Meu Feed

Últimos dias

Junta da Guiné diz ter mandado ex-presidente Conde para a casa da esposa

em - Internacional A junta militar que governa a Guiné anunciou nesta segunda-feira (29) que o presidente deposto, Alpha Conde, foi mandado para a casa da esposa, após tê-lo mantido incomunicável durante meses.Conde, de 83 anos, governou o país africado por quase 11 anos antes de ser deposto em 5 de setembro por um golpe militar.Em um comunicado transmitido pela TV estatal, a junta informou que Conde estava em casa com sua esposa, Hadja Djene Kaba Conde, em um subúrbio da capital. Não se esclareceu se ele está em prisão domiciliar ou se tinha outras restrições.A junta "continuará dando ao ex-chefe de Estado um tratamento de acordo com sua posição e o faz sem nenhuma pressão nacional ou internacional", acrescentou a declaração.A Comunidade Econômica de Estados da África Ocidental (ECOWAS) impôs sanções a vários dirigentes golpistas e exigiu "a libertação incondicional" de Conde.A ECOWAS também suspendeu a Guiné do bloco e pediu a realização de eleições em seis meses.O novo homem forte do país, o coronel Mamady Doumbouya, foi empossado em outubro como presidente interino.Embora tenha se comprometido a realizar as eleições e restaurar o comando civil, Doumbouya não fixou um prazo para a transição.O militar, ex-integrante da legião francesa, justificou o golpe ao acusar Conde de corrupção e autoritarismo.A junta dissolveu o governo e substituiu ministros, governadores e prefeitos por soldados e administradores escolhidos a dedo.Em 2010, Conde se tornou o primeiro governante eleito democraticamente da Guiné, mas provocou grandes protestos quando reformou a Constituição para permitir sua reeleição a um terceiro mandato.Embora tenha sido reeleito, seus críticos denunciaram aquela eleição como uma farsa. Veja Mais

Líbia e ONU alertam para intimidação que impediu apelação do filho de Kadhafi

em - Internacional O governo da Líbia e a ONU expressaram nesta segunda-feira (29) sua preocupação com uma campanha de intimidação que provocou o fechamento de um tribunal onde o filho do ex-ditador Muamar Kahafi apelaria da rejeição à sua candidatura presidencial.As eleições de 24 de dezembro ocorrem em um momento em que a Líbia tenta deixar para trás décadas de violência desde que um levante de 2011, apoiado pela Otan, depôs e matou Kadhafi.Na quarta-feira, a comissão eleitoral líbia rejeitou a candidatura de seu filho, Saif al Islam Kadhafi, procurado pelo Tribunal Penal Internacional por supostos crimes de guerra.Os candidatos rejeitados receberam prazo de 48 horas para apelar no tribunal.Mas na manhã de quinta-feira, um "grupo de foragidos" lançou um ataque contra a corte na cidade de Sebha (sul), forçando seu fechamento horas antes de que Seif al Islam fosse apelar, informou o governo em Trípoli.Incidentes similares ocorreram posteriormente, com homens armados supostamente ligados ao candidato presidencial Khalifa Haftar, homem forte do leste do país, impedindo o acesso à corte.O governo líbio informou em um comunicado na noite desta segunda-feira que estava "acompanhando com grande preocupação as tensões ao redor da corte de Sebha, que ameaçam a legitimidade da instituição judicial"."Ameaçar a vida de juízes ou tentar influenciar seu trabalho pode voltar a mergulhar Sebha em uma guerra civil", acrescentou.A missão da ONU para a Líbia, UNSMIL, disse em nota que "acompanha com grande preocupação o contínuo fechamento da Corte de Apelações de Sebha", onde informou que "os juízes são impedidos de exercer seus deveres legais, impedindo diretamente o processo eleitoral"."A UNSMIL também está alarmada pelos crescentes informes de intimidação e ameaças contra juízes e funcionários judiciais, especialmente aqueles que tratam das reclamações eleitorais, assim como contra candidatos", acrescentou o organismo.Seif al Islam está entre os 25 candidatos presidenciais, de um total de 98, cujas candidaturas foram rejeitadas. Veja Mais

Mineradora de Bitcoin dos EUA usará refrigeração imersiva em suas operações

canaltech A Riot Blockchain, empresa de mineração de criptomoedas localizada nos EUA, está trabalhando para usar resfriamento por imersão em seus equipamentos de mineração de Bitcoin (ACSII) em sua fazenda de ativos digitais no Texas. Com isso, a companhia esperar melhorar a eficiência do hardware, economizar com energia elétrica e diminuir o impacto de sua operação no meio-ambiente. STJ livra o Google de indenizar usuário que perdeu Bitcoin em invasão do Gmail Equipe da criptomoeda meme Shiba Inu alerta sobre golpes com o nome do ativo Segundo estudos, a solução consegue reduzir o calor gerado pelos equipamentos em 95%, mudando a temperatura do ambiente e dando mais longevidade aos aparelhos usados na mineração. Os estudos também mostram ser possível converter cerca de 40% desse calor em energia, gerando economia com a conta de luz da empresa e menos danos ao meio-ambiente. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- By submerging Bitcoin Miners in liquid, heat and noise is reduced by 95% and we can recapture up to 40% of the heat and convert this to power.Bitcoin will be 100% green by 2024.No other system will be more green. pic.twitter.com/IHwGbOLEDs — Brian Roemmele (@BrianRoemmele) October 28, 2021 Outro benefício do novo método é a redução em até 95% dos barulhos emitidos pelos equipamentos ao estarem submersos em líquidos. Embora pareça algo fútil, é importante frisar que uma empresa ilegal de mineração de criptomoedas do Canadá foi multada recentemente em R$ 30 milhões por conta de suas atividades, e ela só foi descoberta por conta dos sons estrondosos emitidos pelos aparelhos. A Riot Blockchain planeja implementar este sistema ainda em 2021. Resfriamento via líquido para minerar já vem sendo usado Embora a Riot Blockchain esteja se preparando para ser a primeira empresa a usar esta solução em ampla escala, o resfriamento via líquido em equipamentos de mineração de criptomoedas não é inédito. A mineradora canadense MintGreen, em outubro, anunciou está implementando um sistema de resfriamento de equipamentos chamado Digital Boilers (Caldeiras Digitais, em tradução livre) em suas fazendas, que também funciona a partir da imersão dos aparelhos em água. O diferencial é que a MintGreen pretende vender e distribuir o líquido usado no resfriamento para serviços de fornecimento de água quente da cidade de Vancouver do Norte. Dessa forma, a companhia espera economizar em gasto de energia elétrica ao mesmo tempo que estará ajudando a infraestrutura do município. A empresa pretende iniciar as operações com o Digital Boilers em 2022. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

"ABEL TINHA UM PLANO, E COMPRAMOS A IDEIA DELE" | Rony, campeão da Libertadores com o Palmeiras

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Rony #Palmeiras #Libertadores Veja Mais

Clássicos de Hollywood serão leiloados em Los Angeles

em - Internacional Peças que marcaram a história do cinema, como os nunchakus de Bruce Lee e o terno que John Travolta usou ao interpretar Vincent Vega em "Pulp Fiction", serão leiloadas esta semana em Los Angeles.Os itens, entre outros artefatos da cultura pop americana, fazem parte do leilão "Ícones e Ídolos: Hollywood", que será realizado entre quinta e sexta-feira pela casa especializada Julien's Auctions, em Beverly Hills.A venda inclui peças de clássicos do cinema e da televisão como "Batman", "Duro de Matar", "De Volta para o Futuro", "Mulher Maravilha", "Senhor dos Anéis", "Laranja Mecânica", "Seinfeld", "Game of Thrones", "Harry Potter" e "007".Destacam-se na coleção o macacão amarelo com listras pretas vestido durante as filmagens de "Jogo da Morte" (1978) por um dos dublês do falecido astro Bruce Lee; a prancha de surfe que Patrick Swayze usou no filme "Caçadores de Emoções" (1991); a roupa de Arnold Schwarzenegger em "O Exterminador do Futuro 2" e o laço da verdade que a atriz Gal Gadot usou em "Mulher Maravilha".São mais de 1.200 itens que remontam desde a época de ouro de Hollywood até produções contemporâneas. Além de roupas e objetos, serão leiloados roteiros, fotografias e bens pessoais de lendas do cinema como Marilyn Monroe, Doris Day e Jack Lemmon."Todos os anos, buscamos coisas que fazem as pessoas sonharem para oferecer em nosso leilão anual de 'Ícones e Ídolos: Hollywood'", disse Darren Julien, presidente da Julien's Auctions, que anunciou um catálogo de itens colecionáveis "altamente procurados por fãs e colecionadores do mundo inteiro". Veja Mais

Baltimore não convence? Cincinnati Bengals favorito? Era em Pittsburgh e mais! ESPN League

Baltimore não convence? Cincinnati Bengals favorito? Era em Pittsburgh e mais! ESPN League

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #ESPNLeague #ESPN #NFL Veja Mais

Pretty Little Liars: Lucy Hale reage ao reboot da série no HBO Max

Pretty Little Liars: Lucy Hale reage ao reboot da série no HBO Max

Tecmundo Pretty Little Liars foi um sucesso no mundo das séries e marcou a vida de diversas pessoas ao longo das temporadas, com um elenco único que incluía Lucy Hale como Aria e Ashley Benson como Hanna.Agora, o HBO Max irá produzir um reboot da série chamado Pretty Little Liars: Original Sin, que entrará no catálogo de seus seriados em 2022, estrelando as atrizes Bailee Madison e Maia Reficco.Leia mais... Veja Mais

Ucrânia teme invasão e pede ação rápida para 'frear' a Rússia

em - Internacional A Ucrânia pediu nesta segunda-feira (29) a seus aliados que ajam com rapidez para dissuadir a Rússia de invadi-la, afirmando que uma ofensiva russa poderia começar "em um abrir e fechar de olhos"."É melhor agir agora, não mais tarde" para "frear a Rússia", disse o chefe da diplomacia ucraniana, Dmitri Kuleba, em sessão informativa on-line.Segundo Kuleba, a Rússia reuniu 115.000 efetivos no entorno da Ucrânia, assim com na Crimeia - península ucraniana anexada por Moscou em 2014 - e nos territórios controlados pelos separatistas no leste do país."O que estamos vendo é muito grave. A Rússia mobilizou uma grande força militar perto da fronteira ucraniana. Isto inclui tanques, sistemas de artilharia, sistemas de guerra eletrônica, forças aéreas e navais", alertou.Nas últimas semanas, os Estados Unidos, a Otan e a União Europeia têm expressado sua preocupação com a movimentação das tropas russas em volta da Ucrânia, temendo uma possível invasão. A Rússia negou qualquer plano deste tipo e acusou a Ucrânia e seus aliados ocidentais de aumentarem as "provocações". O leste da Ucrânia está mergulhado em uma guerra entre o governo de Kiev e os separatistas pró-russos desde 2014, que estourou pouco depois de Moscou anexar a Crimeia. Desde então, o conflito deixou mais de 13.000 mortos.Apesar de seus desmentidos, a Rússia é acusada de apoiar os separatistas pró-russos e de fornecer-lhes homens e armas.Em Washington, o porta-voz do Pentágono, John Kirby, chamou as movimentações de tropas russas de "uma preocupação contínua" e reafirmou o apoio às forças ucranianas, embora tenha minimizado qualquer expectativa de uma intervenção militar americana."Continuamos vendo movimentação, continuamos vendo que aumentam suas forças" perto da fronteira com a Ucrânia, informou Kirby."Estamos observando muito de perto", declarou a jornalistas, acrescentando que "não visualizamos uma intervenção militar americana neste conflito". Veja Mais

Chile suspende a abertura de fronteiras terrestres devido à variante ômicron

em - Internacional O governo chileno anunciou nesta segunda-feira (29) a suspensão da abertura de três travessias de fronteiras terrestres prevista para quarta-feira devido à variante ômicron da covid-19, e também a proibição de entrada no país de pessoas provenientes de sete nações africanas."Devido à situação global da variante ômicron, decidimos adiar a abertura das travessias terrestres anunciadas há alguns dias", disse Alberto Dougnac, subsecretário de Redes Assistenciais, durante uma declaração sobre a situação da pandemia no Chile.As passagens que seriam abertas são Chacalluta, na fronteira com o Peru; Pino Hachado, na divisa com a Argentina; e Colchane, na fronteira com a Bolívia.Suas aberturas serão reavaliadas em duas semanas, enquanto se aguarda a evolução epidemiológica nacional e internacional da variante ômicron, explicou Dougnac, segundo comunicado do Ministério da Saúde.A ômicron foi identificada pela primeira vez na semana passada na África do Sul e já se expandiu para países como Reino Unido, Alemanha, Canadá, Holanda, Israel, Portugal, Áustria, Escócia e Espanha.O Chile também anunciou que "a partir de quarta-feira, 1º de dezembro, será proibida a entrada de estrangeiros não residentes que tenham estado nos últimos 14 dias em um dos seguintes países: África do Sul, Zimbábue, Namíbia, Botswana, Lesoto, Eswatini e Moçambique".Podem entrar no país sul-americano por aeroportos habilitados todos os chilenos e estrangeiros residentes; todos os estrangeiros não residentes vacinados com imunizantes validados pelo Ministério da Saúde; todos os estrangeiros não residentes que atendam a algum requisito excepcional previsto pelo governo; e todas os menores de 6 anos, independentemente da nacionalidade, indicou o Ministério da Saúde.No Chile, há mais de 1,7 milhão de infecções e mais de 38 mil mortes por covid-19 desde a chegada do vírus ao país em março do ano passado. Veja Mais

CRAQUE NETO: “FLAMENGO FOI MUITO ARROGANTE E SOBERBO" | BAITA AMIGOS

CRAQUE NETO: “FLAMENGO FOI MUITO ARROGANTE E SOBERBO

Band Sports Apresentador do Baita Amigos criticou o comportamento dos jogadores da equipe carioca na final da Libertadores. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Governo Zema impõe sigilo de 10 anos a acordo de leniência com AG

O Tempo - Política Detalhes dos crimes admitidos e dos agentes envolvidos são poderão vir a público em 2031 Veja Mais

Carro elétrico tem câmbio? | Saiba como funciona a ré e mais curiosidades

canaltech O carro elétrico está na moda, vem aumentando o número de vendas no Brasil e, claro, aguçando a curiosidade de quem ainda não viu ou experimentou a sensação de dirigir um veículo com essa motorização que em breve se tornará maioria nas ruas dos quatro cantos do planeta. 5 curiosidades sobre os carros elétricos Mitos e verdades sobre carros elétricos Para você, canaltecher que se enquadra nesse perfil, preparamos um material diferente, voltado especialmente para um ponto específico desses carros: o câmbio. Afinal de contas, carro elétrico tem câmbio? Automático ou manual? Quantas marchas ele tem? E o ponto morto? Funciona como em um carro comum? É verdade que ele atinge a velocidade máxima mesmo quando está dando ré? Foto: Paulo Amaral/Canaltech São muitas as perguntas e as curiosidades, e nós temos a resposta para todas elas. Vamos começar dando um pequeno spoiler e afirmando que sim, o carro elétrico tem câmbio, mas o funcionamento dele é bem diferente do que estamos acostumados a ver em veículos a combustão, sejam eles manuais ou automáticos. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Então, sem mais, vamos responder às 5 principais dúvidas sobre carro elétrico e o “mistério do câmbio”. 5. Carro elétrico tem câmbio? Imagem: Divulgação/Mini Simples e direto: sim, carro elétrico tem câmbio. A diferença está na construção dele. Enquanto os carros a combustão contam com uma caixa de câmbio repleta de engrenagens e um sistema complexo, o câmbio do carro elétrico, na verdade, é bem mais simples. Ao colocar o câmbio do carro elétrico na posição “D” (drive) e pisar no acelerador, o motor elétrico recebe a energia da bateria. Como ele é ligado diretamente ao diferencial do carro, as rodas começam a se movimentar. A intensidade/velocidade depende exclusivamente da pisada, já que todo o torque disponível é despejado sem a necessidade de aumentar a rotação do motor. 4. Quantas marchas tem o câmbio do carro elétrico? Imagem: Divulgação/Porsche Os carros elétricos, em sua grande maioria, possuem apenas uma marcha (além da ré). Somente modelos específicos, como o Porsche Taycan, elétrico mais vendido do Brasil no primeiro semestre de 2021, possuem duas marchas (como na foto acima). A marca inovou e acrescentou uma primeira, reduzida, para “oferecer uma arrancada veloz e ter boa máxima”, mas, de acordo com os engenheiros, em condições normais, o carro sempre sai em segunda marcha. 3. Carro elétrico tem câmbio manual? Imagem: Reprodução/CarNewsChina A terceira pergunta sobre o câmbio do carro elétrico pode ser respondida tanto positiva quanto negativamente. Não entendeu? É simples. Na verdade, os modelos de carros elétricos que encontramos por aí NÃO TÊM câmbio manual, mas há uma exceção. A marca chinesa BYD criou o e3 especialmente para atender à demanda de auto-escolas. Segundo o site CarNewsChina, o sedã é equipado com um seletor que permite simular modos diferentes de condução e até mesmo a troca de marchas, como se fosse um modelo tradicional, a combustão. Ou seja: ele segue sendo um câmbio automático, mas que simula as trocas manuais. 2. Ponto morto, ou marcha neutra Foto: Paulo Amaral/Canaltech Outra diferença encontrada entre o câmbio de um carro elétrico e um a combustão está na marcha neutra (“N”) ou, como é popularmente conhecido, o ponto morto. Nos carros a combustão, é o ponto morto que faz com que a placa de embreagem se desengate do motor e deixe as rodas livres para girar, permitindo a famosa “banguela”. Nos carros elétricos, no entanto, ou na imensa maioria deles, não existe função para a marcha neutra. Afinal, os EVs utilizam a eletricidade para acelerar e para frear, e isso significa que não é possível desconectar as rodas do motor. O “N” de um carro elétrico funciona apenas para desconectar os freios e permitir que o carro seja empurrado por poucos metros. É por isso que ele não pode ser rebocado com as rodas no chão, lembram? 1. Como funciona a ré do carro elétrico? Foto: Paulo Amaral/Canaltech Vamos fechar nossa listinha de perguntas e respostas sobre o câmbio do carro elétrico abordando a marcha a ré. Para começo de conversa, temos que pontuar, novamente, que o funcionamento dela é diferente do que estamos acostumados nos carros a combustão. A marcha a ré no carro elétrico funciona simplesmente comandando o motor a inverter a rotação. Desta forma, o veículo começará a acelerar na direção oposta. E, com isso, abrimos espaço para responder a mais uma pergunta dentro deste tópico: é possível alcançar a velocidade máxima também com a ré engatada? Na teoria, sim, mas, na prática (e ainda bem), isso não é possível. Como o sistema é exatamente o mesmo, independentemente da direção que o veículo está acelerando, há limitação eletrônica de velocidade para quando a ré está engatada. Afinal, se o torque imediato despejado em marcha a ré fosse total, a condução seria extremamente perigosa. E aí: entendeu melhor o funcionamento de um câmbio de carro elétrico? Esperamos que as dúvidas tenham sido esclarecidas, mas, se ainda restou alguma questão, basta interagir como Canaltech nas redes sociais. Com informações: CarNewsChina, Webmotors Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Júnio Amaral comenta gestão cívico-militar em escolas públicas - 29/11/2021

Júnio Amaral comenta gestão cívico-militar em escolas públicas - 29/11/2021

Câmana dos Deputados A Comissão de Segurança Pública da Câmara aprovou o projeto de lei que regulamenta a gestão cívico-militar nas escolas públicas da educação básica (PL 4938/19). O relator da proposta foi o deputado Júnio Amaral (PSL-MG), entrevistado neste Palavra Aberta. Apresentação: Cassiana Tormin Direção: Guga Caldas Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Ex-CEO do Twitter vai focar na fintech Square; conheça a empresa

Ex-CEO do Twitter vai focar na fintech Square; conheça a empresa

Tecmundo Nesta segunda-feira (29), sem alarde, o co-fundador do Twitter, Jack Dorsey, anunciou que deixará sua posição como Diretor Executivo (CEO) na empresa. A princípio, a novidade dividiu uma boa parcela dos usuários na plataforma, que reagiram com piadas e elogios na publicação original. Todavia, uma parte específica dos comentários comemorou a decisão, sugerindo que o empresário agora poderá se dedicar em tempo integral às criptomoedas.Conheça: Quem é Parag Agrawal, o novo CEO do Twitter?Leia mais... Veja Mais

"ABEL FERREIRA SE TRANSFORMOU NO MAIOR TREINADOR DO PALMEIRAS", DIZ VELLOSO | BAITA AMIGOS

Band Sports Comentarista do Baita Amigos valorizou o trabalho decisivo do treinador nos principais jogos da Libertadores. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

STJ suspende liminar que obrigava governo de MG a informar saldo de contas

O Tempo - Política Decisão foi tomada pelo presidente do tribunal, Humberto Martins, após recurso do governo Zema Veja Mais

Homem-Aranha: Sony confirma mais três filmes do herói aracnídeo

O Tempo - Diversão - Magazine Terceiro longa do super-herói da Marvel, "Sem Volta Para Casa" tem estreia prevista para o dia 16 de dezembro Veja Mais

A Voz do Brasil - Direitos para entregadores de aplicativos está na pauta do Plenário - 29/11/21

A Voz do Brasil - Direitos para entregadores de aplicativos está na pauta do Plenário - 29/11/21

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Projeto que regulamenta direitos para entregadores de aplicativos está na pauta do Plenário ✔️Debatedores alertam que fome atinge mais da metade dos lares brasileiros ✔️Após sanção da nova lei, deputados cobram regulamentação do auxílio gás Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-termos-de-uso/ Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeputados/ https://www.tiktok.com/@camaradosdeputados? https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #AVozdoBrasil #RádioCâmara Veja Mais

Pfizer e J&J trabalham em versões de suas vacinas anticovid contra a ômicron

em - Internacional As farmacêuticas Pfizer e Johnson & Johnson informaram nesta segunda-feira (29) que começaram a trabalhar em uma nova versão de suas vacinas anticovid direcionadas mais especificamente para a variante ômicron, caso os imunizantes adotados atualmente não sejam suficientemente eficazes."Ainda há muitas coisas que não sabemos" sobre a nova variante, detectada no sul da África e considerada "preocupante" pela OMS, disse o diretor-executivo da Pfizer, Albert Bourla."Saberemos o essencial do que precisamos saber em poucas semanas", acrescentou.A empresa vai realizar testes para avaliar a eficácia da vacina atual, desenvolvida com a BioNTech, contra a ômicron. Mas se "proteger menos e acharmos que há uma necessidade de criar uma nova vacina, já começamos a trabalhar desde sexta-feira. Fizemos nosso primeiro modelo de DNA, que é a primeira etapa do desenvolvimento de uma nova vacina", explicou.A Pfizer já criou duas novas versões de sua vacina em menos de cem dias, contra as variantes delta e beta, que acabaram não sendo usadas. "Em 95 dias, teremos a nova vacina contra a ômicron", disse Bourla.O grupo tem capacidade de produzir quatro bilhões de doses no ano que vem, acrescentou.A Johnson & Johnson, por sua vez, destacou em um comunicado "estar avaliando a eficácia da sua vacina contra a covid-19 frente às vatiantes", inclusive a ômicron.Paralelamente, o grupo "está trabalhando em uma vacina mais específica para a ômicron, que desenvolverá se necessário".O laboratório "continua confiando" na resposta imunológica de sua vacina atual, de dose única, frente às diversas variantes, assegurou Mathai Mammen, encarregado de pesquisas da Janssen, braço da J&J que desenvolve vacinas.O laboratório Moderna, que também produz uma vacina contra a covid, anunciou na sexta-feira sua intenção de desenvolver uma dose de reforço específica para a ômicron.O diretor da Pfizer afirmou, porém, que ainda confia na vacina que é distribuída atualmente, indicando que a farmacêutica usou "uma boa dosagem desde o início".A pílula anticovid desenvolvida pela Pfizer para tratar a doença, que apresentou uma eficácia de 89% contra hospitalizações e mortes em ensaios clínicos, foi também "desenvolvida com a ideia" de que haveria mutações do vírus, afirmou Bourla."Tenho confiança na capacidade (da pílula) de funcionar com todas as mutações, incluindo a ômicron", enfatizou.PFIZERBioNTech Veja Mais

PREÇO DE BLACK FRIDAY | 4 notebooks da Dell que continuam em oferta

canaltech Vários notebooks da marca continuam com preços que valem a pena, mantendo os descontos que apareceram durante a Black Friday . Veja Mais

"SYLVINHO TEM ALGUNS MÉRITOS INTERESSANTES NO TIME", DIZ RAÍ MONTEIRO | BOLA ROLANDO

Band Sports Jornalista analisou os pontos positivos do trabalho do técnico do Corinthians. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Casas Bahia vende Galaxy Note 20 com 80% de desconto e cancela pedidos

Casas Bahia vende Galaxy Note 20 com 80% de desconto e cancela pedidos

Tecmundo Consumidores brasileiros têm reclamado de uma promoção de Black Friday da Casas Bahia que prometia um desconto de 80% em celulares, mas que a loja deliberadamente cancelou os pedidos. Entre os produtos, um Samsung Galaxy Note 20 vinha sendo comercializado entre R$ 600 e R$ 800, embora seu preço regularmente possa ultrapassar a faixa dos R$ 3 mil.Nas redes sociais e também no Reclame Aqui, consumidores têm alegado que a loja, pertencente ao grupo Via Varejo, praticou uma promoção enganosa. Segundo os relatos, banners e links promocionais começaram a divulgar a promoção já na sexta-feira (26), no dia do evento de vendas, embora os pedidos tenham sido cancelados pouco depois.Leia mais... Veja Mais

Futebol no Mundo #59: Crise dentro e fora de campo na Juventus e nova lesão de Neymar

Futebol no Mundo #59: Crise dentro e fora de campo na Juventus e nova lesão de Neymar

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #ESPNBrasil #ESPN #ESPNnoStarPlus #StarPlusBR #FoxSports #FoxSportsBrasil Veja Mais

Herdeiros da Gucci ameaçam processar filme de Ridley Scott

O Tempo - Diversão - Magazine O texto afirma que eles se sentiram particularmente ofendidos com a descrição de Patrizia Reggiani, que, dizem, foi apresentada como vítima Veja Mais

ABEL FERREIRA FICA OU SAI? COMENTARISTAS DISCUTEM FUTURO DO TÉCNICO DO PALMEIRAS | BOLA ROLANDO

ABEL FERREIRA FICA OU SAI? COMENTARISTAS DISCUTEM FUTURO DO TÉCNICO DO PALMEIRAS | BOLA ROLANDO

Band Sports Técnico do Palmeiras não garantiu permanência no clube após a conquista de mais uma Libertadores. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Marvel destaca retorno de Darkhawk com poderes que surpreendem Miles Morales

canaltech O Universo Marvel é repleto de heróis dos mais variados tipos, e que às vezes acabam sumindo durante anos para voltarem em uma nova versão, com uma nova identidade secreta. Esse é o caso do atual Falcão de Aço (mais conhecido no Brasil como Darkhawk mesmo, embora em um nicho limitado, porque nunca foi muito publicado por aqui), que está confuso após ser salvo por Miles Morales, um dos sucessores de Peter Parker como Homem-Aranha. Os melhores vilões do Homem de Ferro de todos os tempos Nova HQ mostra Kid Thanos, a versão infantil e tão insana quanto o Titã Louco Aviso: Spoilers a seguir! Connor Young, um atleta de basquete, por um acaso do destino encontrou um Amuleto de Rapina, que permite que ele transfira sua consciência para uma armadura do império Shi’ar conhecida como o Falcão de Aço. Suas aventuras estão sendo narradas na minissérie Darkhawk. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- E, após ser resgatado por Miles na terceira edição da saga, Connor descobre uma nova habilidade bem interessante do Amuleto de Rapina. Prévia de Darkhawk #4 mostrando conversa entre o Falcão de Aço e Miles Morales (Imagem: Reprodução/Marvel Comics) Na prévia de Darkhawk #4, com roteiros de Kyle Higgins e arte de Juanan Ramírez, Miles está acordando Connor, que, ao ver que o Homem-Aranha está de seu lado, remove seu capacete e revela sua identidade secreta para o jovem herói. Enquanto Connor remove o capacete, sua mão, que na última edição havia sido decepada, é restaurada, mostrando que o herói regenera seus danos ao mudar entre a forma humana e Shi'ar. Miles, surpreso, tanto com a regeneração quanto a identidade do Falcão de Aço, oferece-se para pagar um lanche ao colega. Um herói sofredor Desde que se tornou o novo Falcão de Aço da Marvel, a vida de Connor Young não tem sido fácil. Ele recentemente descobriu que seu melhor amigo, Derek, foi coagido a entrar em uma gangue de criminosos, o que fez com que os colegas tivessem que lutar um contra o outro. Após o confronto, Derek foi convencido do erro de entrar no crime, e acabou morto por seus superiores. Ao mesmo tempo, para completar a tragédia na vida do jovem herói, Connor descobriu que o Amuleto de Rapina que permite ele transferir sua consciência para o Falcão de Aço pode estar acelerando a sua esclerose múltipla, fazendo com que sua vida fora do vigilantismo esteja em risco. Tenha acesso a mais de 1 milhão de livros digitais com o Amazon Kindle Unlimited! A minissérie Darkhawk será composta, no total, cinco edições. O número quatro será lançado no começo de dezembro nos EUA, e pelo que vimos na prévia, com certeza fará Connor passar por poucas e boas até chegar no gancho para a conclusão, com lançamento previsto para janeiro. Com tudo isso, só podemos torcer para que o jovem herói consiga encontrar momentos de paz no meio de todo esse caos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Facebook pode ter compra do Giphy desfeita em decisão no Reino Unido

canaltech A Meta, antes conhecida como Facebook, pode não receber autorização da Autoridade de Competição e Mercados (CMA) do Reino Unido para a compra do Giphy. O órgão está pronto para reverter a operação e a prazo final para o anúncio da decisão é quarta-feira (1º). Facebook é multado em quase R$ 400 milhões por não esclarecer compra do Giphy Facebook pode ter de vender Giphy após análise antitruste no Reino Unido A compra foi anunciada em maio de 2020 e envolveu uma soma de US$ 400 milhões (mais de R$ 2,23 bilhões na cotação atual). Os reguladores antitruste do Reino Unido e da Austrália passaram a avaliar a transação um mês depois do acordo entre as empresas. Inicialmente, a CMA emitiu uma ordem para que o Facebook paralisasse a integração com o Giphy enquanto a investigação era conduzida. Em agosto de 2021, um relatório inicial informou que a fusão afetaria os concorrentes e que a única solução era que a Meta vendesse o Giphy. Meta pode ter de desisitr de compra do Giphy (Imagem: Reprodução/Facebook) Isso porque, se a empresa tivesse o controle do Giphy, teria uma vantagem injusta sobre as mídias sociais concorrentes, como o Snapchat e o TikTok, que também usam o recurso. Sem contar que isso removeria o Giphy do cenário de concorrentes no segmento de exibição de publicidade. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Embora ambas as empresas sejam americanas, a CMA pode intervir em qualquer aquisição que as partes controle mais de 25% de um serviço oferecido no Reino Unido. Juntos, Meta e Giphy controlariam de 80% a 90% do mercado de busca de adesivos animados. Em outubro, a CMA multou o Facebook em US$ 70 milhões porque a empresa não apresentou informações de como pretendia continua a competir com o Giphy. A empresa, por sua vez, argumentou que estava fazendo o possível para cumprir os requerimentos da CMA. Bloqueio completo ou parcial Greg Taylor, professor associado de economia no Instituto de Internet de Oxford, aponta que a CMA pode bloquear a operação completa ou parcialmente. Se o órgão optar por desfazer o negócio entre Meta e Giphy, isso pode se tornar uma referência para outras grandes empresas de tecnologia. Ele destaca que, fora do setor, fusões são investigadas o tempo todo e não é incomum que tenham de fazer alguma reparação. “Já no segmento de tecnologia quase nunca houve grandes intervenções para impedir fusões de grandes empresas. Nas duas últimas décadas, elas adquiriram centenas de companhias", destaca Taylor. “Essa é a primeira vez e acho que significa que estão impondo limites.” Compra dá vantagem a Meta sobre concorrentes (Imagem: Reprodução/Facebook) Nos últimos anos, a Meta e outras empresas do mesmo porte no segmento têm sido constantemente investigadas por órgão reguladores por práticas anticompetitivas. Em julho de 2020, o deputado democrata David Cicilline, que dirige o subcomitê antitruste, disse que a companhia deveria ser dividido por ter "comportamento clássico de monopólio". No início de novembro, fundadores do app Phhhoto iniciaram uma ação judicial contra o Facebook. Eles dizem que plataforma clonou e destruiu seu aplicativo depois de inicialmente tentar fazer uma parceria com a desenvolvedora. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Termina marcha de 200 km liderada por Evo Morales em apoio a governo da Bolívia

em - Internacional Uma marcha de quase 200 quilômetros, encabeçada pelo presidente da Bolívia, Luis Arce, e por seu padrinho político, o ex-presidente Evo Morales, em apoio ao governo, chegou nesta segunda-feira (29) a La Paz após seis dias de caminhada. "Hoje, o povo boliviano fez história novamente!", disse Arce em um ato após a chegada da chamada "Marcha ela Pátria" até a sede do governo. "Sempre que o povo está assim como hoje, a terra treme", acrescentou o presidente esquerdista, que acompanhou a caminhada durante alguns trechos do percurso. Morales esteve presente em todo o trajeto, acompanhado de milhares de militantes do governista Movimento ao Socialismo (MAS). "Disseram: 'os selvagens não vão voltar'. Os 'selvagens' estamos outra vez no governo!", reforçou o ex-presidente (2006-2019), referindo-se à oposição conservadora que governou o país entre 2019 e 2020. O secretário Executivo da Central Operária Boliviana (COB), Juan Carlos Huarachi, criticou duramente em seu discurso o governo de Santa Cruz, reduto da oposição, situado no leste do país, e ameaçou "nacionalizar todas as empresas e indústrias" deste departamento (estado), o mais rico da Bolívia."Não nos provoquem", alertou o dirigente afim ao governo.A marcha saiu em 23 de novembro do povoado de Caracollo, no departamento de Oruro (oeste), depois de uma cerimônia da qual participou a cúpula do governo e que terminou com um ritual aimara de agradecimento à Mãe Terra. No terceiro dia do trajeto, o embaixador argentino na Bolívia, Ariel Basteiro, somou-se à marcha, uma decisão que a oposição do país andino o considerou uma "ingerência", ao ponto de os legisladores argentinos anunciarem que o tema seria discutido no Congresso. O embaixador da Nicarágua, Elías Chévez, também participou da mobilização. Ao longo do caminho, representantes de diversos sindicatos, como mineiros, industriais e camponeses, foram se somando à caravana. Também se juntaram membros de organizações indígenas afins ao MAS de várias regiões do país. Eles vestiam trajes típicos, colares de flores e agitavam wiphalas, bandeiras símbolos dos povos originários dos Andes. "Formos explorados durante 500 anos (...) Queremos uma Bolívia livre; por esta razão estamos aqui", afirmou a militante aimara Gregoria Condori, de 64 anos. A marcha em apoio ao governo esquerdista tinha sido convocada por Morales em 12 de novembro, em meio a uma greve impulsionada pela oposição contra uma polêmica lei de lavagem de dinheiro, que o Congresso, controlado pela situação, acabou anulando. O país sul-americano vive uma profunda divisão política desde 2019, quando Morales renunciou à Presidência após perder o apoio das Forças Armadas e da polícia, em meio a protestos maciços contra ele e a acusações de fraude eleitoral quando tentava a reeleição a um quarto mandato. Novamente no poder desde 2020, o MAS acusa a oposição conservadora de ter organizado um suposto "golpe de Estado" contra Morales para levar à Presidência a direitista Jeanine Áñez, atualmente em prisão preventiva. Veja Mais

Transparência ao orçamento secreto: Veja como deputados votaram

O Tempo - Política A proposta determina transparência a partir da promulgação da lei, mas deixa de fora os dados sobre as emendas de relator de 2020 e 2021. Veja Mais

"GABIGOL É UM GRANDE JOGADOR, MAS O PRÊMIO DE CRAQUE DA LIBERTADORES PODERIA SER MEU" |Raphael Veiga

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Palmeiras #Flamengo #Libertadores Veja Mais

Receita Federal mira bilhões de reais em criptomoedas associadas a crimes

canaltech Bilhões em reais em criptomoedas de suspeitos de crimes devem ser apreendidos em 2022 pela Receita Federal. Essa atividade envolve cada vez mais agências de investigação em diferentes países. E empresas que rastreiam moedas digitais se unem ao movimento. Entre os principais alvos das operações estão chefes do crime organizado e praticantes de delitos fiscais, como evasão de divisas e lavagem de dinheiro. Mercado Livre vai permitir transações de criptomoedas no MercadoPago Quase 5 mil criptomoedas foram lançadas em um ano O aumento no volume de crimes relacionados a esses ativos fez unidades de inteligência da Receita Federal buscarem capacitação sobre o assunto. Outros órgãos de investigação seguem o mesmo caminho. O Ministério Público de São Paulo promoveu três encontros em novembro para informar os profissionais. Nos EUA, apenas em 2021, foram apreendidos US$ 3,5 bilhões (R$ 19,6 bilhões) em criptomoedas. Em conversa com a Bloomberg, o chefe de investigações da Receita Federal dos EUA (IRS) diz que espera que em 2022 mais apreensões sejam feitas. Entre os crimes que resultam em apreensões estão fraudes eletrônicas, lavagem de dinheiro, tráfico de drogas e sonegação de impostos. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Receita Federal quer apreender criptomoedas relacionadas a crimes (Imagem: Reprodução/Unsplash/Stanislaw Zarychta) IRS recebeu mais poderes No Brasil, desde 2019, empresas de criptomoedas e investidores já são obrigados a declarar movimentações desses recursos. Já nos EUA, o Congresso aprovou um pacote de medidas, sancionado depois por Joe Biden. O IRS recebeu mais poderes: um deles é fiscalizar as transações com criptomoedas no país. Para implementar medidas mais rígidas, entretanto, o órgão espera um reforço de agentes e sistemas de informação, o que facilitaria o combate aos crimes cibernéticos no país. A prioridade na unidade de investigação criminal é capacitar os agentes em criptomoedas, blockchain e sistemas de código aberto. O objetivo é oferecer ferramentas para o combate de esquemas criminosos complexos. Nos EUA, o combate aos ransomwares é prioridade e pode ter levado à ação no segmento de criptomoedas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Aprovada mais transparência para emendas do Orçamento - 29/11/2021

Aprovada mais transparência para emendas do Orçamento - 29/11/2021

Câmana dos Deputados Congresso aprova regras que dão mais transparência às emendas do relator do Orçamento. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

CRAQUE NETO: "É UMA VERGONHA O MESSI GANHAR A BOLA DE OURO ESSE ANO" | BAITA AMIGOS

CRAQUE NETO:

Band Sports Apresentador disse que Robert Lewandowski merecia ganhar o prêmio da revista France Football. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

UNESCO: 193 países adotam primeiro acordo internacional de IA

UNESCO: 193 países adotam primeiro acordo internacional de IA

Tecmundo Em 1942, o escritor Isaac Asimov definiu as três principais leis da robótica, com a intenção de limitar os comportamentos de robôs e evitar qualquer atitude que prejudique humanos. Agora, a UNESCO revelou um plano semelhante, contudo, desta vez, a proteção é contra os possíveis problemas causados por inteligências artificiais (IA).A organização revelou que a primeira estrutura do acordo para uso de IA já está pronta. Na última quinta-feira (25), a UNESCO revelou que 193 países se uniram para adotar o primeiro acordo global sobre a ética de inteligência artificial.Leia mais... Veja Mais

Operação global contra fraudes por e-mail prende mais de 1 mil pessoas

canaltech Uma operação global coordenada pela Interpol levou à prisão de 1.003 pessoas entre os meses de junho e setembro deste ano, todos ligados a esquemas de fraude empresarial e pessoal por e-mail. As detenções ocorreram em um esforço combinado das autoridades de 22 países, que também apreenderam US$ 27 milhões a partir de 2.350 contas bancárias bloqueadas. Phishing cresce em todas as suas modalidades no Brasil em 2021 Cyber Monday: As 4 tentativas de phishing mais usadas pelos criminosos A operação HAECHI-II teve como foco diferentes tipos de crime, desde golpes envolvendo romance até fraudes de investimento e lavagem de dinheiro. Os trabalhos também serviram para testar um sistema chamado de Protocolo de Resposta Rápida Contra Lavagem de Dinheiro (ARRP, na sigla em inglês), que teria auxiliado na interceptação de fundos oriundos de diversos crimes registrados pelos times. Segundo a Interpol, a pandemia da covid-19 fez com que as fraudes digitais ganhassem amplo escopo, com dados do FBI mostrando que, apenas nos EUA, crimes desse tipo geraram prejuízo de US$ 1,8 bilhão, estando acima até mesmo dos números relacionados ao ransomware. A escala levou a um esforço citado como inédito entre os países, principalmente asiáticos, mas também com representantes da América do Sul, Europa e África. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Operação internacional da Interpol contou com mandados de busca, apreensão e prisão em mais de 20 países, além dos testes de um sistema que intercepta transferências fraudulentas (Imagem: Divulgação/Interpol) Em um dos casos investigados pela força-tarefa, os golpistas foram capazes de fraudar uma empresa da Colômbia em US$ 8 milhões. A companhia do setor têxtil foi alvo de um golpe sofisticado, envolvendo diferentes contas de e-mail que se passavam pelas de executivos legítimos; o montante chegou a ser transferido, mas foi interceptado pelas autoridades com uso do ARRP. Em um segundo caso, semelhante, uma empresa da Eslovênia quase perdeu US$ 800 mil, também congelados com o uso da tecnologia da Interpol. Caso recebido, o dinheiro seria pulverizado entre diferentes contas bancárias falsas ou pertencentes a laranjas, principalmente em território chinês, até chegar aos bolsos dos criminosos. De acordo com a Interpol, a operação HAECHI-II é a segunda em um projeto de três anos capitaneado pelas autoridades da Coreia do Sul. A ideia é reunir os esforços de forma global, com braços em todos os continentes, para combater as fraudes online e os crimes financeiros. Os trabalhos continuam e, agora, devem reunir mais países em uma tentativa de ampliar ainda mais o escopo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

A nova vida de cantor do ex-goleiro da Chapecoense, cinco anos após a tragédia

em - Internacional Ele lembra de quando o motor parou e tudo ficou escuro; segundos depois, sentiu a chuva fria em seu corpo e uma dor intensa. Em um lapso de consciência, gritou por socorro até que viu um flash de lanterna através dos destroços do avião. Cinco anos se passaram desde a madrugada de 29 de novembro, quando Jakson Follmann, hoje com 29 anos, salvou sua vida por um milagre. O avião que o levava com o restante da delegação da Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional caiu perto de Medellín, na Colômbia, após ficar sem combustível, matando 71 pessoas."Tinha duas opções: ficar de luto ou levantar a cabeça e encarar a vida (...) tive que me desconstruir para me reconstruir com muita paciência", diz em uma entrevista à AFP o ex-goleiro catarinense, que perdeu 19 companheiros, parte da perna direita e quase toda a mobilidade do tornozelo esquerdo no acidente. Com sua carreira futebolística interrompida aos 24 anos, Follmann se reinventou como palestrante motivacional e cantor."Desde pequeno sempre tive dois grandes sonhos: me tornar jogador de futebol e veio primeiro essa oportunidade. E quis o destino que aconteceu tudo o que aconteceu, e agora estou realizando o meu segundo sonho também, dentro da música", conta Follmann, que lançou quatro canções.Nos dois meses que passou no hospital se recuperando de 13 fraturas - incluindo dois ferimentos graves nas vértebras cervicais - ele se agarrou à música e à fé, convencido de que Deus tinha "algo reservado" para ele. A tatuagem em seu braço direito o mostra com a camisa da Chapecoense, subindo uma escada em direção à Terra com a prótese, com a bênção do Espírito Santo em forma de pomba. Em sua nova vida, o ex-goleiro, um dos seis sobreviventes, trocou torcida por público e campo por palco. Em 2019, venceu o reality show "Popstar", onde revelou seu talento cantando canções do sertanejo.- Treinar, também na música -Follmann iniciou sua carreira esportiva no Grêmio, foi convocado para a seleção brasileira Sub-20 e passou por outras três equipes locais antes de chegar à 'Chape' em 2016. Após o acidente, o clube ficou devastado e com problemas financeiros. Incapaz de manter a regularidade, ocupa a última colocação na tabela do atual Brasileirão, já rebaixado para a Série B.Follmann disputou apenas uma partida oficial pela Chapecoense, mas foi embaixador do clube até março passado, quando se mudou para São Paulo."A história com a instituição ela nunca se apaga, é muito forte, Nunca vou me afastar do futebol", diz o ex-goleiro, que se tornou um torcedor.Dos outros dois jogadores sobreviventes, Neto e Alan Ruschel, apenas este último conseguiu continuar jogando e atualmente faz parte do elenco do América-MG na Série A.Em sua faceta musical, Follmann também teve que enfrentar desafios: uma operação após o acidente afetou suas cordas vocais e exige cuidados. "No futebol eu treinava todos os dias, a musica não é diferente, a gente precisa treinar".E ele se entusiasma: "Procuro tocar as pessoas porque realmente a música transforma vidas, ela transformou minha vida". - Mensagem otimista -As investigações sobre a catástrofe ocorreram em vários países e uma comissão parlamentar do Senado brasileiro investiga a falta de indenização a familiares. Follmann publicará em breve um livro biográfico e de autoajuda. Contar sua história como palestrante em eventos corporativos, diz ele, ajudou a transformá-la em uma mensagem de otimismo e superação. "No dia anterior à nossa viagem estava todo mundo feliz. Sonhando, motivados para ir em busca desse titulo, cheios de esperança. Todo mundo bem profissionalmente, pessoalmente... E da noite para o dia, você acaba perdendo todos os amigos, eu perco meu principal instrumento de trabalho", lembra ele."Meu maior sonho depois do que aconteceu era poder ficar em pé, poder caminhar, uma coisa tão simples que a gente faz", afirma o ex-goleiro.O ex-atleta costuma usar a prótese exposta e brinca sobre isso nas redes sociais. "As limitações estão muito na nossa cabeça". Cinco anos após um acidente que abalou o mundo, Follmann repete o que não é mais um clichê para ele: "O principal pensamento é a gente tocar a vida, viver intensamente cada dia como se fosse o último". Veja Mais

Barbados se despede da Rainha Elizabeth II e se torna uma república

em - Internacional A rainha Elizabeth II perderá uma nova joia de sua coroa com a posse nesta segunda-feira (29) à noite da primeira presidente da história de Barbados, tornando a pequena ilha a república mais jovem do mundo.Já independente do Reino Unido desde 1966, Barbados celebrará sua transição da monarquia para o governo republicano após cerca de quatro séculos de sujeição ao soberano britânico.A ilha conhecida por suas praias paradisíacas, seu rum e por ser o berço da superestrela global Rihanna, terá como chefe de Estado outra mulher, Sandra Mason, até então governadora-geral do país, após sua eleição em 21 de outubro.Sua posse oficial será à meia-noite na capital, Bridgetown. A bandeira da rainha será retirada e a presidente eleita prestará juramento perante o mais alto magistrado do país. Em seguida, será hasteada a bandeira presidencial.Convidado para a ocasião, o príncipe Charles, herdeiro da coroa, participará das comemorações, assim como Rihanna.Foi temporariamente suspenso o toque de recolher imposto devido ao coronavírus para permitir que a população aproveite as festividades. Estão previstos fogos de artifício, principalmente após transição ser concluída.No entanto, a cerimônia oficial não será aberta ao público e as autoridades aconselharam os residentes a não deixarem suas casas a menos que seja absolutamente necessário. Em Bridgetown, poucas horas antes do início da cerimônia, muitos disseram que foram excluídos das celebrações."Não estou muito animado com Barbados se tornando uma república, simplesmente porque as pessoas na verdade não sabem que estamos nos tornando uma república", declarou Ian Trotman, um fabricante de tecidos de 58 anos que sentiu falta de uma campanha pública informativa.Barbados continuará sendo membro da organização Commonwealth, como observou o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, em um comunicado na segunda-feira."Seguiremos amigos e aliados incondicionais, aproveitando as afinidades e conexões duradouras entre nossos povos e o vínculo especial da Commonwealth", escreveu Johnson.- A nova presidente -Sandra Mason foi a primeira mulher admitida na ordem dos advogados de Barbados. Sua carreira começou como professora, secretária e então advogada, até finalmente se tornar governadora geral, a representante perante a rainha, em 2018.Como presidente, Mason terá o cargo mais alto do país e seus poderes não estarão mais nas mãos da monarca. Suas funções, porém, serão em grande parte cerimoniais, na maioria dos casos exigindo a assinatura conjunta da primeira-ministra.Nascida no distrito da classe trabalhadora de St. Philip, Mason, agora com 72 anos, atribui ao sistema de educação pública de Barbados suas realizações estelares."A educação em Barbados é gratuita", ressaltou. "Você pode conseguir o que quiser e por isso senti que era minha responsabilidade (...) retribuir algo".Em 1973, ela se formou em Direito pela Universidade das Índias Ocidentais (UWI), a única universidade pública do país, e foi admitida na ordem em 1975 como advogada em exercício. Em 1997, virou secretária da Suprema Corte.Em 2020, Mason pronunciou o "discurso do trono" anual, escrito pela primeira-ministra, declarando que havia chegado o momento de "deixar completamente para trás nosso passado colonial"."Os barbadenses querem um chefe de Estado barbadense (...) Esta é a declaração máxima de confiança em quem somos e no que somos capazes de alcançar", disse o texto de Mia Mottley.Entre suas paixões políticas está o sonho de uma versão caribenha da União Europeia. "Sou uma fã do caribenho. Acredito na integração regional, acho que é algo que precisa se concretizar", afirmou Mason.- Problemas mais urgentes -Entretanto, várias vozes em Barbados criticaram Mottley por ter chamado o príncipe Charles para a posse de Mason como convidado de honra, e ter lhe concedido a Ordem da Liberdade de Barbados, a mais alta honraria nacional."A família real britânica é uma fonte de exploração nesta região e, até agora, não ofereceram um pedido formal de desculpas ou qualquer tipo de reparação pelos danos sofridos", disse Kristina Hinds, professora de Relações Internacionais da UWI. "Não vejo como alguém da família pode receber este prêmio."Para alguns ativistas, como Firhaana Bulbulia, fundadora da Associação Muçulmana de Barbados, o colonialismo britânico e a escravidão são responsáveis pela desigualdade existente hoje na ilha."A desigualdade econômica, a capacidade de possuir terras e até mesmo o acesso a empréstimos bancários têm muito a ver com as estruturas construídas após o domínio britânico", afirmou Bulbulia, de 26 anos.Alguns moradores apontam problemas mais urgentes da ilha, entre eles a crise econômica causada pela pandemia da covid-19, que colocou em evidência o quanto o país depende do turismo, em especial do Reino Unido.Antes do surgimento do vírus, mais de um milhão de pessoas visitavam a ilha de 287 mil habitantes a cada ano.O desemprego é de quase 16%, 9% a mais que nos anos anteriores, apesar do aumento dos empréstimos governamentais para financiar obras do setor público e criar empregos. Veja Mais

Grupo lança correção não oficial para vulnerabilidade de dia zero do Windows

canaltech Uma falha de segurança crítica do Windows 10, que permite a elevação de privilégios de usuários do sistema, ganhou uma correção não oficial, feita pelo grupo de microcorreções 0patch. A Microsoft foi informada da vulnerabilidade em outubro de 2020, mas até agora não disponibilizou uma solução oficial. Cyber Monday: As 4 tentativas de phishing mais usadas pelos criminosos Linux se torna alvo de vírus que dribla detecção e rouba cartões de crédito A vulnerabilidade, documentada como CVE-2021-24084, foi descoberta por Abdelhamid Naceri e divulgada ao público em junho de 2021, quase um ano após o pesquisador de segurança ter notificado a Microsoft sobre sua existência. Na época, Naceri acreditava que a falha só permitia que usuários com poucos privilégios pudessem acessar documentos classificados para administradores. Porém, alguns meses depois, Naceri descobriu que essa mesma vulnerabilidade podia ser usada para elevar os privilégios de usuários do sistema, colocando em risco a confiabilidade da hierarquia do Windows, principalmente para empresas. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Mitja Kolsek, co-fundador do 0patch, explica que a equipe, em um primeiro momento, não havia se interessado em lançar uma correção não-oficial para a falha, já que o acesso a documentos por usuários sem privilégios não é considerado algo crítico. Porém, após verem a publicação de Naceri no Twitter informando sobre a possibilidade de elevação de privilégios, a equipe decidiu atuar. I mean this is still unpatched and allow LPE if shadow volume copies are enabled; But I noticed that it doesn't work on windows 11 https://t.co/HJcZ6ew8PO — Abdelhamid Naceri (@KLINIX5) November 15, 2021 Para Kolsek, a falha tem funcionamento parecido com a CVE 2021-36934, atualmente corrigida pela Microsoft, que permitia, a partir de condições específicas, que um documento acessado por usuários sem privilégios pudesse ser abusado para elevar as credenciais das contas do sistema. A correção não oficial esta disponível gratuitamente no site da 0path e continuará podendo ser baixada até a Microsoft corrigir oficialmente a vulnerabilidade. Ela pode ser aplicada nas seguintes versões do Windows 10: Windows 10 v21H1 (32 & 64 bit) com atualizações de novembro de 2021; Windows 10 v20H2 (32 & 64 bit) com atualizações de novembro de 2021; Windows 10 v2004 (32 & 64 bit) com atualizações de novembro de 2021; Windows 10 v1909 (32 & 64 bit) com atualizações de novembro de 2021; Windows 10 v1903 (32 & 64 bit) com atualizações de novembro de 2021; Windows 10 v1809 (32 & 64 bit) com atualizações de maio de 2021. Windows já teve outras correções não oficiais Correções não oficiais para falhas do Windows não são novidades. O mesmo grupo 0patch, no começo de novembro, lançou uma correção para a falha CVE-2021-34484 do Windows, que afetava várias versões do Windows 10. Geralmente, correções não oficiais são desenvolvidas com ajuda de estudos sobre as falhas. Tanto no caso corrigido na sexta-feira (26) quanto no do começo do mês, o 0patch contou com a ajuda de Naceri, também responsável pela identificação da falha CVE-2021-34484, Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Compra do Giphy pela Meta pode ser bloqueada por órgão regulador

Compra do Giphy pela Meta pode ser bloqueada por órgão regulador

Tecmundo Um órgão britânico de regulação que avalia possíveis denúncias de monopólio e concorrência desleal deve sugerir o bloqueio da aquisição do serviço de busca e adição de imagens Giphy pela Meta, empresa dona do Facebook.De acordo com o jornal Financial Times, a Competition and Markets Authority (CMA) determinou em investigações internas que ocorrem desde agosto que a compra viola leis de mercado e deve ser revertida, tornando o Giphy um serviço independente novamente. O relatório com a decisão deve ser divulgado ainda nesta semana.Leia mais... Veja Mais

Claudia Leitte diz cumprir todas as normas de saúde em show

O Tempo - Diversão - Magazine Equipe da cantora citou 'crítica seletiva' e afirmou que produção obedecia a todos os critérios sanitários Veja Mais

Apple é condenada a indenizar brasileiro que sofreu invasão após roubo de iPhone

canaltech A Apple foi condenada a pagar indenização de R$ 5 mil a um consumidor brasileiro que teve seus dados pessoais e contas bancárias invadidas após o roubo de seu iPhone 12. O celular foi furtado em São Paulo, e a sentença foi emitida na última quinta-feira (25). STJ livra o Google de indenizar usuário que perdeu Bitcoin em invasão do Gmail Google e Apple sofrem multa milionária na Itália sob acusação antitruste A vítima, um advogado que atuou em defesa própria, entrou com uma ação de danos morais contra a Apple após observar que sua senha e identificação visual foram alterados facilmente por meio do aparelho, e que a ferramenta de localização havia sido desativada. O celular foi furtado na cidade de São Paulo. O advogado justificou que a empresa deveria oferecer segurança aos usuários devido ao preço cobrado pelo aparelho, que chega a ser vendido por valores superiores a R$ 7 mil, dependendo da versão. A Apple, para a Justiça, alegou que a vítima não havia configurado corretamente as opções de proteção do celular. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- iPhone 12. (Imagem: Reprodução/Daniel Romero/Unsplash) A sentença, que obriga a Apple a pagar R$ 5 mil para a vítima do furto, foi dada pela juíza leiga Laíra Riani Britto, e posteriormente homologada pelo juiz de Direito Paulo Abiguenem Abib, do 4º JEC de Vitória/ES. O Canaltech entrou em contato com a Apple, que disse que não comentará o caso. Banco também foi condenado A juíza Laíra Riani Britto, na decisão, acatou as alegações postas pela vítima e observou que as fabricantes de smartphones deveriam reforçar a segurança dos dispositivos que colocam no mercado. A magistrada e também afirma que senhas e biometria não tem mais sido o suficiente para proteger os dados dos usuários: Tal fato deixa demonstrada a fragilidade do sistema do aparelho de celular, sendo forçoso o reconhecimento do pedido inicial, já que para todas as funcionalidades alteradas pelos criminosos, é necessário ao menos utilização de senha pessoal Além de condenar a Apple por danos morais, a decisão também determinou a responsabilização do banco por onde os criminosos efetuaram a transferência bancária em nome da vítima. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Ômicron pode impactar economia dos EUA e aumentar incerteza sobre inflação, diz Powell

em - Internacional O presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Jerome Powell, considera que o "aumento recente de casos de covid-19 e o surgimento da variante ômicron representam riscos de queda para o emprego e a atividade econômica e aumentam a incerteza sobre a inflação".Powell, a quem Joe Biden deu um novo mandato à frente do Fed, acredita, ainda que "os fatores que impulsionam a inflação para cima vão persistir no ano que vem", segundo discurso que dará na terça de manhã na comissão bancária do Senado e que foi publicado nesta segunda-feira (29)."Uma maior preocupação com o vírus poderia reduzir a vontade de trabalhar presencialmente, o que frearia o avanço do mercado de trabalho e intensificaria os problemas na cadeia de abastecimento", acrescenta.Os problemas de abastecimento causaram escassez de vários produtos que, somada a uma demanda em crescimento, contribuíram para acentuar os aumentos de preços.Powell advertiu que a inflação está "bem acima" da meta de 2% do organismo.A inflação alcançou em outubro 5% em 12 meses, seu nível mais alto desde 1990, segundo o índice PCE do Departamento de Comércio."Os problemas na cadeia de abastecimento dificultaram aos produtores responder a uma demanda robusta. O aumento dos preços da energia e aluguéis também está impulsionando a inflação", acrescentou.Embora o Fed continue considerando que a "inflação se moverá significativamente para baixo no ano que vem", Powell admite que a tendência é "difícil de prever".Powell e a secretária do Tesouro, Janet Yellen, estarão terça e quarta-feira no Congresso perante a comissão bancária do Senado e a de Serviços Financeiros da Câmara de Representantes. Veja Mais

Pfizer e J&J trabalham em versões de suas vacinas anticovid contra a ômicron

O Tempo - Mundo A Pfizer já criou duas novas versões de sua vacina em menos de cem dias, contra as variantes delta e beta, que acabaram não sendo usadas Veja Mais

Membros de comissão da reforma da lei orgânica serão definidos nesta terça

O Tempo - Política Proposta que altera dispositivos que tratam do processo de cassação do prefeito teve tramitação iniciada neste mês Veja Mais

"DEPOIS DO TITE, CUCA É O MELHOR TÉCNICO BRASILEIRO", DIZ IVAN DRAGO | BOLA ROLANDO

Band Sports Jornalista elogiou o grande trabalho do treinador no Atlético Mineiro nesta temporada. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Art Basel volta a Miami após jejum pandêmico e mira super-ricos

O Tempo - Diversão - Magazine Mostra volta a receber colecionadores, influencers, fashionistas e celebs, que aproveitam o cenário de obras espalhafatosas para ostentar figurinos afins Veja Mais

'Orçamento secreto': Congresso aprova novas regras; oposição ainda vê falta de transparência

G1 Economia Texto que será promulgado prevê detalhamento de emendas já executadas, mas abre brecha para que nomes de parlamentares sigam ocultos. Resolução fixa teto para os próximos anos. O Congresso aprovou nesta segunda-feira (29) um projeto de resolução que cria regras para execução das emendas de relator – conhecidas como "orçamento secreto" – e propõe a adoção de um limite de valor para essas emendas. O placar entre os deputados foi de 268 votos favoráveis e 31 contrários. No Senado, a votação foi apertada e o texto passou por 34 votos a 32. O texto vai à promulgação. Veja como cada deputado votou Veja como cada senador votou As sessões do Congresso costumam ser conjuntas, mas em razão da pandemia do novo coronavírus, deputados e senadores têm votado em reuniões separadas, primeiro na Câmara e depois no Senado. Pelas regras atuais, não há limite para o valor dessas emendas e não é possível identificar o parlamentar que solicitou os gastos. Esse dinheiro também não é dividido igualmente entre os deputados e senadores, o que fere o princípio da impessoalidade. Até 2019, as emendas de relator eram usadas para correções pontuais no orçamento, com valores bem menores. Contudo, a partir do Orçamento de 2020, o Congresso aprovou alterações no padrão da sua execução e criou uma rubrica específica para esses recursos. Com isso, o montante saltou para uma previsão de R$ 30 bilhões nos últimos anos. Segundo o projeto aprovado, o valor das emendas de relator não poderá ultrapassar a soma das chamadas emendas individuais e de bancada. Em 2021, essas emendas foram, respectivamente, de R$ 9,6 bilhões e R$ 7,3 bilhões. Se valesse para esse ano, o teto para as emendas de relator seria de R$ 16,9 bilhões – valor que, de fato, corresponde à dotação atual deste tipo de recurso. Inicialmente, o Orçamento deste ano previa um montante de R$ 29 bilhões para as emendas de relator. Contudo, após acordo com a equipe econômica, esse valor foi reduzido. Para o próximo ano, se os valores forem mantidos segundo a previsão enviada pelo governo, o teto será de R$ 16,2 bilhões. Na avaliação de técnicos do Congresso, o limite é muito elevado e coloca muitos poderes nas mãos de uma única pessoa – o relator-geral do Orçamento. Segundo esses especialistas, o parecer presume que as emendas de relator são mais importantes que as duas emendas impositivas juntas. Um valor razoável, para os técnicos, seria, por exemplo, metade das emendas individuais ou de bancada – portanto, entre R$ 3,5 bilhões e R$ 4,5 bilhões. VÍDEO: como funciona o 'orçamento secreto' O que diz o projeto O relator da matéria, senador Marcelo Castro (MDB-PI), defende que o texto é uma tentativa de resolver a questão da transparência no repasse das verbas ao prever que as indicações e solicitações que fundamentaram as emendas sejam publicadas no site da Comissão Mista de Orçamento (CMO). A proposta, porém, não deixa explícito que o nome do parlamentar que pediu as emendas seja publicizado. O parecer prevê que as solicitações podem ser de "parlamentares, agentes públicos ou da sociedade civil". Técnicos do Congresso avaliam que essa é uma brecha para manter ocultos os nomes de senadores e deputados que demandaram os recursos. Pela redação do parecer, por exemplo, um parlamentar poderia enviar o ofício de solicitação em nome da prefeitura que receberá as emendas. “É um leque interminável de entes que podem muito bem fazer uma requisição e o ‘super relator’ de novo definir da forma que quiser, porque todos estão representados em um desses entes”, afirmou o deputado Danilo Forte (PSDB-CE). Além disso, o projeto estabelece que essas regras valem apenas após a publicação do projeto, ou seja, verbas já indicadas na modalidade emenda de relator em 2020 e 2021 continuarão a ter o nome dos solicitantes ocultos. A proposta também não faz menção à distribuição igualitária dessas verbas. Essa é uma das principais preocupações de técnicos do Congresso. Da forma como foi proposto, o relatório não traz isonomia na distribuição das emendas entre os parlamentares, nem no atendimento dos municípios. Isso poderia privilegiar aliados do governo e, assim, ajudar a formar maiorias em votações de interesse do Executivo. Por exemplo, um município com poucos habitantes poderia receber muito mais recursos que um município maior, desde que atendesse à base aliada do governo. Do mesmo modo, um deputado ou senador próximo ao governo pode ter direito a mais indicações dessas emendas. Orçamento Secreto: Congresso vota projeto que dá transparência às emendas de relator Discussões A deputada Adriana Ventura (Novo-SP) afirma que o projeto não resolve o problema da transparência e mantém a possibilidade de negociações “obscuras” com dinheiro público. “Ele [o projeto] não ataca em nada o problema, continua com o mesmo problema de não saber de quem indica, como indica e para que vai. A gente continua com o mesmo problema de ter balcão de negócios obscuro aqui dentro”, afirmou a deputada. “Na nossa visão, o projeto de resolução não ataca esses problemas, nem de transparência, nem de mostrar para que serve, nem de estar vinculado a alguma política pública, nem de tratar todo cidadão de forma igual. E tem mais um problema constitucional, que é a questão da isonomia dos parlamentares. Não tem cabimento um indicar 100 e outro indicar nada”, acrescentou Adriana. Para o líder da oposição na Câmara, Alessandro Molon (PSB-RJ), o projeto mantém a falta de transparência sobre o orçamento secreto e deixa aliados do governo sob o controle de recursos públicos. “É razoável permitir que R$ 17 bilhões sejam liberados sem qualquer critério público? O dinheiro público não pode ser destinado aos parlamentares de acordo com sua proximidade ou distância do governo. O dinheiro público tem que ter uma finalidade que atenda o interesse público, a critérios técnicos, objetivos, impessoais, isonômicos. O que essa proposta faz é o oposto disso, é colocar nas mãos do Centrão o controle sobre quem receberá essas emendas ou não, do presidente desta Casa, a Câmara dos Deputados, e do presidente do Senado”, disse Molon. Vice-líder do governo no Congresso, o deputado Aluísio Mendes (PSC-MA) defendeu o projeto de resolução e chamou de "fake news" que as emendas de relator são um orçamento secreto. "O que se fez no RP-9 [código formal das emendas de relator] foi trazer luz a essa execução. E aqui quero parabenizar o senador Marcelo Castro, porque, com essa resolução, mais transparência é trazida. Quero dizer aqui que nós temos que parar com esse discurso de falta de transparência, de orçamento secreto", disse. O líder do PP, Cacá Leão (PP-BA), que em 2019 foi relator da lei orçamentária que criou a rubrica específica da emenda de relator, disse que esse tipo de recurso dá mais transparência às indicações. "A partir da criação desta rubrica orçamentária, todos esses acordos são feitos às claras, à luz do dia, como é muito bem dito nesta Casa. Vejo os colegas criticarem essa medida e penso que eles entendem muito pouco ou quase nada do Orçamento", disse. Para o senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), o tema voltará a ser discutido no Supremo Tribunal Federal. "É um acinte imaginar que o presidente do Senado e o presidente da Câmara tenham se unido para mentir ao STF porque é mentira que não é possível identificar autorias dos pedidos das emendas que movimentaram mais de R$ 30 bilhões de reais nos últimos dois anos. Não temos direito, perante os brasileiros, perante Constituição, e fazer papel de besta, como se fôssemos crianças inocentes, que não soubéssemos que R$ 30 bilhões passaram por essas mesas e ninguém anotou, ninguém registrou de onde ia, para onde vinha", afirmou Vieira. Simone Tebet (MDB-MS) protestou contra a aprovação do projeto, que classificou como "afronta" ao Supremo Tribunal Federal. "A Mesa Diretora quer afrontar o Supremo não na sua individualidade como Mesa Diretora, mas quer que todos nós ratifiquemos o erro grosseiro que estamos cometendo contra a democracia brasileira, contra a soberania popular, porque, sim, a soberania popular também está violada. O povo, que paga os impostos, tem o direito de saber onde seus recursos estão sendo aplicados", disse a emedebista. 'Descumprimento formal e ostensivo' Em nota divulgada nesta segunda-feira, a Consultoria de Orçamentos, Fiscalização e Controle do Senado apontou que o ato conjunto elaborado pela Câmara e pelo Senado assume o "descumprimento formal e ostensivo" da decisão do Supremo. No parecer, a área técnica do Senado contradiz a argumentação dos presidentes Arthur Lira e Rodrigo Pacheco de que há "impossibilidade fática” de criar um procedimento para o registro das demandas dos deputados. "Se houve 'milhares de demandas' e os relatores-gerais encaminharam-nas na forma de indicações, algum tipo de procedimento organizativo tiveram para fazê-lo, e algum registro documental ou informacional mantiveram para seu próprio controle; caso contrário, teriam agido sem saber o que estavam fazendo (o que evidentemente não é o caso)", escreveu a consultoria. A nota aponta ainda que o argumento é “comprovadamente falso” e que investigações da imprensa reuniram "copiosa documentação oficial relativa a demandas em busca de emendas de relator-geral, além de outras fontes que dispunham da documentação, mas simplesmente se recusaram a torná-la pública". Camarotti: ‘Temem abrir esses dois anos de orçamento secreto’ 'Brecha sempre existirá' Questionado sobre a possibilidade de o nome dos parlamentares continuarem ocultos na solicitação da emenda de relator, Castro disse que o texto busca dar clareza às indicações, mas admitiu que o problema ainda não está resolvido. “Uma brecha sempre existirá", afirmou Marcelo Castro, relator do projeto de resolução. Em relação ao problema da equidade, o fato de nem todos os parlamentares terem direito ao dinheiro, Castro disse que a questão será discutida na Comissão Mista de Orçamento (CMO). “Eu não trato dessa questão na resolução. A resolução não é o lugar próprio de tratar disso, o lugar próprio é no parecer preliminar. Na próxima semana vamos votar o parecer preliminar na CMO, a comissão composta para poder fazer o orçamento. Ela que vai estabelecer as normas de como vai fazer e como vai executar”, afirmou. Decisão do STF Em decisão no último dia 5, a ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber suspendeu o pagamento das emendas de relator e determinou que o Congresso desse "ampla publicidade" às solicitações feitas por parlamentares em 2020 e 2021. A decisão da magistrada foi referendada, por 8 votos a 2, pelo plenário da Corte. Nesta segunda-feira, em Curitiba (PR), Rodrigo Pacheco foi questionado se a proposta aprovada pelo Congresso iria, ou não, na contramão do que foi decidido pelo STF. Contrariando a nota técnica da Consultoria do Senado, Pacheco negou descumprimento da decisão e repetiu argumento, já apresentado pelo Congresso à Corte, de que "não é possível" detalhar todas as emendas que já foram indicadas. “Até o presente momento, com a norma que existe, que é a norma da emenda de relator, há uma concentração na figura do relator, e não há registros formais relativamente a isso [as solicitações de parlamentares]. Não é possível nós, a essa altura, declinarmos tudo quanto foi inserido no relator a partir do seu próprio conhecimento, do trabalho que ele fez na comissão de orçamento do Congresso”, disse o presidente do Senado. “Se isso era um defeito ou não, pode até ser apontado como defeito, mas isso não é um indicativo de que o recurso está sendo mal-usado ou está havendo malversação ou desvio de recurso público, definitivamente não. Malfeito pode existir em emenda de relator, emenda individual, emenda de bancada, emenda de comissão, em orçamento de ministérios e esses malfeitos precisam ser combatidos e há mecanismos de combate desses malfeitos, desses desvios, desses crimes, mas não é a existência da emenda de relator que é por sua natureza algo ilícito, porque definitivamente não é”, acrescentou Pacheco. Por 8 votos a 2, STF confirma suspensão das emendas do ‘orçamento secreto’ Veja Mais

Powell diz que alta de casos e surgimento da Ômicron trazem riscos à economia

em - Internacional Presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell apontou que os recentes desenrolares da pandemia podem apresentar riscos à economia americana. "O recente aumento nos casos da covid-19 e o surgimento da variante Ômicron representam riscos que podem pesar sobre o emprego e a atividade econômica e aumentam a incerteza para a inflação", afirmou em discurso preparado para seu testemunho diante do Comitê de Assuntos Bancários, Habitacionais e Urbanos no Senado americano, amanhã. A maior preocupação com o vírus poderia diminuir a vontade das pessoas de trabalhar pessoalmente, o que diminuiria o progresso no mercado de trabalho e intensificaria as interrupções nas cadeiras de suprimento, diz Powell. InflaçãoPowell garantiu que a instituição irá usar suas ferramentas para apoiar a economia e um mercado de trabalho forte, assim como prevenir que a inflação se enraíze nos Estados Unidos."É difícil prever a persistência e os efeitos das restrições de oferta, mas agora parece que os fatores que impulsionam a inflação para cima vão durar no próximo ano", disse em discurso preparado para seu testemunho de amanhã diante do Comitê de Assuntos Bancários, Habitacionais e Urbanos no Senado americano. Powell afirmou que a maioria das projeções, incluindo as do Fed, continuam a esperar que a inflação caia significativamente no ano que vem, à medida que o desequilíbrio entre oferta e demanda se ajuste. O presidente do Fed pontuou que os aumentos nos preços de energia e aluguel estão pressionando a inflação para cima. Em relação ao emprego, Powell observou que as condições do mercado de trabalho têm melhorado, ainda que a variante delta tenha contribuído para um crescimento mais lento de empregos durante o verão regional. "Ainda há espaço para cobrirmos e alcançarmos o máximo emprego, tanto no emprego quanto na participação do mercado de trabalho, e esperamos que progresso continue", afirmou. Veja Mais

Congresso dos EUA tem agenda cheia antes das festas

em - Internacional Financiar o Exército, evitar um default e a paralisia do governo: os congressistas dos Estados Unidos voltaram nesta segunda-feira (29) a Washington após um fim de semana prolongado com uma agenda cheia que promete grandes batalhas no Capitólio.O Legislativo tem até a sexta-feira para acordar um novo orçamento se quiser evitar a paralisia dos serviços federais, conhecida como "shutdown".Se os parlamentares não chegarem a um acordo antes desta data, o financiamento do Estado federal será cortado abruptamente.Isto significa que tanto ministérios quanto parques nacionais, alguns museus e vários organismos serão afetados e colocarão seus funcionários em um estado conhecido como "desemprego técnico".Os congressistas poderão votar no meio da semana uma lei temporária para adiar este prazo até o debate sobre o orçamento de 2022, de forma a não arruinar as festas de fim de ano de muitos americanos.- Pressão política -Paralelamente, outra missão crucial ocupará novamente os legisladores: eles devem elevar ou anular até 15 de dezembro o teto do endividamento dos Estados Unidos se quiserem evitar o primeiro default soberano da maior potência mundial.Os Estados Unidos, assim como todas ou quase todas as grandes economias, cobrem seus déficits em créditos há décadas. O país elevou ou suspendeu várias vezes este teto, também conhecido como "teto da dívida".Durante a presidência de Barack Obama (2009-20017), os republicanos começaram a usar esta instância para fazer pressão política.Neste caso, recusam suspender o limite de endividamento. Seria, segundo eles, como dar um cheque em branco a Joe Biden.A oposição quer que sejam os democratas, que têm uma apertada maioria no Senado e controlam a Câmara de Representantes, a resolver o problema, através de uma manobra parlamentar complexa que lhes permite aprovar o aumento ou a suspensão do endividamento por si sós.Os democratas recusam-se por enquanto a se engajar neste mecanismo, mas o tempo urge pois, além destes temas, os legisladores devem chegar a um acordo sobre um orçamento específico da defesa.Uma vez resolvidos estes temas, o Senado poderia abordar o gigantesco projeto de gasto social e ambiental de Joe Biden, de 1,75 trilhão de dólares, que compreende em particular universalizar as creches para a primeira infância e melhorar a cobertura da saúde.Biden, cuja popularidade está em queda, espera receber este presente a tempo para as festas de fim de ano. Veja Mais

Se Chile aprovar casamento igualitário, 82% dos casais gays vão se casar, diz pesquisa

em - Internacional Cerca de 82% dos casais do mesmo sexo no Chile planejam se casar caso o Congresso aprove a lei que permite o casamento igualitário, provavelmente nesta terça-feira, medida há muito aguardada pela comunidades LGBTQ+, indicou uma pesquisa nesta segunda-feira (29).Dos 1.878 casais que responderam à pesquisa, 82,8% afirmaram que querem se casar quando for permitido, indicou um comunicado do Movimento de Integração e Libertação Homossexual (Movilh), que realizou esta primeira medição no Chile das percepções, opiniões e expectativas dos casais do mesmo sexo em relação a esta lei.Após um processo de mais de três anos no Congresso, a lei do casamento igualitário será analisada nesta terça-feira pela Comissão de Constituição do Senado. Em seguida, deve ser votada na Câmara Alta - o que pode acontecer no mesmo dia -, onde tem boas chances de ser finalmente aprovada.A pesquisa aponta ainda que 91,8% dos consultados planejam se casar depois de anular seu Acordo de União Civil (AUC), norma aprovada em 2015 que permite aos casais homossexuais o acesso a quase todos os direitos estipulados pelo casamento heterossexual, mas nega a possibilidade de adoção e também os direitos de filiação.O projeto de lei que o Senado discute inclui a adoção e a garantia dos mesmos direitos de filiação dos filhos aos casais do mesmo sexo. Entre os consultados, 82,9% esclarecem que não aceitarão uma lei que não contemple adoção ou filiação homoparental, enquanto 97,8% consideram que o projeto deve reconhecer direitos de filiação em igualdade de condições aos casais homossexuais que se submetem a técnicas de reprodução humana assistida.Este projeto de lei, cuja aprovação é muito aguardada pela comunidade LGBTQ+ chilena, foi introduzido no Parlamento em 2017, por iniciativa da ex-presidente socialista Michelle Bachelet (2014-2018).O atual presidente do Chile, o conservador Sebastián Piñera, fez um apelo ao Congresso para que acelerasse a tramitação da norma, o que estava fora de seu programa de governo e surpreendeu os parlamentares da coalizão governista. "Acho que chegou a hora do casamento igualitário em nosso país", afirmou Piñera perante o Congresso em julho.Para 81,3% dos entrevistados, a aprovação será um "fato histórico", enquanto 61,1% revelaram ter sofrido como efeito da proibição do casamento igualitário a "impossibilidade de ser reconhecido como família em organizações públicas ou privadas". Veja Mais

Morre o ator australiano Dalaithngu, de 'Crocodilo Dundee'

em - Internacional David Dalaithngu, o ator aborígene australiano, lembrado por seu papel no filme "Crocodilo Dundee" e considerado um dos grandes artistas do seu país, morreu aos 68 anos, quatro anos depois de ter sido diagnosticado com câncer de pulmão.Dalaithngu, que pertencia ao clã Mandhalpingu e cresceu na remota Terra de Arnhem, no Território Norte australiano, ficou conhecido internacionalmente por suas interpretações impactantes.Após o sucesso de seu primeiro filme, "A Longa Caminhada" (1971), sua carreira se estendeu por cinco décadas e incluiu a fita "O País de Charlie", com a qual ganhou um prêmio no festival de Cannes.Mas ele ficou especialmente conhecido por seu papel em "Crocodilo Dundee", de 1986, após o qual recebeu a Ordem da Austrália e foi incluído na lista de honra do aniversário da rainha.O ator e bailarino aborígene passou seus últimos anos em Murray Bridge, na Austrália do Sul, devido à sua saúde debilitada."É com profunda tristeza que compartilho com o povo da Austrália do Sul a morte de um artista icônico, único em sua geração, que moldou a história do cinema australiano e a representação aborígene na tela", disse o chefe de governo do estado da Austrália do Sul, Steven Marshall, em um comunicado.Sua vida também foi marcada pelo álcool e por períodos de pobreza.Em setembro de 2011, foi condenado por agredir sua esposa com o cabo de uma vassoura enquanto estava embriagado. Veja Mais

Daniel lança em dezembro o inédito single 'Tempo'

G1 Pop & Arte ♪ Oito meses após ter lançado em 26 de março o disco Em casa, compilação de singles apresentados entre 2019 e 2021, Daniel anuncia single inédito. O cantor paulista lança em 10 de dezembro o single Tempo. A música Tempo é de autoria de Anderson Freire, André Freire e Raquel Freire. A gravação da canção foi feita no estúdio montado por Daniel na casa do artista na cidade natal de Brotas (SP). O maestro Rodrigo Costa assina a produção musical e o arranjo da música, além de ter mixado e masterizado o single. A gravação de Tempo foi feita com os toques dos músicos Deni Rocha (violoncelo), Franco Alencar (violão), Pedro Ivo (baixo) e Rodrigo Costa (percussão e teclados). O single Tempo chega ao mundo digital com distribuição da ONErpm. Veja Mais

Chile suspende a abertura de fronteiras terrestres devido à variante ômicron

O Tempo - Mundo O país também determinou a proibição de entrada no país de pessoas provenientes de sete nações africanas Veja Mais

Classes vulneráveis veem Wi-Fi aberto como chance de se conectar

Classes vulneráveis veem Wi-Fi aberto como chance de se conectar

Tecmundo Resultados de um estudo realizado pelo Idec e Instituto Locomotiva demonstram que as classes C, D e E possuem dificuldades ao acesso à internet e buscam alternativas para se conectar. Uma das soluções praticadas é o uso de redes Wi-Fi abertas de locais públicos como, por exemplo, restaurantes ou praças.A pesquisa em questão se chama “Barreiras e limitações no acesso à Internet e hábitos de uso e navegação na rede nas classes C, D e E”. De acordo com o estudo, as classes mais vulneráveis sofrem um impacto significativo em seus cotidianos pelas restrições à conexão. Leia mais... Veja Mais

Fintech dos EUA fundada por brasileiros, Brex já vale US$ 12 bilhões

canaltech Ser unicórnio está virando coisa do passado. A moda agora é ser um decacórnio, designação de startups que valem pelo menos US$ 10 bilhões (R$ 5,6 bilhões). A Brex, fintech criada por dois brasileiros no Vale do Silício dos EUA, entrou recentemente para este seleto clube ao passar a valer US$ 12,3 bilhões (R$ 68,9 bilhões). As startups "unicórnios" brasileiras avaliadas em US$ 1 bilhão Quais são as diferenças entre fintechs e startups? Na última rodada de investimento, em outubro, ela recebeu US$ 300 milhões (R$ 1,6 bilhão) de capital de risco do fundo norte-americano Greenoaks, de acordo com o TechCrunch. Seis meses antes, em abril, recebeu US$ 150 milhões (US$ 840 milhões) em rodada série D, para alavancar o negócio, com 17 participantes. Fundada em 2017 por Pedro Franceschi e Henrique Dubugras, a Brex oferece cartões de crédito e soluções de gestão de caixa para os clientes controlarem melhor o dinheiro que entra e sai da sua respectiva empresa. A Brex deve dobrar sua receita neste ano, de acordo com as fontes do TechCrunch. São grandes feitos para uma startup com apenas quatro anos de vida. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por Brex (@brexhq) Também em outubro, a Brex fez dois anúncios oficiais de novos serviços. O primeiro foi a API Brex, que permite que os clientes gerenciem informações financeiras em uma interface personalizável. Nas palavras da empresa, o sistema ajuda a "economizar tempo, reduzir erros e melhor atende às necessidades de seus próprios clientes e fornecedores". O segundo foi uma parceria com a Zapier, um produto de aplicações web, que permite "automatizar fluxos de trabalho entre produtos sem ter que escrever uma única linha de código". Em resumo, as duas novidades devem ajudar a facilitar as transações comerciais dos clientes da Brex com seus respectivos fornecedores. Além disso, em agosto a Brex adquiriu a Weav, desenvolvedora de uma API para plataformas de comércio, por US$ 50 milhões. "Acreditamos que os sistemas financeiros devem estar abertos, dando aos clientes controle completo sobre seus dados financeiros e a capacidade de personalizar com base em suas necessidades", disse Henrique Dubugras, co-CEO da Brex, em texto à imprensa. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Avião em chamas pousa na Itália após atingir garças, veja vídeo

 Avião em chamas pousa na Itália após atingir garças, veja vídeo

em - Internacional Um avião estava prestes a pousar na cidade de Bolonha, na Itália, quando atingiu um grupo de garças. Alguns pássaros foram sugados pelo motor direito da aeronave, enquanto outros batiam no para-brisa da cabine. O acidente com o voo FR1194, da companhia Ryanair, aconteceu na última quarta-feira (24/11). Um vídeo publicado no perfil "Breaking Aviation News", no Twitter, mostra que o Boeing 787-800 fez o pouso com chamas saindo do motor. Em fotos publicadas no mesmo perfil, é possível ver partes dos animais presas ao motor.    Apesar da visão dos pilotos ter sido comprometida pelo acidente com as garças, a equipe conseguiu aterrissar com segurança no Aeroporto Internacional Guglielmo Marconi e ninguém ficou ferido.De acordo com o jornal inglês "Independent", acidentes com pássaros representam prejuízos de mais de US$ 1 bilhão por ano em danos e atrasos às companhias aéreas e costumam ocorrer pouco antes do pouso.Em outubro, a mesma empresa aérea enfrentou um problema parecido: um voo que saiu da Inglaterra em direção às Ilhas Canárias foi obrigado a fazer um pouso de emergência, ainda em território inglês, após um pássaro bater no motor. Na época, um porta-voz da empresa afirmou que a aeronave aterrissou normalmente. *Estagiária sob supervisão do subeditor Eduardo Oliveira  Veja Mais

SYLVINHO DEVE PERMANECER NO CORINTHIANS? COMENTARISTAS ANALISAM | BAITA AMIGOS

SYLVINHO DEVE PERMANECER NO CORINTHIANS? COMENTARISTAS ANALISAM | BAITA AMIGOS

Band Sports Velloso e Luiza Oliveira falaram sobre o trabalho do técnico do Corinthians no Brasileirão. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

O tempo pode avançar para frente e para trás ao mesmo tempo na mecânica quântica

canaltech Até mesmo o tempo se comporta de maneira "estranha" no reino da mecânica quântica. É o que mostra um novo estudo publicado na revista Communications Physics, no qual os autores chegaram a essa conclusão ao aplicar a ideia dos estados de sobreposição quântica ao conceito de entropia. "Puxão" quântico entre as moléculas de água é observado pela primeira vez Efeito quântico que torna a matéria invisível é demonstrado pela primeira vez Publicado por uma equipe das Universidades de Bristol, Viena, Ilhas Baleares e do Instituto de Óptica Quântica e Informação Quântica, o novo estudo propõe repensar como o fluxo do tempo é compreendido e representado em contextos das leis quânticas. O tempo na mecânica quântica A entropia é uma grandeza da termodinâmica que mede a evolução dos sistemas de um estado de ordem para desordem, o que é útil para mostrar a passagem de tempo. Aliás, a entropia foi um modo de não apenas explicar as mudanças quânticas de um sistema (conjunto de partículas, por exemplo), mas comprovar o próprio tempo como fisicamente real. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- De acordo com as leis da termodinâmica, as partículas podem se distribuir em níveis energéticos quantizados (em “pacotes”), incluindo translacionais, vibracionais, rotacionais, e eletrônicos. Isso significa que durante a evolução daquele sistema, as partículas ganharão novos valores, que os cientistas chamam de “informação”. Essas informações de uma partícula nunca se perdem, mesmo que a matéria seja transformada. Por exemplo, as partículas de uma folha de papel queimada carregarão a informação que ela tinha antes da folha se queimar. Se os cientistas pudessem estudar essas informações e controlar todas as propriedades das partículas, seria possível reverter o carbono em papel novamente. O gelo em uma superfície tem muito mais possibilidades de derreter do que a água tem de voltar ao estado sólido (Imagem: Reprodução/Dragon77/Pixabay) Entretanto, é tecnicamente impossível reverter a entropia de um sistema — ela sempre aumenta, nunca diminui. Em outras palavras, a desordem dessas partículas está sempre aumentando, com novas informações. Para citar mais um exemplo, cubos de gelo em um copo d’água derretem, isso significa que a entropia nesse sistema aumenta. É muito mais fácil fazer o gelo derreter do que congelar a água. O aumento da entropia é, portanto, um processo que ocorre em apenas uma direção, o que parece nos sugerir que o próprio tempo só pode avançar em direção ao futuro. Não podemos fazer o gelo re-congelar dentro do copo, assim como não podemos voltar no tempo, como se estivéssemos retrocedendo um vídeo gravado. Em outras palavras, os átomos podem se rearranjar, mas isso significa que a entropia aumenta sempre que eles ficam mais desordenados — a água tem átomos mais desordenados que o gelo, assim como o carbono tem átomos mais desordenados que uma folha de papel. É por isso que congelar água requer muita energia. Entropia e setas do tempo Com a entropia, estamos sempre vendo as coisas acontecerem em um único sentido — de um estado organizado para desordenado — à medida que o tempo avança. Podemos explicar o passado com as informações em um sistema, mas não podemos prever o futuro simplesmente porque a entropia aumenta. Isso implica em um tempo sempre adiante, sem nenhuma possibilidade de voltar ao passado, do mesmo modo que não podemos re-congelar a água ou des-queimar a folha de papel. Mas, e se o tempo não foi uma via de mão única para as partículas desses sistemas? Para os autores do novo estudo, tudo depende da quantidade de entropia produzida em um evento. Se ela for pequena o suficiente, há uma probabilidade considerável de haver a reversão de um fenômeno. Isso porque, no reino quântico, princípio da superposição quântica dita que dois estados sobrepostos de um sistema são possíveis (sim, podemos evocar o gato de Schrödinger). Quando o papel queima, a entropia das partículas aumenta, isto é, o sistema se torna mais desordenado (Imagem: Reprodução/Ananta_sarkar/Pixabay) De acordo com o estudo, este princípio pode ser aplicado às setas do tempo (que apontam o sentido do tempo em um sistema onde a entropia aumenta). Isso implica “que os sistemas quânticos que evoluem em uma ou outra direção temporal também podem evoluir simultaneamente ao longo de ambas as direções temporais. Mas por que nunca encontramos essas superposições de fluxos de tempo? Bem, os autores afirmam que quantificaram “a entropia produzida por um sistema que evolui em superposição quântica de processos com flechas de tempo opostas”. Com isso, eles descobriram que “geralmente isso resulta em projetar o sistema em uma direção de tempo bem definida, correspondendo ao processo mais provável dos dois”. Por outro lado, quando se trata de pequenas quantidades de entropia, “pode-se observar fisicamente as consequências do sistema ter evoluído ao mesmo tempo para frente e para trás nas direções temporais”. Geralmente, o tempo é um parâmetro sempre crescente, mas o estudo mostra “que as leis que governam seu fluxo em contextos de mecânica quântica são muito mais complexas”, disse a Dra. Giulia Rubino, da Universidade de Bristol, autora principal do estudo. Tudo pode parecer bem confuso, mas a entropia é um conceito importante para melhorias no desempenho das máquinas térmicas e refrigeradores, e o conceito de setas de tempo sobrepostas pode ajudar na melhoria desses equipamentos. O artigo foi publicado na Communications Physics. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Uber e 99 perdem para app local que cobra taxas inferiores no interior do MT

canaltech Rondonópolis, a maior cidade do interior de Mato Grosso, tem uma empresa local à frente do segmento de transporte por aplicativo. É a U7, que já ultrapassou Uber e 99 na cidade. O segredo é o percentual cobrado dos motoristas a cada viagem: a empresa arrecada 10%, em comparação com os até 30% exigidos pelas concorrentes. Isso tem atraído cada vez mais motoristas. Procon-RJ notifica Uber e 99 por cancelamento frequente de corridas Uber é condenada a pagar R$ 4 mil por danos morais a passageira Dados da U7 indicam que já há mais de mil profissionais ativos na plataforma. Os clientes cadastrados são 14.500. A ideia é que, ao permitir uma maior margem de lucro aos parceiros, eles ofereçam melhor serviço aos usuários. “Nosso modelo de negócio é o de valorizar quem, conosco, faz o aplicativo acontecer”, diz a diretoria da plataforma, em comunicado oficial. O aumento na adesão garante uma maior frota disponível. “Isso tem aumentado muito a oferta de carros para quem busca o serviço. Além de tudo isso, temos a garantia de que todos os valores envolvidos ficam integralmente na cidade, o que é outro diferencial nosso.” -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- U7 busca motoristas (Imagem: Divulgação/U7) Assim como as concorrentes, a U7 faz o monitoramento das viagens e oferece dispositivos de segurança e identificação tanto de motoristas quanto de clientes. E mais: permite escolher motorista homem ou mulher. “Algumas clientes podem se sentir mais confortáveis requisitando mulheres para atendê-las.” Franquias em cidades do interior Enquanto nas grandes cidades os passageiros passam por cancelamento frequente de corridas na Uber e na 99, companhias menores buscam atender clientes em localidades pequenas. Além da U7, de Rondonópolis, o Ubiz Car encontrou lugar no mercado: ele se descreve como um negócio de corridas por aplicativo voltado a municípios pequenos. Fundada em 2018 em Parnaíba, no Piauí, a companhia atualmente já está presente em 13 cidades do interior, em quatro Estados. O preço mínimo das corridas varia de acordo com o custo de vida da cidade: vai de R$ 5,99 a R$ 10 por viagem, já que, nessas localidades, é comum que o motorista tenha de percorrer distâncias mais longas para chegar até o cliente e iniciar a corrida. Ubiz Car oferece franquia a interessados (Imagem: Divulgação/Ubiz Car) A empresa funciona em sistema de franquia. O investimento inicial para participar do negócio é a partir de R$ 250 mil. Incluem-se aí a taxa de franquia, a tecnologia da startup (o aplicativo para os clientes e o painel de controle para o franqueado) e a capacitação para a administração do empreendimento. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

VELLOSO: "RAPHAEL VEIGA MERECE SER CHAMADO PELO TITE" | BAITA AMIGOS

VELLOSO:

Band Sports Comentarista do Bandsports falou sobre a grande fase do meia com a camisa do Palmeiras. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Pix substitui dinheiro em três de cada quatro transações

Pix substitui dinheiro em três de cada quatro transações

Tecmundo Na última quinta-feira (25), o diretor de inovação, produtos e serviços da Federação Brasileira dos Bancos (Febraban), Leandro Vilain, anunciou que três a cada quatro transações via Pix substituem pagamentos que teriam sido realizados em dinheiro, caso o sistema não existisse. Dados das instituições financeiras apontam que 1,2 bilhão de transferências via Pix foram efetuadas somente no mês de outubro. Destas, 900 milhões estariam substituindo interações com dinheiro físico. Leia mais... Veja Mais

BAITA AMIGOS ENTREVISTA BRENO LOPES, ATACANTE DO PALMEIRAS

BAITA AMIGOS ENTREVISTA BRENO LOPES, ATACANTE DO PALMEIRAS

Band Sports Herói do bicampeonato da Libertadores, jogador falou da conquista do tricampeonato diante do Flamengo e do futuro de Abel Ferreira no Verdão. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

BRENO LOPES: "O ABEL MUDOU A VIDA DE MUITOS JOGADORES. A GENTE ESPERA QUE ELE FIQUE” | BAITA AMIGOS

BRENO LOPES:

Band Sports Atacante do Palmeiras falou sobre a importância do treinador na conquista de mais um título da Libertadores. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Como instalar a Play Store novamente no celular

Como instalar a Play Store novamente no celular

Tecmundo A Play Store é a loja oficial da Google utilizada para distribuir aplicativos, jogos, livros e diversos outros produtos da plataforma em dispositivos Android. É por meio dela que os usuários realizam o download de grandes apps utilizados na atualidade, como WhatsApp, Facebook e Instagram. Mesmo com essa grande importância, é comum que algumas pessoas acabem excluindo a Play Store do smartphone por engano, ficando impossibilitadas de baixar outros softwares no dispositivo. Caso você esteja com esse problema, saiba que existe solução e que é possível baixá-la novamente no celular. Leia mais... Veja Mais

Sanderson defende venda de medicamentos em lojas de conveniência - 29/11/21

Sanderson defende venda de medicamentos em lojas de conveniência - 29/11/21

Câmana dos Deputados Venda de medicamentos em lojas de conveniência Um projeto de lei em análise na Câmara permite a venda de medicamentos isentos de prescrição em supermercados. Um dos deputados que apoiam a ideia é o deputado Sanderson (PSL-RS). Apresentação: Cassiana Tormin - Direção: Guga Caldas Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #Medicamentos #Mips Veja Mais

"FOI UMA VITÓRIA DO ABEL SOBRE O RENATO", DIZ LUIZA OLIVEIRA | BAITA AMIGOS

Band Sports Jornalista analisou a vitória do Palmeiras contra o Flamengo na decisão da Libertadores. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Marrocos se dispõe a favorecer retomada de negociações entre Israel e palestinos

em - Internacional O Marrocos, que normalizou suas relações diplomáticas com Israel no ano passado, está disposto a "aproveitar" seus laços com as partes do conflito israelense-palestino para promover a retomada do processo de paz, anunciou o rei Mohamed VI nesta segunda-feira (29)."O Marrocos continuará seus esforços para que sejam satisfeitas as condições para o retorno das partes à mesa de negociações", declarou o monarca alauita por ocasião do Dia Internacional de Solidariedade ao Povo Palestino. Para isso, "aproveitará sua posição e relação privilegiada com todas as partes", acrescentou durante discurso.O Marrocos restabeleceu suas relações com Israel há um ano, no âmbito do processo de normalização entre o Estado judeu e alguns países árabes, patrocinado pela administração dos Estados Unidos.Os dois países já haviam estabelecido relações diplomáticas no início dos anos 1990, mas Rabat pôs fim ao processo com o início da Segunda Intifada, o levante palestino contra a ocupação israelense no início dos anos 2000.Durante seu discurso, Mohamed VI pediu "esforços diplomáticos intensos e eficazes" para "reativar as negociações entre as duas partes, visando alcançar um desfecho favorável na questão palestina, no contexto de uma solução de dois Estados", de acordo com as fronteiras de 1967 e as decisões do direito internacional.Nesta segunda, aconteceram várias manifestações contrárias à normalização de relações com Israel, mobilizando dezenas de ativistas pró-Palestina em diversas cidades do reino alauita, de acordo com vídeos publicados nas redes sociais.Contudo, assim como aconteceu no domingo, as autoridades proibiram um protesto na capital Rabat, segundo a AFP."Há 43 anos nós celebramos este dia [da solidariedade] sem nenhum problema e sem nenhuma proibição, mas esta é a primeira vez que somos proibidos", lamentou Ahmed Amine, um manifestante de 65 anos. Outro manifestante, Mouad El Jouhri, de 63 anos, denunciou a "traição e normalização com o inimigo [israelense]". Veja Mais

Evil Dead: Bruce Campbell anuncia fim da jornada de Ash na franquia

Evil Dead: Bruce Campbell anuncia fim da jornada de Ash na franquia

Tecmundo Em entrevista concedida para o Collider neste último final de semana, Bruce Campbell anunciou sua aposentadoria da franquia Evil Dead - Uma Noite Alucinante, revelando o fim da participação de Ash Williams como personagem canônico.Apresentado originalmente em 1981 com o lançamento do terror trash de garagem Uma Noite Alucinante, Ash Williams tornou-se o símbolo do que seria uma das franquias de horror mais marcantes das últimas décadas, caracterizando-se por ser um anti-herói "gente como a gente" e por apresentar uma evolução bastante particular em meio ao feroz ataque demoníaco, especialmente depois de acoplar uma motosserra em seu braço e ganhar ares bad-ass.Leia mais... Veja Mais

Donos do 'Touro de Ouro' da B3 são multados em R$ 38 mil pela prefeitura, mas pedem retorno da escultura ao Centro de SP

G1 Economia Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU) da cidade determinou remoção da estátua da Rua XV de Novembro por entender que ela era uma peça de publicidade de uma das patrocinadoras, ferindo a Lei Cidade Limpa. Touro de Ouro instalado em frente à Bolsa de Valores de SP (B3), na rua XV de Novembro, no Centro de São Paulo. Divulgação/B3/TouroInc A Subprefeitura da Sé multou nesta segunda-feira (29) em R$ 38 mil a empresa DMAIS Arquitetura e Construção, responsável pela implantação do "Touro de Ouro", instalado sem o devido aval da Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU) na Rua XV de Novembro, no Centro da capital paulista. O arquiteto responsável pelo projeto do monumento pediu que a decisão da comissão seja reavaliada (veja mais abaixo). A multa foi recomendada pela própria CPPU, que em reunião na última terça-feira (23) deliberou que os responsáveis pela obra deveriam ter submetido a estátua ao colegiado com 30 dias de antecedência da instalação, como manda a legislação urbana da cidade. A falta da licença do órgão foi denunciada com exclusividade pelo g1 na segunda (22). Compartilhe esta notícia no WhatsApp Compartilhe esta notícia no Telegram A CPPU também ordenou que a estátua fosse removida do espaço por conter elementos de publicidade que faziam referência a uma das patrocinadoras da obra, a empresa de educação financeira Vai Tourinho, do economista Pablo Spyer e da XP Investimentos (entenda mais aqui).  Touro de Ouro é retirado da B3, no Centro de SP, após multa da CPPU Na multa aplicada pela Subprefeitura da Sé nesta terça-feira (29), a gestão municipal afirma que a obra feriu o artigo 39 da Lei Cidade Limpa, "por instalar, colocar ou exibir anúncio publicitário, em imóvel público ou privado, edificado ou não, sem a necessária licença de anúncio", conforme os conselheiros da CPPU já haviam deliberado na semana passada. Após a decisão do conselho, a Bolsa de Valores de São Paulo (B3) removeu a estátua da rua XV de Novembro na noite daquela mesma terça-feira (23), levando ao monumento para um depósito do acervo da empresa.  Remoção da estátua do Touro de Ouro da rua XV de Novembro, no Centro de SP, em 23 de novembro. Reprodução Reavaliação para volta da estátua A decisão sobre a remoção da estátua foi tomada por 5 votos a 4 entre os dez conselheiros da CPPU que participaram da reunião na última semana. Logo após o encontro, o arquiteto responsável pela DMAIS Arquitetura e Construção, Rafael Brancatelli, ingressou com um pedido de reavaliação do órgão sobre a exposição do touro na cidade.  No pedido, Brancatelli afirma que precisa de mais prazo "para apresentar argumentos para explicar o caráter Artístico e não publicitário da obra, podendo até talvez solicitar que a escultura seja itinerante" na cidade.  No requerimento, ele também pede que "a escultura permaneça no local onde se encontra e seja concedido prazo para que possam atender às exigências legais".    Pedido de reavaliação da CPPU para a volta da estátua do 'Touro de Ouro' para a frente da B3, no Centro de SP. Reprodução Por meio de nota, a gestão Ricardo Nunes (MDB) confirmou o pedido de reavaliação para a obra, mas disse que a CPPU - órgão ligado à Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento (SMUL), não tem prazo para reavaliar o caso.  "A Prefeitura de São Paulo informa que não há previsão, até o momento, sobre a data para análise do pedido de reconsideração para exposição da escultura pela Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU). A Comissão aguarda receber material técnico dos responsáveis pela intervenção urbana para avaliar a nova proposta".    Procurada pela reportagem, a B3 e as empresas envolvidas não quiseram se pronunciar sobre o novo pedido feito à CPPU. Votação da legalidade da estátua do 'Touro de Ouro' na Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU). Reprodução Touro de Ouro da Bolsa de Valores, no Centro de SP, é alvo de protesto pelo 2º dia consecutivo B3 inaugura escultura do Touro de Ouro no centro histórico de São Paulo ONG faz churrasco para moradores de rua em frente a Touro de Ouro da Bolsa de Valores, no Centro de SP Debates na CPPU Durante o debate na CPPU na terça-feira (23), a presidente do órgão, Regina Monteiro, afirmou que houve alertas de vários órgão da Prefeitura de São Paulo para que que a obra tivesse o devido aval da CPPU, mas que a decisão não foi atendida pela empresa DMAISB Arquitetura e Construção, responsável pelo licenciamento. “É inequívoco que houve uma infração à Lei Cidade Limpa quando a obra foi instalada sem o aval inicial da CPPU, uma vez que a própria Subprefeitura da Sé pede essa aprovação. Mais do que nunca, todo mundo vai aprender. A cidade não tem leis demais, como o prefeito falou. A gente é muito claro. Mas a gente vai aproximar com subprefeitos e subprefeituras para mostrar que qualquer elemento colocado na paisagem tem que passar pela CPPU”, disse ela. A placa da empresa 'Vai Tourinho', no pé da estátua do touro; Ao lado, o economista Pablo Spyer junto com o arquiteto Rafael Brancatelli. Montagem/g1 “Esse caso mostra a importância de seguir a regra. Existe uma lei e ela precisa ser seguida. Nós temos que buscar seguir a regra antes de executar. Executou-se criando uma enorme polêmica. A CPPU precisava ser convocada antes da instalação. Os órgãos municipais também tinham que conversar. Houve uma falha enorme na comunicação dentro da Prefeitura de SP”, afirmou a conselheira Viviane Rubio, representante acadêmica do Mackenzie na comissão. O arquiteto que idealizou a escultura, Rafael Brancatelli - dono da DMAISB Arquitetura, teve a palavra na reunião e disse que não sabia da necessidade de aprovação da estátua no órgão quando ela foi inaugurada em 16 de novembro. “Procurei os dispositivos legais que estavam ao meu alcance.Não foi por desrespeito ou porquê queria passar por cima de nada. Tá aprendida a lição. Numa outra iniciativa nós com certeza vamos procurar a CPPU. Conversei até com o secretário César Azevedo [da SMUL] e ele mesmo ficou surpreso e falou:‘olha, realmente eu não tinha certeza’”, disse Brancatelli antes de ouvir a deliberação final dos conselheiros. O arquiteto Rafael Brancatelli - dono da DMAISB Arquitetura - durante a reunião virtual da CPPU. Reprodução O que é a CPPU? A CPPU é composta por 16 representantes da sociedade civil, empresários e membros da própria gestão municipal. Ela é a instância máxima que analisa a inserção de novos elementos na paisagem urbana da cidade, adequando-os à Lei Cidade Limpa. Na reunião desta terça (23), apenas dez deles compareceram e votaram. Eventos como o EarParade ou a CowParade, que também tiveram estátuas espalhadas pela cidade em outros anos, com características semelhantes ao Touro de Ouro da rua XV de Novembro, foram submetidos ao órgão antes da exposição na cidade. Contudo, até a quinta-feira (18), quando o g1 acionou os responsáveis pela estátua do Touro de Ouro, não havia nem sequer um pedido de análise protocolado no órgão para que a exposição da estátua no Centro de São Paulo fosse autorizada. Vista do Touro de Ouro em frente a Bolsa B3 no centro de São Paulo (SP), nesta segunda-feira (22). RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS/FUTURA PRESS/ESTADÃO CONTEÚDO Na noite da sexta-feira (19), a prefeitura afirmou que a empresa DMAISB Arquitetura, que cuidou do licenciamento, deu entrada finalmente em um pedido de apreciação do órgão, três dias depois que a estátua já estava em exibição na rua XV de Novembro. A Bolsa de Valores (B3) também havia afirmado que o Touro de Ouro possuía as autorizações vigentes dos órgãos municipais para sua instalação, como da Subprefeitura Sé e do Departamento do Patrimônio Histórico (DPH), da Secretaria Municipal da Cultura, para exposição em logradouro público, como evento temporário. Irregularidades Entretanto, urbanistas ouvidos pelo g1 apontaram que o Touro de Ouro tinha todas as características de uma estátua ou monumento publicitário. “Independente da autorização da Subprefeitura e do DPH, existe uma série de licenças que precisam ser solicitadas nesses casos. A autorização da CPPU é uma delas. A Comissão tem poder de veto, e o touro não poderia ter sido instalado sem essa autorização", afirmou o presidente do Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB), Fernando Túlio Rocha Franco, antes da decisão de terça (23). O economista Pablo Spyer, sócio da empresa Touro Inc com a XP Investimentos, faz propaganda da empresa em uma emissora de TV de São Paulo. Reprodução/Youtube O ex-diretor de Urbanismo da Prefeitura de São Paulo, Kazuo Nakano, também havia afirmado que a instalação do Touro de Ouro sem o aval da comissão de paisagem urbana configurava infração à Lei Cidade Limpa. “Esse caso do Touro de Ouro é ainda mais complicado, porque existe uma discussão se ele é um objeto de propaganda de uma empresa ou é realmente uma obra de arte. A atribuição da CPPU é justamente debater esse limiar entre estátuas e propagandas na cidade, regulando a questão”, explicou Nakano. B3 e Prefeitura Por meio de nota, a Prefeitura de São Paulo, através da Subprefeitura Sé, havia informado na sexta (19) que o tempo previsto para a exposição do Touro de Ouro na rua XV de Novembro era de 15/11/2021 a 15/2/2022, totalizando 92 dias. Pela resolução da CPPU 005/2016, esse tipo de intervenção urbana poderia permanecer no logradouro público por até 30 dias, não prorrogáveis (veja a resolução aqui). A gestão Ricardo Nunes (MDB) afirmava que a legislação que embasava o procedimento adotado para a estátua era o Decreto 49.969/08, que diz que “o Alvará de Autorização para eventos públicos e temporários terá validade máxima de 6 (seis) meses, podendo ser prorrogada, por igual período, uma única vez, dependendo de novo recolhimento do valor devido, nos termos da Lei nº 11.228, de 1992”. A B3, por meio de nota, também informava antes do domingo (21) que “a escultura ‘Touro de Ouro’ possuía autorizações vigentes dos órgãos municipais para sua instalação, requisitadas pela empresa Dmaisb Arquitetura e Construção, uma das integrantes do projeto”. “A empresa Dmaisb obteve alvará da Prefeitura de São Paulo, emitido pela Subprefeitura Sé (processo 6056.2021/0005279-8), com validade de 15/11/2021 (data em que a escultura foi instalada na rua XV de Novembro) a 15/2/2022. Também teve autorização do Departamento do Patrimônio Histórico da Secretaria Municipal da Cultura para exposição em logradouro público, como evento temporário, durante o período de 1/10/2021 a 31/12/2021”, disse a empresa. Inauguração de escultura de um touro dourado em frente à sede da Bolsa de Valores de São Paulo (B3), no Centro de São Paulo, nesta terça-feira (16). BRUNO ROCHA/ENQUADRAR/ESTADÃO CONTEÚDO A DMAISB Arquitetura e Construção foi procurada por e-mail, através de seu dirigente, o arquiteto e artista plástico Rafael Brancatelli - responsável pela produção do touro - mas não respondeu os questionamentos até a última atualização dessa reportagem. Documentos registrados na Prefeitura de São Paulo apontam que a empresa recebeu R$ 350 mil da B3 para realizar o projeto. Nem ele e nem a B3 comentaram o valor do negócio. Documento que aponta o valor pago pela B3 à empresa responsável por confeccionar o Touro de Ouro. Reprodução Infográfico da Prefeitura de São Paulo explica o que é a Comissão de Proteção à Paisagem Urbana (CPPU). Reprodução VÍDEOS: Tudo sobre São Paulo e região metropolitana As empresas Vai Tourinho e XP Investimentos também foram procuradas, mas não quiseram o Veja Mais

TSE diz que teste de segurança nas urnas não mostrou risco à eleição

TSE diz que teste de segurança nas urnas não mostrou risco à eleição

Tecmundo O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), divulgou nesta segunda-feira (29) o resultado dos testes de segurança realizados no sistema das urnas eletrônicas para as eleições de 2022. Realizados ao longo de seis dias, os testes visavam identificar possíveis falhas de segurança no sistema e envolveu o trabalho de diversos especialistas de área de tecnologia da informação.Segundo o tribunal, foram identificadas cinco falhas, mas nenhuma foi considerada grave por não apresentar risco potencial de alteração dos votos. O teste contou com 26 pessoas investigadoras que colocaram em prática 29 planos de ataque ao sistema. Destes, 24 não conseguiram ultrapassar nenhuma barreira de segurança. O time mais bem-sucedido foi o da Polícia Federal que solicitou uma extensão do prazo, até sábado (27).Leia mais... Veja Mais

Ações da LATAM Airlines caem 45,4% em Santiago após plano de reestruturação financeira

em - Internacional As ações da companhia aérea chileno-brasileira LATAM Airlines despencaram 45,4% nesta segunda-feira (29) no fechamento da bolsa de Santiago depois que a empresa anunciou um plano de reestruturação financeira de 8,190 bilhões de dólares para sair da crise provocada pela pandemia.Após a abertura da bolsa, as ações da LATAM - considerada a maior companhia aérea da América Latina - chegaram a cair 83,9%, mas com o passar das horas a queda diminuiu para fechar em baixa de 45,4% a 512 pesos por ação (0,6 dólar), seu nível mais baixo desde abril de 1999.A queda das ações da companhia ocorre depois do anúncio, no sábado, de um plano de reestruturação financeira com a injeção de 8,190 bilhões de dólares, com o objetivo de sair do "capítulo 11" da lei de falências dos Estados Unidos.A LATAM recorreu a este mecanismo em maio do ano passado, devido à crise econômica provocada para a companhia pelas restrições para voar, impostas pela pandemia, que paralisou boa parte do tráfego aéreo mundial.Na ocasião, as ações da LATAM caíram 44,4% na bolsa chilena.O plano de reestruturação contém uma combinação de capital novo, emissão de bônus conversíveis e dívida, que permitiria à companhia aérea sair do "capítulo 11", que permite às empresas se reorganizarem sem a pressão dos credores.- "Endividamento conservador" -O plano da LATAM abrange o lançamento de uma oferta de 800 milhões de dólares em direitos acionários preferenciais mediante a emissão de ações ordinárias e de bônus conversíveis, oferecidos prioritariamente aos acionistas da companhia por US$ 4,640 bilhões.Também prevê uma nova linha de crédito de US$ 500 milhões e aproximadamente US$ 2,25 bilhões em financiamento através de nova dívida, seja mediante um novo empréstimo a longo prazo ou novos bônus.Um tribunal americano deve agora aprovar este plano de reestruturação financeira em uma audiência que será realizada em janeiro próximo. Se for aprovado, espera-se que dois meses depois seja realizada uma "audiência de confirmação", último passo para concluir o processo judicial nos Estados Unidos.Após sair desta etapa, a empresa teria uma dívida total de aproximadamente 7,26 bilhões de dólares e liquidez de 2,67 bilhões de dólares.Segundo a empresa, trata-se de "um nível de endividamento conservador e uma liquidez adequada" em um período de incerteza contínua para a aviação mundial, e que deixará o grupo em melhor posição para futuras operações. Veja Mais

Câmara aprova transparência no ‘orçamento secreto’ e limita recursos

O Tempo - Política Senado ainda fará votação; decisão de identificar os autores não vale para emendas passadas Veja Mais

Animação da Netflix sobre Gorillaz segue viva; veja novidades

canaltech A banda Gorillaz vai ganhar um filme animado na Netflix. A notícia já é meio antiga e foi anunciada pela primeira vez em outubro de 2020, mas até agora o streaming ainda não tinha dado atualizações sobre a produção, o que fez alguns fãs suspeitarem sobre um possível cancelamento do projeto. Os 7 melhores shows para assistir online Os 10 melhores documentários sobre música para assistir na Netflix No entanto, durante uma entrevista para o Apple Music, Damon Albarn, que fornece a voz para o vocalista do Gorillaz, deu uma breve atualização para o público que tanto esperava mais detalhes do filme. De acordo com ele, o roteiro está enfim sendo escrito: "Estou em Los Angeles porque estamos fazendo um longa-metragem do Gorillaz com a Netflix. Estamos tendo uma sessão de composição em Malibu", brincou ele. "É algo que queremos fazer há muito tempo". Assine a Disney+ aqui e assista a títulos famosos da Marvel, Star Wars e Pixar quando e onde quiser! “I’m in LA because we’re making a full-length @gorillaz film with Netflix. We’re having a writing session in Malibu this afternoon…” ???? pic.twitter.com/Q1bRcMyz2s -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- — Damon Albarn Unofficial (@DamonUnofficial) November 10, 2021 Também foi Damon o responsável por revelar que haveria um filme sobre a banda em 2020. Na época, o vocalista falava ao Radio.com sobre o lançamento do disco Song Machine: Season One – Strange Timez, que traz uma série animada pelos personagens da banda: "Bom, devemos fazer um filme enquanto produzimos a segunda temporada [de Song Machine]. Assinamos contratos, começamos roteiros e outras coisas. Fazer um filme de animação meio abstrato é um grande risco para um estúdio de cinema porque é muito caro. Se você está contando uma história ligeiramente obtusa, que só às vezes faz algum sentido, é muito difícil. Isso é o que descobrimos. Faremos isso, estamos fazendo". Song Machine, Season One: Strange Timez (Deluxe) (Imagem: Divulgação / Parlophone Records Limited) Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Gorillaz foi criada em 1998 no Reino Unido e sempre teve essa proposta animada. Com quatro integrantes virtuais e sete discos lançados ao todo, a banda acumula indicações ao Grammy, recordes no Guinness Book e certificados de discos de platina ao longo da carreira. Atualmente, já vendeu aproximadamente 15 milhões de discos em todo o mundo. A animação segue sem previsão de lançamento na Netflix. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Diretor da OMS defende criação de acordo comum para prevenir pandemias futuras

O Tempo - Mundo Tedros Adhanom também criticou a maneira como o mundo tem lidado com a Covid-19 Veja Mais

Lan Lahn mostra foto das filhas gêmeas usando 'uniforme' do Bahia

O Tempo - Diversão - Magazine Percussionista compartilhou um registro das crianças, fruto do relacionamento com a atriz Nanda Costa, expressando a paixão pelo tricolor baiano Veja Mais

Queda de kombi em precipício deixa ao menos dez mortos no Peru

em - Internacional Ao menos dez pessoas morreram, entre elas uma criança, e outras sete ficaram feridas nesta segunda-feira (29), após a queda de uma kombi em um precipício em uma estrada na selva norte do Peru, informaram os bombeiros.O veículo de passageiros caiu no abismo na manhã enquanto fazia o trajeto entre as cidades de Chachapoyas e Moyobamba, na região do Amazonas, 1.000 km ao norte de Lima, a mesma sacudida por um sismo de 7,5 graus de magnitude no domingo."A companhia 101 de Chachapoyas foi ao resgate de uma kombi que caiu 300 metros no abismo. Foram resgatadas sete pessoas [feridas] gravemente e dez falecidos", disse o bombeiro Joicer Tejada à rádio RPP.O acidente ocorreu no quilômetro 637 da rodovia Fernando Belaúnde Terry. Entre os mortos há dois médicos e uma criança, informou a emissora.Os acidentes em rodovias peruanas são frequentes devido ao excesso de velocidade, ao mau estado das estradas, à falta de sinalização e ao escasso controle das autoridades.Esta nova tragédia na região do Amazonas se soma à provocada no domingo pelo sismo, que deixou 2.400 afetados, 12 feridos, 117 casas e cinco igrejas destruídas e 1,5 quilômetro de rodovias avariadas, segundo o balanço oficial mais recente. Veja Mais

Dexter: New Blood 1x4: Harrison pode seguir os passos do pai (recap)

Dexter: New Blood 1x4: Harrison pode seguir os passos do pai (recap)

Tecmundo No último domingo (28), o canal Showtime exibiu um novo episódio para Dexter: New Blood, uma nova produção que vem mostrando aos espectadores mais detalhes sobre o personagem titular após o final da série original, que foi amplamente criticado pelos fãs. Ao que tudo indica, além de sua moralidade, Dexter (vivido por Michael C. Hall) precisará enfrentar novos problemas com Harrison (Jack Alcott), seu filho.Leia mais... Veja Mais

Marvel revela origem do nome Kang e resolve confusão sobre o vilão temporal

canaltech O sobrenome Richards é, desde os anos 1960, associado à mais brilhante mente do Universo Marvel, o Senhor Fantástico, Reed Richards, líder do Quarteto Fantástico. E seu pai, Nathaniel, tão inteligente quanto sua prole, também apareceu em várias tramas — e, depois da aparição do vilão temporal Kang, passou a ser associado ao oponente temporal. Isso causou uma grande confusão ao longo das décadas. O que, agora, parece finalmente ter uma resolução na Casa das Ideias, na recente HQ Kang the Conqueror nº 4, lançada nos EUA. Conheça a habilidade que torna o Gavião Negro mais poderoso que o Superman Liga da Justiça está prestes a revisitar uma de suas piores sagas nas HQs Para quem não está a par de toda a história, um breve resumo é que, nas HQs, Nathaniel seria uma das versões de Kang, o vilão temporal que, por estar em várias partes do tempo, apropriou-se de diferentes nomes. Nathaniel sempre foi sua mais recorrente, mas Kang também se passou por outros antagonistas e personalidades da trajetória da humanidade — nunca ficou muito claro que Nathaniel fosse realmente a origem de todas as "variantes". Após a série Loki, a Marvel parece ter finalmente decidido um rumo menos confuso, conectado ao pai de Reed Richards — o que faz sentido, já que o Quarteto Fantástico está para chegar ao Universo Cinematográfico Marvel (MCU, na sigla em inglês). Como todos sabemos, a editora e o estúdio costumam se retroalimentar de ideias para tornar as revistas e as séries e filmes amigáveis aos fãs, deixando suas propriedades parecidas em todas as mídias. Então, a minissérie Kang nos quadrinhos vem justamente para alinhar o que vem por aí nas telonas e telinhas com o que acontece nos gibis. E isso tem tudo a ver com esta edição. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Atenção: spoilers a seguir! A trama, escrita por Jackson Lanzing e Collin Kelly e com arte de Carlos Magno, mostra Nathaniel vivendo a história de seu eu futuro, lutando contra versões mais antigas de si como o Kang original e Rama-Tut, o nome que o vilão usou quando se tornou um faraó egípcio. No período como Rama-Tut, Nathaniel descobre armas neurocinéticas e a reconhece como sendo a mesma máquina que seu eu mais velho usou para criou sua armadura e nave temporal. Enquanto ele constrói os artefatos, o ruído da forja faz um som cuja onomatopeia é "Kang", palavra que acaba sendo gritada em coro pelos asseclas do vilão. Kang mostra qual é a origem do seu verdadeiro nome (Imagem: Reprodução/Marvel) Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Parece bobo? Talvez, mas não deixa de ser um momento emblemático para o personagem, pois é quando cria sua armadura que acaba se tornando o conquistador temporal que conhecemos tão bem. E, embora pareça irrelevante para a maioria dos leitores, isso reforça a teoria de que todas as versões de Kang realmente vieram de Nathaniel Richards, o pai de Reed. Se os fãs aceitarão bem essa justificativa, só o tempo (hein?) vai dizer. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

BYD Tan: SUV 100% elétrico é aposta para iniciar “dinastia” no Brasil

canaltech O mercado de carros elétricos no Brasil tem um novo e imponente integrante: o BYD Tan. O SUV 100% elétrico foi o escolhido pela marca chinesa para dar início à “dinastia” da montadora no mercado verde-amarelo. Carros elétricos no Brasil 2021: conheça 5 modelos Os 10 carros elétricos mais baratos à venda no Brasil O modelo é o primeiro totalmente elétrico de 7 lugares a ser comercializado no Brasil e o nome (Tan) é uma homenagem ao regime monárquico que governou a China entre de 618 e 906 DC. A dinastia, na verdade, chamava-se Tang, mas a pronúncia do “g” é silenciosa e, por isso, não foi incorporada ao nome do SUV, conforme explicou a assessoria da BYD. O lançamento do SUV aconteceu nesta segunda-feira (29) no Haras Tuiuti, a 2 horas da capital paulista, e contou com a presença da reportagem do Canaltech. O sedã Han, que também será lançado em breve no país, esteve exposto no evento, mas não foi oficialmente anunciado pela marca. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- BYD Tan é o primeiro SUV de 7 lugares 100% elétrico do Brasil (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech) Bateria e desempenho do BYD Tan Os planos da BYD para o Brasil são ambiciosos e a ideia não é fazer do Tan “apenas mais um” em meio a um mercado tão competitivo e em alta quanto o de SUVs no Brasil. A marca chinesa caprichou nas especificações do modelo, que terá uma inovadora bateria. Chamada de "Blade Battery", a promessa é de que o componente seja o mais seguro já fabricada: "Ela foi aprovada no teste de perfuração de prego, não ultrapassando 60 graus de temperatura. As tradicionais entram em combustão no mesmo teste e explodem ao contato. Você vai colocar a família dentro do carro, então precisa de segurança", explicou Henrique Antunes, diretor comercial da BYD. Executivo da BYD afirmou que bateria do Tan é a mais segura do mundo (Paulo Amaral/Canaltech) A bateria do BYD Tan é de 86,4 kWh, suficiente para autonomia de 437 quilômetros, segundo o Inmetro. A marca diz que com apenas 30 minutos de carga é possível recuperar entre 30% e 80% da bateria. O SUV 100% elétrico tem tração nas quatro rodas e é equipado com dois motores elétricos, um em cada eixo (245 cv motor frontal e 272 cv motor traseiro). Isso dá ao BYD Tan uma potência combinada de 517 cv e capacidade de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 4,6 segundos. Design do SUV da BYD Se a bateria é nova e mais segura, e a motorização promete impressionar, o design não poderia ficar para trás, certo? Pensando nisso, a BYD foi buscar Wolfgang Egger, ex-head de design da Audi, para cuidar do visual do Tan. Além dele, a marca trouxe dois especialistas em design da Mercedes: Michele Paganetti (interiores) e Heniz Kerk (chassis). A marca revelou que o design do automóvel foi batizado de “Dragon Face”, pois as linhas agressivas e os faróis Full LED “lembram um dragão gigante com os olhos abertos”. BYD Tan tem design chamado de "Dragon Face" pelos executivos (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech) O teto curvo, a traseira com lanternas em LED e efeito de profundidade 3D e o teto com um conceito flutuante completam o design diferente e inovador do Tan, e o colocam como um dos SUVs mais belos do País. Tecnologia, segurança e conforto   Na parte interna, o BYD Tan tem tecnologia de ponta. A central multimidia tem tela de 15,6 polegadas do tipo flutuante e com rotação, que permite posicioná-la tanto na horizontal quanto na vertical. O modelo também tem cluster 100% digital de 12.3”, teto solar panorâmico, bancos em couro sintético, painel soft-touch, volante multifuncional com ajuste elétrico de profundidade e altura, bancos elétricos dianteiros, ar-condicionado dual zone, carregamento sem fio para celulares e muito mais. BYD Tan vem com pacote repleto de tecnologia e itens de segurança (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech) No quesito segurança, a lista conta com itens como LKS (Lane Keeping System), 6 airbags, Freio Automático de Emergência, Sistema de Detecção para Abertura de Portas e a função eletrônica Auto Hold, que controla automaticamente os freios ABS para manter o veículo parado em uma subida, mesmo que o motorista tire o pé do pedal. O principal destaque do pacote tecnológico, no entanto, é a tecnologia NFC (Near Field Communication) para abrir, fechar e até mesmo ligar a ignição do veículo por autenticação com um dispositivo do tamanho de um cartão de crédito. Central multimídia flutuante é um dos destaques do BYD Tan (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech) O SUV também promete conforto de sobra para até 7 ocupantes graças às suas dimensões: o modelo tem 4,87m de comprimento, 1,95m de largura, 1,72 m de altura e entre-eixos de 2,82m. Preço e disponibilidade O BYD Tan começará a ser vendido no Brasil a partir do primeiro semestre de 2022, mas já conta com a possibilidade de reserva antecipada no site da marca em cinco cores: azul, branca, vermelha, cinza e preta. A garantia é de cinco anos para o veículo e de oito anos para as baterias. A BYD não cravou qual será o preço exato do SUV 100% elétrico, mas disse que ele se posicionará entre R$ 400 mil e R$ 500 mil quando chegar ao mercado. Isso colocará o Tan na mesma faixa de modelos mais badalados como o Porsche Cayenne, Audi E-Tron, Volvo XC90, Mercedes EQC400 e Jaguar I-Pace. BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) BYD Tan - SUV 100% elétrico (Paulo Amaral/Canaltech) Segundo Adalberto Maluf, diretor de marketing e sustentabilidade, até mesmo rivais a combustão, como Toyota SW4, Mitsubishi Pajero e Chevrolet Trailblazer estão na mira do SUV chinês. O Tan será disponibilizado no Brasil em versão única, chamada de Full Spec. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

"GANHAMOS DO FLAMENGO NO MOMENTO CERTO"; Scarpa, do Palmeiras, exclusivo | ESPN FC

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! https://bit.ly/3Bgc4nb E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Palmeiras #Libertadores #Flamengo Veja Mais

Pentágono investiga atentado de 2019 que matou civis na Síria

em - Internacional O Pentágono iniciou nesta segunda-feira (29) uma investigação sobre um ataque que matou civis na Síria em 2019, após a publicação de uma reportagem pelo jornal The New York Times indicando que o Exército dos Estados Unidos teria escondido a presença de vítimas não combatentes.O secretário de Defesa dos EUA, Lloyd Austin, instruiu o general do Exército, Michael Garrett, a "revisar os relatórios da investigação já conduzida sobre este incidente", que ocorreu em 18 de março de 2019 em Baguz, Síria, disse o porta-voz do Pentágono, John Kirby.De acordo com o New York Times, uma força especial americana que operava na Síria, às vezes sob grande sigilo, bombardeou naquele dia um grupo de civis três vezes perto de Baguz, um antigo reduto do Estado Islâmico (EI), matando 70 pessoas, entre elas mulheres e crianças.O general Garrett, que liderava as forças terrestres no Oriente Médio alguns dias antes do atentado fatal, terá 90 dias para revisar não só o ataque, mas também como a investigação inicial foi realizada e como a hierarquia militar foi informada a respeito, explicou o porta-voz.A nova investigação precisará determinar se as leis de guerra foram respeitadas e se as medidas de proteção civil foram aplicadas, segundo Kirby. Além disso, deverá estabelecer se as sanções devem ser aplicadas e se os procedimentos existentes devem ser modificados.As Forças Democráticas Sírias, conduzidas pelos curdos, e os aliados da coalizão liderada pelos Estados Unidos anunciaram a derrota do "califado" do EI no final de março de 2019, após derrotar o último reduto jihadista de Baguz.THE NEW YORK TIMES COMPANY Veja Mais

Por dois votos, Senado aprova transparência no 'orçamento secreto'

O Tempo - Política Proposta segue pra promulgação, mas não dá transparência para emendas secretas liberadas entre 2020 e este ano Veja Mais

Sessão do Congresso (Senado) - PRN 4/21: Transparência às emendas do relator ao Orçamento - 29/11/21

Sessão do Congresso (Senado) - PRN 4/21: Transparência às emendas do relator ao Orçamento - 29/11/21

Câmana dos Deputados O Congresso Nacional analisa nesta segunda-feira (29) o PRN 4/2021, projeto de resolução que cria regras para a destinação de emendas ao Orçamento: a sessão na Câmara dos Deputados está prevista para as 14h  a do Senado, para as 16h. A aprovação desse texto é uma tentativa do Congresso de ampliar a transparência na apresentação, aprovação e execução das emendas de relator-geral da lei orçamentária. A reunião do Congresso estava prevista antes para a sexta-feira (26). Mas no fim da noite desta quinta, o presidente Rodrigo Pacheco comunicou sua decisão de transferir a reunião para a segunda. O relator da matéria é o senador Marcelo Castro (MDB-PI). Apresentado pelas Mesas do Senado e da Câmara, o projeto limita o valor das emendas de relator-geral, que passariam a ser direcionadas apenas para políticas públicas previstas em parecer preliminar. A intenção é permitir que os membros do Congresso Nacional e a sociedade tomem conhecimento prévio disso antes da apresentação do relatório geral. O projeto também amplia a transparência na execução dessas emendas, definindo regras para a publicação das indicações feitas pelo relator-geral, bem como das solicitações de recursos que as tiverem fundamentado. Marcelo Castro disse que vai cumprir à risca a decisão liminar do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu as emendas de relator até que o Congresso reveja essa modalidade de despesa. — Não se pode demonizar as emendas de relator, que sempre existiram e continuarão existindo, na minha percepção. Eu defendo que seja estipulado um limite para esses recursos e que sejam fortalecidas as emendas de bancada e de comissões, analisadas por parlamentares que possuem amplo conhecimento sobre os temas específicos e as demandas prioritárias de seus estados — argumentou ele. As novas regras previstas na proposta, se aprovadas, devem valer já para a lei orçamentária de 2022 e vão normalizar as emendas de 2021 que já foram previstas, executadas e estão suspensas por determinação do STF. Nota da Presidência do Senado A Presidência do Senado divulgou nota em que confirmou a análise do projeto pelo Congresso, em sessão até então marcada para sexta-feira, além de anunciar um ato conjunto das Mesas da Câmara e do Senado para ampliar a publicidade e a transparência da execução orçamentária. A Presidência do Senado Federal esclarece que, visando a garantir o cumprimento da decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), no julgamento da medida cautelar das APFs 850, 851 e 854, será publicado, na data de amanhã (26/11), Ato Conjunto das Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado Federal promovendo a implementação de mecanismos para ampliar a publicidade e a transparência ativa da execução orçamentária das despesas discricionárias com indicador de Resultado Primário (RP 9 - Emendas do Relator-Geral) das Leis Orçamentárias Anuais de 2020 e de 2021, bem como será apresentado e pautado em sessão do Congresso Nacional na data de amanhã [sexta-feira, 26] Projeto de Resolução de autoria das Mesas de ambas as Casas alterando normas regimentais para ampliar a publicidade e a transparência da sistemática de apresentação, aprovação e execução das emendas de Relator-Geral para as próximas Leis Orçamentárias Anuais. Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado) Fonte: Agência Senado Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Partido vai ao STF para exigir comprovante de vacinação de viajantes

O Tempo - Política Rede Sustentabilidade pede que o governo seja obrigado a adotar as recomendações da Anvisa sobre entrada no país Veja Mais

Zemmour, polemista de extrema direita francês, vai anunciar candidatura à Presidência

em - Internacional O controverso polemista de extrema direita Eric Zemmour vai anunciar na terça-feira (30) sua candidatura às eleições presidenciais em um vídeo, segundo fontes próximas consultadas pela AFP. O vídeo "Uma mensagem aos franceses" será "difundido em nossas redes sociais", antes do telejornal das 20h da emissora TF1, acrescentaram as mesmas fontes, confirmando uma informação publicada em vários veículos de comunicação locais.Alguns membros do entorno deste ex-jornalista publicaram a mensagem #Zemmourcandidat nas redes sociais.Famoso pelas críticas à migração e ao islã, este ensaísta de 63 anos, adepto dos estúdios de televisão e dos programas de rádio, há tempos demonstrava a intenção de se candidatar, embora evitasse confirmá-lo.Suas declarações lhe renderam duas condenações judiciais por incitação ao ódio racial.A pré-campanha do ensaísta teve dificuldades: ele aparece estagnado nas pesquisas, há locais que se negam a recebê-lo, tem uma organização frágil e tem sido vaiado em suas visitas a províncias.Além disso, trocou gestos ofensivos no domingo com uma pedestre em Marselha (sul), um episódio flagrado por fotógrafos pelo qual Zemmour teve que admitir que tinha cometido um erro.Segundo pesquisa divulgada neste domingo, Zemmour poderia alcançar entre 14% e 15% dos votos no primeiro turno em 10 de abril, atrás da também candidata de extrema direita Marine Le Pen (19%) e do presidente Emmanuel Macron (25%).TF1 - TELEVISION FRANCAISE 1 Veja Mais

Friends: como seria se Chandler terminasse a série com Janice?

Friends: como seria se Chandler terminasse a série com Janice?

Tecmundo Por meio de um vídeo divertido compartilhado pelo TikTok e, posteriormente, pelo Instagram, a atriz Maggie Wheeler, que interpretou Janice no seriado Friends, brincou com a possibilidade de sua personagem terminar a série ao lado de Chandler Bing (interpretado por Matthew Perry).Criando uma nova versão para a icônica abertura do show, a composição é interpretada pela dona do perfil jaxwritessongs. “Ninguém nunca falou sobre o único erro de Friends”, introduz a letra. “O melhor casal da série nunca chegou ao fim. Chandler e Monica ficaram bem juntos, mas eu acho que Chandler deveria ter terminado com outra pessoa”, continua a música.Leia mais... Veja Mais

Washington quer reforçar sua postura contra China e Rússia

em - Internacional Os Estados Unidos estudam reforçar sua presença militar frente a China e Rússia, ao mesmo tempo em que tenta manter uma dissuasão eficaz frente ao Irã e grupos jihadistas do Oriente Médio, informou nesta segunda-feira (29) uma alta funcionária do Pentágono. "Estudamos atualmente (...) iniciativas com nossos aliados e sócios para reforçar nossa dissuasão confiável frente à Rússia", informou a funcionária, anunciando a conclusão de um relatório do ministério da Defesa americano sobre a nova postura militar dos Estados Unidos no mundo.No entanto, visto que este informe foi classificado como segredo de defesa, a agente não deu detalhes sobre como os Estados Unidos poderiam reforçar seu dispositivo militar buscando as ambições territoriais de Moscou ou de Pequim.Estão sendo debatidos os ajustes na mobilização militar americana na Europa e na região indo-pacífica, "mas este primeiro ano de administração não é momento para desenvolver maiores mudanças na nossa postura", destacou.A funcionária lembrou que o Pentágono já tinha anunciado investimentos para modernizar a base naval americana na Ilha de Guam, no Pacífico ocidental, e de reforçar sua presença na Austrália, onde 2.500 soldados da infantaria da Marinha eram deslocados anualmente por revezamento de várias centenas para exercícios."Estudamos atualmente uma série de iniciativas com nossos aliados e parceiros e as verão materializadas no curso dos próximos dois ou três anos", previu. Na Europa, o presidente americano, Joe Biden, se retratou da decisão de limitar a 2.500 os efetivos militares americanos deslocados na Alemanha e reafirmou o compromisso dos Estados Unidos com a Otan, que seu antecessor, Donald Trump, pôs em xeque.Com a retirada do Afeganistão e o envio aos Estados Unidos das baterias antimísseis Patriot que foram deslocadas na Arábia Saudita após os lançamentos de mísseis em campos de petróleo atribuídos a grupos pró-iranianos, a postura militar americana no Oriente Médio parece ter diminuído.No Iraque, Washington concluiu neste verão um acordo com o governo iraquiano, que prevê a saída até o fim do ano de todas as "forças de combate", embora 2.500 militares americanos vão permanecer ali."Nosso compromisso é continuar apoiando a coalizão contra o (grupo) Estado Islâmico", destacou a encarregada. Veja Mais

"O ABEL NOS PREPAROU MUITO BEM", DIZ BRENO LOPES | BAITA AMIGOS

Band Sports Herói do bicampeonato do Palmeiras na Libertadores, Breno Lopes falou sobre a conquista do tri no último sábado. Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos siga também na redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV Veja Mais

Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais

canaltech Casa Gucci é um dos filmes de drama baseado em história real mais aguardados de 2021. O longa, dirigido por Ridley Scott, conta a história do assassinato de Maurizio Gucci, diretor da grife Gucci, a mando da ex-esposa, Patrizia Reggiani. O caso aconteceu na década de 1990 e ganhou os holofotes da mídia, que chegou a apelidar Reggiani de "viúva negra". Crítica Casa Gucci | Lady Gaga brilha em história trágica, mas também divertida Casa Gucci | Conheça a intrigante e sombria história da Família Gucci Casa Gucci traz não só Patrizia Reggiani (Lady Gaga) e Maurizio Gucci (Adam Driver), como também outros personagens importantes para a história. Entre eles estão Aldo Gucci, interpretado por Al Pacino; Paolo Gucci, personagem que ficou nas mãos de Jared Leto; Rodolfo Gucci, papel de Jeremy Irons; entre outros. As caracterizações foram bastante caprichadas para o filme, algumas demandando mais esforço além das vestimentas e maquiagens simples, passando também por um processo longo e trabalhoso para chegar ao melhor resultado. Elenco principal de Casa Gucci (Imagem: Divulgação/MGM) Se você já assistiu ao filme e ficou curioso para saber como eram essas pessoas na vida real, chegou a hora de fazer a comparação com os personagens principais do longa e quais foram os atores responsáveis por essa missão. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Domenico de Sole (Jack Huston) Domenico de Sole (Jack Huston) pic.twitter.com/GcBX7FPNmY — LUIS Creative Producer???? (@LUIS8171073011) November 25, 2021 Domenico de Sole trabalhava no grupo Gucci como CEO, conseguindo tirar a companhia da falência na década de 1990. O personagem é interpretado por Jack Huston, conhecido pelas séries Fargo e Boardwalk Empire, além dos filmes American Hustle, Ben-Hur, entre outros. Giuseppina Auriemma (Salma Hayek) Giuseppina "Pina" Auriemma (Salma Hayek) pic.twitter.com/NosrWq9g25 — LUIS Creative Producer???? (@LUIS8171073011) November 25, 2021 Salma Hayek, atriz conhecida por diversos filmes, desde Frida até o mais recente Eternos, da Marvel, interpreta Giuseppina Auriemma em Casa Gucci. A personagem, também conhecida como Pina, era uma cartomante amiga de Patrizia e a ajudou a encontrar uma pessoa para sujar as mãos no crime. Paola Franchi (Camille Cottin) Paola Franchi, la última novia de Maurizio Gucci, es interpretada por la actriz francesa Camille Cottin. Cuando Paola comenzó su relación con Maurizio Gucci fue acusada de cazafortunas y tuvo que aclarar que había dejado a un hombre mucho más rico a el empresario por él. pic.twitter.com/eZvQXorg81 — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 A atriz Camille Cottin interpreta Paola Franchi em Casa Gucci, uma designer de interiores e ex-modelo que assume um relacionamento com Maurizio Gucci após o término com Reggiani. Inclusive, eles ainda estavam juntos quando ele foi assassinado em 1995. Paolo Gucci (Jared Leto) El personaje más polémico de #HouseOfGucci Le tocó a Jared Leto: Paolo Gucci. Fue el que abrió la primera gran brecha en la familia, hijo de Aldo que quiso utilizar su propio nombre en productos que competían directamente con la empresa familiar pic.twitter.com/GxKOnlG9Tg — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 Uma das caracterizações mais impressionantes do filme é de Jared Leto como Paolo Gucci, membro da família Gucci que sempre foi deixado de lado e nunca foi valorizado. Leto já é um dos grandes atores de Hollywood, ganhando notoriedade em filmes como Clube da Luta, Réquiem para um Sonho, Blade Runner 2049, entre outros. Rodolfo Gucci (Jeremy Irons) Jeremy Irons es Rodolfo Gucci. Personaje que en principio era para Robert De Niro. Rodolfo Gucci comenzó su carrera como actor, trabajó en cine y teatro bajo el nombre de Maurizio D'Ancora pero al fallecer su padre se tuvo que ocupar del negocio familiar. pic.twitter.com/yNdxsMGVHt — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 Jeremy Irons, conhecido por filmes como Liga da Justiça, Batman vs Superman e Operação Red Sparrow, também está em Casa Gucci como Rodolfo Gucci. O personagem é o filho de Guccio Gucci, fundador da Gucci, e o pai de Maurizio. Ele não aceitava o relacionamento entre o filho e Reggiani, chegando a tentar deserdar o filho pela sua escolha de casar com ela. Aldo Gucci (Al Pacino) Al Pacino se pone en la piel de Aldo Gucci, el hijo mayor de Guccio, fundador del exclusivo imperio de la moda. Tomó las riendas de la compañía cuando tenía 20 años y fue el responsable de su expansión internacional. pic.twitter.com/MNL6hDYz48 — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 Al Pacino, que dispensa apresentações, é uma das grandes estrelas do filme, interpretando Aldo Gucci, o filho mais velho de Guccio e irmão de Rodolfo e tio de Maurizio. O ator, que tem uma extensa carreira no cinema, pode ser visto também em filmes como O Poderoso Chefão, Era Uma Vez em... Hollywood, Scarface, entre outros. Maurizio Gucci (Adam Driver) Adam Driver es Maurizio Gucci, nieto de Guccio Gucci, el fundador del famoso imperio de la moda. Era uno de los hombres más envidiados de Italia y de los más ricos del mundo. pic.twitter.com/sOil9ryrze — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 A missão de interpretar Maurizio Gucci ficou com Adam Driver, conhecido por atuar em filmes como Star Wars: O Despertar da Força, Infiltrado na Klan, História de um Casamento, entre muitos outros. Maurizio foi casado com Patrizia de 1972 a 1985, com o divórcio chegando ao fim somente em 1994, um ano antes da sua morte. Patrizia Reggiani (Lady Gaga) Lady Gaga es la protagonista indiscutida. interpreta a la famosa viuda negra Patrizia Reggiani, quien encandiló a Maurizio Gucci con su parecido a Elizabeth Taylor. Se casaron cuando tenían 24 años pic.twitter.com/Cn511NdeM8 — Cinéfilos (@cinefiloos) November 24, 2021 A grande protagonista do filme é Lady Gaga, que interpreta Patrizia Reggiani. O assassinato do marido, Maurizio, aconteceu em 1995 e ela foi condenada a cumprir uma sentença de 29 anos na prisão. Patrizia serviu 18 anos e foi libertada sob a condição de conseguir um emprego. A atuação de Lady Gaga também pode ser vista em filmes como Machete Mata, Nasce Uma Estrela, Sin City: A Dama Fatal, além da série American Horror Story. Lady Gaga | 11 filmes e séries com a atriz e cantora Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Pesquisa aponta que ansiedade na meia idade pode ser sinal de Alzheimer Veja Mais

Wall Street fecha em alta após susto com variante ômicron

em - Internacional A bolsa de Nova York recuperou-se nesta segunda-feira (29) e fechou em alta após a pior sessão do ano na sexta-feira, no dia em que os temores com o impacto da nova variante da covid-19 ômicron na economia derrubaram os índices.Nesta segunda, o Dow Jones subiu 0,68% a 35.135,94 pontos, após registrar queda de 2,53% na sexta. O tecnológico Nasdaq fechou em alta de 1,88% a 15.782,83 unidades após perder 2,23%, enquanto o S&P 500 subiu 1,32% a 4.655,27 pontos, após recuar 2,27% na sexta."Não há razão para entrar em pânico" diante da propagação da nova variante do coronavírus, disse nesta segunda o presidente americano, Joe Biden, na Casa Branca.O presidente destacou que apresentaria na quinta-feira uma estratégia de combate à covid para o inverno, sem fechamentos nem confinamentos, mas aumentando a vacinação, os reforços e os testes.Normalmente, as sessões das sextas-feiras após o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos se caracterizam por menos transações e um horário reduzido, mas com a notícia da detecção desta nova variante do coronavírus na África do Sul, os três principais índices de Wall Street tiveram seu pior dia do ano, com quedas acentuadas devido aos baixos volumes negociados."Poucas pessoas operaram e quando há uma má notícia e pouca liquidez, a tendência é uma reação desmedida", explica Art Hogan, da National Securities.O analista qualificou como "provavelmente exagerada" a reação do mercado na sexta-feira, lembrando que até agora, variantes como delta e inclusive as ondas de infecções "têm um impacto que diminui devido às vacinações, aos reforços e a novos tratamentos".Entre os valores do dia, destaque para o Twitter, cuja cotação foi suspensa momentaneamente até o anúncio oficial da saída de seu CEO e fundador, Jack Dorsey. As ações da rede social fecharam em queda de 2,78% a 45,76 dólares. Veja Mais

Variante ômicron limita recuperação dos preços do petróleo

em - Internacional A recuperação dos preços do petróleo finalmente foi contida nesta segunda-feira (29) depois da queda de sexta-feira, e das possíveis consequências da variante ômicron na economia global roubaram impulso do mercado.Em Londres, o barril de Brent para entrega em janeiro registrou alta de 0,99%, fechando a 73,44 dólares, após ter subido 5,91% durante a sessão. Na sexta-feira, perdeu 11,55% em sua pior sessão desde abril de 2020.Enquanto isso, o barril de West Texas Intermediate (WTI) para entrega em janeiro, se recuperou 2,64% desde o fechamento de sexta-feira - quando perdeu 13,06% - e fechou a 69,95 dólares. "É simplesmente o risco de destruição da demanda (de petróleo pela nova variante) o que tem o maior impacto no mercado", disse Robert Yawger, diretor de futuros de energia da Mizuho Securities.Ainda não há informação científica suficiente, ainda falta informação sobre a gravidade dos casos ou a possível resistência da variante ômicron às vacinas existentes contra a covid.Mas vários países já suspenderam os voos originários do sul da África, enquanto o Japão e Israel fecharam suas fronteiras a estrangeiros em uma tentativa de evitar a propagação da nova cepa do coronavírus. MIZUHO FINANCIAL GROUP Veja Mais

Plenário - Resumo do dia - Veja como foi - 29/01/2021

Plenário - Resumo do dia - Veja como foi - 29/01/2021

Câmana dos Deputados Os deputados aprovaram, em sessão do Congresso Nacional, as medidas de transparência na apresentação, aprovação e execução de emendas de relator-geral do Orçamento, classificadas como RP9. Os senadores votarão a proposta em seguida. O texto aprovado é o substitutivo do senador Marcelo Castro (MDB-PI) ao Projeto de Resolução do Congresso Nacional (PRN) 4/21, que determina um teto para o valor das emendas de relator equivalente à soma das emendas impositivas individuais e de bancada. Isso vai representar R$ 16,2 bilhões no ano que vem, valor próximo das emendas de relator deste ano, com uma dotação de R$ 16,8 bilhões. Transparência As indicações e as solicitações que fundamentaram as emendas RP9 serão publicadas individualmente e disponibilizadas em relatório em sítio eletrônico da Comissão Mista de Orçamento somente a partir de agora, e não retroativamente. As indicações deverão ser compatíveis com o Plano Plurianual (PPA) e com a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), e estar de acordo com a legislação aplicável à política pública a ser atendida. A votação é uma resposta à decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu a execução das emendas de relator. O STF alega que é necessário dar publicidade e transparência à distribuição dos recursos com base em demandas de parlamentares. Marcelo Casto entende que o relatório atende 100% a decisão do STF. "O passado não está na resolução. A resolução não tem poder para isso", ponderou. O senador observou que o Ato Conjunto das Mesas da Câmara dos Deputados e do Senado 1/21 já decidiu, na sexta-feira, ser impossível estabelecer retroativamente um procedimento para registro das emendas. O líder da oposição, deputado Alessandro Molon (PSB-RJ), afirma que o projeto não garante transparência para as emendas de relator, nem no passado nem no futuro. "Além da transparência, é necessário ter isonomia e critérios para distribuição dos recursos", declarou. O deputado Coronel Tadeu (PSL-SP) rebateu as acusações da oposição. "Secretos eram os bilhões de reais desviados das estatais, conforme descobriu a Operação Lava Jato." Laranjinhas De acordo com o texto aprovado, o parecer preliminar do projeto de lei orçamentária deverá especificar o limite financeiro total, assim como o rol de políticas públicas passível de ser objeto de emendas. O relator-geral poderá indicar a execução das programações a partir de solicitações recebidas de parlamentares, além de agentes públicos ou da sociedade civil. O deputado Marcel Van Hattem (Novo-RS) criticou este dispositivo, por temer que as indicações de agentes públicos ou da sociedade civil sejam utilizadas para ocultar sugestões de outros parlamentares. "Temos um 'laranja' como relator do Orçamento. A decisão cria 'laranjinhas' que poderão servir de indicação. É impossível identificar quem indicou o quê", afirmou. Obras Marcelo Castro alertou para a ameaça de paralisação de obras por causa da decisão do STF. Neste ano, foram empenhados R$ 9,3 milhões em emendas de relator, sendo que quase a metade foi para Saúde. Além disso, R$ 7,6 bilhões de emendas ainda não foram empenhados. As autoridades responsáveis têm até sexta-feira (3) para indicar os montantes dos cronogramas de pagamento que serão utilizados ainda neste ano. O deputado Giovani Cherini (PL-RS) reclamou dos recursos da oposição ao STF depois de perder decisões no Congresso. "A oposição está desesperada porque não sabe perder e não aprendeu que a democracia é da maioria", afirmou. O deputado Paulo Ganime (Novo-RJ) afirmou que as emendas de relator tiram recursos de ministérios para fazer políticas públicas. "O Parlamento tem de participar da definição do Orçamento, mas estamos oficializando algo que é ilegal, imoral e inconstitucional." Fonte: Agência Câmara de Notícias Veja Mais

Criptomoeda Omicron dispara após variante da covid-19 receber o mesmo nome

canaltech Enquanto a variante Omicron da covid-19 vai deixando a população mundial apreensiva quanto ao retorno da pandemia com força total, uma criptomoeda com o mesmo nome da nova cepa da doença está vivenciando o seu melhor momento, passando por uma alta impressionante de valores. STJ livra o Google de indenizar usuário que perdeu Bitcoin em invasão do Gmail Mercado Livre vai permitir transações de criptomoedas no MercadoPago A Omicron, a criptomoeda, teve uma alta de US$ 65 (R$ 364,4 na conversão atual) para US$ 675 (R$ 3,7 mil), entre sexta-feira (26), dia que a OMS declarou a variante da covid-19 com mesmo nome como uma variante de preocupação (VOC); e domingo (28). É importante frisar que registros do site CoinMarketCap indicam que a criptomoeda Omicron está sendo negociada desde o dia 8 de novembro, quase 20 dias antes da OMS batizar a nova variante do covid-19, eliminando a hipótese que seja uma jogada de marketing dos desenvolvedores do ativo. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- O histórico de valor da Omicron, criptomoeda, desde 22 de novembro. (Imagem: Reprodução/CoinMarketCap) Os desenvolvedores por trás da criptomoeda estão cientes da alta do ativo, publicando em suas redes sociais notícias sobre o ocorrido com alguns emojis, provavelmente indicando surpresa com o acontecimento. ????We are early $OMIC #Omicron #ohmfork https://t.co/Qhn7jCkHkE — Omicron DAO (@OmicDAO) November 29, 2021 No fechamento da matéria, uma unidade da criptomoeda Omicron estava valendo US$ 198,7 (R$ 1,1 mil), menos do que no domingo. Investimento em criptomoedas memes A alta da criptomoeda Omicron pode ser encaixada nas chamadas “especulações baseadas em meme”, onde entusiastas de ativos digitais começam a entrar no mercado para investir em moedas específicas. Recentemente isso aconteceu com a Shiba Inu, que chegou até mesmo a ficar entre as 10 maiores criptomoedas do mundo em valor de mercado. Pouco depois dessa alta, o ativo perdeu quase 70% de seu valor adquirido após a alta. Além disso, com a popularização da criptomoeda, criminosos começam a realizar mais golpes prometendo lucros a partir de investimentos nesses criptoativos. Só podemos aguardar para ver se algo semelhante acontecerá com a Omicron. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Colômbia anuncia apreensão de 145 toneladas de cocaína em um mês e meio

em - Internacional Uma nova ofensiva internacional contra o tráfico de drogas, da qual participaram 44 países, permitiu a apreensão de 145 toneladas de cocaína no último mês e meio, informou nesta segunda-feira (29) a Marinha colombiana.As apreensões foram feitas no âmbito da oitava fase da "Campanha Naval contra o Narcotráfico Orión", uma megaoperação da qual participam 43 países europeus, latino-americanos e do Caribe juntamente com a Colômbia, maior exportador mundial de cocaína, para combater o tráfico de drogas.No último mês e meio foram apreendidas "145,3 toneladas de cloridrato de cocaína (...) no transcurso de mais de 482 operações contra o narcotráfico nos meios terrestres, aéreos, marítimos e fluviais", destacou a Marinha em um comunicado.A Colômbia coordena a campanha "Orión", que se desenvolve em etapas curtas desde 2018. As autoridades também apreenderam 161,3 toneladas de maconha e 48 de outras drogas.A Marinha destacou a operação multilateral contra o tráfico de drogas como "a maior da história" contra as máfias.Os Estados Unidos, maiores consumidores da droga produzida na Colômbia, participou das operações juntamente com efetivos de Alemanha, Argentina, Brasil, Canadá, Chile, Equador, Espanha, França, Holanda, Panamá, Paraguai, Itália, México, Peru, entre outros.Durante a ofensiva também foram detidas pelas autoridades 1.114 pessoas.A Colômbia é o principal cultivador mundial de folhas de coca, principal componente da cocaína, com 143.000 hectares semeadas em 2020 e um potencial para produzir 1.228 toneladas do alcaloide, segundo a ONU.Através da operação "Orión", autoridades do mundo todo apreenderam 470 toneladas de entorpecentes em 2021. Veja Mais

INSS tem novas regras para aposentadoria de MEI; veja o que mudou

canaltech Por meio de uma portaria publicada na semana passada, o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) alterou as regras de aposentadoria para autônomos, domésticos e MEIs (Microempreendedores Individuais). Agora os recolhimentos em atraso desses profissionais poderão contar no cálculo do tempo mínimo de aposentadoria. A condição para isso é estarem contribuindo atualmente com a previdência. Veja os benefícios que todo MEI tem direito e pouca gente sabe Como o eSocial simplificado ajudará pequenas empresas a regularizar funcionários No entanto, os recolhimentos em atraso não poderão ser usados para que o MEI entre em alguma das regras de transição por pedágio da Reforma da Previdência de 2019. Como exemplo disso, não entrariam na regra do pedágio de 50%, isto é, pagar o tempo restante para atingir 35 anos (homens) ou 30 anos (mulheres) de tempo de contribuição. Esse recurso é para quem quiser obter o benefício sem idade mínima. Outro exemplo de pedágio da Reforma é o modelo 100%, para quem iria demorar mais de dois anos pra se aposentar. Nela é necessário contribuir um adicional de 100% do tempo que resta. Os recolhimentos em atraso também não servem para se encaixar nessa transição. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Os autônomos, MEIs ou trabalhadores domésticos que recolherem contribuição em atraso após cumprir os requisitos da aposentadoria podem ter essas contribuições desconsideradas pelo INSS. Isso porque a portaria determina que só serão levados em conta os recolhimentos em atraso até a data de verificação do direito. A medida só valia para as contribuições realizadas em atraso a partir do dia 1º de julho de 2020 por trabalhadores que desejam se aposentar com o pedágio de 50% ou com as regras anteriores à Reforma da Previdência. Com a nova mudança, essa regra se aplica a todos requerimentos de benefícios pendentes de análise, independentemente da data do recolhimento. Apenas se ele perdeu a qualidade de segurado é que sua contribuição não poderá mais ser usada. (Imagem: Reprodução/bruce mars/Unsplash) Os autônomos, MEIs ou trabalhadores domésticos que recolherem contribuições em atraso após cumprir os requisitos da aposentadoria podem tê-las desconsideradas pelo INSS. Isso porque a portaria determina que só serão levados em conta os recolhimentos em atraso até a data de verificação do direito. As regras de pedágio da Reforma da Previdência de 2019 foram criadas para quem estivesse próximo de se aposentar, de acordo com a lei anterior, não esperar muitos anos até conseguir alcançar o direito novamente. Para pagar as contribuições com atraso, o profissional deve comprovar que estava trabalhando via Guia da Previdência Social (GPS), documento obtido em alguma agência do INSS, que vai atualizar o tempo de arrecadação. Os MEIs só conseguem se aposentar por idade ou incapacidade e ganham o benefício de um salário mínimo (R$ 1.100 em 2021). Para ser por idade, precisam ter 65 anos de idade e 15 anos de tempo de contribuição, se for homem; ou 60 anos de idade e 15 anos de contribuição, se for mulher. Por invalidez, é necessário estar permanentemente incapacitado para o trabalho; ter qualidade de segurado quando surgiu a incapacidade; e cumprir uma carência mínima de 12 contribuições. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Fechamento dos grãos de soja em Chicago

em - Internacional (Em Fechamento hoje / Fechamento anterior: JAN 22 12,4150 / 12,5275 MAR 22 12,52 / 12,63 MAI 22 12,6125 / 12,7250 JUL 22 12,68 / 12,7875 AGO 22 12,6250 / 12,7425 Veja Mais

História da segurança virtual: a origem do cibercrime

canaltech Quando o hoje consultor de segurança americano Kevin Mitnick foi preso em 15 de fevereiro de 1995, em Raleigh, na Carolina do Norte, a caçada foi acompanhada em todo o mundo. A acusação contra ele à época era de crimes de invasão de computadores e fraude eletrônica. Muito antes disso, entretanto, Mitnick já praticava atividades hacker. História da segurança virtual: a origem do antivírus de computador História da segurança virtual: a origem da cibersegurança Aos 12 anos, em meados da década de 1970, ele usou engenharia social — quando esse conceito ainda nem existia — para burlar o sistema de cartão perfurado dos ônibus de Los Angeles, na Califórnia. Para isso, obteve informações sobre onde adquirir uma máquina de perfurar com um motorista de ônibus e passou a usar tíquetes encontrados no lixo para aproveitar o transporte público gratuitamente. Kevin Mitnick é um dos hackers mais famosos do mundo (Imagem: Reprodução/BBC) As aventuras de Mitnick não pararam aí. Quando tinha 16 anos, em 1979, ele teve acesso não autorizado a uma rede de computadores pela primeira vez: para ser aceito em um grupo de hackers que trabalhavam para o distrito escolar unificado de Los Angeles, ele foi desafiado a invadir a The Ark, a rede usada pela Digital Equipment Corporation (DEC) para desenvolver o sistema operacional RSTS/E. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- A partir daí, Mitnick não parou mais. Foram muitas as redes de empresas e os sistemas governamentais que ele invadiu. Ele descarta, no entanto, o título de hacker malicioso. Isso porque, à época de suas primeiras ações, a atividade nem era contra a lei — só se tornou ilegal após mudanças na legislação. E Mitnick só se transformou em criminoso porque continuou na atividade e foi pego. Paulo Lício de Geus, professor do Instituto de Computação da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), concorda: segundo ele, na época, os hackers só queriam 15 minutos de fama. “Eles invadiam os sistemas e colocavam seus apelidos porque sabiam que podiam ser contratados por empresas que estavam desenvolvendo sistemas.” As atividades do tipo começaram ainda na década de 1970 — com grupos como o que levou Mitnick a invadir o sistema da DEC. A rede de comunicação de então era a Arpanet — patrocinada pelo Departamento de Defesa dos EUA, ela era usada para pesquisa. “Lá, os números de telefones dos modems usados para a conexão à rede foram descobertos e eram compartilhados em cabines telefônicas e banheiros públicos”, conta Geus. Ele lembra que ainda não havia preocupação com a proteção de senhas, já que eram poucos os computadores ligados à Arpanet e eles ficavam em locais específicos, como empresas e instituições de pesquisa. “Muitas contas tinham senhas manjadas. Quando alguém descobria, geralmente por tentativa e erro, compartilhava com os demais usuários no Bulletin Board System (BBS). Com isso, era possível entrar nas contas e usar os computadores.” Potencial do cibercrime A verdade, porém, é que, desde que a tecnologia passou a permitir a interação remota entre dispositivos, o potencial para o cibercrime ficou claro. “O ciberespaço ganhou mais forma com a internet. Ele se tornou um meio adicional de aplicar a engenharia social. Se no passado existia o golpe do bilhete premiado, hoje existem os golpes do Pix. O que mudou foi o meio”, diz Marcelo Lau, coordenador do MBA em Cibersegurança do Centro Universitário FIAP. “O invasor tradicional é como um batedor de carteira digital.” O termo cibercrime, entretanto, surgiu apenas no fim da década de 1990 em Lyon, na França, logo após uma reunião de um subgrupo das nações do G8 que discutiu o tema. A palavra, então, passou a designar as infrações penais praticadas no âmbito digital. Cibercriminosos atuam há décadas (Imagem: Reprodução/Pexels) Um dos crimes cibernéticos mais famosos foi detectado por Cliff Stoll. Ele era administrador de sistemas no Lawrence Berkeley National Laboratory, em 1986, e percebeu que o tempo de uso dos computadores era maior do que o uso efetivo na instituição. “Ele descobriu que uma conta que deveria estar inativa estava sendo usada por um hacker do Chaos Computer Club, na Alemanha Oriental”, descreve Geus. “A partir do login no computador do laboratório, o criminoso tinha acesso à rede do Departamento de Defesa americano. Ele queria informações para vender para a União Soviética.” O nome do hacker é Markus Hess e todo o processo de identificação dele foi descrito no livro The Cuckoo's Egg: Tracking a Spy Through the Maze of Computer Espionage, escrito por Stoll. À época, era difícil obter a cooperação das autoridades na investigação desse tipo de crime, já que a atividade ainda era recente. O trabalho de Stoll é conhecido como um dos primeiros exemplos de perícia forense digital. Outro criminoso famoso das antigas foi o cientista da computação Elias Levy, que usou o pseudônimo Aleph One para publicar, em 1996, um artigo sobre como explorar a vulnerabilidade stack buffer overflow. “Essa falha já existia há dez anos, mas ele demonstrou como ela poderia ser explorada. O material foi publicado na revista Phrack, que circulava entre hackers”, conta Geus. “Depois disso, durante anos, houve muitos ataques diferentes a partir dessa falha.” Em busca de dinheiro Para Geus, as invasões em busca por dinheiro começaram com os ataques de negação de serviço. Uma empresa que parasse um dia de funcionar, tinha um prejuízo grande no faturamento. “Pareciam serviços de encomenda. A indústria do cibercrime apareceu nesse momento. Os ataques anteriores não eram ainda uma indústria: era um criminoso tentando fazer algum lucro direto”, diz. “A partir desse momento, no entanto, surgiram as botnets: essas redes eram até alugadas para ataques.” O momento seguinte, logo após o ano 2000, marca a guerra cibernética entre nações, com espionagem de indivíduos-chave nos governos. “Aí já é outro tipo de lucro”, aponta Geus. “Tem dinheiro também, como quando os chineses invadiam empresas para roubar segredos industriais e replicar produtos.” Criminosos usam ransomware para sequestrar dados e pedir resgate (Imagem: Divulgação/Kaspersky) A partir de 2014, começou a era do ransomware. Eles sumiram por um tempo, mas agora voltaram com tecnologia mais sofisticada. Geus reforça que, quando a técnica é feita de forma adequada, é impossível recuperar os dados sequestrados. “Esse tipo de ação é em uma escala diferente: o cibercriminoso vai atrás de grandes organizações porque elas pagam muito.” Quando o ataque ransonware atinge empresas de utilidade pública, como ocorreu na operadora americana Colonial Pipeline, que distribui combustíveis, afeta toda a sociedade e vai além do lucro simples, já que pode afetar a economia como um todo. “Esse tipo de invasão pode comprometer uma nação”, ressalta Lau. “O ataque a uma indústria alimentícia, por exemplo, pode levar à escassez de alimentos.” Para 2022, ano de eleições majoritárias no Brasil, Lau aposta em muitos ataques relacionados a candidatos por aqui. “Isso deve tornar ainda mais acirrada a polarização eleitoral. É preciso ficar muito atento às fake news que vêm associadas ao cibercrime — e podem comprometer toda a vida do país.” De olho nos dados privados No futuro, o cibercrime deve se voltar aos dados privados: ou seja, sai dos documentos existentes no computador e vai para a privacidade no ambiente doméstico. “Isso deve ir muito além do que imaginamos hoje. A invasão de câmeras, por exemplo, no celular, nas casas, nas empresas deve ser uma das tendências”, aponta Geus. Lau concorda que as tecnologias que tornam as casas cada vez mais conectadas podem ser um alvo futuro do cibercrime. “Isso inclui tecnologias de monitoramento e aumento de conveniência e pode levar parte dos ataques a migrar para esse nicho”, analisa Lau. “Outra possibilidade para o cibercrime é o terrorismo: a abertura de uma válvula de gás, por exemplo, pode explodir uma casa.” Privacidade doméstica deve ser alvo de criminosos em breve (Imagem: Reprodução/Envato/DPimborough) E como se proteger? Os especialistas ensinam que a melhor forma de proteção é desconfiar sempre. “A maioria dos ataques ocorre porque as pessoas confiam demais em tudo o que é muito fácil. Existe uma tendência de ser ganancioso e querer se dar bem”, aponta Geus. “Além disso, sempre que forem solicitados dados, é preciso observar se aquele pedido faz sentido. É comum as pessoas se protegerem no mundo físico e serem extremamente ingênuas no ambiente virtual. É preciso ter a consciência de que o mundo é hostil.” Lau concorda com Geus e reforça a necessidade de proteger o celular: é preciso ter senha, criptografar o dispositivo e adotar um antivírus. “É preciso, ainda, ter cuidado com o que se instala no aparelho. Quando faço perícias, encontro mais dados sobre o indivíduo no celular do que no computador. É importante desconfiar até de ações aparentemente simples”, diz. “Será que você cuida bem das suas contas?”, questiona ele. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Pfizer, Janssen, Moderna e AstraZeneca estudam vacinas contra variante Ômicron

canaltech Para garantir a eficácia das vacinas contra a covid-19, farmacêuticas e pesquisadores trabalham em duas frentes contra a variante Ômicron (B.1.1.529) do coronavírus SARS-CoV-2: estudos para entender a resposta imunológica dos imunizantes já disponíveis e pesquisas para adaptar as fórmulas atuais. São os casos da Pfizer, Janssen, Moderna e AstraZeneca. Ômicron: fronteiras devem continuar abertas, pede divisão africana da OMS Ômicron: veja quais países impuseram medidas restritivas nas fronteiras A descoberta da variante Ômicron gerou um alerta global, incluindo o fechamento das fronteiras de inúmeros países para conter novos surtos da covid-19. Na sexta-feira (26), a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que a cepa é uma Variante de Preocupação (VOC, na sigla em inglês). Pfizer, Janssen e outras farmacêuticas investem em pesquisas para avaliar eficácia das vacinas contra a variante Ômicron (Imagem: Reprodução/Stevanovicigor/Envato Elements) Enquanto novas vacinas são desenvolvidas e estudos são conduzidos para entender a eficácia dos imunizantes já existentes, é necessário ampliar a cobertura vacinal do continente africano, a mais baixa do mundo. Apenas, 7,2% dos africanos estão com o esquema vacinal completo, ou seja, receberam duas doses de alguma vacina ou um imunizante de dose única. Este cenário favorece o aparecimento de novas mutações do vírus da covid-19. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Novas vacinas contra a Ômicron Na luta contra a variante Ômicron do coronavírus, a farmacêutica Moderna anunciou que pode levar meses para distribuir comercialmente um imunizante adaptado para as novas mutações do vírus da covid-19, caso seja necessário. Por enquanto, o CEO da Moderna, Stéphane Bancel, afirma que a eficácia das vacinas disponíveis contra a Ômicron ainda é desconhecida. Informações mais precisas só deverão ser compartilhadas em duas semanas. Independente do cenário, testes pela adaptação da fórmula já começaram. Além disso, a empresa de biotecnologia BioNTech, parceira da farmacêutica Pfizer, também trabalha no desenvolvimento de um imunizante sob medida para conter a Ômicron. A BioNTech estima que o prazo total deve ser de até 100 dias, caso necessário. Estudos para avaliar a eficácia do esquema vacinal já existente também são feitos. Agora, a Janssen — braço farmacêutico da Johnson & Johnson — também avalia a eficácia de sua vacina contra a nova cepa. Outra frente de pesquisadores busca um imunizante específico para as novas mutações do vírus. "Começamos a trabalhar para projetar e desenvolver uma nova vacina contra a Ômicron e vamos progredir rapidamente em estudos clínicos, se necessário", afirmou Mathai Mammen, chefe de pesquisa e desenvolvimento da Janssen. Por fim, a farmacêutica AstraZeneca — responsável por desenvolver a vacina Covishield (Oxford/Fiocruz) — também conduz pesquisas para avaliar a eficácia do imunizante já existente contra a cepa. Os estudos ocorrem em Botsuana e Essuatíni, onde casos da variante foram identificados. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Como ganhar dinheiro no GTA 5 e no Online

canaltech Lançado em 2013, Grand Theft Auto V é uma sensação até hoje. Seja na campanha, nos servidores de GTA RP ou somente no multiplayer convencional, a experiência de causar o caos em Los Santos é sempre divertida. Porém, para conseguir carros e armas melhores, você deve usar o dinheiro que existe dentro do jogo (e que é chamada de GTA$). GTA: The Trilogy vale a pena mesmo com bugs? GTA: ranqueamos os melhores jogos da franquia Entretanto, as maneiras de conseguir "grana" são diferentes para a campanha de GTA 5 e para o multiplayer que estreou com o jogo, chamado de GTA Online. Na história protagonizada por Trevor, Michael e Franklin, o jogador pode ganhar GTA$, por exemplo, através de pequenos furtos. Já no online, as possibilidades crescem. A seguir, confira como conseguir dinheiro extra nos modos. Como conseguir dinheiro no GTA Online Em GTA Online, os jogadores podem experimentar a vida em Lost Santos através do multiplayer e podem usar seu dinheiro e influência para ir crescendo na vida dentro da cidade. Aqui, você cria e controla um personagem customizável. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- O Prime Gaming sempre entrega uma graninha honesta para os jogadores. (Imagem: Captura de Tela/Igor Pontes/Canaltech) Existem algumas formas de conseguir dinheiro no multiplayer. A mais “fácil” delas é através das recompensas do Prime Gaming. Caso você seja assinante do Amazon Prime, jogadores de GTA Online sempre recebem alguns mimos da plataforma, dentre um deles sendo dinheiro in-game. Na recompensa que resgatamos, recebemos GTA$ 400.000 de presente. As recompensas do Prime Gaming são atualizadas mensalmente. Por isso, fique de olho na plataforma e vincule a sua conta na Rockstar Games para conseguir obter o bônus de GTA$ sempre que possível. Corridas e eventos com dinheiro e experiência dobrados são uma forma boa de ganhar dinheiro no modo online. (Imagem: Divulgação/Rockstar Games) Outra forma garantida de rechear a conta do seu personagem é através das recompensas em dobro ao completar eventos do modo online. Mas, se você quer viver perigosamente, também é possível assaltar lojas e roubar carros para vender. Quanto mais luxuoso for o carro, mais dinheiro você ganha — porém, os roubos só podem ser feitos a cada 48 horas. Investir na bolsa fictícia de GTA Online também é uma possibilidade de ganhar dinheiro. Entretanto, enquanto você pode ganhar muito dinheiro, tudo pode ser perdido com a baixa das ações. Essa opção só é recomendada caso você tenha GTA$ sobrando para gastar. Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! E caso você tenha um bunker, outra forma de conseguir dinheiro é usando a instalação para o tráfico de armas e outros produtos ilícitos, podendo descolar uma grana a mais com esse tipo de operação, digamos, “complicada”. Outra possibilidade é fazer as missões de alguns personagens não jogáveis da campanha de GTA V no modo online. As atividades entregues por eles podem render um bom dinheiro e eles entrarão em contato com você quando conseguir o ranking necessário para desbloquear as missões. O menu rápido dos trabalhos também terão alguns desafios que os jogadores podem cumprir para ganhar GTA$ e experiência de acordo com seu desempenho na partida.   Por fim, não podemos deixar de mencionar os Golpes, atividades de grande escala de GTA Online. No entanto, eles exigem um bocado de estratégia e comunicação entre a equipe, já que são divididos entre etapas e possuem alguns requisitos. O valor final arrecadado na missão é dividido entre os participantes (a porcentagem da fatia é definida pelo líder do grupo), e o total pode ser aumentado de acordo com a performance do grupo durante o Golpe. Por exemplo: no Golpe mais recente de GTA Online, chamado de Cayo Perico, os jogadores podem roubar itens adicionais e opcionais ao longo da missão que acrescentam GTA$ no total arrecadado. Pacotes de compra com microtransações Caso você não queira gastar seu tempo para conseguir garantir um dinheirinho extra, existe a opção de comprar os pacotes de dinheiro que o jogo oferece, com dinheiro real. Confira abaixo os preços dos pacotes no PC e nos consoles: PC (Rockstar Launcher) PlayStation Store (PS4) Xbox Store (Xbox One Pacote de Dinheiro Tubarão-Vermelho (100 mil GTA$) R$ 5,49 R$ 15,90 R$ 6 Pacote de Dinheiro Tubarão-Tigre (200 mil GTA$) R$ 8,99 R$ 19,90 R$ 10 Pacote de Dinheiro Tubarão-Touro (500 mil GTA$) R$ 18 R$ 41, 50 R$ 19 Pacote de Dinheiro Tubarão-Branco (1,250 milhão GTA$) R$ 36 R$ 83,50 R$ 39 Pacote de Dinheiro Tubarão-Baleia (3,5 milhões GTA$) R$ 94 R$ 264,90 R$ 99 Pacote de Dinheiro Megalodonte (8 milhões GTA$) R$ 180 R$ 534,90 R$ 199 Vale destacar também que os jogadores que possuem a PS Plus, o serviço de assinatura mensal da PSN, podem resgatar 1 milhão de GTA$ gratuitamente, somente acessando a PSN. A oferta é válida até o lançamento da versão otimizada de GTA 5 para o PlayStation 5, que ainda não possui data de estreia. Como conseguir dinheiro no modo campanha de GTA 5 Infelizmente, não existe um código para ganhar dinheiro em GTA V, mas existem certos macetes. (Imagem: Divulgação/Rockstar) Ainda está jogando a campanha de GTA V? Se sim, separamos também algumas dicas para você conseguir dinheiro no modo história. Uma delas é usar a bolsa de valores ao seu favor. Invista toda sua grana em uma empresa ligada ao alvo da missão e elimine o personagem em questão. As ações devem subir exponencialmente, então esse será o momento de vendê-las. As missões envolvendo a bolsa de valores começam após a morte do CEO da LifeInvader. Depois disso, Franklin começa a receber atividades em que o jogador deve eliminar essas pessoas. Para maximizar a forma de ganhar dinheiro usando essa missão, você deve salvar o jogo antes de começar a atividade “The Hotel Assassination”. Invista todo o dinheiro dos três personagens da história na “Betta Pharmaceuticals”, que aparece como "BET" na bolsa do game. Após realizar a missão, descanse e verifique a sua carteira a cada 12 horas. Quando a ação tiver uma alta de 21%, venda tudo. Investir na bolsa tem alguns macetes dentro de GTA V para conseguir dinheiro. (Imagem: Captura de Tela/Igor Pontes/Canaltech) Na segunda missão, “The Multi-Target Assassination”, compre ações da Debonaire, que aparece como DEB na bolsa. Venda depois da missão quando ela tiver uma alta de 80%. Mas não para por aí: você ainda deve comprar ações da Redwood (RWC) e esperar 48 horas para vender com mais de 300% de valorização. A terceira missão se chama “The Vice Assassination”. Antes dela, compre ações da Fruit (FRT) e venda após completar a missão, com retorno de 25% das ações. Após isso, compre ações da Facade (FAC), mas fique esperto porque esta demora para valorizar. Faça o personagem dormir até conseguir um retorno de 30% para vender. A próxima é a “The Buss Assassination” e você deve investir na Vapid (VAP) antes de entrar na missão. Quando terminar, venda as ações por 100% de retorno. A última missão é a “The Construction Assassination”, em que você precisa comprar ações da GoldCoast (GDC) antes de começar a atividade. Depois que finalizar, venda as ações por 80%. Essas foram as nossas dicas para você conseguir dinheiro tanto no modo online de GTA quanto no modo campanha de GTA 5. Gostou? Compartilhe com seu amigo que está precisando de uma graninha no game da Rockstar. GTA 5 está disponível no PlayStation 3, PlayStation 4, Xbox 360, Xbox One e PC — é possível jogar no PS5, Xbox Series X e Series S via retrocompatibilidade. GTA Online foi desativado no PS3 e Xbox 360, estando disponível apenas nos consoles mais modernos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Foto mostra Saturno e seus anéis vistos por sonda da NASA que orbita a Lua Conheça o carro elétrico de 3 rodas que será o mais barato do Brasil O que mudou do Moto G100 para o Moto G200? Tesla Model 3 pega fogo durante carregamento e liga sinal de alerta nos EUA Casa Gucci | Compare o elenco do filme com as pessoas reais Veja Mais

Justiça da Venezuela suspende contagem de votos em reduto chavista

em - Internacional O Tribunal Supremo de Justiça da Venezuela determinou nesta segunda-feira (29) suspender a contagem de votos em Barinas, único estado sem resultados após as eleições regionais de 21 de novembro, nas quais a oposição declara "vitória" frente a um irmão do ex-presidente Hugo Chávez.A máxima corte determinou ao Conselho Nacional Eleitoral (CNE) "a suspensão imediata dos procedimentos processos vinculados à totalização (apuração), adjudicação e proclamação do CNE em relação aos candidatos ao cargo de Governador ou Governadora do estado de Barinas (...) até quando se decida o assunto a fundo", indica a sentença. O documento, publicano no site do tribunal na internet, acusado pela oposição de favorecer o governo com suas decisões, diz, ainda, que o candidato opositor Freddy Superlano, sobre quem pesam "procedimentos e averiguações administrativas e penais", "se encontra inabilitado ao exercício de qualquer cargo público".A decisão, que não esclarece qual será o destino deste governo, vem a público depois que o CNE informou no domingo sobre a designação de uma "comissão AD HOC" para "totalizar as atas que faltam do cargo de governador no estado Barinas".Superlano disputou o cargo com Argenis Chávez, candidato do governista Partido Socialista Unido da Venezuela (PSUV) e atual governador. Ele é o irmão mais velho do falecido presidente Hugo Chávez (1999-2013). Barinas, berço de Hugo Chávez e desde 1998 dominado por seus familiares, é o único estado que ainda precisa definir seu governador após as eleições regionais de 21 de novembro.O PSUV elegeu 19 dos 23 governadores, enquanto os principais partidos da oposição voltaram à disputa após anos de boicote e denúncias de "fraude". A volta da oposição foi marcada por divisões e em poucos casos conseguiu candidaturas unitárias.A oposição tinha se negado a participar das eleições de 2018, nas quais o presidente Nicolás Maduro foi reeleito, e nas de 2020, nas quais o chavismo recuperou o controle do Parlamento.Familiares de Chávez se elegeram ao governo desta região de 970.000 habitantes desde a chegada dele ao poder. Ali fica Sabaneta, sua cidade natal, com 28.000 habitantes.A corrente começou com seu pai, Hugo de los Reyes Chávez, governador de 1998 a 2008; seguiu com seu irmão, Adán, atual embaixador da Venezuela em Cuba, entre 2006 e 2016; e continuou com Argenis, que está no cargo desde 2017. Veja Mais