Meu Feed

Últimos dias

Aprovados descontos de até 99% em dívidas do Fies - 17/05/22

Aprovados descontos de até 99% em dívidas do Fies - 17/05/22

Câmana dos Deputados O plenário aprovou MP que concede descontos de até 99% nas dívidas do Fies para estudantes inadimplentes. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #Fies Veja Mais

ONU pede que México interrompa tragédia dos desaparecidos, que supera 100 mil vítimas

em - Internacional As Nações Unidas e familiares de vítimas pediram com urgência nesta terça-feira que o Estado mexicano faça todos os esforços para interromper a tragédia dos desaparecidos, depois que o país ultrapassou os 100.000 casos.Antonio Guterres, secretário-geral da ONU, expressou "profunda tristeza" com o problema e transmitiu sua "solidariedade aos parentes das vítimas, que desejam se reencontrar com seus entes queridos". O diplomata saúda medidas positivas do governo mexicano e o encoraja a "continuar acelerando os avanços", informou seu porta-voz."Nenhum esforço deve ser poupado para acabar com essas violações de direitos humanos de dimensão extraordinária", disse em um comunicado Michelle Bachelet, titular do Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos (Acnudh). Bachelet reconheceu que o México deu passos para enfrentar a crise como a criação da Lei Geral de Desaparecimentos e a formação de comissões nacionais de busca, mas insistiu que é preciso redobrar os esforços.O Comitê das Nações Unidas sobre Desaparecimentos Forçados (CED) da ONU, que visitou o país em novembro e considera o problema uma "tragédia humana", se juntou aos chamados de Bachelet.Em um comunicado, o CED e o Grupo de Trabalho sobre os Desaparecimentos Forçados ou Involuntários da ONU lamentaram que, apesar do trabalho de autoridades, organizações e familiares, esses crimes continuam "ocorrendo diariamente no México como reflexo de um padrão crônico de impunidade".O presidente Andrés Manuel López Obrador rechaçou no passado essas acusações.Segundo o Registro Nacional de Pessoas Desaparecidas, de 1964 até hoje, é desconhecido o paradeiro de 100.099 pessoas, mas coletivos de busca e ativistas acreditam que o número seja muito maior, uma vez que algumas famílias não fazem denúncias às autoridades por medo e desconfiança.Os desaparecimentos começaram no México com a chamada "guerra suja" das autoridades contra os movimentos revolucionários entre as décadas de 1960 e 1980.Contudo, o número disparou a partir do ano 2000, com o aumento das atividades dos traficantes de drogas e a guerra declarada pelo ex-presidente Felipe Calderón (2006-2012) contra os cartéis. Desde então, a espiral de violência já provocou 340.000 assassinatos, a maioria ligada ao crime organizado.Cecilia Flores, líder del colectivo Mães à Procura de Sonora (norte), que luta para encontrar seus filhos Alejandro e Marco Antonio, declarou à AFP que a crise é alimentada pela apatia do Estado."Se as autoridades fizessem o seu trabalho, não haveria tantos desaparecidos [...]. Para eles, um desaparecido é um criminoso a menos e uma estatística a mais", frisou. Veja Mais

EUA aliviam pressão sobre a Venezuela para promover diálogo político

em - Internacional Os Estados Unidos anunciaram nesta terça-feira (17) que irão aliviar algumas sanções contra a Venezuela, entre elas uma ligada à petrolífera Chevron, como um gesto para promover a retomada do diálogo entre o governo de Nicolás Maduro e a oposição apoiada por Washington.O governo Biden divulga essas medidas envolvendo a Venezuela um dia após levantar uma série de restrições a Cuba. Os dois países, assim como a Nicarágua, são considerados ditaduras pelos Estados Unidos.Embora os funcionários americanos falem de "coincidências", a aproximação da Cúpula das Américas, da qual Biden será o anfitrião em junho em Los Angeles, pode ter algo a ver.A Casa Branca não informou ainda a lista de convidados mas o chefe da diplomacia para as Américas, Brian Nichols, afirmou no começo do mês não esperar que Cuba, Nicarágua e Venezuela participem por considerar que não respeitam os preceitos diplomáticos.O México, primeiro de alguns países da região a ameaçar com boicote o evento se houver países excluídos, poderia ser, então, sensível a esta flexibilização da posição americana.Com relação à Venezuela, um alto funcionário americano disse a jornalistas que a decisão está "vinculada a um acordo entre ambas as partes para a retomada das negociações" na Cidade do México para encontrar uma solução para a crise política venezuelana, "que deverá ser anunciada muito em breve".Ela especificou que o governo de Joe Biden tomou essas medidas "a pedido do governo interino venezuelano", liderado pelo opositor Juan Guaidó, que os Estados Unidos consideram o presidente legítimo da Venezuela depois que Maduro assumiu um segundo mandato em 2019.O governo Maduro, reeleito até 2025 em eleições consideradas fraudulentas por vários países, e a Plataforma Unitária da Venezuela, que reúne a oposição, iniciaram em meados de agosto diálogos na Cidade do México com vistas a superar uma profunda crise política, econômica e humanitária.Os diálogos estão estagnadas desde outubro, quando Maduro as suspendeu em repúdio à extradição para os Estados Unidos do empresário Alex Saab, acusado de ser seu testa-de-ferro.Mas uma visita surpreendente de emissários do governo Biden a Caracas em março levou à libertação de dois americanos detidos há anos na Venezuela e a promessa de retomar o diálogo com a oposição.Essa viagem ocorreu depois que os Estados Unidos proibiram as importações de petróleo russo devido à guerra na Ucrânia. Mas o funcionário americano negou que as medidas anunciadas nesa terça-feira estejam relacionadas aos "preços do petróleo".A Plataforma Unitária esclareceu que não pediu a Washington a flexibilização das sanções individuais, não reveladas. Também pediu uma data e agenda para retomar as conversas no México.- Tensões políticas internas -O "alívio de sanções" à Venezuela anunciado nesta terça se refere sobretudo a uma "licença limitada" concedida ao grupo petrolífero norte-americano Chevron no contexto do embargo ao petróleo venezuelano, imposto por Washington a Caracas em 2019 em uma tentativa de tirar Maduro do poder.A flexibilização "autoriza a Chevron a negociar os termos de possíveis atividades futuras na Venezuela", mas "não permite fechar nenhum novo acordo com a PDVSA (companhia petrolífera estatal venezuelana)", explicou o alto funcionário americano sob a condição do anonimato.Após o anúncio de Washington, Caracas pediu a "suspensão absoluta" as sanções internacionais."Venezuela verificou e confirmou (...) que os Estados Unidos da América autorizaram empresas petroleiras americanas e europeias para que negociem e reiniciem operações na Venezuela", escreveu a vice-presidente Delcy Rodríguez no Twitter."A Venezuela aspira a que estas decisões dos Estados Unidos da América iniciem o caminho para a suspensão absoluta das sanções ilícitas que afetam todo o nosso povo", acrescentou.- A política punitiva "será calibrada" -O Tesouro americano planeja revelar "outra medida" em uma data posterior, acrescentou. E enfatizou: "Nenhum desses alívios de pressão levaria a um aumento de renda para o regime".Segundo a imprensa, os Estados Unidos retirariam de sua lista de pessoas sancionadas Carlos Erik Malpica Flores, sobrinho da primeira-dama da Venezuela e ex-funcionário do alto escalão da PDVSA. "Nenhum desses alívios de pressão levaria a um aumento de receita para o regime", ressaltou o funcionário de Biden. "Nosso enfoque tem sido apoiar o governo interino e a Plataforma Unitária, a fim de que o regime tome medidas para conseguir eleições livres e justas, por meio de negociações".Nesse sentido, disse o funcionário, a política de sanções será "calibrada" para reduzir a pressão em caso de avanços em direção à restauração democrática, ou aumentada se o processo sair dos trilhos. A estratégia de Biden, no entanto, gera tensões políticas internas. Bob Menéndez, presidente do Comitê de Relações Exteriores do Senado e membro influente do Partido Democrata de Biden, declarou-se a favor de uma solução negociada para a crise venezuelana, mas disse que "os Estados Unidos devem considerar apenas recalibrar as sanções em resposta a passos concretos"."Dar a Maduro um punhado de dádivas não merecidas para que seu regime prometa se sentar para negociar é uma estratégia fadada ao fracasso", afirmou Menéndez, após criticar as medidas anunciadas sobre Cuba. Seu colega republicano Marco Rubio foi além, acusando Biden de "apaziguar" ditadores: "Não podemos seguir permitindo que os simpatizantes marxistas do governo Biden dirijam a política externa dos Estados Unidos."Dezoito congressistas da ala esquerda do Partido Democrata pediram na semana passada a Biden que levantasse as sanções contra a Venezuela e continuasse o diálogo com o governo de Nicolás Maduro, após o "compromisso construtivo" da Casa Branca com a viagem a Caracas em março. Veja Mais

TIM assume liderança de operadoras móveis no Brasil após integração com Oi Móvel

canaltech O mercado de operadoras móveis no Brasil passa por um momento de mudança com a conclusão do processo da venda da operação da Oi Móvel para a Tim, Vivo e Claro — e, no meio desse período, por consequência da integração com a rede e espectro da empresa adquirida, a TIM anunciou que assumiu a liderança da cobertura móvel no país. Oi conclui venda de operação móvel para Claro, Tim e Vivo; veja o que muda Cliente Oi: veja se a sua operadora será Tim, Vivo ou Claro Segundo informações da consultoria Teleco, enviadas a imprensa pela TIM, a operadora agora conta com presença em 5,235 cidades no Brasil — e esse número ainda aumentará mais conforme a integração com os clientes da OI for avançando, com expectativa de chegar nos próximos meses a 5,370 municípios. A integração também faz com que a TIM seja a operadora líder em número de torres de telecomunicações em certas regiões do país, como São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília — ajudando no projeto da operadora de atingir 100% de cobertura 4G no país até 2023. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- Clientes da TIM vindos da Oi agora contam com maior área de cobertura Com a integração da operação da Oi Móvel, TIM assume liderança de operadoras móveis no Brasil. (Imagem: Divulgação/Oi) Após a compra da operação móvel da Oi pela TIM, Claro e Vivo, os clientes da empresa foram divididos entre às três companhias de telefonia - e os usuários que foram para a TIM, junto dos que já usufruíam os serviços da organização agora contam com maior velocidade da conexão móvel, além de um espectro adicional de serviços consequente da migração. Além disso, clientes da Oi que foram para a TIM agora contam com cobertura de serviços em 1,8 mil novas cidades, enquanto 264 municípios antes somente atendidos pela Oi agora também contam com serviços da TIM - situação que beneficia cerca de 16,4 milhões de clientes vindos da migração com a antiga operadora. Atualmente, o processo de migração está na primeira etapa, iniciada no fim de abril, que consiste na liberação da rede TIM para os usuários da Oi, enquanto a segunda, que contará com o desligamento do sinal da antiga operadora e a configuração do espectro nas antenas da TIM, deve começar em breve. A terceira etapa, que conta com a integração sistêmica, como emissão de contas, tem previsão para acontecer em julho. “Os trabalhos de integração das redes já começaram em vários DDDs, sendo já possível para os clientes da Oi usufruírem da cobertura da TIM, como no caso do DDD19 no interior de São Paulo. Seguiremos a todo o vapor nos próximos meses nas áreas onde herdaremos os clientes da Oi”.afirma Leonardo Capdeville, CTIO da TIM Brasil. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Os 5 melhores filmes de ação para assistir na Netflix

canaltech Embora a Netflix esteja investindo pesado para se transformar em um estúdio de cinema respeitado interessado em produzir longas mais sérios dignos de concorrer a um Oscar, a empresa também não nega a boa e velha diversão descompromissada de um bom filme de ação. Do tiroteio e perseguição à porradaria franca, todo catálogo que se preze precisa de uma boa dose de adrenalina. As 25 melhores séries originais da Netflix Os 15 melhores filmes de drama disponíveis na Netflix Nesse sentido, os assinantes da plataforma não têm do que reclamar. O streaming tem uma quantidade considerável de filmes do gênero em seu acervo, incluindo algumas produções originais que mostram que soco na cara, correria e explosão nunca saem de moda. E o que é mais interessante é que justamente o escopo mais global da Netflix permite que tenhamos filmes de ação de diferentes países aparecendo. Ainda que Hollywood ainda seja um polo nesse estilo de história, a empresa vem surpreendendo a todos com histórias vindas do Japão, Coreia do Sul e outros cantos do planeta. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Só que a gente também sabe que o cinema de ação tem também potencial para ser muito ruim e recheado de histórias genéricas. Assim, para ajudá-lo a separar os lançamentos realmente interessantes desse amontoado de clichês, separamos algumas sugestões para sua próxima sessão da tarde. 5. Bleach   A gente tem um histórico muito ruim de filmes que adaptam mangá. Só que nem todas as tentativas de trazer essas histórias para o live action são tão ruins quanto Death Note e Dragon Ball Evolution. E Bleach é um bom exemplo de anime e mangá que não só ficou muito boa como ainda traz excelentes cenas de ação. A história em si é um grande apanhado de conceitos que você certamente já viu em desenhos, indo de Cavaleiros do Zodíaco a YuYu Hakusho: um jovem estudante japonês visto como delinquente tem um certo nível de mediunidade e, por isso, sempre ajuda os espíritos que vagam pela sua vizinhança. Só que um dia ele cruza o caminho de uma Shinigami, uma deusa da morte, que lutava contra um monstro invisível aos olhos dos demais humanos. A partir disso, ele “rouba” os poderes dessa entidade mística e mergulha em uma sociedade do pós-vida que até então desconhecia existir. Só que isso faz com que outros desses deuses venham atrás dele para punir seu crime ao mesmo tempo em que a atividade dos tais monstros passa a ser mais recorrente, colocando a vida de inocentes em risco. 4. Operação Fronteira   A receita de todo bom filme de ação é ter um elenco de respeito que consiga segurar não só a trama com boas atuações, mas que sejam convincentes na porradaria e na hora de empunhar um trabuco. E Operação Fronteira faz isso muito bem. Afinal, a Netflix não economizou na hora de trazer nomes como Ben Affleck, Pedro Pascal e Oscar Isaac para serem as estrelas do longa. A história em si é até bem simples. Eles fazem parte de um esquadrão formado por ex-soldados das Forças Especiais dos Estados Unidos que pretendem roubar um poderoso traficante que comanda o comércio de drogas na fronteira entre Brasil, Peru e Colômbia. E embora o rouba tenha sido um aparente sucesso, lidar com as consequências do golpe não é tão fácil quanto aparenta e é a partir disso que a ação começa de verdade ao mesmo tempo em que passamos a conhecer um pouco mais de cada um desses personagens. 3. Legítimo Rei   A máquina de fazer filmes da Netflix não esqueceu um subgênero do cinema de ação que também sempre faz muito sucesso: as produções de época. E Legítimo Rei traz toda a brutalidade e a sujeira da Idade Média para contar uma boa história de reis, cavaleiros e espadas voando e membros decepados. O grande charme aqui é que ele tem um componente histórico que deixa tudo bem mais interessante. Chris Pine vive o lendário rei escocês Robert de Bruce — o mesmo que aparece no clássico Coração Valente —, que deu início a uma guerra contra o grande exército inglês mesmo tendo apenas uma meia dúzia de soldados ao seu lado. Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! E é interessante ver o início dessa rebelião, a transformação de Robert nesse rei fora da lei e como, mesmo contra todas as possibilidades, ele é capaz de suportar as investidas inglesas e ainda bater de frente com as tropas reais. 2. Resgate   Depois de despontar em Hollywood como o Thor da Marvel, o cinema de ação era um caminho até bastante óbvio para Chris Hemsworth. E a Netflix viu nessa popularidade do ator a oportunidade de emplacar uma franquia própria — e fez isso com Resgate. Um segundo filme já está engatilhado para breve, mas o primeiro já é bom o suficiente para entender por que a continuação está garantida. E isso tudo com um roteiro que não é lá muito original, mas que funciona muito bem: Hemsworth é um mercenário que é contratado para ir até Bangladesh para resgatar o filho de um poderoso chefe do crime internacional que foi sequestrado. Só que essa missão não é nada fácil e ele vai flertar com a morte algumas boas vezes no caminho. Outro destaque é que Resgate é produzido pelos Irmãos Russo, os mesmos responsáveis por Vingadores: Guerra Infinita e Ultimato. Só isso já é garantia de um bom filme de ação e muito divertido. 1.The Old Guard   Embora a gente olhe com um certo saudosismo para a época dos brucutus no cinema de ação, é bom saber que essa época ficou para trás, pois só assim podemos ter um filme de porradaria estrelado por Charlize Theron. Baseado em um quadrinho não tão conhecido assim, o longa conta a história de Andy (Theron), uma mulher que luta ao lado de um grupo de soldados imortais que travam guerras ao longo das eras para aqueles capazes de pagar por seus serviços. É quase como um Highlander moderno. Só que as coisas ficam um pouco mais complicadas quando eles descobrem limitações dessa aparente imortalidade ao mesmo tempo em que governos e grandes corporações se unem para tirar vantagem das propriedades únicas desses seres. E começa assim uma batalha para continuarem existindo. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Como a alta da inflação americana explica o crescimento de vendas no Walmart

G1 Economia Alta nos preços, contudo, aperta as margens e afeta os lucros de empresas do varejo. Ações do Walmart tiveram queda de mais de 11%. Fachada da Walmart em Encinitas, nos EUA Mike Blake/Reuters/File Photo Os gastos com o consumo permanecem em alta nos Estados Unidos, como mostram dados oficiais de vendas no varejo e o índice de inflação ao consumidor do país (CPI). Em abril, os preços se mantiveram próximos ao nível recorde em 40 anos, com alta de 8,3% em 12 meses. Mesmo com inflação mais alta, que deveria trazer algum recuo ao consumo, os resultados de lojas como Walmart e Home Depot também registraram crescimento. O faturamento do Walmart cresceu 2,4% a US$ 141,6 bilhões no trimestre móvel que vai de fevereiro a abril. Nos Estados Unidos, os clientes compraram menos produtos "não alimentícios", um fenômeno atribuído ao fim das ajudas excepcionais pagas pelo governo à população durante a pandemia. As despesas com alimentação, ao contrário, aumentaram. Para Neil Saunders, da consultoria Global Data, a clientela "tende a ser mais sensível aos aumentos de preços, e foi mais afetada pela forte inflação, mas mais consumidores recorreram ao Walmart para reduzir as despesas", disse Saunders. O diretor financeiro do grupo, Brett Biggs, destacou em teleconferência que os comportamentos de sua clientela variam muito. Embora a rede varejista tenha vendido alguns itens caros, como consoles de videogames, móveis de jardim ou churrasqueiras, alguns consumidores compraram marcas mais baratas de artigos alimentícios como carne ou laticínios. Enquanto isso, a rede de artigos e ferramentas para o lar Home Depot, que faturou alto durante a pandemia, quando os americanos reformaram suas casas durante o confinamento, manteve os bons resultados: seu faturamento aumentou 4% entre fevereiro e abril, para US$ 38,9 bilhões. Em um sinal dos efeitos da inflação, o volume de compras realizadas em suas lojas diminuiu, mas o montante médio gasto por seus clientes aumentou 11%. Outro sinal do aumento dos gastos com o consumo nos Estados Unidos: o Departamento de Comércio registrou um aumento de 0,9% das vendas no varejo em abril com relação a março, e de 8,2% com relação a abril do ano passado. Aumento dos juros nos EUA pode provocar mais inflação no Brasil Equilibrar vendas menores do que os custos Nos próximos meses, "a tolerância dos consumidores a uma inflação alta será posta à prova e a nova disparada dos preços da gasolina (que alcançou recordes históricos), conjugada com o ajuste de condições financeiras, pesará na vontade das famílias de gastar mais com artigos caros", destacou Lydia Boussour, economista da Oxford Economics. "Mas fundamentos sólidos, particularmente um crescimento robusto da renda por trabalho e poupança acumulados, continuarão sustentando os gastos do consumo", acrescentou. Acontece que as altas nos preços afetam os lucros de empresas como Walmart, cujas ações caíram desde a manhã em Wall Street, fechando em queda de mais de 11%. O lucro líquido da rede de supermercados caiu 25% com base no mesmo período do ano anterior, a US$ 2,05 bilhões, e a empresa reduziu sua previsão de lucros para todo o ano fiscal. O resultado é "decepcionante", admitiu o diretor-geral do grupo, Doug McMillon, que explicou a diminuição de ganhos pelo aumento dos custos salariais. "Contratamos mais funcionários no fim do ano para substituir quem estava de licença de saúde", mas com a queda de casos de Covid em fevereiro, "ficamos semanas com mais funcionários do que o necessário", explicou. Com a queda das vendas de produtos não alimentícios, os estoques do grupo aumentaram e com isso os custos de armazenamento. Também aumentaram os gastos com combustíveis para transportar produtos. No caso da Home Depot, o lucro líquido (+2%) subiu um pouco abaixo das vendas, mas o grupo armado aumentou sua previsão de vendas para todo o ano e a ação subiu 1,68%. "Entramos em um período mais difícil para o comércio varejista", mas "a aterrissagem parece se tranquilizar, pelo menos do lado da demanda", destacou Neil Saunder. "O maior desafio para as redes de lojas será agora equilibrar uma redução de seu volume de vendas com custos mais altos", concluiu. Veja Mais

Banda paulista Francisco, El Hombre lança coletânea em espanhol com a música inédita 'Hoy muero feliz'

G1 Pop & Arte ♪ Músicas em espanhol sempre foram recorrentes no repertório da banda paulista Francisco, El Hombre – até mesmo pela origem mexicana de Mateo Piracés Ugarte e Sebastian Piracés Ugarte, os irmãos que formaram o grupo em 2013, em Campinas (SP), com Juliana Strassacapa, Andrei Martinez Kozyreff e Rafael Gomes da Silva (baixista substituído em 2020 por Helena Papini). Por isso mesmo, o lançamento de coletânea de sucessos do grupo, em espanhol, soa natural. A antologia Grandes éxitos – En español chega ao mercado na quinta-feira, 19 de maio, com 14 músicas do repertório de Francisco, El Hombre. A seleção de repertório cobre desde o segundo EP da banda, La pachanga! (2015), até o recente álbum Casa Francisco (2021). Contudo, o destaque vai para a música inédita Hoy muero feliz, usada como isca para atrair ouvintes para a compilação. Composta por Juliana Strassacapa, Mateo Piracés Ugarte, Sebastian Piracés Ugarte, Andrei Martinez Kozyreff e Rafael Gomes da Silva, tendo sido gravada com produção musical orquestrada pelos atuais integrantes do quinteto, a música Hoy muero feliz abre e fecha a coletânea Grandes éxitos – En español com dois registros diferentes. A versão de abertura foi feita com toques do rock do México (com adesões de Pipe e Leo Ramos na produção musical) e é direcionada ao mercado desse país. Já a gravação que fecha o disco foi formatada para o mercado brasileiro com o sotaque do pop nacional. Capa da coletânea 'Grandes éxitos – En español', da banda Francisco, El Hombre Bruno Biella Veja Mais

LIBERTADORES: RED BULL BRAGANTINO PARA NA TRAVE, LEVA GOLAÇO DE BICICLETA E PERDE PARA O ESTUDIANTES

LIBERTADORES: RED BULL BRAGANTINO PARA NA TRAVE, LEVA GOLAÇO DE BICICLETA E PERDE PARA O ESTUDIANTES

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #MelhoresMomentos #RedBullBragantino #Estudiantes Veja Mais

EUA reportam aumento de óvnis nos últimos 20 anos

em - Internacional Um número crescente de objetos não identificados no céu foi reportado nos últimos 20 anos, informou nesta terça-feira o vice-diretor de inteligência naval dos Estados Unidos a uma comissão do Congresso, na primeira audiência sobre óvnis em meio século."Desde o começo dos anos 2000, temos observado um número crescente de objetos não autorizados ou não identificados", disse Scott Bray, que atribuiu esse aumento a "esforços consideráveis" do Exército americano visando a "desestigmatizar o ato de reportar esses encontros", bem como aos avanços tecnológicos. Bray ressaltou que o Pentágono não detectou nada "que possa sugerir uma origem não terrestre" desses fenômenos, mas também não descartou essa possibilidade: "Não fazemos suposições sobre o que é ou não é.Alguns fenômenos poderiam ser explicados pela presença de drones ou aves que criam confusão nos sistemas de radar. Outros podem ser resultado de testes de equipamentos ou tecnologias militares realizados por outras potências, como China ou Rússia.O Exército dos Estados Unidos e a inteligência estão focados em determinar em primeira mão se esses fenômenos estão relacionados a possíveis ameaças ao país. "Os fenômenos aéreos não identificados são uma ameaça potencial à segurança nacional e devem ser avaliados nesse sentido", disse o deputado democrata Andre Carson, que presidiu o painel da audiência. Veja Mais

Zema confirma sanção de PL que reduz valor da Taxa de Licenciamento de Veículos

O Tempo - Política Com a sanção do projeto, tarifa de R$ 135,90 deve ficar até R$ 100 mais barata Veja Mais

Marrocos suaviza restrições contra Covid para impulsionar turismo

em - Internacional O Marrocos retirou a exigência de um teste PCR para entrar em seu território, buscando favorecer o retorno do turismo, chave para a economia do país, anunciou o governo nesta terça-feira.A decisão, que entra em vigor imediatamente, "foi tomada levando em conta a melhora da situação epidemiológica em nosso país", explica o comunicado do primeiro-ministro.O governo de Aziz Akhannouch era pressionado por profissionais do turismo para salvar a temporada e reativar o setor, devastado por dois anos de pandemia."Estamos muito felizes. É uma decisão que deveria ter sido tomada antes, mas o principal é que foi feito", disse à AFP Lahcen Zelmat, presidente da Federação Nacional da Indústria Hoteleira.O passaporte sanitário continuará sendo obrigatório para entrar no Marrocos. Veja Mais

Indústria química tem prazo para fim de incentivo - 17/05/22

Indústria química tem prazo para fim de incentivo - 17/05/22

Câmana dos Deputados Aprovada MP que acabou com regime especial da indústria química, mas incentivos são prorrogados até 2027. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Promulgada emenda sobre idade máxima no Judiciário - 17/05/22

Promulgada emenda sobre idade máxima no Judiciário - 17/05/22

Câmana dos Deputados O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira, participou da sessão de promulgação da Emenda Constitucional 122 de 2022 que eleva para 70 anos a idade máxima para a escolha e nomeação de ministros e juízes de tribunais. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Volvo XC40 Recharge Plus vende 200 unidades em apenas 3 dias

Volvo XC40 Recharge Plus vende 200 unidades em apenas 3 dias

Tecmundo Todas as 200 unidades do Volvo XC40 Recharge Plus disponíveis no primeiro lote de pré-venda do novo carro 100% elétrico da marca no Brasil foram comercializadas em apenas três dias, conforme anunciou a montadora nessa segunda-feira (16). O SUV foi lançado no mercado nacional na última semana.Modelo eletrificado mais barato da fabricante sueca à venda no país, a versão de entrada da linha traz sob o capô um motor elétrico de 233 cv de potência e 33,65 kgfm de torque. Atuando apenas no eixo dianteiro, o propulsor permite acelerar de 0 a 100 km/h em 7,4 segundos, chegando a 160 km/h de velocidade máxima.Leia mais... Veja Mais

Presidente de Guatemala diz que não participará de Cúpula das Américas

em - Internacional O presidente de Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou nesta terça-feira (17) que não comparecerá à Cúpula das Américas que será realizada em Los Angeles em junho, enquanto os presidentes de México e Bolívia condicionaram sua presença à não exclusão de outros países.Os Estados Unidos, anfitriões do encontro, criticaram hoje a designação da procuradora-geral da Guatemala, Consuelo Porras, por mais quatro anos, mesmo depois que o Departamento de Estado a incluiu em uma lista de "agentes corruptos".Os comentários do Departamento de Estado não foram bem recebidos por Giammattei. "Não vão me convidar para a cúpula. De todos as maneiras, eu mandei dizer que não vou", afirmou o governante."Eu disse e repito ao embaixador dessa nação , que este país [Guatemala] podia ser deste tamanho [pequeno], mas que, enquanto eu fosse presidente, este país e sua soberania deveriam ser respeitados", afirmou o presidente guatemalteco durante uma atividade da embaixada do México em seu país.Para o secretário de Estado americano, Antony Blinken, durante a gestão de Consuelo houve um "padrão de obstrução" a investigações de corrupção."Porras obstruiu e solapou reiteradamente as investigações anticorrupção na Guatemala para proteger seus aliados políticos e obter favores políticos indevidos", disse Blinken na segunda-feira.Washington advertiu que o respeito à democracia é "condição" para participar do encontro. Os presidentes de México, Andrés Manuel López Obrador, e Bolívia, Luis Arce, já anunciaram que só participarão da cúpula se não houver a exclusão de algum país.Segundo o Departamento de Estado americano, Cuba, Nicarágua e Venezuela "não respeitam" a Carta Democrática Interamericana - o documento regional de defesa da institucionalidade vigente desde setembro de 2001 - "e, por isso", espera que esses países não estejam presentes na próxima cúpula hemisférica que será realizada entre os dias 6 e 10 de junho em Los Angeles.Diante desse cenário, a presidente de Honduras, Xiomara Castro, pediu que nenhum país fosse excluído, enquanto a chanceler chilena, Antonia Urrejola, pediu que uma cúpula "o mais ampla possível", ao lembrar que a exclusão de países como Venezuela, Nicarágua e Cuba "não traz resultados".Por sua vez, as autoridades americanas afirmaram que os convites formais ainda não foram enviados. Veja Mais

'Muita coisa vai acontecer', diz Zema sobre escolha de nome para vice

O Tempo - Política Governador declarou, na tarde desta terça-feira (17), que a definição da chapa só deve ocorrer entre julho e agosto, período das convenções partidárias Veja Mais

Quais são os próximos lançamentos da Marvel nos cinemas? Confira!

Quais são os próximos lançamentos da Marvel nos cinemas? Confira!

Tecmundo Com o fim da pandemia, o calendário de estreias no cinema finalmente está se estabilizando. Com o lançamento de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura no início deste mês e mais várias estreias do MCU confirmadas para os próximos meses, os fãs já estão se perguntando como está o calendário de filmes da Marvel.Se você faz parte do grupo de fãs ansiosos pelos próximos lançamentos da Marvel, confira o calendário completo de estreias do MCU nos cinemas.Leia mais... Veja Mais

Por escassez nos EUA, Nestlé enviará leite para bebês por avião de Suíça e Holanda

em - Internacional A Nestlé realizará suas exportações de fórmulas para bebês aos Estados Unidos por avião de Suíça e Holanda para suprir a escassez do produto no país, informou nesta terça-feira (17) a companhia.Os envios envolvem especificamente duas marcas de leite hipoalergênica, já que a escassez é uma fonte adicional de estresse para os pais de crianças com intolerância às proteínas do leite de vaca."Demos prioridade a esses produtos porque respondem a necessidades médicas críticas", indicou uma porta-voz do grupo à AFP, confirmando uma informação difundida pela imprensa.As duas marcas, Gerber Good Start Extensive HA e Alfamino, são importadas pelos Estados Unidos habitualmente de Holanda e Suíça, respectivamente.Agora, devido à escassez, o grupo decidiu enviá-las por via aérea "para responder às necessidades imediatas", detalhou a porta-voz. A Nestlé também dispõe de duas fábricas nos Estados Unidos para a produção de leite infantil.A escassez, causada inicialmente por problemas na cadeia de fornecimento e pela falta de mão de obra causadas pela pandemia, se agravou quando uma fábrica do laboratório Abbott, em Michigan, fechou após um recall de produtos suspeitos de causar a morte de dois bebês.Ontem, a Abbott fechou acordo com as autoridades americanas para retomar a produção nessa fábrica.NESTLEABBOTT LABORATORIES Veja Mais

KLB fala sobre volta aos palcos após 7 anos e lamenta ausência do pai

O Tempo - Diversão - Magazine Os três irmãos vão excursionar pelo país a partir de junho com a turnê 20+2 Experience, que passa por BH em agosto Veja Mais

A erupção de vulcão que foi 'maior explosão' já registrada por equipamentos na Terra

 A erupção de vulcão que foi 'maior explosão' já registrada por equipamentos na Terra

em - Internacional A erupção de um vulcão em Tonga em janeiro de 2022 foi confirmada como a maior explosão já registrada na atmosfera por equipamentos modernos.Foi muito maior do que qualquer evento vulcânico do século 20, ou até mesmo do que qualquer teste de bomba atômica realizado após a Segunda Guerra Mundial.A avaliação foi apresentada em dois artigos acadêmicos, publicados na revista Science, que revisaram todos os dados. Krakatoa: a erupção que mudou o clima, o pôr do sol e foi o som mais alto já ouvido no planeta Por que erupção de vulcão em Tonga foi tão violenta Na história recente, é provável que apenas a erupção do vulcão Krakatoa, em 1883, possa rivalizar com a perturbação atmosférica produzida. Acredita-se que este evento catastrófico na Indonésia tenha provocado a morte de mais de 30 mil pessoas. Felizmente, a erupção de 15 de janeiro deste ano do vulcão submarino Hunga Tonga-Hunga Ha'apai (HTHH), localizado no Pacífico Sul, resultou em pouquíssimas mortes, embora também tenha produzido grandes tsunamis."Tonga foi um evento verdadeiramente global, assim como o Krakatoa, mas agora temos todos esses sistemas de observação geofísica, e eles registraram algo realmente sem precedentes nos dados modernos", explica à BBC News Robin Matoza, da Universidade da Califórnia, em Santa Bárbara, nos EUA, que é o autor principal de um dos artigos.Os cientistas agora têm acesso a uma extraordinária variedade de instrumentos terrestres e espaciais, incluindo sensores de pressão atmosférica, sismógrafos, hidrofones e uma frota de satélites que monitoram a Terra em todo o espectro de luz.A explosão colossal em Tonga, que aconteceu ao final de várias semanas de atividade no monte submarino, produziu vários tipos de ondas de pressão atmosférica que se propagaram por vastas distâncias.Na faixa de frequência audível, pessoas a 10.000 km de distância, no Alasca, relataram ouvir estrondos repetidos.A rede global de detectores criada para monitorar o cumprimento do Tratado de Proibição Completa de Testes Nucleares captou o sinal de infrassom. O infrassom tem frequências que estão logo abaixo do que os seres humanos são capazes de ouvir.Os dados da rede indicaram que a explosão do vulcão de Tonga produziu uma onda de pressão atmosférica comparável à da maior explosão nuclear de todos os tempos — a Czar Bomba, detonada pelos soviéticos em 1961 —, mas durou quatro vezes mais. Os artigos discutem em profundidade as perturbações causadas pelas chamadas ondas de Lamb, que receberam este nome em homenagem ao matemático do início do século 20 Horace Lamb.São ondas energéticas no ar que se propagam na velocidade do som, ao longo de um percurso guiado pela superfície do planeta. Também são não dispersivas, ou seja, mantêm sua forma à medida que se movem e, portanto, são visíveis por um longo tempo.Os pulsos de onda Lamb produzidos pela erupção de Tonga foram vistos circulando a Terra pelo menos quatro vezes.No Reino Unido, que fica a cerca de 16.500 km de Tonga, estes pulsos começaram a chegar na noite do dia 15, cerca de 14 horas após a erupção do outro lado do planeta.Eles levantaram as nuvens sobre o Reino Unido."Na hora, tínhamos um ceilômetro a laser (dispositivo usado para determinar a altura das nuvens) olhando para a base da nuvem e, à medida que a onda passava pela nuvem, era perturbada", lembra Giles Harrison, físico atmosférico da Universidade de Reading, no Reino Unido, e coautor de um dos artigos. "Se alguma vez você quis uma prova de que a atmosfera é algo notavelmente interconectado, está aqui. E o que acontece em um lado do planeta pode se propagar para o outro lado na velocidade do som."Onde as ondas de Lamb se juntaram às ondas do oceano, elas foram capazes de gerar tsunamis — não apenas no Oceano Pacífico, mas também no Oceano Atlântico e no Mar Mediterrâneo.Os cientistas ainda estão investigando a geração de tsunamis próximos que atingiram as costas do arquipélago de Tonga. Alguns foram, sem dúvida, criados por ondas de pressão do vulcão empurrando a superfície da água, mas as investigações estão em andamento para determinar se o colapso de parte do vulcão também contribuiu de maneira significativa.Isso vai ficar evidente nos projetos de mapeamento do fundo do mar, cujos resultados estão previstos para serem divulgados nas próximas semanas.Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal! Veja Mais

Agostinho abriu mão de ser vice de Kalil em café da manhã com Lula em São Paulo

O Tempo - Política Viagem foi feita em segredo na última sexta-feira (13) para evitar interferências partidárias Veja Mais

Ciclone deixa uma pessoa morta e milhares de desabrigados na costa do Uruguai

O Tempo - Mundo Tempestade também mantém em alerta a costa da Argentina e do sul do Brasil Veja Mais

Luiz Gabriel Lopes fala sobre o novo single e os próximos lançamentos

O Tempo - Diversão - Magazine 'Desprendimento' ganhou videoclipe com cenas cotidianas de Porto e Lisboa, onde o cantautor vive atualmente; EP autoral e álbum com Gustavito e Nanan estão a caminho Veja Mais

Guitarra que causou separação do Oasis é leiloada por cerca de R$ 2 milhões

G1 Pop & Arte Instrumento foi quebrado em 2009 durante festival parisiense Rock en Seine, quando os irmãos Noel e Liam brigaram e encerraram a banda. Guitarra que causou separação do Oasis é leiloada por 385 mil euros Reuters/Benoit Tessie A guitarra vermelha de Noel Gallagher, destruída por seu irmão Liam na noite da separação do grupo Oasis em 2009, foi leiloada nesta terça-feira (17) em Paris. O instrumento foi comprado por 385,5 mil euros, incluindo despesas, cerca de R$ 2 milhões. A noite de 28 de agosto de 2009 "foi uma grande bagunça nos camarins" do festival parisiense Rock en Seine, lembrou recentemente em conversa com a AFP Jonathan Berg, co-fundador da galeria Artpéges, onde aconteceu o leilão do icônico instrumento, da marca Gibson. "A guitarra de Noel acabou quebrada e então houve a separação do grupo", acrescentou Berg. A multidão que aguardava o show da famosa banda de rock soube, pelos megafones, que o Oasis tinha acabado de se separar. A guitarra foi consertada em 2011 por um luthier francês e foi apresentada em seu estojo original e um bilhete assinado por seu antigo dono e a inscrição: "Peace, love and bananas" (Paz, amor e bananas). Foi colocada à venda por 150 mil euros e o martelo bateu quando atingiu os 300 mil euros, valor correspondente à estimativa, ao qual foram adicionados 85,5 mil euros em despesas. RECORDE: Retrato de Marilyn Monroe feito por Andy Warhol é leiloado por R$ 2 bilhão e se torna obra mais cara do século 20 Retrato de Marilyn Monroe feito por Andy Warhol é leiloado pelo equivalente a R$ 1 bilhão Veja Mais

EUA e UE criticam reeleição de procuradora-geral da Guatemala, acusada de corrupção

em - Internacional Os Estados Unidos e a União Europeia criticaram a reeleição de Consuelo Porras como procuradora-geral da Guatemala.Porras foi reeleita na segunda-feira pelo presidente Alejandro Giammattei para mais quatro anos no cargo, apesar de ter sido incluída pelos Estados Unidos em uma lista de "atores corruptos".O governante garantiu que Consuelo é uma profissional que atende a todos os requisitos constitucionais e que obteve o voto favorável unânime da comissão que avaliou os candidatos. "As acusações midiáticas ou políticas que possam existir de acordo com a nossa Constituição não têm nenhum valor para despojar uma pessoa de sua capacidade, idoneidade e honradez", acrescentou.O secretário de Estado americano, Antony Blinken, garantiu que durante a gestão de Porras houve um "padrão de obstrução" a investigações de corrupção. "Porras obstruiu e minou reiteradamente as investigações anticorrupção na Guatemala para proteger seus aliados políticos e obter favores políticos indevidos", disse Blinken.Nesta terça-feira, a União Europeia (UE) lamentou "a decisão" do presidente de voltar a nomear Porras, o que "suscita preocupações sobre o compromisso das autoridades guatemaltecas em combater a corrupção e salvaguardar a independência do poder judiciário". A UE afirmou que sob "a supervisão da procuradora-geral, o Ministério Público iniciou ações legais contra vários juízes, advogados e promotores envolvidos em investigações de casos de corrupção", sendo alguns deles, detidos.Porras rejeitou as acusações de corrupção e garantiu que não vai permitir influências estrangeiras em sua gestão.Em nota divulgada nas redes sociais, o Ministério Público da Guatemala garantiu que "a procuradora-geral não aceitará nenhum tipo de ingerência nem pressão e continuará trabalhando de maneira objetiva e imparcial, velando pelo estrito cumprimento da lei".Ao assumir o cargo para o período 2022-2026, Consuelo disse que seu compromisso de realizar um trabalho "sem preconceitos ou ideologias permanece firme. O caminho percorrido não foi fácil, apesar dos ataques constantes dos quais fui alvo por parte de algumas pessoas que buscam uma Justiça parcial.""Jamais irei tolerar ações arbitrárias que minem os direitos dos cidadãos guatemaltecos. Permanecerei firme em meu compromisso de garantir uma Justiça objetiva, e não seletiva", continuou Consuelo em seu discurso.Consuelo foi sancionada por Washington em setembro passado, acusada de interferir na investigação de atos de corrupção. Ela teve sua entrada em território norte-americano proibida.A sanção ocorreu após Consuelo destituir em julho Juan Francisco Sandoval, então chefe da Promotoria Especial Contra a Impunidade (Feci), que fugiu para os Estados Unidos temendo por sua vida, caminho que outros ex-funcionários dessa instância seguiram.Sandoval, descrito como um "campeão anticorrupção" pelos Estados Unidos, disse que foi solicitado a não investigar o presidente Giammattei sem o consentimento da procuradora-geral.Recentemente, a comunidade internacional voltou a mostrar seu repúdio às ações do Ministério Público de Consuelo Porras, após a prisão em fevereiro de cinco membros da Feci e de um representante da extinta Comissão Internacional das Nações Unidas Contra a Impunidade na Guatemala (Cicig), que funcionou entre 2007 e 2019.Aqueles que lideraram as equipes locais de investigação antimáfia, incluindo Sandoval, consideraram que as prisões se devem a uma "vingança" contra os operadores da Justiça que enfrentaram a corrupção, uma afirmação rejeitada pela equipe de Consuelo. Veja Mais

CORINTHIANS TEM CANTILLO EXPULSO, SOBREVIVE A 'GUERRA' NA BOMBONERA E EMPATA | Melhores Momentos

CORINTHIANS TEM CANTILLO EXPULSO, SOBREVIVE A 'GUERRA' NA BOMBONERA E EMPATA | Melhores Momentos

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Libertadores #Corinthians #BocaJrs Veja Mais

Sebrae-SP lança programa para transformar projetos científicos em negócios

canaltech Estão abertas as inscrições para o Acelerando Cientistas, uma iniciativa do Sebrae-SP — mais especificamente, do Sebrae for Startups, braço da entidade voltado ao ecossistema de startups. O programa é executado pela Wylinka, que promove empreendedorismo com base científica. As inscrições são gratuitas e vão até o dia 27 de maio. Quais são as diferenças entre startup e empresa tradicional? Quatro startups brasileiras lideradas por mulheres são selecionadas pelo Google O Acelerando Cientistas é um guia para ensinar e inspirar os passos de pesquisadores no empreendedorismo. O programa é voltado para os seguintes públicos: Estudantes e professores de graduação e pós-graduação vinculados a universidades públicas e privadas, institutos federais e escolas de formação técnica; Pesquisadores de todos os níveis e áreas que querem multiplicar o impacto da sua pesquisa; Pesquisadores que desejam transformar sua tecnologia em produto e negócio, mas não sabem por onde começar; Pesquisadores, estudantes e professores que buscam se qualificar em empreendedorismo de base científico-tecnológica. O objetivo é ajudar pesquisadores, cientistas e pós-graduandos de São Paulo a transformarem seus projetos de pesquisa em negócios. Os participantes terão acesso a conteúdos, cases e ferramentas práticas para criar suas startups e desenvolver competências de mercado. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- No programa do Sebrae, participantes aprendem a transformar pesquisas em soluções desejáveis no mercado ou criar startups (Imagem: DC_Studio/envato) No programa, o participante vai aprender os primeiros passos para transformar uma pesquisa acadêmica em uma solução desejável no mercado. A partir disso, ele poderá criar uma startup, conectar-se com parceiros e financiadores para pesquisas ou se capacitar para os desafios de uma carreira em grandes empresas. O primeiro webinar está programado para o dia 1º de junho e tratará da cultura da inovação e do empreendedorismo. Os encontros serão transmitidos ao vivo, às quartas-feiras, a partir das 19h. As inscrições para o Acelerando Cientistas podem ser feitas aqui. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Custo macabro dos poderes do Flash pode ter sido revelado em HQ da Marvel

canaltech Os poderes de heróis da Marvel e DC sempre induzem muitas discussões sobre seus verdadeiros impactos nos personagens, afinal, mesmo se tratando de ficção, é díficil para leitores não aplicarem as regras da vida real nos conteúdos que estão consumindo. E o Velocista Escarlate, Flash, com sua super velocidade, lidera muitos desses debates. DC revela que novo vilão não precisa de poderes para derrotar o Batman Em uma luta entre Demolidor e Justiceiro, quem vence? O Batman responde Aqui no Canaltech já falamos sobre como a super velocidade do Flash também acelera o metabolismo do herói e, por consequência, faz com que ele se recupere de ferimentos de forma rápida. Porém, essa mesma situação também pode causar um resultado não tão positivo, conforme demonstrado não pela DC Comics, mas sim pela Marvel. Na revista Uncanny X-Men #527, de 2010, a equipe mutante se depara com Gabriel Cohuelo, também conhecido como Velocidad. O personagem tem o poder de desacelerar o tempo ao seu redor, o que, na perspectiva de outros indivíduos, faz parecer que ele tem super velocidade. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Velocidad envelhece e ganha cabelos e unhas grandes após usar muito seus poderes análogos aos do Flash. (Imagem: Reprodução/Marvel Comics) O problema é que ao usar sua habilidade, seu corpo continua reagindo como se estivesse no tempo normal, enquanto o mundo está desacelerado - na prática, isso significa que o que pode parecer um minuto para alguém que vê Velocidad, para o mutante podem ser horas, significando um envelhecimento aparente a cada uso dos poderes. Os poderes de Velocidad e Flash são diferentes pelo menos na explicação oficial, mas ainda sim considerando que a representação visual é a mesma para ambos, e também sabendo que o metabolismo é diretamente relacionado com o envelhecimento do corpo humano, inclusive com estudos apontando que um alto índice metabólico pode acelerar esse processo, imaginar que os Velocistas Escarlates da DC podem lidar com o mesmo problema do mutante não é um salto lógico. Assine Amazon Kindle Unlimited por apenas R$ 19,90/mês e tenha acesso a mais de 1 milhão de livros digitais! É claro que tudo também depende da vontade dos roteiristas e da aprovação editorial da DC Comics, mas no campo de discussões sobre poderes de heróis, imaginar esse “ponto fraco” para o Flash acaba sendo um exercício interessante, mesmo que sem evidências canônicas para a informação. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Advogados de Johnny Depp encerram interrogatório de Amber Heard

em - Internacional Os advogados de Johnny Depp concluíra nesta terça-feira (17) o interrogatório da ex-mulher de seu cliente, a atriz Amber Heard, no qual buscavam retratá-la como a agressora na conturbada relação entre os dois artistas.Em interrogatório, Heard, de 36 anos, negou as acusações de que seria a instigadora da violência no casal, em um casamento que durou de 2015 a 2017."Eu nunca agredi o Sr. Depp ou qualquer pessoa com quem eu fui romanticamente envolvida", disse Heard ao júri no 17º dia do caso iniciado por Depp, em que acusa sua ex-esposa de difamação.O protagonista da franquia "Piratas do Caribe" acusa sua ex-esposa de arruinar sua reputação e sua carreira em um artigo do Washington Post de 2018 no qual ela se descreveu como uma "figura pública que representa o abuso doméstico".Heard, estrela de "Aquaman", não mencionou Depp no texto, mas ele a processou por sugerir que ele tinha um comportamento de abuso doméstico. O ator pede US$ 50 milhões em danos.Heard o contra-processou, com a acusação de "violência física desenfreada e abuso", pedindo US$ 100 milhões.Depp, que passou quatro dias no banco das testemunhas, nega ter batido em Heard e afirma que era ela quem frequentemente iniciava a violência."É seu testemunho sob juramento que você nunca agrediu o Sr. Depp como a primeira agressora?", questionou a ela Camille Vasquez, a advogada do ator."Tentei me defender quando pude", insistiu Heard. "Mas foi depois de vários anos sem me defender.""Houve muitas vezes em que eu usei meu próprio corpo para me defender, e isso incluía me debater como desse se isso significasse conseguir fugir, com certeza", disse Heard.Em uma gravação de áudio ouvida pelo júri, Heard admitiu ter brigado fisicamente com Depp em uma ocasião, mas insistiu que não o agrediu."Você está bem. Eu não te machuquei", diz ela no vídeo. "Você é um bebê."- 'Ele sabe que está mentindo' -Heard também foi questionada pelos advogados sobre uma suposta agressão a sua então namorada, Tasya van Ree, no aeroporto de Seattle em 2009.Heard nega ter feito tal coisa, dizendo que a acusação fazia parte de uma campanha de Depp para "manchá-la".Também perguntaram a Heard por que ela achava que Depp, o tempo todo em que esteve no banco das testemunhas, se recusou a olhar diretamente para ela."Porque ele é culpado", disse ela. "Ele sabe que está mentindo."Durante seu depoimento, Heard afirmou que Depp poderia se tornar um "monstro" abusivo física e sexualmente quando estava bebendo.A atriz disse que pedir o divórcio foi "a coisa mais difícil" que já teve que fazer. "Foi muito difícil porque eu amava tanto Johnny", insistiu.Segundo Heard, na mesma semana em que pediu o divórcio, ela também pediu uma ordem de restrição porque Depp arremessou um celular em seu rosto.A juíza do caso, Penney Azcarate, marcou as alegações finais para o dia 27 de maio. Depois disso, o caso vai a júri.Segundo especialistas financeiros apresentados pelos advogados de Depp, o artigo do jornal o teria feito perder cerca de US$ 22,5 milhões pelo sexto filme da série "Piratas do Caribe", do qual ele foi removido.O ator processou a ex-mulher nos Estados Unidos depois de perder um caso de difamação em Londres, quando atacou o tablóide britânico The Sun por chamá-lo de "marido violento".Depp e Heard começaram a namorar em 2011 e se casaram em fevereiro de 2015. O divórcio ocorreu no início de 2017. Veja Mais

Bolsonaro apresenta notícia-crime no STF contra Alexandre de Moraes

O Tempo - Política A ação cita, entre outras coisas, a “injustificada investigação no inquérito das Fake News" Veja Mais

Juliette lança clipe de Cansar de Dançar: 'O vídeo passa uma mensagem forte'

O Tempo - Diversão - Magazine Nas imagens, a cantora aparece recriando looks que marcaram sua trajetória de vida Veja Mais

'Não me Perturbe' bloqueia 3 milhões de ligações sobre crédito consignado

'Não me Perturbe' bloqueia 3 milhões de ligações sobre crédito consignado

Tecmundo Em janeiro de 2020, a Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN) e a Associação Brasileira de Bancos (ABBC) instituíram o Sistema de Autorregulação de Crédito Consignado. Até o momento, 896 sanções foram aplicadas a empresas pelo sistema e, somente as instituições financeiras já acumulam 3 milhões de bloqueios no “Não Perturbe”.Com o intuito de “aperfeiçoar o atendimento aos clientes na oferta de crédito consignado no país”, o projeto possui três objetivos principais, incluindo a criação de uma plataforma semelhante ao “Não Perturbe” para bloquear ligações de empresas e instituições financeiras sobre esse serviço.Leia mais... Veja Mais

EUA reportam aumento de óvnis nos últimos 20 anos; veja o vídeo

O Tempo - Mundo Informação é do vice-diretor de inteligência naval dos Estados Unidos a uma comissão do Congresso Veja Mais

Manifestantes protestem em Londres contra extradição de Assange

em - Internacional Entre 200 e 300 pessoas se manifestaram nesta terça-feira (17), em Londres, para exigir que o governo britânico se recuse a extraditar o fundador do WikiLeaks Julian Assange, procurado nos Estados Unidos pelo vazamento maciço de documentos confidenciais.Após uma longa batalha legal, a Justiça britânica autorizou formalmente, em 20 de abril, a entrega do australiano de 50 anos à Justiça americana, mas o decreto de extradição depende da assinatura da ministra britânica do Interior, Priti Patel, e ainda cabe recurso.A defesa de Assange apresentou nesta terça-feira os argumentos para rechaçar a extradição, tuitou sua esposa, Stella Assange."O assunto político, a perseguição política de Julian Assange, está agora formalmente nas mãos de Priti Patel", declarou o redator-chefe do WikiLeaks, Kristinn Hrafnsson.Hrafnsson assinalou que Assange, "privado de sua liberdade há uma década", se sente "reconfortado pelo fato de que o público e os políticos de todo o mundo estão unidos em sua causa", e que "cada vez mais gente entende a importância deste caso".Mais de 20 organizações de defesa dos direitos humanos e da liberdade de imprensa apoiam o ativista.Para Amaru Narvaez-Reyes, um ator de 25 anos presente na manifestação, a extradição de Assange "colocaria medo no coração de muitos jornalistas e impediria, provavelmente, que muita informação chegasse ao público".O fundador do WikiLeaks é requerido pela Justiça americana pela publicação, a partir de 2010, de mais de 700.000 documentos classificados sobre atividades militares e diplomáticas dos EUA, especialmente no Iraque e no Afeganistão. Ele está exposto a 175 anos de prisão.Assange foi detido em 2019 após passar mais de sete anos refugiado na embaixada equatoriana em Londres. Veja Mais

Condenado por pirataria recupera US$ 108 mil após processo

Condenado por pirataria recupera US$ 108 mil após processo

Tecmundo Um homem norte-americano conseguiu reverter nos tribunais uma acusação de pirataria de uma distribuidora de filmes adultos.Chamado no processo de W. Mullins, o réu foi inicialmente processado em 2018 pela produtora Malibu Media pelo download ilegal de nove vídeos. O homem recorreu e, após três anos de batalhas nos tribunais, conseguiu não apenas ter os custos cobertos pela companhia como ganhou o direito a uma indenização.Leia mais... Veja Mais

Senado aprova fim da cobrança no despacho de bagagem em voos

O Tempo - Política Medida prevê gratuidade no despacho de bagagens de até 23 quilos em voos nacionais e até 30 quilos em voos internacionais Veja Mais

Ciclone Yakecan chega ao Brasil e vendavais deixam cidades em alerta

O Tempo - Mundo Em Porto Alegre, prejuízos já foram contabilizados com múltiplas quedas de árvores na capital do Rio Grande do Sul Veja Mais

A Voz do Brasil - Participantes de audiência criticam processo para privatizar Eletrobras - 17/05/22

A Voz do Brasil - Participantes de audiência criticam processo para privatizar Eletrobras - 17/05/22

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Participantes de audiência criticam processo de privatização da Eletrobras; ✔️Tribunal de Contas da União deve retomar o julgamento sobre o tema nesta quarta-feira; ✔️Mudança na política de preços dos combustíveis volta a ser debatida por deputados; Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Estratégias de marketing para sua empresa em grandes sazonalidades

Estratégias de marketing para sua empresa em grandes sazonalidades

Tecmundo Já temos alguns resultados da movimentação do varejo no Dia das Mães 2022, e os números são animadores, para dizer o mínimo. De acordo com o Índice Cielo do Varejo Ampliado, as vendas entre 2 e 8 de maio aumentaram 18,1% em comparação ao ano passado. Se analisarmos por canal, foi 5% a mais no e-commerce e 20% a mais em lojas físicas, graças à reabertura.Para quem estava acompanhando, o sucesso não é uma surpresa; já havia expectativas de movimento de R$ 28 bilhões na data — não à toa, visto que é, depois do Natal, um dos maiores períodos de faturamento do ano para os varejistas. Mas não são apenas essas duas épocas que resultam grandes lucros para as empresas.Leia mais... Veja Mais

Senado aprova volta do despacho gratuito de bagagem em voos; MP volta à Câmara

G1 Economia Regra foi incluída por deputados em MP sobre regras do setor aéreo. Retomada da franquia gratuita dependerá ainda de sanção do presidente Jair Bolsonaro; governo já indicou ser contra. O Senado aprovou nesta terça-feira (17) o restabelecimento da franquia gratuita de bagagens nos voos comerciais que operam no Brasil. A regra foi incluída pela Câmara em uma medida provisória sobre o setor aéreo (veja abaixo) e mantida agora pelos senadores. A retomada da gratuidade gerou disputa no Senado e, por isso, o trecho sobre esse tema foi votado em separado. O placar foi de 16 votos pela derrubada do trecho contra 53 pela manutenção da mudança no texto da MP. Se for sancionada, a nova regra permitirá o despacho gratuito de bagagem de até 23 quilos em voos nacionais e de até 30 quilos em voos internacionais. A "MP do Voo Simples", como ficou conhecido o texto enviado pelo governo, terá de passar por nova votação na Câmara porque os senadores alteraram outros pontos do texto. Em seguida, todas essas alterações em relação à proposta original seguem para sanção do presidente Jair Bolsonaro. O governo, no entanto, já indicou que é contra a retomada da gratuidade. Franquia caiu em 2016 Em 2016, a Anac publicou uma resolução que dava ao passageiro o direito de levar na cabine uma bagagem de mão de até 10 quilos – mas autorizava as aéreas a cobrarem por bagagens despachadas. A justificativa da agência, à época, era que a autorização para a cobrança do despacho de bagagem aumentaria a concorrência e poderia, por consequência, reduzir os preços das passagens. Atualmente, bagagens de 23 quilos em voos nacionais e 32 quilos nos voos internacionais são cobradas à parte, com um valor adicional ao da passagem. Cada empresa estabelece o critério de cobrança e as dimensões das malas. O trecho incluído pela Câmara na MP e mantido pelos senadores altera o Código de Defesa do Consumidor para classificar como prática abusiva esta cobrança por parte das companhias aéreas. Veja detalhes sobre as mudanças incluídas na MP pela Câmara e agora aprovadas pelo Senado na reportagem abaixo: Câmara aprova volta do despacho gratuito de bagagem com até 23 kg em voos MP do Voo Simples A proposta estabelece, entre outros pontos: o fim da competência da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) para outorga de serviços aéreos; o fim da necessidade de revalidação dessas outorgas a cada cinco anos; o fim de contratos de concessão das empresas aéreas; o fim da obrigação de autorização prévia para construção de aeródromos. Além disso, a MP exclui a necessidade de cadastro e autorização prévia, concedida pela Anac, de todas as pistas privadas destinadas à decolagem e ao pouso de aeronaves. A MP ainda simplifica a autorização para que uma empresa estrangeira obtenha a autorização para explorar o serviço de transporte aéreo, cabendo à Anac tratar do tema em uma regulamentação. O texto também revoga uma série de exigências, hoje previstas em lei, para que uma empresa de transporte aéreo opere no país. A MP também permite que os aeródromos privados na Amazônia Legal tenham um tratamento diferenciado, com a possibilidade de adequar suas operações por meio de regulamento específico emitido pela autoridade de aviação civil. Atualmente, apenas os aeródromos públicos têm direito a essa possibilidade que, segundo a lei, tem como objetivo “promover o fomento regional, a integração social, o atendimento de comunidades isoladas, o acesso à saúde e o apoio a operações de segurança”. *estagiário sob orientação de Mateus Rodrigues Veja Mais

EUA criam observatório para seguir e documentar crimes de guerra na Ucrânia

em - Internacional Os Estados Unidos anunciaram nesta terça-feira (17) a criação de um "observatório de conflitos", inicialmente dotado com seis milhões de dólares, para "coletar, analisar e compartilhar amplamente evidências de crimes de guerra" que atribuem à Rússia em sua invasão da vizinha Ucrânia.Esta nova iniciativa, batizada de Conflict Watch, tem como objetivo, em particular, "preservar a informação" pública ou os dados dos satélites comerciais de acordo com os "padrões internacionais" para que possam alimentar qualquer procedimento destinado a responsabilizar os autores de "atrocidades", informou o Departamento de Estado em um comunicado."Uma plataforma online compartilhará a documentação do Conflict Watch com o público para ajudar a refutar os esforços de desinformação da Rússia", acrescentou a secretaria responsável pela diplomacia americana.Os Estados Unidos acusaram formalmente a Rússia por crimes de guerra na Ucrânia, particularmente contra civis, e se comprometeram a trabalhar para responsabilizar seus autores e patrocinadores.Em abril, o presidente americano, Joe Biden, qualificou pessoalmente seu contraparte russo, Vladimir Putin, de "criminoso de guerra" e "açougueiro", e foi além de seu próprio governo ao considerar que Moscou estava praticando um "genocídio" em Ucrânia após as denúncias de massacres generalizados de civis na cidade de Bucha.A divulgação de fotos de corpos de ucranianos jogados nas ruas de Bucha e atirados em valas comuns circularam por todo o mundo, alguns com as mãos amarradas nas costas, provocou uma onda de indignação internacional embora Moscou o tenha qualificado de farsa e estratagema ucraniano para abalar a imagem russa e promover ações contra ela. Veja Mais

Aécio Neves participa do Café com Política, da rádio Super, nesta quarta-feira

O Tempo - Política Deputado federal pelo PSDB tentará um novo mandato na Câmara Federal nas eleições de outubro Veja Mais

Jamestown, berço dos EUA, sob ameaça pelo aumento do nível do mar

em - Internacional A água subiu durante a noite e pela manhã havia formado um lago no gramado que cobre um cemitério em Jamestown, localidade que guarda as bases históricas dos Estados Unidos.Os responsáveis pela conservação do local dizem com os pés molhados que esta é apenas a última de uma série aparentemente interminável de inundações no primeiro assentamento inglês permanente da América do Norte, e também lar de tribos nativas por milhares de anos.Sacos de areia e lonas fornecem alguma proteção contra as intempéries, mas os conservadores alertam que o tempo está se esgotando para Jamestown, cada vez mais ameaçada pela elevação do nível do mar e as condições meteorológicas extremas devido às mudanças climáticas."Todos os elementos arqueológicos que ainda não conseguimos investigar podem ser destruídos", disse Michael Lavin, diretor de coleções da Jamestown Rediscovery Foundation, a associação responsável pelo sítio no estado da Virgínia.No início deste mês, o National Trust for Historic Preservation, uma das principais instituições de preservação do patrimônio, incluiu Jamestown em sua lista de 2022 dos 11 lugares históricos mais ameaçados dos EUA.- "Temos que fazer alguma coisa" -"Temos que fazer alguma coisa e tem que ser agora", declarou Lavin.David Givens, diretor de arqueologia, trabalha no local, assim como seu colega, há mais de 20 anos. "Durante a maior parte de nossas vidas, esta foi uma área seca", afirmou.A atual enchente subiu um metro, nível que será a norma até o final do século, segundo projeções. O nível do mar na foz do rio James já subiu 45 centímetros desde 1927.A preocupação é grande porque o local reúne grande parte da história americana: além dos colonos ingleses, o sítio abrigou tribos nativas americanas por 12 mil anos e, em 1619, foi o primeiro lugar nos territórios norte-americanos da Grã-Bretanha para onde eram levados os escravos africanos.- Ossos "como esponjas" -Aos pés de uma antiga igreja, a arqueóloga Caitlin Delmas raspa o solo com sua espátula, cercada por sacos de areia e lonas que são desenroladas a cada aguaceiro. "Precisamos garantir que tudo fique seco", explicou.Em 2013, o estudo dos ossos de uma jovem encontrada lá confirmou que ela havia sido vítima de canibalismo durante a fome entre os colonos no inverno de 1609-1610.Mas pode ser que não haja mais descobertas tão raras: Delmas disse que os ossos recentemente desenterrados eram "como esponjas" e não podiam ser analisados por causa da alternância excessiva entre estarem secos e molhados."Com o tempo, esses sítios arqueológicos ficarão inacessíveis, serão erodidos pela água salgada, pelas inundações", afirmou Givens.Marcy Rockman, pioneira no estudo do impacto das mudanças climáticas nos recursos culturais dos parques nacionais dos Estados Unidos, disse que os locais de patrimônio cultural "sempre foram afetados por tempestades, vento e chuva"."Mas o que está acontecendo é que essas forças estão se acelerando. Estão se intensificando. Estão se recombinando de novas maneiras. Estão chegando em diferentes épocas do ano" devido às mudanças climáticas, explicou.No amplo estuário de Jamestown, alguns barcos levam blocos de granito, à espera de que o tempo melhore para reforçar o atual dique que foi construído no início do século 20 para proteger o local da erosão.O projeto, que custa mais de dois milhões de dólares, é apenas um primeiro passo: estudos sobre as inundações também estão em andamento e "vão custar dezenas de milhões de dólares", observou Lavin."Os restos humanos são nossos registros de dados do passado", apontou Givens. "Estudá-los é urgente."Katherine Malone-France, chefe de conservação do National Trust for Historic Preservation, disse, de seu escritório em Washington, que o tempo está se esgotando."Temos uma janela de cinco anos em Jamestown para começar a mitigar de verdade os impactos das mudanças climáticas", alertou. "É urgente." Veja Mais

Guerra entra em 'fase prolongada', diz ministro ucraniano

em - Internacional A guerra na Ucrânia entra em uma "fase prolongada", afirmou nesta terça-feira o ministro da Defesa ucraniano, Oleksii Reznikov, o qual lembrou que a Rússia busca controlar toda a região de Donbass e ocupar o sul do país."A Rússia se prepara para uma operação militar de longo prazo", disse Reznikov aos ministros da Defesa da União Europeia (UE) e ao secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg. O texto do discurso foi publicado em sua conta no Facebook.Segundo Reznikov, as tropas russas reforçam suas posições nos territórios que ocupam nas regiões de Zaporizhia e Kherson, para "passar ao modo defensivo caso seja necessário. "No momento, os principais esforços do Kremlin se concentram em tentar cercar e destruir a concentração de forças armadas ucranianas nas regiões de Donetsk e Lugansk, parcialmente nas mãos dos separatistas pró-Rússia.Reznikov afirmou que o objetivo de Moscou é "criar um corredor terrestre que ligue a Rússia à Crimeia", península que anexou em 2014, e ocupar "todo o sul da Ucrânia". O ministro pediu aos aliados ocidentais que coordenem melhor a entrega de armas a Kiev, "para libertar nossos territórios o quanto antes".O Ministério da Defesa ucraniano informou que as forças russas realizam "ofensivas ao longo de toda a linha de contato" na região de Donetsk, e parcialmente na vizinha Lugansk, onde tentam abrir caminho perto de Popasna e em direção a Severodonetsk, uma das principais cidades da região sob controle ucraniano, segundo seu governador, Sergei Gaidai. O governador também relatou a "intensificação dos bombardeios contra a população civil", em particular em Girske.Meta Veja Mais

Câmara altera MP e cria regra de transição para fim de incentivos ao setor petroquímico

G1 Economia Texto publicado pelo governo previa revogação 'abrupta' do regime especial de tributação. Deputados modificaram proposta; MP ainda será analisada pelo Senado. A Câmara dos Deputados aprovou nesta terça-feira (17), em plenário, uma nova versão da medida provisória editada pelo governo para derrubar benefícios fiscais do setor petroquímico. O novo texto mantém os benefícios atuais e cria uma "regra de transição" até 2028 (veja abaixo). A proposta aprovada é completamente diferente da que havia sido editada pelo presidente Jair Bolsonaro em dezembro de 2021. O texto ainda será votado pelo Senado e, se houver mudanças, pode voltar à análise da Câmara. Alterações feitas pelo parlamento podem ser sancionadas ou vetadas pelo presidente Jair Bolsonaro. Chamados de Regime Especial da Indústria Química (Reiq), os benefícios reduzem as alíquotas do PIS/Pasep e da Cofins para matérias-primas básicas destinadas a centrais petroquímicas. O governo queria a revogação abrupta do regime especial, mas os deputados modificaram o texto e estabeleceram uma transição para o fim do programa. A versão da MP que será enviada ao Senado também cria contrapartidas sociais e ambientais para o setor petroquímico. Segundo o texto aprovado pela Câmara, o benefício terá uma subida gradual das cobranças até o final de 2027: entre abril e dezembro de 2022: 1,65% para PIS/Pasep; e 7,6% para Cofins; em 2023: 1,39% para PIS Pasep; e 6,4% para Cofins entre 2024 e 2027: 1,52% para PIS/Pasep; e 7% para Cofins. Em janeiro de 2028, o regime será revogado, e as alíquotas voltarão para 1,65% para PIS/Pasep e de 7,6% para a Cofins. A MP revogava dispositivos de duas leis que tratavam da redução das alíquotas do PIS/Pasep, da Cofins, da contribuição para o PIS/Pasep-Importação e da Cofins-Importação incidentes sobre a importação e receita obtida com a venda de nafta e a outros produtos destinados a centrais petroquímicas. As alíquotas cobradas antes da revogação eram de 1,26% para o PIS\Pasep e 5,8% para a Cofins. Como as medidas provisórias têm força de lei, o corte dos benefícios passou a valer já em março deste ano, mas não durou muito tempo. Em abril, uma decisão judicial do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1) suspendeu os efeitos da MP. O governo defendia que o regime especial havia perdurado “tempo suficiente para a efetivação de seus objetivos de fomento à atividade econômica contemplada” e que a revogação se mostrava “conveniente e urgente”. O governo calculava que a revogação do regime especial iria aumentar a arrecadação para os anos de 2022, 2023 e 2024, em R$ 573,09 milhões, R$ 611,89 milhões e R$ 325,02 milhões, respectivamente. Mudança de posicionamento O deputado Alex Manente (Cidadania-SP), relator da proposta na Câmara, citou, no parecer, um estudo da Fundação Getúlio Vargas, segundo o qual a extinção “abrupta” do Reiq traria profundos impactos negativos na arrecadação de impostos, acarretaria a destruição de empregos e prejudicaria a competitividade da indústria brasileira. “Devemos observar a necessidade de construirmos uma alternativa que mitigue parcialmente esses impactos”, disse. O posicionamento adotado pelo relator vai ao encontro dos pleitos apresentados pela Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim). Segundo a Abiquim, o Reiq permite a manutenção de 85 mil vagas de trabalho e contribui para a competitividade da indústria brasileira. “Considerando os efeitos sobre a renda e emprego, a perda será de R$ 5,5 bilhões anuais no Produto Interno Bruto (PIB), além de uma redução de R$ 3,2 bilhões na arrecadação”, disse a associação em nota. Contrapartidas De acordo com o relator, para ter acesso aos benefícios, a empresa terá que firmar compromisso com: a manutenção ou o aumento dos postos de trabalho em comparação ao registrado em 1º de janeiro de 2022, o cumprimento da legislação tributária, trabalhista e ambiental; e a compensação dos impactos ambientais decorrentes da atividade petroquímica. Caso a empresa descumpra as contrapartidas listadas na proposta, ela deverá arcar com o pagamento do valor das contribuições que deixaram de ser pagas acrescido de juros e multas de mora. A proposta aprovada determina ainda que o Ministério da Economia deve realizar o “acompanhamento, controle e avaliação de impacto” do Reiq. A cada mês, deverá ser divulgado o custo detalhado do regime especial de tributação, com a identificação do beneficiário e do produto sujeito ao benefício. Ao final de cada ano, o governo deverá divulgar uma avaliação do impacto do benefício, que deve abordar, por exemplo, os empregos gerados pelo setor. *estagiário sob orientação de Mateus Rodrigues VÍDEOS: notícias de economia Veja Mais

Alesp aprova cassação do mandato de Arthur do Val, o 'Mamãe Falei'

O Tempo - Política Todos os deputados votaram pela cassação: 73 votos sim, 0 abstenção, 0 não. Eram necessários 48 votos Veja Mais

Justiça do Peru pedirá extradição de capitão de navio italiano por vazamento da Repsol

em - Internacional O Ministério Público peruano vai pedir a extradição do capitão do petroleiro 'Mare Doricum', navio de bandeira italiana envolvido no vazamento de cerca de 12.000 barris de petróleo bruto em águas peruanas há quatro meses, disse uma fonte da entidade à AFP nesta terça-feira (17).A extradição será solicitada após ser verificado se Giacomo Pisani deixou o Peru em 9 de março, apesar da existência de uma medida judicial que o impedia de sair do país, apontou uma fonte do Ministério que solicitou a reserva.O pedido formal será apresentado pela Unidade de Cooperação Judiciária Internacional do Ministério Público peruano, embora sem especificar a justiça de qual país.O vazamento ocorreu em 15 de janeiro, enquanto o 'Mare Doricum' descarregava petróleo bruto na refinaria La Pampilla, em Ventanilla, 30 km ao norte de Lima, de propriedade da petrolífera espanhola Repsol. A empresa atribuiu o incidente às ondas causadas pela erupção vulcânica em Tonga, do outro lado do Oceano Pacífico.Pisani está sendo investigado por sua suposta responsabilidade no vazamento de petróleo, que causou grande impacto na flora e fauna da costa peruana, segundo as autoridades do país sul-americano.O capitão, que teria voltado a Itália, deixou o país 24 horas após o pedido do Ministério Público, assegurou o semanário local Caretas.Imobilizado a pedido da justiça, o navio está ancorado há quatro meses a cerca de 9km da costa peruana sob vigilância da guarda costeira da Marinha.O 'Mare Doricum' é um cargueiro do tipo Suezmax, construído em 2009 e de propriedade da empresa de navegação Fratelli d'Amico, com sede em Nápoles.A Procuradoria investiga também oito executivos da Repsol, que também não podem deixar o país devido ao incidente, incluindo o presidente da Repsol Peru, o espanhol Jaime Fernández-Cuesta Luca de Tena. Os demais executivos são peruanos.A Repsol foi processada na semana passada na justiça peruana, que pede 4,5 bilhões de dólares em danos.O vazamento se espalhou por águas e costas até 140 quilômetros ao norte da refinaria, causando a morte de um número indeterminado de peixes, aves e mamíferos marinhos.As atividades pesqueiras e turísticas na área foram afetadas desde o momento do incidente, considerado a pior emergência ambiental registrada pelo Peru.REPSOL Veja Mais

EUA aliviam pressão sobre Venezuela para promover diálogo político

em - Internacional Os Estados Unidos anunciaram nesta terça-feira um relaxamento limitado das sanções contra a Venezuela, entre elas uma ligada à petrolífera Chevron, que apresentaram como um gesto para promover uma retomada do diálogo entre o governo de Nicolás Maduro e a oposição apoiada por Washington.O governo Biden divulga essas medidas envolvendo a Venezuela um dia após levantar uma série de restrições a Cuba. Os dois países, assim como a Nicarágua, são considerados ditaduras pelos Estados Unidos.Esta decisão está "vinculada a um acordo entre ambas as partes para a retomada das negociações" na Cidade do México e encontrar uma solução para a crise política venezuelana, "que deverá ser anunciada muito em breve", informou a jornalistas uma autoridade americana.Ela especificou que o governo de Joe Biden tomou essas medidas "a pedido do governo interino venezuelano", liderado pelo opositor Juan Guaidó, que os Estados Unidos consideram o presidente legítimo da Venezuela.O funcionário disse que o "alívio de sanções" à Venezuela se refere sobretudo a uma "licença limitada" concedida ao grupo petrolífero norte-americano Chevron no contexto do embargo ao petróleo venezuelano, imposto por Washington a Caracas em 2019 em uma tentativa de tirar Maduro do poder.A flexibilização "autoriza a Chevron a negociar os termos de possíveis atividades futuras na Venezuela", mas "não permite fechar nenhum novo acordo com a PDVSA (companhia petrolífera estatal venezuelana)", explicou.O Tesouro americano planeja revelar "outra medida" em uma data posterior, acrescentou. E enfatizou: "Nenhum desses alívios de pressão levaria a um aumento de renda para o regime".O governo Maduro, reeleito até 2025 em uma votação considerada fraudulenta por vários países, e a Plataforma Unitária da Venezuela, que reúne a oposição, iniciaram negociações na Cidade do México em agosto, visando a superar a profunda crise política, econômica e humanitária.As conversas estão paralisadas desde outubro, quando Maduro as suspendeu em rejeição à extradição para os Estados Unidos do empresário Alex Saab, acusado de ser seu testa de ferro. Mas uma visita surpresa de enviados do governo Biden a Caracas em março levou à libertação de dois americanos detidos havia anos na Venezuela e à promessa de retomada do diálogo com a oposição.- Apoio ao governo interino -Segundo a imprensa, os Estados Unidos retirariam de sua lista de pessoas sancionadas Carlos Erik Malpica Flores, sobrinho da primeira-dama da Venezuela e ex-funcionário do alto escalão da PDVSA. "Nenhum desses alívios de pressão levaria a um aumento de receita para o regime", ressaltou o funcionário de Biden. "Nosso enfoque tem sido apoiar o governo interino e a Plataforma Unitária, a fim de que o regime tome medidas para conseguir eleições livres e justas, por meio de negociações".Nesse sentido, disse o funcionário, a política de sanções será "calibrada" para reduzir a pressão em caso de avanços em direção à restauração democrática, ou aumentada se o processo sair dos trilhos.A estratégia de Biden, no entanto, gera tensões políticas internas. Bob Menéndez, presidente do Comitê de Relações Exteriores do Senado e membro influente do Partido Democrata de Biden, declarou-se a favor de uma solução negociada para a crise venezuelana, mas disse que "os Estados Unidos devem considerar apenas recalibrar as sanções em resposta a passos concretos"."Dar a Maduro um punhado de dádivas não merecidas para que seu regime prometa se sentar para negociar é uma estratégia fadada ao fracasso", afirmou Menéndez, após criticar as medidas anunciadas sobre Cuba. Seu colega republicano Marco Rubio foi além, acusando Biden de "apaziguar" ditadores: "Não podemos seguir permitindo que os simpatizantes marxistas do governo Biden dirijam a política externa dos Estados Unidos."Dezoito congressistas da ala esquerda do Partido Democrata pediram na semana passada a Biden que levantasse as sanções contra a Venezuela e continuasse o diálogo com o governo de Nicolás Maduro, após o "compromisso construtivo" da Casa Branca com a viagem a Caracas em março. Veja Mais

Polícia prende deputado britânico por agressão sexual e estupro

O Tempo - Mundo Parlamentar foi aconselhado a não comparecer ao Parlamento. Crimes aconteceram entre 2002 e 2009 Veja Mais

Carla Zambelli é condenada a pagar R$ 20 mil por danos morais a autor de 'Milla' por vídeo com Netinho

G1 Pop & Arte Manno Góes processou deputada por vídeo em que Netinho canta música em ato pró-Bolsonaro. Ele diz que o uso faz 'vinculação forçada' da música dele à ideologia de Carla Zambelli. Ela pode recorrer. À esquerda, Manno Góes, que escreveu 'Milla', e à direita, Carla Zambelli e Netinho em ato pró-Bolsonaro na Paulista Divulgação / Felipe Oliveira e Reprodução / Instagram A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) foi condenada a pagar R$ 20 mil por danos morais a Manno Góes, autor da música "Milla". Ela também foi condenada por danos patrimoniais à editora da música, Malu Edições, mas este valor desta indenização ainda será calculado pela Justiça. Tudo começou um ano atrás, quando a deputada filmou Netinho cantando "Milla" em um ato pró-Bolsonaro, no dia 1º de maio de 2021 e publicou no YouTube. O coautor da música, Manno Góes, não autorizou o uso político da canção e notificou a deputada. Ela não retirou o video e ele a processou. Carla Zambelli pode recorrer da sentença, dada pelo juiz Érico Rodrigues Vieira, da 3ª Vara Cível de Salvador (BA). O g1 entrou em contato com a deputada e a assessoria de imprensa dela, mas não teve nenhum retorno até a última atualização deste texto. Como 'Milla' foi da Ilha do Sol à Justiça? Manno Góes pediu à Justiça no dia 7 de maio de 2021: Mais R$ 100 mil de indenização por danos morais por usar a música do compositor "com vinculação forçada à ideologia e figura política da ré (Carla Zambelli) sem que sequer fosse lhe dada a oportunidade de opinar ou negar a utilização de sua composição". R$ 100 mil à editora por danos materiais pelo uso da música sem autorização. A retirada imediata do vídeo com a música do YouTube, sob pena de R$ 5 mil por dia. Carla Zambelli só tirou o vídeo do ar no dia 11 de maio, após o juiz concordar em impor uma multa diária de R$ 5 mil caso ele continuasse no YouTube. Qual foi a sentença? O valor da indenização por danos morais foi reduzido. Mas o juiz discordou do argumento de Carla Zambelli de que o vídeo era apenas "informativo, de modo que a sua atuação se deu com a exclusiva finalidade de registrar e divulgar aos seus seguidores a ocorrência da manifestação." "Não há como se acolher o argumento de (...) que o vídeo possuía finalidade unicamente informativa, pois se trata de registro de evento voltado à manifestação de apoio à figura política, no caso, o atual Presidente da República, e à defesa de pautas como a adoção do voto impresso e a realização de intervenção militar", diz a sentença. "Reconhecido o inegável conteúdo político do vídeo produzido pela parlamentar, há de se respeitar a liberdade do autor de não querer ter a sua composição – e, consequentemente, a sua imagem – associada aos ideais nele defendidos, haja vista a manifesta divergência entre os mesmos e as suas convicções ideológicas", diz o juiz. Vendo estrelas caindo, pedindo intervenção militar A manifestação começou de manhã, terminou só no início da noite e teve pedidos de intervenção militar. Em cima do trio, diante do público com faixas como "Nós te autorizamos, presidente", Netinho entoou o refrão da música que ficou famosa na década de 1990 na voz dele: "Ô Mila, mil e uma noites de amor com você / Na praia, no barco, no farol apagado... Lá em Hollywood, pra de tudo rolar / Vendo estrelas caindo, vendo a noite passar". Manno Góes não autorizou. No dia seguinte, ele escreveu no Twitter: "Netinho ontem cantou Milla no ato em que pessoas brancas, na Paulista, gritavam 'eu autorizo', para Bolsonaro. Autorizam o quê? Golpe militar? Portanto, eu não autorizo esse débil mental de cantar minha música." No dia 2 de maio de 2021, Manno pediu para Carla Zambelli tire o vídeo do ar. "Eu não posso proibir ninguém de cantar uma música minha. O que o autor tem direito é de impedir de que essa música esteja vinculada com uma forma de divulgação que ele não concorde", disse o compositor ao G1. A deputada disse ao g1 no dia 3 de maio que estava analisando a notificação com seus advogados e "pensando" no caso por causa do post que ela classifica como "deselegante" no Twitter. "Eu estou pensando duas vezes em tirar esse vídeo e pensando sinceramente, em, entre aspas, 'ir para o pau'. Porque a forma como ele tratou o Netinho me incomodou muitíssimo", disse a deputada ao g1. Netinho não quis comentar o caso. Antes da ação, Manno Góes notificou extrajudicialmente a deputada, pedindo a retirada do vídeo. Ela reclamou de o autor ter chamado Netinho de "débil mental" no Twitter e disse ao g1: "talvez eu não atenda o pedido dele e espere ele me acionar na Justiça". Ele acionou e teve decisão favorável. "A deputada cumpriu a ordem judicial ao retirar o vídeo do seu canal oficial do YouTube. Todavia, a grave violação autoral ocorreu. Os danos morais e patrimoniais existiram e deverão ser ressarcidos", disse Manno Góes ao g1 no dia 12 de maio. Veterano do axé Manno Góes já fez parte da banda Jammil e é autor de diversos sucessos do axé, como "Praieiro", "Acabou" e "Milla", composta em parceria com Tuca Fernandes e gravada por Netinho em 1996. Ele diz que não quer barrar Netinho de cantar a música em sua carreira. O g1 entrou em contato com Tuca Fernandes para saber a posição do coautor sobre o uso da música, e não teve resposta. "Não é censura. (Netinho) não está impedindo de fazer shows e tocar música para seus fãs. O que não pode é utilizar uma obra com finalidade política. Para isso há uma necessidade de autorização", diz o advogado de Manno, Rodrigo Moraes, professor de Direito Autoral da Faculdade de Direito da UFBA. "O que a deputada Carla Zambelli faz é lastimável: uma pessoa que, mesmo que notificada, continua com o vídeo. Uma parlamentar que é a primeira a rasgar a lei de direitos autorais", diz o advogado. Carla Zambelli disse na segunda-feira (3) que pensava em manter o vídeo no ar, e criticou o uso do termo "débil mental". "Não se trata ninguém dessa forma. Eu não trato nem meus inimigos dessa forma. Então talvez eu não atenda o pedido dele e espere ele me acionar na Justiça. Aí a gente vê como a gente resolve", diz a deputada. Karol Conká questiona coautoria e volta a pôr em xeque 'beatmakers' como compositores no pop Antes de Zambelli comentar o caso, Manno Góes escreveu no Twitter: "Compreendo e peço desculpas a todos por ter usado 'débil mental' para me referir ao cantor golpista. Agradeço a todos que me chamaram atenção, mesmo apoiando meu desabafo. Estamos aqui para aprender e melhorarmos como pessoa. É o que quero pra mim: aprender, evoluir, consertar". Veja abaixo um vídeo de arquivo em que Manno Góes explicou ao Fantástico a composição de Milla: Compositor de 'Milla' revela se a personagem da música realmente existiu ou não Veja Mais

PEDRO FAZ GOLAÇO ABSURDO, FLAMENGO ENFIA 3 NA CATÓLICA E SE CLASSIFICA NA LIBERTADORES

PEDRO FAZ GOLAÇO ABSURDO, FLAMENGO ENFIA 3 NA CATÓLICA E SE CLASSIFICA NA LIBERTADORES

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #MelhoresMomentos #Flamengo #Libertadores Veja Mais

Governo e oposição da Venezuela saem 'em resgate' do diálogo

em - Internacional O chavismo e a oposição venezuelana se reuniram nesta terça-feira, focados no "resgate do espírito" do processo de negociação suspenso no México em outubro.Os chefes de ambas as delegações - Jorge Rodríguez, representante do presidente Nicolás Maduro, e o opositor Gerardo Blyde - publicaram a mesma mensagem em suas contas no Twitter: "Em reunião de trabalho para planos futuros. Em resgate do espírito do México", acompanhada de uma foto mostrando o aperto de mãos.O processo de diálogo político recebeu um impulso nesta terça-feira dos Estados Unidos, que anunciaram um levantamento parcial da bateria de sanções com que crivaram o governo Maduro após questionarem a sua reeleição em 2018 e considerarem o processo fraudulento."A Venezuela deseja que essas decisões dos Estados Unidos abram caminho para o levantamento absoluto das sanções ilícitas que afetam todo o nosso povo", reagiu a vice-presidente, Delcy Rodríguez.A medida foi tomada "a pedido" do gabinete do líder opositor venezuelano Juan Guaidó, que Washington considera presidente interino do país, ressaltou um funcionário do governo americano."Insistimos na urgência de reiniciar imediatamente o mecanismo do México em favor dos venezuelanos", publicou Guaidó, ratificando a exigência opositora na mesa: "eleições presidenciais e parlamentares livres e justas, que devem a nós, venezuelanos".Maduro anunciou em março uma reativação "com muita força" do processo de diálogo, cuja suspensão ordenou em outubro de 2021, em retaliação pela extradição para os Estados Unidos por Cabo Verde de Alex Saab, empresário colombiano acusado de ser testa de ferro do presidente venezuelano.Não há data para a retomada das conversas, que começaram em agosto no México e visavam a superar a crise profunda no país. "A Venezuela exigiu, exige e exigirá a participação de Alex Saab em qualquer uma das iniciativas de trabalho que eventualmente sejam acordadas", insistiu Delcy Rodríguez.CHEVRONTwitter Veja Mais

Bolsonaro acusa Alexandre de Moraes de abuso de autoridade e apresenta ao STF notícia-crime contra o ministro

G1 Economia O presidente Jair Bolsonaro apresentou notícia-crime no Supremo Tribunal Federal contra o ministro Alexandre de Moraes. Bolsonaro acusa Moraes de abuso de autoridade. Ele argumenta que o chamado inquérito das fake news, no qual é investigado, não se justifica. Segundo o blog apurou, Alexandre de Moraes não se manifestará nesta terça-feira sobre a ação, que tramita em segredo de Justiça — o relator será o ministro Dias Toffoli. O inquérito das fake news foi aberto em março de 2019 para investigar notícias fraudulentas, ofensas e ameaças a ministros do Supremo Tribunal Federal. Em agosto do ano passado, Bolsonaro foi incluído como investigado no inquérito devido aos ataques, sem provas, feitos por ele às urnas eletrônicas e ao sistema eleitoral. Mesmo após eleito, Bolsonaro tem feito nos últimos três anos reiteradas declarações colocando em dúvida a lisura do processo eleitoral. Segundo o presidente, o inquérito tem prazo "exagerado", não respeita o contraditório e não há fato ilícito a ser apurado. Ele também afirma que não obteve permissão para ter acesso aos autos do processo. A argumentação de Bolsonaro contraria decisão do próprio Supremo Tribunal Federal. Em 18 de junho de 2020, o plenário do STF decidiu, por 10 votos a 1, a favor da legalidade do inquérito, que, por isso, pôde prosseguir. Pré-candidato à reeleição, Bolsonaro vem levantando suspeitas sem provas sobre a urna eletrônica, afirmando que não são auditáveis — embora sejam — e defendendo a aplicação de voto impresso, considerado um retrocesso pela Justiça Eleitoral. Nesta segunda-feira, a empresários em São Paulo, Bolsonaro disse — sem apontar um motivo — que as eleições deste ano poderão ser "conturbadas". Dois ministros do STF ouvidos pelo blog na noite desta terça classificaram a ação de Bolsonaro como "factóide" e "diversionismo dos problemas reais". "Como o discurso contra as urnas vem perdendo gás, cria-se uma nova notícia para ocupar espaço e mobilizar a base", declarou um deles. Veja Mais

Duas novas espécies de golfinhos são descobertas na Suíça

O Tempo - Mundo Achado só foi possível graças a restos mortais encontrados na região do Planalto Suíço, também conhecido como 'Mittelland' Veja Mais

Privatização da Eletrobras: ministro do TCU Vital do Rêgo dirá em seu voto que estatal está sendo 'saqueada'

G1 Economia O ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rêgo irá devolver o processo de privatização da Eletrobras ao plenário da Corte nesta quarta-feira (18). O blog apurou que Vital será contrário a privatização e alegará que a estatal esta sendo “saqueada” e “entregue pela metade do preço". O governo aguardava o aval definitivo do TCU sobre a privatização da Eletrobras desde o mês de abril. Em fevereiro, a corte aprovou a primeira fase do processo de privatização que consistia na análise do chamado "bônus de outorga". TCU retoma nesta quarta (18) julgamento sobre privatização da Eletrobras Agora, os ministros votarão a segunda e ultima fase em que o tribunal avalia o modelo de venda proposto pela União, incluindo faixa de valor das ações a serem ofertadas na bolsa de valores. Esta etapa estava prevista para o dia 20 de abril, mas foi suspensa por 20 dias devido à concessão de vista coletiva (mais tempo para análise do processo pelos ministros). Em seu voto, Vital deverá apontar que existem, pelo menos, seis erros e irregularidades importantes no processo de privatização da estatal. No entanto, apesar do voto contrário do ministro, a expectativa é que a privatização da Eletrobras seja aprovada no plenário. O governo pretende concluir o processo no fim de junho ou julho. VÍDEOS: notícias sobre economia Veja Mais

Queda de avião que matou 132 pessoas na China foi intencional, diz jornal

O Tempo - Mundo Autoridades chinesas que estão liderando a investigação não apontaram até agora nenhuma falha mecânica na aeronave Veja Mais

Por que comprar inscritos no YouTube é ruim? | Engajamento falso

canaltech Se você pensa em comprar inscritos no Youtube, saiba que essa estratégia pode custar caro. Apesar dos perigos de pegar o atalho, muitos criadores de conteúdo optam pelo caminho mais rápido. Afinal de contas, por que não facilitar o sucesso? Em muitos casos, a intenção é dar um pequeno impulso à conta. Infelizmente, o tiro sai pela culatra. Quanto ganha um YouTuber? Saiba como funciona a monetização Como conseguir o selo de conta verificada no YouTube Aliás, esse fenômeno acontece não apenas no Youtube, mas em redes sociais como Instagram e Twitter. Para cada plataforma, há consequências específicas, relacionadas aos seus termos de uso e às suas políticas. A plataforma de vídeos proíbe qualquer método que aumente artificialmente os números e o desempenho do canal. Isso inclui, claro, a compra de inscritos. Canais que crescem subitamente chamam a atenção e, em uma eventual análise, são derrubados se houver alguma violação das regras. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- O seu canal pode ficar abaixo do radar, mas isso é improvável. O site é conhecido por ser bastante rígido. Mas, ainda que você não seja flagrado, comprar inscritos no Youtube não é indicado. Como comprar inscritos no Youtube pode arruinar seu canal Assim como em outras plataformas, a compra de inscritos gera uma falsa sensação de crescimento. Isso porque os números são compostos por contas fantasmas que, naturalmente, não afetarão o engajamento do canal. Essa vantagem, contudo, pode desbloquear recursos da plataforma que dependem do número de inscritos. Apesar disso, o engajamento não será afetado positivamente. Portanto, se você pretende monetizar o canal e atrair a atenção de marcas, pegue o caminho mais longo. Afinal de contas, não é difícil identificar quando o criador opta por soluções artificiais: basta comparar a quantidade de inscritos com a quantidade de curtidas e comentários no vídeo. Se essas métricas estiverem muito distantes, você pode perder parcerias com muitas marcas. Infelizmente, essa não é a única dificuldade que você terá. Muitos usuários têm um olhar apurado para essas informações. E, como essa prática não é bem vista, o canal pode perder não apenas dinheiro, mas inscritos em potencial. Comprar inscritos no Youtube pode arruinar as chances de ter um canal de sucesso (Imagem: NordWood Themes via Unsplash/Reprodução) O Youtube descobriu que comprei inscritos: e agora? Uma vez que as contas falsas sejam identificadas, elas serão removidas e, como consequência da violação, o criador terá o canal encerrado e removido do Youtube. Se esse for o primeiro deslize do criador, ele provavelmente receberá apenas um alerta via e-mail. O usuário que acumular três avisos no período de 90 dias tem mais chances de perder seu canal definitivamente. Em casos mais graves, ele ficará impedido de criar um novo canal e produzir qualquer tipo de conteúdo na plataforma. Nessa hipótese, não há muito o que fazer: o criador terá que migrar para uma plataforma concorrente. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Em Cannes, Forest Whitaker recebe Palma honorária, mas parece coach em longa

O Tempo - Diversão - Magazine Documentário For the Sake of Peace vê pobreza esmagadora do Sudão do Sul, mas boas intenções não são suficientes Veja Mais

Petróleo fecha em queda por abertura de EUA à Venezuela

em - Internacional Os preços do petróleo fecharam em queda nesta terça-feira (17), com a perspectiva - ainda distante - de uma possível reativação das exportações venezuelanas aos Estados Unidos e a hipótese de um imposto europeu ao petróleo russo em no lugar de um embargo pela invasão da Ucrânia.Em Nova York, o West Texas Intermediate (WTI) para entrega em junho recuou 1,57%, fechando a 112,40 dólares.Em Londres, por sua vez, o preço do barril do Brent para o mar do Norte para entrega em julho perdeu 2,02% e fechou a 111,93 dólares.Em um fenômeno raro, o WTI fechou acima do Brent."É preciso lembrar que o Brent é para (entrega) em julho, enquanto o WTI é para junho", comentou Andy Lipow, da Lipow Oil Associates. O petróleo entregue antes tem uma bonificação em um mercado tenso como o atual."De qualquer forma, isso significa que os refinadores buscam de todos os lados por alternativas ao petróleo russo. Por isso, vemos um aumento da demanda pela produção americana" de ouro negro, acrescentou.Impulsionado na segunda-feira pela suspensão progressiva do confinamento sanitário em Xangai, bem como pela solicitação próxima de adesão da Suécia e da Finlândia à Otan por causa da invasão russa, o petróleo enfrentou ventos desfavoráveis nesta terça.Os Estados Unidos anunciaram que vão flexibilizar de forma limitada algumas sanções contra a Venezuela, entre elas uma vinculada à petroleira Chevron, com a finalidade de promover o diálogo entre o governo socialista de Nicolás Maduro e a oposição apoiada por Washington.Um alto funcionário americano disse que este "alívio de sanções" à Venezuela se refere sobretudo a uma "licença limitada" outorgada ao grupo petroleiro americano Chevron no contexto do embargo ao petróleo venezuelano, imposto por Washington a Caracas em 2019 com a esperança de tirar Maduro do poder.A isenção "autoriza a Chevron a negociar os termos das possíveis atividades futuras na Venezuela", mas "não permite fechar nenhum novo acordo com (a petroleira estatal venezuelana) PDVSA", explicou.A Chevron é a única petroleira americana que ainda tem ativos na Venezuela, em sociedade com a PDVSA.Para Edward Moya, da Oanda, os preços também estiveram sob pressão por informação divulgada segundo a qual os Estados Unidos proporiam à União Europeia aplicar uma taxa excepcional às importações de petróleo russo no lugar de um embargo."Isso permitiria ao mercado continuar abastecido", antecipou Moya, "o que limitaria a alta do petróleo".A UE enfrenta a oposição da Hungria - próxima de Moscou - a um embargo sobre o petróleo russo.Nesta terça, o preço da gasolina bateu um novo recorde nos Estados Unidos, a 4,523 dólares por galão (3,78 litros). Veja Mais

Rage Against the Machine fará shows no Brasil em dezembro, garante jornalista

O Tempo - Diversão - Magazine José Norberto Flesch anunciou a novidade na noite desta terça-feira (17) Veja Mais

Cannes abre com os zumbis de 'Final Cut' devorando o cinema na era do Instagram

O Tempo - Diversão - Magazine Longa de Michel Hazanavicius, premiado com 'O Artista', imagina set invadido por monstros de verdade Veja Mais

Dead Fish desembarca em BH com turnê 30+1 neste sábado (21)

O Tempo - Diversão - Magazine Uma das principais bandas de hardcore do país traz seu hardcore visceral e político à capital mineira Veja Mais

Rússia anuncia rendição de 265 combatentes em siderúrgica ucraniana

O Tempo - Mundo Local era considera o último reduto de resistência na cidade portuária de Mariupol Veja Mais

Deputado dispara arma em sessão virtual em MS e fala em alerta ao comunismo

O Tempo - Política Parlamentar apareceu disparando contra uma imagem com uma foice e martelo, que é símbolo de partidos comunistas e de esquerda Veja Mais

Wall Street se recupera, impulsionada por empresas tecnológicas

em - Internacional A bolsa de Nova York se recuperou nesta terça-feira (17), impulsionada pelos valores tecnológicos e por investidores em busca de bons preços depois de sete semanas de perdas no Nasdaq.No fechamento, o Dow Jones registrou alta de 1,34% a 32.654,09 pontos, o tecnológico Nasdaq, 2,76% a 11.984,52 unidades, e o S&P 500 2,02% a 4.088,85 pontos.A volta do apetite pelo risco foi "ajudada por notícias positivas provenientes da China" com declarações mais favoráveis das autoridades sobre os grupos tecnológicos e sua cotação nos mercados, destacaram os analistas da Wells Fargo.Os analistas também reagiram positivamente ao volume de vendas no varejo nos Estados Unidos, com um aumento de 0,9% em abril com base em março, segundo o esperado, um dado que sugere que a demanda continua robusta apesar da inflação.Mas Gregori Volokhine, da Meeschaert Financial Services, destacou as falas dos diretores da rede de supermercados Walmart, que observaram uma "bifurcação de sua clientela", com as pessoas de baixa renda voltadas para produtos de primeira necessidade sem marca para economizar."Vemos que os (cidadãos com) rendimentos baixos começam realmente a sofrer com a inflação", o que não é um bom agouro para o consumo, acrescentou o analista.Entre os valores do dia, o Walmart perdeu 11,38% a 131,35 dólares por ação, após publicar ganhos reduzidos.O Twitter, em queda há vários dias em meio às negociações para sua compra por Elon Musk, rompeu a sequência de baixas e registrou alta de 2,49% a 38,32 dólares.Enquanto isso, a Tesla, empresa de veículos elétricos de Musk, registrou alta de 5,14%, a 761,61 dólares.Os títulos do Citigroup foram muito procurados (+7,56% a 51,05 dólares), depois que a holding Berkshire Hathaway, do bilionário Warren Buffett, tomou uma participação consequente de cerca de 3 bilhões de dólares no banco.Por outro lado, o mercado recebeu novos insumos do Fed.O Federal Reserve (Fed, banco central americano) quer uma moderação do crescimento americano e ter evidência "clara" de que a inflação cede, antes de recuar em seus esforços de frear a atividade econômica, afirmou nesta terça-feira o presidente da entidade, Jerome Powell."Precisamos ver que o crescimento diminua dos níveis muito elevados que vimos no ano passado, que baixe a um nível ainda positivo", mas que permita que as cadeias de abastecimento acompanhem a demanda, disse em um evento do jornal The Wall Street Journal.O Fed realizou este mês o maior aumento de suas taxas básicas de juros desde o ano 2000 - meio ponto percentual após um quarto de ponto em março - para combater a combater a maior inflação em 40 anos nos Estados Unidos.WELLS FARGO & COMPANYTESLA MOTORSWALMARTTwitterCITIGROUPDow Veja Mais

Aécio quer que Doria saiba que a candidatura dele é prejudicial para o PSDB

O Tempo - Política Deputado federal Aécio Neves disse ainda que o sentimento majoritário é que deve ser lançado outro candidato do PSDB Veja Mais

Filme sobre George Michael será lançado em 22 de junho

O Tempo - Diversão - Magazine Documentário George Michael Freedom Uncut é um comovente tributo ao legado do astro pop Veja Mais

Fechamento dos grãos de soja em Chicago

em - Internacional (Em Fechamento hoje / Fechamento anterior: JUL 22 16,78/ 16,5650 AGO 22 16,2425 / 16,0725 SET 22 15,6175/ 15,4650 NOV 22 15,2550/ 15,12 JAN 23 15,2750/ 15,1325 Veja Mais

TSE e Telegram oficializam acordo para combater a desinformação

O Tempo - Política Em março, a plataforma de mensagens decidiu aderir ao programa do tribunal após diversas tentativas de contato e decisão judicial que quase bloqueou o aplicativo em todo o país Veja Mais

Eleições 2022: disparos em massa de mensagens voltam ao WhatsApp

Eleições 2022: disparos em massa de mensagens voltam ao WhatsApp

Tecmundo Eleitores do Paraná receberam mensagens em massa a favor do pré-candidato ao governo do estado Cesar Silvestri Filho (PSDB) pelo WhatsApp. Segundo o jornal O Globo e o g1, ao menos duas contas de usuários foram banidas da plataforma.A reportagem publicada pelo colunista Lauro Jardim revela que o vídeo publicitário, produzido pelo PSDB para inserções no rádio e na televisão, foi enviado por dois números de telefone de São Paulo e do Rio de Janeiro. No entanto, a assessoria do pré-candidato negou a responsabilidade sobre o disparo e diz não ter conhecimento sobre os contatos.Leia mais... Veja Mais

Príncipe Charles e sua esposa, Camila, visitam o Canadá

em - Internacional O príncipe Charles e sua esposa, Camila, iniciaram nesta terça-feira (17) uma visita ao Canadá, em uma viagem de três dias ao país da América do Norte, ao qual foram convidados pela governadora geral, representante oficial da rainha Elizabeth II no país, a falar com os povos nativos. O casal real fez sua primeira parada em Saint-Jean de Terre-Neuve (leste), onde foram recebidos pelo primeiro- ministro canadense, Justin Trudeau, e a governadora geral, Mary Simon, descendente de indígenas."Convido-os a falar com os nativos para escutar suas histórias, suas conquistas e soluções e a conhecer a verdade sobre a nossa história, a boa e a má", afirmou Simon. O casal chega ao Canadá quase um ano após a descoberta de túmulos anônimos de crianças em antigos internatos católicos destinados a indígenas, o que provocou um escândalo e revelou a história colonial do país.Ao chegarem, Charles e Camila cumprimentaram o público que se aproximou da entrada do edifício da Confederação canadense. "Nossa visita aqui nesta semana chega em um momento importante para as populações nativas de todo o Canadá, que refletem abertamente sobre o passado para construir um novo futuro", afirmou o príncipe. A cerimônia de boas-vindas incluiu uma oração em inuktitut, a língua tradicional falada em um povoado dos inuítes e uma apresentação musical de uma soprano inuk e uma canção tradicional mi'kmaq.- O escândalo dos internatos -O casal planeja viajar à capital Ottawa e na quinta-feira aos Territórios do Noroeste, uma região do norte do Canadá à beira do Ártico, que está aquecendo três vezes mais rápido que o resto do planeta. "(O príncipe Charles) quer falar do meio ambiente e os nativos querem falar dos internatos religiosos", disse à AFP o historiador e especialista em monarquia britânica, James Jackson. "As três províncias mais afetadas pelo escândalo destes internatos religiosos foram a de Columbia Britânica, Saskatchewan e Alberta, não incluídas na jornada. Ao visitar os Territórios do Noroeste, ele poderá falar sobre meio ambiente sem entrar muito no escândalo dos internatos", afirmou.A visita real ocorre em um momento de transição delicado para a monarquia britânica, sacudida por duas recentes viagens reais ao Caribe, nas quais, primeiro o príncipe William e depois o príncipe Edward, foram chamados a desculpar-se pelo passado escravista do Reino Unido. Elizabeth II, a rainha britânica de 96 anos, também cancelou quase todas suas aparições públicas nos últimos sete meses por problemas de saúde. No entanto, nesta terça-feira a monarca, que completa 70 anos no trono, compareceu de surpresa à inauguração de uma linha de metrô que leva seu nome em Londres.Apesar do afeto que dois terços dos canadenses expressam pela rainha, 51% desejam o fim da monarquia constitucional para as gerações futuras, segundo uma recente pesquisa do instituto canadense Angus Reid. Em um momento em que Canadá revê criticamente seu passado colonial, 65% rejeita a ideia de Charles, de 73 anos, como rei e chefe de Estado do Canadá, e 76% se nega a reconhecer Camila, de 74 anos, como sua rainha. Veja Mais

Real Madrid x Liverpool: onde ver a final da Champions ao vivo

Real Madrid x Liverpool: onde ver a final da Champions ao vivo

Tecmundo A temporada 2021/2022 da UEFA Champions League está chegando em seu momento decisivo. No próximo dia 28 de maio, acontece a final entre Real Madrid e Liverpool, que jogam no Stade de France, em Paris (França), partida que terá transmissão ao vivo na TV aberta, TV por assinatura e internet.O time dos brasileiros Vinícius Júnior, Marcelo, Casemiro e Éder Militão chegou à decisão depois de uma virada histórica contra o Manchester City (Inglaterra) na semifinal da competição. A equipe espanhola marcou dois gols nos minutos finais do tempo regulamentar, na partida de volta, e mais um na prorrogação, sacramentando a classificação.Leia mais... Veja Mais

STF começa a julgar lei de Uberlândia que proibia a vacinação compulsória

O Tempo - Política A lei municipal também prevê que ninguém pode ser impedido de frequentar qualquer locais por recusar a vacina contra a Covid-19. Em abril, ministro Roberto Barroso suspendeu a norma Veja Mais

Ataques de ladrões de gado deixam ao menos 28 mortos no Sudão do Sul

em - Internacional Pelo menos 28 pessoas morreram e 30 ficaram feridas entre domingo e segunda-feira em tentativas de roubo de gado no norte do Sudão do Sul, informou um encarregado da segurança local nesta terça-feira (17). Os ataques aconteceram no condado de Leer e foram realizados por jovens armados dos condados vizinhos. "Vieram e nos atacaram. Dez dos nossos morreram", declarou Stephen Taker, comissário do condado de Leer à AFP. Entre as vítimas, afirmou, há jovens pastores e uma mulher. "Eles perderam 18 pessoas", afirmando que pelo menos outros 30 ladrões ficaram feridos.Um dirigente religioso da igreja presbiteriana de Leer, reverendo Stephen Kulang Jiech, confirmou que os ataques começaram no domingo a noite e continuaram até a tarde de segunda-feira. O condado de Leer é uma regiões mais afetadas pela crise no Sudão do Sul, que sofre de instabilidade política, econômica e problemas de segurança desde sua independência do Sudão em 2011. A região foi um dos epicentros da crise humanitária desencadeada pela guerra civil, que se opôs aos líderes Salva Kiir e Riek Machar entre 2013 e 2018, e que resultou na morte de 400.000 mil pessoas e milhões de desabrigados. Entre fevereiro e junho de 2017, foi decretado estado de miséria na região. Veja Mais

Constituição e Justiça - Discussão e votação de propostas - 17/05/2022

Constituição e Justiça - Discussão e votação de propostas - 17/05/2022

Câmana dos Deputados Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania Tema: Discussão e Votação de Propostas Local: Anexo II, Plenário 01 Início: 17/05/2022 às 15:20 Veja mais: https://www.camara.leg.br/evento-legislativo/65174 Veja Mais

Plenário – Resumo do dia – Veja como foi – 17/05/22

Plenário – Resumo do dia – Veja como foi – 17/05/22

Câmana dos Deputados Analisadas: - MP 1095: Fim de incentivos tributários para indústria petroquímica; Aprovada com alterações. - MP 1090: Abatimento em dívidas de financiamento estudantil; Aprovada com alterações - PL 4188/21: Urgência a texto sobre regras de garantias de crédito Aprovada Veja Mais

Como fazer bolo no Minecraft

canaltech Um bolo é um dos itens de Minecraft que pode ser usado para recuperar a barra de energia do jogador. No entanto, é preciso reunir os ingredientes certos. Aprenda a seguir como fazer bolo no Minecraft. Como fazer uma cama no Minecraft Como fazer cordas e laços no Minecraft Além de servir de comida, os bolos no Minecraft podem ser encontrados em baús enterrados ou comprados em vendedores específicos. Conheça essas e outras curiosidades sobre o alimento no jogo para computador e celular. Ingredientes para fazer bolo no Minecraft Para fazer bolo no Minecraft, você vai precisar de quatro itens: -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- 3 baldes de leite; 3 trigos; 2 porções de açúcar; 1 ovo. O que dificulta fazer bolo no Minecraft são justamente os ingredientes, já que a obtenção é um tanto demorada e exige outros processos no caminho. Como fazer bolo no Minecraft: use os ingredientes para criar o alimento no jogo (Montagem: Caio Carvalho) Para o leite, primeiro você deve ter em mãos três baldes de leite, que por sua vez são criados a partir de três barras de ferro. Depois, encontre uma vaca e faça a extração do leite três vezes. Trigo no Minecraft pode ser obtido ao plantar sementes. As sementes são geradas ao destruir grama ou furtar habitantes de pequenas vilas nos mundos do jogo. Açúcar é obtido a partir da cana, que cresce em blocos de areia próximos à água. Por fim, você consegue ovos através de galinhas, que botam os ovos de tempos em tempos. Se tiver galinhas de criação, fica mais fácil, pois é só prendê-las em um cercado e aguardar até que elas ponham os ovos. Caso contrário, você precisará seguir a ave o tempo inteiro. Características dos bolos no Minecraft Ao contrário da maioria dos alimentos, um bolo no Minecraft não pode ser consumido como um item na barra de calor. O item também precisa ser colocado no cenário como um bloco comum antes de ser ingerido, e vários jogadores podem comer do mesmo bolo simultaneamente. Atenção: ao posicionar o bolo no mapa, não será mais possível pegá-lo de volta para o inventário. Portanto, o ideal é colocar o bolo somente se você for comer ali mesmo, justamente para não desperdiçar o item. Cada bolo fabricado no Minecraft tem sete “fatias”, e cada uso consome uma fatia do bolo. Cada fatia restaura 2 de fome e 0,4 de saturação, o que significa que, ao comer um bolo todo, você restaura 14 de fome e 2,8 de saturação. Bolo de vela Para enfeitar seu bolo, você ainda tem a opção de usar uma vela em cima do bolo. O item não muda as principais características do bolo, mas pode ajudar em ambientes pouco iluminados, já que bolos de velas acesas emitem luz de nível 3. Clicar diretamente na vela fará com que ela se apague. Velas podem ser adicionadas para enfeitar bolos no Minecraft (Montagem: Caio Carvalho) Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Magnata dos cassinos é processado nos EUA por atuar como agente da China

em - Internacional O Departamento de Justiça dos Estados Unidos processou nesta terça-feira o magnata dos cassinos de Las Vegas e Macau Steve Wynn, para obrigá-lo a se registrar oficialmente como agente do governo chinês. Wynn, fundador e ex-diretor executivo do Wynn Resorts, agiu em nome de Pequim em 2017, quando se encontrou com o então presidente Donald Trump e funcionários do governo americano em um esforço da China para obter a custódia do magnata exilado Guo Wengui, informou o departamento.Guo era procurado na China por fraude financeira e outras acusações, mas era íntimo do conselheiro de Trump, Steve Bannon, apoiando os negócios de mídia do mesmo e outras atividades, e havia pedido asilo político nos Estados Unidos.O Departamento de Justiça informou que Wynn entrou em contato com Trump em junho e agosto de 2017 e jantou com ele para transmitir o pedido de Pequim para que os Estados Unidos cancelassem o visto de Guo ou o expulsassem do país. "Wynn participou desses esforços a pedido de Sun Lijun, então vice-ministro do Ministério de Segurança Pública da China", citou o Departamento de Justiça.Naquela época, a empresa de Wynn possuía e operava três cassinos em Macau, meca dos jogos na Ásia. O Departamento de Justiça alega que Wynn atendeu aos pedidos de Sun "com o desejo de proteger seus interesses comerciais em Macau", e ressaltou que Wynn foi informado de que deveria se registrar como lobista para a China sob a Lei de Registro de Agentes Estrangeiros, mas se recusou a fazê-lo.WYNN RESORTS Veja Mais

O Homem do Norte e mais 7 produções parecidas sobre Vikings

O Homem do Norte e mais 7 produções parecidas sobre Vikings

Tecmundo A temática viking em filmes e séries parece que ainda está longe de se esgotar. O lançamento de O Homem do Norte é um forte indício do sucesso que produções sobre os guerreiros nórdicos ainda é capaz de alcançar. E para quem se interessa por essa temática, pode aproveitar todo o acervo disponível, com obras mais ou menos fiéis aos registros históricos, mas com muitas batalhas sangrentas e paredes de escudo. Leia mais... Veja Mais

Câmara aprova perdão de até 99% de dívida do Fies e amplia rol de beneficiários

O Tempo - Política O texto cria também um programa especial de regularização tributária das Santas Casas, os hospitais e as entidades beneficentes que atuem na área da saúde Veja Mais

"Doutora Estranha" e Cavaleiro da Lua usarão métodos evitados pelos Vingadores

canaltech O Cavaleiro da Lua e Clea Strange, a nova Doutora Estranha da Marvel, formarão uma dupla improvável e trabalharão juntos em uma futura edição da nova série do Mago Supremo, Strange. O escritor Jed MacKay revelou que os dois resolverão um grande mistério sugerido há mais de um ano, além de conseguir realizar o que os Vingadores não conseguem ao enfrentar novos vilões. DC revela que novo vilão não precisa de poderes para derrotar o Batman Novo Superman Jon Kent resgata um superpoder bizarro do pai Clark Atenção: spoilers a seguir! Em seu título mensal, escrito por MacKay e ilustrado por Alessandro Cappuccio, o Cavaleiro da Lua enfrentou a Missão da Meia-Noite e outros desafios como a Lua de Hunter, seu rival e adorador do deus Khonshu. Enquanto isso, Clea Strange tornou-se a nova Maga Suprema da Marvel após a morte de Stephen Strange na revista do Doutor Estranho, com roteiros de MacKay e desenhos do brasileiro Marcelo Ferreira. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- MacKay tuitou uma imagem do crossover entre os dois heróis na quinta edição de Strange. Dada a sua natureza mais sangrenta, Clea e Cavaleiro da Lua usarão métodos e táticas violentas contra novos vilões, algo que os Vingadores raramente fazem em suas missões. It wasn't mentioned in the solicits, but Clea gets her first superhero team-up as Sorcerer Supreme in STRANGE #5 when she and Moon Knight unravel a mystery from all the way back in the Moon Knight one-page preview from last year, namely: who are these dudes? pic.twitter.com/VTKzGqdw8u — ???????????? ???????????????????????? (@jedmackay) May 4, 2022 O texto de solicitação de Strange nº 5 pela Marvel Comics diz que Clea enfrentará vários heróis e vilões mortos que foram reanimados. Agora ela luta ao lado do vilão Harvestman para garantir que os seres fiquem mortos para sempre. No entanto, Clea será forçada a confrontar Stephen Strange, um dos heróis revividos. Leia abaixo: Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! DE VOLTA DOS MORTOS! Heróis mortos e vilões foram reanimados como versões macabras de seus eus passados. Agora cabe a [Clea] Strange e ao Harvestman garantir que esses supermortos permaneçam mortos! Mas o que acontece quando o próximo herói reanimado é o marido morto de Clea: Stephen Strange?! Os leitores poderão conehcer a nova dupla quando a revista chegar às lojas de quadrinhos dos EUA, em 17 de agosto. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Leandro Castán: “Aprenda italiano”, histórias do Corinthians campeão e muito mais! | Além da Bola

Leandro Castán: “Aprenda italiano”, histórias do Corinthians campeão e muito mais! | Além da Bola

Fox Sports Brasil O Além da Bola desta semana recebe Leandro Castán! Ele deu 'aulas' de italiano, contou das aventuras em Roma com De Rossi e Totti, além de histórias do Timão campeão da Libertadores em 2012! Confira! Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Corinthians #LibertadoresNaESPN #Libertadores #ESPN #ESPNnoStarPlus #StarPlusBR Veja Mais

Agência dos EUA alerta sobre riscos de segurança em updates do Windows de maio

canaltech A Agência de Cibersegurança e Infraestrutura dos EUA (CISA) removeu uma falha de segurança do Windows de sua lista de falhas ativamente exploradas por criminosos - não por ela ter sido corrigida, mas sim para tirar a obrigatoriedade da instalação de uma atualização do sistema operacional que por conflitos, acabam causando conflitos de autenticação que podem ter consequências graves. Falha em dispositivos de firewall corporativo permite exfiltração de dados O que é exploit? Na atualização mensal do Windows lançada em maio, que conta com correções para 74 problemas de segurança - entre eles a falha CVE-2022-26925, utilizada para elevação de privilégio e sequestro de operações das máquinas — o que acaba causando conflitos de autenticação ao serem instaladas em dispositivos de controle de domínio com Windows Server, podendo assim causar problemas de acesso nestes computadores. ❗ CISA is temporarily removing CVE-2022-26925 from its KEV Catalog due to a risk of authentication failures when the Microsoft May 10, 2022 rollup update is applied to domain controllers. Learn more at https://t.co/0zjmW0m8pg #Cybersecurity #InfoSec -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- — US-CERT (@USCERT_gov) May 14, 2022 Como qualquer atualização de variados sistemas que englobem correções a falhas que integram a lista de vulnerabilidades sendo ativamente exploradas por criminosos da CISA obriga a instalação nos sistemas de autoridades dos EUA em um período de três semanas após suas disponibilizações, a autoridade estadunidense optou por remover a falha CVE-2022-26925, eliminando essa obrigatoriedade para proteger as máquinas controladoras de domínio. Para demais computadores com Windows que não sejam controladores de domínio, porém, a recomendação é da instalação imediata da atualização, já que não há registro de possíveis conflitos no funcionamento e autenticação de usuários provenientes da melhoria de segurança nesse contexto. Correção para problemas de autenticação da Microsoft estão vindo A Microsoft já está desenvolvendo uma correção para os problemas em controladores de domínio causados pelas atualizações de maio, mas enquanto a solução oficial não é disponibilizada, a gigante da tecnologia recomenda para quem estar se deparando com o problema que utilize o mapeamento manual de certificados de autenticação através do Diretório Ativo do Windows para impedir os problemas. Outras opções para mitigar a questão também já foram demonstradas por diversos especialistas de segurança, mas a posição oficial da Microsoft, até o fechamento desta matéria, é que qualquer situação que não a sugerida pela empresa pode trazer outras questões de segurança a tona, e se possível devem ser evitadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Folhas de grafeno revelam que nosso universo pode ter um "irmão gêmeo" É FALSO que a Terra ficará "muito mais distante" do Sol! Entenda o que é afélio Megaestruturas alienígenas ao redor de anãs brancas podem indicar civilizações Astronauta fotografa o eclipse lunar a partir da estação espacial; confira! Vídeo mostra "dança" entre buracos negros e suas estrelas companheiras Veja Mais

Cúpula do PSDB avalia como inviável candidatura de Doria

O Tempo - Política Presidente da sigla, Bruno Araújo, reitera que João Doria vai ser ouvido e comunicado sobre os problemas em torno de sua candidatura Veja Mais

Mulher-Hulk ganha primeiro trailer e data de estreia; confira!

Mulher-Hulk ganha primeiro trailer e data de estreia; confira!

Tecmundo O Disney+ divulgou na noite desta terça-feira (17) o primeiro trailer completo da série Mulher-Hulk: Defensora de Heróis. O vídeo promocional mostra a prima de Bruce Benner se transformando em Mulher-Hulk após uma transfusão de sangue. Confira:Leia mais... Veja Mais

Inflação faz consumidores americanos gastarem mais, mas com cautela

em - Internacional Os gastos com o consumo permanecem em alta nos Estados Unidos, como mostram os resultados das lojas Walmart e Home Depot, assim como dados oficiais de vendas no varejo, impulsionados por preços que sobem e que provocam algumas mudanças de hábito.O faturamento da gigante dos supermercados Walmart cresceu 2,4% a 141,6 bilhões de dólares no trimestre móvel que vai de fevereiro a abril.Nos Estados Unidos, no entanto, os clientes compraram menos produtos não alimentícios, um fenômeno que o grupo atribuiu ao fim das ajudas excepcionais pagas pelo governo à população durante a pandemia.Para Neil Saunders, da consultoria Global Data, esta queda se explica porque a clientela do Walmart "tende a ser mais sensível aos aumentos de preços, e foi mais afetada pela forte inflação", que em abril se manteve em níveis máximos em 40 anos nos Estados Unidos, em 8,3% ao ano.As despesas com alimentação, ao contrário, aumentaram.É que com a inflação, "mais consumidores recorreram ao Walmart para reduzir as despesas", disse Saunders.O diretor financeiro do grupo, Brett Biggs, destacou em teleconferência que os comportamentos de sua clientela variam muito.Embora a rede varejista tenha vendido alguns itens caros, como consoles de videogames, móveis de jardim ou churrasqueiras, alguns consumidores compraram marcas mais baratas de artigos alimentícios como carne ou laticínios. Enquanto isso, a rede de artigos e ferramentas para o lar Home Depot, que faturou alto durante a pandemia, quando os americanos reformaram suas casas durante o confinamento, manteve os bons resultados: seu faturamento aumentou 4% entre fevereiro e abril, para 38,9 bilhões de dólares.Em um sinal dos efeitos da inflação, o volume de compras realizadas em suas lojas diminuiu, mas o montante médio gasto por seus clientes aumentou 11%.Outro sinal do aumento dos gastos com o consumo nos Estados Unidos: o Departamento de Comércio registrou um aumento de 0,9% das vendas no varejo em abril com relação a março, e de 8,2% com relação a abril do ano passado.- Equilibrar vendas menores do que os custos -Nos próximos meses, "a tolerância dos consumidores a uma inflação alta será posta à prova e a nova disparada dos preços da gasolina (que alcançou recordes históricos), conjugada com o ajuste de condições financeiras, pesará na vontade das famílias de gastar mais com artigos caros", destacou Lydia Boussour, economista da Oxford Economics."Mas fundamentos sólidos, particularmente um crescimento robusto da renda por trabalho e poupança acumulados, continuarão sustentando os gastos do consumo", acrescentou.Enquanto isso, as altas nos preços afetam os lucros de empresas como Walmart, cujas ações caíram desde a manhã em Wall Street, fechando em queda de mais de 11%.Neste contexto, o lucro líquido da rede de supermercados caiu 25% com base no mesmo período do ano anterior, a 2,05 bilhões de dólares, e a empresa reduziu sua previsão de lucros para todo o ano fiscal. O resultado é "decepcionante", admitiu o diretor-geral do grupo, Doug McMillon, que explicou a diminuição de ganhos pelo aumento dos custos salariais."Contratamos mais funcionários no fim do ano para substituir quem estava de licença de saúde", mas com a queda de casos de covid em fevereiro, "ficamos semanas com mais funcionários do que o necessário", explicou.Com a queda das vendas de produtos não alimentícios, os estoques do grupo aumentaram e com isso os custos de armazenamento. Também aumentaram os gastos com combustíveis para transportar produtos.No caso da Home Depot, o lucro líquido (+2%) subiu um pouco abaixo das vendas, mas o grupo armado aumentou sua previsão de vendas para todo o ano e a ação subiu 1,68%."Entramos em um período mais difícil para o comércio varejista", mas "a aterrissagem parece se tranquilizar, pelo menos do lado da demanda", destacou Neil Saunder."O maior desafio para as redes de lojas será agora equilibrar uma redução de seu volume de vendas com custos mais altos", concluiu.HOME DEPOTWALMART Veja Mais

Senado aprova redução de imposto sobre arrendamento de aeronaves

O Tempo - Política Prática é chamada de “leasing”, usada para o aluguel tanto de passageiros como de cargas Veja Mais

Em reunião, Kalil comunica à bancada do PT disposição de ceder posto de vice

O Tempo - Política Nomes de petistas que poderiam ser indicados não foram discutidos Veja Mais

Rússia anuncia rendição de 265 combatentes em siderúrgica ucraniana

em - Internacional A Rússia anunciou nesta terça-feira (17) a rendição de 265 soldados ucranianos entrincheirados na siderúrgica de Azovstal, último reduto de resistência na cidade portuária de Mariupol, e se prepara para "uma operação militar de longo prazo", segundo o Ministério da Defesa da Ucrânia.Moscou afirma desde abril que controla a cidade portuária estratégica, após um cerco de várias semanas. Centenas de soldados ucranianos, porém, permaneciam entrincheirados em túneis subterrâneos sob o enorme complexo industrial de Azovstal, cercado pelas tropas russas.O Ministério da Defesa da Rússia afirmou que 265 soldados ucranianos se entregaram, incluindo 51 feridos que foram levados para um hospital da região de Donetsk, leste da Ucrânia, controlada por rebeldes pró-Kremlin.Moscou não especificou se os soldados serão tratados como criminosos ou prisioneiros de guerra, mas o presidente russo, Vladimir Putin, "garantiu que eles seriam tratados de acordo com as leis internacionais", informou o porta-voz do Kremlin, Dmitro Peskov. O Departamento de Inteligência Militar do Ministério da Defesa ucraniano afirmou que a troca dos soldados "acontecerá para repatriar estes heróis ucranianos o mais rápido possível", confirmando indiretamente que os homens estavam de fato sob controle das tropas russas. A vice-primeira-ministra ucraniana, Iryna Verechtchuk, também mencionou uma troca, mas apenas em relação aos "52 soldados gravemente feridos". "Quando a condição deles se estabilizar, vamos trocá-los por prisioneiros de guerra russos", disse.De acordo com o Exército ucraniano, a resistência na siderúrgica permitiu adiar a transferência de 20.000 solados russos para outras partes da Ucrânia e impediu que Moscou capturasse rapidamente a cidade de Zaporizhzhia, no sul.O Tribunal Penal Internacional (TPI) anunciou em Haia o envio de uma equipe de 42 especialistas à Ucrânia, a maior da história da instituição, para investigar acusações de crimes de guerra cometidos durante a invasão russa.A invasão russa da Ucrânia, iniciada em 24 de fevereiro, deixou milhares de mortos e provocou a fuga de milhões de pessoas. - 'Tentar seguir vivo' -A Ucrânia resiste mais do que se esperava ao Exército russo, com a ajuda de armas e dinheiro dos aliados ocidentais. O líder ucraniano abriu o 75° Festival de Cannes, onde pediu o compromisso do mundo do cinema contra "os ditadores".Após cercar Kiev nas primeiras semanas da guerra, Moscou tenta concentrar a ofensiva na região de Donbass, fronteira com a Rússia. Segundo o Ministério da Defesa da Ucrânia, as tropas russa realizam "ofensivas ao longo de toda a linha de contato" na região de Donetsk, e parcialmente na vizinha Lugansk.O governo ucraniano afirma que as tropas russas se retiram dos arredores de Kharkiv, segunda maior cidade do país, para seguir até Donbass. Os combates ao redor de Kharkiv destruíram localidades inteiras.Em Ruska Lozova, ao norte da cidade, Rostislav Stepanenko, de 53 anos, contou à AFP que seu trabalho é "tentar seguir vivo" e disse como sobreviveu a um bombardeio devastador, preso na linha de fogo entre as tropas russas e ucranianas."Com sorte, eu chegarei aos 54 anos, mas hoje não esperaria por isto", disse.- Fase prolongada -A guerra na Ucrânia entra em uma "fase prolongada", afirmou hoje o ministro da Defesa ucraniano, Oleksii Reznikov, o qual lembrou que a Rússia busca controlar toda a região de Donbass e ocupar o sul do país."A Rússia se prepara para uma operação militar de longo prazo", disse Reznikov aos ministros da Defesa da União Europeia (UE) e ao secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg. O texto do discurso foi publicado em sua conta no Facebook.O governador regional de Lugansk, Sergii Gaiday, afirmou que as tropas russas "bombardeiam incansavelmente Severodonetsk" e informou que dois prédios do hospital geral da cidade foram atingidos durante a noite. "Temos 10 mortos e três feridos na região", publicou no Telegram.A tomada de Severodonetsk, a cidade mais ao leste sob poder das forças ucranianas, permitiria à Rússia o controle de fato de Lugansk, uma das duas regiões, junto com Donetsk, que formam o Donbass.Por outro lado, oito pessoas morreram e 12 ficaram feridas em ataques russos à cidade de Desna, na região de Chernihiv (nordeste), onde está localizada uma base militar ucraniana, disseram os serviços de emergência.No oeste, a administração militar regional de Lviv indicou que uma instalação de infraestrutura militar "quase na fronteira com a Polônia" foi atingida. E o comando do Exército no sul disse que Odessa e Mykolaiv também foram atacadas, com vítimas nas duas cidades. Com a invasão russa à Ucrânia, Suécia e Finlândia, que compartilham uma longa fronteira com a Rússia, estão perto de acabar com décadas de não alinhamento militar e unir-se à Organização do Tratado do Atlântico Norte. O Parlamento da Finlândia - país que compartilha uma fronteira de 1.300 quilômetros com a Rússia - votou hoje por ampla maioria a favor da adesão à aliança.Os dois países apresentarão conjuntamente suas candidaturas à Otan nesta quarta-feira, segundo a primeira-ministra sueca, Magdalena Andersson. "Estou feliz por termos tomado o mesmo caminho e por podermos fazê-lo juntos", comentou durante uma entrevista coletiva conjunta com o presidente finlandês, Sauli Niinistö.Na segunda-feira, Putin declarou que tais adesões não representam "uma ameaça direta para nós (...) mas a expansão da infraestrutura militar para estes territórios certamente vai gerar uma resposta nossa".No campo comercial e de sanções, a petrolífera italiana ENI anunciou a abertura iminente de uma conta em euros e outra em rublos no banco russo Gazprombank para pagar pelo fornecimento de gás, cumprindo as exigências de Moscou."A obrigação de pagamento pode ser cumprida por meio da transferência de euros", e este procedimento "não deveria ser incompatível com as sanções" impostas pela União Europeia (UE), declarou a ENI. Veja Mais

Fed quer ver crescimento 'diminuir' nos EUA para baixar a inflação

O Tempo - Mundo O órgão fez neste mês o maior aumento de suas taxas básicas de juros desde o ano 2000 Veja Mais

Veja as novidades chegando para o Google TV e Android TV

Veja as novidades chegando para o Google TV e Android TV

Tecmundo Com mais de 110 milhões de dispositivos ativos mensalmente, o Android TV tornou-se um dos sistemas operacionais mais populares no nicho. O significativo número, que também inclui milhões de aparelhos com Google TV, reforça a presença da solução no mercado moderno, oferecida nos modelos das sete entre as dez maiores fabricantes de televisores. Naturalmente, a importância do setor também exige mais capricho nas atualizações periódicas do sistema operacional; veja as últimas novidades!Leia mais... Veja Mais

Pré-candidatura de Saraiva Felipe, do PSB, se esvazia com aliança Lula-Kalil

O Tempo - Política Ex-deputado seria possível nome do PSB para que Lula tivesse um palanque em Minas, mas se torna inviável com acerto entre PT e PSD Veja Mais

Atentados de 2015 em Paris mudaram a vida de cantor da Eagles of Death Metal

em - Internacional Para Jesse Hughes, vocalista do grupo americano Eagles of Death Metal, o massacre na casa de shows Bataclan em 13 de novembro de 2015 mudou sua vida "para sempre", relatou nesta terça-feira (17) ao tribunal de primeira instância de Paris.Naquela noite, Hughes se apresentava com sua banda no palco da casa de shows parisiense. "No meio do show", ouviu disparos, lembrou diante do tribunal, vestindo roupas pretas e gravata vermelha.O sangrento atentado jihadista deixou 90 mortos e centenas de feridos. Outras 40 pessoas morreram na mesma noite em outros ataques executados na capital francesa.Sobreviventes e parentes das vítimas foram nesta terça ouvir o cantor californiano e o ex-guitarrista do grupo, Edén Galindo, ambos parte civil no julgamento dos atentados.O julgamento dos atentados de 2015 começou em setembro. As audiências das partes civis vão continuar até a sexta-feira e o veredicto está previsto para 29 de junho."Conheço o som das armas", explicou Hughes, de 49 anos. "Sabia o que ia acontecer, sentia que a morte se aproximava", disse. Em seguida, o cantor lembrou os momentos de pânico, a vontade de fugir o quanto antes com sua companheira e Edén Galindo. "Um anjo chamado Arthur nos enfiou em um táxi e nos levou para uma delegacia", lembra.Ali, os dois músicos viram dezenas de feridos cobertos de sangue. Também souberam que um dos seus, Nick Alexander, um britânico que cuidava da comercialização da banda, havia morrido.Naquela noite, "90 dos meus amigos foram assassinados diante de nós de forma odiosa", continuou Hughes, segurando o átrio com as mãos e olhando nos olhos do membro do tribunal. Durante muito tempo, ele hesitou em pisar novamente no palco. "Não sabia se teria forças para voltar", contou."O que os atacantes tentaram naquela noite foi silenciar a alegria da música, mas não conseguiram", garantiu. "O mal não venceu", disse o cantor, afirmando ter perdoado as "pobres almas que cometeram estes atos".- Declarações polêmicas -Quando o Bataclan reabriu, em 2016, a direção informou que o cantor, seguidor do ex-presidente americano Donald Trump e pró-armas, não era mais bem-vindo por causa de suas declarações polêmicas.Em várias entrevistas no primeiro semestre daquele ano, Hughes disse que os seguranças da casa foram cúmplices dos jihadistas e afirmou ter "visto muçulmanos festejando na rua durante o atentado, em tempo real".Eden Galindo, de 52 anos, relatou o clima de alegria que viveu antes do ataque. "Era um show incrível, tudo estava indo muito bem, todo mundo dançava", lembrou.Momentos depois, ouviu o barulho dos disparos. A princípio, pensou que se tratasse de um problema no sistema de som. Mas viu Jesse Hughes correndo em sua direção."Tinha gente atirando... Corremos... Pensávamos que fosse parar, mas continuava", contou. "Depois de tudo isso, foi muito difícil fazer as coisas com normalidade. Senti que estava destruído", disse o guitarrista, também vestindo roupas pretas."Nunca voltarei a ser o mesmo", acrescentou, antes de dirigir algumas palavras às famílias das vítimas. "Penso nelas todo dia e rezo por elas", assegurou.Depois dos músicos, cerca de 20 sobreviventes do Bataclan relataram suas experiências traumáticas e seu sofrimento contínuo mais de seis anos depois dos atentados. Veja Mais

Gaules supera marca de Casimiro e quebra recorde da Twitch Brasil

Gaules supera marca de Casimiro e quebra recorde da Twitch Brasil

Tecmundo O streamer Alexandre Borba, mais conhecido como Gaules, alcançou um grande feito nessa segunda-feira (16). Ele quebrou o recorde de visualizações simultâneas na Twitch brasileira, ao atingir o pico de 710 mil espectadores durante a transmissão da partida entre as equipes Imperial e Cloud9, válida pelo PGL Major Antwerp 2022.A marca inédita foi alcançada no terceiro mapa do jogo vencido por 2 a 1 pelos integrantes do time Imperial. Mas no primeiro mapa, ele já havia atingido um número bastante expressivo de visualizações, conseguindo superar o antigo recorde da Twitch BR, que pertencia à live de Casimiro.Leia mais... Veja Mais

Parlamentares questionam Aneel sobre aumento nas contas de energia

G1 Economia Ex-diretor geral da Aneel André Pepitone disse que reajustes acima da inflação são herança da crise energética e que os aumentos estão previstos em contrato. Um grupo de quatro parlamentares enviou um ofício à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) nesta terça-feira (17) pedindo esclarecimentos sobre os aumentos na conta de luz neste ano. O Congresso tem, desde o início do mês, pressionado a Aneel para sustar os reajustes — previstos em contratos — em ano de eleições gerais. No início do mês, a Câmara dos Deputados aprovou a urgência na tramitação de um projeto que suspende o reajuste médio de 24,88% da Enel Ceará -- a intenção dos parlamentares é ampliar o alcance do projeto para as demais distribuidoras de energia. Câmara pode acelerar votação de texto que suspende reajuste O ofício é assinado pelo senador Alessandro Vieira (PSDB-SE) e pelos deputados federais Felipe Rigoni (UNIÃO-ES), Tabata Amaral (PSB-SP) e Renan Ferreirinha (PSD-RJ). O documento é endereçado a André Pepitone, que deixou nesta terça o cargo de diretor-geral da agência para assumir a diretoria financeira da Itaipu Binacional. O grupo considera que "os reajustes em patamares tão elevados têm aumentado a vulnerabilidade social de populações carentes". O ofício também alega falta de transparência da agência nos reajustes, apesar de todos os processos de reajustes tarifários serem conduzidos de maneira pública, inclusive com a realização de consulta e audiência públicas. Os reajustes nas contas de luz têm chegado a quase 25%, dependendo do estado. Os principais motivos para a alta são a crise energética do ano passado, à alta da inflação e do dólar e à disparada do preço dos combustíveis. REAJUSTES APROVADOS NESTE ANO PELA ANEEL PARA CONSUMIDOR RESIDENCIAL Despedida Em sua despedida na Aneel nesta terça-feira, Pepitone citou os motivos que levaram à alta na conta de luz deste ano e os esforços da agência ao longo dos anos para a redução dos subsídios pagos pelo consumidor. Ainda, segundo o ex-diretor, a Aneel não cria condições para esses aumentos. "A gente sabe bem que a Aneel acaba sendo culpada pela sociedade, pelo Congresso, mas não é a Aneel que cria as condições para esses aumentos. A Aneel faz a conta. Subsídio vem todo de política de lei do Congresso Nacional, e aumentou em R$ 10 bi de 2021 para 2022, saindo de R$ 20 bi para R$ 32 bi. Não foi ação dessa casa (...), mas como essa casa dá a notícia, acaba a agência sofrendo essas consequências", argumentou Pepitone. Em abril deste ano, Aneel aprovou o orçamento de 2022 da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), fundo usado para bancar ações e subsídios concedidos pelo governo no setor de energia. Pela decisão, a CDE deste ano será de R$ 32,096 bilhões, dos quais R$ 30,219 bilhões serão pagos pelos consumidores na conta de luz. Com, isso subsídios bancados através da conta de energia subiram mais de R$ 10 bilhões em relação ao ano anterior. VÍDEOS: notícias sobre política Veja Mais

Vida em Marte? Sonda Perseverance da Nasa inicia busca inédita por sinais

 Vida em Marte? Sonda Perseverance da Nasa inicia busca inédita por sinais

em - tecnologia A sonda Perseverance, da Nasa, atingiu um momento importante de sua missão em Marte. Nesta terça-feira (17/5), o robô de seis rodas começará a escalar um antigo delta na cratera onde pousou.Ela vai rolar morro acima, parando de vez em quando para examinar rochas que parecem ter mais chance de possuir sinais de vida passada no planeta.No caminho de volta, a Perseverance coletará algumas dessas rochas, colocando as amostras na base do delta para serem recuperadas por missões posteriores. O objetivo é trazer esse material de volta à Terra na década de 2030 para uma análise mais detalhada. Eclipse com superlua de sangue: imagens do fenômeno em várias partes do mundo Cientistas conseguem cultivar plantas em solo lunar pela 1ª vez Asteroides, Lua e Marte: as missões espaciais para ficar de olho em 2022 "O delta na Cratera Jezero é o principal alvo astrobiológico da Perseverance", diz a vice-cientista do projeto, Katie Stack Morgan, à BBC. "Estas são as rochas que acreditamos ter o maior potencial para conter sinais de vida antiga e também podem nos contar sobre o clima de Marte e como isso evoluiu ao longo do tempo", disse ela.A sonda fez um pouso espetacular no meio da Cratera Jezero, de 45 km, em 18 de fevereiro de 2021.Desde então, a sonda vem testando ferramentas e instrumentos, pilotando um mini-helicóptero experimental e coletando uma impressão geral do local.Mas o principal objetivo do robô ao ir para o local no Planeta Vermelho sempre foi estudar o enorme monte de sedimentos no oeste de Jezero.Com base em imagens de satélite, cientistas suspeitam se tratar de um delta. As observações iniciais do Perseverance no solo agora confirmaram essa avaliação. Um delta é uma estrutura que se forma a partir do lodo e da areia despejados por um rio quando ele entra em um corpo de água maior. A desaceleração repentina que ocorre no fluxo do rio permite que qualquer coisa transportada em suspensão caia.No caso de Jezero, o corpo de água mais largo era muito provavelmente um lago com a largura de uma cratera que existia há bilhões de anos."Os rios que fluem para um delta trazem nutrientes, que são úteis para a vida, obviamente; e então o sedimento de grão fino que é trazido e depositado em alta taxa em um delta é bom para preservação", explica o cientista da missão, Sanjeev Gupta, do Imperial College London, Reino Unido."Além disso, se houvesse vida no interior, isso poderia ter sido levado rio abaixo e concentrado em um delta."Nos últimos dias, a Perseverance se deslocou em direção a uma "rampa" no delta apelidado de Hawksbill Gap. Esta é uma inclinação suave que levará o robô a uma elevação de algumas dezenas de metros acima do chão da cratera. A subida é uma missão de reconhecimento. Perseverance vai "passear" em busca das rochas mais interessantes."A sonda tem um conjunto incrível de instrumentos que podem nos informar sobre a química, mineralogia e estrutura do delta, examinando os sedimentos até a escala de um grão de sal", diz a cientista da missão Briony Horgan, da Universidade de Purdue, no Estado americano de Indiana."Vamos aprender sobre a química deste antigo lago, se suas águas eram ácidas ou neutras, se era um ambiente habitável e que tipo de vida ele poderia ter sustentado."É preciso ser claro: ninguém sabe se houve mesmo vida em Marte, mas essas três ou quatro rochas que a Perseverance vai recolher no fundo da cratera podem talvez achar sinais — caso eles existam. É pouco provável que o próprio robô seja capaz de atingir conclusões definitivas — por mais inteligentes que sejam seus instrumentos. Mesmo na Terra, onde sabemos que a vida microbiana existe há bilhões de anos, a evidência de suas primeiras formas fossilizadas é de difícil interpretação, e ainda é polêmica.Estabelecer se houve mesmo vida em Marte terá que esperar até que as rochas cheguem na Terra para uma análise detalhada que apenas os maiores laboratórios estão equipados para realizar."A afirmação de que existe vida microscópica em outro planeta do nosso Sistema Solar é uma afirmação enorme. E, portanto, a prova também precisa ser enorme", diz Jennifer Trosper, gerente do projeto Perseverance da Nasa."Eu não acho que os instrumentos que temos por si só possam fornecer esse nível de prova. Eles podem fornecer algo como 'achamos que pode ser isso', e depois, quando trouxermos as amostras de volta à Terra e usarmos instrumentos mais sofisticados, poderemos ter certeza", disse ela à BBC News. No final do ano, espera-se que a Perseverance deposite um primeiro conjunto de rochas quando ela retornar ao fundo da cratera. Isso incluirá não apenas as rochas coletadas durante a descida de Hawksbill, mas quatro amostras coletadas nos meses anteriores no fundo da cratera.A Nasa, juntamente com a Agência Espacial Europeia, está em estágios avançados de planejamento das missões necessárias para pegar essas rochas depositadas e enviá-las à Terra. Esses projetos — que envolvem outra sonda, um foguete de Marte e uma espaçonave transportadora — devem ser lançados no final desta década.A Perseverance ainda tem anos de trabalho pela frente. Depois de depositar seu primeiro estoque de rochas, a sonda voltará para Hawksbill Gap até o topo do delta e além dele, para visitar rochas que parecem ser os restos da costa do antigo lago Jezero.Esses depósitos são feitos de minerais de carbonato e, novamente, parecem ter se formado em um ambiente propício ao registro da vida passada em Marte — se é que ela existiu.Sabia que a BBC está também no Telegram? Inscreva-se no canal.Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal! Veja Mais

10 jogos parecidos com The Sims 4 para celular

10 jogos parecidos com The Sims 4 para celular

Tecmundo Muito popular, The Sims 4 oferece aos jogadores uma experiência de simulação de vida e gerenciamento do cotidiano. Desenvolvido pela Maxis e publicado pela Electronic Arts, o jogo é o quarto título numerado da franquia, que também já rendeu alguns spin-offs e tem uma legião de fãs ao redor do mundo.Com sua fórmula divertida e viciante, a série da EA se destaca entre os demais simuladores — mas isto não quer dizer que não há outros games parecidos e capazes de oferecer uma experiência de jogo legal e agradável até mesmo na palma da mão, na telinha do celular.Leia mais... Veja Mais

Relator retira fim da cobrança no despacho de bagagem nos voos

O Tempo - Política No entanto, senadores tentarão retomar o trecho na votação em plenário, prevista ainda para esta terça (17) Veja Mais

Fortes ventos do ciclone Yakecan varrem a costa do Uruguai

em - Internacional O Uruguai declarou alerta meteorológico nesta terça-feira (17) devido a ventos fortes e chuvas intensas, que deixaram pelo menos um morto e milhares de casas sem eletricidade, informaram as autoridades. Um "ciclone subtropical" atingiu a costa sudeste do território, provocando ventos sustentados do sul entre 60-80 quilômetros por hora, com rajadas de até 100 segundo o Instituto Uruguaio de Meteorologia (Inumet). O alerta laranja, o segundo em gravidade no esquema uruguaio, foi emitido para a parte sul do país, embora as condições climáticas tenham se deteriorado, especialmente nos departamentos (estados) de Maldonado e Rocha, na costa atlântica. Ambos suspenderam as aulas nos ensinos fundamental e médio.O Sistema Nacional de Emergências do Uruguai (Sinae) dispôs de centros de evacuação na região para receber as famílias que optaram por deixar suas casas até o risco diminuir, principalmente os residentes à beira-mar.O ciclone, batizado de Yakecan pelos meteorologistas - "o som do céu" em tupi-guarani - atingiu Punta del Este, cerca de 100 km a leste de Montevidéu, com muita força. Nesta região balneária, rajadas de vento de até 98 produziram ondas de vários metros que invadiram a avenida beira-mar, deixando carros enguiçados, segundo alguns vídeos de usuários do Twitter. O diretor do Sinae, Sergio Rico, pediu que se limite a circulação e "não sair de casa", enquanto o prefeito de Maldonado pediu à população "cuidados extremos diante da situação climática adversa". Equipes militares estavam trabalhando para desobstruir as vias públicas depois que árvores caíram na região de Atlântida e Parque del Plata, também em Maldonado, informou o Exército pelo Twitter.O Sinae havia alertado no final de semana para o agravamento das condições climáticas, com chuvas intensas, ventos fortes e persistentes e queda de temperatura, principalmente na faixa litorânea. Na noite de segunda-feira, o vento derrubou uma árvore sobre uma casa no norte de Montevidéu, matando um homem de 24 anos que morava ali, informou o organismo.Até o meio-dia desta terça-feira, cerca de 24.000 casas sofreram quedas de energia devido à tempestade, segundo a companhia estatal de energia UTE. O jogo pela quinta rodada do Grupo G da Copa Libertadores-2022 entre o uruguaio Peñarol e o paraguaio Cerro Porteño, marcado para a noite de terça-feira em Montevidéu, poderá ser "adiado em 24 horas" devido às más condições climáticas, disseram dirigentes do clube a uma rádio local.O ciclone também mantém em alerta a costa da Argentina e do sul do Brasil.No estado de Santa Catarina, região sul brasileira, a tempestade trouxe baixas temperaturas e uma forte geada, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia do Brasil (Inmet), que alertou que as condições devem piorar na quarta-feira. Veja Mais

Servidores do Tesouro decidem em assembleia entrar em greve a partir do dia 23

O Tempo - Política Procurado, o Tesouro informou que não se manifestaria sobre a paralisação Veja Mais