Meu Feed

No mais...

Bolsonaro veta proposta que prevê bagagem gratuita em voos

O Tempo - Política Parlamentares ainda vão analisar se mantêm ou se revogam a decisão do presidente Veja Mais

PSDB, UB e PR se reúnem e planejam 'alternativa'

O Tempo - Política Cúpula tucana, capitaneada pelo deputado federal Aécio Neves, reuniu-se com Bilac Pinto Veja Mais

Google lança programa global de segurança online no Brasil

canaltech O Google está trazendo ao Brasil o GSEC, seu programa global de segurança online. Anunciado durante evento na tarde desta terça-feira (14), a ideia da iniciativa é aproximar a companhia e a sociedade civil por meio de treinamentos, palestras, mesas redondas e encontros com profissionais, especialistas, professores, pesquisadores e legisladores. Google anuncia novo Centro de Engenharia no Brasil Google reforça privacidade e segurança em seu ecossistema com novas opções Um dos objetivos principais é adicionais mais transparência sobre a forma como a companhia atua por aqui, principalmente no que toca seus serviços e políticas. De acordo com o Google, outro foco é tornar a internet mais segura, com troca de conhecimento e abordagens localizadas para o Brasil, principalmente no trabalho com os formuladores de políticas, para que questões regionais possam ser atendidas de forma mais adequada. Enquanto isso, a ideia do Google é trazer ao Brasil uma abordagem derivada de outras que já foram aplicadas internacionalmente, em países como Irlanda e Alemanha. Nestas duas nações, a empresa também tem centros de engenharia e segurança focados em privacidade, segurança e responsabilidade de conteúdo, que também são questões primordiais por aqui. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por Google Brasil (@googlebrasil) É do centro de engenharia da cidade alemã de Munique, por exemplo, que vem um conjunto de perguntas e respostas disponível em português, com diversas questões comuns sobre segurança digital e proteção. Na publicação, diferentes especialistas abordam tópicos como o interesse de empresas e criminosos nas informações e o que fazer caso uma conta seja invadida, assim como os protocolos de segurança disponíveis nos diferentes dispositivos e melhores práticas. Os trabalhos do GSEC foram iniciados em abril deste ano, quando o grupo se reuniu com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para falar sobre as eleições. Na conversa com os ministros, o Google apresentou suas políticas de moderação de conteúdo e demonstrou apoio quanto à disseminação correta de informações, fortalecendo ainda mais uma parceria que vem desde 2014. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Aprovado texto-base do projeto que limita alíquotas sobre combustível e energia - 14/06/2022

Aprovado texto-base do projeto que limita alíquotas sobre combustível e energia - 14/06/2022

Câmana dos Deputados A Câmara dos Deputados aprovou o texto-base do projeto sobre alíquotas de ICMS incidente em combustíveis, energia elétrica e gás natural. O texto contém 9 de 15 emendas do Senado apresentadas ao projeto (PLP 18/22). O projeto estabelece que haverá, até 31 de dezembro de 2022, uma compensação paga pelo governo federal aos estados pela perda de arrecadação do imposto por meio de descontos em parcelas de dívidas refinanciadas desses entes federados junto à União. As medidas atingem ainda o ICMS cobrado sobre comunicações e transporte coletivo. Entre as emendas com parecer favorável estão a concessão de crédito presumido de PIS/Cofins e da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) incidentes sobre etanol e gasolina e que garantem a manutenção, pela União, dos níveis de investimento em saúde e educação previstos constitucionalmente para estados e municípios devido à perda de arrecadação com o ICMS, principal imposto que sustentam essas despesas. Pelo projeto, a cobrança desse tributo não poderá ser em patamares iguais aos produtos supérfluos. Redução de impostos O autor do projeto, deputado Danilo Forte (União-CE), considerou a aprovação da proposta histórica. "A última vez que o Congresso Nacional votou uma redução de impostos foi em 2006. A agenda que construímos para reduzir o preço da energia e dos combustíveis corresponde à expectativa da sociedade brasileira", afirmou. Ele espera que o projeto ajude a retomar o desenvolvimento econômico e gerar emprego e renda. "O lobby construído pelos governadores para impedir a votação já foi superado porque a vontade popular é muito maior." Deputados da oposição, no entanto, acusaram a proposta de ter motivações eleitorais e pediram o fim da política da Petrobras de preço de paridade de importação dos combustíveis. O líder do PT, deputado Reginaldo Lopes (PT-MG), afirmou que o projeto não vai resolver de fato o problema. "O caminho mais simples era acabar com a dolarização dos preços de derivados do petróleo", afirmou. "É inaceitável cobrar custos inexistentes no processo de produção, que tem como base o real." O deputado Rogério Correia (PT-MG) calcula que a proposta vai gerar uma renúncia fiscal de R$ 92 bilhões de ICMS e R$ 34 bilhões de impostos federais. "É um projeto de improviso, guiado pelo desespero do presidente da República, com uma dose muito grande de demagogia", criticou. Correia teme que o projeto leve a um aumento da dívida pública e uma redução de recursos para saúde e educação. "Não se assustem se, após concluirmos a votação, o preço do combustível voltar a subir." O líder da Minoria, deputado Alencar Santana (PT-SP), também se manifestou a favor da compensação pela perda de recursos do Fundeb. "A educação e a saúde sofreram muito neste período. Seria muito cruel e injusto não garantir esta compensação no cenário de retomada depois da pandemia", afirmou. Arrecadação e desoneração O deputado Christino Aureo (PP-RJ) defendeu a desoneração de preços do consumidor. "Não temos controle sobre o câmbio e o preço do barril do petróleo. Vários países do mundo, independentemente de ideologia, têm feito uso da desoneração para aliviar o preço dos combustíveis." Ele ainda defendeu a criação de auxílio para motoristas de aplicativo, taxistas e caminhoneiros. Já o deputado Celso Sabino (União-PA) observou que alguns estados têm alíquotas do ICMS para gasolina e energia mais altas do que para tabaco e bebidas alcoólicas. Ele notou que os estados tiveram, em 2021, recorde de R$ 636 bilhões em arrecadação do ICMS, um crescimento de 22% em relação ao ano anterior. Já no primeiro quadrimestre deste ano, houve um aumento de 13% na arrecadação do ICMS dos combustíveis. "É hipocrisia dizer que estamos falando em reduzir a arrecadação dos estados. Os contribuintes vêm sendo sacrificados. Estamos falando em conter as superarrecadações que os estados têm tido nesses últimos meses por conta do aumento dos combustíveis", disse Celso Sabino. Saídas O deputado Bibo Nunes (PL-RS) elogiou o Supremo Tribunal Federal (STF) por ter estabelecido o limite de 17% na alíquota do ICMS para serviços essenciais. Ele ainda defendeu a venda da Petrobras. O deputado Fausto Pinato (PP-SP) ressaltou que a Câmara dos Deputados se esforça para buscar saídas para combater a inflação e o aumento do preço dos combustíveis. Ele criticou o Ministério da Economia por não ter colaborado com o texto do projeto. "Estamos entregues à deriva. O governo não tem capacidade de liderar", afirmou. Fonte: Agência Câmara de Notícias Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #votação Veja Mais

Presidente ucraniano pede às tropas que 'aguentem' batalha-chave no Donbass

em - Internacional O presidente ucraniano, Volodimir Zelensky, encorajou na noite desta terça-feira (13) suas tropas a "aguentar" os ataques russos na região leste do Donbass, em uma batalha que ele considera "vital" para o curso da guerra."É vital permanecermos no Donbass", disse o presidente em sua mensagem diária à população. "A defesa da região é essencial para dar uma indicação de quem vai dominar [no terreno] nas próximas semanas", afirmou."Temos que aguentar", completou Zelensky em um vídeo gravado do lado de fora da sede do governo em Kiev.As forças russas intensificaram o cerco à cidade industrial de Severodonetsk, que já controlam em grande parte, e tentam isolar as defesas ucranianas destruindo as três pontes que a ligam à vizinha Lysychansk.Ambas as cidades, separadas pelo rio Donets, são o último reduto de Kiev em Lugansk, uma das duas regiões que, juntamente com Donetsk, compõem a bacia de mineração do Donbass.Diante desse ataque, as autoridades ucranianas estão multiplicando seus pedidos de armas de países ocidentais, um pedido ao qual o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, aderiu neste terça-feira."A Ucrânia deveria ter mais armas pesadas, porque depende absolutamente disso para poder lidar com a brutal invasão russa", disse Stoltenberg após uma reunião com líderes de sete aliados europeus em Haia.Nesse sentido, Zelensky denunciou que "os russos têm dez, cem vezes mais armas" do que as tropas ucranianas e sua vice-ministra da Defesa, Anna Maliar, denunciou que seu país recebeu apenas "10% das armas que indicamos precisar".Os Estados Unidos já começaram a entregar armas pesadas à Ucrânia e, nesta quarta-feira, seu secretário de Defesa, Lloyd Austin, presidirá uma reunião em Bruxelas com aliados para discutir uma possível aceleração das entregas.- "Bombardeiam e bombardeiam" -Para a Rússia, controlar Severodonetsk abriria o caminho para avançar em direção a outra grande cidade do Donbass, Kramatorsk, um passo importante para conquistar toda esta região que já está parcialmente sob controle de rebeldes apoiados por Moscou desde 2014."Os russos tentam cercar os ucranianos em Severodonetsk, Lysychansk e em algumas localidades próximas, como Pryvillia e Borivske", disse o governador de Lugansk, Serguei Gaiday. De acordo com ele, as forças de Moscou receberam reforços de "dois grupos de batalhões táticos"."A situação é muito grave", acrescentou o governador, que na segunda-feira admitiu que as forças ucranianas foram expulsas do centro de Severodonetsk após semanas de resistência.Oleksandr Striouk, prefeito de Severodonetsk, informou a destruição de uma terceira ponte que ligava a cidade com Lysychansk após "bombardeios em larga escala", mas afirmou que a cidade não está isolada. "Há canais de comunicação, mas são complicados", disse.O prefeito também informou que "540 a 560 pessoas" estão refugiadas nos túneis subterrâneos da fábrica de produtos químicos Azot, que foi bombardeada.O exército russo anunciou que pretende organizar um corredor humanitário na quarta-feira para os civis entrincheirados na fábrica Azot, que serão enviados à zona de Lugansk controlada pelos separatistas pró-russos.Em Lysychansk, cujo terreno elevado possibilita que as forças ucranianas ataquem os russos em Severodonetsk de uma posição privilegiada, os danos são imensos e a cidade está sem fornecimento de água potável, energia elétrica e cobertura de telefonia.Restam poucos moradores, expostos a morrer a qualquer momento em uma explosão. "Eles bombardeiam e bombardeiam e não sabemos o que fazer", disse Yevgueniya Panicheva, cujos vizinhos morreram quando uma bomba caiu em seu jardim.Em relação a Mariupol, que caiu no final de maio, o governo ucraniano indicou ter recebido os corpos de 64 militares que morreram em Azovstal em uma troca com a Rússia, que também recuperou um número não especificado de corpos.- Crítica do papa -O papa Francisco, que já fez diversos apelos à paz desde o início do conflito, condenou a "brutalidade" das tropas russas contra um povo ucraniano "corajoso"."O que vemos é a brutalidade e a ferocidade com que esta guerra está sendo travada pelas tropas, geralmente mercenárias, utilizadas pelos russos. Os russos preferem enviar chechenos, sírios, mercenários", lamentou Francisco.Na frente diplomática, a Rússia anunciou nesta terça que proibirá a entrada em seu território de 49 cidadãos britânicos, jornalistas e representantes do setor da Defesa.Além do Donbass, os combates também acontecem no sul da Ucrânia. O comando sul das tropas ucranianas relatou batalhas aéreas e ataques de helicópteros russos contra posições ucranianas em Mykolaiv e Kherson.Em Mykolaiv, um importante porto no estuário do Dnieper, o avanço russo parou nos arredores da cidade e o exército ucraniano cavou trincheiras na região. Os ucranianos temem que os russos organizem em breve um referendo na região de Kherson, perto da península da Crimeia, e em outras áreas ocupadas pelas forças russas, visando a anexação à Rússia.Meta Veja Mais

Comissões ouvem ministro Fábio Faria sobre internet na Amazônia e ligação com Elon Musk - 14/06/22

Comissões ouvem ministro Fábio Faria sobre internet na Amazônia e ligação com Elon Musk - 14/06/22

Câmana dos Deputados O ministro das Comunicações, Fábio Faria, falou nesta terça-feira (14/06) a quatro comissões permanentes da Câmara dos Deputados. Ele foi questionado sobre a ligação com o empresário Elon Musk e falou também sobre a conexao das escolas públicas à internet. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Peaky Blinders: Cillian Murphy comenta filme derivado da série; veja!

Peaky Blinders: Cillian Murphy comenta filme derivado da série; veja!

Tecmundo A 6ª e última temporada de Peaky Blinders acaba de chegar na Netflix e os fãs já estão em clima de despedida desse universo tão famoso na plataforma, mas ainda não estão prontos para dar adeus de vez.Isso pois o criador da série, Steven Knight, revelou anteriormente que tem em mente um filme para a obra e, recentemente, o ator Cillian Murphy, que dá vida ao protagonista Thomas Shelby, comentou sobre essa produção com o Deadline.Leia mais... Veja Mais

MPT está 'confiante' em reparação pela VW, acusada de escravização na ditadura

em - Internacional O Ministério Público do Trabalho (MPT) se mostrou confiante nessa terça-feira (14) de que haverá uma "adequada reparação" por parte da Volkswagen, ao fim da primeira audiência sobre as práticas de escravidão supostamente cometidas pela montadora alemã no Brasil durante a ditadura militar.Os procuradores apresentaram um dossiê de 90 páginas anos de atrocidades cometidas por gerentes da Volkswagen e capatazes armados em uma fazenda de gado que a empresa tinha na Amazônia nas décadas de 1970 e 1980.Na mais recente tentativa de fazer justiça pelos abusos cometidos durante a ditadura militar (1964-1985), o MPT ouviu representantes da Volkswagen em Brasília, a portas fechadas, sobre as supostas violações, incluindo tortura e assassinatos, na Fazenda Vale do Rio Cristalino, localizada no estado do Pará.O procurador à frente do caso, Rafael Garcia, afirmou que a empresa, segunda maior fabricante de automóveis do mundo, se comprometeu a apresentar uma resposta por escrito na próxima audiência, em setembro."O Ministério Público do Trabalho permanece confiante e certo de que ao final do procedimento, teremos a adequada reparação pelas graves violações aos direitos humanos ocorridas na fazenda", disse.A Volkswagen não respondeu até o momento a um pedido de comentário."Houve graves e sistemáticas violações aos direitos humanos, e a Volkswagen sim é responsável", declarou Garcia à AFP antes da reunião.A audiência era um contato inicial para buscar um acordo sem precisar da abertura de um processo criminal.A Volkswagen "reforça seu compromisso de contribuir com as investigações envolvendo direitos humanos de forma muito séria", disse anteriormente à AFP por e-mail uma porta-voz da empresa no Brasil.Em 2020, o grupo concordou em pagar 36 milhões de reais por colaborar com o Departamento de Ordem Política e Social (Dops) durante a ditadura para identificar supostos opositores de esquerda e líderes sindicais, que depois foram presos e torturados.- Padre determinado -O acordo chamou a atenção do padre Ricardo Rezende, que passou anos colhendo evidências de abusos na fazenda da Volkswagen, depois que se mudou para o Pará em 1977 e começou a ouvir histórias horríveis de vítimas.Rezende se questionou se a empresa também poderia ser responsabilizada por esse caso, e decidiu compartilhar seu material com os procuradores, contou ele à AFP."Uma tortura sofrida não repara uma dívida. O sofrimento das mulheres e mães cujos filhos foram para a fazenda e não voltaram, essa dor não tem reparação", disse o padre, agora com 70 anos."Mas essa seria uma reparação simbólica. Eu acho que seria necessário", acrescentou.O depoimento de centenas de páginas de Rezende e outros documentos convenceram o MPT a formar um grupo de trabalho, que passou três anos reunindo evidências, resultando no dossiê que será agora apresentado à Volkswagen.Nele, vítimas relatam aos investigadores que foram atraídas para a propriedade de 70.000 hectares com falsas promessas de trabalhos lucrativos. Depois, eram forçados a derrubar a mata sob condições extenuantes para a criação de gado na fazenda, que chegou a ser a maior do Pará.Os trabalhadores eram mantidos em "servidão por dívida" ao serem forçados a comprar alimentos e suprimentos na loja da fazenda a preços exorbitantes, explicaram os procuradores.Aqueles que tentavam fugir eram espancados, amarrados a árvores e deixados ali durante dias por guardas armados que vigiavam a força de trabalho com violência.Em um caso, três testemunhas contaram que um pistoleiro sequestrou e estuprou a esposa de um trabalhador como punição após ele tentar escapar."Acho gravíssimos os abusos que houve", declarou Rezende, que estima que centenas - talvez milhares - de pessoas foram essencialmente escravizadas entre 1974 e 1986.- VW na floresta? -Mas o que uma montadora de automóveis alemã estava fazendo criando gado na Amazônia brasileira?A história é um exemplo de como o regime militar via a Amazônia e ajuda a explicar por quê a maior floresta tropical do mundo está ameaçada hoje.Era uma época em que o Brasil estava buscando desenvolver com urgência as áreas da floresta, que os militares viam como atrasadas, colonos eram atraídos com promessas de riqueza e o slogan "terras sem homens para homens sem terras".O governo atraía também empresas. A Volkswagen se beneficiou de isenções de impostos e empréstimos a juros negativos ao desmatar a floresta para criar uma fazenda, sem mencionar os estreitos laços com o regime, disse Rezende."De um lado, o Volkswagen adorava a ditadura. De outro lado, era um negócio altamente rentável. Ela podia ter 6.000 pessoas trabalhando quase de graça", comentou.Segundo as autoridades, práticas como essa eram comuns na região amazônica, mesmo após o fim da ditadura militar.Conseguir responsabilizar as empresas vai depender do levantamento de provas suficientes, observou Garcia.VOLKSWAGEN Veja Mais

Manifestantes indígenas paralisam poços de petroleira no Equador

em - Internacional Manifestantes indígenas do Equador que se opõem às políticas do governo forçaram a paralisação de poços da PetroOriental, o que resulta em um prejuízo de 1.400 barris por dia (bpd), informou a empresa chinesa nesta terça-feira."Algumas de nossas locações petrolíferas estão ocupadas desde ontem ilegalmente e mediante o uso da força por algumas pessoas da etnia Waorani da comunidade Yawepare", na Floresta Amazônica. "Eles intimidaram nossos técnicos, apreenderam suprimentos e alimentos e os obrigaram a interromper a atividade de oito poços e equipamentos nas locações Nantu E e Campo Hormiguero", acrescentou a petroleira.O petróleo bruto é o principal produto tradicional de exportação do Equador. A PetroOriental explora os blocos 14 e 17, localizados na província amazônica de Orellana e que produzem cerca de 11.700 bpd. Convocados pela principal organização indígena equatoriana, Conaie, os povos indígenas protestam desde ontem por tempo indeterminado contra o governo do conservador Guillermo Lasso, de quem exigem a redução dos preços dos combustíveis e a reestruturação das dívidas dos camponeses com os bancos. Além disso, houve bloqueio de estradas, como os acessos a Quito.O presidente da Conaie, Leônidas Iza, foi preso hoje por supostos atos de vandalismo durante os protestos. Lasso denunciou um "ataque a uma instalação de bombeamento de petróleo" na Amazônia, sem identificar a empresa responsável pela mesma.A PetroOriental informou que "as atividades nessas locações seguem paralisadas e não foi possível retomá-las mesmo com apoio militar, uma vez que as vias de acesso foram bloqueadas. Os veículos do Exército foram inutilizados pelo uso de lanças contra os pneus", acrescentou.A empresa, que faz parte das grandes petroleiras chinesas CNPC e Sinopec, ressaltou que a situação foi notificada ao governo nacional, "para garantir a normalidade operacional e o cumprimento dos nossos contratos com o Estado equatoriano".A produção de petróleo do Equador entre janeiro e abril foi de 481 mil bpd, dos quais 65% foram exportados, segundo o Banco Central do país.SINOPEC - CHINA PETROLEUM & CHEMICAL CORPORATION Veja Mais

Familiares pedem fim do isolamento de opositores presos na Nicarágua

em - Internacional Familiares de dezenas de opositores presos na Nicarágua por crimes atribuídos pelo governo de Daniel Ortega exigiram nesta terça-feira (14) o fim do isolamento "insuportável" que vários deles vivem em celas insalubres, que põe sua saúde em risco.É urgente que "cesse o isolamento e o confinamento solitário no qual muitos permaneceram por um ano", pediram os familiares dos presos em um comunicado lido por Victoria Cárdenas, esposa do ex-pré-candidato à Presidência Juan Sebastian Chamorro, durante coletiva de imprensa virtual.Após uma visita à prisão no fim de semana, os familiares disseram ter observado que "continua a deterioração física" dos opositores presos e que muitos permanecem em "um nível insuportável de incomunicação entre si e com o mundo exterior".Continuam perdendo peso pela má alimentação e são mantidos em celas escuras e úmidas que provocaram a proliferação de fungos nas paredes, uma situação que os familiares acreditam ter causado problemas dermatológicos em alguns deles.Segundo o grupo Mecanismo para o Reconhecimento de Pessoas Presas Políticas, a Nicarágua mantém 182 opositores presos, dos quais 46 foram detidos no ano passado, entre eles sete ex-pré-candidatos à Presidência, que pretendiam competir contra a reeleição de Ortega em novembro.Alguns estão na prisão da polícia de Manágua, conhecida como El Chipote, outros em celas do sistema penitenciário ou cumprem prisão domiciliar.Os parentes denunciaram que alguns opositores só tomam banho de sol a cada sete ou dez dias, enquanto outros "permanecem em confinamento solitário", sem sair ao pátio há um ano.A maioria dos presos tem problemas cardíacos, de pressão arterial, insuficiência renal e alguns são sobreviventes de câncer, que consideram que não deveriam estar na prisão.Houve presos que chegaram a ser hospitalizados na unidade de terapia intensiva, afirmou Ana Vigil, parente da líder opositora homônima confinada em isolamento há um ano.Enquanto isso, o ex-pré-candidato presidencial da oposição, o preso "Félix Maradiaga teve que ser atendido por um problema cardíaco porque estava muito mal", revelou sua esposa, Berta Valle.Os presos estão "praticamente enterrados vivos", protestou Rodrigo Navarrete, membro de uma associação de vítimas da repressão.Os "estão matando", protestou outro familiar, Ulises Rivera.Dos opositores presos, pelo menos 45 foram condenados nos últimos meses a penas de até 13 anos de prisão por "menosprezo à integridade nacional" e outros crimes, no amparo de uma Lei de Defesa da Soberania, aprovada em 2020 por um Parlamento de maioria governista.O presidente acusa os opositores de atentar contra a estabilidade do país com apoio dos Estados Unidos. Veja Mais

Biden acredita que tem mais a ganhar do que perder com visita à Arábia Saudita

em - Internacional Após considerar que tem mais aspectos positivos do que negativos, o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, fez uma mudança radical ao decidir visitar a Arábia Saudita no mês que vem, mesmo sob as críticas de ativistas dos direitos humanos, que o acusam de vender sua alma por petróleo.Assim, Biden repete as ações de seus antecessores, que também flertaram com o reino rico em petróleo, aprofundando os vínculos de Washington com essa nação apesar das repetidas crises, como os ataques de 11 de setembro, cujos terroristas eram majoritariamente sauditas.A Casa Branca anunciou nesta terça-feira (14) que Biden viajará no próximo mês à Arábia Saudita para comparecer a uma cúpula regional em Jidá, na qual se reunirá com líderes do reino árabe. Quando era candidato, o presidente americano não poupou críticas a esses líderes e, inclusive, prometera tratá-los como "os párias que são", incluindo o príncipe herdeiro Mohamed bin Salman.De acordo com os serviços de inteligência dos Estados Unidos, Bin Salman ordenou em 2018 o assassinato do jornalista dissidente Jamal Khashoggi. Ao tomar posse, Biden desclassificou os documentos sobre as descobertas relativas à morte de Khashoggi e prometeu "ajustar" a relação com o reino do Golfo, através da redução do apoio à campanha militar saudita no Iêmen.Funcionários do governo Biden dizem que viram os sauditas responder recentemente às inquietações dos Estados Unidos ao tentar melhorar suas relações com Israel e mediante uma trégua no Iêmen, onde o governo apoiado por Riade está combatendo os rebeldes houthis, apoiados pelo Irã.Além disso, no início deste mês, os sauditas surpreendentemente lideraram um acordo entre produtores de petróleo para aumentar a produção. Isso representa um alívio para Biden, que vem caindo nas pesquisas pelo aumento nos preços dos combustíveis, que continuam subindo.Para Dan Shapiro, que ocupou o cargo de embaixador dos EUA em Israel quando Biden era vice-presidente, é provável que o príncipe herdeiro de 36 anos seja a principal liderança saudita nos próximos anos.A visita acontecerá em um contexto no qual a China olha cada vez mais de perto para as nações do Golfo, que, em sua maioria, rechaçaram os esforços de Washington para isolar a Rússia pela invasão à Ucrânia."Biden concluiu corretamente que os Estados Unidos têm interesses estratégicos [na Arábia Saudita], que se capitalizariam com a estabilização da relação EUA-Arábia Saudita", assinalou Shapiro, que agora integra o centro de análise Atlantic Council."É fundamental que, na medida em que enfrentamos desafios como a invasão da Rússia à Ucrânia e o posicionamento cada vez mais firme da China a nível mundial, os parceiros - particularmente no Oriente Médio, em especial as nações produtoras de energia - se alinhem com os interesses dos Estados Unidos".- 'Conseguiu o que queria' -A viagem sugere que existe um cálculo da Casa Branca: vale à pena enfrentar as críticas de legisladores, em sua maioria do próprio partido de Biden, o Democrata, e ativistas que dizem que o presidente está colocando em perigo suas próprias promessas de situar os direitos humanos no centro de sua política externa.Na semana passada, a Cúpula das Américas em Los Angeles, organizada pelos Estados Unidos, ficou marcada pelo boicote do presidente do México, Andrés Manuel López Obrador, que decidiu não comparecer depois que Biden decidiu não convidar líderes que considera autoritários. Andrea Prasow, diretora-executiva da organização The Freedom Initiative, que apoia presos políticos no mundo árabe, disse que as famílias dos detidos sentem que Biden "os abandonou por completo em seu objetivo de conseguir preços mais baixos do petróleo".Prasow afirmou que Biden deveria ter conseguido um compromisso de Bin Salman de libertar os prisioneiros, em troca de sua visita.A mensagem "é muito clara: Mohamed bin Salman conseguiu o que queria no caso do assassinato [de Kashoggi]", argumentou.Inclusive se Biden falar em particular sobre direitos humanos, a "mensagem pública ao próprio Bin Salman, a todos na Arábia Saudita, nos Estados Unidos e no mundo, é que esse tipo de violação atroz dos direitos humanos não tem consequências", dijo Prasow.- Uma espécie de desculpa? -Mohamed bin Salman tinha uma relação muito mais cordial com o ex-presidente Donald Trump, cujo genro, Jared Kushner, supostamente conversava com o príncipe por WhatsApp.Naquele momento, Trump defendeu sua resposta suave para o assassinato de Khashoggi dizendo que a Arábia Saudita impulsionou a economia americana mediante a compra de armas.O secretário de Estado de Trump, Mike Pompeo, escreveu no Twitter que o príncipe herdeiro "está trabalhando para construir a paz e a prosperidade para o seu país" e criticou Biden por deixá-lo de lado.Os especialistas disseram que o príncipe herdeiro buscava fazer com que a relação voltasse à normalidade.Yasmine Farouk da organização Carnegie Endowment for International Peace disse que Mohamed bin Salman havia sido pessoalmente ofendido por Biden, um crítico de Arábia Saudita inclusive antes do assassinato de Khashoggi."O que Bin Salman busca na visita de Biden principalmente não é necessariamente um grande avanço na cooperação militar e de defesa, mas o reconhecimento político e uma espécie de desculpa por ignorá-lo", disse.Twitter Veja Mais

Juiz proíbe saída da Argentina de toda a tripulação de avião venezuelano

em - Internacional A Justiça proibiu nesta terça-feira (14) a saída da Argentina de 14 venezuelanos que integram a tripulação de um avião-cargueiro de bandeira venezuelana, que também conta com cinco iranianos que já estavam com seus passaportes retidos pelas autoridades, informaram fontes judiciais.A medida foi tomada pelo juiz federal de Lomas de Zamora, Federico Villena, após uma operação de busca e apreensão que foi realizada em sua presença pela polícia federal nos quartos de hotel onde estão alojados os tripulantes do Boeing 747, que está retido desde 8 de junho no aeroporto internacional de Ezeiza."Vieram fazer buscas nos 19 quartos, e não no hotel. Tudo aconteceu de forma tranquila, foram muito corretos, sem qualquer problema. Não nos permitiram subir, assim que não tivemos acesso para saber nada do que aconteceu", declarou à AFP o diretor do hotel Plaza Central Canning, César Giuggioloni, na entrada do estabelecimento.A caso está sob segredo de justiça."São cinco iranianos e 14 venezuelanos, cada um ocupa um quarto individual dos 51 que tem no hotel", confirmou Giuggioloni, que acrescentou que havia sido informado "primeiro que sairiam na segunda-feira, depois amanhã [quarta-feira] e agora acredito que estão marcando para sexta".- Operação de sete horas -Na operação, que começou durante a madrugada e se prolongou por sete horas, foram apreendidos telefones celulares, computadores pessoais e documentos de diversos tipos, segundo uma fonte policial.O hotel fica na localidade de Ezeiza, perto do aeroporto internacional de Buenos Aires, a 40 km da capital e, em seu andar inferior, há um centro comercial com diversas lojas e restaurantes."Os passageiros têm a possibilidade de ir e vir livremente, não têm restrição", garantiu o diretor do hotel.A proibição de saída do país dos venezuelanos se soma a uma medida similar aplicada desde a segunda-feira sobre os tripulantes iranianos ante "a suspeita razoável de que a razão alegada ao ingressar [na Argentina] poderia não ser a real ou verdadeira", segundo a decisão judicial.A Argentina considera sensível a presença de viajantes iranianos, em razão dos alertas vermelhos de captura emitidos pela Interpol contra antigas autoridades do país asiático, acusadas pelo atentado contra o centro judaico AMIA em Buenos Aires, em 1994, que deixou 85 mortos e cerca de 300 feridos.A Delegação de Associações Israelitas Argentinas (DAIA) é uma das partes no processo de investigação judicial pelo caso do avião.- Itinerário -A aeronave, que chegou à Argentina em 6 de junho procedente do México e tentou depois, sem sucesso, aterrissar no Uruguai, pertence à empresa Emtrasur, uma filial da venezuelana Conviasa, que está na lista de sanções do Tesouro dos Estados Unidos.Mas a Venezuela, cujo presidente Nicolás Maduro visitou Teerã no fim de semana, não fez nenhuma declaração oficial sobre o caso. No México, um funcionário do governo de Querétaro confirmou à AFP nesta terça-feira que o avião decolou de seu aeroporto em 5 de junho e garantiu que os protocolos internacionais foram cumpridos. "Toda a revisão que foi feita em Querétaro pelas autoridades federais e pela administração do aeroporto cumpriu os protocolos internacionais", disse o secretário de Desenvolvimento Sustentável do governo local, Marco Antonio Del Prete.O voo chegou a Querétaro com quatro tripulantes e recebeu autorização no México para fazer a rota Caracas-Querétaro-Caracas-Buenos Aires-Caracas, acrescentou. "Não sei se houve alguma mudança no plano de voo depois que saiu do espaço aéreo mexicano", observou Del Prete. O cargueiro pousou no aeroporto mexicano em 4 de junho por volta das 6h30 locais (8h30 de Brasília), disse ele, sem especificar a identidade ou nacionalidade da tripulação, por não ser de sua competência. Segundo o funcionário, o voo chegou com dois dias de atraso por uma demora na entrega de documentos. Depois de reabastecer e carregar "mercadorias industriais", o Boeing deixou Querétaro no dia 5 de junho às 18h37 "com o conhecimento da Agência Federal de Aviação Civil, do Instituto Nacional de Migração", das autoridades alfandegárias e da administração do aeroporto, afirmou.Em maio, esse mesmo avião viajou para o Paraguai, de onde levou um carregamento de cigarros para a ilha caribenha de Aruba. O ministro paraguaio do Interior, Federico González, anunciou nesta terça que demitiu dois funcionários que autorizaram o pouso. Veja Mais

CNJ: Fux cria grupo para acompanhar buscas por dupla desaparecida no AM

O Tempo - Política Focado nas buscas pelo indigenista Bruno Araújo e jornalista britânico Dom Phillips, grupo de trabalho será composto também pelo ator Wagner Moura e pelo fotógrafo Sebastião Salgado Veja Mais

Naraka: Bladepoint | Conheça fenômeno oriental a caminho do Xbox

canaltech Acumulando mais de 10 milhões de jogadores nos computadores em 2021, o battle royale Naraka: Bladepoint irá estrear no mundo dos consoles, exclusivamente no Xbox Series X e Xbox Series S, em 23 de junho. Uma versão para Xbox One está em desenvolvimento e estreia até o fim do ano. Minecraft, Starfield e mais: os anúncios do Xbox & Bethesda Showcase Resident Evil 4: seis novidades importantes do remake Já no lançamento, a aventura desenvolvida pela chinesa 24 Entertainment ficará disponível no catálogo do Xbox Game Pass para consoles e PC. Durante a conferência da Microsoft nesta terça-feira (14), a empresa ainda revelou que trabalha em um modo campanha de história para o jogo. O modo constantemente atualizado permitirá que equipes de três jogadores enfrentem inimigos e chefes inéditos.   O que é Naraka: Bladepoint? Naraka: Bladepoint é um battle royale de ação em que 60 jogadores lutam no que o estúdio criador chama de “Unchained Multiplayer Combat”, uma combinação entre ação e movimentos de parkour. Trazendo uma mistura de combate corpo a corpo e ataques táticos à distância, os jogadores têm várias maneiras de enfrentar as situações, seja escalando pelo mapa ou eliminando adversários furtivamente. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- É possível entrar nas partidas de Naraka sozinho, com dois amigos ou em trios como uma variedade de heróis únicos – cada um com seu próprio conjunto de habilidades especiais. “Naraka: Bladepoint oferece uma ampla gama de flexibilidade para os não iniciados e veteranos do gênero battle royale”, garantiu Raylan Kwan, gerente de Marketing em texto divulgado no blog Xbox Wire. Colorido e cheio de ação, Naraka tem mais de 10 milhões de jogadores no PC. (Imagem: Divulgação/24 Entertainment) The Dual Blades Para coincidir com o lançamento de Naraka: Bladepoint no Xbox Series X|S, os jogadores também poderão experimentar uma nova arma: The Dual Blades. As lâminas podem desferir golpes rápidos nos oponentes, além de oferecer a capacidade de carregar ataques para obter o máximo efeito. The Dual Blades comemora lançamento de Naraka no Xbox. (Imagem: Divulgação/24 Entertainment) Microsoft aposta em jogos orientais As duas conferências de Xbox durante o mês de junho mostram que a marca pretende expandir a presença no mercado oriental, dominado pelas japonesas Sony e Nintendo. Além de trazer Naraka: Bladepoint para o catálogo do Game Pass, o Xbox irá receber, nos próximos meses, outras aventuras orientais. A Microsoft trabalha com a Team Ninja (Nioh) para o lançamento de Wo Long: Fallen Dynasty e ainda incluirá os inéditos para plataforma Persona 3, Persona 4 e Persona 5 no catálogo do Xbox Game Pass.   Outra novidade que promete é o casamento entre o Xbox Game Studios e Hideo Kojima, criador de Metal Gear, para o desenvolvimento de um título totalmente novo cujos detalhes ainda não foram revelados. Compre aqui o Xbox Series S e entre para a nova geração com o modelo mais compacto da Microsoft Com informações de: Xbox Wire Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Bolsonaro deve vetar proposta que prevê bagagem gratuita em voos

O Tempo - Política Proposta de proibir a cobrança está em um trecho de medida provisória aprovada no Congresso no final de maio Veja Mais

Após seis ministros pegarem Covid, STJ cria rodízio para servidores

O Tempo - Política Unidades poderão tirar até 50% dos funcionários do trabalho presencial entre os dias 15 e 24 de junho Veja Mais

O que se sabe sobre o avião e a tripulação venezuelana e iraniana retidos na Argentina

em - Internacional Um avião de carga Boeing 747 e sua tripulação de 19 pessoas de nacionalidade venezuelana e iraniana encontram-se retidos na Argentina, alvos de uma investigação judicial.A aeronave aterrissou em 6 de junho no aeroporto de Córdoba, devido à neblina em Buenos Aires que limitou a visibilidade. Em 8 de junho, tentou viajar para o Uruguai, onde teve a entrada negada. "O avião estava sobre o Rio da Prata" quando recebeu ordens de retornar, declarou o ministro uruguaio da Defesa, Javier García.Desde então, o avião encontra-se no aeroporto internacional de Ezeiza, que serve a capital argentina.- De onde é o avião?A aeronave pertence à empresa Emtrasur, uma filial da venezuelana Conviasa, alvo de sanções impostas pelo Departamento do Tesouro dos Estados Unidos. Foi comprada há um ano da companhia aérea iraniana Mahan Air, segundo um porta-voz da chancelaria iraniana.- Qual foi o itinerário?O avião chegou à Argentina vindo do México, com um lote de peças para automóveis. Em maio, viajou à Ciudad del Este (no Paraguai, na tríplice fronteira com Argentina e Brasil), de onde partiu com um carregamento de cigarros rumo à ilha caribenha de Aruba.O ministro paraguaio do Interior, Federico González, informou nesta terça-feira que dois funcionários que autorizaram a aterrissagem foram demitidos.Logo após o avião deixar o Paraguai, González afirmou que recebeu uma informação de que a aeronave era alvo de sanções dos Estados Unidos e que sete dos tripulantes pertenciam ao Quds, um grupo de elite da Guarda Revolucionária iraniana, classificada como uma organização terrorista por Washington."Os outros serviços de inteligência da região foram alertados e, por consequência, a Argentina e outros países tomaram medidas", explicou González.O Quds não faz parte da lista de organizações terroristas elaborada pelo governo argentino, embora o nome de um de seus integrantes apareça individualmente.- Como começou a investigação judicial?A Direção de Migração Argentina reteve os passaportes da tripulação do Boeing 747 depois que o Uruguai negou a entrada em seu território.Em 11 de junho, um advogado apresentou um habeas corpus para que os documentos fossem devolvidos. Em 12 de junho, o juiz federal de Lomas de Zamora, Federico Villena, rejeitou o recurso e abriu uma investigação judicial.O juiz pediu no dia 13 de junho a extensão por mais 72 horas da apreensão dos passaportes dos cinco tripulantes iranianos. Nesta terça-feira, uma proibição de saída do país aos 14 tripulantes venezuelanos foi apresentada. O grupo encontra-se hospedado num hotel próximo ao aeroporto de Ezeiza.O caso, do qual a Delegação das Associações Israelitas Argentinas (DAIA) faz parte do processo, está sob sigilo sumário.A Argentina considera sensível a presença de viajantes iranianos, devido aos alertas vermelhos de captura emitidos pela Interpol que se aplicam aos ex-governantes daquele país, acusados do ataque contra o centro da comunidade judaica argentina em 1994, que deixou 85 mortos e cerca de 300 feridos.- O que era suspeito? -Para o ministro do Interior do Paraguai, o fato do avião viajar com uma tripulação de 18 pessoas chamou a atenção. De acordo com sites especializados, um avião de carga Boeing 747 precisa de uma tripulação de três a quatro pessoas.O Ministro de Segurança argentino, Aníbal Fernández, destacou que, embora nenhum dos tripulantes que chegaram à Argentina -e que não sejam necessariamente os mesmos que foram ao Paraguai - seja procurado pela Interpol, entre eles há um nome, o de Gholamreza Ghasemi, que chamou a atenção."É parente do ministro do Interior do Irã e seu nome coincide com o do membro da Guarda Revolucionária e administrador de uma empresa ligada ao Quds", revelou Fernández."Se você me perguntar se é ele, eu não sei. O nome coincide. O resto é uma análise que faremos em conjunto com a Imigração e com certeza a Polícia de Segurança Aeroportuária fará o mesmo", acrescentou.- Como reagiram os outros países?O Irã disse na segunda-feira que as acusações fazem parte de uma campanha de propaganda, "com operações psicológicas e guerra de palavras para provocar um sentimento de insegurança" naquele país.A Venezuela, cujo presidente Nicolás Maduro visitou Teerã no fim de semana, não emitiu declaração sobre o caso.No México, um funcionário do governo de Querétaro confirmou à AFP que o avião decolou de seu aeroporto em 5 de junho e garantiu que os protocolos internacionais foram cumpridos. A rota que o avião seguiria e que foi comunicada às autoridades mexicanas era Caracas-Querétaro-Caracas-Buenos Aires-Caracas. Veja Mais

Amostras lunares coletadas pela missão Chang'e 5 contém água

canaltech Pesquisadores chineses encontraram água nas amostras lunares coletadas pela missão chinesa Chang'e 5, embora não tanto quanto se esperava. O estudo, liderado pela Academia Chinesa de Ciências (CAS), confirmou que tal concentração está de acordo com as previsões feitas por telescópios terrestres. Sonda Chang'e 5 pode ter encontrado evidências de água na superfície da Lua China entrega amostras lunares da Chang'e 5 a 13 instituições de pesquisa A sonda Chang'e 5 pousou na Lua em 1º de dezembro de 2020 para coletar amostras do solo e rochas lunares. Dois dias após sua chegada, o estágio de ascensão decolou para trazer este material para a Terra, chegando ao planeta cerca de duas semanas depois. Conceito artístico do estágio de ascensão da Chang'e 5 decolando para a Terra (Imagem: Reprodução/CNSA) A equipe da missão analisou estas amostras e encontrou sinais de água em minerais presentes nelas. A própria sonda já havia apontado a presença de água na Lua, mas apenas um estudo aprofundado na Terra poderia estabelecer o verdadeiro teor de água. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Os pesquisadores descobriram que as amostras continham níveis de água de 28,5 partes por milhão (ppm) — considerado seco até para os padrões lunares. Por outro lado, pedaços do mineral apatita nas amostras apresentavam teores de água de 13 ppm a 179 ppm. A cientista planetária Parvathy Prem, da Universidade Johns Hopkins, que não participou da pesquisa, apresentou algumas possíveis explicações que poderiam justificar o baixo teor de água. Entre elas é possível que a sonda tenha coletado as amostras em uma hora particularmente quente do dia lunar. Além disso, a sonda pode ter pousado em uma área da Lua protegida dos ventos solares pelo campo magnético da Terra. Segundo Prem, os ventos solares contém átomos de hidrogênio que podem formar água ao encontrar moléculas de oxigênio na superfície lunar. Parte das amostras lunares trazidas pela missão Chang'e 5 (Imagem: Reprodução/CNSA/GRAS/NAOC) Ao todo, a missão chinesa coletou três tipos de dados da mesma área: amostras de solo e rocha, dados locais do módulo de pouso e dados coletados pelo orbitador da missão. A comparação destas informações poderá revelar uma nova peça deste quebra-cabeça. Prem acrescentou que, em termos de quantidade, mesmo os solos lunares mais úmidos ainda são mais secos do que o solo dos mais quentes desertos da Terra. Então, por menor que seja o teor de água nas amostras, fora do nosso planeta este recurso é valioso. A análise das amostras lunares foi apresentada na revista Nature Communications. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

Cancelado voo que levaria migrantes do Reino Unido para Ruanda

em - Internacional O voo que devia levar migrantes do Reino Unido para Ruanda nesta terça-feira (14), um plano do governo britânico para desestimular a imigração ilegal, foi cancelado após recursos legais de última hora."Último bilhete cancelado. NINGUÉM VAI PARA RUANDA", tuitou a organização beneficente de apoio aos refugiados Care4Calais, enquanto fontes governamentais confirmaram à agência de notícias PA que o avião não vai decolar devido a intervenções de última hora do Tribunal Europeu de Direitos Humanos. Veja Mais

NATIONS LEAGUE: HUNGRIA AFUNDA A INGLATERRA, GOLEIA FORA E É LÍDER DO GRUPO | MELHORES MOMENTOS

NATIONS LEAGUE: HUNGRIA AFUNDA A INGLATERRA, GOLEIA FORA E É LÍDER DO GRUPO | MELHORES MOMENTOS

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #MelhoresMomentos #Inglaterra #Hungria Veja Mais

Como comprar Bitcoin no Brasil?

canaltech O Bitcoin se destacou como o ativo que mais valorizou na última década. Se em 2010 alguém fizesse um investimento de R$ 11 na criptomoeda, dez anos depois esse valor teria se transformado em R$ 4 milhões. Toda essa valorização chama a atenção das pessoas que passam a se interessar a investir no ativo. Como funciona a mineração do Bitcoin? O que é staking de criptomoedas? À primeira vista, para um iniciante, pode parecer complicado comprar Bitcoin. Mas quando você divide o processo em etapas fica muito fácil. Nesse texto o Canaltech mostra de maneira bem simples como comprar seus primeiros BTC — e, de bônus, como guardar de maneira segura. O que é Bitcoin? Bitcoin é uma moeda digital criada em 2009, por um anônimo conhecido apenas por Satoshi Nakamoto. A criptomoeda usa uma rede descentralizada de computadores para gerenciar a negociações. Todas as transações ficam registradas em um “livro-razão” chamado blockchain. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Esse “livro-razão” é como um enorme registro público de todas as transações envolvendo a moeda. Antes disso, porém, essas movimentações passam antes pelos mineradores. Esse grupo é responsável pela “confirmação” das operações, a partir de atividades que usam o poder de processamento de computadores, algum deles de ponta, paraaumentar a velocidade. Em troca, recebem as taxas pagas pelos usuários, além da recompensa por minerar um novo bloco da rede. Para você entender melhor, acompanhe o exemplo a seguir: O usuário A envia 1 Bitcoin para o usuário B, pagando uma taxa de 0.0001 BTC; A transação é enviada pela rede. Os mineradores priorizam aquelas que pagam as maiores taxas. Todas as transações são reunidas em um novo bloco na rede que está sendo minerada. A cada 10 minutos um novo bloco é minerado; os mineradores recebem as taxas, ganham a recompensa de 3.25 novos BTCs. A transação é confirmada na rede e chega na carteira do usuário B; Todas as transações que os mineradores reuniram em um bloco ficam registradas no livro-razão. Atualmente, a rede possui mais de 740 mil blocos minerados. Como comprar Bitcoin no Brasil? Há algumas coisas que um iniciante precisam saber antes de começar a investir em Bitcoin: É necessário ter uma conta numa “exchange”, termo em inglês muito utilizado no Brasil para se referir a uma corretora de criptomoedas. As corretoras não são as únicas maneiras de comprar Bitcoin, mas para um iniciante, é a mais segura. Para abrir sua conta na corretora será necessário enviar seus documentos de identificação, um processo chamado “KYC - Know your Customer”, que significa “conheça seu cliente”. São os trâmites normais, exigências do governo para evitar fraudes e lavagem de dinheiro. Também é recomendável que você tenha sua carteira digital para guardar seu Bitcoin, afinal “exchange não é carteira”. Sobre esse assunto, falaremos mais a frente. Escolhendo uma corretora para comprar Bitcoin O primeiro passo é escolher uma empresa confiável. O cadastro numa corretora de criptomoedas permitirá que você compre, venda e até guarde (desde que seja por um curto período) suas criptomoedas. Não indicaremos uma corretora em especial, apenas vamos te apresentar as opções de empresas mais populares e confiáveis do país. Veja abaixo algumas das opções mais conhecidas no setor brasileiro: Liqi: Plataforma de tokenização de ativos, que lançou sua própria corretora de criptoativos; Mercado Bitcoin: Maior plataforma de criptomoedas da América Latina; Novadax: Exchange de criptomoedas que promete facilidade nas transações; Walltime: Plataforma para conectar compradores e vendedores exclusivamente interessados em Bitcoin; Foxbit: Uma das maiores exchanges do Brasil; BitPreço: Marketplace que conecta várias exchanges em um só lugar; Bitcointoyou: Primeira exchange brasileira, atuando no Brasil desde 2010; Nubank: O banco permite a compra e venda de criptomoedas direto pelo aplicativo (não é possível sacar criptomoedas); Binance: A maior corretora de criptomoedas do mundo, possui a maior variedade de moedas digitais; Escolher a exchange é um passo fundamental na hora de comprar Bitcoin. O investidor precisa ficar atento na hora de selecionar a melhor corretora (Imagem: Reprodução/Envato-Panxunbin) Após se cadastrar, o próximo passo é enviar seus documentos e passar pela aprovação da empresa. O processo de comprar criptomoedas difere entre as corretoras. Se você estiver usando uma plataforma com processos mais simples, como a Liqi ou Walltime, basta inserir o valor em Real para saber automaticamente correspondente em Bitcoin. Se você usa plataformas mais complexas, como a Binance, na tela você verá opções como "ordens de mercado" e "ordens limitadas". Uma "ordem de mercado" significa que você compra a criptomoeda no valor que ela está sendo negociada naquele momento, pelo preço atual de mercado. Uma "ordem de limite significa que você pode escolher um valor diferente do preço atual. Exemplo: A moeda digital está custando R$ 100 mil, mas você define uma ordem limite para ser ativada quando o preço cair para R$ 90 mil. Quando a criptomoeda chegar a esse valor, ela será comprada automaticamente. Como guardar suas criptomoedas com segurança? Após comprar Bitcoin ou outras criptomoedas, elas devem ser armazenados em “carteiras” com endereços eletrônicos, denominadas “carteiras digitais” (Imagem Reprodução:Envato-twinsterphoto) Muitas corretoras permitem que o usuário deixe suas criptomoedas na plataforma, o que é mais fácil para os iniciantes. Contudo, se você quer mais proteção para suas criptos, o melhor é transferir para uma carteira digital. Existem diversos tipos disponíveis e todas têm diferentes níveis de segurança. Pode ser que a exchange até ofereça uma opção, de modo a facilitar a transferência das moedas compradas para um lugar mais seguro. Basicamente, existem duas categorias: as carteiras quentes e as carteiras frias. Nos dois tipos é possível guardar Bitcoin e todas as outras criptomoedas. As frias se entendem por aquelas não conectadas à internet. São dispositivos como pendrives, eles armazenam a chave privada, um código alfanumérico que permite o acesso às suas moedas. São os tipos mais seguros. Exemplos são: Trezor, Ledger Nano, Coldcard, KeepKey. Já as carteiras quentes são dispositivos sempre conectados à rede. Elas armazenam a chave privada da sua criptomoeda em servidores que, embora estejam sempre protegidos por vários protocolos de segurança, podem ser invadidos por cibercriminosos — são, portanto, opções menos seguras, recomendadas para quem não tem valores muito altos investidos em cripto. Exemplos de carteira quente são aplicativos para celulares como o Mycellium, Coinomi, BRD Wallet; programas de computador como o Electrum, Atomic Wallet; e também sites que oferecem esse serviço, como Metamask e Coinbase. Existem diversos aplicativos para celular que o investidor pode escolher para onde transferir o Bitcoin que acabou de comprar (Imgem: Reprodução/Envato-sam741002) Um detalhe interessante sobre carteiras de criptomoedas é que, não importa se quente ou fria, no primeiro uso é solicitado ao usuário um backup de segurança de acesso aos dados. Geralmente são 12 ou 24 palavras em inglês, que devem ser anotadas em ordem sequencial pelo usuário. O dispositivo apresenta as palavras; e o usuário anota cada trecho. Então, caso perca o dispositivo, a pessoa pode facilmente recuperar as criptomoedas, inserindo as palavras na sequência certa. Tenha muita atenção na hora de realizar esse procedimento, afinal, é o que permitir a você acessar de volta seu saldo em uma carteira perdida. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

Deputada do PSOL diz que fala de Faria na Câmara foi “arrogante”

O Tempo - Política A parlamentar Vivi Reis questionou o Ministro das Comunicações sobre relação do governo com a Starlink, empresa de Elon Musk Veja Mais

Photoshop deve ganhar versão web gratuita em breve

Photoshop deve ganhar versão web gratuita em breve

Tecmundo A Adobe está planejando lançar uma versão web gratuita do Photoshop. Para testar a ideia, a empresa lançou uma edição freemium que pode ser utilizada por usuários no Canadá.“Queremos tornar [o Photoshop] mais acessível e fácil para que mais pessoas testem e experimentem o produto”, afirmou Maria Yap, vice-presidente de imagem digital da Adobe.Leia mais... Veja Mais

Wall Street fecha sem tendências definidas antes de reunião do Fed

em - Internacional A bolsa de Nova York fechou sem tendências definidas nesta terça-feira (14), primeiro dia de uma reunião crucial de política monetária do Federal Reserve (Fed, banco central americano), em um contexto de inflação persistente.O índice Dow Jones recuou 0,49% e o S&P 500, 0,17%, ambos em baixa pela quinta sessão consecutiva. Enquanto isso, o índice tecnológico Nasdaq, predominantemente tecnológico, se recuperou levemente após registrar forte queda na segunda, fechando em alta de 0,18%. Veja Mais

Nobel de Literatura, Louise Glück ressurge esquiva em novo livro

O Tempo - Diversão - Magazine Em 'Receitas de Inverno da Comunidade', poeta captura o segundo de beleza antes do fim do amor ou da própria morte Veja Mais

Solfácil lança radar de preço de energia solar; Norte é região mais cara

canaltech A startup de energia solar Solfácil lançou o Radar Solfácil, um indicador que avalia o comportamento do consumidor e performance dos sistemas fotovoltaicos. O primeiro relatório traz os dados medidos de janeiro a março. Segundo o documento, a região Norte tem preço médio acima de R$/Wp 5 de 2 a 6 kWp, sendo a região mais cara do país. Fintech de energia solar Solfácil recebe aporte de R$ 500 milhões Solfácil amplia negócios e cria marketplace para peças de energia solar A ferramenta faz a análise a partir dos pedidos de financiamentos de projetos residenciais feitos à empresa. Com atualização trimestral, a média de R$/Wp (preço/potência-pico total do sistema em watts) de estados e regiões do Brasil dará aos integradores — fornecedores de equipamentos de energia solar — a oportunidade de precificar seus serviços de forma mais competitiva. Nesta primeira edição, o Radar Solfácil traz as marcas de inversores mais usadas e a variação de preço por mesorregião do watt-pico produzido pelos sistemas fotovoltaicos já instalados. O serviço terá atualizações trimestrais. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Região Norte é a mais cara para projetos de energia solar, diz Solfácil (Imagem: Reprodução/American Public Power Association/Unsplash) “Como parceiros dos integradores, temos o dever de sempre apoiar o desenvolvimento dos seus negócios, seja por meio de acesso fácil a linha de crédito para financiamento, seja oferecendo equipamentos de qualidade e conveniência na entrega", explica Fabio Carrara, CEO da Solfácil. A empresa atua por meio de um modelo B2B2C. Agentes locais de projeto e instalação de painéis visitam consumidores, mostram kits solares de diversos fornecedores por meio de um marketplace empresarial e fazem orçamentos para o kit escolhido com instalação, já com opção de financiamento. Em maio, passou por rodada de captação Série C de US$ 100 milhões (R$ 500 milhões). Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Batman de Flashpoint mostra habilidade curiosa que Bruce Wayne nunca teve

canaltech A DC voltou a abordar o universo alternativo de Flashpoint, e a segunda edição da HQ Flashpoint Beyond, lançada nos EUA nesta semana, traz Thomas Wayne, o Batman desta realidade, com uma habilidade de luta interessante que seu filho Bruce jamais teve. Marvel explica em HQ por que Thanos se parece com um Skrull "Fusão" de Wolverine e Hulk tem um poder que não pertence a ambos os heróis Atenção: spoilers a seguir! A revista — que traz roteiros de Geoff Johns, Tim Sheridan e Jeremy Adams e arte de Xermanico e Mikel Janin — traz Batman/Thomas Wayne tendo que consertar a bagunça espaço-temporal novamente, mas enfrenta obstáculos como os assassinos de Aquaman. Durante sua investigação, se depara com um assalto e tenta impedi-lo. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- Ele encara os criminosos com eficiência no combate mano a mano, mas com uma diferença para o Batman/Bruce Wayne do universo DC regular. Depois de cada golpe em que esmaga ossos, Batman chama a atenção para o dano médico preciso que está causando às suas vítimas. Cena de Flashpoint Beyond nº 2 onde Batman/Thomas Wayne imagina a extensão dos danos causados nos corpos dos bandidos (Imagem: Reprodução/DC) Uma dessas feridas é uma ruptura do fêmur distal composto. Outra lesão é uma fratura segmental da difise ulnar. Como o herói sabe disso tudo? Simples: Thomas é cirurgião médico, portanto tem o devido conhecimento da anatomia humana, sabe exatamente como está machucando alguém e a recuperação necessária. Por apenas R$ 9,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! Bruce é incrivelmente inteligente e também conhece bem o corpo humano, mas não é cirurgião como seu pai. Ele provavelmente tem uma boa ideia do quanto está machucando alguém, mas a visão de seu pai sobre estragos ao corpo humano vai muito além de qualquer coisa que Bruce possa alcançar. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Polícia detém outro suspeito por desaparecimento na Amazônia

em - Internacional A Polícia Federal deteve nesta terça-feira (14) um homem sob suspeito de estar envolvido nos desaparecimentos do jornalista britânico Dom Phillips e do indigenista Bruno Pereira, cujos rastros foram perdidos há dez dias na Amazônia.Oseney da Costa de Oliveira, conhecido como 'Dos Santos', foi detido e estava sendo interrogado "por suspeita de participação no caso", informou a polícia em comunicado.Ao término da interrogatório, o homem, de 41 anos, será levado a uma audiência de custódia perante a justiça de Atalaia do Norte, município amazônico que era o destino de Phillips e Pereira quando desapareceram.A polícia também apreendeu alguns cartuchos de arma de fogo e um remo ao cumprir duas ordens judiciais de busca e apreensão, embora não tenha especificado se esses objetos foram encontrados no mesmo local onde 'Dos Santos' foi detido.'Dos Santos' é o segundo suspeito apreendido pelas autoridades, após Amarildo da Costa de Oliveira, de 41 anos, conhecido como 'Pelado', ter sido detido na última terça-feira. Segundo o portal G1, os dois homens são irmãos.Este pescador de 41 anos, cujo vínculo com o novo capturado ainda não foi esclarecido, foi visto por testemunhas em um barco seguindo em alta velocidade o bote em que viajavam Phillips e Pereira antes de seu desaparecimento.Em meio às buscas, as autoridades encontraram vestígios de sangue em um barco de propriedade de 'Pelado', que nega estar envolvido, e pertences pessoais dos dois desaparecidos submersos perto de sua casa.Phillips, de 57 anos, e Pereira, de 41, foram vistos pela última vez no domingo 5 de junho enquanto viajavam pela região do Vale do Javari, no extremo oeste do estado do Amazonas, na fronteira com Peru e Colômbia.O jornalista, colaborador do diário britânico The Guardian e autor de dezenas de reportagens sobre a Amazônia, preparava um livro sobre conservação ambiental. Pereira o acompanhava como guia por esta região remota onde atuam traficantes de drogas, madeireiros e pescadores ilegais.Os desaparecimentos provocaram uma onda de solidariedade internacional e incendiaram novas críticas contra o governo de Jair Bolsonaro, acusado de incentivar as invasões das terras indígenas e de sacrificar a preservação da Amazônia para sua exploração econômica.O chefe da diplomacia americana para a América Latina e o Caribe, Brian Nichols, tuitou nesta terça-feira que o caso "sublinha a preocupante tendência de violência contra jornalistas e ativistas nas Américas". Veja Mais

Duo Sexy y Blondie canta coisas de casal em EP conceitual

G1 Pop & Arte ♪ Duo formado pela cantora, compositora, pianista e atriz Marina Afares com o cantor, compositor e produtor musical Victor Cali, Sexy y Blondie é também o nome do EP que os artistas lançarão em 24 de junho. No disco, gravado com produção musical e arranjos de Arielly Porto, Marina Afares e Victor Cali cantam coisas de casal em cinco músicas autorais – Sexy y loka (Baile da quebrada $), Sexy y apegados (Vem comer na minha casa *-*), Sexy y triste (Cansei de te ver todos os dias!), Sexy y rico (salve o/) e Sexy y agotados (Aplica sua vacina em mim -[= =]) – que traçam um enredo conceitual sobre idas e vindas de um casal antes, durante e depois do isolamento social. Duas faixas do EP, Sexy y agotados e Sexy y loka, já foram apresentadas em singles editados em setembro de 2021 e em março deste ano de 2022. O EP Sexy y Blondie transita por gêneros musicais como afro pop latino-americano, trap e MPB. Capa do EP 'Sexy y Blondie', do duo Sexy y Blondie Camila Bertolino Veja Mais

Plenário – Resumo do dia – Veja como foi – 14/06/22

Plenário – Resumo do dia – Veja como foi – 14/06/22

Câmana dos Deputados Aprovação do dia: - Aprovado texto-base do projeto que limita alíquotas sobre combustível e energia O Plenário aprovou nesta terça-feira (14) parte do parecer do relator, deputado Elmar Nascimento (União-BA), que é favorável, parcial ou totalmente, a 9 das 15 emendas do Senado apresentadas ao projeto (PLP 18/22). Fonte: Agência Câmara de Notícias Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados #Resumo Veja Mais

União Europeia contrata mais de 100 mil vacinas contra a varíola do macaco

O Tempo - Mundo Imunizante de laboratório dinamarquês está autorizado no continente desde 2013 e visa proteção de adultos contra a varíola Veja Mais

Até fotocópia: Caixa é multada em R$ 29,4 milhões por cobranças indevidas

canaltech O Banco Central multou a Caixa Econômica Federal em R$ 29,4 milhões por cobrar tarifas indevidas de clientes, de acordo com o Infomoney. Esta é uma das maiores multas já aplicadas pelo órgão e ocorreu graças a uma mudança na lei em 2017, que aumentou de R$ 250 mil para R$ 2 bilhões o valor máximo de multa nos processos investigados pelo BC. Até mesmo fotocópias foram cobradas de forma ilegal. Como fazer Pix na Caixa Como receber o PIS pelo Caixa Tem A sanção veio após julgamento do Comitê de Decisão de Processo Administrativo Sancionador (Copas) em 19 de maio. A Caixa já havia sido condenada pelo mesmo motivo em dezembro, mas na época a multa foi de R$ 200 mil. Segundo o BC, foram identificadas cobranças indevidas de 13 tarifas em diferentes períodos entre 2008 e 2018. Houve, por exemplo, cobranças irregulares pelo fornecimento a clientes de planilha no demonstrativo de evolução de dívida no financiamento imobiliário, ou por fotocópia de documentos. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- O que a Caixa Econômica cobrou indevidamente de clientes A Caixa também exigiu taxa para avaliar bens recebidos em garantia devido à transferência de saldo devedor de financiamento imobiliário, embora o serviço prestado fosse de avaliação de capacidade financeira. Nas modalidades que precisam avaliar o imóvel, a tarifa era cobrada até quando a vistoria não ocorria. Caixa Econômica vai pagar R$ 3,7 milhões por ter exigido tarifa de reavaliação de bens recebidos em garantia em mais de 100 mil contratos (Imagem: Reprodução/Marcos Elias de Oliveira Júnior/Wikimedia Commons) A maior penalidade, de R$ 3,733 milhões, foi aplicada porque o banco exigiu tarifa de reavaliação de bens recebidos em garantia sem a devida prestação do serviço, em mais de 100 mil contratos, entre abril de 2008 e maio de 2019. A estimativa é que o banco recebeu R$ 108,6 milhões pela cobrança ilegal. O BC ainda identificou os seguintes tipos de cobranças indevidas: Saque (de 2013 até 2018); Transferência entre contas na própria instituição (entre 2017 e 2018); TEDs que já estavam contempladas em pacotes de serviços (entre 2017 e 2018); Exigência de tarifa de serviços superior à tabela (de 2008 a 2018); Encargos maiores do que o previsto no rotativo do cartão de crédito (entre 2017 e 2018); Taxa irregular para emissão de segunda via de cartão de débito (de 2013 a 2018); Taxa irregular para emissão de segunda via de crédito (de 2011 a 2018); Taxa irregular para emissão de segunda via de de boleto (de 2008 a 2018); Cobrança de tarifa em conta de depósitos superior ao saldo disponível (entre 2017 e 2018), considerando inclusive o limite de crédito acordado. O banco ainda pode recorrer da condenação ao Conselho de Recursos do Sistema Financeiro Nacional (CRSFN), órgão conhecido como “Conselhinho”. Outro lado: Caixa diz que tarifas ocorreram em gestões anteriores A Caixa respondeu ao Canaltech que o processo se refere à cobrança de tarifas “iniciadas em gestões anteriores e descontinuadas nesta gestão”. O banco disse ainda que estabeleceu um novo modelo de governança em 2019 para impedir novas ocorrências do tipo. O Banco também afirma que iniciou a devolver os valores aos clientes de forma proativa pelo SRV, o sistema de "dinheiro esquecido" do Banco Central. “Dessa forma, a Caixa reafirma o seu compromisso de atuar com a mais absoluta integridade na relação com seus clientes”, diz a nota. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Oposição pede ao MPF para investigar filho de Marcelo Queiroga

O Tempo - Política Parlamentares pedem apuração por eventual crime de usurpação de função pública Veja Mais

Serviço de e-mail Mozilla Thunderbird ganhará versão para Android

Serviço de e-mail Mozilla Thunderbird ganhará versão para Android

Tecmundo O Thunderbird, clássico cliente de e-mail que pertence à Mozilla, vai finalmente chegar ao segmento dos dispositivos móveis, ganhando uma versão para Android. A novidade foi confirmada nessa segunda-feira (13) pela desenvolvedora.Lançado originalmente em 2003, o gerenciador de e-mails de código aberto só possuía versão para desktop. A mudança de rumos em direção aos celulares acontecerá em parceria com o app K-9 Mail, cujos direitos de marca registrada e código-fonte foram obtidos pela Mozilla.Leia mais... Veja Mais

5 animes que merecem ganhar live action como One Piece

canaltech A adaptação em live action de One Piece pela Netflix tem deixado os fãs muito empolgados com a possibilidade de ver um dos maiores animes de todos os tempos — e em todos os sentidos — ganhar o mundo em uma versão em carne e osso. Autor de One Piece anuncia pausa para preparar a reta final do mangá 10 jogos que merecem ganhar animes Mais do que isso, esse é o tipo de tratamento que faz a gente sonhar com outras adaptações. Afinal, não faltam mangás e animes tão bons quanto One Piece que também mereciam virar live action. Dos clássicos às produções recentes, são diversos mundos que pedem por essa nova roupagem. Assim, pegando carona no navio do Bando do Chapéu de Palha, o Canaltech listou 5 animes que também merecem ganhar uma versão em live action. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- 5. Ranking of Kings   Começamos nossa lista com um anime bastante recente e até bem pouco conhecido do grande público, mas que é tão bom e bonitinho que caberia perfeitamente em uma série da Netflix, seja pela estética semelhante ao de um conto de fadas ou pelo tom aventuresco e até brutal que ele adota às vezes. A história se passa em um mundo em que os reis são classificados de acordo com a sua força física e política — o tal ranking do título —, mas a trama é inteiramente centrada no pequeno Príncipe Bojji, filho do líder mais poderoso dessa lista, mas que é totalmente fraco e inocente. Incapaz de falar e de manejar uma espada, sua única companhia é uma pequena sombra que é capaz de entender suas tentativas de comunicação. E o que torna Ranking of Kings tão incrível é o quanto ele consegue pegar esse conceito todo fofinho do herói infantil que precisa provar seu valor em um mundo que valoriza a força e misturá-lo a elementos realmente duros e brutais. A começar pelo modo com que todos tratam o pequeno protagonista até o golpe que ele sofre de seu próprio reino para não herdar a coroa. A história do fofinho Príncipe Bojji combina tanto com o tom mais leve de um conto de fadas quanto com uma aventura clássica de anime (Imagem: Divulgação/Wit Studio) É a partir disso que o anime se concentra na jornada de Bojji para conquistar suas próprias habilidades, voltar dos mortos e retomar sua coroa. Tudo isso enquanto a gente passa a descobrir que ninguém é verdadeiramente bom e nem totalmente mau. É o tipo de história que funciona muito bem dentro da proposta da própria Netflix e que lembra muito o que a gente já viu em Sweet Tooth, por exemplo: o herói fofinho e ingênuo tendo que se adaptar a um mundo duro. A diferença é que o universo de Ranking of Kings traz um elemento fantástico com gigantes, demônios e outras criaturas que traria essa cara de fábula bem interessante. 4. Naruto   Talvez o último grande fenômeno global dos animes, Naruto fez por merecer o barulho que causou em todo o mundo. A história do garoto ninja que abriga um demônio milenar dentro de si que destruiu a vila no passado e que, agora, precisa encontrar seu lugar no mundo é popular não só por carregar uma carga dramática bem intensa, mas também por garantir excelentes sequências de ação e, o que é mais importante, ter um mundo riquíssimo para ser explorado. Se a gente está surtando com os barcos de One Piece, imagine ver toda a Vila Oculta da Folha sendo recriada em um live action, com os rostos dos grandes líderes gravados nas montanhas enquanto acompanhamos a invasão de Orochimaru ou mesmo os ataques dos rebeldes da Akatsuki. Esse é o grande segredo de Naruto no mangá e no anime e que daria muito certo em um live action. Trata-se de uma obra bastante longa — são 720 episódios, contando as duas fases da histórias — e com arcos muito marcantes, o que faz dela uma adaptação com muito potencial de ser tão longeva quanto popular. Imagine uma trama em que acompanhamos os heróis crescendo, como em Harry Potter e Stranger Things, mas inteiramente voltada para a ação com uma boa dose de bom humor. A história do ninja de laranja começa bem infantil, mas se aprofunda bem ao longo das sagas (Imagem: Reprodução/Shonen Jump) Aliás, as sequências de ação sempre foram o forte de Naruto. A rivalidade do herói com Sasuke, as motivações para que ele persiga o amigo e o show de jutsus e habilidades é algo que funcionaria muito bem em um live action e um bom trabalho de efeitos especiais. Além disso, pesa muito a favor do anime o fato de ele ter personagens que são muito bons e que vão além do núcleo central. Embora Naruto, Sasuke e Sakura sejam os queridinhos dos fãs, há um elenco tão vasto e variado que cada nova temporada seria um surto diferente por parte dos fãs. 3. Cavaleiros do Zodíaco   Não tem quem não cresceu nos anos 90 com a TV Manchete que nunca sonhou com um filme de Cavaleiros do Zodíaco. A ideia de um live action dos Defensores de Athena é algo tão antiga que esse era um boato que circulava muito antes da própria internet e sempre tinha alguém na escola que jurava ter um primo que morava no Japão que já tinha visto as armaduras de verdade em uma revista. Seja em um filme ou mesmo em uma série, ver Seiya, Shiryu e companhia em carne e osso é mais do que o sonho de uma geração: é algo que tem tudo para dar certo. Todo o lado mitológico da saga renderia momentos visualmente incríveis, assim como as próprias armaduras e os golpes. Da mesma forma que os barcos de One Piece causaram comoção entre os fãs, imagine ver o Santuário ganhando forma ou mesmo o Coliseu da Fundação Kido, onde se passa a Guerra Galáctica. O mais importante é que são construções relativamente simples de serem feitas — afinal, são baseadas em localidades reais —, mas que carregam um peso simbólico enorme. A nova versão da Netflix traz ideias boas, mas falha em um roteiro miserável (Imagem: Divulgação/Netflix) Em termos de história, não é preciso inventar moda e tampouco revolucionar a fórmula, como as modernizações mais recentes fizeram. Cavaleiros do Zodíaco é um sucesso pelo básico: um grupo de heróis caindo na porrada com guerreiros mais poderosos em armaduras douradas para provar que estão falando a verdade sobre o Golpe de Estado que houve no Santuário — tudo isso enquanto correm contra o tempo para salvar Athena. Desenvolver esse roteiro em uma série para que cada Cavaleiro de Bronze tenha tempo de ser bem explorado é o segredo. Em seguida, crie efeitos visuais bem-feitos para cada golpe, aposte na trilha sonora clássica e está pronta a receita do sucesso. 2. Evangelion   É mais do que urgente um live action de Evangelion. Trata-se de um dos animes mais influentes de todos os tempos justamente por misturar tão bem cenas de ação incríveis, robôs gigantes, uma camada bem dosada de simbolismo e elementos religiosos e uma dose bem profunda de reflexões dignas de uma sessão de terapia. A coisa é tão complexa que o próprio autor volta e meia reescreve a história para ajustar todas as suas ideias — mangá, anime e filmes têm finais completamente diferentes —, mas que poderia ter em seu live action a tão esperada versão definitiva da jornada de Shinji Hikari. A trama de Evangelion se passa em um futuro próximo em que a Terra passa a ser atacada por seres conhecidos como Anjos, criaturas gigantescas e vindas sabe-se lá de onde. E, para combater essa ameaça, uma unidade especial da Terra criou os EVA, robôs gigantes que só podem ser controlados por crianças especiais. Sempre há espaço para robôs gigantes na TV (Imagem: Divulgação/Prime Video) E é claro que há muitos segredos obscuros em meio à origem desses robôs que envolvem desde a criação do mundo, elementos bíblicos e esotéricos e uma viagem à psiquê do herói Shinji que, à primeira vista, pode não parecer muito palatável para uma série de TV, mas que é o grande charme da franquia ao longo de quase três décadas. Isso sem falar que estamos tratando de robôs gigantes e essa é uma paixão universal. Filmes como Círculo de Fogo já se inspiraram muito em Evangelion e mostraram que a ideia de colocar uma máquina de dezenas de metros de altura para sair na porrada com um monstro funciona e sem soar como um episódio de Power Ranger. 1. Berserk   Imagine um Game of Thrones em que o mundo é ainda mais cruel e em que o destino não pensa duas vezes antes de transformar sonhos e desejos em armadilhas para levar um homem ao inferno. Pois é sobre isso que se trata Berserk, a obra-prima do saudoso Kentaro Miura e que foi uma das grandes responsáveis pela popularização do dark fantasy nos animes e na cultura pop como um todo. A história é basicamente sobre um guerreiro que, desde muito cedo, aprendeu o quanto o mundo pode ser cruel e que volta e meia se depara com as bestialidades e maldições que se escondem nas sombras. Desde muito pequeno, tudo o que Guts conhece é a violência e a brutalidade — por isso mesmo, a alcunha de Espadachim Negro lhe cai tão bem. Isso tudo faz com que Berserk seja uma série visualmente pronta para o live action. The Witcher e a própria Game of Thrones já mostraram que essa mistura de cavaleiros em armaduras sujas com magias das trevas funciona. Então a adaptação precisaria apenas de um herói com uma espada gigante nas costas e a invocação de grandes demônios para amaldiçoar a Terra. E a saga de Guts é tão desgraçada e cheia de contratempos que torcer por ele até parece um erro. Contudo, a ação do mangá é tão boa que você logo esquece que esse é um personagem fadado a se ferrar e vibra com o modo com que ele se torna um monstro em combate. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Centrão elabora PEC para anular decisões não unânimes do Supremo

O Tempo - Política Proposta pode ampliar Poderes do Legislativo e enfrenta críticas de especialistas Veja Mais

Binance é processada por danos a compradores de Terra (Luna)

Binance é processada por danos a compradores de Terra (Luna)

Tecmundo A Binance, que enfrentou problemas com uma transação travada em seu sistema na segunda-feira (13), levando à paralisação temporária dos saques de bitcoins, está sendo processada por investidores norte-americanos que se sentiram lesados após o colapso da stablecoin TerraUSD. No mês passado, o token Terra (Luna) perdeu quase todo o seu valor, caindo para menos de US$ 0,01.Em uma das ações, o autor Jeffrey Lockhart acusa a corretora de criptomoedas de anunciar falsamente o TerraUSD como um ativo seguro, que teria lastro em moeda fiduciária como o dólar, por exemplo. No entanto, trata-se de uma stablecoin algorítmica, apoiada pelo token Luna para manter a sua estabilidade, como lembra o Engadget.Leia mais... Veja Mais

Bolívia tem protestos contra condenação de ex-presidente interina Áñez

em - Internacional Aos gritos de "morte" ao partido no governo, dezenas de manifestantes marcharam nesta terça-feira (14) na Bolívia pedindo liberdade para a ex-presidente interina Jeanine Áñez, condenada a dez anos de prisão por assumir irregularmente o poder após a renúncia de Evo Morales."Este é um julgamento político; é um julgamento de vingança", declarou a filha da ex-presidente interina, Carolina Ribera, durante o protesto em La Paz.Os manifestantes, que levavam cartazes com frases como "liberem Jeanine" e "justiça digna para todos", pertenciam a movimentos e partidos que se opõe ao Movimento ao Socialismo (MAS), partido no poder."Ela é uma presa política", garantiu Kevin Vargas, um manifestante de 26 anos.Na noite de sexta-feira, um tribunal de La Paz declarou Áñez, que presidiu interinamente o país entre 2019 e 2020, culpada pelos crimes de violação de deveres e resoluções contrárias à Constituição.A família de Áñez anunciou que vai recorrer da decisão em todas as instâncias judiciais na Bolívia antes de ir à justiça internacional. O Ministério Público, que almeja uma sentença de 15 anos, também vai recorrer.A justiça considera que Áñez assumiu a presidência de forma inconstitucional em novembro de 2019 após a renúncia de Morales (2006-2019), em meio a protestos por uma suposta fraude eleitoral denunciada pela Organização de Estados Americanos (OEA).Na segunda-feira, senadores americanos dos partidos democrata e republicano denunciaram em uma declaração conjunta "a contínua politização" do poder judicial da Bolívia, após a decisão contra a ex-presidente.Além disso, um grupo de 23 ex-presidentes de países ibero-americanos pediu na semana passada à ONU e à União Europeia que "repudiem a intenção de condená-la arbitrariamente".Áñez, advogada e ex-apresentadora de televisão que atuava como segunda vice-presidente do Senado, tornou-se presidente para organizar novas eleições depois que todos os que a precederam na sucessão presidencial renunciaram: o vice-presidente, o chefe da Câmara Alta e o presidente da Câmara dos Deputados.O Tribunal Constitucional endossou o procedimento pelo qual Áñez chegou à presidência.As eleições foram realizadas em outubro de 2020 após dois adiamentos devido à pandemia e tiveram Luis Arce, herdeiro político de Morales, como vencedor.Em 2021, um grupo de especialistas contratados pela Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH), em acordo com a Bolívia, confirmou dezenas de mortes e "graves violações de direitos humanos" durante incidentes de repressão após Áñez chegar ao poder em novembro de 2019.O relatório da CIDH também questiona a independência do sistema judicial boliviano. Veja Mais

Secretário-geral da Otan diz que Ucrânia precisa de 'mais armas pesadas'

O Tempo - Mundo "Dependem absolutamente disso para poder fazer frente à brutal invasão russa", disse Jens Stoltenberg, em Haia Veja Mais

Google Maps começa a exibir valores de pedágios em algumas rotas

Google Maps começa a exibir valores de pedágios em algumas rotas

Tecmundo Anunciada em abril, a função de calcular o preço do pedágio no Google Maps já está disponível para usuários da ferramenta em alguns países, conforme anunciou a gigante das buscas na segunda-feira (13). A novidade pode ser utilizada tanto no app para Android quanto no iOS.O recurso fornece ao usuário uma estimativa do valor que ele poderá pagar ao escolher uma determinada rota na plataforma de mapas, além de mostrar os locais em que o pedágio é cobrado. Anteriormente, o serviço era capaz apenas de informar se o caminho escolhido possuía ou não a cobrança.Leia mais... Veja Mais

Com Lira, Bolsonaro recebe empresários do setor de combustíveis no Alvorada

O Tempo - Política Cerca de 30 empresários da Federação Nacional do Comércio de Combustíveis e Lubrificantes se reuniram com os presidentes da República e da Câmara dos Deputados Veja Mais

Brasil figura entre os países menos competitivos do mundo para atrair negócios

O Tempo - Mundo Levantamento da Fundação Dom Cabral e do IMD Competitiveness Center colocou o país na 59ª posição entre 63 nações Veja Mais

BALE MARCA, MAS HOLANDA CONSEGUE VITÓRIA SOBRE GALES NO ÚLTIMO MINUTO COM DEPAY | NATIONS LEAGUE

BALE MARCA, MAS HOLANDA CONSEGUE VITÓRIA SOBRE GALES NO ÚLTIMO MINUTO COM DEPAY | NATIONS LEAGUE

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #MelhoresMomentos #NationsLeague #Holanda Veja Mais

Como a ozonioterapia pode ser usada no Brasil? Veja indicações da Anvisa

Como a ozonioterapia pode ser usada no Brasil? Veja indicações da Anvisa

Tecmundo A ozonioterapia é um tratamento regulamentado no Brasil. Entretanto, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autoriza seu uso apenas em casos específicos de procedimentos odontológicos e estéticos.Apesar dessa limitação, a técnica ficou popular como tratamento da covid-19. Sem evidências científicas sólidas comprovando sua eficácia, o Conselho Federal de Medicina chegou até mesmo a interferir e proibir o uso clínico do procedimento.Leia mais... Veja Mais

Fechamento dos grãos de soja em Chicago

em - Internacional (Em Fechamento hoje / Fechamento anterior: JUL 22 16,9850 / 17,0750 AGO 22 16,1650 / 16,2775 SET 22 15,4725 / 15,5325 NOV 22 15,2525 / 15,3375 JAN 23 15,2925 / 15,3725 Veja Mais

LEWANDOWSKI VAI BEM, MAS BÉLGICA DE HAZARD BATE POLÔNIA NA NATIONS LEAGUE | MELHORES MOMENTOS

LEWANDOWSKI VAI BEM, MAS BÉLGICA DE HAZARD BATE POLÔNIA NA NATIONS LEAGUE | MELHORES MOMENTOS

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #lewandowski #melhoresmomentos #nationsleague Veja Mais

Presença de vida não poderia explicar níveis de dióxido de enxofre em Vênus

canaltech Pesquisadores da Univesidade de Cambridge trabalharam com uma combinação de bioquímica e química atmosférica para testar a chamada “hipótese da vida nas nuvens” de Vênus, que rende discussões entre astrônomos há décadas. A conclusão foi que caso seres vivos “aéreos” existissem no planeta, eles não poderiam explicar o comportamento do enxofre na atmosfera, e seria preciso rever o que se sabe sobre reações atmosféricas. Quais planetas já foram explorados por missões espaciais? Vênus: o que torna nosso vizinho tão parecido e tão diferente da Terra? Embora Vênus não tenha condições na superfície adequadas para a vida como conhecemos, alguns autores sugerem que as nuvens do planeta sejam mais amigáveis para formas de vida — e foi nelas que os cientistas identificaram assinaturas químicas estranhas. O esperado é que qualquer vida em quantidade suficiente deixe “rastros” químicos na atmosfera do planeta, vindos do consumo de alimento e produção de resíduos; contudo, nada do tipo foi encontrado no planeta. Os compostos de enxofre presentes na atmosfera de Vênus intrigam pesquisadores há tempos (Imagem: Reprodução/NASA) Pensando nisso, os pesquisadores tentaram investigar a curiosa presença do dióxido de enxofre (SO2) nas nuvens do nosso vizinho. “A vida é muito boa com química estranha, então estudamos se havia alguma forma de a vida ser a possível explicação para o que observamos”, disse Dr. Paul Rimmer, coautor do estudo. -Podcast Canaltech: de segunda a sexta-feira, você escuta as principais manchetes e comentários sobre os acontecimentos tecnológicos no Brasil e no mundo. Links aqui: https://canaltech.com.br/360/- Para o estudo, eles estudaram reações químicas esperadas com base nas fontes de energia química na atmosfera do planeta, por modelos atmosféricos e bioquímicos. “Analisamos o ‘alimento’ baseado em enxofre, disponível na atmosfera venusiana — não é nada que eu ou você gostaríamos de comer, mas é a principal fonte de energia”, explicou Sean Jordan, autor principal do estudo. No caso, os modelos trabalharam com o dióxido de enxofre. O composto está presente principalmente na parte inferior das nuvens do planeta, mas também ocorre em altitudes maiores. Os modelos incluíram ainda uma lista de reações metabólicas que seres vivos poderiam realizar para conseguir alimento, junto dos resíduos liberados. Com isso, os pesquisadores queriam verificar se a diferença dos níveis do dióxido de enxofre poderia ser explicada pelas reações. A equipe descobriu que reações metabólicas podem, de fato, reduzir os níveis de SO2 — mas apenas por meio da produção de outras moléculas em grandes quantidades, que não foram encontradas. Por isso, os resultados definiram um limite firme para a quantidade de vida que poderia existir em Vênus sem desmontar o entendimento de como as reações químicas ocorrem em atmosferas planetárias. Os resultados podem ajudar na busca por exoplanetas "irmãos" de Vênus (Imagem: Reprodução/NASA/JPL-Caltech) Jordan acredita que, se seres vivos estivessem por trás dos níveis de compostos observados em Vênus, isso afetaria tudo o que se sabe sobre a química atmosférica do planeta. “Se a vida não é responsável pelo que vimos em Vênus, ainda há um problema a ser resolvido — há muita química estranha para acompanhar”, finalizou. Além disso, mesmo que não haja evidências de seres que se alimentam de enxofre por lá, o método de análise das assinaturas atmosféricas pode servir para futuros estudos de outros mundos, com o telescópio espacial James Webb. “Mesmo que ‘nosso’ Vênus esteja ‘morto’, é possível que planetas como ele, em outros sistemas, possam abrigar vida”, sugeriu Rimmer. “Podemos aproveitar o que aprendemos aqui e aplicar a sistemas exoplanetários”. O artigo com os resultados do estudo foi publicado na revista Nature Communications. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

LoL: cosplay de Lux Pijaminha Estelar é explosão de fofura

LoL: cosplay de Lux Pijaminha Estelar é explosão de fofura

Tecmundo A campeã Lux de League of Legends com certeza conta com diversas skins fabulosas, com seu descontraído visual Pijaminha Estelar sendo um dos favoritos dos fãs dentro das partidas do MOBA, afinal nada melhor do que sair por aí derrotando os inimigos com esse look que é uma completa explosão de fofura, não é mesmo?E no mundo real, ele também se provou uma excelente opção para os cosplayers, como a usuária do Reddit Denzhy Cosplay, que ficou uma gracinha personificando a poderosa Dama da Luz! Confiram abaixo:Leia mais... Veja Mais

S.T.A.L.K.E.R. 2: Devs entram no exército em guerra na Ucrânia

canaltech A Microsoft encerrou a conferência extra que realizou nesta terça-feira (14) mostrando os desenvolvedores de S.T.A.L.K.E.R. 2 armados e na linha de frente da guerra na Ucrânia. As imagens revelam a rotina da equipe de trabalho da GSC Game World na capital ucraniana Kiev, alvo de ataques da Rússia desde o início dos conflitos. Overwatch 2 terá novo beta para consoles e PC; veja quando Assassin’s Creed Valhalla ganhará modo gratuito em breve Entre as cenas mais fortes, as imagens apresentam desenvolvedores trabalhando ao som de sirenes anti-bombas e improvisando escritórios em banheiros. Funcionários de cargos executivos da GSC Game World, como o roteirista e o gerente de comunidade de S.T.A.L.K.E.R. 2, surgem portando armas de alto calibre e utilizando uniformes militares. Maksym Hnatkov, designer de narrativa de S.T.A.L.K.E.R.2. é um dos desenvolvedores do jogo que portam armas durante o vídeo. (Imagem: Reprodução/YouTube/Xbox) Os desenvolvedores falam que uniram-se à guerra em defesa da Ucrânia e prometem, no registro, que continuarão trabalhando no jogo. O vídeo passa ainda pelo escritório abandonado da GSC e apresenta a rotina de desenvolvedores nos dias de guerra. "Não é fácil escrever missões violentas para o jogo enquanto tenho uma guerra do lado de fora da minha janela", conta a roteirista Daria Tsepkova. Confira o registro: -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.-   Após o registro, a Microsoft ainda divulgou uma prévia e uma nova data para S.T.A.L.K.E.R. 2, que tem estreia programada para 2023. Assista:   A Microsoft é a publicadora do jogo desenvolvido pela GSC Game World, maior estúdio do Leste Europeu e sediado em Kiev. Após os inícios dos ataques da Rússia, em abril deste ano, o estúdio publicou um pedido de ajuda ao país nas redes sociais. Compre o Xbox Series S no Magalu e garanta sua entrada para a nova geração de consoles A GSC Game World foi fundada em 1995. S.T.A.L.K.E.R. 2 tem versões confirmadas para Xbox Series X, Xbox Series S e PC, chegando ao catálogo no Game Pass no dia do lançamento. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

Ucrânia precisa de 'mais armas pesadas' (chefe da Otan)

em - Internacional Os países ocidentais devem enviar para a Ucrânia mais armamento pesado para o combate contra o avanço da Rússia no leste do país, declarou nesta terça-feira (14) o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg. "Sim, a Ucrânia deveria ter mais armas pesadas", afirmou Stoltenberg em coletiva de imprensa em Haia, após uma reunião com os líderes de sete aliados europeus da Otan antes de uma cúpula. Veja Mais

Aro azedo com o Novo e Novo azedo com Aro

O Tempo - Política Paciência do deputado federal estaria por um triz, afirmou fontes ao jornal O Tempo nesta terça-feira (14) Veja Mais

Bolsonaro veta volta do despacho gratuito de bagagem em voos, informa Planalto

G1 Economia Retomada da gratuidade foi incluída pelo Congresso em MP que mudava outras regras do setor aéreo. Governo já havia indicado ser contra medida; parlamentares podem derrubar veto. O presidente Jair Bolsonaro vetou nesta terça-feira (15) a regra aprovada pelo Congresso que restabelecia o despacho gratuito de bagagens em voos comerciais que operam no Brasil. A informação foi divulgada pela Secretaria-Geral da Presidência e ainda será publicada no "Diário Oficial da União". A retomada do despacho gratuito foi incluída por deputados em uma medida provisória que alterava outras regras de funcionamento do setor aéreo – a mudança foi aprovada também pelos senadores. O texto original editado por Bolsonaro não previa essa alteração. Se fosse sancionada, a nova regra alteraria o Código de Defesa do Consumidor para incluir no rol das práticas abusivas a cobrança por parte das companhias aéreas por até um volume de bagagem em voos nacionais com peso inferior a 23 quilos, e em voos internacionais, com peso inferior a 30 quilos. O governo já havia indicado ser contra a retomada da gratuidade. Atualmente, bagagens de 23 quilos em voos nacionais e 32 quilos nos voos internacionais são cobradas à parte, com um valor adicional ao da passagem. Cada empresa estabelece o critério de cobrança e as dimensões das malas. De acordo com a Secretaria-Geral da Presidência, a volta do despacho gratuito de bagagens foi vetada, pois "a proposição aumentaria os custos dos serviços aéreos e o risco regulatório, o que reduziria a atratividade do mercado brasileiro a potenciais novos competidores e contribuiria para a elevação dos preços das passagens aéreas". Durante a votação no Congresso para a retomada da franquia gratuita, em maio deste ano, representantes de companhias aéreas de baixo custo (low-costs) defenderam que a eventual gratuidade geraria um aumento no preço das passagens e inviabilizaria a chegada de novas aéreas ao país. A Secretaria-Geral da Presidência informou ainda que "a criação de uma nova obrigação às empresas aéreas poderia acarretar questionamentos e prejuízos a tratados internacionais dos quais o Brasil é signatário" e que "existem atualmente entendimentos bilaterais negociados com 115 países, dos quais a maior parte tem como pilares as liberdades de oferta e tarifária". Veja, no vídeo abaixo, detalhes sobre o texto que foi aprovado pelo Congresso: Câmara aprova despacho gratuito de bagagem em viagens aéreas Gratuidade caiu em 2016 Em 2016, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) publicou uma resolução que dava ao passageiro o direito de levar na cabine uma bagagem de mão de até 10 quilos – mas autorizava as aéreas a cobrarem por bagagens despachadas. Quando derrubou a franquia gratuita de despacho de bagagens, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) defendeu que a mudança aumentaria a concorrência e poderia, por consequência, reduzir os preços das passagens. Tentativa anterior Em 2019, os parlamentares já haviam tentado retomar a gratuidade das bagagens em votação de outra medida provisória. Na ocasião, o texto previa a gratuidade para bagagem de até 23 quilos em aviões com capacidade acima de 31 lugares, nos voos domésticos. Contudo, o dispositivo foi vetado por Bolsonaro e, em sessão do Congresso posterior, os parlamentares mantiveram o veto. Miriam Leitão sobre MP do despacho de bagagem grátis: Cortina de fumaça que esconde questões graves MP do Voo Simples A regra faz parte da chamada Medida Provisória (MP) do Voo Simples que altera algumas normas da legislação da aviação civil. Segundo a Secretaria-Geral da Presidência, a MP foi sancionada pelo presidente. Entre as normas aprovadas por Bolsonaro, está que a que aumenta o controle regulatório da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) "sobre a criação e extinção de tarifas aeroportuárias devidas por companhias aéreas e passageiros pelo uso da infraestrutura". Veja Mais

Aprovado ICMS menor para combustível, energia e transporte - 14/06/22

Aprovado ICMS menor para combustível, energia e transporte - 14/06/22

Câmana dos Deputados A Câmara aprovou emendas do Senado ao projeto que limita o ICMS de combustíveis, energia, telecomunicações e transporte público. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

COPA DO MUNDO, REAL MADRID E MAIS! RODRYGO PARTICIPA AO VIVO DO ESPN FC, DIRETO DOS ESTÚDIOS DA ESPN

COPA DO MUNDO, REAL MADRID E MAIS! RODRYGO PARTICIPA AO VIVO DO ESPN FC, DIRETO DOS ESTÚDIOS DA ESPN

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #RealMadrid #Rodrygo #SelecaoBrasileira Veja Mais

Chrome OS vai receber função popular do Windows em breve

Chrome OS vai receber função popular do Windows em breve

Tecmundo Segundo evidências na ferramenta de código colaborativo Chromium Gerrit, a Google está trabalhando em uma nova opção para o recurso de divisão de telas do Chrome OS. Em breve será possível dividir a tela em três, tornando a experiência mais próxima do Windows. Apesar disso, de acordo com testes do site XDA Developers, por enquanto só é possível utilizar até dois aplicativos nessa configuração.A nova ferramenta se chamará Divisão Parcial e é similar à opção já existente de dividir a tela em duas partes iguais. Desta vez, entretanto, dois aplicativos poderão ocupar dois terços e um terço do display. O design mais estreito pode ser utilizado para programas de mídias sociais ou listas de tarefas, por exemplo.Leia mais... Veja Mais

Câmara aprova projeto que limita ICMS sobre combustíveis

O Tempo - Política Texto-base foi aprovado pelos deputados de forma unânime, com 348 votos Veja Mais

ONU pede que crianças da Ucrânia não sejam encaminhadas para adoção na Rússia

O Tempo - Mundo De acordo com Unicef, pequenos não devem ser adotados durante um conflito, pois o objetivo deve ser o retorno às famílias Veja Mais

Parte crescente do público prefere evitar más notícias, diz relatório

em - Internacional A enxurrada de notícias ruins leva o púbico a se afastar dos meios de comunicação, segundo um estudo do Instituto Reuters Institute publicado nesta quarta-feira (15, noite de terça, 14, no Brasil).O impacto combinado da pandemia de covid-19, da guerra na Ucrânia e da inflação provocam esse fenômeno, detalhou o relatório dessa instituição privada, elaborado a partir de uma pesquisa em 46 países - entre eles o Brasil - e com um total de 93.000 participantes.Entre os entrevistados, 38% declararam que preferem ignorar os meios de comunicação, em comparação com 29% da pesquisa realizada em 2017.Esse percentual, no entanto, quase dobra em relação ao Brasil, com 54%, e Reino Unido, com 46%, e os jovens formam o grupo que se mostrou particularmente mais reticente."Evito de forma ativa as coisas que podem me causar ansiedade e ter um impacto negativo na minha vida", confessou um jovem britânico de 27 anos aos entrevistadores.O principal motivo para evitar as notícias, contudo, é a sensação de repetição, em particular o caso da pandemia e as sucessivas crises políticas.A sensação de impotência e a dificuldade para entender alguns problemas também foram mencionados pelos entrevistados.Esses resultados supõem "um desafio particular para os meios de comunicação", assinalou o principal autor do estudo, Nic Newman."Os temas que os jornalistas consideram importantes, como as crises políticas, os conflitos internacionais e as pandemias mundiais, parecem ser precisamente os que afastam algumas pessoas", explicou.O estudo foi basicamente concluído antes da invasão da Ucrânia em fevereiro, mas outras sondagens posteriores em cinco países mostram um aprofundamento dessas tendências.A confiança nos meios de comunicação caiu na metade dos países em que foi realizada a pesquisa, e subiu apenas em sete deles, o que representa um revés após o início da pandemia, que incrementou o interesse e a atenção às mensagens públicas.Em termos globais, a confiança caiu para 42%, em comparação com os 44% registrados durante a pandemia.Nos Estados Unidos, apenas 26% do público confia na veracidade das notícias, o mesmo percentual da Eslováquia.Segundo o relatório, 15% dos jovens com entre 18 e 24 anos se informam através da rede social TikTok. Veja Mais

Review Samsung Neo QLED QN90B | Smart TV gamer de respeito

canaltech A Samsung Neo QLED QN90B é a principal TV 4K com Mini LED da Samsung para o ano de 2022. Ela é sucessora direta da QN90A, mas traz um diferencial importante para se destacar no mercado em relação à irmã: a promessa de ser uma TV gamer com recursos para agradar tanto o jogador de console quanto o de PC. Como escolher uma TV Samsung Review Smart TV Samsung Neo QLED QN90A | Uma grata surpresa no mercado premium Pode parecer batido quando uma empresa cerca um produto com promessas gamer, mas a Neo QLED QN90B foi pensada para esse público. Os modelos da TV com 43” e 50” vêm com taxa de atualização de 144 Hz, além de quatro portas HDMI 2.1 e uma série de recursos interessantes no sistema Tizen. Mas, afinal, será que ela consegue agradar os dois públicos, de console e PC? E para consumo de mídias, é boa? Eu testei a Neo QLED QN90B e conto todas as minhas impressões nos próximos parágrafos! -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Prós Design fino e elegante Conexões favoráveis para gamers Ótima Tela Mini LED 4K Sistema operacional Tizen Controle remoto SolarCell Contras Sistema sonoro básico Um pouco de vazamento de luz Construção e design A QN90B não mexeu em time que estava ganhando e manteve o design acertado da QN90A. É sóbria, com tampa traseira na cor preta e lateral inferior de alumínio, e extremamente fina para a categoria, sendo mais de 50% menos espessa que a Q80T, modelo de 2020. A Neo QLED QN90B é extremamente fina, mais de 50% menos espessa em relação ao modelo de 2020 (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)A smart TV da Samsung praticamente não possui calombo na parte traseira, o que é um tanto impressionante devido à quantidade de recursos e tecnologias embarcadas. A região mais protuberante fica, mesmo, onde se encaixa tanto o suporte quanto a base. Com relação a essas peças, temos o que se espera de uma TV premium: são resistentes e demonstram firmeza. O formato da base metálica parece estranho num primeiro momento, mas gostei por sair da aparência padrão com dois pezinhos. Mesmo não apresentando risco de cair, o fato do apoio ser apenas central faz com que haja uma má distribuição de peso, consequentemente balançando. Não é um problema se você mantiver a TV em um local sem muito perigo, no entanto. Base central da TV da Samsung é muito bonita (Imagem; Ivo Meneghel Jr./Canaltech)Infelizmente, embora a QN90B seja premium e minimalista, não há um organizador de cabos por aqui. As conexões ficam todas expostas na lateral esquerda, o que é uma pena. Portas e conexões Por falar em conectividade, a Neo QLED QN90B tem o que praticamente todo jogador de consoles sonha: são quatro entradas HDMI 2.1. Para quem não está familiarizado com a versão, é a mais recente e presente nos novos PlayStation 5 e Xbox Series S|X. Com a combinação, será possível aproveitar jogos, desde que sejam compatíveis, claro, com resolução 4K a até 120 Hz, feito inédito desta geração de videogames. Mas o HDMI 2.1 também habilita o 144 Hz em PCs, caso sua placa de vídeo seja boa o suficiente para suportar a velocidade. Portas e conexões são completas, mas não tem gerenciador de cabos (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)Além disso, uma das portas HDMI 2.1 tem tecnologia eARC (Enhanced Audio Return Channel), versão aprimorada do já conhecido ARC (Audio Return Channel), que basicamente permite TVs, receptores de sinal, videogames e outros dispositivos acessarem padrões de áudio mais avançados, como Dolby Atmos e semelhantes. A TV gamer da Samsung ainda conta com duas portas USB-A, uma Ethernet para cabo de rede e outra de antena para TV a cabo. "A Samsung Neo QLED QN90B 4K não muda muito no design em relação à QN90A. É tão fina quanto a antecessora, e a base é elegante. Entretanto, a menor espessura prejudica a qualidade sonora, que é básica para categoria." — Diego Sousa Controle remoto SolarCell O controle remoto da Neo QLED QN90B é o mesmo da QN90A, a qual a Samsung chama de SolarCell. “Solar” porque ele pode ser recarregado por energia solar ou pela própria luz ambiente da sua casa. Mas também há uma entrada USB-C, caso queira usar um carregador de celular. A iniciativa, obviamente, tem foco na sustentabilidade, já que abandona as pilhas AAA, ainda muito usadas no mercado. Além disso, o próprio controle foi feito de “quase um terço de plástico reciclável”. Com exceção da proposta ecológica, o controle remoto da Samsung não se destaca muito. É fino, leve e ergonômico, e tem a maioria dos botões que você provavelmente usará no dia a dia, como os acessos rápidos para a Netflix, GloboPlay, assistente de voz e controladores de volume e canais. Também há um botão dedicado para o serviço Samsung TV Plus, que pouca gente conhece, mas oferece acesso gratuito a diversos canais de notícias, esportes, entretenimento e mais — não há muitos canais conhecidos, até por isso não deve cair no gosto da galera. O que eu senti falta, mas acabei acostumando depois de um tempo, foi de um acesso rápido para as configurações. Fora isso, é um ótimo controle. Tela A principal característica de uma TV é a tela, e a Samsung deixa isso bem claro no seu carro-chefe da família de TVs 4K com Mini LED para 2022. A Neo QLED QN90B que testamos foi a de 50 polegadas, mas ela pode ser encontrada, ainda, nas opções de 43", 55" e 65". O destaque, é claro, vai para o painel LCD com tecnologia Mini LED. Resumidamente, essa solução é uma evolução do LED tradicional, que ainda vemos com bastante frequência nas TVs, tablets e outros dispositivos. A principal mudança está na diminuição dos já pequenos diodos que emitem luz do LED — daí que vem o nome Mini LED. Com isso, a promessa é de oferecer melhores níveis de brilho e contraste em cenas mais claras em relação ao LED comum, além de escurecer os tons de preto. Como ainda estamos falando de uma tecnologia que precisa de uma fonte de iluminação, diferente do OLED que possui pixels que acendem e apagam individualmente para formar cor, o preto ainda não é 100%, mas é bem próximo ao de um OLED. Contraste e brilho do painel Mini LED são extremamente fortes (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)No geral, a qualidade de imagem da QN90B é excelente. O brilho é extremamente forte, assim como o contraste é intenso. A resolução 4K é outro destaque no consumo de mídias, porém, novamente, não oferece uma imagem muito superior em relação à QN90A ou a outras TVs Mini LED do mercado. Assistir a filmes e séries nessa TV é uma experiência incrível, principalmente se o conteúdo for compatível com o HDR10+. Mas a falta de um suporte ao Dolby Vision continua sendo uma das principais ausências, o que é uma pena porque outras TVs concorrentes já possuem o padrão. Um ponto positivo da tecnologia Mini LED em relação à OLED, por outro lado, é que não há risco de burn-in na tela, quando pixels individuais queimam. Ou seja, você sacrifica um pouco dos níveis de preto para ter uma TV sem perigo de sofrer com burn-in. Assim como na QN90A, que sofria com um vazamento de luz perceptível em conteúdos com uma iluminação mais baixa, o chamado “blooming”, a QN90B também possui esse “defeito”, porém com muito menos intensidade. Nada que atrapalhe a experiência. Para jogadores, há taxa de atualização de 144 Hz (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)Aos jogadores, a estratégia da TV da Samsung é de ser uma boa opção tanto para players de console como de PC. Por isso, a QN90B possui taxa de atualização de 144 Hz nos modelos de 43 e 50 polegadas — a que testamos —, focadas para uso com computador e apartamentos de médio e pequeno porte. Já os modelos maiores têm, “apenas”, taxa de atualização de 120 Hz. Mas elas são voltadas para uso doméstico, mais familiar, com streaming e entretenimento. E sim, você vai conseguir tirar o máximo proveito do seu PlayStation 5, Xbox Series S|X ou qualquer outro console disponível atualmente. A Samsung diz que você também pode utilizar a Neo QLED QN90B como monitor. É possível, mas só recomendo o uso no modelo de 43 polegadas e se você tiver uma mesa de escritório bem larga. Outra possibilidade é se você puder prendê-la na parede, pois sua visão não ficará muito próxima da TV. Nas versões maiores, o melhor uso é, mesmo, em uma sala. "A tela Mini LED com resolução 4K da QN90B é excelente. O brilho e o contraste são muito intensos, além dos níveis de preto muito próximos aos do OLED. Além disso, os 144 Hz nos modelos "menores" fazem do modelo uma boa opção de monitor." — Diego Sousa Sistema operacional e recursos gamer A Neo QLED QN90B vem com o sistema operacional Tizen. Sinceramente, com a parceria da Samsung com o Google, eu gostaria que as TVs da sul-coreana já viessem com Google TV em vez do Tizen, mas não é um problema, já que o SO ainda é um dos melhores atualmente. Eu não tenho nada do que reclamar do Tizen. Tem suporte para basicamente todos os serviços de streaming, como Netflix, Globoplay, Disney+, Amazon Prime Video e HBO Max. O Star+, que estava ausente na QN90A, também está presente por aqui, o que é uma ótima adição. Visualmente, a interface não mudou tanto em relação às TVs mais antigas. Isso significa que ela tem uma navegação bem familiar, sem muitas “barreiras” para chegar em uma opção, por exemplo. E, por se tratar de uma TV premium, a fluidez é um dos destaques. A alternância entre apps é extremamente rápida e suave, e os menus são bem menos poluídos do que outras interfaces, como a WebOS, da LG. A QN90B ainda tem compatibilidade com as assistentes de voz Alexa, Google Assistente e Bixby — caso você ainda queira dar chance para ela. Com isso, você também consegue controlar outros dispositivos inteligentes na sua casa na plataforma SmartThings, da própria Samsung. Como a TV tem foco em games, há um espaço totalmente dedicado para os jogadores. Você vai saber quando estiver nele quando o menu rápido for alterado para uma temática futurista, bem “Cyberpunk 2077”. Eu achei o visual cafona, mas pelo menos é interessante e oferece algumas opções de configurações para dar um up na jogatina, como modo de imagem e baixa latência. Também é possível alterar o formato da tela de 16:9 para 21:9 ou 32:9. Mas a novidade que achei mais interessante foi o anúncio da chegada do aplicativo do Xbox para rodar jogos via Cloud Gaming. Resumindo, quem for assinante do Game Pass e comprar a Neo QLED QN90B poderá rodar os títulos via Cloud Gaming diretamente da TV, sem precisar de console ou instalação. O lançamento ocorre no dia 30 de junho. Som No som, os falantes de 40 W são bem comuns e basicamente fazem com que a compra de uma soundbar seja obrigatória. Mesmo com suporte ao Dolby Atmos, os hardwares espalhados pela TV fina não reproduzem graves muito bem, deixando a experiência, digamos, sem graça. Os alto-falantes são distribuídos pelo corpo da TV (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)Mas não são só críticas negativas que rondam o departamento sonoro da Neo QLED QN90B. O som é bem definido, tem médios e agudos decentes e, mesmo em volumes mais elevados, não estouram ou corrompem as frequências. No geral, é agradável, mas aquém da sua categoria. Inclusive, “sabendo” dessa limitação no som, a Samsung nos enviou a soundbar HW-Q600B para testarmos em conjunto com a Neo QLED QN90B. É a melhor companheira para a sua TV, pois além de ter uma qualidade sonora ótima, possui muita integração com o modelo. Concorrentes diretos A Neo QLED QN90B tem como concorrente a QNED90, da LG. O modelo mais “básico” dela possui 65 polegadas e custa cerca de R$ 10.000. A TV da LG também tem resolução 4K e 120 Hz de taxa de atualização, além da tecnologia Mini LED e suporte aos padrões HDR10+ e Dolby Vision. LG QNED90 é o principal concorrente da QLED QN90B (Imagem: Divulgação/LG)No entanto, a TV da Samsung ganha quando o assunto são conexões, já que tem quatro HDMI 2.1, enquanto a QNED90 tem apenas duas. Na minha opinião, o sistema operacional Tizen também é melhor que o WebOS. Outro concorrente da Neo QLED QN90B é a própria QN90A, da Samsung. Não há alterações muito significativas que justifique o upgrade, então se você já possui a QN90A ou encontrá-la por preços menos, compre ela. Vale a pena comprar a Samsung Neo QLED QN90B 4K? A Samsung Neo QLED QN90B é uma ótima TV Mini LED que cumpre o prometido de entregar recursos realmente úteis para quem quer jogar com qualidade de imagem excelente. É claro que a tela extremamente brilhosa e definida chama bastante atenção, mas vale destacar, também, a taxa de atualização de 144 Hz, que permite usá-la como monitor, e a chegada do aplicativo do Xbox ao Gaming Hub para assinantes do Game Pass jogarem via nuvem. Alguns pontos que poderiam ter melhorado no carro-chefe de 2022 ficaram de fora, como o suporte ao Dolby Vision. Não faz sentido a principal TV Mini LED da Samsung ainda não suportar a tecnologia. O sistema sonoro também poderia ser melhor, embora a empresa teria que aumentar espessura. No geral, é um conjunto decente e uma das melhores TVs Mini LED do mercado. Vale a pena se quiser entrar ou continuar no ecossistema da Samsung — além de, claro, ter dinheiro para investir numa smart TV dessa categoria, que não será pouco. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Como a inflação e as taxas de juros influenciam o setor de criptomoedas?

canaltech De março de 2020 até novembro de 2021 o preço do Bitcoin subiu cerca 1.600%. Outras moedas digitais acumularam alta ainda maior, como a Cardano, que subiu cerca de 9.500%. Contudo, essa fase de alta passou; atualmente as criptos já acumulam queda superior a 70%. E para o analista Andrey Nousi, ex-vice-presidente do banco de investimentos JPMorgan, a elevação das taxas de juros em bancos centrais de todos o mundo (inclusive a nossa Selic), deve manter o período de baixa no setor. Isso explica como a inflação e a taxa de juros influencia o setor. Moeda digitais emitidas por bancos privados no Brasil não terão 100% de lastro Em baixa, criptomoedas perdem nível de US$ 1 trilhão no mercado; veja cotações Andrey Nousi explica que no passado qualquer estratégia de investimento envolvendo criptomoedas trazia retornos fáceis; porém esse período acabou. Ele explica que a inflação tem atingido níveis alarmantes para os bancos centrais em todo o mundo; como resposta, as taxas de juros aumentam para conter a alta dos preços nos países. A taxa de juros Selic, principal instrumento de política monetária do Brasil, é um exemplo disso. Utilizado pelo Banco Central para conter a inflação, esse indicador chegou à sua mínima histórica de 2% ao ano, sendo elevada para os atuais 12,75% ao ano. E a expectativa dos analistas é que esse número suba ainda mais, para 14% — o que fatalmente vai aumentar as taxas de juros, e, assim, como dito acima, impactar no segmento cripto. -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Nos Estados Unidos, acontece o mesmo. O Federal Reserve (Fed), o equivalente ao Banco Central, tem subido a taxa de juros também. Por lá, o que girava em torno de 0,25% está entre 0,75% e 1%, com perspectiva de mais aumento. Isso assusta o mercado e se reflete em desvalorizações, não só para as criptomoedas, mas também em bolsas de valores em todo o mundo. Elevação da taxa de juros por bancos centrais em todo o mundo afasta o investidor de ativos de risco como Bitcoin e mercado e ações, levado-o para investimentos garantidos pelo governo (Imagem:Reprodução/Envato-Twinsterphoto) Recentemente o o índice S&P 500 (500 maiores empresas do mundo) confirmou a tendência de queda. Isso liga um alerta, por temor de aumentos agressivos das taxas de juros pelo Federal Reserve, o que pode leva a economia a uma recessão. Nousi explica que uma consequência dos juros mais altos é o aumento da preferência do investidor por títulos públicos (garantidos pelos governos). Muitos abandonam mercados de maior risco, como as criptomoedas, e vão para ativos considerados mais seguros, como o tesouro direto, uma categoria de investimento de renda fixa, que não sofre com a volatilidade das criptomoedas, por exemplo. Segundo o ex-banqueiro, nesse novo cenário, o investidor precisa conhecer mais sobre o mercado. Assim, quem quer investir em criptomoedas tem que buscar se especializar nessa nova modalidade de investimento. Ele aponta que a desvalorização das criptomoedas trazem oportunidades. “A baixa é um bom momento para entrar no mercado, sobretudo no que mais deu rentabilidade nos últimos anos." Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Rodrigo Coelho defende suspenção de portaria que permite apreender ônibus de aplicativos - 14/06/22

Rodrigo Coelho defende suspenção de portaria que permite apreender ônibus de aplicativos - 14/06/22

Câmana dos Deputados Um projeto de decreto legislativo em análise na Câmara propõe a revogação de uma portaria da Agencia Nacional de Transportes Terrestres que enumera hipóteses de infrações que caracterizam o transporte clandestino, definido antes por uma resolução de 2014. O deputado Rodrigo Coelho (PODE-SC) é o relator da proposta e fala sobre ela nesta edição do Palavra Aberta. Apresentação: Cassiana Tormin Direção: Fernanda de Bretanha Produção: Rosana Ferreira Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Os 5 métodos de ataque cibernético em que você precisa ficar de olho

canaltech Um painel de especialistas se reuniu durante a RSA Conference, um dos principais eventos do mercado de segurança digital, para indicar as cinco técnicas de ataque mais perigosas da atualidade, que devem se tornar tendência no setor ao longo dos próximos anos. São métodos de exploração, golpes e extração de dados que tentam encontrar brechas diante de um mercado que ainda tenda se proteger de ofensivas comuns, como ransomware e negação de serviço, representando focos de atenção para o futuro próximo. 7 dicas de segurança digital para pequenas empresas Mercado de ransomware deve gerar US$ 100 milhões em prejuízos até 2027 A palestra sobre tendências acontece a cada ano e reúne especialistas do Instituto SANS (Segurança, Administração de sistemas e Redes, na sigla em inglês), organização privada americana focada em cursos, treinamento e análise em cibersegurança. A ideia é alertar corporações e especialistas sobre as ameaças que estão por vir, de acordo com a experiência de cada um dos membros no mercado e em diferentes setores da tecnologia. Confira cada um dos insights apresentados durante palestra na RSA Conference: -Siga o Canaltech no Twitter e seja o primeiro a saber tudo o que acontece no mundo da tecnologia.- Aumento no uso de serviços cloud legítimos em ataques Serviços cloud legítimos, como o OneDrive, estão sendo usados por bandidos para distribuição de malware e representam desafios adicionais para monitoramento e defesa (Imagem: Reprodução/Microsoft) A primeira tendência apresenta, como quase todas as outras, uma evolução de técnicas de invasão e exploração já existentes. Onde antes se falava em “living off the land”, um tipo de ataque que envolve o uso de ferramentas legítimas e malware sem arquivo, agora existe o “living off the cloud”. É um vetor que, conforme aponta Katie Nickels, diretora de inteligência do SANS e da Red Canary, une a conveniência para os criminosos com ampla capacidade de furtividade. Isso se deve ao uso de sistemas reconhecidos como o OneDrive, que serve para hospedar ameaças, encurtadores de URLs e o Ngrok, aplicando domínios legítimos e túneis reversos a links que, de outra maneira, seriam detectados como maliciosos. Tais plataformas também são simples e baratas de serem utilizadas pelos bandidos, além e amplamente utilizadas em ambientes corporativos, o que aumenta a possibilidade de deslize de um colaborador e acaba não sendo bloqueadas por firewalls e outras plataformas de proteção. “Bloquear domínios não é uma solução aqui, [pois estes] são serviços legítimos. O usuário conhece e clica no link, com o método sendo cada vez mais adotado pelos adversários por sua simplicidade”, explica Nickels. Ela aponta, mais do que nunca, a necessidade de educação e indicação de elementos maliciosos, além da necessidade de reportar as ofensivas aos fornecedores de serviços, para que eles possam bloquear contas e detectar vetores incipientes de abuso. Autenticação em dois fatores não é absoluta Autenticação em duas etapas é critério básico, mas configurações mal feitas e contas abandonadas podem colocar tudo à perder (Imagem: Divulgação/Auth0) A verificação em múltiplas etapas costuma ser citada como um mecanismo de segurança básico e padronizado, mas também um capaz de impedir boa parte dos ataques que envolvem vazamento de dados e roubo de credenciais. Não é assim, conforme aponta Nickels, já que os golpistas estão se aproveitando de falhas de configuração e do próprio formato dessa autenticação para obter acesso a redes corporativas mesmo onde elas estão ativadas. O objetivo é encontrar deslizes nas configurações ou contas que deveriam estar desativadas, mas ainda permitem intrusão. A especialista cita, por exemplo, um caso em que um perfil ActiveDirectory estava desprotegido e deveria ter sido desligado, enquanto outras contas estavam protegidas com autenticação em duas etapas; adversários russos foram capazes de encontrar tal abertura e registrar um novo dispositivo, descobrindo a senha por força bruta e tendo acesso a toda a rede sem que os administradores de rede percebessem o problema. “Saber o que é normal para as contas ajuda a encontrar elementos maliciosos que possam estar escondidos”, aponta Nickels. Na visão dela, um sistema de monitoramento mais apropriado pode ajudar a reconhecer anomalias desse tipo, enquanto contas inativas ou desativadas devem ser tratadas como tal, efetivamente sendo apagadas ou bloqueadas para que não se tornem ameaças dormentes em potencial. Johannes Ullrich, reitor de pesquisa do SANS, levanta uma outra questão que normalmente passa despercebida: a dos tokens de acesso físico que são substituídos, mas não apagados, ainda carregando dados importantes de login. “Manter a encriptação forte e a chave protegida é a melhor opção, mas preste atenção no cenário de ameaças, já que não existe uma solução que sirva para tudo”, explica, enquanto aponta um único ato que jamais deve ser realizado: dispositivos desse tipo não podem ser descartados, principalmente no lixo público, sem estarem perfeitamente protegidos e destruídos. Muita empresa, aponta, aprendeu isso da pior forma possível. Backups são alvo tanto quanto sistemas ativos Servidores de backup se tornaram alvo de criminosos, que tentam garantir resgate destruindo informações que seriam usadas em recuperação (Imagem: Envato/twenty20photos) O reitor também é o líder do Internet Storm Center, um grupo de 40 especialistas em segurança digital que monitoram a rede diariamente e publicam alertas sobre novos vetores de ameaça. Para ele, uma coisa já ficou clara: os backups não são mais a fronteira final para recuperação após um golpe de ransomware, se tornando cada vez mais um foco de atenção dos criminosos, com direito a técnicas especializadas para destruição desta salvaguarda. Em sua fala, ele traz um pouco de leveza afirmando que “backups são chatos e deveriam permanecer assim”. A ideia é que nada de errado nem crítico deve acontecer com eles, com os arquivos permanecendo isolados e protegidos dos servidores ativos. “Uma falta de noção sobre abrangência, inventário e localização das informações, entretanto, pode colocar tudo a perder”, completa. Ele cita que, assim como todos os outros sistemas, infras dedicadas a backups também podem ser configuradas de forma equivocada ou trazerem vulnerabilidades que levem à execução remota de códigos. Além disso, Ullrich aponta o cuidado com dispositivos e endpoints que acessem tais plataformas como essenciais, com políticas de retenção de dados, controle e proteção de acessos e criptografia de ponta a ponta sendo essenciais para evitar interceptação e destruição dos dados que deveriam servir como o socorro das corporações em um momento crítico. Stalkerware e espionagem O Pegasus, um dos principais softwares de espionagem contra celulares, acende sinal de alerta sobre operações direcionadas e inevitáveis, segundo especialista (Imagem: Hans-Peter Traunig/Unsplash) Heather Mahalik, diretora sênios de inteligência digital da SANS e especialista em tecnologia forense, levou ao palco uma constatação aterradora, mas só para quem não acompanha o noticiário de tecnologia. “Se alguém quiser entrar no seu dispositivo, vai conseguir. Caso você se torne um alvo, não será capaz de fazer nada. Não é uma questão de se, é de quando”, afirmou, se referindo às operações de espionagem e aos ataques direcionados focados no roubo de informações. Baixa higiene de segurança em dispositivos pessoais e pouca atenção a atualizações e dispositivos como relógios, roteadores e a Internet das Coisas fazem com que operações desse tipo tenham nível elevado de sucesso. Prova disso, segundo ela, é o fato de, quase cinco anos depois, ainda existir uma incidência significativa de contaminações com o Wannacry, um dos primeiros ransomwares, na ativa desde 2017 e responsável por um caos em dezenas de países. “O mobile normalmente é a última prioridade para as equipes de segurança, mas as empresas precisam pensar nisso na hora de compor os times”, afirma. Isso sem falar de malwares que não exigem cliques ou sistemas de rastreamento, ameaças que, de acordo com Mahalik, só ficam dormentes até que um atacante veja a necessidade de as utilizar de novo. Ela cita, por exemplo, o Pegasus, desenvolvido pelo grupo NSO e focado em operações de espionagem, ou ataques de phishing altamente especializados que chegam via iMessage ou Facetime. Preparar-se com antecedência e manter monitoramento constante, principalmente no que tocam os alertas sobre o que está sendo instalado em um dispositivo, ajudam a manter a segurança. Às corporações e indivíduos, também é importante saber a posição ocupada e que tipos de ameaças podem surgir, tomando ações de defesa prévia e prevenção para, pelo menos, tentar evitar o pior. Ataques contra satélites Internet via satélite dificulta ações de bloqueio por países, mas coloca alvo nas costas de empresas que fornecem esse tipo de serviço (Imagem: Divulgação/ViaSat) A invasão da Ucrânia pela Rússia acelerou um processo que Rob T. Lee, diretor do SANS, via como uma tendência de alguns anos à frente. O ataque realizado por agentes russos contra o sistema de satélites Viasat, que acabou dificultando o acesso à internet em parte da Europa, faz parte da mudança no jogo geopolítico e, também, modifica as regras para ofensivas digitais, sendo foco de atenção para organizações do setor e segmentos que dependem desse tipo de tecnologia. “Se a internet está no céu, ela não está sob o comando de nenhuma nação. O impacto do uso de satélites em setores de segurança e privacidade ficará conosco por algum tempo”, explica, apontando que operações de combate e interceptação de dados não mais dependem de fronteiras regionais. O mesmo também vale para firewalls nacionais, bloqueios e outros sistemas do tipo, na medida em que nomes como Starlink invadem o mercado e oferecem seus serviços a cidadãos e organizações. Tais corporações, porém, também devem se tornar um alvo, uma vez que estados-nação e agentes cibercriminosos a serviço deles não vão deixar barato. O golpe desferido pelo wiper AcidRain contra a Viasat, então, foi só o começo dessa história. O jornalista acompanhou o evento em formato digital, a convite da Tenable. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Ministério da Justiça notifica rede de lojas Zara por cobrança de sacolas aos consumidores

G1 Economia Empresa tem 10 dias para responder questionamentos feitos pela Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon). Item custa entre R$ 0,60 e R$ 0,80 e passou a ser cobrado no início deste mês; g1 tenta contato com marca. Fachada de uma das lojas da Zara em imagem de arquivo Carlos Santos/G1 O Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP), por meio da Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon), pediu para que a rede de lojas de roupas Zara explique o motivo de ter passado a cobrar sacolas e envelopes para presentes aos consumidores. A empresa foi notificada nesta segunda-feira (13) e tem 10 dias para responder ao órgão. A Zara passou a cobrar as embalagens no início deste mês. Os itens custam entre R$ 0,60 e R$ 0,80. LEIA TAMBÉM: Lei que proíbe venda e distribuição de sacolas plásticas no DF é sancionada DF adia, até julho de 2022, prazo para proibição de sacolas plásticas no comércio Ao g1, o Instituto de Defesa do Consumidor do Distrito Federal (Procon-DF) informou que a "cobrança deve ser devidamente informada ao consumidor," (veja mais abaixo). A reportagem tenta contato com a Zara. De acordo com a notificação, a empresa tem 10 dias para esclarecer: Se a cobrança foi informada ao público Quais os meios para que o consumidor transporte as compras Qual foi a motivação para os valores aplicados Qual o material utilizado na fabricação das embalagens De acordo com a Senacon, caso a rede Zara não responda aos questionamentos, ela poderá responder processo administrativo. O ministro da Justiça, Anderson Torres, diz que, ao chegar na loja, a cobrança das sacolas precisa estar clara ao consumidor. "Com a notificação, buscamos reforçar que a relação entre empresa e cliente tem que levar em conta a transparência”, afirma Torres. Direito do consumidor Procurado pelo g1, o Procon DF respondeu que "entende que a loja deve fornecer meios para que o consumidor consiga levar as compras para casa e, nesse sentido, o fornecimento de sacolas ou substitutos faz parte do serviço prestado ao consumidor pelo lojista". O órgão disse que, caso o estabelecimento cobre por um meio específico para se transportar as compras, como sacolas de presente ou de certos tipos de material, que "essa cobrança deve ser devidamente informada ao consumidor, de modo claro e ostensivo, antes de o cliente efetuar a compra". Leia mais notícias da região no g1 DF. Veja Mais

Amor & Gelato | Quando a nova comédia romântica da Netflix estreia?

canaltech Um dos filmes mais aguardados pelos assinantes da Netflix em junho, a comédia romântica Amor & Gelato já tem data exata para estrear na plataforma de streaming e mais informações sobre sua trama e um trailer. Lançamentos da Netflix em junho de 2022 As 10 melhores comédias românticas disponíveis na Netflix Amor & Gelato é a adaptação do livro homônimo de Jenna Evans e conta a história de Lina, uma garota estadunidense de 16 anos que, após perder a mãe para um câncer, viaja para a Itália para conhecer seu pai e passar o último verão antes da faculdade em Roma.   Sobre o que é Amor & Gelato? Confusa e abatida pelo luto, Lina não está nada entusiasmada com a viagem, mas seu destino vai mudar quando ela chegar ao local. Isso porque a moça receberá o diário de sua mãe e tentará refazer seus passos, em busca de descobrir o que ela viveu enquanto esteve no país. -Feedly: assine nosso feed RSS e não perca nenhum conteúdo do Canaltech em seu agregador de notícias favorito.- Entre as várias informações reveladas no diário, a deliciosa gastronomia italiana e muitos gelatos, a adolescente vai perceber que a Itália tem muito mais a oferecer do que imaginava, como por exemplo, um triângulo amoroso. Amor & Gelato é produzido pelo mesmo estúdio dos romances Para Todos Os Garotos Que Amei e A Barraca do Beijo, apostas de sucesso da Neflix. O elenco é formado por Susanna Skaggs, que dá vida à protagonista; Anjelika Washington, que interpreta Addie, a melhor amiga de Lina; Tobia De Angelis, que fará o mocinho Ren; e Owen McDonnell, que será Howard, o pai de Lina. A direção fica por conta de Brandon Camp (Benji), enquanto o roteiro é da própria autora do livro, Jenna Evans. Além de Amor & Gelato, ela escreveu Amor & Sorte e Amor & Azeitonas, livros que fazem parte da trilogia, têm personagens que se relacionam entre si, mas não são continuação da história de Lina. O filme é baseado no livro homônimo de Jenna Evans (Imagem: Divulgação/ Netflix) Quando Amor & Gelato estreia na Netflix? Com uma história de recomeço, amadurecimento, amizade e amor, além de cenários italianos de tirar fôlego, Amor & Gelato tem lançamento marcado para o dia 22 de junho no catálogo da Netflix. Se você é fã de comédias românticas, não pode deixar de assistir. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Como adicionar administrador no Instagram

canaltech Saber como adicionar administrador no Instagram é um passo importante se tem um perfil de qualquer tipo na rede social. Através disso, é possível manter o cronograma de postagens e ficar a par de tudo o que acontece na conta. Como saber quem visitou seu perfil no Instagram Como colocar respostas automáticas no Instagram É importante dizer que é necessário que já tenha realizado a troca para conta comercial no Instagram, o que permite maior customização e controle de dados. Com isso pronto, é só conferir o tutorial abaixo. A mudança só pode ser feita através da plataforma Meta Business Suite no navegador; a versão para celular não permite configurar um novo administrador, e, além disso, também é necessário realizar a vinculação da conta do Instagram com o Facebook. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Ao adicionar a conta do Instagram à sua página do Facebook, está tudo pronto para indicar uma pessoa como administrador. Veja abaixo o passo a passo: Acesse o Meta Business Suite e, no menu lateral, clique em "Funções administrativas"; Na seção "Atribuir uma nova função administrativa", selecione "Administrador" se deseja que controle a página e todos os aplicativos conectados; Se não, toque em "Personalizado" e entre em "Gerenciar funções"; Acesse o gerenciamento de funções para permitir que pessoas administrem contas do Instagram (Captura de tela: Rodrigo Folter) Na nova página, escolha no menu lateral, ao lado esquerdo da tela, "Contas do Instagram"; O perfil do Instagram vinculado ao Facebook aparecerá, agora é só clicar em "Adicionar pessoas" e escolher o que ela pode ou não fazer. Adicione pessoas para gerenciar perfis do Instagram através do Meta Business Suite (Captura de tela: Rodrigo Folter) É nesse local onde o proprietário da conta do Instagram pode, além de adicionar administradores, colocar contas parceiras, editar quem tem acesso a sua conta, ou ainda, excluí-los. Com a função de administrador a pessoa pode realizar as seguintes ações no Instagram através do Meta Business Suite pelo navegador, Android ou iOS: Criar, gerenciar e excluir conteúdo para o Instagram; Enviar mensagens diretas na conta do Instagram; Analisar e responder comentários, excluir conteúdo indesejado e realizar denúncias; Criar, gerenciar e excluir anúncios no Instagram; Ver o desempenho da conta, dos conteúdos e dos anúncios na conta do Instagram. Dentre essas ações, enviar mensagens diretas só pode ser feito através do aplicativo do Instagram, mas o Meta Business Suite sempre avisa quando uma mensagem nova chega. Além do administrador, que tem controle total ao Instagram, você também pode optar pelas funções: Editor: acesso ao Facebook com controle parcial; Moderador: pode ver as tarefas para respostas às mensagens, atividade da comunidade, anúncios e insights; Anunciante: acessa as tarefas para anúncios e insights; Analista: pode visualizar as tarefas para insights. Essa é a forma de adicionar administrador, ou outras funções no Instagram, tudo diretamente do Meta Business Suite e permitindo que controle todas as funções e quais contas a pessoa pode ter acesso. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Estudo destaca quais são as marcas mais fortes e valiosas do Brasil em 2022

canaltech Nubank, Google e Mercado Livre são as marcas mais valiosas do Brasil, de acordo com um estudo global do Brand Asset Valuator (BAV), ferramenta da agência de publicidade WPP. O resultado foi apresentado no prêmio As Marcas Mais Valiosas do Brasil 2022, evento realizado na sexta-feira (10). Pesquisa destaca as 25 marcas brasileiras mais valiosas de 2021; veja a lista Tecnologia domina lista das 10 marcas mais influentes no Brasil O Nubank liderou o ranking As Marcas Brasileiras Mais Fortes, enquanto Google esteve no topo da lista Marcas Internacionais Mais Fortes Presentes no Brasil, e o Mercado Livre esteve à frente das Marcas Brasileiras Mais Valiosas — o grupo foi criado na Argentina, mas tem forte representação no Brasil. A análise de dados e a elaboração dos rankings foi realizada pela Superunion, consultoria de marca da WPP, e pela TM20. A Economatica, Brazil Panels, ESPM e Grey foram parceiras do projeto. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Como foram os estudos das maiores marcas do Brasil O primeiro estudo, das marcas brasileiras mais fortes, só considerou empresas de origem brasileira ou com operação forte no país. Os dados do BAV para o Brasil se baseiam em pesquisa qualitativa com 16 mil entrevistados em 132 categorias ao longo do segundo semestre de 2021, abrangendo mais de 1.600 marcas. Foram consideradas marcas fortes aquelas com motores de crescimento e geração de valor, com base em um pilar chamado Força da Marca (Brand Strength), que por sua vez é composto pela combinação de Diferenciação e Relevância. A lista mostrou-se diversificada, com nomes que vão à Tramontina (utensílios de aço) a Sebrae (incentivo a empresas). Google foi a marca global mais forte do Brasil em 2022, segundo estudo (Imagem: Paweł Czerwiński/Unsplash) Para a de marcas internacionais mais fortes no Brasil, foi aplicada a mesma pesquisa de dados, que viu uma consolidação de empresas multinacionais de tecnologia, plataformas de redes sociais, streaming, produtos e plataformas tecnológicas. A Disney foi a única do top 10 que não tem origem no mundo digital. Já no terceiro ranking, de marcas brasileiras mais valiosas, houve um cruzamento dos dados do BAV e dos parceiros Economatica e Brazil Panels com uma análise financeira de valoração da TM20. Assim, o estudo calculou os valores das principais marcas brasileiras. O líder Mercado Livre atingiu R$ 11,4 bilhões. “Muito interessante perceber como o contexto no qual vivemos os dois últimos anos, bem como a intensa digitalização dos negócios modifica a paisagem que nos acostumamos a ver das marcas mais fortes ou valiosas. Novos hábitos, novos comportamentos dos consumidores, em jornadas híbridas são, de certa forma, capturados pelo estudo que desenvolvemos”, explica Marcelo Bicudo, CEO da Superunion Brasil. Marcas mais fortes do Brasil 1. Nubank2. Tramontina3. iFood4. O Boticário5. Lojas Americanas6. Magazine Luiza7. Natura8. Sebrae9. Cacau show10. Brastemp Marcas Globais mais Fortes no Brasil 1. Google2. YouTube3. WhatsApp4. Netflix5. Instagram6. Windows7. Samsung8. Android9. Disney10. Apple Marcas mais Valiosas do Brasil 1. Mercado Livre - R$ 11,4 bilhões2. Itaú - R$ 8,2 bilhões3. Bradesco - R$ 4,2 bilhões4. Vivo - R$ 3,7 bilhões5. Nubank - R$ 3,6 bilhões6. Natura - R$ 2,9 bilhões7. Magazine - R$ 2,5 bilhões8. Skol - R$ 1,7 bilhão9. Petrobras - R$ 1,7 bilhão10. Atacadão (Carrefour) - R$ 1,6 bilhão Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Projeto de lei quer endurecer punição a maus tratos de cavalos

O Tempo - Política Deputado Fred Costa (Patriota) quer enquadrar violência a cavalos às mesmas penas previstas a crimes contra cachorros e gatos Veja Mais

Valheim: jogo de vikings chegará ao Xbox em 2023

canaltech O jogo de sobrevivência Valheim está chegando ao PC Game Pass. O anúncio foi feito durante a continuação do Xbox Games Showcase nesta terça-feira (14), que também anunciou o lançamento do jogo para os consoles Xbox. Assassin’s Creed Valhalla ganhará modo gratuito em breve Minecraft, Starfield e mais: os anúncios do Xbox & Bethesda Showcase A adição de Valheim ao catálogo do Game Pass de PC acontecerá ainda no segundo semestre de 2022, enquanto a versão do jogo para Xbox One, Xbox Series X e Xbox Series S chegará no outono de 2023 (também via Game Pass). O título receberá suporte ao cross-play, permitindo que jogadores do Steam, Microsoft Store e consoles joguem juntos. A Microsoft anunciou Valheim em seus consoles como um lançamento exclusivo, o que significa que, pelo menos por enquanto, não veremos o game da Iron Gate AB no PlayStation ou Nintendo Switch. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!-   Assine o Xbox Game Pass Ultimate por apenas R$ 44,99/mês e tenha acesso a uma biblioteca com mais de 100 jogos para Xbox e PC! Valheim é um jogo focado em sobrevivência, que coloca o seu personagem em uma espécie de região isolada dos outros nove reinos da mitologia nórdica. Na história, Odin seleciona bravos guerreiros vindo de Valhalla para integrar essas terras imortais e derrotar os inimigos que ameaçam a estabilidade do local. Os jogadores podem construir casas, armaduras, caçar, derrotar trolls, monstros, domar animais selvagens e explorar o reino por completo, enfrentando os mais variados perigos que existem pelas terras. Um dos principais trunfos de Valheim é usar o conceito dos vikings de desbravar terras, exigindo que os jogadores sobrevivam em locais inóspitos e aprimorem suas habilidades. Vale lembrar que Valheim está disponível em acesso antecipado no Steam, por R$ 37,99. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

O que é working title?

canaltech Acompanhar o mundo do cinema e séries de TV é, às vezes, se deparar com nomes que não dizem muita coisa. Enquanto está todo mundo ansioso para saber sobre o próximo Vingadores ou o novo capítulo de Star Wars, é comum se deparar com notícias de bastidores sobre projetos um tanto quanto abstratos, como Stellar Vortex ou Blue Harvest. E por incrível que pareça, todas elas têm muito a dizer sobre essas grandes franquias que amamos. Marvel Studios | Calendário com os próximos filmes e séries do MCU DC Films | Calendário completo com os próximos lançamentos São os chamados working titles, os títulos provisórios ou temporários que os estúdios adotam por diversas razões. Às vezes, eles servem para despistar a imprensa e o público de um anúncio que ainda não foi feito ou então pelo simples fato de o nome que vai ser estampado no cartaz ainda não ter sido definido. O anúncio de Coringa 2 traz o que parece ser o working title do filme: uma nome provisório com uma pista do que está por vir (Imagem: Reprodução/Todd Phillips) Pode parecer uma bobeira, mas é o tipo de coisa que é muito comum em Hollywood e que a gente, enquanto público, quase nunca fica sabendo da existência desses títulos temporários. Trata-se de algo realmente usado em bastidores e que muito de vez em quando escapam e chegam aos fãs. -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Como funciona Hollywood O primeiro tipo de working title é o mais básico de todos e mal precisa de uma explicação para entendê-lo. É aquele nome que é claramente temporário porque ninguém teve uma ideia melhor de como chamá-lo. Ele é bem comum em sequências, por exemplo. Afinal, você não precisa ser muito criativo na hora de dizer que The Batman vai ganhar uma continuação, já que basta chamá-lo de The Batman 2 até ter um nome melhor — isso se houver um. Por outro lado, há aqueles filmes que as produtoras tratam como segredo de Estado. Imagine quantos projetos Kevin Feige comanda ao mesmo tempo no Marvel Studios e deixar vazar o nome de um longa que só vai chegar aos cinemas em 2025 pode entregar um spoiler de algo que vai ser feito um ou dois anos antes disso. Isso sem falar do prejuízo financeiro que essas antecipações indevidas podem causar. Multiverso da Loucura foi batizado de Stellar Vortex em referência à America Chavez (Imagem: Divulgação/Marvel Studios) Só que, ao mesmo tempo, você precisa contratar equipes para trabalhar nesses longas antes desse anúncio oficial acontecer. Roteiristas precisam esboçar o conceito básico da história assim como artistas traçam as primeiras ideias de visual. Assim, como contratar esse pessoal sem chamar a atenção do pessoal que vive garimpando novidades? Por apenas R$ 14,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! É aí que o working title se torna uma ferramenta muito útil. Ele é aquele nome provisório que serve para despistar qualquer curioso. Dificilmente o já citado Stellar Vortex iria chamar a sua atenção, mas e se você visse o nome Doutor Estranho no Multiverso da Loucura? É para dar às equipes mais liberdade de trabalhar sem chamar tanto a atenção é que esses nomes provisórios são tão usados. A sátira de Star Wars feita por Family Guy se apoiou no working title de O Retorno de Jedi (Imagem: Divulgação/Fox) Ao mesmo tempo, alguns deles acabam sendo descobertos e se tornam tão famosos quanto os títulos definitivos. Blue Harvest era o título temporário de Star Wars: O Retorno de Jedi e rapidamente se tornou uma referência adorada pelos fãs da saga, sendo referenciada em vários outros produtos — inclusive em sátiras, como em um filme de Family Guy. Pistas pelo caminho O curioso é notar que, embora sejam quase sempre abstratos e nada relacionados ao nome definitivo, os working titles acabam tendo uma conexão ou outra com o filme que tentam esconder. Mais do que isso, em alguns casos, até entregam detalhes da trama. Enquanto a série do Luke Cage no antigo universo da Marvel na Netflix foi apelidada de Tiara em referência ao acessório usado pelo herói nos quadrinhos, Jessica Jones já foi temporariamente chamada de Violet, indicando quem seria o grande vilão da temporada: o Homem-Púrpura. O próprio Stellar Vortex de Multiverso da Loucura também diz muito sobre a trama, já que é uma referência aos portais em forma de estrela abertos por America Chavez. Echo foi apelidada de Whole Branzino e isso pode dizer muito sobre a trama da série (Imagem: Divulgação/Marvel Studios) Por isso mesmo, a descoberta de alguns títulos de projetos futuros do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU, na sigla em inglês) já vem despertando o lado detetive de alguns fãs. A série Coração de Ferro, estrelada pela menina-gênio Riri Williams, vem sendo chamada internamente de Wise Guy — algo como Cara Sábio, em uma tradução literal —, o que levanta algumas dúvidas sobre o que a estreia da heroína adolescente deve trazer. Já Echo, o spin-off de Gavião Arqueiro centrado na personagem Maya Lopez, recebeu o working title de Whole Branzino e faz referência a um peixe comum na Europa, o que leva a crer que a personagem deve se envolver com a máfia. É uma aposta que faz sentido com o nome e com a própria jornada da heroína ou que pode ser, no fim das contas, só mais uma forma de despistar o pessoal. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

Cancelado voo que levaria migrantes do Reino Unido para Ruan...

em - Internacional Cancelado voo que levaria migrantes do Reino Unido para Ruanda (associação) Veja Mais

ALEMANHA HUMILHA ITÁLIA, QUEBRA TABU HISTÓRICO E EMBOLA GRUPO NA NATIONS LEAGUE | MELHORES MOMENTOS

ALEMANHA HUMILHA ITÁLIA, QUEBRA TABU HISTÓRICO E EMBOLA GRUPO NA NATIONS LEAGUE | MELHORES MOMENTOS

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Alemanha #Itália #NationsLeague #MelhoresMomentos #5x2 Veja Mais

Secretário-geral da Otan diz que Ucrânia precisa de 'mais armas pesadas'

em - Internacional Os países ocidentais deveriam enviar mais armamento pesado à Ucrânia em sua luta contra o avanço da Rússia no leste do país, declarou nesta terça-feira (14) o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg. "Sim, a Ucrânia deveria ter mais armas pesadas", disse Stoltenberg durante coletiva de imprensa em Haia, após reunião com líderes de sete aliados europeus da Otan antes de uma reunião de cúpula da Aliança Atlântica.Stoltenberg disse que a Otan já estava "intensificando" as entregas e fará reuniões em Bruxelas na quarta-feira para coordenar mais apoio, incluindo armamento pesado."Porque dependem absolutamente disso para poder fazer frente à brutal invasão russa", disse Stoltenberg. A Ucrânia tem pedido reiteradamente ao Ocidente armamento pesado e criticado alguns líderes europeus por não entregarem as armas que, segundo Kiev, precisa para fazer as forças russas recuarem.O primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, e a primeira-ministra dinamarquesa, Mette Frederiksen, receberam Stoltenberg e líderes de Polônia, Romênia, Letônia, Portugal e Bélgica antes da cúpula da Otan, que será celebrada em Madri no fim de junho. Veja Mais

Chrome Extensions | Como instalar e usar plugins e add-ons no navegador

canaltech O navegador do Google, embora seja bastante equipado, pode ter as suas funções ampliadas através do Chrome Extensions. As extensões, frequentemente criadas por empresas terceiras e disponibilizadas na Chrome Web Store, podem ter os mais variados usos. 10 melhores extensões para usar no Chrome em 2022 5 extensões indispensáveis para quem está em Home Office Há plugins para as mais diversas funções. Alguns, com foco na interface, permitem alterar o visual do programa; outros adicionam camadas de segurança às atividades; há também aqueles que incrementam o navegador com funções, como bloco de notas; ainda vale mencionar os que possibilitam acesso rápido a plataformas e sites. Esses são só alguns exemplos. O processo de instalação das Chrome Extensions, inclusive, é simples e rápido. Aliás, ainda que o usuário não saiba qual plug-in baixar, ele pode utilizar o mecanismo de busca da loja do Google para encontrar exatamente o que precisa. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- 1. Acesse a Chrome Web Store pelo navegador do Google e, na barra de pesquisa, digite o nome do plugin que deseja baixar ou a função que procura; Para baixar as Chrome Extentions, acesse a loja oficial do navegador (Captura: Kris Gaiato) 2. À direita da tela, clique no botão “Usar no Chrome” e, na janela que será exibida no tipo da página, confirme a decisão com o comando “Adicionar extensão”; Além de serem compatíveis com o Chrome, os plugins ainda podem ser usados no Microsoft Edge (Captura: Kris Gaiato) 3. Para acessar a extensão e gerenciar as que já estão instaladas, toque no menu de plugins, representado pelo ícone de quebra-cabeça. Nessa aba, você pode fixar cada item e acessar opções através do botão de três pontos. No fim da janela, toque em “Gerenciar extensões”; Fixar extensões é uma forma de adquirir acesso rápido pela barra de ferramentas do navegador (Captura: Kris Gaiato) 4. Com isso, você verá todos os programas instalados, bem como os botões de ação “Saiba mais”, que mostra detalhes do plugin, “Remover”, que desinstala a extensão e “Erros”, se existir algum. À direita, você também verá um botão para desativar ou ativar a ferramenta. Na página de gerenciamento de extensões, você acessa todas baixadas e as opções de configuração (Captura: Kris Gaiato) Ainda que sejam muito úteis, as Chrome Extensions possuem aspectos negativos. Já que a maioria é criada e disponibilizada por empresas terceiras, elas podem ameaçar a segurança do seu dispositivo e dos seus dados. Portanto, antes de instalar uma ferramenta no seu navegador, verifique se a sua origem é confiável. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

ENCONTRO DE CRAQUES MOTOR COM HÉLIO CASTRONEVES, RICARDO ZONTA E LEO SANCHEZ | BANDSPORTS

ENCONTRO DE CRAQUES MOTOR COM HÉLIO CASTRONEVES, RICARDO ZONTA E LEO SANCHEZ | BANDSPORTS

Band Sports No #EncontroDeCraques​​​​​ desta terça-feira, Beetto Saad, Isabella Ayami e Tiago Mendonça recebem o recordista das 500 Milhas de Indianápolis, Hélio Castroneves, o piloto da Stock Car, Ricardo Zonta e o piloto da Porsche Cup, Leo Sanchez, para falar sobre os destaques do automobilismo nacional, além de mais uma etapa da Fórmula 1. Acompanhe ao vivo! Inscreva-se no nosso canal para ficar por dentro de todas as novidades do BandSports! Nos sigam também nas redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/bandsports/ Twitter: https://twitter.com/bandsports​​​​​ Facebook: https://www.facebook.com/BandSportsTV/​​ Veja Mais

Aquaman 2: Amber Heard deve ser substituída na franquia; entenda!

Aquaman 2: Amber Heard deve ser substituída na franquia; entenda!

Tecmundo Um novo relatório do filme Aquaman 2: Reino Perdido afirma que o papel de Mera, personagem interpretada por Amber Heard, deve passar por uma reformulação. Segundo o site Just Jared, a Warner Bros. decidiu reformular o papel de Amber após testar a primeira versão do filme. Um fonte afirmou ao portal que o estúdio fará refilmagens com Jason Momoa e Nicole Kidman.O documento também aponta que uma nova atriz deve ser escolhida para interpretar Mera em possíveis próximos projetos da DC que envolvam a personagem.Leia mais... Veja Mais

Como transferir dinheiro do Mercado Pago para o PicPay

canaltech Saber como transferir dinheiro do Mercado Pago para o PicPay é um processo importante, caso deseje cobrir gastos em outra carteira digital. Felizmente, a transação entre as instituições financeiras é simples e, dependendo da opção escolher, o dinheiro cai na hora. Como fazer transferência por TED no Mercado Pago Como gerar boleto no Mercado Pago Confira abaixo como realizar a transferência da sua conta do Mercado Livre, empresa responsável pelo Mercado Pago, e outras informações importantes sobre o processo. Como enviar dinheiro do Mercado Pago para o PicPay Se esta for sua primeira transferência, será necessário validar as informações de sua conta, enviando uma foto de seu RG ou CNH para o sistema e também uma selfie. O processo pode demorar até 72 horas, portanto se programe caso precisa realizar a transação em determinada data. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- É importante sempre conferir se há dinheiro na conta na hora de enviar para o PicPay, principalmente se a data de depósito é em outro dia. Confira abaixo as formas disponíveis para realizar a transação. Por PIX A primeira forma de enviar o dinheiro para a conta PicPay é através do Pix, processo definido por padrão pela plataforma para qualquer tipo de transferência. Acesse o aplicativo no Android ou iOS e confira abaixo. Acesse sua conta do Mercado Pago e na área inicial, toque em "Ver Mais"; Toque em "Transferir dinheiro" e em seguida "Nova transferência"; Selecione "Insira os dados da conta" para preencher de forma manual; No primeiro campo, "Banco ou instituição", pesquise por PicPay e selecione; Preencha os outros campos e toque em "Continuar"; Coloque o valor da transferência e prossiga; Escolha se a transferência será feita no momento, ou agende para uma data futura; Em seguida, toque em "Finalizar" e aguarde a confirmação do recebimento. Transfira direito do Mercado Pago para o PicPay através do Pix (Captura de tela: Rodrigo Folter) O depósito é feito de forma automática pelo Pix, caindo na conta creditada no mesmo instante, perfeito para realizar transferências com urgência, como no fim de semana. Por código QR É possível fazer a transferência para o PicPay de outra Pessoa Física, através de um QR Code. Para isso, é necessário que a pessoa gere um código para receber pagamentos e transferências. Assim que for gerado, você poderá realizar a leitura da seguinte forma: Acesse o leitor através do símbolo no menu inferior; Também é possível acessar, tocando em "Ver mais"; Na sessão "Fazer e receber um Pix", selecione "Pagar com QR Pix"; Escaneie o código e selecione "Saldo no Mercado Pago"; Informe quem você pagou e pronto. Realize transferência do Mercado Pago para o PicPay através do código QR (Captura de tela: Rodrigo Folter) A transferência por código QR segue a mesma lógica da transferência convencional, caindo na conta de quem for receber na mesma hora. Por boleto Ainda é possível realizar a transferência através da geração de um boleto, no entanto, o pagamento pode levar mais de um dia útil para cair. Para realizar esse tipo de transação, o passo a passo é o seguinte: Acesse, na página inicial, a opção "Contas e serviços" ao lado do ícone de recarga de celular; Escolha "Pagar nova conta" e toque em "digitar o código"; Digite o código de barras e toque em "Continuar"; Confirme a transação e a transferência será realizada. Boleto é outra forma de transferir dinheiro do Mercado Pago para o PicPay (Captura de tela: Rodrigo Folter) Dessa forma que o usuário consegue adicionar dinheiro ao PicPay transferindo da conta na carteira digital do Mercado Livre. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

ONG aponta que 80% dos jovens da Faixa de Gaza têm problemas emocionais

em - Internacional Quatro a cada cinco jovens na Faixa de Gaza sofrem de problemas emocionais, como depressão, informou nesta quarta-feira a ONG Save the Children, alertando para a deterioração da saúde mental no enclave palestino após 15 anos de bloqueio israelense.A ONG afirma em seu estudo que "o bem-estar mental das crianças, jovens e seus acompanhantes se deteriorou consideravelmente desde um relatório semelhante elaborado em 2018, com um aumento do número de crianças que apresentam problemas emocionais de 55% para 80%".A ONG britânica revela sintomas de depressão, ansiedade, medo e pensamentos suicidas no relatório atual, baseado em pesquisas com 488 jovens de 12 a 17 anos e 160 pais, e divulgado por ocasião dos 15 anos do bloqueio decretado por Israel em resposta à chegada do movimento islamita Hamas ao poder no enclave palestino.A Save the Children lamenta a falta de perspectivas de mudança para os 2,3 milhões de habitantes de Gaza, 47% deles menores. Entre esses últimos, 800.000 não conheceram a vida antes do bloqueio israelense. "As crianças disseram que vivem em um estado permanente de medo, preocupação, tristeza e sofrimento, à espera do próximo ciclo de violência", disse Jason Lee, representante da ONG nos Territórios Palestinos.Para a organização Human Rights Watch (HRW), o bloqueio "destruiu a economia de Gaza, contribuiu para a fragmentação do povo palestino e participou de crimes contra a humanidade de apartheid e perseguição das autoridades israelenses a milhões de palestinos"."Os jovens são os mais prejudicados, porque não conheceram Gaza antes do bloqueio. Seu horizonte se reduz forçadamente a uma faixa de terra de 40 por 11 quilômetros, o que limita suas opções de interação com o mundo e suas oportunidades", ressaltou o diretor da HRW para Israel e a Palestina, Omar Shakir.Gaza se converteu em uma "prisão a céu aberto", denunciou Shakir, que também culpou o Egito, que restringe o acesso dos habitantes de Gaza ao seu território. Veja Mais

Por que fintechs costumam liberar créditos para quem tem "nome sujo"?

canaltech Uma das maiores vantagens das startups financeiras (fintechs) em relação aos bancos tradicionais é que o primeiro grupo costuma ser bem mais benevolente para liberar crédito do que o segundo grupo. Até clientes inadimplentes costumam ser beneficiados por essas empresas. Por que isso ocorre? Quais são as diferenças entre fintechs e startups? Quantas fintechs existem no Brasil atualmente? No geral, as fintechs usam bastante inteligência de dados para orientar suas decisões para concessão de crédito, algo que as instituições tradicionais ainda estão atrás, apesar de também estarem avançando nesse sentido. Os algoritmos das startups conseguem, por exemplo, identificar perfis de clientes acima do grau de risco que os bancos estão dispostos a aceitar, mas também acha outras informações suficientes para conceder crédito a esse cliente. “A inadimplência é sempre uma realidade para quem trabalha com crédito. E, neste momento, essa realidade está crescendo de forma sistêmica. Mas vemos as fintechs mais preparadas e equipadas para lidar com clientes que enfrentam desafios em seu ciclo de pagamento, já que têm uma série de mecanismos para acomodar uma inadimplência temporária ou a necessidade de extensão de um prazo, por exemplo”, afirma Sandro Reiss, presidente da Associação Brasileira de Crédito Digital (ABCD), entidade representante do setor. -Baixe nosso aplicativo para iOS e Android e acompanhe em seu smartphone as principais notícias de tecnologia em tempo real.- Fintechs estão mais acostumadas à inadimplência que grandes bancos, diz associação do setor (Imagem: Envato/twenty20photos) De acordo com a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), 28,7% das famílias ouvidas relataram ter contas ou dívidas em atraso em maio. Outro levantamento recente da Serasa apontou que mais de 65 milhões de brasileiros estavam inadimplentes em março. Outro possível motivo para essa distinção é que as regras do Banco Central para fintechs costumam ser menos rígidas que as aplicadas aos bancos, o que tem sido motivo de discussão entre os dois setores. Dito isso, veja os três motivos elencados por Reiss para explicar por que as fintechs conseguem emprestar dinheiro a clientes com nome sujo na praça com mais facilidade que os bancos tradicionais. Acostumadas à inadimplência As fintechs de crédito cresceram bastantes nos últimos anos. No período, a economia brasileira perdeu fôlego e levou ao endividamento de muita gente. Por isso a maioria das fintechs teve de criar sua carteira de crédito em ambiente de inadimplência alta e com flexibilização de condições para acomodar segmentos mal atendidos pelos grandes bancos. Técnicas diferentes para análise de crédito Com o uso de tecnologia, as fintechs de crédito são capazes de conhecer o cliente e oferecer certas flexibilidades, como extensão de prazo de pagamento ou redução de carência, por exemplo. As grandes instituições financeiras só conseguem proporcionar essas condições para grandes empresas ou clientes com quem mantêm um longo relacionamento. Atendimento a perfis mal atendidos no mercado A maior parte das fintechs trabalha com parcelas de clientes que não contam com um bom atendimento no mercado, oferecendo uma linha de produtos, serviços e apetite de risco bem coordenado com a realidade de seus clientes. Por isso, tendem a continuar crescendo mesmo em um cenário de alta volatilidade. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Obi-Wan Kenobi | O Grande Inquisidor ainda está vivo?

canaltech Os episódios finais de Obi-Wan Kenobi podem revelar que uma das mortes apresentadas na série não foi tão fatal assim e, da mesma forma que vimos acontecer com Anakin, um vilão dado como morto pode retornar mais poderoso. Afinal, há quem acredite que o Grande Inquisidor ainda vai dar as caras até o fim da temporada. Quem Obi-Wan Kenobi viu no deserto e o que isso significa? Como Obi-Wan Kenobi mudou sentido de uma das falas mais importantes de Star Wars Caso você não lembre, o líder dos Inquisidores teve uma participação bem pequena no seriado, já que foi morto por Reva (Moses Ingram) logo no capítulo 2. Em meio a uma discussão, a Terceira Irmã cravou o sabre de luz em seu superior e agora almeja ocupar o posto de líder dos caçadores de Jedi. Só que ela pode ter uma surpresa bastante ingrata em breve. Grande Inquisidor chegou cheio de panca na série, mas sua participação foi bem irrelevante — até agora (Imagem: Divulgação/Lucasfilm) A dica foi dada pelo próprio intérprete do Grande Inquisidor, o ator Rupert Friend. Em entrevista ao programa Jimmy Kimmel Live, ele foi instigado a falar sobre sua morte prematura na série e o apresentador citou explicitamente o golpe que o personagem levou em seu estômago. E foi quando o ator respondeu, como quem não quer nada, que o sabre perfurou apenas um de seus estômagos. -CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.- E não se trata de uma piada vazia. Dentro da mitologia de Star Wars, o líder dos inquisidores pertence à raça dos Pa’un, um povo que realmente tem dois estômagos em sua composição física. E por mais que não seja assim que a biologia funcione, a brincadeira pode servir para indicar a velha máxima do cinema: se não há corpo, não há cadáver. Assim, seria mesmo uma questão de tempo para retorno. Pistas futuras A grande pergunta é por que a gente deveria se importar com a volta de um personagem que beira à irrelevância dentro da série. A resposta é que, embora o Grande Inquisidor não tenha sido tão grande assim em Obi-Wan Kenobi, ele tem uma importância muito maior no restante do universo Star Wars, inclusive em eventos futuros. Em Rebels, o Grande Inquisidor é uma ameaça ainda maior (Imagem: Reprodução/Lucasfilm) A grande pista de que ele vai voltar está na animação Star Wars: Rebels. O desenho se passa após os eventos de Obi-Wan Kenobi e tem como um de seus grandes vilões justamente o Grande Inquisidor, que se apresenta mais uma vez como essa grande ameaça aos Jedi restantes da galáxia, além de ser peça-importante para explicar o que aconteceu com a Ordem dos Jedi com a ascensão do Império. É em Rebels que é mostrado que o Grande Inquisidor foi, no passado, um dos guardas do Templo Jedi, mas que se submeteu ao Império após a Ordem 66 e a caçada a qualquer indivíduo sensível à Força. Assim, com sua experiência e habilidade, ele se tornou um caçador de Jedi a serviço do Império, seja para matá-los ou recrutar aqueles que aceitassem lutar ao lado do Imperador. Assine a Disney+ aqui e assista a títulos famosos da Marvel, Star Wars e Pixar quando e onde quiser! Pelo visto, o retorno é muito mais uma questãode "como" do que de "se" (Imagem: Reprodução/Lucasfilm) Outro ponto importante é que o roteirista de Obi-Wan, Joby Harold, já falou que o mantra dentro da Lucasfilm é nunca quebrar o cânone de Star Wars — ou seja, jamais fazer com que uma história contradiga ou tente reescrever aquilo que já está estabelecido na franquia. Isso significa que Obi-Wan Kenobi não pode se sobrepor a Star Wars: Rebels e, como o Grande Inquisidor está vivo na animação, isso significa que ele deve retornar nesses dois episódios finais da temporada. A grande questão, portanto, é como isso vai acontecer. Obi-Wan Kenobi está disponível no catálogo do Disney+. O último episódio da série chega ao streaming no dia 22 de junho. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Como ver TikTok anonimamente

canaltech Existe uma grande chance de você querer saber como ver TikTok anonimamente. Não são todas as redes sociais que permitem que os usuários vejam quem visitou seu perfil, no entanto, não são raras as vezes que a plataforma de vídeos curtos acaba liberando essa informação para seus usuários. Confira abaixo mais detalhes! Como saber quem visitou seu perfil no Instagram Como ver o histórico de vídeos assistidos no TikTok Indo direto ao ponto, não é possível, de maneira nativa, ver os vídeos do TikTok anonimamente. No entanto, dá pra contornar essa situação de algumas maneiras, confira quatro! 1. Veja conteúdos fora da sua conta O que dá para fazer, no entanto, é usar a plataforma sem necessariamente efetuar o login na sua conta ou fazer o logout dela. -Siga no Instagram: acompanhe nossos bastidores, converse com nossa equipe, tire suas dúvidas e saiba em primeira mão as novidades que estão por vir no Canaltech.- Abra o app do TikTok e acesse a aba “Perfil” à direita do menu inferior; Toque nas “Três linhas” e selecione “Configurações e privacidade”; Role a aba até o final, clique em “Sair” e confirme a ação; Acesse a aba “Descobrir”, pesquise pelo perfil que quer visualizar anonimamente e assista aos conteúdos. Como ver TikTok anonimamente; saia da sua conta e veja os conteúdos (Captura de tela: Matheus Bigogno) 2. Use o TikTok Web Se você não quiser sair da sua conta, outra opção é acessar a versão web da rede social, que também permite assistir aos vídeos sem que você tenha que fazer o login na conta. Basta apenas acessar o site do TikTok através de um navegador web; Clique no campo de buscas e localize o perfil cujos vídeos você quer assistir anonimamente. Utilize a versão web da rede social para ver conteúdos sem ter que fazer login na sua conta (Captura de tela: Matheus Bigogno) 3. Crie um segundo perfil Se você não quer comprometer a sua conta ou o perfil em questão está privado, você pode segui-lo como uma conta secundária, sem usar seus dados como foto. Basta apenas criar uma nova conta e adicioná-la no TikTok e seguir o perfil ao qual quer visualizar anonimamente. Veja como ter duas contas na rede social. 4. Use plataformas de terceiros Se você quer assistir a um conteúdo do TikTok anonimamente mesmo usando um dos métodos acima, mas não quer ficar dando view para o perfil em questão, você pode baixar o vídeo e assisti-lo offline. Copie o link do vídeo utilizando um dos métodos listados acima; Através de um navegador web de sua preferência, abra uma nova aba e acesse o site SnapTik — ou você pode usar outras plataformas que também fazem download de vídeos, como o SSSTikTok, o QLoad.info e o TikMate; Cole o link no campo indicado e faça o download; O vídeo ficará salvo em sua galeria, basta assisti-lo quantas vezes quiser sem ter que ir ao perfil da pessoa e dar view para ela. Uma forma de ver vídeos anônimos no TikTok é baixando-o para assistir offline (Captura de tela: Matheus Bigogno) Sobre esse método específico, vai um alerta: não utilize esse método de baixar vídeos para reproduzir conteúdos sem a autorização de seus criadores. Pronto! A partir de agora você já sabe como ver TikTok anonimamente de quatro maneiras diferentes. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Animação da Disney é proibida em 14 mercados por cena de beijo lésbico

em - Internacional O filme de animação mais recente da Disney, "Lightyear", no qual duas pessoas do mesmo sexo aparecem se beijando, foi proibido em mais de uma dúzia de países muçulmanos, informou uma fonte ligada à empresa nesta terça-feira.Nações da Ásia e do Oriente Médio se recusaram a exibir o filme, sobre o personagem de "Toy Story" e produzido pela Pixar, empresa da família Disney que tenta navegar em meio a diferentes reações públicas e políticas envolvendo o tema LGBTQ.Reguladores nos Emirados Árabes anunciaram no fim de semana que o banimento do filme por "violação dos padrões de conteúdo dos meios de comunicação no país". Já a Indonésia, maior país de maioria muçulmana, explicou que não proibiu o filme, "mas sugere que o seu responsável pense no público indonésio, onde uma cena de beijo LGBT continua sendo um conteúdo sensível".Rommy Fibri Hardiyanto, chefe do departamento de censura da Indonésia, disse à AFP que a Disney não ofereceu uma versão editada do filme.Tudo indica que a Disney se recusou a editar o filme e ofereceu a versão original para todos os mercados. Consequentemente, 14 países e territórios nos quais a empresa queria exibir "Lightyear" não permitiram a estreia do filme.A cena polêmica, que mostra a melhor amiga do personagem "Buzz Lightyear", "Alisha Hawthorne", beijando sua mulher, também causou controvérsia nos Estados Unidos, onde foi originalmente removida do filme. A Pixar e a Disney voltaram atrás após a pressão de funcionários, que denunciaram a falta de comprometimento das empresas com a defesa dos direitos da população LGBTQ.THE WALT DISNEY COMPANY Veja Mais

EUA prorrogam isenção de sanções a pagamentos de energia à Rússia

em - Internacional Washington anunciou nesta terça-feira que continuará permitindo o pagamento de produtos energéticos à Rússia até 5 de dezembro, para dar tempo aos países europeus de se prepararem para o embargo quase total às importações de petróleo russo, em resposta à guerra na Ucrânia.A isenção das sanções financeiras impostas pelos Estados Unidos, que isolaram a Rússia de grande parte do sistema financeiro mundial, deveria expirar em 24 de junho. A exceção "alinhará nossos regulamentos ao momento de implementação da proibição da União Europeia ao petróleo bruto" da Rússia, explicou à AFP um porta-voz do Tesouro."Esta licença irá proporcionar uma transição ordenada, para ajudar nossa ampla coalizão de parceiros a reduzir sua dependência da energia russa, assinalou a fonte.A União Europeia, composta por 27 países, aprovou no fim de maio um sexto pacote de sanções, que irá interromper a maioria das importações de petróleo russo, mas excluiu o óleo bruto entregue via oleoduto, em um concessão à Hungria. Os Estados Unidos já haviam proibido o petróleo russo, mas os países europeus são muito mais dependentes dessas importações.A energia é uma fonte de receita importante para o governo de Vladimir Putin. As nações ocidentais tentam isolar Moscou e impedir sua capacidade de dar prosseguimento à guerra. Veja Mais

Minecraft Legends: o que sabemos sobre o novo jogo da franquia

canaltech A franquia Minecraft ganhará mais um spin-off: Minecraft Legends. O título será um game de ação e RTS (estratégia em tempo real) produzido pela Mojang Studios em parceria com a Blackbird Interactive, criadora de Crossfire: Legion. Minecraft: como baixar e jogar no PC, Mac ou navegador de internet Minecraft | 18 curiosidades que você provavelmente não sabe O game foi anunciado durante o Xbox & Bethesda Games Showcase, a conferência da Microsoft em parceria com a Summer Game Fest 2022. Assista o trailer abaixo, e relembre todos os anúncios do evento aqui.   A história de Minecraft Legends Minecraft Legends contará a história do Overworld (o mundo principal do jogo) sob uma invasão em massa de Piglins. Segundo uma lenda, apenas você poderá reunir todos os mobs do mundo e ajudá-los a combater o mal. -Podcast Porta 101: a equipe do Canaltech discute quinzenalmente assuntos relevantes, curiosos, e muitas vezes polêmicos, relacionados ao mundo da tecnologia, internet e inovação. Não deixe de acompanhar.- Segundo a Mojang, os acontecimentos do novo game fazem parte de um conto, passado de geração para geração pelo “boca-boca”. Ou seja, não sabemos se essa história aconteceu de verdade, e nem há registros ou evidências desse grande herói que salvou o Overworld (você, neste caso). O gameplay de Minecraft Legends Minecraft Legends (Divulgação/Xbox Game Studios) Minecraft Legends (Divulgação/Xbox Game Studios) Minecraft Legends (Divulgação/Xbox Game Studios) Minecraft Legends (Divulgação/Xbox Game Studios) Minecraft Legends (Divulgação/Xbox Game Studios) Diferentemente do Minecraft original, Minecraft Legends não será um jogo de sobrevivência sandbox, mas sim de ação estratégia em tempo real. Com a câmera em terceira pessoa, o jogador vai “defender assentamentos pacíficos e lutar contra hordas de Piglins para impedir a propagação da corrupção do Nether”. Como qualquer jogo de RTS, você vai liderar sua equipe nas batalhas, lutando ao lado deles enquanto lhes dá instruções. Será possível jogar tanto sozinho quanto com amigos, seja co-op (cooperativo) ou PvP (competitivo). “Vamos revelar mais sobre como você conseguirá a tarefa monumental de repelir a invasão dos piglins nos próximos meses”, diz a Mojang. Portanto, é melhor ficar atento às novidades. Requisitos mínimos para jogar Minecraft Legends Segundo a página oficial do jogo no Steam, estes são os requisitos para jogar. Note que, do mínimo para o recomendado, as especificações não mudam. Requisitos mínimos Requisitos recomendados Sistema operacional Windows 10 (atualização de novembro de 2019 ou posterior), 8 ou 7 (64-bit com as últimas atualizações; algumas funcionalidades podem não funcionar) Windows 10 (atualização de novembro de 2019 ou posterior), 8 ou 7 (64-bit com as últimas atualizações; algumas funcionalidades podem não funcionar) Processador Core i5 2.8GHz ou equivalente Core i5 2.8GHz ou equivalente Memória 8 GB de RAM 8 GB de RAM Placa de vídeo NVIDIA GeForce GTX 660 ou AMD Radeon HD 7870, ou GPU DX11 equivalente NVIDIA GeForce GTX 660, ou AMD Radeon HD 7870, ou GPU DX11 equivalente DirectX Versão 11 Versão 11 Armazenamento 8 GB de espaço disponível 8 GB de espaço disponível Quando Minecraft Legends vai ser lançado? Minecraft Legends ainda não tem uma data de lançamento completa, mas está previsto para algum momento de 2023. As plataformas serão Xbox One, Xbox Series X, Xbox Series S, PlayStation 4, PlayStation 5, Nintendo Switch e PC. O título também será adicionado ao serviço por assinatura Game Pass. Inscreva-se no Canaltech Ofertas e receba as melhores promoções da internet diretamente no seu celular! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

TV Samsung Neo QLED QN90B chega ao Brasil com tela Mini LED de até 144 Hz

canaltech Quase um mês após confirmar a chegada das novidades, a Samsung anunciou nesta terça-feira (14) a estreia da TV Samsung Neo QLED QN90B no Brasil. Modelo LCD mais avançado da marca, o aparelho é lançado no país em 4 tamanhos, equipados com iluminação Mini LED para oferecer cores e contraste mais intensos, e promete estar preparado para o público gamer ao contar com taxas de atualização de até 144 Hz e inúmeros recursos focados em jogos. Xbox Cloud Gaming vai chegar para TVs e monitores Samsung As diferenças entre LCD, OLED, Mini LED, Micro LED e outros tipos de display Samsung QN90B estreia no Brasil com tela Mini LED de 144 Hz Anunciada originalmente na CES 2022, em janeiro, a Samsung Neo QLED QN90B chega ao Brasil nos tamanhos de 43, 50, 55 e 65 polegadas, com destaque para as duas variantes menores. Visando concorrer com as TVs OLED C1 e C2 de 42 e 48 polegadas da LG, as versões mais compactas da QN90B tentam conquistar o público gamer ao unir o painel Mini LED da Samsung com uma ampla gama de recursos voltados aos jogos. Ambas adotam tela VA LCD, tecnologia reconhecida por entregar contraste mais elevado que o IPS LCD de outras TVs e monitores, combinadas aos pontos quânticos, que entregariam "100% de volume de cor" — a intensidade dos tons em diferentes níveis de brilho —, e ao sistema de iluminação Mini LED, com milhares de zonas de iluminação que acendem e apagam de maneira independente para gerar pretos mais profundos em áreas escuras da imagem. -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- A Samsung Neo QLED QN90B chega ao Brasil com tela Mini LED de 144 Hz nos tamanhos de 43, 50, 55 e 65 polegadas (Imagem: Reprodução/Samsung) Nesses modelos, a tecnologia habilita o Quantum HDR 1500, com pico de brilho de 1.500 nits ao reproduzir conteúdos em HDR, suportado aqui nos formatos HDR10+, nos modos Adaptativo e Gaming, HLG para transmissões e HGiG para games. O display embarca ainda resolução 4K, taxa de atualização de até 144 Hz e tecnologia AMD FreeSync Premium Pro, que sincroniza consoles e placas de vídeo à tela para garantir que os quadros gerados não sejam quebrados na exibição. Completam os recursos gamer a compensação de baixa taxa de quadros, que mantém a sincronização do FreeSync mesmo com taxas de quadro abaixo dos 48 FPS, modo automático de baixa latência (ALLM), que entra no modo Game ao detectar um PC ou console para reduzir o atraso de comandos, recurso LED Clear Motion, ou Black Frame Insertion (BFI), que insere um quadro preto entre as imagens para reduzir o borrão de movimento, suporte a imagens em proporções 21:9 e 32:9, entre outros. A novidade chega recheada de recursos gamer, incluindo AMD FreeSync Premium Pro, modo Super Ultrawide, ALLM, HDR com HGiG e mais (Imagem: Reprodução/Samsung) O áudio também recebeu atenção especial, apresentando um sistema de 2.0 canais com potência de 20 W na versão de 43 polegadas, e de 2.2 canais com potência de 40 W na de 50 polegadas. As duas variantes embarcam tecnologia Dolby Atmos de áudio espacial, podem se conectar a soundbars da Samsung para criar um ambiente sonoro mais encorpado com a função Q-Symphony e contam com rastreamento de objeto, que entregaria maior imersão. No coração das TVs está o processador Neo Quantum 4K, responsável não apenas pelo processamento de som e imagem, como também pelos diversos recursos inteligentes. A QN90B embarca sistema operacional Tizen, tendo acesso a apps variados e ao gerenciamento de dispositivos inteligentes com o SmartThings, comandos de voz com Bixby, Alexa e Google Assistente, e chamadas de vídeo com o Google Duo.   Outros destaques incluem modo Multi View de tela dividida, conectividade com Wi-Fi 5 Dual Band e Bluetooth 5.2, quatro portas HDMI, porta LAN para Internet via cabo, o design Neo Slim, que promete corpo fino e bordas quase ausentes ao redor do display, o controle remoto SolarCell, que recarrega a partir da luz ambiente, e 10 anos de garantia contra burn-in, o "fantasma" de imagens na tela. As versões de 55 e 65 polegadas compartilham da maioria das tecnologias e recursos das irmãs menores, mas trazem algumas diferenças curiosas, começando pela redução da taxa de atualização, limitada a 120 Hz. Também estão ausentes o HGiG para HDR em games, o LED Clear Motion para redução do borrão de movimento e o Dolby Atmos. Em compensação, ambas embarcam Quantum HDR 2000, com picos de brilho de 2.000 nits, e sistemas de som mais robustos, com 4.2.2 canais e 60 W de potência. Preço e disponibilidade A nova TV Samsung Neo QLED QN90B está disponível a partir de hoje no site da Samsung e nos principais varejistas do país, com os seguintes preços sugeridos: 43 polegadas: R$ 5.999 50 polegadas: R$ 6.499 55 polegadas: R$ 7.499 65 polegadas: R$ 11.399 Durante o período de pré-venda, que vai de hoje (14) até o dia 30 de junho, os compradores da TV Neo QLED QN90B de 43 ou 50 polegadas poderão escolher bundles promocionais com brindes para resgatar, estando disponíveis três opções: Uma soundbar Samsung HW-Q600B Dois controles DualSense para PS5 e um headset gamer Logitech G935 Dois controles Xbox Series X|S e um headset gamer Logitech G935 Como sempre, o resgate será feito no site Samsung Para Você, podendo ser realizado até o dia 14 de agosto.  Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Quem inventou o chuveiro elétrico? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Rover Perseverance encontra estranha "cabeça de cobra" em Marte Veja Mais

Domingos Sávio se defende de críticas à PEC para sustar atos do STF

O Tempo - Política Parlamentar afirmou que não quer diminuir a Corte mas promover equilíbrio entre os Poderes Veja Mais

A Voz do Brasil - Voto do idoso como ferramenta para reivindicar políticas públicas - 14/06/22

A Voz do Brasil - Voto do idoso como ferramenta para reivindicar políticas públicas - 14/06/22

Câmana dos Deputados RÁDIO CÂMARA - Confira nesta edição, entre outros assuntos: ✔️Debatedores apontam voto do idoso como ferramenta para reivindicar políticas públicas; ✔️Deputados divergem sobre responsabilidade do governo no desaparecimento de Dom Philips e Bruno Pereira; ✔️Câmara institui dia nacional para celebrar prática católica do Terço dos Homens. Conheça nossos termos de uso: https://www.camara.leg.br/tv/562840-t... Siga-nos também nas redes sociais: https://www.facebook.com/camaradeputados https://twitter.com/camaradeputados https://www.instagram.com/camaradeput... https://www.tiktok.com/@camaradosdepu... https://cd.leg.br/telegram Conheça nossos canais de participação: https://www2.camara.leg.br/participacao #CâmaraDosDeputados Veja Mais

Voo que levaria migrantes do Reino Unido para Ruanda é cancelado

em - Internacional O primeiro voo previsto nesta terça-feira (14) pelo governo britânico, determinado a expulsar migrantes ilegais para Ruanda, foi cancelado após recursos legais de última hora, um revés humilhante para o Executivo chefiado por Boris Johnson.O governo britânico estava determinado a expulsar para o país africano pelo menos dez imigrantes ilegais na primeira aplicação de uma política migratória defendida como uma questão de "princípios", mas qualificada de "imoral" pela Igreja Anglicana.No entanto, após recursos judiciais e uma decisão urgente do Tribunal Europeu de Direitos Humanos, o avião fretado especialmente para a ocasião ao custo de centenas de milhares de euros ficou em terra."Último bilhete cancelado. NINGUÉM VAI A RUANDA", tuitou a organização beneficente de apoio aos refugiados Care4Calais."Recursos legais e alegações de última hora fizeram com que o voo de hoje não tenha podido decolar (...) Não nos dissuadiram de fazer o certo", disse a ministra britânica do Interior, Pitri Patel."Nossa equipe legal está revisando cada decisão tomada sobre este voo e a preparação para o próximo voo começa agora", acrescentou.O Executivo de Boris Johnson quer mandar os migrantes para este país do leste da África, situado a 6.500 km de Londres, para desestimular as chegadas ilegais pelo Canal da Mancha, que não param de aumentar.- "Abomináveis" traficantes de pessoas -"Terá gente neste voo e se não tiver neste voo, terá no seguinte", assegurou a ministra das Relações Exteriores, Liz Truss, ao canal Sky News."O que realmente importa é estabelecer o princípio" e "romper o modelo de negócios destas pessoas abomináveis, estes traficantes que comercializam com a angústia" dos migrantes, acrescentou."Não vamos nos deixar dissuadir, nem obstruir de nenhuma forma por algumas críticas", disse Johnson.O governo ruandês se disse disposto a receber "milhares" de migrantes e voltou a defender o acordo, considerando-o uma "solução inovadora" para um "sistema global de asilo exaurido". Em Calais, na costa norte da França, de onde partem muitos migrantes rumo à Inglaterra, alguns aspirantes não parecem impressionados com esta medida "dissuasória". Moussa, de 21 anos, procedente de Darfur, diz querer ir para a Inglaterra para "obter papéis" e porque já fala inglês. "Atravessaram tantos países, enfrentam tantas situações de estresse e perigos imediatos" que vão correr este risco, explicou à AFP William Feuillard, coordenador da associação L'Auberge des Migrants. - "Vergonha" -As travessias ilegais do Canal da Mancha são o calcanhar de Aquiles do governo conservador britânico e provocam tensões constantes com a França. Desde o começo do ano, mais de dez mil migrantes atravessaram ilegalmente da costa francesa para a inglesa em embarcações precárias, o que supõe um número recorde em relação a anos anteriores. Em virtude de seu acordo com as autoridades ruandesas, Londres financiará inicialmente o plano com 120 milhões de libras (157 milhões de dólares, 140 milhões de euros). O governo de Kigali afirmou que dará aos migrantes a possibilidade de "se estabelecerem permanentemente". "Esta política imoral envergonha o Reino Unido", reagiram líderes da Igreja Anglicana, entre eles o arcebispo de Canterbury, Justin Welby, o arcebispo de York, Stephen Cottrell, e 23 bispos, em uma carta publicada no jornal The Times. "Nossa herança cristã deveria nos incentivar a tratar os solicitantes de asilo com compaixão, equidade e justiça", destacaram. Mas Truss rechaçou estas críticas. "Nossa política é totalmente legal. É totalmente moral", afirmou a ministra, assegurando que Ruanda é "um país seguro". "Os imorais neste caso são os traficantes", acrescentou. Para aumentar a polêmica, o príncipe Charles, herdeiro do trono britânico de 73 anos, qualificou em caráter privado o plano governamental de "horroroso", noticiou no sábado o jornal The Times. Em Ruanda, país chefiado pelo presidente Paul Kagame desde o fim do genocídio de 1994 em que, segundo a ONU, 800.000 pessoas morreram, o governo é regularmente acusado por ONGs de reprimir a liberdade de expressão, de crítica e a oposição política. Os migrantes deportados serão alojados no albergue Hope de Kigali, que "não é uma prisão", mas um hotel onde os residentes serão "livres" para partir, segundo seu diretor, Ismael Bakina. O estabelecimento tem capacidade para 100 pessoas, com diária de 65 dólares por pessoa. Veja Mais

NATIONS LEAGUE: DZEKO FAZ 2, EX-BARCELONA MARCA E BÓSNIA VENCE FINLÂNDIA EM JOGAÇO DE 5 GOLS

NATIONS LEAGUE: DZEKO FAZ 2, EX-BARCELONA MARCA E BÓSNIA VENCE FINLÂNDIA EM JOGAÇO DE 5 GOLS

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #melhoresmomentos #nationsleague #bosnia Veja Mais

As loucas aventuras do técnico Lisca e a explicação do meme “Renato era um monstro!” | Além da Bola

As loucas aventuras do técnico Lisca e a explicação do meme “Renato era um monstro!” | Além da Bola

Fox Sports Brasil O Além da Bola desta semana ENDOIDOU! O técnico Lisca é o convidado de Edu de Meneses no episódio de hoje e tem de tudo: as aventuras loucas, explicação de meme e o professor como você nunca viu! Confira! Foto: Foto: Geraldo Bubniak /AGB Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #ESPNBrasil #ESPN #ESPNnoStarPlus #StarPlusBR Veja Mais

Moraes e Lewandowski são eleitos para presidência e vice do TSE

O Tempo - Política Ministros estarão à frente do tribunal durante as eleições deste ano. A posse nos cargos será em 16 de agosto Veja Mais

Doação de sangue caiu 20% na América Latina no primeiro ano da pandemia (Opas)

em - Internacional A doação de sangue na América Latina e no Caribe caiu 20% no primeiro ano da pandemia de Covid-19, informou nesta terça-feira a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas).Na América Latina e no Caribe, 8,2 milhões de unidades de sangue foram coletadas em 2020, beneficiando mais de 1 milhão de pessoas que precisavam de transfusão, destacou a Opas, segundo a qual isso representa 20% a menos do que em 2017, segundo os dados mais recentes comunicados pelos países.Em muitas nações, a demanda de sangue supera a oferta, de modo que, para evitar escassez, a Opas recomenda que 100% das doações de sangue e componentes sanguíneos sejam provenientes de doadores voluntários e regulares, o que evitaria ter que recorrer a parentes ou amigos dos pacientes."A necessidade de sangue é universal, mas o acesso ao mesmo, não", observou o vice-diretor interino da Opas, Marcos Espinal, durante sua participação virtual no ato mundial realizado no México, país anfitrião das celebrações pelo Dia Mundial do Doador de Sangue.A região está longe de atingir esses 100%. Em 2020, 48% do sangue coletado foi de doadores voluntários, 2% a mais do que em 2017. Em 10 países, mais de 80% do sangue foi de doadores altruístas regulares, mas, em outros nove, não se chegou a 10%, segundo a organização.A Opas é tanto o escritório regional para as Américas da Organização Mundial da Saúde (OMS) quanto o órgão especializado em saúde do Sistema Interamericano. Veja Mais

Dólar forte e suspensão das atividades de terminal gasífero derrubam petróleo

em - Internacional O petróleo, em particular o WTI, referência do mercado americano, fechou em baixa nesta terça-feira (14) devido ao fortalecimento do dólar e ao anúncio de uma suspensão prolongada das atividades em um terminal gasífero nos Estados Unidos.Em Nova York, o preço do barril de WTI para entrega em julho fechou em queda de 1,97%, a 118,93 dólares.O barril de Brent do Mar do Norte para entrega em agosto limitou suas perdas a 0,89% e fechou a 121,97 dólares."Tradicionalmente, as matérias-primas sofrem quando o dólar se fortalece e o Fed (banco central americano) eleva suas taxas", lembrou Bill O'Grady, do Confluence Investment Management. "Mas o petróleo vinha ignorando isso até agora".Com a perspectiva antecipada pelo mercado de um aumento das taxas de juros inédito em 30 anos - de 0,75 ponto percentual pelo Federal Reserve (Fed) nesta quarta-feira, um panorama que impulsionou o dólar -, o petróleo acabou recuando."A nós preocupa que isso [a elevação das taxas] afete a economia", explicou o analista. "Isso seria ruim para as matérias-primas", resumiu.Os operadores também levaram em conta o anúncio da suspensão prolongada do terminal de gás da empresa Freeport LNG, em Quintana Island, perto de Houston.Afetada por uma explosão e um incêndio, esta instalação, que também é uma usina de liquefação de gás natural, ficará inoperante por 90 dias, muito mais do que as três semanas anunciadas inicialmente pela Freeport LNG. A usina só vai recuperar sua capacidade plena no fim do ano.A informação derrubou os preços do gás natural nos Estados Unidos, em baixa de até 18,5% nesta terça. O mercado assumiu que os volumes não exportados estarão disponíveis para consumo interno.Mas na Europa ocorreu o fenômeno inverso e os preços do gás subiram 13%.A situação de escassez explica que, do lado do petróleo, o Brent, tipo de referência europeu, tenha tido uma queda muito menor do que o WTI."É uma notícia muito ruim para a Europa", afirmou Bill O'Grady.Estes fatores deixaram em segundo plano o relatório mensal da Opep que, pela primeira vez, contempla a perspectiva de uma queda da produção russa em 2022, de 250.000 barris diários. Veja Mais

Kalil retribui elogios de Lula: 'governará o Brasil com o coração de sempre'

O Tempo - Política Eles dividirão o mesmo palanque pela primeira vez nesta quarta-feira (15), durante ato público no Centro Universitário do Triângulo (Unitri), em Uberlândia Veja Mais

NATIONS LEAGUE: MANUEL NEUER FAZ MAIS UM JOGO DIGNO DE MELHOR GOLEIRO DO MUNDO | MELHORES MOMENTOS

NATIONS LEAGUE: MANUEL NEUER FAZ MAIS UM JOGO DIGNO DE MELHOR GOLEIRO DO MUNDO | MELHORES MOMENTOS

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #NationsLeague #Alemanha #Neuer Veja Mais

Indígenas do Equador pedem liberação de líder preso por vandalismo em protestos

em - Internacional A prisão do líder indígena Leonidas Iza por supostos atos de vandalismo atiçou nesta terça-feira (14) o segundo dia consecutivo de protestos no Equador, onde várias estradas foram fechadas em protesto contra o governo.Iza, presidente da poderosa e opositora Confederação das Nacionalidades Indígenas (Conaie), foi preso na madrugada desta terça-feira em meio a disputas com policiais e militares, como mostra um vídeo divulgado pela organização, que entre 1997 e 2005 participou de revoltas que derrubaram três presidentes.O presidente conservador Guillermo Lasso denunciou, através de um vídeo postado no Twitter, que na véspera aconteceram "atos de vandalismo", como invasões de produtores agrícolas e o ataque a uma instalação de bombeamento de petróleo na floresta amazônica. Este último fato foi negado por vários ministros da área de segurança na noite de ontem.A Conaie, que em 2019 liderou mais de uma semana de manifestações violentas contra o governo que deixaram onze mortos, exige a redução dos preços dos combustíveis e a renegociação das dívidas dos camponeses com os bancos.Os indígenas também protestam contra a falta de emprego e a entrega de concessões de mineração em seus territórios, e exigem o controle de preços dos produtos agrícolas.Iza aguarda uma audiência de julgamento em Latacunga (sul), jurisdição na qual foi preso. Ele deve ser transferido para Quito.Em um vídeo divulgado pelo Ministério do Interior, o líder indígena aparece de pé, usando um chapéu vermelho e poncho, enquanto um policial lhe diz que foi preso por "sabotagem", crime que pode ser punido com até dez anos de prisão.A prisão foi feita "de maneira violenta", disse Lenin Sarzosa, advogado do líder do povo kichwa-panzaleo, a repórteres.Segundo as autoridades, outros quatro manifestantes também foram detidos em Quito.Na aldeia de San Miguel del Comun, um foco dos protestos no norte de Quito, Yolanda Guamán pediu que os policiais que estão posicionados na estrada libertem os detidos."Pedimos que soltem nosso companheiro (Iza) e também os quatro companheiros que foram levados (...) à força" de San Miguel del Comun, disse Guamán à AFP.Ao lado dela, um grupo de manifestantes ateou fogo a uma camiseta da campanha eleitoral de Lasso.- Caos e vandalismo -As manifestações, convocadas pela Conaie, são mantidas em pelo menos onze das 24 províncias equatorianas, incluindo os acessos a Quito, segundo o estatal Serviço Integrado de Segurança ECU911. A polícia não relatou confrontos.No sul da capital, galhos e pneus envoltos em chamas impediram a passagem de veículos.O ministro do Interior, Patricio Carrillo, afirmou em coletiva de imprensa que a "estratégia" dos manifestantes é "paralisar, saquear, sequestrar, atacar", de tal forma que "a desordem, o caos, o vandalismo seja o que gere agitação social diante de um governo que tenta para gerar oportunidades para os equatorianos".Quatro policiais de Quito e um promotor da província de Cotopaxi (cuja capital é Latacunga) foram temporariamente detidos por manifestantes, segundo as autoridades.A ONG de direitos humanos Inredh considerou que a prisão de Iza, um engenheiro ambiental de 39 anos, "provocará maior indignação e uma onda de violência"."Aqueles que cometem atos de vandalismo responderão à justiça", enfatizou Lasso.As autoridades estimaram que cerca de 6.000 pessoas participaram dos protestos nacionais de segunda-feira. Por sua parte, Iza sustentou que o Executivo está "minimizando" as manifestações e alertou que elas continuarão de maneira "indefinida".A Conaie, que já participou de vários diálogos malsucedidos com o governo de Lasso, propõe que os preços dos combustíveis sejam reduzidos para 1,50 dólar o galão de 3,78 litros de diesel e 2,10 para a gasolina de 85 octanas.Entre maio de 2020 e outubro de 2021, os preços foram revisados mensalmente, de modo que o diesel quase dobrou (de 1 para 1,90 dólar) e a gasolina subiu 46% (de US$ 1,75 para US$ 2,55).Em outubro passado, Lasso - um ex-banqueiro de direita que chegou ao poder há um ano - fixou aumentos antes de congelá-los, atiçando o descontentamento dos povos originários, que são ao menos um milhão dos 17,7 milhões de equatorianos.Twitter Veja Mais

ZAGUEIRO FEZ GOLAÇO À LA MESSI! Ucrânia 1 x 1 Irlanda na Nations League | Melhores Momentos

ZAGUEIRO FEZ GOLAÇO À LA MESSI! Ucrânia 1 x 1 Irlanda na Nations League | Melhores Momentos

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível também no Star+! Assine já! http://dis.la/StarPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #Ucrania #Irlanda #NationsLeague Veja Mais

Inflação argentina bate 5,1% em maio, 29,3% desde janeiro e 60,7% em 12 meses

em - Internacional O custo de vida na Argentina registrou alta de 5,1% em maio e acumula um aumento de 29,3% desde janeiro, um dos indicadores inflacionários mais elevados do mundo, informou nesta terça-feira (14) o instituto oficial de estatísticas Indec.O aumento chegou a 60,7% nos últimos 12 meses, um fenômeno que o governo do presidente Alberto Fernández atribui a desequilíbrios nos preços internacionais, agravados pela guerra na Ucrânia.As cifras refletem uma leve desaceleração, após os índices de 6,7% em março e 6% em abril, mas sem sinais de que a tensão e o mal-estar social provocados pelo aumento do custo de vida possam ceder.O último boletim divulgado pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) estima uma inflação anual de 51,7% em 2022, embora alguns veículos de imprensa apontem que esta projeção será revista nos próximos meses.Uma projeção mais pessimista ainda sobre a inflação que a Argentina registrará este ano é o estimado em 72,6% no mais recente levantamento do Banco Central com os maiores bancos e consultorias de mercado.Em 2021, os preços ao consumo subiram 50,9% no país. Veja Mais

PEC 007/20 – Altera Sistema Tributário Nacional – 14/06/22

PEC 007/20 – Altera Sistema Tributário Nacional – 14/06/22

Câmana dos Deputados 14/06/2022 Comissão Especial destinada a proferir parecer à Proposta de Emenda à Constituição nº 7, de 2020, do Sr. Luiz Philippe de Orleans e Bragança e outros, que "altera o Sistema Tributário Nacional e dá outras providências"A - Audiência Pública MIGUEL ABUHAB, Fundador da Destrava Brasil e idealizador do modelo tecnológico de cobrança de impostos (REQ 6/2022); LUIGI NESE, Presidente da Confederação Nacional de Serviços - CNS (REQs 3 e 4/2022); GILBERTO ALVARENGA... Veja mais: https://www.camara.leg.br/evento-legislativo/65659 Veja Mais

The Handmaid's Tale | Quando estreia a temporada 5?

canaltech A temporada 5 de The Handmaid's Tale, série original do Hulu, já tem data para estrear nos Estados Unidos, dando continuidade à guerra de June (Elizabeth Moss) contra a República de Gilead. The Handmaid's Tale | Alexis Bledel deixa série após quatro temporadas The Handmaid's Tale | O que esperar após morte chocante no final da 4ª temporada Agora vivendo como refugiada no Canadá, a protagonista da série precisa elaborar novos planos para conseguir combater os seus inimigos e resgatar a filha, Hannah, que continua vivendo com outra família na ditadura que virou os Estados Unidos. Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por The Handmaid's Tale (@handmaidsonhulu) -Canaltech no Youtube: notícias, análise de produtos, dicas, cobertura de eventos e muito mais! Assine nosso canal no YouTube, todo dia tem vídeo novo para você!- Por apenas R$ 14,90 você compra com frete grátis na Amazon e de quebra leva filmes, séries, livros e música! Teste grátis por 30 dias! The Handmaid's Tale: Temporada 5 Segundo a sinopse oficial da quinta temporada de The Handmaid's Tale, June enfrenta as consequências da morte de Fred Waterford (Joseph Fiennes), enquanto tenta redefinir seus propósitos e identidade. Enquanto isso, Serena (Yvonne Strahovski) continua sua saga de se infiltrar no Canadá usando a sua influência na República de Gilead. Falando no país que antes era conhecido como Estados Unidos, o comandante Lawrence (Bradley Whitford) segue trabalhando ao lado de Lydia (Ann Dowd) para aplicar uma reforma em Gilead e ascender ao poder. The Handmaid's Tale: quando estreia a temporada 5? O Hulu anunciou a estreia da temporada 5 de The Handmaid's Tale para o dia 14 de setembro, mas a plataforma de streaming ainda não chegou ao Brasil. No lançamento da quarta temporada, em 2021, a série chegou em tempo real ao Paramount+ e logo depois ao Globoplay. Ambas as plataformas de streaming ainda não revelaram se irão transmitir a trama simultaneamente à exibição dos EUA. Enquanto a data de lançamento da temporada 5 de The Handmaid's Tale não é confirmada para o Brasil, você pode assistir às quatro primeiras temporadas no Paramount+, Globoplay e Now. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais

Resident Evil 4: seis novidades importantes do remake

canaltech Não tivemos E3 neste ano, mas o que não faltou foi anúncio de game. E entre todos que permearam as últimas semanas, o remake de Resident Evil 4 com certeza foi um dos maiores. Após muitos meses de especulação e rumores desconexos, a Capcom finalmente confirmou a reimaginação de um dos jogos mais importantes de sua história e de todos os tempos. Os melhores jogos da franquia Resident Evil Minecraft, Starfield e mais: os anúncios do Xbox & Bethesda Showcase Tanto no evento da Sony, no início de junho, quanto em uma apresentação própria realizada nesta semana, a companhia exibiu a pegada do título, que parece mais focada no horror. O cenário se tornou mais sombrio, os inimigos estão diferentes e, do que vimos até agora, dá para esperar uma versão um bocado diferente daquela que vínhamos jogando desde 2005 em praticamente todas as plataformas.   A seguir, separamos seis elementos que chamaram a atenção e mostram porque, mais do que um remake, esta é também uma reimaginação do título original: -Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.- 1. Clima sombrio e foco no terror A principal mudança aparece logo no começo dos novos trailers. Ainda que conte com cenas diurnas e outros momentos no que parece ser um entardecer, ficou claro o teor bem mais sombrio do game. Com isso, acompanha outra mudança, com o título parecendo seguir o foco no Survival Horror que vimos no recente remake de Resident Evil 2, no lugar do clima de ação visto em sua sequência e também no game original. A Capcom sempre falou em Resident Evil 4 como um jogo de terror, mas quem jogou sabe que não é bem assim — essa, inclusive, foi uma das grandes mudanças do título, em 2005, que acabou permeando toda uma nova era na franquia. O mesmo acontece agora, mas desta vez, é a aventura com Leon que segue as bases do que veio antes. Ainda sabemos pouco sobre a jogabilidade e, principalmente, sobre sistemas que envolvem combate, economia de recursos, quantidade de inimigos ou armas. Mas a impressão que fica, pelo menos até agora, é que, finalmente, Resident Evil 4 será uma experiência assustadora, além de tensa como sempre foi. Pelo menos nas imagens iniciais, remake de Resident Evil 4 tem aspecto mais sombrio, similar às reimaginações recentes, em relação ao game original de 2005 (Imagem: Divulgação/Capcom) 2. Leon mais humano As sombras, aliás, parecem permear toda essa leva inicial de divulgações sobre o game. Após um mistério esquisito no primeiro trailer de Resident Evil 4, a Capcom revelou o rosto do personagem principal, Leon Kennedy. E o que vimos foi um personagem que parece assombrado pelos eventos do passado, bem longe do agente bonachão e piadista do game original. Olheiras, uma expressão séria e as falas sobre querer fazer com que este incidente não termine como acabou o de Raccoon City dão o tom de uma versão um bocado diferente do personagem. Na franquia original, Leon jamais esqueceu o que aconteceu na cidade dos zumbis, mas foram muitos jogos, filmes, traições e incidentes virais para que ele se tornasse sua versão mais amarga, acoplada a um copo de bebida. Desta vez, tanto horror parece ter cobrado o preço muito antes sobre sua personalidade. Compre aqui o Xbox Series S e entre para a nova geração com o modelo mais compacto da Microsoft As habilidades de Leon são indiscutíveis e, claro, devem ser demonstradas no remake de Resident Evil 4. Afinal de contas, se ele não fosse assim, não estaria sozinho na Europa em uma missão para resgatar a filha do presidente dos Estados Unidos. Entretanto, isso não quer dizer que a tarefa será fácil, com os fantasmas de seu passado, provavelmente, prestes a ganhar novos companheiros. Leon, protagonista de Resident Evil 4, parece não saber o que é uma boa noite de sono desde 1998, quando enfrentou os zumbis na cidade de Raccoon City (Imagem: Divulgação/Capcom) 3. Um novo perseguidor? Uma imagem de menos de um segundo e a presença de um acessório chamou a atenção dos fãs nos dias que seguiram a revelação de Resident Evil 4. Em um flash rápido do primeiro trailer estava Bitores Mendez, chefe da vila onde os trechos iniciais do game se passam e um dos principais inimigos do título. Ele está de chapéu, assim como uma figura que assombrou muita gente nos títulos mais recentes. Chapéu de Bitores Mendez em Resident Evil 4 pode indicar personagem perseguidor ou apenas um reaproveitamento de modelos de personagem; qual a sua aposta? (Imagem: Reprodução/Biohazard Declassified) A visão logo gerou especulação de que o “chefão”, agora, seria um perseguidor como o Mr. X, em Resident Evil 2. Sua altura e postura, desde sempre, indicaram uma inspiração, enquanto essa ideia reforça o possível tom mais intimista e menos focado na ação que os fãs estão esperando desse remake. Andar pela vila, na visão deles, pode se tornar mais assustador do que nunca. Ou pode ser apenas um reaproveitamento de conceito e até modelo de personagem, como a Capcom já fez diversas vezes. Ao longo do trailer, é possível notar muitas semelhanças entre o estilo do remake de Resident Evil 4 e Village, que desde seu anúncio, já era citado por muitos como uma espécie de título prévio a este. A nova aparência de Bitores, no fim, pode ser mais um exemplo. Desde sempre, Bitores Mendez, de Resident Evil 4, e Mr. X, de RE2, tiveram design semelhante; parece que eles estão ainda mais parecidos agora (Imagem: Divulgação?Capcom) 4. Mais trechos com Ashley? Ashley Graham é a peça central do Resident Evil 4 original. É por causa dela que Leon vai à Europa e é em torno da garota que o plano do vilão Osmund Saddler se concentra — ele desejava devolver a menina infectada com o parasita Las Plagas, que eclodiria e contaminaria o centro do poder americano. Estas ainda devem ser as linhas gerais do remake, mas aparentemente, o papel da refém será maior. No primeiro trailer, vemos Ashley fugindo pelas florestas e, aparentemente, chegando à vila. Quem jogou o original sabe que ela é controlável em um pequeno trecho, já no castelo, enquanto demora para aparecer no título, estando sempre ao lado de Leon. Maior destaque a ela no remake de Resident Evil 4, quem sabe, também pode significar um envolvimento mais próximo com a história e seus reflexos, ao molde da postura de Leon diante de todo o incidente. Ashley parece ter um papel ainda mais importante em Resident Evil 4, quem sabe até com mais trechos jogáveis em relação ao original? (Imagem: Divulgação/Capcom) 5. Conexões com o passado Resident Evil 4 nunca foi o jogo mais rico em trama, tanto dentro de si mesmo quanto em suas ligações com o passado e o futuro da franquia. O trailer trouxe pouco sobre isso, mas a imagem acima deixou muita gente especulando sobre um fio que conecte o remake ao recente Village, com as marcas na pedra sendo muito parecidas com o sigilo que é símbolo de todo o incidente com Ethan, Rose e Miranda. Ele aparece, justamente, quando Saddler fala sobre a contaminação de Leon com o parasita Las Plagas, também um dos momentos definidores da jornada do game. E quem jogou o remake de Resident Evil 3 sabe que existem mais conexões aqui, com esse elemento também sendo citado como parte das pesquisas ilegais da Umbrella que deram origem ao Nemesis — esse ponto não existia nos jogos originais. Por fim, podemos incluir a já citada abordagem atormentada de Leon, reflexo direto dos eventos que ele enfrentou seis anos antes. E apenas em poucos minutos de trailer, já temos ligações mais fortes com o passado da série do que no original, que, pessoalmente, tinha a concentração de trama apenas no conteúdo adicional Separate Ways como um de seus maiores problemas. Não mais, esperemos. Símbolo misterioso do trailer do remake de Resident Evil 4 já foi comparado a sigilo visto em Village; seria um indicador de mais conexões com o passado da série? (Imagem: Reprodução) 6. Equipe de desenvolvimento de Resident Evil 2 e anteriores Um dos principais motivos que tornaram o remake de Resident Evil 4 tão semelhante ao game lançado pela Capcom em 2019, além de seu próprio sucesso, é a equipe que trabalha nele. Estão de volta no comando o diretor Yasuhiro Anpo e o produtor Yoshiaki Hirabayashi, ambos responsáveis pela nova fase da franquia e pela reimaginação tão elogiada que foi considerada como um dos melhores títulos do ano de sua chegada. Mais do que representantes de uma nova era para a série, a dupla também tem experiência nela. Anpo, por exemplo, está na Capcom desde o lançamento do primeiro Resident Evil, em 1996, tendo trabalhado como programador em diferentes títulos da empresa ao longo dos 10 anos seguintes. Em Resident Evil 5, ele assumiu a cadeira de diretor de produção, tendo dirigido, mais recentemente, o spin-off Revelations 2 e os dois remakes anteriores, do segundo e terceiro títulos da franquia. Já Hirabayashi trabalhou no Resident Evil 4 original como designer, tendo entrado na Capcom dois anos antes para contribuir com jogos como Viewtful Joe, Dino Crisis 3 e P.N.03. Ele foi um dos roteiristas do quinto game da série de terror antes de se tornar produtor, estando à frente da remasterização do remake do primeiro Resident Evil e, claro, da reimaginação de Resident Evil 2. Resident Evil 4 repete dupla de diretor e produtor do remake do segundo game da série; desenvolvedores estão envolvidos há décadas com a franquia (Imagem: Captura de tela/Felipe Demartini/Canaltech) O remake de Resident Evil 4 tem lançamento marcado para 24 de março de 2023. Por enquanto, o jogo está confirmado apenas no PC, PlayStation 5, Xbox Series X e Xbox Series S, sem notícias sobre versões para os consoles da geração passada. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: Alemanha x Itália | Onde assistir ao jogaço da Liga das Nações ao vivo? Quantos litros de gasolina tem na reserva do tanque do carro? Tesla Cybertruck | Fotos vazadas mostram interior não tão futurista assim Stranger Things | Teoria sugere que Vecna apareceu em outras temporadas Qual é a maior rota de ônibus do mundo? Veja Mais