Meu Feed

No mais...

TecBan procura startups para programa de inovação aberta

canaltech Startups das áreas de open finance, criptomoedas e inteligência artificial aplicada a processo de automação robótica (Robotic Process Automation — RPA) que tenham recebido ao menos uma rodada de investimentos ou estejam em negociação com o mercado podem participar da primeira edição do programa de inovação aberta da TecBan, que cria soluções tecnológicas para o ecossistema econômico. As inscrições estão abertas até 30 de novembro. Plataforma de relato de má conduta no trabalho recebe aporte de R$ 11 milhões Quatro startups brasileiras lideradas por mulheres são selecionadas pelo Google O programa foi anunciado durante a 8ª edição da Conferência Anual de Startups e Empreendedorismo (Case 2021), promovido pela Associação Brasileira de Startups (Abstartups). A TecBan tem um estande virtual no Case 2021, onde interessados e entusiastas podem conhecer as iniciativas e os desafios abertos ao ecossistema de inovação. TecBan procura startups (Imagem: Reprodução/Freepik/rawpixel.com) Como parte do lançamento, Tiago Aguiar, head de Novas Plataformas, e Luis Felipe Gomes Carvalho, CEO da Aevo, apresentam a palestra “Como sua startup pode ser parceira de grandes empresas e realizar negócios transformadores”. Para participar do Case 2021, inscreva-se aqui. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Conheça, a seguir, os detalhes dos desafios: Open finance As empresas devem criar soluções que favoreçam a escalabilidade do negócio, a experiência do cliente, a segurança e o cruzamento de dados para serem aplicadas em plataformas de negócios abertos em open banking e open insurance. Para se inscrever, visite este link. Criptomoedas As interessadas precisam desenvolver soluções de custódia, segurança cibernética e redução de emissão do carbono utilizado na mineração de moedas digitais. Mais detalhes e inscrições neste link. Inteligência artificial aplicada a RPA As soluções criadas com inteligência artificial aplicada a RPA devem ajudar na melhora de processos nas áreas de compras, jurídico e analytics. As inscrições para este desafio estão disponíveis aqui. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Combustível é racionado e deslocamentos são restritos no Canadá por inundações

em - Internacional Autoridades da Columbia Britânica, província do oeste do Canadá afetada por graves inundações nos últimos dias, anunciaram nesta sexta-feira (19) restrições de acesso ao combustível nas áreas que se encontram inundadas, devido a dificuldades de abastecimento.As chuvas torrenciais que castigaram o sudoeste da Columbia Britânica no domingo e na segunda-feira provocaram deslizamentos de terra e inundações que destruíram estradas e infraestruturas.O oleoduto Trans Mountain foi fechado temporariamente."Pedimos às pessoas que limitem o consumo de combustível e as viagens de carro neste momento", disse durante coletiva de imprensa Mike Farnworth, ministro de Segurança Pública da província.Particulares não poderão mais comprar mais do que 30 litros de combustível nos postos de gasolina.As medidas ajudarão a manter "o tráfego comercial e estabilizar as cadeias de abastecimento", bem como aos evacuados voltarem para suas casas, segundo as autoridades.Além disso, "pedimos às pessoas que não viajem para áreas gravemente afetadas por sua própria segurança, mas também para nos assegurarmos de que o combustível que temos seja destinado aos serviços de que as pessoas precisam". As autoridades informaram que quatro pessoas continuavam desaparecidas nesta sexta na região de Pemberton, onde trabalhadores humanitários encontraram o corpo de uma mulher no começo da semana. O exército, mobilizado desde a quarta-feira, está ajudando a desbloquear as rodovias em várias áreas da província, assim como construir um novo dique em Abbotsford, cidade parcialmente inundada e onde são temidas fortes chuvas na próxima semana.Cerca de 60 soldados chegaram a Abbotsford na quinta-feira."Quase todas as bases militares do país estão em alerta e prontas para mobilizar equipes se for necessário", disse à AFP Pamela Hogan, porta-voz do Ministério da Defesa Nacional."Os membros das Forças Armadas Canadenses vão colaborar com os engenheiros civis na construção do dique", acrescentou. Em poucos meses, esta região da costa do Pacífico canadense sofreu reiterados desastres naturais, como um episódio de calor muito intenso no fim de junho, consequência do aquecimento global, segundo os especialistas, e grandes incêndios. Veja Mais

Casa Gucci: Lady Gaga detalha atuação e sugere paralelos de vida

Casa Gucci: Lady Gaga detalha atuação e sugere paralelos de vida

Tecmundo Em entrevista concedida ao The Hollywood Reporter, Lady Gaga revelou sua preparação para interpretar a socialite Patrizia Reggiani em Casa Gucci e deu mais detalhes sobre como foi o trabalho ao lado do visionário diretor Ridley Scott.Vítima de abuso sexual durante sua juventude, Lady Gaga afirmou ter se baseado em suas traumáticas experiências de vida para dar alma a Patrizia Reggiani, tratando de forma complexa e sistêmica as inúmeras particularidades que desabaram totalmente o mundo da ex-esposa de Maurizio Gucci. O trabalho, que exigiu um grande esforço mental da artista, contou com a cooperação de Scott, que acompanhou de perto como a interpretação poderia impactar na atuação da atriz.Leia mais... Veja Mais

Bolsonaro chama de 'xaropada' notícias negativas sobre a Amazônia

em - Internacional O presidente Jair Bolsonaro disse nesta sexta-feira (19) que as notícias que alertam para uma destruição irreversível da Amazônia são uma "xaropada", um dia depois de estimativas oficiais revelarem um desmatamento recorde na floresta em 15 anos."Tem desmatamento ilegal? Tem. É só os outros países não comprar (sic) a nossa madeira. É simples", disse o presidente em sua live semanal."Tem queimada ilegal? Tem. Mas não é nessa proporção toda que dizem por aí. E nós combatemos isso. Agora, alguns falam, 'ah, tem que combater mais'... Você sabe o tamanho da Amazônia?", acrescentou.Bolsonaro não se referiu diretamente aos dados divulgados na quinta-feira pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que estimam um desmatamento de 13.235 km² entre agosto de 2020 e julho de 2021, um aumento de 22% em relação ao período anterior e o pior nível em 15 anos.Mas criticou o que chamou de "mentiras" sobre a destruição da Amazônia, 60% da qual ficam no Brasil."Enquanto a gente rala feito um desgraçado para levar o bom nome do Brasil lá fora, vão péssimos brasileiros para fora do Brasil para criticar o Brasil. Falar mentiras sobre a Amazônia, por exemplo", afirmou o presidente."Olha a matéria de agora: 'Amazônia está perto de ponto irreversível e pode virar deserto'. A mesma xaropada de sempre. Matéria na maioria das vezes patrocinada por brasileiros, que estão trabalhando contra seu país", acrescentou.O aumento do desmatamento no período 2020-2021, o terceiro aumento anual durante o governo Bolsonaro, põe em xeque a promessa do Brasil de reverter esta tendência e eliminar o desmatamento ilegal em 2028, como se comprometeu na última conferência das Nações Unidas sobre o clima, a COP26. O governo é acusado de ter atrasado deliberadamente a divulgação dos dados até depois da COP26 para evitar novas críticas internacionais, que o responsabilizam por promover estas altas fragilizando a fiscalização no bioma e com seu discurso favorável às atividades extrativistas em áreas protegidas.Segundo cientistas, vários locais do planeta estão expostos a momentos decisivos, pontos de inflexão que podem afetar todo o ecossistema do planeta.A floresta amazônica pode sofrer um processo de "savanização", que afetaria de forma irremediável a capacidade do planeta de absorver o CO2. Veja Mais

'Vamos ter que regulamentar as redes sociais', afirma Lula na Europa

O Tempo - Política "Uma coisa é você utilizar os meios de comunicação para educar. Outra coisa é para fazer maldade, contar mentiras, causar mal à sociedade", disse o ex-presidente Veja Mais

Round 6: série está sendo assistida secretamente na Coreia do Norte

Round 6: série está sendo assistida secretamente na Coreia do Norte

Tecmundo Em declarações para a emissora Radio Free Asia, fontes anônimas da Coreia do Norte revelaram que a série sul-coreana Round 6 vem entrando secretamente no país, sendo contrabandeada via dispositivos de transferência de dados para que residentes consigam assisti-la.Segundo um residente da cidade de Pyongsong, ao norte da capital Pyongyang, o mercado ilegal na Coreia do Norte está gravando os episódios de Round 6 em dispositivos de armazenamento e transferência de memória, como unidades USB e cartões SD, que chegam no território através de navios e passam a ser distribuídos ao longo do país. Supostamente o interesse pelo conteúdo ocorreu após o vazamento de comentários sobre possíveis inspirações na vida da elite norte-coreana, que teria servido como base para as críticas sociais "capitalistas" do show da Netflix.Leia mais... Veja Mais

Nicarágua formaliza pedido de saída da OEA, que não reconhece reeleição de Ortega

em - Internacional O governo de Daniel Ortega formalizou nesta sexta-feira (19) o pedido de saída da Nicarágua da Organização dos Estados Americanos (OEA), após o órgão multilateral desconhecer a legitimidade das eleições de 7 de novembro que reelegeram o presidente para um quarto mandato."Escrevo para notificá-los oficialmente de nossa decisão de denunciar a Carta da OEA, de acordo com o artigo 143, que dá início à retirada definitiva e renúncia da Nicarágua desta organização", diz a carta dirigida ao secretário-geral da OEA, Luis Almagro, e assinada pelo ministro das Relações Exteriores da Nicarágua, Denis Moncada.O processo de saída dura dois anos, prazo em que a Nicarágua deverá cumprir as obrigações com a organização regional.No texto, o chanceler afirma que está agindo sob as instruções do presidente Ortega, que classificou a OEA como "instrumento de ingerência e intervenção" e considera que suas ações contra a Nicarágua têm o objetivo de facilitar a hegemonia dos Estados Unidos."Apoiamos a decisão da Nicarágua de sair da OEA, que constitui uma resposta firme e digna às manobras do secretário-geral desta organização, mancomunada com os Estados Unidos, para tentar interferir nas decisões que competem ao povo nicaraguense", pronunciou-se o chanceler cubano, Bruno Rodríguez, no Twitter.Ortega, um ex-guerrilheiro de 76 anos e no poder desde 2007, obteve seu quarto mandato consecutivo com 75,92% dos votos, mas os resultados não foram reconhecidos por Estados Unidos, União Europeia e vários países latino-americanos.Nos meses anteriores ao pleito, dezenas de opositores, incluindo sete candidatos presidenciais, foram detidos sob acusações de conspiração e outros crimes, deixando o caminho livre para Ortega.O processo eleitoral e a repressão à oposição provocaram fortes críticas internacionais. Os Estados Unidos decretaram que Ortega e sua esposa e vice-presidente Rosario Murillo, bem como seus ministros, não podem entrar em território norte-americano.- 'Não foram livres' -O governo Ortega tomou a decisão de deixar a OEA depois que a Assembleia Geral da organização desconheceu, em 12 de novembro, a legitimidade das eleições na Nicarágua, com o apoio de 25 de seus 34 membros, entre eles o Brasil. As eleições "não foram livres, justas, nem transparentes e não tiveram legitimidade democrática", declarou a OEA, que advertiu que tomaria medidas baseadas na Carta Democrática, que incluem a possível suspensão da Nicarágua do órgão.O governo nicaraguense, por sua vez, afirmou que atuou com base em um apelo feito pelo Congresso na segunda-feira e mais tarde apoiado por outros poderes do Estado, todos sob o controle da Frente Sandinista de Libertação Nacional (FSLN). "Estamos felizes e orgulhosos porque hoje demos uma nova demonstração de nossa condição de povo soberano" ao renunciar a "essa inaceitável e espúria organização que não nos representa em nada", afirmou a vice-presidente Murillo aos meios de imprensa oficiais.A Venezuela iniciou um processo similar em 2017, depois que a OEA ameaçou o país com uma suspensão por ruptura da ordem constitucional.Com sua decisão, o governo de Ortega diz buscar "que cessem os efeitos internacionais nocivos contra a Nicarágua".- Sérias consequências -Analistas têm advertido que a saída da Nicarágua do sistema interamericano poderia vetar o acesso do país a empréstimos de organizações multilaterais, que são necessários para financiar seu orçamento de projetos. Além disso, as sanções ameaçam afetar as trocas comerciais.No ano passado, a "Nicarágua colocou no mercado americano 67,4% do valor total de suas exportações", segundo o economista Néstor Avendaño, da firma Consultores para o Desenvolvimento Empresarial (Copades).Manágua mantém relações tensas com Washington como resultado das condenações e sanções contra mais de 30 funcionários nicaraguenses, por corrupção e violação dos direitos humanos, durante a repressão aos protestos contra o governo Ortega em 2018.De acordo com um relatório recente da Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), as manifestações deixaram 355 mortos, 1.614 detidos, dos quais mais de 150 permanecem presos e mais de 103.000 exilados.As pressões aumentaram depois que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, promulgou em 10 de novembro uma lei que permite a imposição de novas sanções contra o governo de Ortega, cuja administração Washington considera uma "ditadura".Ortega, por sua vez, classifica as sanções como instrumentos de "agressão" e hostilidade contra a Nicarágua e minimiza seus efeitos internos. Veja Mais

Incêndios florestais na Califórnia mataram milhares de sequoias gigantes

em - Internacional Os incêndios florestais que devastaram os bosques da Califórnia este ano mataram milhares de sequoias gigantes, informaram autoridades nesta sexta-feira (19) na primeira estimativa em larga escala da mortalidade desta espécie rara.Dois enormes incêndios provocados por raios queimaram até 3.600 exemplares desta árvore, cada uma com mais de 120 centímetros de diâmetro, deixando-as mortas ou em vias de morrer nos próximos cinco anos.A cifra representa 5% da reserva total destas árvores no planeta - a maior espécie do mundo. Em 2020, o fogo matou 14% de exemplares da espécie."A triste realidade é que vimos outra grande perda dentro de uma população finita destas árvores icônicas", lamentou o superintendente dos Parques Nacionais de Sequoias e Kings Canyon, Clay Jordan. A Califórnia e outras partes do oeste dos Estados Unidos foram devastadas por incêndios florestais enormes e de rápida extensão este ano, impulsionados por anos de seca e um clima mais quente e seco.Os cientistas dizem que a atividade humana, incluindo a queima descontrolada de combustíveis fósseis, contribui de forma crucial para o aquecimento global.Imagens da General Sherman, a maior árvore do mundo, envolta em papel alumínio pelos bombeiros para protegê-la das chamas, deram a volta ao mundo.A árvore, de 83 metros, escapou ilesa.As "gigantes" estão bem adaptadas aos incêndios, com uma grossa cortiça que as protege do calor. Ao longo de sua vida, medida em milhares de anos, no geral suportam muitas chamas e o calor ajuda a que suas pinhas se abram para dispersar as sementes.Mas os incêndios mais prolongados, quentes e agressivos podem lhes causar danos, às vezes de forma irreparável. Dois grandes incêndios este ano devastaram 27 arvoredos, que só são encontrados nas montanhas de Serra Nevada. Funcionários florestais dizem que a intensidade de alguns destes incêndios foi preocupante."As sequoias geralmente se regeneram muito depois dos incêndios florestais, embora informes de regeneração inadequada em áreas de alta severidade estejam gerando preocupação", alertaram os Parques Nacionais Sequóia e Kings Canyon em um relatório."As falhas de regeneração podem ocorrer se as pinhas as sementes forem carbonizadas (...), as sementes não sobreviverem ao fogo ou as sementes (forem) arrastadas devido à erosão da superfície". No entanto, o relatório destaca que a temporada de incêndios deste ano não foi de todo ruim, pois as "queimadas prescritas" anteriores tiveram o efeito desejado de reduzir a quantidade de combustível disponível para as chamas sem controle.Alguns especialistas florestais afirmam que décadas de tolerância zero aos incêndios deixaram os bosques da Califórnia repletos de combustível em potencial, que se tornou um enorme barril de pólvora durante a seca histórica.Eles dizem que permitir que alguns incêndios queimem este excesso de vegetação ou atear fogo deliberadamente de forma controlada ajuda a reduzir a intensidade e o poder de destruição dos incêndios. Veja Mais

Câmara celebra Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino - 19/11/2021

Câmara celebra Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino - 19/11/2021

Câmana dos Deputados A Câmara dos Deputados realizou uma sessão solene em homenagem ao Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino, celebrado em 19 de Novembro. Segundo a representante do Banco Mundial, quase metade das pequenas e médias empresas do país são geridas por mulheres. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

A Voz do Brasil - Plenário pode votar benefícios fiscais para empresas de tecnologia - 19/11/21

A Voz do Brasil - Plenário pode votar benefícios fiscais para empresas de tecnologia - 19/11/21

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Plenário pode votar benefícios fiscais para empresas de tecnologia da informação; ✔️Presidente da Câmara não vê espaço para reajuste de servidores públicos; ✔️Debatedores dizem que violência contra a mulher é agravada pelo racismo estrutural; Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeputados/ https://www.tiktok.com/@camaradosdeputados? https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #AVozdoBrasil #RádioCâmara Veja Mais

Bolsonaro sobre queimadas na Amazônia: 'Como vai tomar conta disso tudo?'

O Tempo - Política Presidente admite em live semanal que há desmatamento ilegal e queimadas na floresta Amazônica, mas que são problemas pontuais e região é muito grande Veja Mais

Biden está 'saudável' e 'apto' a desempenhar funções presidenciais, diz seu médico

em - Internacional O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, é um "homem saudável e vigoroso", que está "apto" a exercer o cargo, disse nesta sexta-feira (19) o médico da Casa Branca, após submetê-lo a um exaustivo check-up de rotina."O presidente continua sendo um homem saudável e vigoroso de 78 anos de idade, que está apto a desempenhar com sucesso as funções da Presidência, inclusive as de Chefe do Executivo, Chefe de Estado e Comandante em Chefe", escreveu Kevin O'Connor, o médico da Casa Branca. Veja Mais

Funcionária processa Tesla por assédio sexual 'desenfreado' em fábrica na Califórnia

em - Internacional Uma funcionária de uma fábrica da Tesla na Califórnia entrou com um processo contra a fabricante de carros elétricos, alegando que as mulheres são submetidas a assédio sexual desenfreado nas instalações e que os gerentes não agiram apesar de suas reclamações.A fábrica de Fremont, na área da Baía de São Francisco, tem sido alvo de várias controvérsias recentemente, incluindo uma sentença milionária por racismo e uma disputa legal sobre as restrições da covid-19.Na nova ação apresentada na quinta-feira, Jéssica Barraza afirma ter sido vítima de linguagem e comportamento sexistas, incluindo frequentes apalpadelas na fábrica. A demandante garante que os supervisores e gerentes estavam cientes desses fatos, inclusive que alguns deles são responsáveis pelos atos."Embora a Tesla afirme publicamente que promove um ambiente seguro e respeitoso para seus trabalhadores, a verdade é que por anos a Tesla sujeitou as mulheres que trabalham em sua fábrica em Fremont a condições de pesadelo de assédio sexual desenfreado", acusa o processo.A Tesla não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.Barraza alega que um de seus colegas, por exemplo, se aproximou dela por trás e colocou a perna entre suas coxas."Quase todos os dias, durante três anos, minhas colegas de trabalho e eu fomos objetificadas, ameaçadas, e tocadas na fábrica", afirmou em nota divulgada por seu advogado.Barraza, 38, disse que reclamou várias vezes para supervisores e para um representante de recursos humanos, mas que, apesar dos alertas, a empresa não tomou nenhuma medida.Em vez disso, ela acredita que sofreu retaliação após várias reclamações, como ser designada para um novo cargo ou ser alvo de uma ação disciplinar após um episódio em que um homem enfiou a perna entre as dela.Atualmente, com deficiência médica e diagnóstico de transtorno pós-traumático, ele busca indenizações e punições, além de obrigar Tesla a implementar programas de treinamento, acompanhamento e sanções para prevenir qualquer assédio sexual.Este novo processo ocorre semanas depois que um júri da Califórnia condenou a Tesla a pagar a um ex-funcionário negro US$ 137 milhões em danos pelo racismo que enfrentou na fábrica de Fremont.No ano passado, o CEO da Tesla, Elon Musk, teve uma disputa com as autoridades sobre a reabertura da fábrica em meio à restrição do coronavírus, e ameaçou transferir sua sede para fora do estado.Musk posteriormente anunciou a investidores em outubro que a principal fabricante de veículos elétricos está mudando sua sede para o Texas, onde está construindo uma fábrica.TESLA MOTORS Veja Mais

Ilha de Páscoa reabrirá ao turismo em fevereiro, após 2 anos fechada por pandemia

em - Internacional A Ilha de Páscoa, situada 3.700 km a oeste da costa do Chile, no Oceano Pacífico, reabrirá ao turismo em fevereiro, depois de dois anos sem receber visitantes por causa da pandemia de coronavírus, anunciaram nesta sexta-feira (19) as autoridades locais.Este território insular chileno tem sua economia baseada nas receitas do turismo, pois atrai gente de todo o mundo em busca de sua beleza singular e dos icônicos moais, as gigantescas estátuas de pedra esculpidas em forma humana espalhadas pela ilha.Os voos de Santiago para a ilha, operados pela companhia aérea Latam - a única rota comercial existente -, serão retomados em fevereiro. Os mesmos estavam suspensos desde 16 março de 2020.Para entrar na ilha, os visitantes terão que apresentar um comprovante de vacinação e um teste PCR feito até 48 horas antes do embarque.O Chile soma mais de 1,7 milhão de casos e 38.000 mortes por covid-19, mas conta atualmente com 90,69% da população maior de 6 anos vacinada com ao menos duas doses das vacinas contra o vírus.A ilha, por sua vez, registrou apenas oito casos de covid-19 e não tem nenhum doente desde setembro de 2020. Tampouco houve hospitalizados ou falecidos em toda a pandemia, segundo as autoridades locais.Apesar disso, o povo originário rapanui realizou uma consulta, em 25 de outubro, para saber se a população queria a reabertura da ilha ao turismo, na qual 67% votaram contra. O resultado, no entanto, não era vinculante.A Ilha de Páscoa conta com 73,1% de seus 10.000 habitantes vacinados contra o coronavírus. O centro médico de Hanga Roa não dispõe de unidades de terapia intensiva, mas conta com respiradores. Um voo de emergência até o continente leva cerca de cinco horas e meia. Veja Mais

Vingadores: elenco ainda tem grupo de mensagens, releva Jemery Renner

Vingadores: elenco ainda tem grupo de mensagens, releva Jemery Renner

Tecmundo O ator Jeremy Renner, que interpreta Clint Barton, o herói Gavião Arqueiro no MCU, relevou que os atores do elenco principal de Vingadores ainda continuam bons amigos e mantém conversas frequentes através de um grupo de mensagens online.A relevação foi feita em uma entrevista concedida pelo ator ao podcast do ComicBook.com dedicado ao Universo Cinematográfico da Marvel, Phase Zero.Leia mais... Veja Mais

Scalebound: Hideki Kamiya pede desculpas pelo cancelamento do jogo

Scalebound: Hideki Kamiya pede desculpas pelo cancelamento do jogo

Tecmundo Hideki Kamiya, diretor da PlatinumGames, pediu desculpas aos jogadores e à Microsoft pelo cancelamento de Scalebound. O título seria exclusivo do Xbox e era bastante aguardado pelos fãs da marca.A declaração de Kamiya pode ser vista em um vídeo no canal Cutscenes, no YouTube. "Scalebound foi um projeto no qual nos juntamos à Microsoft", explicou o diretor, afirmando que a empresa esperava um bom resultado com a parceria. Ele prosseguiu dizendo que a colaboração significava lançar um jogo na plataforma mais recente da Microsoft, que na época era o Xbox One. Ele afirmou querer fazer um projeto de ponta e fotorrealista. Leia mais... Veja Mais

FÓRUM #SOUDOESPORTE BANDSPORTS - LIGAS ESPORTIVAS | 19/11 - AO VIVO

FÓRUM #SOUDOESPORTE BANDSPORTS - LIGAS ESPORTIVAS | 19/11 - AO VIVO

Band Sports Em formato de fórum e com seis edições, o segundo programa falará sobre 'Ligas Esportivas' com Sérgio Domenici (CEO da Liga Nacional de Basquete), Luiz Henrique Taveira (Vice-presidente da LNF), Ivan Martinho (Gerente Geral da WSL) e Ricardo Fort (Fundador da Sport by Fort Consulting). Acompanhe ao vivo! Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos sigam também nas redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/​​ Twitter: https://twitter.com/bandsports​​​​​​​​​ Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV/ Veja Mais

F1 2021 MUNDIAL - PROFESSIONAL | ETAPA 19 - GP DO BRASIL | AO VIVO

F1 2021 MUNDIAL - PROFESSIONAL | ETAPA 19 - GP DO BRASIL | AO VIVO

Band Sports Assista ao vivo a F1 2021 Mundial - Professisonal E-Sports no Autódromo José Carlos Pace, no Grande Prêmio de São Paulo! Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/​​​​ Twitter: https://twitter.com/bandsports​​​​​​​​​​​ Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV/​​​ Veja Mais

Grammy Latino 2021: Looks da dupla Anavitória são os mais votados em enquete do g1

G1 Pop & Arte Carolina Dieckmann e Anitta completam top 3, segundo leitores. Cerimônia aconteceu na noite de quinta (18), em Las Vegas. Veja FOTOS. Anavitória, Carol Dieckmann e Anitta foram eleitas as mais bem vestidas no Grammy Latino 2021, segundo enquete do g1 Divulgação Os looks coloridos da dupla Anavitória foram escolhidos pelos leitores do g1 como os melhores do Grammy Latino 2021. Carolina Dieckmann e Anitta completam top 3 das mais bem vestidas. As cantoras levaram dois prêmios para casa na noite desta quinta (18): melhor canção em língua portuguesa por "Lisboa" e melhor álbum pop contemporâneo por "Cor". A premiação que aconteceu em Las Vegas, teve homenagem a Marília Mendonça e vitória de Caetano Veloso em gravação do ano. FOTOS: Veja como foi tapete vermelho e premiação ANÁLISE: Caetano e Tom Veloso levam o único prêmio de fato relevante dado ao Brasil Veja o ranking dos looks das convidadas, de acordo com o resultado da enquete: Anavitória (33,5%) Carolina Dieckmann (30,2%) Anitta (13,9%) Giulia Be (7,4%) Christina Aguilera (6,4%) Becky G (3%) Duda Beat (2,3%) Sofia Reyes (1,3%) Bella Thorne (1%) Gloria Estefan (1%) Carolina Dieckmann produzida para o Grammy Latino 2021 Reprodução/Instagram/Carolina Dieckmann Anitta no Grammy Latino 2021 Bridget Bennett/ AFP Giulia Be no Grammy 2021 Bridget Bennett AFP Christina Aguilera no Grammy Latino 2021 Bridget Bennett/AFP Duda Beat no Grammy Latino Divulgação Sofia Reyes, atriz e cantora mexicana, no Grammy Latino 2021 Bridget Bennett/AFP Bella Thorne no Grammy Latino 2021 Arturo Holmes/Getty Images via AFP Veja Mais

Justiça dos EUA absolve jovem branco que matou dois manifestantes antirracistas

em - Internacional Kyle Rittenhouse, o jovem branco de 17 anos que atirou e matou dois manifestantes antirracismo no ano passado em Kenosha, Estado do Wisconsin, foi absolvido nesta sexta-feira por doze jurados.Armado com um fuzil AR-15 munido com 30 balas, Rittenhouse matou dois homens e feriu um terceiro que participavam de atos contra a violência policial e o racismo nos Estados Unidos. Contra uma das vítimas, ele disparou quatro vezes. Hoje, Rittenhouse foi absolvido de todas as acusações imputadas a ele pela promotoria, que incluíam homicídio qualificado.Em vídeos divulgados na época, o jovem aparece carregando ostensivamente o fuzil entre manifestantes que correm atrás dele. No tribunal, ele argumentou que atirou por autodefesa, porque estava sendo perseguido. "Eu fiz o que tinha que fazer para parar a pessoa que estava me atacando", disse Rittenhouse durante seu julgamento. Promotores do caso alegaram que as vítimas tentavam impedir o jovem de disparar contra os manifestantes.Os EUA viveram um verão de agitação social em 2020 e recorrentes manifestações antirracismo, que eclodiram após o assassinato de George Floyd em maio. Em 23 de agosto, quando Jacob Blake, um homem negro de 29 anos, foi baleado, de costas, por um policial branco com sete tiros à queima-roupa, foi a vez da cidade de Kenosha, no Wisconsin, se tornar o epicentro das manifestação que atraíram atenção nacional. A cidade de 100 mil habitantes virou palco de confronto entre policiais e manifestantes, com cenas de tiros e correria nas ruas e prédios queimados, a exemplo do que ocorreu em Mineápolis após o assassinato de Floyd. Em 25 de agosto, Rittenhouse, que vivia em uma cidade vizinha no Estado de Illinois, saiu armado de sua casa para confrontar manifestantes antirracistas.Na ocasião, um grupo contrário à pauta dos protestos se organizou para defender propriedades de depredações. Rittenhouse foi armado para a reação aos manifestantes antirracistas. A arma fora comprada em maio, a pedido dele, por um amigo. Na época, ele foi descrito pela polícia como um adolescente extremamente perturbado e fanático pelo movimento Blue Lives Matter - "vidas azuis", uma referência à cor do uniforme dos policiais.No Telegram, grupos radicais de extrema direita,que defendem o direito a armas, e simpatizam teoria conspiratória QAnon, trataram o veredito como uma vitória. "Uma vitória do direito de todas as pessoas se defenderem. Um precedente foi estabelecido", dizia uma das mensagens. Também circularam mensagens que pedem que "patriotas" estejam prontos para defender as cidades em caso de protestos da Antifa e do movimento Black Lives Matter.Ao chegar à Casa Branca nesta sexta-feira, após realizar exames médicos, Biden defendeu a decisão do júri. "Eu mantenho o que o júri teve a dizer. O sistema de júri funciona", disse o presidente.Kenosha passou dias vigiada por homens da guarda nacional depois do episódio, com toque de recolher que esvaziava as ruas e fechava todo o comércio às 19h. Os então candidatos à presidência, Donald Trump e Joe Biden, visitaram o local em plena campanha. Antes de embarcar ao local, ainda ocupando a Casa Branca, Trump defendeu Rittenhouse e acusou os democratas de permitirem a ação de "anarquistas". Ele teve a maioria dos votos em Kenosha, assim como em 2016, mas perdeu no Estado do Wisconsin. Veja Mais

Comissão debate impactos da dermatite atópica na vida escolar dos estudantes - 19/11/2021

Comissão debate impactos da dermatite atópica na vida escolar dos estudantes - 19/11/2021

Câmana dos Deputados A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados realizou audiência pública para debater os impactos da dermatite atópica, também chamada de eczema, na vida escolar dos estudantes. A doença de pele é a mais prevalente nos jovens e está vinculada à evasão escolar e à depressão. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Cuba realiza exercícios militares diante de 'guerra não convencional' dos EUA

em - Internacional Cuba desenvolve nesta sexta-feira (19) a segunda jornada de seus tradicionais exercícios militares "estratégicos", dedicados este ano a avaliar a capacidade de resposta à "guerra não convencional" dos Estados Unidos, que Havana aponta como responsável pelos protestos na ilha. Os Exercícios Estratégicos Moncada-2021, que começaram na quinta-feira e terminam no sábado, o Dia Nacional da Defesa, têm "como objetivo fundamental estudar as ações para prevenir e enfrentar situações de risco, ameaças e agressões à segurança do país, em um cenário de guerra não convencional imposto pelo governo dos Estados Unidos contra Cuba", assinalou a emissora de televisão estatal.Os exercícios incluem práticas para treinar a população, as Forças Armadas Revolucionárias (FAR) e efetivos do Ministério do Interior, segundo a emissora.A repentina declaração oficial de 20 de novembro como Dia Nacional da Defesa obrigou o grupo opositor Archipiélago a antecipar para 15 de novembro a marcha cívica que tinha convocado para essa data em Havana e em outras seis cidades do país, com dois meses de antecipação.A manifestação convocada pelo grupo, que conta com 38.000 membros dentro e fora de Cuba, foi proibida pelo governo e acabou sendo frustrada depois que as forças de segurança mobilizaram um enorme dispositivo policial e detiveram diversos líderes da oposição.Para Havana, essa marcha frustrada, as manifestações de 11 de julho, e o protesto de novembro do ano passado, quando 300 jovens artistas se plantaram em frente ao Ministério da Cultura para exigir liberdade de expressão, formam parte de um plano desenhado e financiado em Washington para promover uma mudança de regime em Cuba.A convocação do Archipiélago para exigir a libertação dos presos políticos surgiu depois das manifestações inéditas de julho, que deixaram um morto, dezenas de feridos e 1.270 detidos, dos quais mais de 600 seguem presos, segundo a ONG Cubalex.Cuba costuma realizar esses exercícios militares todos os anos, mas suspendeu os mesmos no ano passado por causa da pandemia de covid-19."Os Dias da Defesa são utilizados para a preparação de tropas, dos órgãos e organizações estatais, das entidades econômicas e instituições sociais, e das organizações políticas e de massas", diz o site das FAR, que também realiza um "trabalho político-ideológico". Veja Mais

"FLAMENGO É DISPARADO O MAIOR CLUBE DO BRASIL": afirma Pedro Ivo; Sormani discorda e debate esquenta

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Flamengo #F90BR #Futebol Veja Mais

Panorama mundial da obrigatoriedade da vacina contra covid-19

em - Internacional Embora em cada vez mais países um certificado de vacina contra a covid-19 seja exigido de certas categorias, poucos governos no mundo tornaram obrigatória a vacinação para toda a população adulta, como anunciou a Áustria nesta sexta-feira (19), que definiu 1º de fevereiro de 2022 como prazo.Este é um panorama da obrigatoriedade do imunizante anticovid no mundo:- Obrigatório para todos os adultos: uma exceção -Muito poucos países impõem a vacinação a toda a sua população adulta. É o caso de dois Estados autoritários da Ásia Central, Tajiquistão e Turcomenistão, este último um dos raros países que não declarou nenhuma infecção por covid-19.A vacina contra o coronavírus também é obrigatória na Indonésia, mas apenas em teoria, porque na realidade faltam doses. No Vaticano, uma nota de fevereiro de 2021 tornou a imunização compulsória para todos os habitantes e trabalhadores do menor país do mundo.- Obrigatório para algumas categorias -Vários países determinaram que certas categorias profissionais precisam estar vacinadas.Nos Estados Unidos, o presidente Joe Biden anunciou em 9 de setembro a vacinação obrigatória para cerca de 100 milhões de trabalhadores, entre funcionários do governo federal e do setor privado. Porém, a Justiça suspendeu em 6 de novembro o novo protocolo para trabalhadores de empresas com mais de 100 funcionários.Na França, a obrigatoriedade vale para profissionais que atuam em hospitais e lares de idosos, bombeiros, motoristas de ambulância e cuidadores domésticos.Também na Grécia e na Itália, a vacina é exigida para trabalhadores de lares da terceira idade e profissionais da saúde.Na Inglaterra, os funcionários de centros para idosos devem ser totalmente vacinados antes de meados de novembro e os profissionais de saúde pública até abril de 2022.Já na Letônia, as empresas podem impor "licença forçada não remunerada" a trabalhadores não vacinados e, em seguida, despedi-los após três meses. Políticos que não forem imunizados ficarão suspensos de suas funções e salários até que o façam.A Hungria, onde a vacina já é obrigatória para profissionais de saúde, abriu caminho em outubro para impô-la também a funcionários públicos e privados.Em contraste, na Eslovênia, o decreto que obrigava os trabalhadores do setor público a tomar o imunizante foi suspenso pelo Tribunal Constitucional em setembro.Na Guiné Equatorial, devem ser vacinados todos os funcionários públicos, estudantes e qualquer pessoa que realize fisicamente algum procedimento na administração.- Obrigações impostas por empresas -Cada vez mais grandes empresas exigem o certificado de vacinação de todos ou parte dos seus funcionários.Nos Estados Unidos, é o caso das farmácias CVS, da petroleira Chevron, da Disney e do banco Goldman Sachs.Na Austrália, a companhia aérea Qantas ordenou que todo o seu pessoal fosse vacinado.- Não é obrigatório, mas quase -Em alguns países, a vacina não é obrigatória, mas as restrições para quem não está imunizado são muito dissuasivas.Na República Dominicana, a partir de 18 de outubro é necessário estar vacinado para entrar em todos os locais fechados e para usar o transporte público.Também na Arábia Saudita, é obrigatório para a entrada em estabelecimentos públicos e privados e para o transporte.E na Itália, funcionários de escolas e universidades, assim como os alunos, têm que apresentar um teste negativo a cada dois dias caso não se vacinem.CVS HEALTHQANTAS AIRWAYSTHE WALT DISNEY COMPANYCHEVRONGOLDMAN SACHS GROUP Veja Mais

Marília Mendonça registrou quase 100 composições que não foram gravadas

G1 Pop & Arte g1 levantou toda obra da cantora no especial 'Mariliateca'. Ex-parceiro dela explica que é comum autores terem composições na gaveta. Escritório da artista diz que está catalogando material. Marília Mendonça Will Dias/Futura Press via Estadão Conteúdo Marília Mendonça registrou 98 composições que não foram lançadas por ela nem por outros artistas. As obras estão registradas no Escritório Central de Arrecadação e Distribuição (Ecad), mas nunca se transformaram em uma gravação comercial (fonograma). Esta reportagem faz parte do especial "Mariliateca". O g1 pesquisou, catalogou e analisou todo o cancioneiro da artista. Mergulhe nas listas de composições e interpretações, navegue através dos sentimentos das letras, relembre os hits e descubra raridades. Escute também o podcast g1 ouviu sobre a pesquisa e o acervo precioso da "Mariliateca": Saiba mais sobre as composições registradas por Marília Mendonça: Marília Mendonça tem 331 composições registradas no Ecad. Dessas 331, 152 foram gravadas por outros artistas. Elas são da época em que Marília era apenas compositora, entre 2012 e 2016. Depois, Marília se lançou como cantora e gravou 58 músicas que ela mesma escreveu. O g1 analisou cada obra e encontrou 23 registros duplicados ou com nomes diferentes para a mesma composição. As outras obras são as 98 que têm registro de composição, mas não de fonograma. A lista dessas composições está na "Mariliateca", que também mostra todas as 440 músicas já escritas ou gravadas por ela. Autora frenética Quase todas essas composições sem fonogramas são de antes de 2017, quando Marília deu uma pausa na escrita para se dedicar à carreira de cantora. Antes disso, ela tinha um volume impressionante de produção para outros artistas. Marília tinha parceiros nesta criação frenética. O principal deles era Juliano Tchula, coautor de quase todas as músicas desta fase. Os dois escreveram 224 músicas juntos. Quase todos os grandes artistas sertanejos gravaram ao menos uma música deles: Henrique e Juliano, Jorge e Mateus, Gusttavo Lima, Zé Neto e Cristiano, Luan Santana, Cristiano Araújo, Matheus e Kauan, Lucas Lucco, Israel e Rodolffo... A dupla Mendonça-Tchula também emplacou composições no forró, no brega e no pop, como Márcia Fellipe, Wesley Safadão, Joelma, Gabriel Diniz, Aviões do Forró, Solange Almeida e Claudia Leitte. Produção intensa, sobras fartas Com tanta produtividade, é natural que parte fique na gaveta, explica Renno Poeta, autor de hits gravados por Marília como "Todo mundo vai sofrer" e "Esqueça-me se for capaz". "É normal. Claro que a gente, como autor, queria que tudo que produzisse fosse gravado. Mas nem sempre acontece". "Às vezes ela acaba mostrando para outros artistas, vai passando, vai passando, e acaba que cai no esquecimento. A gente compõe, deixa a música na gaveta, esquece dela, até vir um repórter do g1 e descobrir novamente", ele brinca. Juliano Tchula, maior parceiro de composição de Marília Mendonça. Eles escreveram 224 músicas juntos Reprodução/TV Anhanguera Empresa ainda cataloga - e pode ter mais inéditas... Todas as composições de Marília Mendonça são registradas pela Workshow, empresa de Goiânia que cuidava de toda a carreira da artista, inclusive da edição das músicas. A empresa informou ao g1 que está catalogando o material deixado por ela e que há um grande volume, sem informar a quantidade. Ao "Fantástico", o advogado da Workshow disse ter retirado do local do acidente um caderno com anotações de Marília, em que pode haver composições. O caderno foi entregue à mãe da artista e seu conteúdo ainda não foi divulgado por ela. O g1 conferiu os dados do Ecad com o banco de obras da Abramus, associação de compositores à qual Marília Mendonça era filiada. Este banco informa a data de registro das músicas - mas não é possível saber se ela compôs muito antes de fazer o cadastro formal. No site da Abramus há nove músicas registradas por ela em 2021 que não foram gravadas: "Calúnia Difamação E Injúria", "De Um Jeito Antigo", "Deixa Que A Luz Eu Apago", "Esquecido E Enterrado", "Esse Cara Não Presta", "Ta Chegando A Hora", "Porta Dos Fundos", "Isso Você Não Vai Ter" e "Imagina" A Workshow não diz se esse material pode ser lançado de alguma forma ou se houve algum tipo de registro na voz de Marília ou outros músicos. Os fãs vão ter que esperar... Marília Mendonça e Maiara e Marais em foto para o projeto As Patroas Reprodução/Instagram Veja Mais

MUITA RESENHA E BASTIDORES DE FLAMENGO E PALMEIRAS! Junior Baiano no Resenha ESPN

MUITA RESENHA E BASTIDORES DE FLAMENGO E PALMEIRAS! Junior Baiano no Resenha ESPN

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Flamengo #Palmeiras #JuniorBaiano Veja Mais

Ferramentas da startup Ramper agilizam prospecção digital em vendas B2B

canaltech Uma equipe comercial B2B (que vende para empresas) de alto desempenho vai além dos bons vendedores: os processos internos devem ser constantemente monitorados pelo gestor. A redução na taxa de desperdício na conversão do funil de vendas passa pelo aperfeiçoamento dos controles. Saúde mental em dia é vital para a performance dos vendedores B2B Oracle lança sistema de automatização de marketing digital Para gerenciar as atividades, é importante ter ferramentas que permitam conectar e engajar mais leads com menos esforço. Com isso em mente, a plataforma de prospecção digital de vendas Ramper desenvolveu a agenda inteligente, que automatiza o processo de agendamento de reuniões comerciais. O objetivo melhorar a taxa de conversão de vendas e liberar os profissionais do trabalho manual. Ricardo Corrêa, CEO da Ramper, lembra que o agendamento afeta diretamente o avanço da conversa com o possível cliente e, consequentemente, a conversão. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- A solução garante, ainda, melhor experiência para o cliente. “Quando ele procura uma solução e solicita um contato, está dando sinais de que precisa de ajuda. Quanto mais rápido for atendido e puder tirar as dúvidas, melhor será sua experiência de compra”, explica. Ferramentas ajudam a atrair e reter clientes (Imagem: Reprodução/Envato/Olivier_Le_Moal) Com a agenda inteligente, o vendedor pode enviar um link da agenda para o cliente para que ele mesmo agende a reunião com base nos horários disponíveis. Depois disso, é criado um convite na agenda online do vendedor e um e-mail de confirmação da reunião é enviado para o cliente. Corrêa destaca que essa é a única agenda inteligente pensada especialmente para os profissionais de vendas. “O agendamento totalmente automatizado faz toda a diferença no processo comercial, pois torna a escolha do horário da reunião mais simples, fácil e confortável para o cliente. Em poucos minutos uma reunião pode ser confirmada.” Janela de conversação A startup aperfeiçoou, ainda, a funcionalidade de janela de conversação. Agora, ela permite que o vendedor adicione um link de chat a qualquer momento e em qualquer lugar durante a prospecção. Assim, o vendedor consegue tirar dúvidas rápidas com o cliente sem precisar fazer ligações ou enviar e-mails. Essas ferramentas aumentam os pontos de contato com os possíveis clientes: elas dão mais agilidade à prospecção. “Essas novas soluções apoiam as empresas na digitalização do setor de vendas e dão mais inteligência e praticidade ao processo de prospecção”, destaca Corrêa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Como compartilhar trechos de textos selecionados no Chrome

canaltech O Google Chrome para desktop inclui um recurso interessante para compartilhar trechos importantes de uma página. Com essa função, é possível criar um link compartilhável que carrega a página e direciona para esse parágrafo destacado, no lugar de exibir o cabeçalho do site. Como gerar um link para texto destacado no Google Chrome Para usar esse recurso, é necessário que o seu navegador esteja atualizado a partir da versão 90. Isso pode ser conferido na aba "Sobre o Google Chrome", nas configurações do software. O procedimento para criar o link é simples e pode ser feito rapidamente. Saiba como! Selecione um trecho de texto Abra qualquer página no Google Chrome para desktop e, em seguida, clique e selecione o fragmento de texto que deseja compartilhar. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Selecione um trecho para destaque (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Clique com o botão direito e selecione "Copiar link para o conteúdo destacado" Após clicar com o botão direito, selecione a opção para gerar um link diretamente ao trecho destacado. O endereço será copiado para a sua área de transferência. Copie um link que redireciona ao trecho (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Abra o link e visualize o trecho em destaque Ao acessar a página pelo link compartilhável, o trecho estará destacado na cor roxa. Acesse o link com o conteúdo em destaque (Imagem: André Magalhães/Captura de tela) Pronto! Com essa função, você pode compartilhar trechos de forma rápida e direta. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

CDC aprova dose de reforço de vacina contra covid para todos os adultos nos EUA

em - Internacional Vacinas de reforço da Pfizer e da Moderna estarão disponíveis para todos os adultos americanos depois que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês) endossaram as doses extras pelo menos seis meses após a segunda injeção. A aprovação nesta sexta-feira, 19, pela diretora do CDC, Rochelle Walensky, levará a uma ampliação significativa da campanha de reforço que as autoridades de saúde esperam que remova a confusão e ofereça às pessoas mais proteção antes dos feriados e viagens, já que novos casos diários de covid-19 estão começando a aumentar novamente."Doses de reforço demonstraram a capacidade de aumentar com segurança a proteção das pessoas contra infecções e desfechos graves, e são uma importante ferramenta de saúde pública para fortalecer nossas defesas contra o vírus à medida que entramos nas férias de inverno", disse Walensky. Sua decisão veio depois que a Food and Drug Administration (FDA, agência reguladora do país) autorizou as doses extras para todos os adultos no início do dia, e os especialistas em saúde que aconselharam o CDC votaram 11-0 para recomendá-las.O painel consultivo disse que as vacinas deveriam estar disponíveis para todos os adultos e votou por unanimidade que todas as pessoas com mais de 50 anos deveriam tomá-las. As injeções devem estar prontamente disponíveis, de acordo com as autoridades de saúde federais e estaduais. Os EUA compraram um total de 600 milhões de doses Pfizer-BioNTech e 500 milhões de doses Moderna. Os adultos que receberam a vacina Johnson & Johnson já são elegíveis para os reforços Pfizer-BioNTech e Moderna.As últimas mudanças farão essencialmente com que uma dose adicional seja uma parte padrão das vacinações, embora algumas pessoas nos EUA tenham encontrado maneiras de receber reforços, mesmo que não fossem elegíveis e alguns estados ampliaram a elegibilidade. Um fator que ajuda no impulso é que disponibilizar reforços para todos os adultos esclarecerá a confusão sobre quem deve receber as doses. Veja Mais

Em estado grave, ex-presidente Saakachvili suspende greve de fome na Geórgia

em - Internacional O líder da oposição detido e ex-presidente da Geórgia, Mikhail Saakashvili, suspendeu uma greve de fome de 50 dias neste sábado (20, noite de sexta-feira 19 em Brasília) depois de ser transferido para um hospital militar em estado grave."O ex-presidente Saakashvili encerrou formalmente sua greve de fome depois que foi transferido para o hospital militar de Gori", 90 km a oeste da capital Tbilisi, informou o médico Nikoloz Kipshidze à AFP."Ele ainda está em estado de risco de vida e foi colocado em terapia intensiva", acrescentou o médico, que lembrou que o ex-presidente será alimentado novamente neste sábado.Milhares de seus apoiadores saíram às ruas da capital georgiana na noite desta sexta-feira para exigir garantias de tratamento médico adequado para o ex-presidente deste país do Cáucaso.Na véspera, Saakashvili, 53, desmaiou durante uma reunião com advogados, o que incentivou sua defesa a pedir às autoridades que permitissem sua transferência para um hospital civil, um pedido que foi rejeitado.O hospital militar de Gori "é um lugar onde o Estado pode garantir sua saúde e segurança", afirmou o ministro da Justiça, Rati Bregadzé, pela manhã, quando o governo considerou transferi-lo para esta instalação.A decisão foi tomada depois que o Dr. Guiorgui Grigolia, que examinou Saakashvili, disse à AFP que "sua vida está ameaçada" e que "deve ser transferido sem demora para uma clínica civil", devido a problemas cardíacos e neurológicos.Esses males "podem se tornar irreversíveis, e até fatais, sem cuidados adaptados, impossíveis de serem prestados no estabelecimento médico onde está localizado", avaliou.- Exílio e prisão -O ex-presidente (2004-2013) parou de se alimentar em 1º de outubro para protestar contra sua prisão. Pró-Ocidente, Saakashvili é atualmente o líder da oposição e foi preso ao retornar ao país após oito anos no exílio, pouco antes das eleições municipais.Liderada pelo Movimento Nacional Unido de Saakashvili, a oposição georgiana organizou várias manifestações em massa, pedindo a libertação do ex-presidente e denunciando os resultados das eleições. Em 8 de novembro, Saakashvili foi transferido para um hospital penitenciário. Mas, no início desta semana, os médicos estimaram que seu estado era crítico e pediram que ele fosse transferido para a unidade de terapia intensiva de uma instituição com melhores equipamentos.Em 11 de novembro, o ex-presidente disse que encerraria sua greve de fome se fosse transferido para uma "clínica de alta tecnologia".O ex-presidente é uma figura carismática, tão adorada quanto criticada. Por um lado, ele é conhecido por ter lutado com eficácia contra a corrupção. Por outro, é criticado pela desastrosa guerra de 2008 contra a Rússia.Sua prisão agravou ainda mais a crise política do país. Veja Mais

Após eleição sem opositores, Nicarágua envia pedido de saída da OEA

em - Internacional O presidente da Nicarágua, Daniel Ortega, formalizou nesta sexta-feira, 19, o pedido de saída do país da Organização dos Estados Americanos (OEA), após o órgão não reconhecer a legitimidade das eleições de 7 de novembro. Depois de colocar quase todos os opositores na cadeia, Ortega foi reeleito para um quarto mandato com mais de 75% dos votos. Ele está no poder desde 2007.A medida foi anunciada ontem pelo chanceler, Denis Moncada, que acusou a OEA de intervencionismo e de ser controlada pelos EUA. "Estamos renunciando e nos desassociando da OEA", afirmou o ministro, em entrevista coletiva. "A OEA tem o objetivo de facilitar a hegemonia dos EUA com seu intervencionismo nos países da América Latina."Na semana passada, os países da OEA aprovaram uma resolução na qual defendem a realização de uma "avaliação coletiva imediata" da situação na Nicarágua, depois da reeleição de Ortega. Em resposta, o Parlamento nicaraguense, dominado pelos governistas, aprovou uma resolução pedindo ao presidente que denunciasse a Carta Democrática da OEA e retirasse o país da organização."Escrevo para notificá-los oficialmente de nossa decisão de denunciar a carta da OEA, de acordo com o Artigo 143, que dá início à retirada definitiva e à renúncia da Nicarágua desta organização", diz a carta assinada por Moncada e dirigida ao secretário-geral da OEA, Luis Almagro.O processo de retirada leva cerca de dois anos. Em abril de 2017, a Venezuela, aliada da Nicarágua, também solicitou formalmente a saída da OEA em resposta ao que o governo de Nicolás Maduro considerou uma "interferência" do órgão em seus assuntos internos.Eleição de fachadaEm sua busca do quarto mandato consecutivo, Ortega deteve todos os adversários que pudessem representar uma ameaça, fechou partidos de oposição e proibiu grandes eventos de campanha. A comissão que monitora as eleições foi confiada a seus partidários e não houve debate entre os candidatos restantes, todos membros de partidos pouco conhecidos.Os ataques às instituições democráticas renderam à Nicarágua sanções dos EUA. Em junho, o governo americano puniu quatro figuras ligadas a Ortega: o presidente do Banco Central, Leonardo Ramírez; o general do Exército Julio Balladares; o deputado Edwin Rivera; e Camila Murillo, filha de Ortega. Todos tiveram contas e bens congelados nos EUA e foram proibidos de fazer transações em dólar, o que impede acesso ao sistema financeiro internacional.A economia da Nicarágua está em queda livre. Segundo dados do FMI, o PIB caiu 3,4%, em 2018, 3,7%, em 2019, e 2%, em 2020. Entre os países da América Latina, a renda per capita, de US$ 2 mil, só é maior que a do Haiti. Apenas 5% da população foi vacinada contra covid - o pior índice da região. O resultado mais visível da crise econômica é que mais de 200 mil nicaraguenses deixaram o país desde o início da repressão, em 2018. Muitos foram para os EUA e para a vizinha Costa Rica, com um grande número de famílias que ficaram dependendo das remessas de dinheiro.Ortega assumiu o poder pela primeira vez após a revolução sandinista, que derrubou o ditador Anastasio Somoza, em 1979. Ele governou até 1990, quando perdeu as eleições para Violeta Chamorro. Depois de fracassar nas eleições de 1996 e 2001, ele volta ao poder em 2007 para nunca mais sair. (Com agências internacionais) Veja Mais

Após polêmica de plágio, Streamlabs vai tirar 'OBS' de seu nome

Após polêmica de plágio, Streamlabs vai tirar 'OBS' de seu nome

Tecmundo A fornecedora de software e ferramentas para transmissões ao vivo Streamlabs foi acusada nesta terça (16) de ter copiado material promocional da companhia Lightstream para seu novo produto de lives do Xbox.  Durante a polêmica no Twitter, o perfil do software OBS "entrou na briga", alegando que o uso do termo Open Broadcaster Software, software aberto para transmissões em tradução livre, pela acusada não foi autorizado. Com isso, a companhia que pertence à Logitech disse que vai retirar o termo "OBS" de seu nome."Perto do lançamento, o Streamlabs entrou em contato conosco para usar a palavra OBS. Negamos gentilmente, mas eles o fizeram mesmo assim e registraram a marca. Tentamos resolver isso em  conversas particulares, mas nunca foram cooperativos", informou o perfil, no dia 17 de novembro.Leia mais... Veja Mais

Petrobras oferece R$ 558,2 milhões por área em Porto de Santos que previa lance mínimo de R$ 1

G1 Economia Empresa foi a única proponente no leilão realizado nesta sexta-feira (19). Investimento previsto é de R$ 678 milhões. Fachada da sede da Petrobras no Rio de Janeiro Agência Petrobras / Stéferson Faria A Petrobras resolveu nesta sexta-feira (19) problemas logísticos que tinha na movimentação de combustíveis no Porto de Santos com a vitória no leilão de uma área no terminal pela qual ofereceu outorga de R$ 558,25 milhões, em um contrato de 25 anos. A empresa foi a única proponente no leilão da área STS08A no Porto de Santos, que tinha o valor de R$ 1 definido em edital como preço mínimo. O investimento previsto é de R$ 678 milhões, com a construção de dois novos berços de atracação. Representantes do governo presentes no leilão afirmaram que o certame realizado nesta sexta-feira foi o maior já realizado no setor portuário do país nos últimos 20 anos. Limitada capacidade de movimentação de granéis líquidos é um dos principais gargalos do Porto de Santos. A área vizinha à STS08A, STS08, não teve interessados e o Ministério de Infraestrutura afirmou que ela será reavaliada para ser colocada em leilão futuramente. Segundo a gerente executiva de desenvolvimento de negócios de logística da Petrobras Andrea Damiani, presente no leilão, até agora a empresa vinha tendo que trabalhar na área por meio de renovação de contratos a cada seis meses. "Isso encerra um capítulo muito complexo...São quatro refinarias conectadas a este terminal em Santos e este leilão era muito esperado. Temos agora 25 anos de estabilidade jurídica", afirmou a executiva após o leilão. Questionada sobre o valor da oferta da Petrobras ante o valor mínimo definido no edital, Damiani negou que o preço ofertado, que poderá ser pago ao longo de cinco anos, tenha sido excessivo. "Pagamos um valor adequado para a garantia da operação da Petrobras, é um valor sustentável", afirmou a executiva durante entrevista à imprensa. Ela explicou que a operação de quatro refinarias da empresa no Estado de São Paulo dependem do terminal para escoamento de derivados, daí a importância atribuída pela companhia para a àrea leiloada. "A Petrobras veio preparada para uma competição. Não tínhamos como saber antes quantas ofertas e os valores nos envelopes", disse Damiani. Presente no leilão, o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, afirmou que desde 2019 o país soma "quase R$ 14 bilhões em investimento contratado em terminais portuários" e reiterou que o governo trabalha com a perspectiva do leilão da Companhia Docas do Espírito Santo (Codesa) no primeiro trimestre de 2022. O ministro disse ainda que, durante a ida da comitiva brasileira aos Emirados Árabes, a privatização do Porto de Santos foi o tema mais discutido pela pasta junto a potenciais interessados. Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

Líder opositora Keiko Fujimori apoia moção para destituir presidente do Peru

em - Internacional A líder da oposição peruana Keiko Fujimori anunciou nesta sexta-feira (19) que seu partido, a segunda bancada no Congresso, apoiará um pedido de impeachment do presidente de esquerda Pedro Castillo, menos de quatro meses depois de sua chegada ao poder."No Força Popular acreditamos que este governo tem demonstrado uma permanente incapacidade para conduzir o país. Por isso, a Bancada FP (Força Popular) decidiu assinar a moção de vacância presidencial", disse Keiko Fujimori por meio de sua conta no Twitter.A decisão de Fujimori, que compromete seus 24 congressistas, dá um impulso vital à solitária proposta da legisladora conservadora Patricia Chirinos, que havia instado seus colegas na quinta-feira a reunir as 26 assinaturas necessárias para apresentar formalmente o pedido.Pouco antes do anúncio, o partido de extrema direita Renovação Popular também divulgou seu apoio com seus nove parlamentares.A possível destituição de Castillo está no ar desde o dia seguinte à sua eleição, quando os partidos de direita questionaram sua vitória com gritos de fraude, apesar do aval dado aos resultados por autoridades eleitorais e observadores internacionais da OEA e da União Europeia.Castillo, um professor rural e sindicalista, venceu Keiko Fujimori por uma estreita margem de 44 mil votos na eleição de junho."Há um setor do Congresso que decidiu empurrar o impeachment", disse o analista Jeffrey Radzinski, citado pelo jornal La República.Castillo, que assumiu a presidência em 28 de julho e cujo mandato termina em julho de 2026, é criticado por sua falta de direção e constantes crises ministeriais. Em menos de 120 dias de gestão, ele já mudou uma dezena de ministros e o partido governista Peru Livre (marxista) - a primeira minoria no Congresso com 37 votos - se dividiu.A desaprovação presidencial chegou a 57%, de acordo com uma pesquisa da Ipsos divulgada em 14 de novembro.A moção de impeachment precisa do apoio de 26 parlamentares para ser apresentada ao plenário do Congresso, mas então são necessários 40% de votos a favor entre os legisladores presentes para levá-la a discussão. Para destituir o presidente do cargo, são exigidos 87 votos de um total de 130.Em novembro de 2020, o presidente Martín Vizcarra foi removido do poder em um processo expresso no Congresso. E em março de 2018, Pedro Pablo Kuczysnki renunciou à Presidência na véspera de uma segunda tentativa de impeachment após sair vitorioso de outra em dezembro de 2017. Veja Mais

Avança no Congresso dos EUA plano de reforma social de Biden, com seção sobre imigração

em - Internacional A Câmara dos Representantes dos Estados Unidos votou nesta sexta-feira (19) a favor do gigantesco projeto de lei de bem-estar social do presidente democrata Joe Biden, que conta com uma seção sobre a imigração que pode favorecer milhões de migrantes sem documentos se o Senado lhe der luz verde, embora sua aprovação se anuncie complicada.A Câmara de Representantes deu sinal verde para o pacote de reformas de educação, saúde, meio ambiente e atenção à infância que podem definir o legado de Biden, que sancionou a primeira parte de um grande plano de infraestrutura há quatro dias.É "mais um passo gigantesco na execução de meu plano econômico para criar empregos, reduzir custos, tornar nosso país mais competitivo e dar aos trabalhadores e à classe média uma oportunidade de lutar", comemorou Biden em nota após a votação.O chefe de Estado submeteu-se nesta sexta-feira a uma colonoscopia de rotina com anestesia e durante o procedimento transferiu os poderes presidenciais à sua vice, Kamala Harris, por uma hora e 25 minutos.A iniciativa social e ambiental de 1,8 trilhão de dólares, apelidada de "Build Back Better" ("Reconstruir Melhor"), provavelmente enfrentará uma prova mais difícil na Câmara Alta, onde alguns membros do Partido Democrata estão preocupados com a espiral inflacionária. A votação no Senado deve ocorrer em dezembro ou janeiro.A nova legislação criaria milhões de postos de trabalho, segundo a Casa Branca, embora os republicanos a considerem um exemplo de gasto democrata descontrolado.O pacote inclui quatro semanas de licença-maternidade, um ponto popular, mas ao qual se opõe o senador pelo estado da Virgínia Ocidental Joe Manchin, que se apresentou como o maior obstáculo na bancada democrata para que a lei chegue ao gabinete de Biden.- Imigração -O "Reconstruir melhor" inclui uma seção sobre imigração que poderia mudar a vida de até sete milhões de imigrantes sem documentos se a Câmara Alta o aprovar mediante o processo de "reconciliação", embora seja pouco provável que passe, pelo menos sem alterações.De qualquer forma, não lhes daria a cidadania. Se for aprovado, sete milhões de imigrantes sem documentos poderiam pedir permissões de trabalho, viajar ao exterior e tirar carteiras de motorista. Estariam protegidos contra a deportação por até dez anos.Elizabetj McDonough, assessora principal encarregada de interpretar o ordenamento jurídico no Senado, já se opôs a incluir uma regularização dos imigrantes no plano "Reconstruir Melhor" e poderia voltar a fazê-lo. Se isto ocorrer, os senadores poderiam emendá-lo ou adotá-lo contrariando sua opinião.Biden é favorável a conceder a cidadania a estes imigrantes, mas o projeto de lei que apresentou em janeiro com medidas neste sentido tropeçou na oposição dos republicanos, que têm a metade dos cem assentos na Câmara Alta.Agora, voltam à carga com menos pretensões, mediante o processo de reconciliação que permite pular as normas que exigem 60 votos para aprovar a maior parte do projeto de lei.- Temores inflacionários -A presidente da Câmara de Representantes, Nancy Pelosi, qualifica o plano "Reconstruir Melhor" de "histórico de transformador". "É maior do que qualquer coisa que fizemos antes", disse ela antes da votação.Pelosi esperava votar e aprovar a medida na quinta-feira, mas o líder da minoria republicana, Kevin McCarthy, atrasou a ação quebrando seu recorde de discurso mais longo na Câmara, com mais de oito horas e meia.McCarthy finalmente cedeu a palavra às 5h11 da manhã desta sexta-feira, após ter começado a falar às 20h38 da véspera.Os republicanos se apegam a uma análise do escritório de orçamento do Congresso, que disse que o "Build Back Better" aumentaria o déficit em 367 bilhões de dólares em 10 anos.Mas a secretária do Tesouro, Janet Yellen, enfatizou na sexta-feira que o plano estava "mais do que totalmente pago" e ajudaria a reduzir o déficit a longo prazo, "pedindo às grandes corporações e pessoas com renda mais alta do país que paguem sua parte justa".Os democratas da Câmara teriam perdido o voto partidário se houvesse mais de três desertores. No final, apenas um democrata - de um distrito competitivo do Maine - juntou-se aos republicanos na rejeição ao projeto. Veja Mais

Fundador de fundo especulativo dos EUA é o comprador da Constituição mais cara do mundo

em - Internacional O multimilionário americano Kenneth Griffin foi quem pagou 43 milhões de dólares por uma das 13 cópias originais restantes da Constituição dos Estados Unidos, assinada pelos pais fundadores do país, informou nesta sexta-feira (19) a casa de leilões Sotheby's. Griffin, de 53 anos, fundador e administrador do fundo especulativo Citadel, que gerencia 39 bilhões de dólares, é o 47º homem mais rico dos Estados Unidos, segundo a revista Forbes, com uma fortuna estimada em 21 bilhões de dólares. Este renomado colecionador de arte escolheu o Museu Crystal Bridges de Arte americana em Bentonville, Arkansas, de acesso gratuito, para expor a valiosa cópia da Carta Magna, uma das duas que ainda estão em mãos privadas. "Quero assegurar que esta cópia da nossa Constituição estará disponível para que todos os americanos e visitantes possam vê-la e apreciá-la em nossos museus e outros espaços públicos", declarou em um comunicado enviado pela Sotheby's. "É uma honra" exibir esta cópia com a coleção de arte que conta a história do país, reagiu a presidente do comitê diretor do museu, Olivia Walton. Os 43,2 milhões de dólares pagos por Griffin por esta cópia, que pertencia à colecionadora americana Dorothy Tapper Goldman, representam um recorde mundial para um documento histórico em leilão, segundo a Sotherby's. Embora estivesse inicialmente avaliada entre 15 e 20 milhões de dólares, o multimilionário teve que coçar o bolso devido à forte concorrência de um grupo de investidores em criptomoedas que tinha arrecadado 40 milhões de dólares em 72 horas para comprar o documento. Os organizadores prometeram devolver o dinheiro a quem contribuiu para a disputa.O célebre texto, com o famoso preâmbulo "Nós, o Povo dos Estados Unidos, (...) proclamamos e instituímos esta Constituição para os Estados Unidos da América", foi assinado em 17 de setembro de 1787 no Independence Hall da Filadélfia pelos pais fundadores do país, incluindo George Washington, Benjamin Franklin e James Madison. Depois, foi ratificado pelos diferentes estados federados entre dezembro de 1787 no caso de Delaware até maio de 1790 em Rhode Island. Selby Kiffer, especialista em manuscritos e livros antigos da Sotheby's, explicou em setembro que esta cópia provavelmente fez parte de uma edição de 500 exemplares impressos na véspera da assinatura. Veja Mais

WhatsApp lança campanha ‘Teste de DNA’ para alertar sobre segurança

WhatsApp lança campanha ‘Teste de DNA’ para alertar sobre segurança

Tecmundo O WhatsApp lançou, nesta sexta-feira (19), a campanha “Teste de DNA” para alertar os usuários contra possíveis golpistas. A ideia é incentivar que as pessoas façam testes para verificar se realmente um indivíduo que está pedindo dinheiro pelo app é um familiar, amigo ou conhecido.Na ação, a empresa sugere que em caso de solicitação de dinheiro os usuários cobrem para que a pessoa realize uma ligação, envie uma mensagem de áudio ou faça uma chamada de vídeo para provar que não é um estelionatário.Leia mais... Veja Mais

Novos confinamentos na Europa derrubam cotações do petróleo

em - Internacional Os preços do petróleo caíram nesta sexta-feira (19) ao seu nível mais baixo em um mês e meio, pressionados por novas restrições sanitárias na Europa contra o coronavírus, que ameaçam a demanda da commodity.O preço do barril de Brent do Mar do Norte para entrega em janeiro recuou 2,89% a 78,89 dólares.Em Nova York, enquanto isso, o barril de WTI para entrega em dezembro caiu 3,68% a 76,10 dólares.Na semana, o Brent caiu 4,26% e o WTI, 5,81%."Uma combinação de fatores explica a pressão sobre os preços: o aumento dos casos de covid e os confinamentos potenciais, os boatos e murmúrios sobre um eventual uso coordenado de parte das reservas estratégicas de cru e o dólar mais forte", resumiu à AFP Matt Smith, encarregado de análise petroleira para o fornecedor de dados de matérias-primas Kpler.A Áustria anunciou um confinamento geral da população com a obrigação de se vacinar e medidas restritivas surgem na Alemanha."Isso faz cair os preços e é bem-vindo para a administração (de Joe) Biden porque deveria repercutir no valor da gasolina", destacou o analista, para quem a queda "é o reflexo de um sentimento de inquietação sem nada concreto"."Talvez não sejam necessárias as reservas" estratégicas se o rumor for suficiente para moderar os preços como quer o governo Biden, concluiu. Veja Mais

Juiz do DF abre ação contra Arthur Virgílio por críticas a Omar Aziz

O Tempo - Política Ex-prefeito de Manaus, Virgílio publicou no Twitter que Aziz tem "uma vida permeada pelo cometimento de crimes" Veja Mais

Petrobras diz que não atenderá novamente toda demanda por combustíveis em dezembro

G1 Economia Segundo a companhia, pedidos de diesel encaminhados pelas distribuidoras para o mês de dezembro foram atípicos e superiores ao mercado esperado para este período. Sede da Petrobras no Rio de Janeiro Sergio Moraes/Reuters A Petrobras não atenderá novamente 100% dos pedidos de distribuidoras por combustíveis em dezembro, em meio à manutenção de um cenário de demanda atípica vista também em novembro, disse a companhia em nota à Reuters após ser consultada. A companhia, que opera atualmente seu parque de refino com fator de utilização de aproximadamente 87%, disse ainda que há atualmente dezenas de empresas cadastradas na reguladora do setor ANP aptas para importação de combustíveis e que possuem condições de atender essa demanda adicional. RELEMBRE: Petrobras não atenderá toda a demanda de combustíveis em novembro Mercado vê risco de desabastecimento de combustíveis e preços ainda mais altos; entenda "Assim como no mês de novembro, os pedidos de diesel encaminhados pelas distribuidoras para o mês de dezembro foram atípicos e superiores ao mercado esperado para este período", disse a empresa. "Após avaliação de disponibilidade, considerando nossa capacidade de produção e oferta, o volume aceito foi inferior aos pedidos recebidos." O cenário ocorre enquanto importadoras e distribuidoras de combustíveis têm apontado defasagem nos preços de diesel e gasolina praticados pela Petrobras no mercado interno em relação ao exterior. Isso torna o valor do combustível da estatal mais baixo que o importado, gerando uma escalada de pedidos. A Petrobras - responsável por quase 100% da capacidade de produção de derivados do petróleo no Brasil - vem sendo pressionada por diversos segmentos no país para segurar os valores internos, e reduziu ao longo do ano a periodicidade de reajustes, em busca de evitar volatilidades. No entanto, o Brasil não é capaz de suprir a demanda crescente do mercado apenas com produção doméstica e, por isso, depende cada vez mais de importações. Nesta semana, o diretor-executivo de Finanças, Compras e RI da Vibra (ex-BR), André Natal, afirmou em teleconferência com analistas que é natural que nesse cenário as companhias busquem conseguir todo o suprimento possível com a Petrobras, completando o restante com importações. Natal disse ainda que a Vibra, que conta já com ampla capilaridade e estrutura logística, não tem tido dificuldade para repassar maiores custos com importações à venda de seus produtos e que dessa forma tem se mostrado inclusive mais competitiva que outros players menores independentes e de bandeira branca. No mês passado, quando a Petrobras disse que não atenderia 100% da demanda, a Associação das Distribuidoras de Combustíveis Brasilcom - que representa mais de 40 distribuidoras regionais - apontou para um risco de desabastecimento, em meio a dificuldades das empresas conseguirem o suprimento. Mas à época, a ANP negou que havia indicação de desabastecimento e informou que estava monitorando. A Petrobras reiterou no e-mail à Reuters nesta sexta-feira que os volumes disponibilizados por ela para cada cliente seguiram a regulação vigente definida pela ANP e foram aplicados ao diesel e à gasolina, e que "o atendimento do mercado segue normal, sem notícias de desabastecimento". Procurada na véspera, a Brasilcom confirmou em nota que distribuidoras tiveram cortes em seus pedidos. "Sabemos que diversas empresas tiveram cortes em seus pedidos, tanto de gasolina como de diesel, mas principalmente, diesel, sendo alguns cortes bastante significativos", disse o diretor de Relações Institucionais da associação, Sérgio Massillon, sem dar mais detalhes sobre o cenário atual. Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

Echo Show 10: novo recurso faz Alexa conversar de forma natural

Echo Show 10: novo recurso faz Alexa conversar de forma natural

Tecmundo Se a Alexa já era parte da família, agora ela poderá participar de todas as conversas na casa, sem que as pessoas precisem “autorizá-la”, dizendo a todo instante a palavra de ativação. Anunciado no evento de outono da Amazon no final de setembro, o recurso passou a ser implantado na quinta-feira (18), através do “modo de conversação” presente nos dispositivos Echo Show 10 de terceira geração, segundo a empresa.  De acordo com a Amazon, o recurso foi construído com base em princípios de Inteligência Artificial (IA) para fazer com que a assistente virtual soe como uma pessoa natural, o que inclui respirar, mudar o tom de voz e até ressaltar a pronúncia de determinadas palavras. Quando estiver no atual modo de conversação, Alexa fará uma pausa se for interrompida por alguém.Leia mais... Veja Mais

Biden reassume funções presidenciais

 Biden reassume funções presidenciais

em - Internacional O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, retomou suas funções nesta sexta-feira (19), após transferi-las para a vice-presidente, Kamala Harris, por uma hora e 25 minutos, enquanto ele se submetia a uma colonoscopia com anestesia, anunciou a Casa Branca.Biden, que passou por uma colonoscopia de "rotina", falou com Harris e seu chefe de gabinete por volta das 11h35 desta manhã (13h35 de Brasília). "Ele estava de bom humor e retomou suas funções naquela hora", tuitou a porta-voz Jen Psaki.O presidente já teve alta e afirmou a jornalistas que seu check-up médico foi "ótimo". "Meu exame transcorreu muito bem", disse ao deixar o hospital Walter Reed, nos arredores de Washington, às 14h05 locais (16h05 de Brasília).A Casa Branca informou que Biden havia transferido suas prerrogativas à vice-presidente às 10h10 (12h10 de Brasília), nas condições previstas na Constituição dos Estados Unidos. Portanto, pela primeira vez, uma mulher ocupou, ainda que de forma temporária - uma hora e 25 minutos - a presidência americana.Nesta sexta-feira, a agenda do presidente, que completará 79 anos no sábado, previa o indulto a dois perus pelo Dia de Ação de Graças. Esperava-se que o dia fosse dominado por uma votação no Congresso sobre seu grande plano de gastos sociais, mas de manhã a Casa Branca emitiu um breve comunicado informando a visita ao centro médico.- "Rotina" -A Casa Branca descreveu a consulta médica como "uma colonoscopia de rotina". O exame, que visa detectar anomalias no cólon, faz parte do primeiro check-up de saúde de Biden desde que ele assumiu o cargo em janeiro.Psaki destacou que uma transferência de poder semelhante ocorreu "quando o presidente George W. Bush passou pela mesma intervenção em 2002 e 2007".Segundo a 25ª emenda à Constituição dos Estados Unidos, quando o presidente não está "apto" para exercer suas funções, deve transferir seus "poderes e deveres" ao vice-presidente, que os exercerá até que o inquilino da Casa Branca diga que está em condições de assumi-los novamente.A ex-porta-voz de Donald Trump, Stephanie Grisham, sugere em um livro que o bilionário republicano também passou por uma colonoscopia durante sua gestão, mas manteve isso em segredo.- Transparência -Biden, que não fuma nem bebe álcool, está vacinado contra a covid-19 e recebeu uma terceira dose de reforço em setembro. Ele é o presidente mais idoso da história americana e tornou público que planeja concorrer à reeleição em 2024, mas há especulações de que poderia renunciar devido à sua idade.Joe Biden prometeu transparência sobre sua saúde. Alguns partidários de Trump não perdem a oportunidade de lançar publicamente dúvidas, de forma menos ou mais direta, sobre sua saúde física e lucidez.Quando se candidatou às primárias de seu partido em 2019, seu médico declarou que ele estava com "boa saúde". Em 1988, teve um sério problema: foi levado às pressas para o hospital após a ruptura de um aneurisma e um padre foi chamado para dar-lhe a extrema unção.Se Biden não se candidatar a um segundo mandato, Kamala Harris, de 57 anos, seria a candidata natural para os democratas, embora até agora a maioria dos observadores tenha um balanço moderado de seu mandato como vice-presidente. Veja Mais

A 'noiva da chuva', um ritual curdo em tempos de seca

em - Internacional Diante da seca que ameaça suas colheitas e seus meios de subsistência, os curdos da Síria trouxeram de volta nesta sexta-feira (19) um ritual centenário para fazer chover.Na cidade de Qamichli, no nordeste do país, residentes curdos, entre eles muitas crianças, marcharam pelas ruas com uma boneca de madeira vestida com tecidos coloridos, a chamada "noiva da chuva", e a encharcaram com água. Outros recitaram orações especiais.Por séculos, a comunidade curda praticou esse ritual durante os períodos de seca no inverno. A cerimônia, abandonada nas últimas décadas, ressurgiu após várias estiagens e o recorde de falta de chuva na região."Abandonamos essa tradição há muito tempo, mas a recuperamos nos últimos dois anos devido à forte seca", explicou Farhan Ahmad, um agricultor de 54 anos.Hajji Suleiman, de 71 anos, lembra de ter realizado o ritual quando era criança, mas disse que as circunstâncias mudaram. "Já estamos em pleno inverno e não choveu nenhuma vez!", destacou. Veja Mais

Restauradas em Mossul duas igrejas destruídas pelo grupo EI

em - Internacional O mosteiro de São Jorge, na cidade iraquiana de Mossul, celebrou nesta sexta-feira (19) a restauração de suas duas igrejas com uma cerimônia marcada pela liturgia do rito caldeu e orações, seis anos depois de os jihadistas terem destruído os templos.Dezenas de pessoas estiveram em uma das duas igrejas, reconstruídas com pedra. Alguns fiéis dirigiram-se até lá de regiões vizinhas do norte do Iraque, comprovou um correspondente da AFP.O clero da Igreja Católica caldeia, vestindo o hábito cerimonial branco e dourado, ricamente decorado, entoou preces em árabe, ao som de címbalos e dos cânticos litúrgicos na língua da comunidade."Temos velhas lembranças neste mosteiro", declarou, emocionado, Maan Bassem Ajjaj, funcionário de 53 anos residente em Erbil, capital do Curdistão iraquiano. "Meu filho e minha filha foram batizados aqui. Toda sexta-feira, as famílias cristãs de Mossul se reuniam aqui".A reforma das duas igrejas foi custeada pelo Departamento de Estado americano e uma ONG cristã, A Obra do Oriente, explicou à AFP o padre Samer Yohanna.Mas ainda restam algumas partes do mosteiro a restaurar. Arrasado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) em 2015, o edifício ficou 70% destruído, segundo o padre Yohanna."Podemos ver algumas paredes que continuam de pé, mas estão deterioradas e é preciso reforçá-las", explicou.No claustro, em uma reprodução mural que representa São Jorge matando o dragão, as faces foram destruídas pelos jihadistas. No cemitério vizinho, há apenas uma lápide de pé, quase de forma milagrosa, entre escombros e montes de pedra.Os jihadistas do grupo EI fizeram de Mossul sua "capital" no Iraque, depois de conquistá-la em 2014. Eles foram expulsos dali em 2017 pelo exército iraquiano e uma coalizão internacional dirigida pelos Estados Unidos.A chegada dos jihadistas forçou milhares de cristãos a deixarem Mossul e a província de Nínive, que antigamente contavam com uma importante população cristã.A comunidade cristã do país era de 1,5 milhão de pessoas antes da guerra, mas agora há apenas cerca de 400.000. Veja Mais

Secretaria da Mulher - A Mulher e a Regulamentação das Eleições de 2022 – 18/11/2021

Secretaria da Mulher - A Mulher e a Regulamentação das Eleições de 2022 – 18/11/2021

Câmana dos Deputados Participe! Faça sua pergunta pelo portal e-Democracia: https://edemocracia.camara.leg.br/audiencias/sala/2489 A Câmara dos Deputados, por meio da Secretaria da Mulher, em parceria com a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher e da Procuradoria Especial da Mulher, participa mais uma vez dos “21 dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher”. Realizada anualmente em cerca de 150 países, com mobilização da sociedade civil e do poder público, a campanha tem como objetivo conscientizar a população a respeito dos diferentes tipos de agressão cometidos contra meninas e mulheres. Fonte: Agência Câmara de Notícias Veja mais: https://www.camara.leg.br/evento-legislativo/64093 Veja Mais

UE apela da anulação de acordos comerciais com o Marrocos criticados pelos saarauís

em - Internacional A União Europeia (UE) apelou nesta sexta-feira (19) da anulação de dois acordos comerciais relativos ao Saara Ocidental, uma decisão da justiça europeia que representou um revés para Marrocos e Bruxelas.O recurso foi decidido durante reunião de ministros do bloco, segundo fontes europeias.Esta anulação em primeira instância das decisões do Conselho Europeu foi anunciada em 29 de setembro pelo tribunal da UE, depois dos independentistas da Frente Polisário apresentarem um recurso.A decisão do tribunal afetou um acordo entre o bloco dos 27 países-membros e o Marrocos que altera as preferências tarifárias concedidas pela UE aos produtos de origem marroquina, bem como um acordo de colaboração de pesca sustentável.Esses acordos, porém, deveriam permanecer em vigor por um período máximo de dois meses "para preservar a ação externa da UE e a segurança jurídica dos seus compromissos internacionais".A situação no Saara Ocidental, uma ex-colônia espanhola considerada um "território autônomo" pela ONU, há décadas opõe o Marrocos e a Frente Polisário, apoiada pela Argélia. Até agora, todas as tentativas de resolver a disputa falharam.A anulação dos acordos foi descrita como uma "vitória" da Frente Polisário e, para a Argélia, uma "vitória triunfante do povo saarauí perante a justiça europeia".Em Rabat, uma fonte diplomática marroquina qualificou a decisão de "incoerente, tendenciosa e motivada ideologicamente". Veja Mais

Biden deixa hospital e diz que seu check-up médico foi 'ótimo'

em - Internacional O presidente americano, Joe Biden, teve alta nesta sexta-feira (19) do hospital onde foi submetido a um check-up médico que, afirmou a jornalistas, foi "ótimo". "Meu exame transcorreu muito bem", disse ao deixar o hospital Walter Reed, nos arredores de Washington, às 14H05 locais (16H05 de Brasília). Veja Mais

Biden deixa hospital e diz que seu exame médico foi "ótimo...

em - Internacional Biden deixa hospital e diz que seu exame médico foi "ótimo" Veja Mais

Doze suspeitos serão julgados em Paris por roubo de joias de Kim Kardashian

em - Internacional Doze pessoas serão julgadas na França por seu suposto envolvimento no roubo de joias e diamantes da estrela de reality shows americana Kim Kardashian em 2016, informaram à AFP nesta sexta-feira(19) fontes próximas ao caso. No maior roubo contra um indivíduo na França em duas décadas, joias no valor de seis milhões de euros (cerca de 37,96 milhões de reais) foram roubadas de Kardashian, que estava hospedada em um hotel de luxo em 2016 durante a Fashion Week em Paris. Entre os suspeitos presos quatro meses depois na capital e no sul do país, está Aomar Ait Khedache, conhecido como "Old Omar", considerado o líder do bando. Os dois magistrados que julgam o caso determinaram que os 12 suspeitos fossem julgados por um júri - que na França só é realizado em crimes mais graves - por acusações como "assalto à mão armada", "sequestro" e "associação criminosa", segundo as fontes. Na noite de 2-3 de outubro de 2016, vários homens, alguns disfarçados de policiais, entraram no hotel onde Kardashian, então com 36 anos, estava hospedada. Dois dos agressores colocaram armas em sua têmpora e um deles, disse Kardashian à polícia, dirigiu-se a ela em inglês com "um forte sotaque francês" e lhe exigiu o anel que usava. Depois disso, eles a amarraram, a amordaçaram e a levaram ao banheiro.Enquanto isso, três homens aguardavam na recepção e outro esperava do lado de fora do prédio, dentro de um carro. Um dos supostos criminosos, Yunice Abbas, que fugiu do local de bicicleta, deixou cair uma cruz com um diamante incrustado que valia 30 mil euros, encontrado por um pedestre poucas horas depois. Os ladrões perderam vários itens durante a fuga, mas a maior parte do roubo nunca foi encontrada e acredita-se que tenha sido vendida na Bélgica. Dez membros do grupo, descritos pela polícia como da "velha guarda", são acusados por sua participação no roubo, enquanto outro suspeito é acusado de ter participado de outro crime com a mesma associação.Outro dos suspeitos será julgado pela suposta violação da lei de porte de armas em um caso relacionado ao roubo de Kim Kardashian. Veja Mais

Chrome vai facilitar exclusão de dados armazenados pelos sites

canaltech O Google disponibilizou a versão beta do Chrome 97 que, entre várias mudanças, traz uma especialmente importante: o navegador do Google vai facilitar para o usuário excluir dados armazenados por sites. Segundo a companhia, o foco é simplificar as configurações de armazenamento dos sites para agilizar a remoção do que os sites podem guardar individualmente sobre você. Fim do suporte do Chrome no Windows 7 é adiado Google revela estratégia para deixar o Chrome ainda mais rápido Hoje, a pessoa precisa ir nas configurações do programa, navegar até "Privacidade e Segurança" e escolher entre dezenas de opções nem sempre muito claras para quem não acompanha tecnologia em "Configurações do site". Com a novidade, os controles devem ser menos pormenorizados e mais genéricos para possibilitar um ajuste facilitado de Cookies e dados dos sites. Assim que era a página de Cookies ANTES da mudança (Imagem: Reprodução/Google) Quem ainda quiser usar o sistema mais complexo deverá acessar as configurações com o modo de desenvolvedores da web em DevTools. Para a companhia, a mudança proporcionará uma experiência mais clara e evitará que um usuário menos atento altere configurações importantes dos sites, que poderia reduzir a segurança ou causar falhas no acesso. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- “Ao fornecer aos usuários a capacidade de excluir cookies individuais, eles podem alterar acidentalmente os detalhes de implementação do site e, potencialmente, interromper sua experiência. Usuários ainda correm o risco de comprometer parte de sua proteção de privacidade, assumindo incorretamente a finalidade de um cookie”, disse o Google em uma postagem no blog oficial. E assim ficou DEPOIS da mudança: com uma interface menos confusa (Imagem: Reprodução/Google) Mais informações e ajustes de vídeo Além dessa novidade, a beta do Chrome 97 beta traz melhorias como o suporte para WebTransport API e consultas de mídia CSS para verificar se um monitor é compatível com HDR. Essa é uma configuração importante para quem tem telas de alta definição tirar o máximo proveito da navegação na web. Os desenvolvedores também testam um novo recurso chamado Privacy Guide, que explica os vários controles de privacidade e segurança do navegador em uma linguagem mais fácil de entender e como cada um afeta sua experiência de navegação. O recurso está atualmente oculto atrás de uma bandeira e parece ser um trabalho em andamento, portanto pode ainda não chegar por agora. O Chrome 97 começou a ser implementado no canal beta e pode ser baixado por qualquer interessado em experimentá-lo. A atualização estável deve chegar nas próximas semanas, mas não há garantia de que todas as funcionalidades estarão lá — outras também podem ser inseridas de última hora. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais BARATINHO | Fone Bluetooth Galaxy Buds Pro entra em oferta na Fast Shop Perdeu o eclipse lunar parcial mais longo do século? Veja essas fotos incríveis! Vídeos incríveis mostram o helicóptero Ingenuity voando em Marte pela 13ª vez Veja Mais

Como funciona o Uber Eats

canaltech O uso de apps de delivery de comida cresceu significativamente nos últimos anos — e aumentou ainda mais em 2020, por conta da pandemia da Covid-19. Por conta disso, pode ser que você já tenha se deparado com a seguinte dúvida: como funciona o Uber Eats? O que é e como funciona o Uber Promo? O que é e como funciona o Supermercado Now Vale a pena assinar o Uber Pass? Veja prós e contras Pensando nisso, o Canaltech separou para você algumas informações adicionais contando o que é, e como a plataforma funciona para clientes, restaurantes e entregadores. Confira mais informações abaixo! O que é o Uber Eats O Uber Eats é um app de delivery de comida desenvolvido pela Uber, conhecida por seu app de transporte privado urbano. Através dele, restaurantes podem se cadastrar e criar catálogos com seus produtos, assim, quando um cliente fizer um pedido, um entregador filiado realizará a entrega. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Como funciona o Uber Eats? De modo geral, o Uber Eats funciona conectando três vertentes: clientes, restaurantes e entregadores. Por isso, é importante entender como a plataforma funciona para cada um deles separadamente. Como funciona o Uber Eats para o cliente Depois de se cadastrar no app do Uber Eats (Android | iOS| Web), o cliente poderá visualizar o marketplace com os itens mais pedidos, além de fazer pesquisas mais detalhadas no catálogo. Caso queira, também é possível buscar por um restaurante específico, ver seu cardápio e as formas de pagamento aceitas. O Uber Eats funciona conectando clientes, restaurantes e entregadores parceiros (Imagem: Divulgação/Uber Eats) Ao fazer o pedido, o cliente é capaz de adicionar cupons de desconto e selecionar a forma de pagamento pelo próprio app, usar cartões ou até dinheiro físico. Feito isso, será possível acompanhar todas as etapas do processo, desde o preparo até a entrega. Como funciona o Uber Eats para o restaurante Se você possui um restaurante e quer aumentar a abrangência do seu serviço usando o Uber Eats, saiba que primeiro deve preencher um formulário de cadastro e esperar o aceite da plataforma. Após a aprovação, você passará a receber notificações de pedidos através do app normalmente. Como cadastrar seu restaurante no Uber Eats Depois de receber um pedido, o restaurante deve prepará-lo normalmente e separá-lo para a entrega, que vai ser feita por um entregador parceiro. É importante ressaltar que a plataforma cobra uma taxa de serviço por venda para cobrir custos de suporte, promoções para alcançar mais pessoas e taxas de cartão de crédito, que podem chegar em torno de 30% do valor de cada pedido — lembre-se de que esse valor pode oscilar. Como funciona o Uber Eats para o entregador Para ser um entregador parceiro do Uber Eats, é necessário ter mais de 21 anos, possuir CNH há mais de dois anos e com a observação EAR (Exerce Atividade Remunerada) — inclusive, esses são os mesmos requisitos para se cadastrar no Uber Moto, categoria criada recentemente que incentiva a categoria a ingressar em novas oportunidades. O que é e como funciona o Uber Moto No caso de ciclistas, é necessário ser maior de 18 anos, apresentar CPF, Comprovante de Situação Cadastral no CPF, RG e CNH, mesmo que não tenha um veículo ou não pretende usar nenhum. A opção é para garantir que você possa adquirir um no futuro e usá-lo na entrega. Tendo isso em vista, basta apenas preencher o formulário de inscrição. Motoristas de carro precisam se habilitar através do app Uber Drive (Android | iOS). Assim que o cadastro for efetuado, você começará a receber notificações de pedidos para serem entregues nas redondezas. Depois de aceitar um pedido, deve buscá-lo em um estabelecimento e levá-lo até o local indicado. Os repasses das taxas acontecem semanalmente na sua conta bancária cadastrada e são referentes à semana anterior trabalhada. Caso tenha completado mais de 25 viagens e esteja na plataforma há mais de duas semanas, você tem direito a usar o repasse antecipado uma vez por dia — função conhecida como Flex Pay. Pronto! A partir desse momento, você sabe um pouco mais sobre o que é e como funciona o Uber Eats para clientes, restaurantes e entregadores. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Magazine Luiza, Amazon, Americanas e outros já têm ofertas de Black Friday

canaltech Um único dia e um faturamento de R$ 6,38 bilhões apenas no Brasil. Essa é a previsão para a Black Friday 2021, que ocorre em 26 de novembro. Uma pesquisa encomendada pelo Google à consultoria Ipsos aponta que 64% dos brasileiros planejam fazer compras na data. Comércio móvel global projeta US$ 3,2 trilhões de receita na Black Friday Veja dicas e prepare-se para aproveitar melhor as compras na Black Friday Entre os produtos mais desejados estão itens de vestuário e celulares. Já em serviços, o destaque são as passagens aéreas e os hotéis. Muitos e-commerces já têm promoções em vigor. Acompanhe, a seguir, algumas delas! Amazon Compras podem ser feitas pelo app (Imagem: Reprodução/Unsplash/Christian Wiediger) A Amazon tem promoções durante todo o mês e cupons diários com ofertas exclusivas de até 60% no aplicativo. Assinantes do Amazon Prime têm frete grátis para todo o Brasil em produtos elegíveis e acesso a ofertas exclusivas. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- A empresa diz que os pagamentos podem ser feitos em até 10 vezes sem juros (12 vezes para dispositivos Amazon). As ofertas têm tempo limitado ou enquanto durarem os estoques. Durante a Black Friday, a Amazon estendeu o prazo de devolução dos produtos: itens comprados entre 1º de novembro e 31 de dezembro (vendidos pela Amazon ou com o selo Prime) podem ser devolvidos até 31 de janeiro de 2022. Americanas As promoções já começaram e vão até 26 de novembro. Há ofertas diárias com descontos no app, no site e nas lojas físicas. Além disso, alguns itens têm 50% de cashback com pagamento pelo app Ame Digital — a plataforma tem mais de 3 milhões de parceiros na campanha “Super App Friday Ame”. Extra Até domingo (21), a empresa oferece 50% de desconto na segunda unidade de cervejas especiais, cápsulas de cafés (menos Illy e Starbucks) e frutas secas. A oferta deve ser validada no aplicativo Clube Extra e as compras podem ser feitas em mercados, hipermercados, minimercados, pelo app Clube Extra e pelo site. No sábado (20), é a vez do Leve 4 e Pague 2 em vinhos e espumantes em hipermercados, no app Clube Extra e no site. As bebidas devem ser da mesma marca, tipo e preço para entrar na promoção. KaBuM! A varejista preparou descontos de até 80% em produtos de tecnologia, eletrônicos, itens para casa inteligente e games — como monitores, processadores, teclados, cadeiras gamers, mouse, lâmpadas inteligentes e outros. Além disso, clientes que usarem o sistema de pagamento instantâneo (Pix) recebem mais 15% de desconto e podem concorrer a um Tesla e a um Ultra PC Gamer (cada R$ 200 reais em compras vale um cupom). Magazine Luiza O Magazine Luiza apresenta shows e promoções em suas plataformas online. Diariamente, há descontos de até 80% em todas as categorias. As ofertas antecipadas não voltarão mais baratas no dia da Black Friday. Assistente virtual Lu (Imagem: Divulgação/Magalu) Mercado Livre Em novembro, há ofertas de até 70% de desconto em produtos de todas as categorias. Além disso, a plataforma tem a “Hora Black”: diariamente, às 13h, os artigos mais buscados na plataforma têm descontos ainda maiores. Todo domingo, o marketplace divulga os itens com desconto da semana para ajudar o consumidor a se planejar. O Mercado Livre oferece frete gratuito em diversas modalidades e tem frota própria para agilizar entregas. Mercado Pago Oferece vantagens extras para quem comprar na “Hora Black” do Mercado Livre e pagar com Mercado Pago. As ofertas incluem até R$ 50 de desconto ou cashback de 20%. Ao longo de novembro, a fintech concede R$ 30 para cada amigo indicado que usar os serviços do Mercado Pago pela primeira vez. Shoptime O Shoptime tem ofertas com até 80% de desconto, até 50% de cashback em pagamentos pelo Ame Digital e frete grátis em milhões de produtos comprados em novembro. Submarino Lançou a campanha “Esquenta Sub Friday”, com descontos de até 70% em produtos nas categorias livros, games, tech e outras. Diariamente, oferece um cupom de até R$ 300 de desconto para uso no app. Via Baianinho, da Casas Bahia (Imagem: Divulgação/Casas Bahia) A Black Friday da Via começou em 24 de outubro e vale para Casas Bahia, Ponto e Extra.com.br. Segundo a companhia, haverá condições de pagamentos especiais, como parcelamento em até 30 vezes nos cartões Ponto e Casas Bahia, e descontos de até 70% no site, no app e nas lojas. A Via promete, ainda, frete grátis e entrega super-rápida, bem como a opção Retira Rápido, em que o cliente pode comprar no site ou no aplicativo e retirar em até duas horas na loja mais próxima. Há live commerces semanais no app da Casas Bahia. Na campanha Black Cobrança, o consumidor pode quitar ou renegociar dívidas com descontos de até 90%, entrada a partir de R$ 20 e alongamento da dívida em até 36 meses. A loja Casas Bahia da Marginal Tietê, em São Paulo, funcionará 24h, entre quinta (25) e sexta-feira (26). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

'Não existe jogo limpo', acusa Guaidó antes das eleições regionais na Venezuela

em - Internacional O opositor Juan Guaidó denunciou nesta sexta-feira (19) que "não há condições para uma eleição livre e justa na Venezuela", mas afirmou respeitar os partidos da oposição que decidiram participar do processo de escolha de governadores e prefeitos deste domingo, após anos de boicote."Não existe um jogo limpo. Esperamos que as missões de observação que estão na Venezuela apresentem um relatório" que "esclareça todos os abusos", declarou em um vídeo divulgado nas redes sociais.Guaidó é reconhecido como presidente do país caribenho por uma centena de países desde 2019, entre eles os Estados Unidos, mas não conseguiu tirar o presidente socialista Nicolás Maduro do poder.Os principais partidos da oposição apresentaram candidatos para as eleições regionais deste domingo, após se recusarem a participar das eleições presidenciais de 2018, nas quais Maduro foi reeleito, e das legislativas de 2020, que permitiram que o chavismo retomasse o controle do Parlamento.As eleições contarão com uma missão de observação da União Europeia, que retorna ao país depois de 15 anos, além do Carter Center."Eles tentaram consertar um falso dilema", disse Guaidó. "Votar ou não (...), e a verdade é que não há dilema, há uma certeza: Maduro é e continuará a ser ilegítimo, não reconhecido pelo mundo".A oposição, no entanto, está fragmentada. Não houve consenso sobre candidaturas unitárias na maioria das regiões e há setores que mantêm a recusa em ir às urnas.Guaidó, que segundo sua equipe de trabalho não votará, defendeu "unificar a luta" contra Maduro após as votações e fez questão de buscar um acordo nas negociações empreendidas pelo governo e pela oposição no México, paralisadas desde a extradição para os Estados Unidos do empresário colombiano Alex Saab, próximo ao governante chavista.Na terça-feira passada, Kevin O'Reilly, subsecretário adjunto para as Américas do Departamento de Estado americano, disse que as eleições regionais venezuelanas não reúnem as condições para serem "justas ou livres".Mais cedo, nesta sexta-feira, o duas vezes candidato à presidência da Venezuela Henrique Capriles pediu à oposição um "reencontro" com o voto nas eleições regionais."Há quatro anos que não voto, a minha última votação foi em 2017 e no domingo vou votar (...) Não deixem de votar, acho que temos que reencontrar esse direito e é isso que vou fazer fazer e tenho certeza que milhões de venezuelanos também o farão", disse ele durante uma entrevista coletiva em Caracas.Capriles defende, assim como Guaidó, a reunificação da oposição."O adversário não é (Juan) Guaidó, nem qualquer outra liderança das forças democráticas, o adversário é Maduro", disse Capriles. "Tem que vir um relançamento das forças democráticas e uma nova etapa para o futuro".Cerca de 21 milhões de venezuelanos são convocados a eleger 23 governadores e 335 prefeitos, além de legisladores municipais e regionais. Veja Mais

Biden está 'saudável' e 'apto' a assumir suas funções, diz médico

em - Internacional O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, está "saudável", "forte" e "apto" a cumprir a função de presidente dos Estados Unidos, afirmou nesta sexta-feira (19) seu médico depois de o chefe de Estado ser submetido a um check-up.O presidente, que completa 79 anos no sábado, toma três medicamentos prescritos e um sem receita, acrescentou.Em comparação com seu último check-up, em dezembro de 2019, Biden apresenta uma maior rigidez ao caminhar e sua tosse frequente se deve a um refluxo gastroesofágico, detalhou.Após o check-up, o médico Kevin O'Connor atribui estas mudanças a enfermidades sem maior gravidade.Ele constatou uma neuropatia (problema nervoso) "leve", que afeta seus pés, e sequelas de uma fratura que explicam seu caminhar rígido. O check-up também incluiu uma colonoscopia com anestesia, que obrigou Biden a transferir seus poderes para a vice-presidente, Kamala Harris, por uma hora e 25 minutos. Harris se tornou brevemente a primeira mulher com prerrogativas presidenciais na história dos Estados Unidos.A colonoscopia foi "tranquilizadora", afirmou o médico, que atende Biden há 13 anos.O check-up também enumerou as enfermidades benignas de que padece, além de seus problemas gástricos e de mobilidade: "fibrilação auricular não valvular", um problema cardíaco "estável" em tratamento, um alto nível de lipídios no sangue, também em tratamento, alergias e artrite.- Ação de Graças -Em seu retorno à Casa Branca depois do exame médico, o presidente cumpriu, visivelmente satisfeito, a tradição de indultar dois perus antes do Dia de Ação de Graças, chamados Peanut Butter (manteiga de amendoim) e Jelly (geleia) em homenagem a um sanduíche muito popular no país.O peru é um prato emblemático do Dia de Ação de Graças, que se celebra na semana que vem.Depois de um discurso salpicado por piadas e entrecortado pelo grugulejar das aves, Biden posou, sorridente, para fotos e brincou com as crianças no roseiral da Casa Branca."Meu check-up transcorreu muito bem", disse aos jornalistas ao sair do hospital Walter Reed, nos arredores de Washington, às 14h05 locais (16h05 de Brasília). Pouco depois, chegou à Casa Branca, onde declarou, com um sorriso: "Eu me sinto bem".A Casa Branca anunciou em uma nota concisa às 06h que o presidente se submeteria a um check-up de rotina, o primeiro desde sua posse.Biden é o presidente mais idoso da história dos Estados Unidos e já tornou público que prevê apresentar-se a um novo mandato em 2024, mas especula-se que poderia desistir em função de sua idade.O presidente prometeu transparência sobre seu estado de saúde. Alguns partidários de seu antecessor, Donald Trump, não perdem a oportunidade de semear dúvidas publicamente, de forma mais ou menos indireta, sobre sua saúde física e sua lucidez.Em 1988, Biden teve um grave problema de saúde: foi levado de urgência ao hospital após o rompimento de um aneurisma e um sacerdote foi chamado para lhe dar a extrema unção.Se Biden não se candidatar à reeleição, Harris, de 57 anos, seria a candidata natural dos democratas, embora agora a maioria dos observadores faça um balanço mitigado de seu mandato como vice-presidente. Veja Mais

Covid-19 aumenta fortemente chance de morte fetal, indica estudo

O Tempo - Mundo A análise, conduzida pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), se baseou em mais de 1,2 milhão de partos ocorridos entre março de 2020 e setembro de 2021 Veja Mais

Opositores presos na Nicarágua sofrem 'danos físicos e psicológicos', denunciam parentes

em - Internacional Os 39 oponentes detidos na Nicarágua antes das últimas eleições sofreram graves "danos físicos e psicológicos", denunciaram seus parentes nesta sexta-feira (19).As condições carcerárias "estão provocando danos físicos e psicológicos irreversíveis", alertaram os parentes em nota divulgada esta semana, após uma terceira visita ao presídio de segurança máxima de Manágua, conhecido como Nuevo Chipote.Sete dos presos se propuseram a competir nas urnas com o presidente Daniel Ortega, que em 7 de novembro obteve seu quarto mandato consecutivo desde que voltou ao poder em 2007.Segundo a denúncia, os adversários continuam perdendo peso, não têm "acesso regular à luz solar" e alguns permanecem em celas com "luzes acesas 24 horas por dia", enquanto outros "ficam no escuro".Não possuem material de leitura e estão proibidos de receber roupas ou casacos. "Suas celas são permanentemente vigiadas pela polícia, que os impede, por meio de ameaças, de se comunicarem".Os familiares reiteraram sua preocupação com o isolamento sofrido por quatro presas, incluindo a ex-guerrilheira sandinista Dora María Téllez e Tamara Dávila.A situação de Dávila "os alarma", porque está numa cela "totalmente fechada" desde a sua detenção em junho passado.Conforme relatado, os julgamentos que o Ministério Público promoveu contra todos os detidos por conspiração, lavagem de dinheiro e outros crimes estão "suspensos".No entanto, os presos continuam a ser "interrogados na ausência dos seus advogados".Os familiares exigiram que as autoridades suspendessem o tratamento "desumano" e que visitas semanais fossem estabelecidas.O presidente Ortega descreveu os oponentes presos como "terroristas" e "criminosos" que pretendiam dar um golpe e, mais recentemente, os chamou de "filhos da puta dos imperialistas ianques". Veja Mais

EUA aprova terceira dose da vacina anticovid para maiores de 18 anos

em - Internacional Os Estados Unidos estenderam, nesta sexta-feira (19), a autorização dos reforços da vacina contra a covid-19 para todas as pessoas com mais de 18 anos de idade, seis meses após completarem sua série de vacinação primária - anunciaram as autoridades sanitárias.A agência americana responsável pelo setor de alimentos e remédios (FDA, na sigla em inglês) disse que a autorização de uso emergencial concedida aos laboratórios Pfizer e Moderna ajuda a "oferecer uma proteção contínua contra a covid-19, inclusive contra as consequências graves que podem ocorrer, como hospitalização, ou morte".Um painel de especialistas convocado pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC) ratificou a decisão de expandir a elegibilidade e recomendou explicitamente reforços para todas as pessoas com mais de 50 anos, mesmo na ausência de condições subjacentes."Estou muito satisfeito por termos clareza e simplificação das recomendações para que todos os americanos possam entender as vacinas que são recomendadas para eles neste momento", declarou Camille Kotton, médico infectologista do Hospital Geral de Massachusetts.A diretora dos CDC, Rochelle Walensky, aprovou formalmente as recomendações do painel, afirmando que os esforços "são uma ferramenta importante de saúde pública para fortalecer nossas defesas contra o vírus ao começarem as férias de inverno".A FDA disse que baseou sua decisão em dados sólidos de resposta imunológica de centenas de pessoas que receberam as duas vacinas. Pouco antes, as duas empresas farmacêuticas anunciaram que haviam obtido a aprovação da agência."Esta autorização de uso de emergência chega em um momento crítico, à medida que entramos nos meses de inverno (verão no Brasil) e enfrentamos um número crescente de casos de covid-19 e de hospitalizações em todo país", declarou o diretor-executivo da Moderna, Stephane Bancel.- Mudança de estratégia -Pessoas acima de 18 anos que receberam a vacina de dose única da Johnson & Johnson nos Estados Unidos já tinham direito a uma segunda dose, dois meses após sua primeira injeção. No caso dos vacinados com Pfizer e Moderna, a terceira dose estava reservada, até agora, apenas para algumas categorias: pessoas acima de 65 anos; adultos com risco de desenvolver uma forma grave da doença; ou aqueles com elevada exposição ao vírus, por exemplo, por causa de seu trabalho. Este anúncio ocorre em um momento em que o número de infecções volta a subir nos Estados Unidos, com uma média diária de 85.000 novos casos e mil mortes por covid-19. No final de outubro, a média estava em cerca de 70.000 casos por dia. Alguns estados, como a Califórnia (oeste), já haviam começado a permitir doses de reforço para todos os adultos, antes mesmo das recomendações das agências sanitárias, na esperança de conter a propagação da epidemia antes da temporada de férias.A Pfizer também conduziu um ensaio clínico envolvendo 10.000 pessoas com mais de 16 anos, que concluiu que o reforço foi eficaz contra infecções sintomáticas em mais de 95% dos casos em comparação com aqueles que não receberam reforço.A terceira dose da Pfizer é dosada em 30 microgramas, o mesmo que a série de imunização primária, enquanto a da Moderna é de 50 microgramas, metade da série inicial.- Preocupações -A grande maioria das pessoas que ficam internadas ou morrem de coronavírus não são vacinadas e, portanto, a melhor forma de controlar a onda de inverno seria chegar até essas pessoas, ao invés de reforçar os já vacinados, argumentar os críticos da nova campanha.Uma desvantagem potencial, eles argumentam, é que aqueles que resistem às vacinas podem concluir que as injeções são ineficazes.Outro risco é o aumento do número de casos de inflamação do coração relacionada à vacina (miocardite), especialmente entre homens mais jovens.Tanto a Pfizer quanto a Moderna têm estudos pós-autorização programados para avaliar os riscos de miocardite.Os especialistas concordam em que os reforços por si só não podem resolver a pandemia, enquanto os países mais pobres, especialmente na África, permanecem presos a porcentagens de um dígito para as pessoas cobertas por sua série de vacinação primária. Veja Mais

Geórgia transfere ex-presidente Saakachvili, em greve de fome, para um hospital militar

em - Internacional As autoridades da Geórgia transferiram o opositor e ex-presidente Mikhail Saakashvili para um hospital militar na noite desta sexta-feira (19), depois que médicos disseram temer por sua vida após 50 dias de greve de fome na prisão.Saakashvili, 53, "foi transferido de um hospital penitenciário para um hospital militar" na cidade de Gori, a cerca de 90 km da capital, Tbilisi, disse seu advogado, Dito Sadzaglishvili, à AFP.Milhares de seus apoiadores saíram às ruas da capital georgiana na noite desta sexta-feira para exigir garantias de tratamento médico adequado para o ex-presidente deste país do Cáucaso.O ex-presidente (2004-2013) parou de se alimentar em 1º de outubro para protestar contra sua prisão. Ele foi detido ao voltar para a Geórgia, após anos de exílio. Na quinta-feira (18), desmaiou durante uma reunião com seus advogados.As autoridades georgianas rejeitaram as recomendações dos médicos de interná-lo em um hospital civil.O hospital militar de Gori "é um lugar onde o Estado pode garantir sua saúde e segurança", afirmou o ministro da Justiça, Rati Bregadzé, pela manhã, quando o governo considerou transferi-lo para esta instalação.A decisão foi tomada depois que o Dr. Guiorgui Grigolia, que examinou Saakashvili, disse à AFP que "sua vida está ameaçada" e que "deve ser transferido sem demora para uma clínica civil", devido a problemas cardíacos e neurológicos.Esses males "podem se tornar irreversíveis, e até fatais, sem cuidados adaptados, impossíveis de serem prestados no estabelecimento médico onde está localizado", avaliou.Saakashvili, pró-Ocidente, é atualmente o líder da oposição. Ele foi preso ao retornar ao país após oito anos no exílio, pouco antes das eleições municipais.Liderada pelo Movimento Nacional Unido de Saakashvili, a oposição georgiana organizou várias manifestações em massa, pedindo a libertação do ex-presidente e denunciando os resultados das eleições. Em 8 de novembro, Saakashvili foi transferido para um hospital penitenciário. Mas, no início desta semana, os médicos estimaram que seu estado era crítico e pediram que ele fosse transferido para a unidade de terapia intensiva de uma instituição com melhores equipamentos.Em 11 de novembro, o ex-presidente disse que encerraria sua greve de fome se fosse transferido para uma "clínica de alta tecnologia".O ex-presidente é uma figura carismática, tão adorada quanto criticada. Por um lado, ele é conhecido por ter lutado com eficácia contra a corrupção. Por outro, é criticado pela desastrosa guerra de 2008 contra a Rússia.Sua prisão agravou ainda mais a crise política do país. Veja Mais

Dow Jones tem terceira queda consecutiva e Nasdaq bate recorde em Wall Street

em - Internacional A bolsa de Nova York fechou em disparidade nesta sexta-feira (19), com o índice tecnológico Nasdaq registrando novos recordes, enquanto o Dow Jones, afetado pelos confinamentos na Europa, teve seu terceiro dia de perdas.O principal índice de Wall Street perdeu 0,75%, a 35.602,18 pontos, enquanto o S&P 500 recuou 0,14%, a 4.697,96 unidades. O tecnológico Nasdaq, por sua vez, teve o segundo recorde consecutivo no fechamento, situando-se em 16.057,44 pontos (+0,40%).O ânimo dos investidores foi afetado pelas pressões inflacionárias, a incerteza sobre a política monetária, mas sobretudo pelas restrições vinculadas à covid na Europa, segundo os analistas.A reação às medidas de confinamento anunciadas na Áustria e as restrições na Alemanha continuaram criando "uma rotação entre os valores tradicionais, que baixaram, e os valores tecnológicos (chamados) de crescimento, que tiveram um bom rendimento" no dia, resumiu Karl Haeling, do banco LBBW."Até hoje (sexta-feira) o mercado previa que as restrições sanitárias na Europa seriam mínimas e não afetariam a retomada. Mas com o que ocorre na Alemanha e na Áustria, é um pouco mais preocupante", acrescentou.Com este retorno das restrições em alguns países da Europa, as ações de companhias aéreas e cruzeiros caíram. A United Airlines, por exemplo, recuou 2,78%, e a Norvegian Cruise, 2,08%. Entre os outros valores do dia, a Moderna subiu 4,92% após o sinal verde das autoridades americanas a uma terceira dose de sua vacina anticovid ou da Pifzer para todos os adultos imunizados com duas doses há pelo menos seis meses. A Pfizer, ao contrário, perdeu 1,19%.O anúncio ocorre enquanto os casos sobem nos Estados Unidos, com uma média de 85.000 novos contágios de covid-19 diários no país, contra 70.000 no fim de outubro, e umas 1.000 mortes por dia.EXXONMOBILPFIZERWELLS FARGO & COMPANYBANK OF AMERICACHEVRONGOLDMAN SACHS GROUPINTUITUNITED CONTINENTAL HOLDINGS Veja Mais

Disparos da polícia deixam feridos em protesto anticovid na cidade holandesa de Roterdã

em - Internacional Várias pessoas ficaram feridas por disparos policiais nesta sexta-feira (19) em Roterdã, no sudoeste da Holanda, onde uma manifestação contra as restrições anticovid terminou em distúrbios, informou a polícia local."Uma manifestação que começou às 20h00 da noite no Coolsingel terminou em distúrbios. Fogos foram declarados em vários lugares. Fogos de artifício foram lançados e a polícia disparou vários tiros de alerta", disse a polícia de Roterdã em um comunicado."Houve feridos relacionados aos tiros", completou.O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou há uma semana a reintrodução de um confinamento parcial junto com uma série de restrições sanitárias, especialmente no setor de restaurantes, para impedir a propagação de covid-19.Os bares e restaurantes devem fechar às 20h00, pelo menos até 4 de dezembro.A polícia holandesa usou um canhão de água para dispersar os manifestantes em Haia no dia em que as medidas foram anunciadas.No último sábado, a polícia também deteve 15 pessoas em uma cidade do norte depois que eclodiram confrontos entre as forças de segurança e centenas de pessoas indignadas com o fechamento prematuro de bares devido à pandemia. Veja Mais

Lista traz salários de funcionários da Apple; veja quanto ganham

Lista traz salários de funcionários da Apple; veja quanto ganham

Tecmundo Um documento do Escritório de Certificação de Trabalho Estrangeiro dos Estados Unidos revelou que a 2ª empresa mais valiosa do mundo remunera relativamente bem parte dos funcionários. Enquanto um profissional de engenharia da Califórnia da Apple recebeu cerca de US$ 350 mil no ano (cerca de R$ 1,9 milhão na cotação atual), um contador do Texas recebeu US$ 106,5 mil no mesmo período (cerca de R$ 596,9 mil) recentemente.Os números foram divulgados na última quinta-feira (18) pelo Business Insider. De acordo com o veículo, as informações constam nos relatórios que as empresas norte-americanas são obrigadas a divulgar para contratar trabalhadores estrangeiros que solicitam o visto do país.Leia mais... Veja Mais

Biden está "saudável" e "apto" para desempenhar as funções...

em - Internacional Biden está "saudável" e "apto" para desempenhar as funções presidenciais (médico) Veja Mais

Windows 11: driver impede chegada da atualização no Windows 10

Windows 11: driver impede chegada da atualização no Windows 10

Tecmundo Nesta semana, a Microsoft anunciou uma nova restrição de compatibilidade para os computadores candidatos à atualização do Windows 11. A decisão busca evitar problemas com drivers específicos da família Intel Smart Sound Technology (Intel SST), capazes de provocar uma "Tela Azul da Morte" durante o processo de instalação e também, possivelmente, o corrompimento de dados armazenados pelo sistema operacional.Segundo a Intel e a Microsoft, responsáveis por identificar o problema, a medida também assegura a qualidade na "experiência de atualização" entre sistemas operacionais nos computadores que possuem os drivers afetados. Os usuários interessados podem verificar a presença do software problemático no Gerenciador de Dispositivos, na seção "Dispositivos do Sistema".Leia mais... Veja Mais

Primeira geração do Amazon Kindle completa 14 anos de idade

Primeira geração do Amazon Kindle completa 14 anos de idade

Tecmundo O dia 19 de novembro de 2007 entrou para a história da tecnologia por ser a data de lançamento do primeiro dispositivo de toda uma categoria. Trata-se da primeira geração do Kindle, o e-reader da Amazon, que ainda era bastante rudimentar em sua primeira versão — apesar de já fazer o básico de permitir a leitura de livros e revistas digitais, além de navegar pela plataforma online da empresa.Leia mais... Veja Mais

Fechamento dos grãos de soja em Chicago

em - Internacional (Em Fechamento hoje / Fechamento anterior: JAN 22 12,6325 / 12,6525 MAR 22 12,75 / 12,7650 MAI 22 12,8450 / 12,8575 JUL 22 12,9125 / 12,9150 AGO 22 12,8475 / 12,8525 Veja Mais

Henrique Capriles pede a venezuelanos que votem nas eleições regionais

em - Internacional O líder da oposição e duas vezes candidato à presidência da Venezuela, Henrique Capriles, pediu nesta sexta-feira (19) um "reencontro" com o voto nas eleições regionais de domingo que serão realizadas com a participação da maioria dos partidos da oposição após anos de abstenção. "Há quatro anos que não voto, a minha última votação foi em 2017 e no domingo vou votar (...) Não deixem de votar, acho que temos que reencontrar esse direito e é isso que vou fazer fazer e tenho certeza que milhões de venezuelanos também o farão", disse ele durante uma entrevista coletiva em Caracas.O apelo de Capriles ocorre em um momento de profundas divisões na oposição venezuelana, que não obteve candidaturas individuais na maioria das regiões. O dirigente destacou que o grande adversário a derrotar é o governo do presidente Nicolás Maduro. "O adversário não é (Juan) Guaidó, nem qualquer outra liderança das forças democráticas, o adversário é Maduro", disse Capriles, referindo-se ao líder opositor reconhecido como presidente da Venezuela por cinquenta países, embora na prática Maduro exerça o poder."O debate é normal, ninguém precisa se escandalizar porque há um debate nas forças democráticas (...) Na minha opinião tem que vir um relançamento das forças democráticas e uma nova etapa para o futuro", disse. Em declarações em 21 de outubro, Capriles, que perdeu para Hugo Chávez nas eleições de 2012 e um ano depois, após a morte do então presidente, para Maduro por uma pequena margem, lançou um apelo pelo fim de uma "dispersão fatal" dentro da oposição dividida.Cerca de 21 milhões de venezuelanos são convocados a eleger 23 governadores e 335 prefeitos, além de legisladores municipais e regionais, em um processo no qual os principais partidos de oposição decidiram participar após três anos de boicote e pedidos de abstenção. As eleições contarão com uma missão de observação da União Europeia, que retorna ao país depois de 15 anos, além do Carter Center, fundado pelo ex-presidente dos Estados Unidos Jimmy Carter, que retorna à Venezuela após oito anos de ausência. Veja Mais

Fenghua 1: a placa gráfica chinesa com suporte a Vulkan e DirectX

tudo celular Fenghua 1 é uma placa gráfica chinesa com suporte a Vulkan e DirectX que promete bater de frente com a AMD, Nvidia e Intel no setor de gaming. Veja Mais

Frente Polisário promete intensificar luta armada no Saara Ocidental

em - Internacional A Frente Polisário decidiu "intensificar" a luta armada contra o Marrocos para estabelecer sua soberania na totalidade do território do Saara Ocidental, declarou nesta sexta-feira (19) o líder do movimento separatista, Brahim Ghali. "O povo saarauí decidiu e tomou a decisão soberana de intensificar sua guerra justa de libertação por todos os meios legítimos e em primeiro lugar a luta armada até o estabelecimento da soberania da República Saarauí [autoproclamada pela Polisário] sobre todo o seu território", disse Ghali na abertura de uma reunião da direção da Polisário, segundo a agência de notícias saarauí SPS. Em 13 de novembro de 2020, um cessar-fogo concluído em 1991 entre o Marrocos e a Frente Polisário, sob os auspícios da ONU, terminou abruptamente após a mobilização de tropas marroquinas no extremo sul do Saara Ocidental para desalojar os separatistas que bloqueavam a única estrada para a Mauritânia, ilegal segundo a Polisário.Desde então, a organização declarou estado de guerra. No fim de outubro, o Conselho de Segurança da ONU instou "as partes" a retomar as negociações "sem condições prévias e de boa fé", aprovando uma resolução que prorrogava em um ano a missão da ONU na região em disputa.O Saara Ocidental é considerado um "território não autônomo" pela ONU na falta de um acordo definitivo.Rabat, que controla quase 80% do território, propõe um plano de autonomia sob sua soberania. Os separatistas da Frente Polisário, por sua vez, continuam exigindo um referendo de autodeterminação.O status deste território é a principal disputa entre os dois pesos pesados do Magreb, Marrocos e Argélia, principal apoio da Polisário.No fim de agosto, a Argélia rompeu relações diplomáticas com o Marrocos devido às "ações hostis" do país, uma decisão considerada "totalmente injustificada" por Rabat. As tensões voltaram a crescer nas últimas semanas depois que a Argélia informou no início de novembro sobre um atentado atribuído ao Marrocos, que causou a morte de três caminhoneiros argelinos em território saarauí. Veja Mais

Escolha de novo conselheiro do TCE-MG ficará para 2022

O Tempo - Política ALMG deve realizar a eleição em fevereiro ou março devido à proximidade do recesso parlamentar Veja Mais

EUA testa medicamento para melhorar crescimento de crianças com nanismo

em - Internacional A agência reguladora de medicamentos e alimentos dos Estados Unidos, a FDA, aprovou nesta sexta-feira (19), pela primeira vez, um medicamento para melhorar o crescimento em crianças com acondroplasia, o tipo mais comum de nanismo.O fármaco Voxzogo, fabricado pela farmacêutica BioMarin, já está autorizado nos Estados Unidos para o tratamento de crianças maiores de cinco anos com acondroplasia, cujas placas de crescimento - áreas de cartilagem ao final dos ossos longos - ainda estão abertas, o que significa que têm potencial para crescer."Com essa ação, as crianças de baixa estatura devido à acondroplasia têm uma opção de tratamento que foca na causa subjacente de sua baixa estatura", disse em um comunicado de imprensa a endocrinologista da FDA, Theresa Kehoe.A acondroplasia é um transtorno genético do crescimento ósseo que bloqueia a mudança da cartilagem para o tecido ósseo. Os adultos com essa condição se desenvolvem até chegar, em média, a 1,2 metro de altura.Essa condição pode provocar problemas respiratórios, curvatura exagerada da coluna, obesidade e infecções de ouvido recorrentes, segundo os Institutos Nacionais de Saúde dos EUA. A expectativa de vida dessas pessoas, no entanto, costuma ser quase normal.A Comissão Europeia, o órgão executivo da União Europeia, autorizou o uso do fármaco para tratar crianças maiores de dois anos que ainda estão em crescimento no fim de agosto deste ano.Espera-se que o medicamento esteja disponível nos Estados Unidos em meados ou no final de dezembro, segundo a BioMarin. Veja Mais

Turma do STF julga pedido de desbloqueio de bens de Lula

O Tempo - Política A defesa do ex-presidente afirma que a Justiça Federal de Curitiba não poderia ter mantido o bloqueio. Caso haja empate, o resultado da votação é incerto Veja Mais

Lembra dele? Winamp será relançado com novidades

tudo celular O Winamp será relançado com novidades e promete voltar ao topo dos aplicativos de áudio. Veja Mais

A Roda do Tempo: conheça os livros nos quais a série da Amazon é baseada

A Roda do Tempo: conheça os livros nos quais a série da Amazon é baseada

Tecmundo O Amazon Prime Video estreou, nesta sexta-feira (19), a série de fantasia A Roda do Tempo. A produção já está com os 3 primeiros capítulos disponíveis e ganhará novos episódios todas as sextas até 24 de dezembro.O novo seriado é uma adaptação de uma saga de 14 livros que foi lançada entre 1990 e 2013 nos Estados Unidos. O autor da história original é James Oliver Rigney Jr., norte-americano mais conhecido pelo pseudônimo de Robert Jordan. Nascido em 17 de outubro de 1948, no estado da Carolina do Sul, o autor faleceu em setembro de 2017 aos 58 anos.Leia mais... Veja Mais

Clubhouse adiciona suporte a legendas ao vivo nas salas, mas há um porém

canaltech O Clubhouse começou a lançar um recurso de legenda automática de voz para conversas realizadas no aplicativo para iOS. Essa novidade vai gerar transcrições em tempo real para o bate-papo ao vivo da plataforma, o que possibilitará ao usuário acompanhar as falas em formato de texto na tela. Além de ajudar quem não tem afinidade com outros idiomas, a adição possibilitará a inclusão de pessoas com deficiência auditiva nas conversas. Clubhouse adiciona opção de som de alta qualidade para atrair músicos Clubhouse tem novo recurso que facilita divulgação de salas de áudio A atualização foi anunciada pelo perfil oficial do Clubhouse no Twitter com uma demonstração de como as coisas devem funcionar. Será preciso baixar a versão mais recente do app para ter acesso à novidade, que ficará oculta e precisará ser ativada manualmente para funcionar. Neste momento inicial, haverá suporte para 13 idiomas: inglês, cantonês, chinês mandarim, chinês yue, francês, alemão, italiano, japonês, coreano, espanhol, árabe, russo e turco. closed captioning is here for iOS! update your app now to see it in action in live rooms.here's a lil' example, in case you need convincing... pic.twitter.com/v2poAjE2Pl -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- — Clubhouse (@Clubhouse) November 17, 2021 Por enquanto, o português do Brasil ainda está de fora do lançamento oficial, mas a língua pode estar inclusa nos outros 12 idiomas adicionais em fase de teste beta. A expectativa é que esse pacote adicional chegue com a versão para o Android, ainda sem data definitiva de lançamento. Busca pela audiência nas conversas por voz As legendas ao vivo já estavam disponíveis no maior rival do Clubhouse, o Twitter Espaços, por isso a companhia investiu em recursos para facilitar o uso da plataforma, bem como atrair um público ainda maior, como a tradução do programa para português brasileiro e outros 12 idiomas. Além disso, o software agora permite a gravação, reprodução posterior e download das conversas realizadas por intermédio da plataforma para compartilhamento em outras redes sociais. Na tentativa de superar os rivais, o app também anunciou um programa de monetização para ajudar os criadores de conteúdo e a possibilidade de fixar links no topo para angariar recursos ou trazer mais contexto para as discussões por voz promovidas nas salas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais BARATINHO | Fone Bluetooth Galaxy Buds Pro entra em oferta na Fast Shop Perdeu o eclipse lunar parcial mais longo do século? Veja essas fotos incríveis! Vídeos incríveis mostram o helicóptero Ingenuity voando em Marte pela 13ª vez Veja Mais

Como colocar wallpaper animado no iPhone

canaltech Personalizar o iPhone com wallpapers, ou papéis de parede, não é nenhum segredo para a maioria dos usuários. Entretanto, o que poucas pessoas sabem é que o smartphone da Apple permite inserir animações como fundo de tela de início e de bloqueio, tornando-o ainda mais divertido e interativo. Como personalizar os resultados da busca do Spotlight no iPhone+ Como criar toques personalizados para iPhone Como desativar sugestões de widgets no iPhone Como colocar vídeo na tela de bloqueio iPhone Os wallpapers animados funcionam com o Live Photos — um pequeno vídeo produzido com o que aconteceu na foto clicada pela câmera do iPhone. Após inseri-lo como plano de fundo do seu smartphone, basta pressionar o dedo na tela para que a animação reproduza instantaneamente. Se você quiser adicionar um vídeo da sua Fototeca, basta transformá-lo em Live Photos e adicioná-lo como wallpaper. Para isso, você precisará baixar o app VideoToLIve e aprender a colocar um papel de parede novo no seu iPhone. Siga, abaixo, o método que preparamos para você. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Baixe o app VideoToLive Na App Store, busque pelo app VideoToLive e toque em "Obter" para fazer o download. Em seguida, abra-o e escolha um vídeo para converter em Live Photo. Depois, toque em "Convert" (no topo direito da tela). Aguarde o processo de conversão e toque em "OK". Converta um vídeo na sua Fototeca para Live Photo - Captura de tela: Thiago Furquim (Canaltech) Insira o wallpaper animado no iPhone Para colocar o vídeo transformado em LIve Photo, vá ao app Ajustes e toque em "Imagem de Fundo". Depois, vá em "Escolher Nova Imagem de Fundo" e toque na seção "Live Photos". Selecione o wallpaper animado e toque em "Definir". Esteja atento no botão do Live Photo ao lado do botão "Cancelar", ele deve estar ativado para que a animação ocorra na tela. Ative o Live Photo para dar animação ao wallpaper - Captura de tela: Thiago Furquim (Canaltech) Pronto! Agora você pode personalizar ainda mais o seu iPhone e impressionar seus amigos com o wallpaper animado. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais BARATINHO | Fone Bluetooth Galaxy Buds Pro entra em oferta na Fast Shop Perdeu o eclipse lunar parcial mais longo do século? Veja essas fotos incríveis! Vídeos incríveis mostram o helicóptero Ingenuity voando em Marte pela 13ª vez Veja Mais

Casa Gucci | Elenco e diretor comentam Lady Gaga como Patrizia Reggiani

canaltech Faltam poucos dias para a estreia de Casa Gucci no Brasil, filme de Ridley Scott que conta a história do escândalo da família Gucci. O longa é inspirado no livro Casa Gucci: Uma História de Glamour, Cobiça, Loucura e Morte, de Sara Gay Forden, com foco em Patrizia Reggiani (Lady gaga), que encomendou a morte do ex-marido, Maurizio Gucci (Adam Driver), que era diretor da grife italiana. Casa Gucci | Primeiras impressões comparam filme com O Poderoso Chefão Casa Gucci | Data de lançamento, trailers, o que esperar e mais Casa Gucci | Novo trailer mostra o 1º encontro de Patrizia com a família Gucci Enquanto o dia da estreia não chega, a Universal Pictures liberou um vídeo com uma breve entrevista com o elenco principal e o diretor, que falam sobre a performance de Lady Gaga na produção. Scott diz que quando viu a cantora em Nasce Uma Estrela, filme que destacou a carreira de atriz da artista, descobriu que ela é "um verdadeiro motor de criatividade". Imagem: Divulgação/Universal Pictures O elenco também não economiza elogios à cantora. "Lady Gaga traz uma certa imprevisibilidade", diz Jared Leto, que interpreta Paolo Gucci no filme. "E isso é emocionante porque você realmente não sabe o que esperar", completa o ator, que também conta com uma carreira musical. Gaga diz que o filme irá mostrar uma pessoa que está no limite. "Quando Patrizia conhece Maurizio Gucci, há uma forte atração", diz a atriz sobre a intensa relação entre o casal. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Confira o vídeo:   Também estão no elenco Al Pacino, Salma Hayek, Jack Huston, Roberto Bentivegna e Jeremy Irons, e o roteiro foi comandado por Becky Johnston e Roberto Bentivegna. Casa Gucci estreia nos cinemas brasileiros no dia 25 de novembro. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Vigia retorna em HQ própria no próximo megaevento da Marvel

canaltech Uatu, o Vigia que decidiu abraçar os humanos, foi introduzido para o grande público do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês) por meio da série do Disney+ What If...?, onde a entidade narra os vários universos alternativos do MCU. E, aproveitando da nova exposição do personagem, ele protagonizará um quadrinho one-shot (história fechada publicada em uma única edição) em 2022. Vingadores aparecem com sua formação mais brutal e violenta em nova HQ Marvel mostra capas com a nova vilã do Homem-Aranha Aviso: Spoilers a seguir! O one-shot de Uatu será parte do evento The Reckoning War, e mostrará o Vigia pouco após sua ressurreição. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Segundo o roteirista da futura saga da Marvel, Dan Slott, o Vigia é uma das peças chaves da trama, já que ele e sua raça foram testemunha, no passado, de algo que tem conexões fortes com os acontecimentos do megaevento. Por hora, o título final do one-shot ainda não foi definido, mas segundo Slott, a história está sendo chamada internamente de O Julgamento do Vigia. Esse título remete a uma história publicada nos anos 1970 de mesmo nome onde a raça dos Vigias julgou Uatu por suas interferências nos desafios terrestres. A morte e volta do Vigia Uatu foi assassinado e teve seus olhos arrancados por Nick Fury em 2014, na saga Pecado Original, com o superespião alegando que assassinou a entidade por medo do que forças sombrias poderiam fazer caso obtivessem os olhos do Vigia, já que eles presenciaram e registraram muitos segredos durante todos os milênios de atuação do ser cósmico. Na conclusão do evento, o assassinato de Uatu fez com que o ex-diretor da S.H.I.E.L.D. fosse condenado pelos demais Vigias a virar a entidade The Unseen, além de ser forçado a viver na Lua e nunca interferir nos eventos terrestres. Somente em 2020 que Uatu voltou a vida, após seis anos sem aparecer em nenhuma história. Na revista Empyre Fallout: Fantastic Four #1, após misteriosos seres conhecidos como The First Race serem citados, o Vigia ressuscita e, de forma sombria, afirma que um acerto de contas está próximo. Acerto de contas, em inglês, pode ser traduzido como reckoning, demonstrando uma conexão em potencial com a próxima saga da Marvel. O Vigia, recém-ressuscitado. (Imagem: Reprodução/Marvel Comics) A ressurreição de Uatu foi possível por conta de seus colegas Vigias terem fundido parte dele com Nick Fury, durante o processo para transformar o veterano da Casa das Ideias em The Unseen. Porém, a entidade só conseguiu voltar a vida quando percebeu a situação urgente que começava a se formar no Universo Marvel. Fury, com o retorno de Uatu, aceita ser seu arauto, para auxiliar na investigação sobre as armas que a raça Cotati, os grandes antagonistas da saga Empyre, estavam usando. Conforme revelado no final do evento, esses equipamentos têm origem em uma raça cósmica conhecida somente como The First Race, até agora, nos quadrinhos. Essa investigação talvez seja interpretada pelos demais Vigias como uma interferência de Uatu, justificando o possível nome de O Julgamento do Vigia para o seu one-shot. Porém, até termos anúncios mais concretos, tudo não passa de especulação. Assine Amazon Kindle Unlimited por apenas R$ 19,90/mês e tenha acesso a mais de 1 milhão de livros digitais! Por hora, só temos a certeza que, assim como outros eventos, The Reckoning War trará aventuras e acontecimentos muito impactantes para o universo dos quadrinhos da Marvel, mas dessa vez envolvendo uma das entidades cósmicas mais interessantes da editora. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Duna ganha data de lançamento no streaming HBO Max

canaltech   Um dos filmes mais esperados do ano está finalmente chegando ao HBO Max: de Denis Villeneuve, Duna oficialmente uma data marcada para aparecer no catálogo do streaming da WarnerMedia. De acordo com um trailer especial liberado pela plataforma, o longa estará disponível a todos os assinantes a partir de 26 de novembro. O quanto Duna vai adaptar dos livros? Crítica Duna │ Grandioso, épico e incompleto 10 livros de ficção científica que você precisa ler O que é a caixa misteriosa de Duna e como ela funciona? Duna é um romance de ficção científica do escritor estadunidense Frank Herbert. Publicado em 1965, chegou a vencer o prêmio Hugo do ano seguinte e se tornou um dos mais vendidos e conhecidos livros sci-fi de todos os tempos. O sucesso rendeu ainda mais cinco livros e um conto, saga que foi prolongada após a morte do autor com mais obras escritas por seu filho, Brian Herbert, em parceria com Kevin J. Anderson. (Imagem: Divulgação / Warner Bros) Em 1984, David Lynch liberou a sua versão de Duna estrelada por Kyle MacLachlan, mas que foi bem criticado na época. O próprio cineasta não relembra o trabalho com tanto carinho, o que fez com que a versão de Villeneuve ganhasse muito mais hype, tanto pelo frescor da adaptação quanto pelo elenco de peso por trás do longa. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Assine Amazon Prime por R$ 9,90/mês e ganhe frete grátis, catálogo de filmes e séries que compete com a Netflix, livros, músicas e mais! Teste 30 dias grátis! O roteiro de Duna foi escrito por Villeneuve em parceria com Jon Spaihts, de Prometheus (2012) e Doutor Estranho (2016), e Eric Roth Forrest, de Forest Gump: O Contador de Histórias (1994) e Nasce Uma Estrela (2018). Na produção, Villeneuve também está, o que garante que o diretor tenha mais liberdade criativa, mas outro nome que chama a atenção é o de Joseph M. Caracciolo Jr., que esteve a frente de recentes sucessos de bilheteria, como Logan (2017) e Pokémon - Detetive Pikachu (2019). O filme chegou aos cinemas em 21 de outubro e é estrelado por Timothée Chalamet, Rebecca Ferguson, Oscar Isaac, Jason Momoa, Stellan Skarsgård, Zendaya, Dave Bautista entre outros nomes gigantes de Hollywood. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: 5 efeitos estranhos (mas inofensivos) dos exercícios físicos no corpo humano AirPods Pro original vs AirPods Pro da Shopee | A pirataria foi longe demais 1 ano de PS5 e Xbox Series X|S: qual é o melhor até agora? Pesquisa do Waze revela prática peculiar dos usuários do aplicativo Conheça o B-250, caça-leve brasileiro concorrente da Embraer Veja Mais

Disparos da polícia deixam feridos em protesto antiCOVID na Holanda

 Disparos da polícia deixam feridos em protesto antiCOVID na Holanda

em - Internacional Várias pessoas ficaram feridas por disparos policiais nesta sexta-feira (19) em Roterdã, no sudoeste da Holanda, onde uma manifestação contra as restrições antiCOVID terminou em distúrbios, informou a polícia local."Uma manifestação que começou às 20h00 da noite no Coolsingel terminou em distúrbios. Fogos foram declarados em vários lugares. Fogos de artifício foram lançados e a polícia disparou vários tiros de alerta", disse a polícia de Roterdã em um comunicado."Houve feridos relacionados aos tiros", completou.   O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, anunciou há uma semana a reintrodução de um confinamento parcial junto com uma série de restrições sanitárias, especialmente no setor de restaurantes, para impedir a propagação de COVID-19.Os bares e restaurantes devem fechar às 20h00, pelo menos até 4 de dezembro.A polícia holandesa usou um canhão de água para dispersar os manifestantes em Haia no dia em que as medidas foram anunciadas.No último sábado, a polícia também deteve 15 pessoas em uma cidade do norte depois que eclodiram confrontos entre as forças de segurança e centenas de pessoas indignadas com o fechamento prematuro de bares devido à pandemia.Pelo menos uma viatura policial foi incendiada durante o protesto, disse um porta-voz da polícia à AFP, que não confirmou o número de feridos.Diversas motocicletas elétricas e outros objetos também foram incendiados, conforme pode ser visto em imagens da imprensa holandesa e nas redes sociais.As autoridades locais emitiram uma ordem de emergência proibindo o acesso à área do protesto para evitar mais violência. A principal estação ferroviária de Roterdã também foi fechada.- "Situação muito grave" -"Esta é uma situação muito grave que requer uma ação da mais alta prioridade", declarou a ordem do município. "Portanto, é necessário emitir esta ordem de emergência para manter a ordem pública e proteger a segurança das pessoas."A Holanda voltou a implementar restrições após uma nova alta de casos de COVID-19, com mais de 21 mil novas infecções registradas nesta sexta-feira.Os manifestantes entraram em confronto com a polícia em Haia depois que o primeiro-ministro Rutte anunciou as medidas em 12 de novembro.Como parte das disposições, foi pedido que a população trabalhasse de casa, a menos que fosse absolutamente necessário sair.Os eventos públicos foram suspensos e o torneio de futebol é disputado a portas fechadas.No entanto, as escolas continuam abertas e não há impedimento para as pessoas saírem de casa.O governo holandês disse que vai rever a situação em 3 de dezembro e está estudando excluir as pessoas não vacinadas de bares e restaurantes, embora o plano enfrente forte oposição no parlamento. Veja Mais

AEROFLA: TORCIDA DO FLAMENGO LOTA RUAS DO RIO, SOBE NO ÔNIBUS E CONSEGUE ATÉ ABRIR ESCOTILHA

AEROFLA: TORCIDA DO FLAMENGO LOTA RUAS DO RIO, SOBE NO ÔNIBUS E CONSEGUE ATÉ ABRIR ESCOTILHA

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Flamengo #AeroFla #Libertadores Veja Mais

Covid-19 aumenta fortemente chance de morte fetal, indica estudo

em - Internacional O risco de morte fetal é quase o dobro para mulheres com covid-19 em comparação com aquelas sem a doença, e cresceu até quadruplicar-se durante o período em que a variante delta se tornou dominante, de acordo com um vasto estudo realizado por uma instituição estatal dos Estados Unidos, divulgado nesta sexta-feira (19).A análise, conduzida pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), se baseou em mais de 1,2 milhão de partos ocorridos entre março de 2020 e setembro de 2021 incluídos em um banco de dados de hospitais.Em geral, os casos de natimortos foram muito pouco frequentes, somando 8.154, 0,65% do total. Porém, o risco de morte fetal foi 1,9 vezes maior em mulheres infectadas pelo coronavírus.Especificamente, nesse período, 1,26% dos nascimentos foram de natimortos entre mulheres com covid-19, contra 0,64% para o restante.A variante delta aumentou esse risco, descobriram os CDC, que analisaram os períodos antes e depois que essa variante se tornou dominante no país, em julho de 2021.Em relação às não infectadas, o risco era 1,47 vezes maior entre as mães com a doença antes do aparecimento da delta e 4,04 vezes maior depois que a variante se tornou dominante.Os autores escreveram que pesquisas anteriores haviam sugerido que uma possível causa biológica do risco aumentado poderia ser a inflamação ou a diminuição do fluxo sanguíneo para a placenta.Entre os partos com covid-19, foram associados a taxas mais elevadas de natimortos ter mais de um bebê ou condições como hipertensão crônica, lesão cardíaca, descolamento da placenta do útero, sepse, fluxo sanguíneo insuficiente resultando em choque, lesão pulmonar com risco de vida, estar em um unidade de terapia intensiva ou sob respiração artificial."São necessários estudos adicionais para investigar o papel das complicações maternas da covid-19" sobre esta questão, disseram os autores. Porém, o estudo está entre os mais sólidos até agora vinculando a covid-19 e as mortes fetais, apontaram. Veja Mais

Ex-presidente da Geórgia Mikhail Saakachvili suspende grev...

em - Internacional Ex-presidente da Geórgia Mikhail Saakachvili suspende greve de fome (médico) Veja Mais

Direto da Câmara - Confira os destaques da semana na Câmara - 19/11/21

Direto da Câmara - Confira os destaques da semana na Câmara - 19/11/21

Câmana dos Deputados Na edição desta sexta-feira do Direto da Câmara, o resumo das votações feitas no Plenário Ulysses Guimarães destaca mudanças feitas na área do trabalho e emprego. Os deputados aprovaram que caminhoneiro autônomo com renda de até R$ 250 mil ao ano seja considerado microempreendedor individual, o que garante benefícios tributários. Veja, também, entrevista em que o presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), defende projeto de resolução para tratar das emendas de relator ao Orçamento do país. E ainda: a garantia dada pelo ministro da Educação, Milton Ribeiro, diante dos deputados da Comissão de Educação, de que não está havendo controle ideológico sobre as questões do próximo Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que começa a ser aplicado no final de semana. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Bolsonaro quer vender armas e materiais bélicos ao Oriente Médio

O Tempo - Política Presidente afirma na live semanal que a indústria de armamentos brasileira quer estreitar comércio com países da região Veja Mais

Eletrobras aprova sindicato de bancos para estruturar oferta da privatização

G1 Economia Companhia projeta que a oferta de ações que vai diluir a participação da União na empresa ocorrerá até maio do próximo ano. Sede da Eletrobras no Rio Reuters A Eletrobras informou nesta sexta-feira (19) que seu conselho de administração aprovou a contratação de sindicato de bancos para estruturação da oferta de ações ("follow-on") do processo de privatização da companhia. LEIA TAMBÉM: Lucro da Eletrobras cai 65,7% no 3º trimestre, para R$ 965 milhões Trabalhadores vão poder usar FGTS para comprar ações da Eletrobras na privatização, diz governo Privatização da Eletrobras: entenda o projeto e os próximos passos Em comunicado, Eletrobras disse que os coordenadores líderes do processo do "follow-on" serão Bank of America, BTG Pactual, Goldman Sachs, Itaú BBA e XP Investimentos. Segundo a Eletrobras, os "bookrunners" da operação serão Bradesco BBI, Caixa Econômica Federal, Citi, Credit Suisse, JP Morgan, Morgan Stanley e Safra. A companhia projetou nesta semana que a oferta de ações que vai diluir a participação da União na empresa ocorrerá até maio do próximo ano, mais tarde do que o esperado anteriormente. Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

The Many Saints of Newark desvenda a gênese da Família Soprano (crítica)

The Many Saints of Newark desvenda a gênese da Família Soprano (crítica)

Tecmundo Poucas séries televisivas conseguem agrupar um culto tão fiel quanto Família Soprano, da HBO. Exibida entre os anos de 1999 e 2007, a série, criada pelo showrunner David Chase, foi reconhecida pela sua qualidade (recebeu 21 prêmios Emmy e cinco Globos de Ouro) e entrou para a memória da cultura popular. Até hoje, muita gente segue cativada pela saga da família capitaneada pelo mafioso Tony Soprano, um personagem extremamente carismático, cuja vida transitava entre as ações tomadas em prol dos negócios e suas crises de consciência (vale lembrar que Família Soprano se inicia com Tony indo parar na terapia, após ter crises de pânico).Para muitos críticos, Família Soprano configura como uma das séries mais impactantes na história da televisão. Ela seria um marco divisório na TV: uma era de ouro se iniciaria depois que a jornada de Tony, e dos incontáveis personagens ao seu redor, começou a ser contada pela HBO. Isso se dá por se tratar de uma série complexa, com um texto denso e repleto de nuances que requisitam um espectador preparado para acompanhá-la. Em um ensaio na revista Piauí, o crítico literário Alejandro Chacoff explicou: “a ruptura de Família Soprano com os dramas televisivos da década de 80 e 90 não é só temática; ela se dá também na forma. Os episódios não terminam com ganchos. As cenas de violência são menos frequentes do que é praxe nos filmes de máfia. A maioria dos mafiosos mais relevantes da série morre não em tiroteios ou brigas, mas de câncer, aneurismas e infartos; outro sofre de demência na velhice”.Leia mais... Veja Mais

Vencedores do 'Profissionais do Ano' 2021 são anunciados

G1 Economia Ao todo, foram mais de 700 trabalhos inscritos. Taís Araújo e Fernanda Gentil apresentaram a edição deste ano Divulgação Foram anunciados nesta sexta-feira (19) os vencedores do Prêmio Profissionais do Ano, que chegou à sua 43ª edição. A cerimônia foi transmitida de forma inédita e aberta no Globoplay. O Prêmio Profissionais do Ano é uma iniciativa da Globo que, há mais de 40 anos, reconhece e celebra talentos da publicidade brasileira. Ao todo, foram mais de 700 trabalhos inscritos, em todas as categorias do prêmio. Uma das novidades desta edição foi o retorno da categoria Valor Social, que ilumina um olhar mais profundo e urgente das marcas e empresas para temas sociais. Neste sábado (20), as campanhas premiadas no recorte nacional ganharão um espaço especial nos breaks comerciais da TV Globo. Veja abaixo os finalistas nas categorias nacionais e os vencedores em negrito: Campanha "EXPLICAÇÕES", para O Boticário, da ALMAPBBDO "PRIVACIDADE", para Itaú, da Africa "RIMAS", para Elo, da ALMAPBBDO Filme 30''+ "ARMÁRIOS", para Via Varejo, da VMLY&R Brasil "GUARANÁ 100 ANOS", para Ambev, da Soko "TATUAGEM", para O Boticário, da ALMAPBBDO Ações em conteúdo "AVON - ANGELA", para Instituto Avon, da Wunderman Thompson "FESTA DO PIJAMA NO BBB", para McDonald's, da DPZ&T "O UNIFORME OFICIAL DO BRASILEIRO", para Alpargatas , da Dojo Integrada "AVON TÁ ON", para Avon Cosméticos, da Wunderman Thompson "DESFILE Nº1", da Ambev-Brahma, da Africa "SANTANDER SX APRESENTA: O PIX", para Santander Brasil, da Suno United Creators FILME 15" "BELEZA DO PROCESSO", para a Heineken Brasil, da Suno United Creators "DUELO POWER FUSION", para Veja - Reckitt Benckiser, da Betc Havas "JUNTOS TEM MAIS SABOR", para a Recofarma, da Wunderman Thompson FILME 30" "ALICE", para Itaú, da Africa "CHICKENÊS", para Arcos Dourados, da DPZ&T "SAFIRA", para Nestlé Brasil, da Ogilvy Brasil "VIVO 4%", para Vivo, da Soko Valor Social "I WILL SURVIVE", para GGB (Grupo Gay da Bahia), da Propeg "NAQUELA MESA", para Governo da Bahia, da Morya "VALORIZE O COMÉRCIO LOCAL", para Senac L Fecomércio (Cuiabá/MT), da Renca Comunicação Também foram anunciados os vencedores das categorias regionais. Veja abaixo os ganhadores: Leste-Oeste Campanha: "SSEGUROS EMERGENCIAIS", para Unimed Goiânia, da AMP Propaganda Filme: "ENQUANTO HOUVER SOL", para Unimed Goiânia, da AMP Propaganda Norte-Nordeste Campanha: "ANIMAIS", para Blinclass, da Delantero Filme: "LEGÍTIMA ESTRELA", para Ambev, da Bando Propaganda Sul Campanha: "MANIFESTO SICREDI", para Sicredi, da HOC - House Of Creativity Filme: "BICICLETA", para Unimed Porto Alegre, da HOC - House Of Creativity Sudeste interior Campanha: "PRA FRENTE PRA FEMA", para Fundação Educacional do Município de Assis - FEMA, da Z5 Comunicação Filme: "PÉ GRANDE", para DS Peças Automotivas, da F&MD Sudeste capitais Campanha: "PAGAMENTOS NO WHATSAPP", para Meta, da ALMAPBBDO Filme: "NOVOS BEIJOS ICÔNICOS", para Mercado Livre, da GUT A relação completa de finalistas nacionais e regionais e detalhes da premiação podem ser conferidos no site: https://profissionaisdoano.globo/finalistas/nacional. Vídeos: Últimas notícias de economia Veja Mais

Dreamcast: do pior ao melhor, segundo a crítica

Dreamcast: do pior ao melhor, segundo a crítica

Tecmundo É impossível falar do Dreamcast sem sentir um gosto agridoce na boca. Afinal, esse console foi muito querido pelos poucos que tiveram o prazer de comprá-lo foi, mas também foi tão brilhante e à frente de seu tempo quanto subestimado pela massa, marcando a despedida da SEGA da produção de hardwares.Lançado em novembro de 1998 no Japão e em Setembro de 1999 nas Américas, ele deveria ter competido com o PlayStation 2, Gamecube e Xbox na sexta geração de consoles, mas foi descontinuado precocemente em março de 2001 tendo vendido apenas pouco mais de 9 milhões de unidades.Leia mais... Veja Mais

São Paulo sediará final brasileira do mundial de x1 de LoL neste sábado

São Paulo sediará final brasileira do mundial de x1 de LoL neste sábado

Tecmundo A cidade de São Paulo será o foco das atenções para os fãs de League of Legends neste fim de semana, pois neste sábado (20) vai acontecer a final nacional do Red Bull Solo Q, o torneio x1 amador mundial dentro do título da Riot Games.Após seis qualificatórias playoffs e mais de dois mil inscritos, o torneio chega à sua etapa final trazendo quatro competidores: o paraibano João ‘Biologia Show’ Gomes, o carioca Eduardo ‘Tadalol’ Uemura, o catarinense Luigi ‘Cavalo humano’ Conte e o paulista Felipe ‘BF’ Gonçalves.Leia mais... Veja Mais

Biden comemora avanço de seu plano de reforma social no Congresso dos EUA

em - Internacional A maioria da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos votou nesta sexta-feira (19) para enviar ao Senado o gigantesco projeto de lei de bem-estar social do presidente democrata Joe Biden, um passo importante para sua visão de uma sociedade mais justa e que é visto como uma peça central de sua agenda nacional.Na Câmara, foi dado sinal verde para o pacote de reformas de educação, saúde, meio ambiente e atenção à infância que podem definir o legado de Biden, que sancionou a primeira parte de um grande plano de infraestrutura há quatro dias.É "mais um passo gigantesco na execução de meu plano econômico para criar empregos, reduzir custos, tornar nosso país mais competitivo e dar aos trabalhadores e à classe média uma oportunidade de lutar", disse Biden após a votação.O chefe de estado, após uma breve transferência de poder para a vice-presidente Kamala Harris, enquanto se submetia a uma colonoscopia de rotina sob anestesia, retomou suas funções por volta das 11h35 (13h35, no horário de Brasília), informou a Casa Branca.A iniciativa social e ambiental de 1,8 trilhão de dólares apelidada de "Build Back Better" ("Reconstruir Melhor") provavelmente enfrentará uma prova mais difícil na Câmara Alta, onde alguns membros do Partido Democrata estão preocupados com a espiral inflacionária. A votação no Senado deve ocorrer em dezembro ou janeiro."Temos um projeto de lei de reconstrução que é histórico, transformador e maior do que qualquer coisa que fizemos antes", destacou a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, antes da votação.Pelosi esperava votar e aprovar a medida na quinta-feira, mas o líder da minoria republicana, Kevin McCarthy, atrasou a ação quebrando seu recorde de discurso mais longo na Câmara, com mais de oito horas e meia.McCarthy finalmente deu a palavra às 5h11 da manhã desta sexta-feira, após ter começado a falar às 20h38 do dia anterior.- Obstáculos no Senado -A legislação pode proporcionar milhões de empregos, de acordo com a Casa Branca, embora os republicanos a tenham caracterizado como um exemplo de gastos democratas descontrolados.Esse alerta foi replicado pela Câmara de Comércio dos Estados Unidos, que listou preços em alta, desafios nas cadeias de abastecimento e falta de mão de obra, lembrando que a onda de consumo desencadeada pela lei "pioraria as coisas".A inflação anual disparou para 6,2% no mês passado e se converteu em mais um argumento dos republicanos contra Biden, que pretende recuperar as duas casas do Congresso nas eleições de meio de mandato do próximo ano.Os republicanos se apegam a uma análise do escritório de orçamento do Congresso, que disse que o "Build Back Better" aumentaria o déficit em 367 bilhões de dólares em 10 anos.Mas a secretária do Tesouro, Janet Yellen, enfatizou na sexta-feira que o plano estava "mais do que totalmente pago" e ajudaria a reduzir o déficit a longo prazo, "pedindo às grandes corporações e pessoas com renda mais alta do país que paguem sua parte justa".Os democratas da Câmara teriam perdido o voto partidário se houvesse mais de três desertores. No final, apenas um democrata - de um distrito competitivo do Maine - juntou-se aos republicanos na rejeição ao projeto. Após a votação, Pelosi minimizou a possibilidade do texto passar por grandes mudanças no Senado, indicando que 90% dele foi acertado entre os democratas nas duas casas do Congresso e na Casa Branca."Houve algumas diferenças ao final e vamos resolver isso à medida que avançarmos", disse aos jornalistas.- Licença-maternidade -Sem o apoio de nenhum republicano, para aprovar o projeto de lei, os democratas precisam ter os votos de todos os seus membros no Senado, cujas 100 cadeiras são divididas quase igualmente entre as duas forças.Os senadores progressistas têm pressionado por um programa nacional de licença-maternidade paga e uma maior amplitude dos benefícios de saúde, embora os últimos dados da inflação possam prejudicar esses esforços. Os Estados Unidos são a única economia desenvolvida que não oferece licença parental remunerada. Psaki disse que o presidente deseja "absolutamente" que isso seja incluído no texto final.O senador estadual da Virgínia Ocidental, Joe Manchin, que se posicionou como o maior obstáculo enfrentado pela bancada democrata para levar a legislação à mesa de Biden, indicou que se opõe à licença-maternidade, um dos pontos mais populares do pacote. Veja Mais

OMC declara que tarifas dos EUA sobre azeitonas espanholas violam normas comerciais

em - Internacional A decisão dos Estados Unidos de aumentar as tarifas sobre as azeitonas espanholas porque estas se beneficiavam de subsídios são uma violação das regras internacionais de comércio, declarou nesta sexta-feira (19) a Organização Mundial do Comércio (OMC).Em 2018, o então presidente americano Donald Trump impôs sanções comerciais sobre as azeitonas espanholas, denunciando que estas recebiam subsídios e prejudicavam os preços dos produtos nacionais. A sobretaxa sobre o produto espanhol chegou a um máximo de 44%.A Comissão Europeia, o órgão executivo da União Europeia (UE), considerou a medida inaceitável e recorreu à OMC, onde um painel de especialistas analisou o caso.Na declaração desta sexta, os especialistas da organização internacional deram razão ao argumento da UE, segundo o qual as tarifas antissubsídios eram ilegais, mas não avalizou sua posição de que as sanções antidumping dos Estados Unidos violavam as leis de comércio internacional.O painel da OMC "recomenda que os Estados Unidos estabeleçam suas medidas em conformidade com as suas obrigações", declarou a organização.O comissário europeu de Comércio, o letão Valdis Dombrovskis, deu boas-vindas à decisão da OMC, lembrando que as sanções americanas "afetaram duramente os produtores de azeitonas espanhóis"."Esperamos que os Estados Unidos deem os passos necessários para aplicar o veredito da OMC, para que as exportações de azeitonas maduras da Espanha para os Estados Unidos possam ser retomadas em condições normais", disse.As exportações espanholas de azeitonas maduras aos Estados Unidos, que chegavam a 67 milhões de euros anuais, caíram quase 60% após a entrada em vigor das tarifas.Segundo o regulamento da OMC, as partes têm 60 dias para recorrer do veredito. Se Washington apelar, isso equivaleria, praticamente, a um veto à decisão. Veja Mais

Biden alerta para risco de 'violência' e pede calma após absolvição de Rittenhouse

em - Internacional O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu calma após a absolvição nesta sexta-feira (19) de Kyle Rittenhouse, um jovem branco que matou a tiros duas pessoas à margem de protestos antirracistas. O veredicto "mergulhou muitos americanos na ira e na preocupação, inclusive eu", escreveu o presidente em um comunicado, antes de pedir: "Faço um apelo a todos para que expressem suas opiniões de forma pacífica, em respeito à lei". Veja Mais

Jovem que matou com fuzil dois manifestantes antirracistas nos EUA é absolvido

O Tempo - Mundo Todos os doze jurados consideraram Kyle Rittenhouse, um jovem branco de 18 anos, "inocente" das cinco acusações contra ele Veja Mais

Tempo para negociações sobre programa nuclear iraniano é curto, alertam os EUA

em - Internacional O enviado americano para o Irã, Rob Malley, alertou nesta sexta-feira (19) que o Irã "não está no caminho certo" depois de aumentar suas reservas de urânio enriquecido, a 10 dias da retomada das negociações sobre seu programa nuclear."Os avanços do Irã estão semeando preocupação na região (...) O tempo para um retorno ao acordo é curto", disse Malley em uma conferência sobre segurança em Manama, Bahrein.Após cinco meses de suspensão devido à eleição do novo presidente ultraconservador, Ebrahim Raisi, as negociações entre o Irã e as grandes potências serão retomadas em Viena em 29 de novembro para tentar salvar o acordo de 2015 que impede Teerã de se munir de uma arma nuclear.Essas negociações ocorrem entre Teerã e os demais signatários (França, Alemanha, Reino Unido, Rússia e China), e os Estados Unidos participam indiretamente, depois que Washington se retirou do pacto em 2018.Na quarta-feira, a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) divulgou um aumento significativo na quantidade de urânio altamente enriquecido produzido nos últimos meses pelo Irã, contrariando seus compromissos no acordo."Se o Irã continuar nesse ritmo, chegará um momento em que será impossível ter benefícios, mesmo se voltar ao acordo", disse Malley."Caso reafirmem suas declarações, infelizmente não estamos no caminho certo. Mas esperamos para ver o que acontece", acrescentou. Veja Mais

TCU abre investigação de irregularidades no Enem e interferência no Inep

O Tempo - Política Há suspeitas de interferência direta do governo Jair Bolsonaro no conteúdo das provas Veja Mais

'Pergunta para o Guedes', diz Mourão sobre aumento de salário dos servidores

O Tempo - Política Bolsonaro confirmou na terça (16) que pretende usar uma parte da folga fiscal gerada pela eventual aprovação PEC dos Precatórios para conceder o aumento aos servidores federais Veja Mais

Pokémon: remake de Diamond & Pearl 'resolve' escassez do tipo fogo

Pokémon: remake de Diamond & Pearl 'resolve' escassez do tipo fogo

Tecmundo Quando foram lançados originalmente para Nintendo DS, em 2006, Pokémon Diamond e Pokémon Pearl tornaram o dilema do monstrinho inicial ainda mais difícil. Afinal, caso os jogadores não começassem suas aventuras com o simpático Chimchar, só havia Ponyta como outra opção do tipo fogo durante todo o resto do jogo.Hoje (19), com o lançamento dos remakes Pokémon Brilliant Diamond e Pokémon Shining Pearl, a Pokémon Company deu um jeito de "consertar" o problema da escassez de monstrinhos do tipo fogo. Agora é possível explorar uma nova área no subsolo, onde jogadores podem capturar monstros de bolso de vários tipos elementais diferentes.Leia mais... Veja Mais

Reino Unido quer classificar Hamas como uma 'organização terrorista'

em - Internacional O governo britânico anunciou nesta sexta-feira (19) sua intenção de classificar como "organização terrorista" o movimento islâmico palestino Hamas, no poder em Gaza, que denunciou a decisão como uma "condenação às lutas legítimas dos povos livres contra o colonialismo".Até agora, apenas seu braço armado, as brigadas Ezedin al Qasam, estava proibido no Reino Unido desde março de 2001, embora o Hamas esteja há muito tempo na lista de "organizações terroristas" dos Estados Unidos e União Europeia.Se a nova classificação for aprovada em um debate parlamentar na próxima semana em Londres, ser membro do Hamas ou promovê-lo levará à uma punição de até 14 anos de prisão pelas leis antiterrorismo britânicas, disse o Ministério do Interior em um comunicado."O Hamas tem capacidades terroristas significativas, incluindo acesso a um vasto e sofisticado arsenal e equipamento terrorista", disse a ministra Priti Patel no Twitter. "É por isso que estou agindo hoje para banir totalmente o Hamas", acrescentou."O Hamas é fundamentalmente e radicalmente antissemita", disse Patel em um discurso por ocasião de uma viagem a Washington, considerando necessário bani-lo para proteger a comunidade judaica.O primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett, saudou essa decisão, chamando o Hamas de "grupo islâmico radical que visa israelenses inocentes e busca a destruição de Israel".Por sua vez, o porta-voz do Hamas, Hazem Qasem, denunciou "um crime contra nosso povo palestino e sua história de luta, bem como uma condenação das lutas legítimas dos povos livres contra o colonialismo".A aplicação desta decisão representaria um "grande pecado político, moral e jurídico" por parte do Reino Unido, somando-se a "seu primeiro crime, a criação da entidade sionista e a declaração Balfour", acrescentou.Assinada em 1917 pelo Ministro das Relações Exteriores britânico Arthur Balfour, esta declaração de apoio ao estabelecimento de um lar nacional judeu na Palestina é considerada um marco importante para a criação de Israel em 1948.Em 2005, o exército israelense retirou-se unilateralmente de Gaza antes de impor um bloqueio ao território em 2007, quando o Hamas assumiu o poder após uma luta fratricida com o Fatah de Mahmoud Abbas.Desde então, Hamas e Israel lutaram quatro guerras (2008, 2012, 2014 e 2021). Veja Mais

Passageiros que pediram asilo durante escala em Barcelona deixam aeroporto

em - Internacional Os passageiros que aproveitaram para pedir asilo durante a escala em Barcelona de uma viagem com destino a Quito e Bogotá, na América do Sul, deixaram nesta sexta-feira (19) o aeroporto de El Prat e estão recebendo assistência da Cruz Vermelha, informaram as autoridades.Apenas quatro dos 39 solicitantes de asilo permaneciam no aeroporto no começo desta tarde, finalizando a documentação."A partir de agora, será tramitada a petição de asilo", indicou uma fonte da delegação do governo da Catalunha.Inicialmente, informou-se que os solicitantes eram libaneses, mas depois veio a confirmação de que eram refugiados palestinos que viviam em um acampamento nos arredores de Beirute, segundo informou à AFP Helena Martínez, uma advogada de Barcelona que prestou assistência a seis deles na quarta-feira. A polícia também confirmou que eram palestinos."São palestinos que estavam no Líbano em condição de refugiados", esclareceu a advogada, que especificou que eles portavam um documento de viagem expedido pelas autoridades libanesas. Segundo Martínez, os 39 migrantes saíram de Beirute para Adis Abeba, na Etiópia, onde começaram uma viagem que fez uma escala no Cairo, no Egito, antes de chegar a Barcelona. Lá, eles deveriam pegar conexões para Quito e Bogotá na segunda-feira, mas não embarcaram nesses aviões.Ao invés disso, se dirigiram às autoridades espanholas para solicitar refúgio. Após o início dos trâmites - que implica a assistência de um advogado e um primeiro pedido que deve ser respondido no período máximo de 96 horas -, os migrantes receberam nesta sexta autorização para deixar o aeroporto de El Prat e aguardar a resolução do trâmite completo, que pode levar meses.Os refugiados estão recebendo apoio do programa de assistência internacional da Cruz Vermelha, que também lhes oferece alojamento e orientação durante as diferentes fases do processo, informou a organização.Todas as fontes coincidiram em afirmar que o caso nada tem nenhuma relação com o ocorrido recentemente no aeroporto de Palma de Mallorca, nas Ilhas Baleares.Em 5 de novembro, pelo menos 24 passageiros de um voo entre Marrocos e Turquia fingiram que um deles estava passando mal para conseguir desviar o avião ao aeroporto de Palma de Mallorca, momento em que aproveitaram para descer e fugir correndo pela pista do terminal. O incidente obrigou as autoridades aeroportuárias a suspender os voos por mais de três horas.Dezesseis deles foram presos e a polícia está em busca dos outros oito. Veja Mais

Órgão dos EUA autoriza reforço da Pfizer e da Moderna para todos os adultos

O Tempo - Mundo Agora, qualquer adulto que tomou a dose única da Janssen, ou as duas doses da Pfizer ou da Moderna, deverão receber a terceira dose Veja Mais