagem sobre a previsão de entrega dos demais dados, a União Química ainda não respondeu. Além da vacina Sputnik V, a Anvisa também avalia outro pedido de uso emergencial de uma vacina contra a covid-19, da Janssen. A solicitação foi protocolada na quinta-feira. Até as 18h deste sábado, o painel da agência mostrava que, dos dados enviados, 62,5% já estavam com análise concluída, 36% ainda eram analisados e 0,9% ainda precisava de complementação. Atualmente, a Janssen tem contrato para entrega de 38 milhões de doses de vacinas para o Ministério da Saúde assim que houver aprovação do uso emergencial. Destas, 16,9 milhões de doses ã previstas até fim de julho, e o restante até novembro. Veja Mais

O céu (não) é o limite | Nova força fundamental na física, asteroide perto e +

canaltech Mais um sábado chega ao fim, e isso significa não apenas o encerramento de mais uma semana, como também que chegou a hora de ficar por dentro das notícias espaciais mais importantes dos últimos sete dias. Afinal, já é tradição aqui no Canaltech: quem não tem o tempo que gostaria para se manter bem informado ao longo dos dias, pode contar com nosso "resumão" de fim de semana para isso! Vamos lá? Nova força fundamental da natureza? (Imagem: Reprodução/Schooled by Science) Uma equipe de cientistas está "cautelosamente otimista" sobre possíveis evidências de uma nova partícula fundamental. Se a descoberta for comprovada, talvez possamos finalmente contemplar a descoberta que os físicos têm buscado por décadas: um novo e mais completo modelo para a física das partículas. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Clique aqui para entender tudo sobre isso. O maior asteroide do ano O asteroide 2001 FO32 aparece no centro da imagem, indicado pela seta. Estava a cerca de 2,5 milhões de km de distância da Terra (Imagem: Reprodução/Virtual Telescope Project/Gianluca Masi) Na tarde do último domingo (21), o asteroide (231937) 2001 FO32 atingiu seu ponto mais próximo à Terra, passando a uma distância aproximada de 2 milhões de km — o equivalente a cinco vezes a distância do nosso planeta até a Lua. Este é o maior asteroide que passará por nossa vizinhança em todo o ano de 2021. Embora classificado como potencialmente perigoso, o objeto não apresentou nenhum risco para nós — e o pessoal do Virtual Telescope Project fotografou sua passagem quando ele já estava se distanciando, a cerca de 2,5 milhões de km de distância daqui. Para saber mais sobre isso, é só clicar aqui. Explicando as "aranhas" de Marte Imagem feita durante o inverno no polo sul de Marte, com as "aranhas" se formando na cobertura de dióxido de carbono congelado (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech/Univ. of Arizona) Nas regiões polares de Marte, é possível ver algumas cavidades ramificadas, cujos "braços" lembram até o formato do corpo das aranhas. Agora, pesquisadores levantaram as primeiras evidências que podem explicar essas formações curiosas: talvez, elas venham da sublimação do dióxido de carbono congelado. As "aranhas" marcianas são sistemas topográficos que se ramificam e resultam em padrões que lembram galhos de árvores ou até raios. Essas formações, que não são encontradas na Terra, podem ter sido formadas a partir do gelo mudando direto do estado sólido para o gasoso durante a primavera do planeta. Clique aqui para saber mais sobre isso. Helicóptero Ingenuity voará em breve   O Ingenuity está pronto para ser liberado da "barriga" do rover Perseverance, alçando voo pela primeira vez em Marte. Uma série de testes e checagens acontecerão primeiro, claro, mas a NASA já revelou que está de olho no início de abril para esse voo inaugural — provavelmente no dia 8, ou logo depois disso. Seu objetivo não será exatamente científico. O propósito do Ingenuity é testar novas tecnologias de voo autônomo em outro planeta. Caso ele se saia nem nessa missão, a exploração espacial poderá contar com novas maneiras de explorar outros mundos para além da exploração da superfície que já é muito bem feita com rovers — estamos falando de um "robô" voador, claro. Clicando aqui, você encontra mais detalhes sobre isso. Chang'e 5 começa a estudar o Sol Arte da sonda Chang'e 5 (Imagem: Reprodução/Xinhua/Jin Liwang) O orbitador da missão chinesa Chang'e 5 (aquela que trouxe amostras da Lua para a Terra) segue na ativa e, agora, já se posicionou no Ponto de Lagrange 1 (L1), uma área específica e gravitacionalmente estável entre a Terra e o Sol. Com isso, a sonda poderá estudar a nossa estrela sem precisar ir muito longe de onde estava até então. A sonda realizará uma série de testes e observações do Sol enquanto estiver por ali, mas pode ser que o tempo em órbita solar não seja muito longo, pois os controladores da missão podem escolher, em breve, novos objetivos para a sonda. Neste link você lê mais a respeito. "Nova" estrela aparece na constelação de Cassiopeia Nova N Cas 2021, registrada no dia 19 de março (Imagem: Reprodução/T. Noguchi) Uma "nova" foi detectada na constelação de Cassiopeia, no hemisfério celestial Norte, por um astrônomo amador. Novas são caracterizadas pelo grande aumento repentino em seu brilho e, ao contrário de uma supernova, ela continua brilhando após este pico, mas com magnitude bem reduzida. A nova foi chamada de N Cas 2021, a primeira deste ano em Cassiopeia, e é esperado que seu brilho diminua gradualmente ao longo das próximas oito semanas. As novas ocorrem, normalmente, quando uma anã branca passa a orbitar uma estrela de sequência principal (que ainda está fundindo hidrogênio em seu núcleo), então começa a atrair o material da estrela para si. O hidrogênio da estrela se concentra em torno da anã branca e, ao se comprimir, inflama em um processo de combustão descontrolado — e é daí que surge o brilho repentino da nova observada. Quer saber mais sobre as novas? Clique aqui! TESS já encontrou mais de 2 mil possíveis exoplanetas (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech) O telescópio espacial TESS, lançado em 2018, já trouxe evidências de 2.241 possíveis exoplanetas desde que iniciou sua missão. Esses candidatos orbitam estrelas brilhantes e próximas, sendo que centenas deles são planetas “menores” e, possivelmente, muitos são rochosos e com algumas características parecidas com a Terra. O TESS opera em uma grande órbita entre a Terra e a Lua, e a cada mês ele se volta para uma grande porção de estrelas para observá-las atentamente, em busca de alguma redução no brilho delas, que pode indicar o trânsito planetário ocorrendo por ali. Clicando aqui, você lê mais sobre essa missão. Leia também: O que é a zona habitável de um sistema estelar e onde ela fica? Como é a gravidade em outros planetas do Sistema Solar? Como as mudanças climáticas afetam a observação astronômica? Destaques da NASA: fotos astronômicas da semana (20/03 a 26/03/2021) Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Confira o calendário completo da Fase 4 do Universo Cinematográfico Marvel Evidências de uma nova força fundamental da natureza podem ter sido encontradas Recurso transforma textos do Word em slides do PowerPoint em segundos Moto G100 chega ao Brasil com processador e recursos avançados a preço baixo Fintech transforma cartão de débito em crédito via aplicativo Veja Mais

Juristas e advogados condenam artigo em que Etchegoyen ataca o STF

Valor Econômico - Finanças Grupo Prerrogativas diz que "causa perplexidade e espanto a ousadia que o general reformado demonstra ao defender o indefensável” O grupo Prerrogativas, composto por juristas e advogados, divulgou nota neste sábado rechaçando o artigo publicado pelo general reformado Sérgio Etchegoyen, no dia 25, no site do Clube Militar. No texto, o ex-ministro do governo Michel Temer critica as recentes decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) que envolvem a Operação Lava-Jato e o ex-presidente Lula. “Mais uma vez o STF sacode o Brasil com decisões que aprofundam a insegurança jurídica, criam vácuos legais que nenhum daqueles magistrados vai resolver, desestabilizam o universo político e obrigam o país a retroceder muitos passos no penoso esforço pela moralidade”, disse o general reformado no artigo. O Grupo Prerrogativas afirma na nota que “não é admissível num regime democrático a tentativa de converter matérias analisadas tecnicamente pelo Poder Judiciário em pretextos para a anômala intromissão de militares em assuntos que não pertencem à sua competência institucional”. De acordo com os juristas, a carência de conhecimento jurídico e o afã de reaparecer na cena pública, “para fugir do ostracismo em que o fracasso do governo Temer o lançou”, levaram o general Etchegoyen a produzir um gesto de insensatez ao publicar o artigo. Segundo os juristas, ao contrário do que diz o general em seu artigo, as decisões do STF que proclamam a incompetência do foro de Curitiba e a imparcialidade do ex-juiz Sergio Moro restauram a segurança jurídica, ao fazer predominar os predicados do juiz natural e da imparcialidade judicial. “Longe de fazer retroceder a luta contra a corrupção, as decisões do STF promovem o seu aperfeiçoamento, refreando a imprópria politização da justiça criminal”, escreveram. “Causa-nos perplexidade e espanto a ousadia que o general reformado demonstra ao defender o indefensável”. Veja a nota do Prerrogativas na íntegra: “O grupo Prerrogativas, composto por juristas e advogados, expressa veemente reprovação ao artigo publicado pelo general reformado Sérgio Etchegoyen, em 25/3, no site do Clube Militar, em que o ex-ministro do governo Temer critica o Supremo Tribunal Federal, fomentando inconformismo com o regular exercício das funções judiciais constitucionalmente asseguradas ao STF. Não é admissível num regime democrático a tentativa de converter matérias analisadas tecnicamente pelo Poder Judiciário em pretextos para a anômala intromissão de militares em assuntos que não pertencem à sua competência institucional. A carência de conhecimento jurídico e o afã de reaparecer na cena pública, para fugir do ostracismo em que o fracasso do governo Temer o lançou, levaram o general Etchegoyen a cometer diversos equívocos e a produzir um gesto de insensatez ao publicar esse artigo. As decisões do STF que proclamam a incompetência do foro de Curitiba e a imparcialidade do ex-juiz Sérgio Moro, ao contrário do que presume o general, não “aprofundam a insegurança jurídica”. Na verdade, essas decisões restauram a segurança jurídica, ao fazer predominar os predicados do juiz natural e da imparcialidade judicial. Longe de fazer retroceder a luta contra a corrupção, as decisões do STF promovem o seu aperfeiçoamento, refreando a imprópria politização da justiça criminal. Como exaustivamente exposto no âmbito do Supremo Tribunal Federal, o caso Lula revelou a produção de provas contestáveis pela acusação, em clara articulação com o juiz da causa, com o propósito de sacramentar uma sentença que já se conformara antes mesmo de iniciado o processo formal. Dentre os resultados de tal procedimento espúrio, o acusado ficou impossibilitado de se submeter ao escrutínio democrático e viu-se privado da liberdade por 580 dias. Enquanto isso, sua pena rendeu ao julgador da causa a nomeação para o ministério de seu principal adversário eleitoral. O direito a um julgamento justo é pressuposto basilar da democracia, estrutura política em que forma e conteúdo se articulam continuamente. Se os procedimentos não devem servir de impedimento para que sejam alcançados os propósitos republicanos, tampouco essas finalidades podem servir de obstáculo ao cumprimento da liturgia elementar do exercício do direito de defesa. A pretensão reiterada de alguns integrantes e ex-integrantes das instituições militares, no sentido de interferir em decisões judiciais e constranger autoridades civis, subverte os mandamentos constitucionais e deve ser objeto de reprovação pública. Causa-nos perplexidade e espanto a oudadia que o general reformado demonstra ao defender o indefensável. Parece ignorar o quanto as colaborações internacionais clandestinas, celebradas por integrantes da Força tarefa de Curitiba com outros países, prejudicaram setores estratégicos da nossa indústria nacional, gerando, segundo dados do Dieese, em um rastro de destruição encomendada, a perda de mais de 04 milhões de postos de trabalho e de mais de R$ 172,2 bilhões de reais em investimentos e distribuição de riquezas (considerados apenas os anos de 2014 a 2017). E isto, de fato, “não foi uma miragem”. Assim como também não o foi o vergonhoso tweet de um outro general com o objetivo de interferir diretamente nos destinos de um hc impetrado pela defesa técnica do ex-presidente Lula. “Nunca antes na história deste país”, ignora o general, houve um atentando tão claro a princípios fundantes do nosso Estado de Direito e da nossa jovem Democracia. As mensagens publicizadas pela Operação Spoofing revelaram ao Brasil e ao mundo o que sempre soubemos e denunciamos. Com um projeto político, e com claros objetivos eleitorais, um juiz inquisidor coordenou o trabalho de integrantes do Ministério Público em um processo que começou pelo fim. A pretexto de se combater a corrupção, o que é meritório, este juiz corrompeu pilares importantes do nosso sistema de justiça. Reacreditá-lo, pois, é a melhor resposta e a única saída.” Veja Mais

Grey’s Anatomy: as 10 maiores rivalidades da série médica

Grey’s Anatomy: as 10 maiores rivalidades da série médica

Tecmundo Ao longo de suas 17 temporadas, não há dúvidas de que Grey’s Anatomy trouxe alguns dos plots mais interessantes do universo das séries. Acidentes de avião, bombas prestes a explodir dentro de um corpo, pacientes atravessados por uma barra de metal e até mesmo as questões mais atuais, como a pandemia da covid-19, foram apenas alguns dos exemplos de tramas que nos emocionaram nos episódios.Porém, não são só as situações médicas conquistaram os fãs da série. Agora, já na 17ª temporada de Grey’s Anatomy, muitas amizades e, principalmente, rivalidades que viraram amizades foram abordadas e se consolidaram como alguns dos melhores momentos do seriado.Leia mais... Veja Mais

Guedes toma primeira dose contra covid-19 e defende vacinação de todos

Valor Econômico - Finanças Segundo ministro, ideia do governo é que seja possível vacinar os trabalhadores que receberão o auxílio emergencial nos próximos quatro meses O ministro da Economia, Paulo Guedes, tomou neste sábado a primeira dose da vacina contra a covid-19. Ele se dirigiu até o “drive-thru” no Estádio Mané Garrincha durante a tarde. O imunizante aplicado foi o CoronaVac, desenvolvido pelo Instituto Butantan, em parceria com o laboratório chinês SinoVac. Guedes disse ter falado antes com o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que o pediu para divulgar o fato. Ele reiterou que a meta é alcançar a vacinação de 1 milhão de pessoas por dia no início de abril. Na semana passada, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional, Augusto Heleno, também foi imunizado. Queiroga, que é cardiologista, tomou a vacina ainda em janeiro, quando não tinha entrado no governo. Guedes reiterou que a meta é alcançar a vacinação de 1 milhão de pessoas por dia no início de abril EDU ANDRADE/Ascom/ME Guedes afirmou que a ideia do governo é que seja possível vacinar, nesses próximos quatro meses, os trabalhadores que receberão o auxílio emergencial. “É aquela ideia, nós temos que vacinar todos os brasileiros. Nós temos o auxílio emergencial para proteger, e temos esses quatro meses em que o auxílio está funcionando para vacinarmos principalmente os invisíveis, os que precisam ganhar o pão de cada dia”, afirmou o ministro, em entrevista à TV CNN logo após se vacinar. Questionado sobre a sensação de tomar a primeira dose do imunizante, ele comemorou: “Todo mundo acha que é bom, né? Vamos vacinar”, disse. Veja Mais

Guararema oferece 34 vagas de emprego com diferentes graus de escolaridade

G1 Economia Os interessados devem se cadastrar às vagas por meio do telefone. Serviço de Atendimento ao Trabalhador (SAT) de Guararema Felipe Antonelli Moradores de Guararema podem se inscrever para vagas de emprego por meio do Serviço de Atendimento ao Trabalhador (SAT), que está mediando 34 oportunidades profissionais com diferentes graus de escolaridade. Oportunidades Ensino fundamental completo Casal de caseiros (três vagas); Empregada doméstica (três vagas); Trabalhador rural; Açougueiro; Cozinheiro; Cozinheira; Jardineiro; Auxiliar de jardinagem; Borracheiro; Operador de equipamentos. Ensino médio completo Técnico de segurança do trabalho (duas vagas); Técnico de informática júnior; Inspetor de qualidade; Atendente; Auxiliar de laboratório; Mecânico de manutenção; Balconista; Atendente de loja; Auxiliar de cartório. Ensino técnico cursando Estágio em edificações. Ensino superior cursando Estágio em contabilidade. Ensino superior completo Biólogo; Assistente de contabilidade; Assistente de departamento pessoal; Líder de almoxarifado. Além dessas vagas, há ainda oportunidades para Pessoas Com Deficiência (PCD). Os postos de trabalho disponíveis são os seguintes: operador de máquinas agrícolas, auxiliar de serviços gerais, auxiliar de manutenção e eletricista. Em razão da pandemia da Covid-19 e da necessidade de fechamento dos prédios públicos, os candidatos devem se cadastrar às vagas pelos telefones 4693-1717 e 4693-1432. Assista a mais notícias Veja Mais

STF derruba cobrança de ICMS sobre extração de petróleo

Valor Econômico - Finanças Ministros derrubaram duas leis estaduais, de 2003 e 2015, que previam a exigência de 18% do imposto estadual O Supremo Tribunal Federal (STF) barrou a tentativa isolada do Estado do Rio de Janeiro de exigir ICMS sobre a extração de petróleo. Os ministros derrubaram duas leis estaduais, uma editada em 2003 que sequer surtiu efeitos, e outra publicada em 2015, que previa a exigência de 18% do imposto estadual sobre o preço do barril do petróleo. Matéria exclusiva para assinantes. Para ter acesso completo, acesse o link da matéria e faça o seu cadastro. Veja Mais

Queiroga diz que Brasil está perto de atingir meta de vacinar 1 milhão por dia contra covid-19

Valor Econômico - Finanças Marcelo Queiroga, que está reunido com sua equipe no Ministério da Saúde, voltou a defender a vacinação e o uso de máscaras Um dia após o país registrar mais um número recorde de mortos pelo novo coronavírus em 24 horas, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou neste sábado que o Brasil está próximo de atingir a meta de vacinar 1 milhão de brasileiros por dia. Ele está reunido com membros da sua equipe nas dependências da pasta. “Estamos trabalhando para ampliar a campanha de vacinação. Fizemos compromisso de, no começo de abril, vacinar 1 milhão de brasileiros por dia e essa meta já está próxima de ser atingida. Ontem, vacinamos mais de 800 mil brasileiros. Isso mostra a força do programa nacional de imunização”, disse Queiroga, em vídeo postado nas redes sociais. Ministro da Saúde voltou a defender uso de máscaras e pediu que os brasileiros evitem aglomerações Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil O ministro destacou que o fortalecimento do Sistema Único de Saúde (SUS) é “a saída para resolver o problema da pandemia de covid-19” e a vacina “é uma meta que precisa ser cumprida”. No vídeo, o auxiliar do presidente Jair Bolsonaro defendeu o uso das máscaras de proteção e pediu que as pessoas evitem aglomerações. “Se todos usassem máscara, o efeito seria semelhante a vacinar a população. É muito importante que consigamos aderir às recomendações das autoridades sanitárias do Brasil. Não é com lei obrigando as pessoas a usar máscaras e multando as pessoas na rua que vamos resolver esse problema. É uma questão de conscientização. Cada um tem que saber do seu papel e ajudar as autoridades municipais, estaduais e federais a por fim nessa pandemia”. Veja Mais

Novo malware para Android se disfarça como atualização do sistema

Novo malware para Android se disfarça como atualização do sistema

Tecmundo Um novo malware para Android que está em circulação finge ser um recurso importante para o sistema, mas na verdade pode roubar todos os seus dados e ainda controlar remotamente o dispositivo.A ameaça foi identificada pela empresa de segurança digital Zimperium, que estudou a fundo o código e a forma de atuação do golpe.Leia mais... Veja Mais

Dissidentes das Farc explodem carro-bomba na Colômbia e ferem pelo menos 43

O Tempo - Mundo Autoridades atribuem autoria do ataque a grupo que não aceitou acordo de paz em 2016 Veja Mais

Ex-deputado Ivair Nogueira esperou por leito em corredor de hospital de BH

O Tempo - Política O emedebista de 69 anos está internado desde a última quinta-feira para tratar complicações nos pulmões Veja Mais

AGU pede a Lewandowski que dê prioridade de vacinação às forças de segurança

O Tempo - Política A demanda é que o grupo seja atendido na mesma fase da vacinação destinada a presos e servidores do sistema carcerário Veja Mais

Moto G 5G Plus vs Galaxy A71: conectividade faz a diferença nos intermediários? | Comparativo

tudo celular Será que o 5G da Motorola supera o que a Samsung entrega? Confira a resposta neste Comparativo do TudoCelular. Veja Mais

‘Brasil precisa de lideranças’, afirma FHC a empresários

O Tempo - Política Indagado sobre a provável candidatura do ex-presidente Lula, o tucano não escondeu seu receio de que, depois da pandemia, a polarização se concretize entre o petista e Bolsonaro Veja Mais