Meu Feed

No mais...

Minas Bowl 2024 - Campeonato Mineiro de Futebol Americano

Minas Bowl 2024 - Campeonato Mineiro de Futebol Americano

Band Sports América Locomotiva x Galo FA Kick Off 14h - 06/07/2024 Mesa Redonda 13h Veja Mais

Bolsonaro diz que é alvo de “300" inquéritos, mas que “vale a pena”

Valor Econômico - Finanças O ex-presidente e o PL, seu partido, têm planos de... Veja Mais

+Milionária, concurso 161: prêmio acumula e vai a R$ 239 milhões

G1 Economia Uma aposta que acertou cinco dezenas e dois trevos vai levar R$ 421 mil. Próximo sorteio será na quarta-feira (10). Mais Milionária bilhete volante Rafael Leal /g1 Nenhuma aposta acertou a combinação de seis dezenas e dois trevos no sorteio do concurso 161 da +Milionária realizado neste sábado (6), em São Paulo. Com isso, o prêmio acumulou em R$ 239 milhões. Clique aqui para seguir o canal de Loterias do g1 no WhatsApp De acordo com a Caixa Econômica Federal, uma aposta acertou cinco dezenas e dois trevos e vai levar R$ R$ 421.092,84. Veja os números sorteados: Dezenas: 06 - 11 - 24 - 28 - 39 - 48 Trevos: 2 - 4 Os outros ganhadores foram: 5 acertos + 1 ou nenhum trevo - 48 apostas ganhadoras, R$ 7.798,02 4 acertos + 2 trevos - 234 apostas ganhadoras, R$ 1.713,84 4 acertos + 1 ou nenhum trevo - 3.076 apostas ganhadoras, R$ 130,37 3 acertos + 2 trevos - 4.251 apostas ganhadoras, R$ 50,00 3 acertos + 1 trevo - 32.467 apostas ganhadoras, R$ 24,00 2 acertos + 2 trevos - 32.735 apostas ganhadoras, R$ 12,00 2 acertos + 1 trevo - 250.777 apostas ganhadoras, R$ 6,00 O próximo sorteio da +Milionária será na quarta-feira (10). +Milionária, concurso 161 Reprodução/Caixa +Milionária: veja como jogar na loteria da Caixa Sobre a +Milionária As chances de vencer na loteria são ainda menores do que na Mega-Sena tradicional: para levar o prêmio máximo, é preciso acertar seis dezenas e dois “trevos”. (veja no vídeo mais abaixo) O valor de uma aposta simples é de R$ 6. Com ela, o apostador pode escolher 6 números de 50 disponíveis e mais 2 trevos, dentre os seis disponíveis. Para apostas múltiplas, é possível escolher de seis a 12 números e de dois a seis trevos, com preços que chegam a R$ 83,1 mil. A +Milionária teve seu primeiro sorteio em maio de 2022. Na época, a Caixa informou que ela foi a primeira modalidade "a oferecer prêmio mínimo de dois dígitos de milhões". Cada concurso distribui o valor mínimo de R$ 10 milhões. Saiba mais aqui. Além disso, a +Milionária se destaca por ter dez faixas de premiação. São elas: 6 acertos + 2 trevos 6 acertos + 1 ou nenhum trevo 5 acertos + 2 trevos 5 acertos + 1 ou nenhum trevo 4 acertos + 2 trevos 4 acertos + 1 ou nenhum trevo 3 acertos + 2 trevos 3 acertos + 1 trevo 2 acertos + 2 trevos 2 acertos + 1 trevo Veja Mais

Voar contra a rotação da Terra pode torna voos mais rápidos? Descubra!

Voar contra a rotação da Terra pode torna voos mais rápidos? Descubra!

Tecmundo Voar no sentido contrário à rotação da Terra pode parecer a melhor solução para voos rápidos, pois se você vai ao encontro de algo que está "caminhando" na sua direção, eventualmente, irão se encontrar no meio do caminho. Porém, não é assim que as coisas acontecem neste planeta.Gravidade, ventos, combustível, aerodinâmica e Newton estão no meio da resposta sobre o motivo pelo qual "voar ao contrário" não é a solução quando pensamos em agilidade na aviação. Na verdade, essa pode ser uma péssima ideia, gerando prejuízos e ainda mais horas de voo. A curiosidade aflorou para saber o motivo? Vem que a gente explica.Leia mais... Veja Mais

Exército Brasileiro terá drones com mísseis pela primeira vez

canaltech O Exército brasileiro vai, em um futuro próximo, ficar mais forte para garantir a defesa do país. Após 9 meses de testes, um grupo de 21 militares concluiu os treinamentos para operar drones autônomos (não tripulados) com capacidade para lançar mísseis. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Como pilotar um drone? Cursos, cuidados e obrigações legais As aeronaves são do tipo Nauru 1000C, desenvolvidas pela empresa brasileira XMobots. Esses drones serão os primeiros do Exército brasileiro com poderio ofensivo, já que, até hoje, eles eram equipados apenas com câmeras e demais sistemas de reconhecimento de terreno. Os drones da XMobots chegaram ao 2º Batalhão da Aviação do Exército (BAvEx), em Taubaté, em dezembro de 2022, com a missão de atuar em operações de fronteiras, ambientes urbanos e convencionais. Agora, ganharão importância ainda maior na defesa do país. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- “As capacidades relacionadas aos Sistemas de Aeronaves Remotamente Pilotadas, mais conhecidos como drones, fazem parte do escopo de três Programas Estratégicos do Exército Brasileiro: Sistema Integrado de Monitoramento de Fronteiras, Aviação do Exército e Astros. Há a previsão de obtenção de sistemas equipados com mísseis, tendo como base a plataforma NAURU 1000, cuja versão ISR encontra-se em fase final de avaliação”, informou o órgão, em nota.   Como é o drone Nauru 1000C? O drone que será utilizado pelo Exército Brasileiro carregando mísseis tem 2,9 metros de comprimento, 0,98 m de altura e quase 8 metros de envergadura. Ele é do tipo eVTOL (aeronave de pouso e decolagem vertical), tem motorização híbrida e capacidade para voar até 10 horas com velocidade máxima de 110 km/h. A fabricante projetou o drone autônomo com oito motores com baterias independentes e peso máximo de decolagem de 150 kg. O Nauru 1000C também foi desenvolvido para suportar voos sob chuva fina, leve ou neblina durante as missões. O sistema conta ainda com dois terminais de transmissão de dados de 60 km e um com alcance maior, de 100 km. O Exército Brasileiro receberá três unidades desenvolvidas para carregar mísseis, e a previsão é que os testes com os modelos armados tenham início em 2025. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? PREÇO HISTÓRICO | Galaxy S24 Plus atinge menor valor com cupom Canaltech Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" Veja Mais

OnePlus Pad 2: rumor aponta que tablet pode ser apenas modelo chinês renomeado

tudo celular Até o momento, não se sabe quais serão as possíveis especificações técnicas do novo tablet da marca Veja Mais

Em novo embate com governo, Lira tira secretário do Orçamento de ministério

G1 Economia Consultor de Orçamento do Senado Federal, Paulo Bijos Jefferson Rudy/Agência Senado A Presidência da Câmara dos Deputados solicitou no final de junho o retorno do secretário de Orçamento do Ministério do Planejamento, Paulo Bijos, que é servidor da Casa, deixando descoberta uma área importante do governo em meio à discussão do Orçamento de 2025. Pego de surpresa com o pedido, o Ministério do Planejamento chegou a enviar uma solicitação para que Bijos seguisse cedido para o Executivo e também solicitou ajuda para a Casa Civil e articulação política do governo, sem sucesso. A resposta veio por meio de um segundo ofício da Presidência da Camara, insistindo no retorno do consultor legislativo. O blog teve acesso aos dois ofícios, com data do fim de junho. Neste sábado, o presidente da Câmara, Arthur Lira, afirmou ao blog que não sabia da requisição de retorno do consultor e que foi posteriormente informado que Bijos solicitou retorno à Câmara. Afirmou ainda que ele não fez qualquer solicitação. Segundo Lira, o Congresso Nacional precisa dos consultores legislativos e seu desejo seria de que todos aqueles que estão Cedidos ao Executivo voltassem para a Câmara. Dentro do governo, a requisição do secretário foi vista como uma retaliação não apenas ao ministério do Planejamento, mas a articulação política, em meio à distribuição de emendas às vésperas do prazo final antes das eleições Municipais. Veja Mais

Review RTX 4070 ASUS Dual | GPU ideal para jogar em QHD, mas um pouco cara

canaltech Antes bem escasso e mais caro, o segmento de placas de vídeo para rodar games em 1440p ficou recheado nos últimos anos. Com foco em rodar games a uma alta taxa de quadros, a NVIDIA lançou a GeForce RTX 4070 há algum tempo, mas só agora tivemos a oportunidade de enfim testar esse cobiçado modelo. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Review GeForce RTX 4070 Super | GPU boa para jogar em QHD 3 melhores placas de vídeo para jogar em QHD (1440p) em 2024 Para testes, utilizamos a RTX 4070 ASUS Dual, um modelo mais simples da categoria, mas que consegue extrair bem o potencial do chip. Essa variante trabalha com design dual-slot, apenas duas ventoinhas e consegue números bem interessantes quando comparada a suas irmãs maiores. Contudo, ainda é vendida com preços bem acima da sua principal rival no segmento. ???? Compre a GeForce RTX 4070 ASUS Dual com preço baixo no Kabum! Prós Boa performance em 1440p Melhor que a rival em edição audivisual Operação silenciosa Consumo energético na medida Contras Preço do chip ainda está alto Design Apostando no simples, a GeForce RTX 4070 ASUS Dual opera em um porte pequeno para caber em quase todos os gabinetes. Esse modelo possui apenas 26,7 cm de comprimento por 13 cm de profundidade e 5,1 cm de espessura, sendo uma opção no padrão médio das placas de vídeo e figurando na categoria “de entrada” desse chip, uma vez que outros projetos da própria ASUS são bem mais parrudos. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Isso está longe de ser um demérito, uma vez que essa placa de vídeo não deixa a desejar em meus testes. Inclusive, é uma boa pedida para quem não é fã de GPUs cheias de detalhes, pois a RTX 4070 ASUS Dual tem um visual mais neutro em preto com alguns entalhes e desenhos pontuais na carcaça, sem exageros. Com um corpo majoritariamente feito em plástico, essa placa ainda conta com um acabamento translúcido na parte frontal. Isso significa não haver nenhum tipo de LED RGB para ser customizado. A falta de luzes RGB que pode desagradar os fãs de montagens mais alegres (Imagem: Felipe Vidal/Canaltech)A parte lateral dessa RTX 4070 abriga um pequeno interruptor dual-BIOS para modo padrão ou com overclock, além do espaço para alimentação de energia. Sobre esta parte, o modelo Dual opera com um único conector de oito pinos, já que tanto o chip quando o projeto da ASUS não são muito exigentes em consumo energético.  Já o exterior da GPU possui as tradicionais conexões para vídeo. Nesse caso, o componente tem duas portas HDMI 2.1 e duas DisplayPort 2.1, uma combinação ideal para o usuário padrão. Construção Apesar de simples e compacta, a RTX 4070 ASUS Dual é competente no que se propõe a fazer. O modelo apresenta uma carcaça firme majoritariamente construída em metal na parte frontal, inclusive com uma camada translúcida que permite a visualização interna de parte dos componentes. +1 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 3\n\n\n\nConector PCI (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 3\n\n\n\nBackplate (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 3\n\n\n\nConector de energia (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_db32f4')); }); Já a parte traseira, por outro lado, conta com um backplate metálico parrudo que ajuda na dissipação de calor e também dá um charme na montagem. Esse backplate, inclusive, tem certos recortes até mesmo para o próprio chip, além de um heatsink alongado. A dupla de ventoinhas tem pouco mais de 9 cm de diâmetro com 11 pás. Essas fans usam tecnologia Axial com hub menor, que centraliza e aumenta o fluxo de ar para dar mais dinamismo na operação e explica o formato alongado das pás. Vale mencionar que a rotação das ventoinhas é bem silenciosa mesmo quando em alta carga. Especificações técnicas Com foco em ser dominante na resolução Quad HD, a RTX 4070 foi lançada em um contexto em que a geração RTX 40 só tinha as RTX 4080 e RTX 4090 no portfólio da NVIDIA. Hoje, o cenário é outro, visto que o time verde já tem as RTX 4070 SUPER, RTX 4070 Ti SUPER, além da RTX 4070 Ti tradicional também antiga. Analisando puramente a 4070, essa placa trabalha com o chip AD104, ou seja, o mesmo silício das RTX 4070 Ti, 4070 SUPER e até mesmo da RTX 4060 Ti, mas com certas partes ativadas ou desativadas. Seja como for, o AD104 é produzido na litografia de 5 nm da TSMC e apresenta 5.888 núcleos CUDA, 29 shader cores, 67 TFLOPS de núcleos RT e 466 AI TOPS por parte dos Tensor Cores. A variante RTX 4070 ASUS Dual tem alguns refinamentos em relação ao modelo base por contar com frequência em boost de 2.520 MHz ou a 2.550 MHz em seu modo overclockado. Isso representa um aumento singelo de 2%. A RTX 4070 ASUS Dual também é uma boa opção para gabinetes compactos (Imagem: Felipe Vidal/Canaltech)Sobre as memórias, a RX 4070 tem 12 GB de memória VRAM por meio de uma interface de 192-bit, velocidade máxima de 21 Gbps e largura de banda de 504,2 GB/s. Os números são superiores ao que vemos em sua principal concorrente, a Radeon RX 7700 XT, embora não seja uma diferença abismal. Muito se debate se esses 12 GB são suficientes para aguentar a resolução 1440p. Durante todos os meus testes com essas e outras GPUs, posso afirmar que sim, é suficiente. Contudo, tarefas de nível profissional requerem uma quantidade de memória superior, como 16 GB ou 20 GB, para renderização de assets complexos. Setup de testes No Canaltech, a GeForce RTX 4070 ASUS Dual foi avaliada em uma bancada de testes baseada no processador Intel Core i9-13900K com 32 GB de memória RAM DDR5-6.400 e um SSD NVMe PCIe 4.0. Confira o setup completo de testes: Bancada de testes do Canaltech para o review da RTX 4070 ASUS Dual (Imagem: Felipe Vidal/Canaltech) Processador: Intel Core i9-13900K Placa-mãe: ROG MAXIMUS Z790 HERO Memória RAM: 32 GB (2x16GB) Kingston Fury Renegade KF572C38 DDR5-6400 Armazenamento: 1 TB XPG Gammix S70 Blade Arrefecimento: Cooler Master MasterLiquid ML360 Illusion Fonte: XPG Core Reactor II Ve 850W Gabinete: XPG Battlecruiser SO:Windows 11 Pro Desempenho em jogos Por ser um modelo que já está ficando para trás na fila de GPUs da NVIDIA, a RTX 4070 ASUS Dual frequentemente é inferior em comparação aos modelos SUPER e certamente ao modelo Ti. Por serem da mesma família as diferenças não são gigantescas, mas ainda assim são consideráveis a ponto de impactarem na escolha do produto final que você colocará no carrinho. Em contrapartida, a RTX 4070 fica pau a pau com a Radeon RX 7700 XT da rival AMD. Como veremos nos próximos parágrafos, a semelhança é muito grande em 1440p, mas há ganhos claros para a 4070 em situações de uso profissional ou em games/testes com uso de Ray Tracing. Para entender melhor sobre isso, rodamos a tradicional bateria de testes presente no 3DMark. Nos benchmarks em DirectX 11, ou seja, toda a linha do Fire Strike, há um empate técnico entre a RTX 4070 ASUS Dual e a GIGABYTE Radeon RX 7700, enquanto os demais modelos da 4070 catapultam diferenças de 23%. Essa diferença parruda para as demais RTX 4070 é sentida principalmente na ponta dos gráficos com a RTX 4070 Ti e um pouco menos com o modelo SUPER. Os testes do Time Spy, Speed Way e Port Royal mantêm essa disparidade, onde o chip mais forte naturalmente se sai melhor. +5 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Fire Strike (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Fire Strike Ultra (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Fire Strike Extreme (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Port Royal (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Speed Way (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Time Spy (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 7\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual no Time Spy Extreme (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_b95116')); }); Aliás, isso é um critério de desempate da RTX 4070 ASUS Dual para a GIGABYTE RADEON RX 7700 XT, uma vez que os testes do Speed Way e Port Royal pendem para a NVIDIA. O motivo está na utilização de tecnologias como o Ray Tracing e mesh shaders, oferecendo vantagens entre 20 e 40% para o lado verde. Desempenho em jogos (1080p) Em situações reais nos games, a RTX 4070 ASUS Dual se sai obviamente muito bem. Contudo, cai naquele famoso caso de GPU poderosa demais para essa resolução. Os testes, em boa parte, mostram outro empate com a RX 7700 XT — que se repetirá constantemente — e confirma o fato de ser um produto que funciona em Full HD apenas para quem quer jogar a mais de 144 Hz em todos os cenários. Vale mencionar que diferente dos meus testes com a RX 7700 XT, que senti um leve gargalo da GPU em 1080p, isso não aconteceu com a RTX 4070. Claro que muitos fatores podem estar envolvidos nessa equação, mas ela parece um pouco mais preparada para o FHD do que sua concorrente, embora isso não importe tanto, já que o foco é o Quad HD. +7 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 9\n\n\n\nAlan Wake 2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 9\n\n\n\nAshes of the Singularity (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 9\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 9\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 9\n\n\n\nFar Cry 6 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 9\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 9\n\n\n\nMetro Exodus (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 9\n\n\n\nRed Dead Redemption 2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 9\n\n\n\nShadow of the Tomb Raider (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_885992')); }); Desempenho em jogos (1440p) Na centralidade de seu poder, a RTX 4070 ASUS Dual consegue se destacar na resolução em que foi projetada. Os resultados são bem convincentes e mostram uma placa parruda para jogar em Quad HD, que diminui sua inferioridade em relação aos modelos do topo do gráfico. Sobre isso, a RTX 4070 regular fica cerca de 20% atrás da 4070 SUPER e é 25% inferior em relação à RTX 4070 Ti. Esses resultados mostram dois cenários muito bem definidos para esse segundo semestre de 2024. O primeiro é que a NVIDIA alavancou essa RTX 4070 SUPER, que parece compensar muito bem, enquanto a RTX 4070 Ti já parece não valer a pena por conta do seu preço exacerbado. +7 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 9\n\n\n\nAlan Wake 2 em QHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 9\n\n\n\nAshes of the Singularity em QHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 9\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 9\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 9\n\n\n\nFar Cry 6 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 9\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 9\n\n\n\nMetro Exodus (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 9\n\n\n\nRed Dead Redemption 2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 9\n\n\n\nShadow of the Tomb Raider (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_d2c7e2')); }); A briga com a Radeon RX 7700 XT é uma tônica durante todos os testes e mostra como as duas placas são boas opções para QHD — com ressalvas. Os pontos de maior disparidade são em Ashes of the Singularity e Red Dead Redemption 2, com diferenças entre 10 a 30 FPS, respectivamente. Com métodos de upscaling ativados, como o DLSS, FSR e XeSS, a situação em 1440p melhora e estabiliza uma jogatina bem suave. Tanto o DLSS sozinho, quanto a tecnologia de Frame Generation, catapultam a jogatina para uma excelente taxa de quadros, fazendo até mesmo com o pesado Alan Wake 2 rode a 130 FPS, mas ainda bem atrás dos modelos SUPER e Ti. Em geral, o resultado é muito satisfatório, mas não o suficiente para dar muita vantagem para a RTX 4070. A exceção é o Frame Generation da NVIDIA, que dá um banho no FSR tradicional da AMD. Contudo, não podemos nos apoiar somente nessa tecnologia, a qual é um bônus, e nem esquecer que a própria AMD tem seu AFMF (AMD Fluid Motion Frames), mas que ainda não conta com ampla disponibilidade em games.  +17 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 19\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 19\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 19\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 19\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 19\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 19\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 19\n\n\n\nCyberpunk (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 19\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 19\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n10 \/ 19\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n11 \/ 19\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n12 \/ 19\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n13 \/ 19\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n14 \/ 19\n\n\n\nFC6 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n15 \/ 19\n\n\n\nMetro Exodus (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n16 \/ 19\n\n\n\nRDR2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n17 \/ 19\n\n\n\nRDR2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n18 \/ 19\n\n\n\nTomb Raider (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n19 \/ 19\n\n\n\nTomb Raider (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_e9188d')); }); "A RTX 4070 ASUS Dual tem força para jogar em Quad HD, principalmente se você quer habilitar funções de Ray Tracing" — Felipe Vidal Desempenho em jogos 4K (2160p) Partindo para a complicada resolução do 4K, as coisas já ficam mais apertadas. A RTX 4070 ASUS Dual cai na mesma situação da RX 7700 XT: uma placa que tem condição de rodar a 30 FPS em títulos mais complexos, como Alan Wake 2, enquanto leva os 60 quadros por segundo tranquilamente em jogos menos exigentes, como Far Cry 6. +7 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 9\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 9\n\n\n\nAshes of the Singularity (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 9\n\n\n\nCyberpunk 2077 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 9\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 9\n\n\n\nFC6 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 9\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 9\n\n\n\nMetro Exodus (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 9\n\n\n\nRDR2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 9\n\n\n\nTomb Raider (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_913173')); }); Esses resultados demonstram que o chip até tem força para o 4K, mas não foi feito para ele. Inclusive, nenhum dos modelos testados pelo Canaltech têm poder, com uma possível exceção da RTX 4070 Ti SUPER, que ainda não tivemos a oportunidade de testar. Em todo caso, se você quer performance bruta nativa para encarar a resolução 2160p, a recomendação é mirar modelos como as Radeon RX 7900 ou mesmo uma RTX 4080 — com preço bem salgado. Um cenário de mudança só acontece quando colocamos as técnicas de upscaling em jogo. Tanto o DLSS quanto o FSR sobem a média de FPS para perto ou acima dos 60 frames, proporcionando um gameplay estabilizado e muito mais fluido. Isso é bem perceptível em Alan Wake 2 e Cyberpunk 2077, que ficam melhores especialmente com o Gerador de Quadros da NVIDIA. +16 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 18\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 18\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 18\n\n\n\nAL2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 18\n\n\n\nCyberpunk (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 18\n\n\n\nCyberpunk (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 18\n\n\n\nCyberpunk (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 18\n\n\n\nCyberpunk (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 18\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 18\n\n\n\nF1 23 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n10 \/ 18\n\n\n\nFC6 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n11 \/ 18\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n12 \/ 18\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n13 \/ 18\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n14 \/ 18\n\n\n\nFH5 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n15 \/ 18\n\n\n\nRDR2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n16 \/ 18\n\n\n\nRDR2 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n17 \/ 18\n\n\n\nTOMB RAIDER (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n18 \/ 18\n\n\n\nTOMB RAIDER (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_714d2a')); }); Criação de conteúdo Assim como suas irmãs maiores, a GeForce RTX 4070 ASUS Dual se sai muito bem em criação de conteúdo. Na verdade, o modelo superou até a variante SUPER da Zotac que testamos e permaneceu em segundo lugar em testes de imagem e vídeo. Para saber esses dados, usamos o benchmark do Procyon focado nos softwares Adobe Photoshop, Lightroom Classic e Premier Pro. Os resultados não são nenhum tipo de surpresa, visto que historicamente a NVIDIA se sai melhor nesse tipo de atividade. Diferente do que se pensa, os 12 GB de VRAM não foram um impeditivo nos testes, já que superaram a Radeon RX 7600 XT com seus 16 GB e um chip bem inferior no benchmark de vídeo. Isso proporciona uma vantagem de 11% sobre a Radeon RX 7700 XT, que mesmo não sendo um número alto, aponta diferenças. Vale lembrar que os testes sintéticos são apenas um parâmetro, e no uso prático um profissional pode nem perceber essas variações. $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 2\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual em Edição de Imagem (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 2\n\n\n\nRTX 4070 ASUS Dual Edição de Imagem (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_348202')); }); Testes profissionais e IA Partindo para uma sessão mais complicada, chegou a hora de testar a RTX 4070 ASUS Dual em cargas de trabalho profissionais. Como já era esperado, essa GPU fica quase sempre nas três primeiras posições do gráfico ou se embola em empates ou margens apertadas em relação aos demais modelos. Os testes desse segmento foram feitos com o Blender, Cinebench, V-Ray e o Specviewperf. No Blender e Cinebench não há grandes surpresas e a 4070 segue a tendência de atropelar a AMD em mais de 50%, enquanto mantém a distância habitual para as suas variantes. Essa lógica continua em todos os testes do V-Ray, que não contempla as Radeon ou Intel Arc, mas gera resultados até bem decepcionantes para a RTX 4070. É no Specviewperf onde as coisas começam a se embolar mais. Mesclando testes em Full HD e 4K, a RTX 4070 ASUS Dual se sai muito bem no 3DSMax e fica em uma posição surpreendente no Solidworks. Os testes são de nível alto para áreas como engenharia e medicina, focadas na visualização 3D avançada. +13 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 15\n\n\n\nBlender Classroom (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 15\n\n\n\nBlender Junkshop (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 15\n\n\n\nBlender Monster (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 15\n\n\n\nCinebench (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 15\n\n\n\n3DSMax FHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 15\n\n\n\n3DSMax UHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n7 \/ 15\n\n\n\nCREO FHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n8 \/ 15\n\n\n\nCREO UHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n9 \/ 15\n\n\n\nMAYA FHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n10 \/ 15\n\n\n\nMAYA UHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n11 \/ 15\n\n\n\nSolidworks FHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n12 \/ 15\n\n\n\nSolidworks UHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n13 \/ 15\n\n\n\nV-Ray Cuda (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n14 \/ 15\n\n\n\nV-Ray Next (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n15 \/ 15\n\n\n\nV-Ray RTX (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_bc8d2f')); }); Passando para inteligência artificial, novamente as NVIDIA se destacam e a RTX 4070 não faz feio. De maneira previsível, o modelo permanece na terceira posição do gráfico e abre uma vitória de 68% em Float16 com o teste do AI WinML e 52% no Int, enquanto a base de dados em Float32 tem menos vantagens contra a RX 7700 XT. Já nos benchmarks que envolvem os núcleos tensores, a situação é bem menos empolgante. A RTX 4070 ASUS Dual fica na terceira posição e é seguida pelos dois modelos mais potentes, enquanto a fraca RTX 4060 fica em último, sem nenhuma surpresa. +4 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 6\n\n\n\nAI TensorRT em Float16 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 6\n\n\n\nAI TensorRT em Float32 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 6\n\n\n\nAI TensorRT em Int (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n4 \/ 6\n\n\n\nAI WinML em Float16 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n5 \/ 6\n\n\n\nAI WinML em Float32 (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n6 \/ 6\n\n\n\nAI WinML em Int (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_36660d')); }); Consumo e temperatura Após os testes em aplicações reais, é o momento de comentar sobre o consumo da RTX 4070 ASUS Dual. Novamente os benchmarks são cercados de previsibilidade, mas aqui as notícias são bem mais animadoras. Por meio do teste de stress do Time Spy Extreme, mensuramos que essa placa de vídeo trabalha com pico máximo de 200 W em uma situação pesada. Em games esse número não chega a ser concreto, mas observei que a GPU atingia a casa dos 190 W em títulos mais pesados. Considerando o seu TDP (Thermal Design Power) de 200 W, tudo parece estar em ordem e ser bem condizente com as especificações. $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 2\n\n\n\nConsumo máximo (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 2\n\n\n\nConsumo mínimo (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_15823e')); }); As temperaturas são interessantes para o projeto que a ASUS investiu. Por ser pequena e com apenas duas ventoinhas, minha expectativa era de uma placa esquentadinha, mas meus testes mostram um pico máximo de 66 °C em carga máxima e 42?°C em idle.  $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 2\n\n\n\nTemperatura em Full Load (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 2\n\n\n\nTemperatura em Idle (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_442021')); }); Concorrentes diretos A GeForce RTX 4070 tem preço mínimo perto dos R$ 3.500, valor no qual a RTX 4070 ASUS Dual usada nesta análise é encontrada. O problema é que essa GPU oferece o mesmo desempenho em 1440p nativo que a Radeon RX 7700 XT, que custa bons R$ 2.800 no varejo brasileiro e segue como uma opção mais sólida em custo-benefício. Outro fator que pesa contra a placa da NVIDIA é a concorrência interna, pois a RTX 4070 SUPER é mais de 20% melhor que a versão tradicional e custa entre 8 e 17% a mais. ???? Compre a GIGABYTE Radeon RX 7700 XT Gaming OC em promoção no Kabum! ???? Compre a GeForce RTX 4070 SUPER Gaming Verto da PNY com oferta no Kabum! "Apesar de boa, a chegada da variante SUPER e a falta na reposição de preços torna a RTX 4070 uma placa mais cara que sua principal rival e pior que sua irmã maior. A RTX 4070 ASUS Dual é competente, mas sofre os efeitos do mercado." — Felipe Vidal Vale a pena comprar a RTX 4070 ASUS Dual? A RTX 4070 ASUS Dual vale a pena para quem quer comprar uma boa placa de vídeo em promoção para jogar games em Quad HD (1440p). O chip tem força suficiente para essa resolução e ainda é uma opção forte para criadores de conteúdo, especialmente aqueles que querem um projeto pequeno, mas bem construído, como esse da ASUS. +1 $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 3\n\n\n\nMédia real em 1080p (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 3\n\n\n\nMédia real em 1440p (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n3 \/ 3\n\n\n\nMédia real em 1440p (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_c23870')); }); A RTX 4070 ASUS Dual não vale a pena para quem quer pagar pouco em uma placa de vídeo para rodar games em Quad HD, já que o preço da GPU continua salgado. Inclusive, parece valer mais a pena gastar um pouco mais e pular direto para a RTX 4070 SUPER, que entrega um nível de desempenho maior. $(function() { $('body').append("\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n1 \/ 2\n\n\n\nMédia potencial em QHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n2 \/ 2\n\n\n\nMédia potencial em UHD (Imagem: Felipe Vidal\/Canaltech)\n\n\n\n\n\nIMAGENS\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n\n"); iniciaGaleria($('#_1302d0')); }); Conclusão Mesmo assim, é inegável que a RTX 4070 é uma placa competente para jogar em Quad HD. No entanto, o lançamento das revisões SUPER e Ti SUPER tornam essa placa mais difícil de recomendar, principalmente com esses preços. Mas caso você ache esse modelo por valores mais próximos aos R$ 3.000, então é uma opção muito válida para considerar. ???? Compre a GeForce RTX 4070 ASUS Dual com preço baixo no Kabum! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Filme acreano ‘Noites Alienígenas’ é indicado a melhor filme no Prêmio Grande Otelo

G1 Pop & Arte Produção acreana, que já é vencedora de cinco prêmios no Festival de Gramado, também recebeu indicações em categorias técnicas. Cerimônia organizada pela Academia Brasileira de Cinema ocorre em 28 de agosto, no Rio de Janeiro. Gabriel Knoxx ao lado de Gleici em 'Noites Alienígenas' Reprodução/Saci Filmes O filme acreano Noites Alienígenas recebeu seis indicações no Prêmio Grande Otelo, organizado pela Academia Brasileira de Cinema, incluindo a principal categoria, de melhor longa-metragem de ficção. A lista foi divulgada nesta sexta-feira (5). Leia mais Filme Noites Alienígenas, produzido no Acre, é selecionado para ser exibido em festival de cinema na Suécia 'Noites Alienígenas', filme acreano, vence Festival de Cinema de Gramado e fatura 5 troféus Acreano que ficou conhecido por atuar em ‘Noites Alienígenas’ grava curta sobre a Cracolândia e fala como arte mudou sua vida Filme acreano vencedor do Festival de Cinema de Gramado, ‘Noites Alienígenas’, chega ao streaming em maio Barcos com ex-BBB Gleici Damasceno e elenco de documentário encalham no Rio Envira no Acre: 'perrengue' Em março de 2023, o filme chegou às telonas de todo o país, incluindo salas lotadas na capital acreana. A obra conta a história de Rivelino, um jovem rapper e grafiteiro que acaba se envolvendo com traficantes, e do casal Paulo e Sandra, que têm um filho e enfrentam uma vida difícil, principalmente por causa da dependência química de Paulo. A ficção é retratada na capital acreana em um contexto trágico. O elenco conta com Gabriel Knox (Rivelino), Gleici Damasceno (Sandra) e Adanilo (Paulo), e ator Chico Diaz. Cinematografia acreana que recebeu cinco kikitos de ouro estreia nos cinemas da capital Além do longa, o ator Chico Diaz foi indicado a melhor ator de longa-metragem. A produção acreana também recebeu indicações em categorias técnicas. A 23ª edição do prêmio, que anteriormente se chamava Grande Prêmio Brasileiro, ocorre no dia 28 de agosto, no Rio de Janeiro. Confira todas as indicações de Noites Alienígenas: Melhor longa-metragem ficção Melhor ator de longa-metragem - Chico Diaz, pelo papel de Alê Melhor roteiro adaptado - Camilo Cavalcanti, Rodolfo Minari e Sérgio de Carvalho, pela adaptação do livro “Noites Alienígenas”, de Sérgio Carvalho Melhor maquiagem - Zé Lucas Melhor montagem - André Sampaio Melhor trilha sonora - Bernardo Gebara Initial plugin text Lançamento e premiações Gabriel Knoxx fez papel para o filme e faz Rivelino no longa Noites Alienígenas Arquivo pessoal Noites Alienígenas já venceu pelo menos 15 prêmios. O longa da produtora acreana Saci Filmes fez história ao ganhar cinco kikitos de ouro na 50ª edição do Festival de Cinema de Gramado, em 2022, nas categorias de: melhor filme; troféu júri da crítica; melhor ator: Gabriel Knoxx ("Rivelino"); melhor atriz coadjuvante: Joana Gatis ("Beatriz"); melhor ator coadjuvante: Chico Diaz ("Alê"). Antes mesmo do lançamento, ainda em 2022, Noites Alienígenas também foi selecionado para ser exibido e lançado no Festival de Cinema de Gotemburgo, na Suécia. Já em outubro de 2023 o longa chegou a ser incluído na lista de filmes elegíveis para representar o Brasil no Oscar 2024. Reveja todos os telejornais do Acre Veja Mais

FT: A IA tem todas as respostas. Mesmo as erradas

Valor Econômico - Finanças Perez-Cruz e Shin descobriram que os modelos de li... Veja Mais

PIX internacional: mesmo sem regras definidas pelo BC, ferramenta já é aceita no comércio de alguns países

G1 Economia BC diz que ainda não há previsão de lançamento do PIX internacional, que permitirá uso amplo da ferramenta em outros países. Entre as vantagens de pagar com PIX fora do Brasil, está a previsibilidade, pois o fechamento da operação de câmbio ocorre no ato da compra. O Banco Central ainda não tem previsão de lançamento do chamado PIX internacional, que possibilitará o uso do sistema instantâneo de pagamentos de forma ampla em outros países. O caminho para a implantação da nova ferramenta foi aberto pela nova lei cambial, que entrou em vigor no começo de 2023 -- conferindo maior liberalidade ao mercado de câmbio brasileiro. "O BC vem acompanhando as iniciativas e discussões para interligações de sistemas de pagamentos de diferentes países, o que, no futuro, viabilizará pagamentos transfronteiriços de forma mais ágil e prática. Entretanto, é uma agenda que não depende apenas do Brasil, mas exige um esforço de diversas jurisdições. Ainda sem previsão de lançamento", informou a instituição. Embora ainda não seja possível fazer um PIX para contas fora do Brasil, a ferramenta já é aceita como forma de pagamento, segundo o relato de turistas, em algumas lojas dos seguintes países: Argentina (Buenos Aires); Estados Unidos (Miami e Orlando); Portugal (Lisboa); Uruguai; Chile; França. Para receber PIX, mesmo morando no exterior, basta ter uma conta no Brasil e cadastrar uma chave. Entre as vantagens de pagar com PIX em outros países, está a previsibilidade, pois o fechamento da operação de câmbio ocorre no ato da compra. Com isso, o débito será feito em reais na conta dos clientes. Recebi um PIX por engano: e agora? No final de junho, havia 765 milhões de chaves PIX cadastradas no BC. Isso ocorre porque cada pessoa pode ter conta em mais de um banco, e possuir uma chave PIX para cada uma delas. Além do PIX internacional, a moeda digital brasileira (DREX) também facilitará os pagamentos no exterior, como, por exemplo, para operações de comércio exterior. 'Pix Garantido': BC avança na modalidade que poderá ser alternativa ao cartão de crédito Plataforma internacional No ano passado, o presidente do BC, Roberto Campos Neto, afirmou que será possível no futuro conectar o PIX com o sistema Nexus — uma plataforma que está sendo desenvolvida pelo Banco de Compensações Internacionais (o Banco Central dos bancos centrais) para viabilizar transferências rápidas de recursos entre países. De acordo com relatório divulgado no início de julho pelo Banco de Compensações Internacionais, em mais de 70 países os pagamentos chegam ao seu destino em segundos, com custo quase zero, mas dentro de suas fronteiras. "Isto se deve à crescente disponibilidade de sistemas de pagamento instantâneo (IPS). Conectar esses IPS entre si tem o potencial de permitir pagamentos transfronteiriços do remetente ao destinatário em 60 segundos (na maioria dos casos)", informou. A instituição informou, ainda, que a interligação de sistemas instantâneos de pagamento dos países é "uma prioridade do Roteiro do G20 para a Melhoria dos Pagamentos Transfronteiriços" — que destaca o Projeto Nexus como ação prioritária para alcançar as metas em termos de velocidade, custo, transparência e acessibilidade. O BIS observa que, embora ainda indisponível, a interligação já está em andamento. Veja o que relata a instituição: Em abril de 2021, diz a instituição, Singapura e Tailândia ligaram os seus sistemas instantâneos de pagamento, permitindo aos clientes das instituições financeiras participantes enviar pagamentos através da fronteira apenas com o número de telefone do destinatário. Desde então, vários países da região do Sudeste da Ásia o e do mundo ligaram (ou estão em processo e conectar ) os seus sistemas. Na próxima fase do Nexus, o Centro de Singapura apoiará uma coligação de países interessados ??em implementar o Nexus no mundo real e utilizá-lo para ligar seus sistemas domésticos. Os bancos centrais do BIS e da ASEAN-5 (Indonésia, Malásia, Filipinas, Cingapura e Tailândia) partilham o desejo de que qualquer implementação do Nexus no mundo real seja global, e não regional, e continuarão a envolver-se mais amplamente com bancos centrais e operadores em todo o mundo. PIX automático e agendado Enquanto trabalha nas regras para o PIX internacional e para o PIX garantido (parcelado nas compras de produtos e serviços), o Banco Central se prepara para lançar, em outubro deste ano, duas novas modalidades: o PIX automático e o PIX agendado recorrente. Por serem modalidades que permitirão o agendamento de débitos nas contas dos clientes, se assemelham ao PIX garantido (parcelado). O Pix automático poderá ser usado, por exemplo, para pagar: contas de água e luz escolas e faculdades academias, condomínios parcelamento de empréstimos Esse tipo de pagamento já pode ser feito através do débito automático, mas na avaliação do Banco Central, o Pix automático terá a capacidade de alcançar mais pessoas. Com o Pix automático, a empresa não precisará firmar um contrato com cada instituição financeira, bastará fazer um único acordo com um banco que esteja ofertando a modalidade às empresas. A oferta do serviço do Pix automático vai funcionar da seguinte forma: Para pessoas físicas: os bancos serão obrigados a ofertar a modalidade para os clientes. Para as empresas: os bancos escolhem se querem ou não ofertar esse produto para determinada empresa. O Pix agendado poderá ser usado, por exemplo, para: Mesada Doação Aluguel entre pessoas físicas Prestação de serviço recorrentes por pessoas físicas (como diarista, terapia, etc.) Veja Mais

Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação"

canaltech O ator Michael (Mike) Heslin, que ganhou fama em 2023 ao viver o personagem Polo na primeira temporada da série de espionagem Operação: Lioness, morreu na última terça-feira (2), mas a informação foi publicada por seu marido, o também ator Scotty Dynamo, apenas na noite da sexta (5). Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Globoplay em julho tem Dr4g0n, temporada 7 de Good Doctor e mais novidades Dynamo afirmou que a morte de Hesling, de apenas 30 anos, foi “sem explicação”, de acordo com os médicos que atenderam o ator. “Michael era jovem, estava com a saúde perfeita, e os médicos não tem uma explicação para o que aconteceu”. Hesling precisou ser internado após ter sofrido um “acidente cardíaco inesperado”. O ator ficou uma semana hospitalizado e, na terça-feira, acabou não resistindo e morrendo. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- O ator era casado com Scotty Dynamo desde 2023 e, segundo o marido, ambos etavam planejando ter um fiho ainda este ano. "Se eu virar pai um dia, vou dar seu nome para o meu filho e espero conseguir criá-lo para se tornar pelo menos metade do homem que você foi", prometeu. Rest in peace, Michael. When I felt you take your last breath, my heart shattered into a million pieces. If I had the power to trade places with you, I would do it in an instant. But I will take it one day at a time like you always told me to, and live every day in your honor. pic.twitter.com/dg7HgVFkfT — Scotty Dynamo (@scottydynamo) July 5, 2024 Além de sua participação em Operação: Lioness, série protagonizada por Zoe Saldaña e Nicole Kidman (disponível no Brasil no streaming Paramount+), Mike Hesling também trabalhou no filme The Holiday Proposal Plan (2023) e fez uma participação na série Younger, em 2016, com Hillary Duff. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

FT/Análise: Crescimento de extrema direita com Trump e Le Pen desafia liberais

Valor Econômico - Finanças Os liberais têm uma longa batalha pela frente, à m... Veja Mais

Lembra dele? Cabañas foi CARRASCO DOS BRASILEIROS! #shorts

Lembra dele? Cabañas foi CARRASCO DOS BRASILEIROS! #shorts

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível no Disney+! http://dis.la/ESPNenDisneyPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #MunDuMeneses #santos #flamengo #ESPN #DisneyPlus Veja Mais

Nintendo Switch modificado por youtuber dobra RAM e roda jogos de PC

canaltech Antes do anúncio do Nintendo Switch OLED, diversos rumores afirmavam que o console híbrido ganharia uma versão Pro, com mudanças no hardware para rodar jogos em resoluções maiores e com melhor desempenho. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Nintendo Switch 2 terá altíssima produção para barrar cambistas Até o momento, nada disso se concretizou, mas, graças a um usuário do YouTube, já foi possível sentir um gostinho de como o Switch se comportaria, caso a memória RAM fosse estendida para 8GB, o dobro do modelo padrão. O teste realizado pelo canal "naga" mostrou que o Nintendo Swich modificado, com 8GB de RAM, CPU rodando a 2,6 GHz e GPU a 1,26 GHz, usando Box64 + Wine em L4T Ubuntu 18.04 com SO kernel customizado, apresentou um resultado impressionante. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- O vídeo deixou claro que o Switch "bombado" pode rodar uma enorme quantidade de jogos de PC que, normalmente, não estão disponíveis na biblioteca do console da Nintendo.   Baixa resolução é só um detalhe A baixa resolução apresentada nos testes, na verdade, é um detalhe pequeno e quase sem importância quando comparado ao que o teste do youtuber conseguiu ao rodar alguns jogos específicos. Títulos como Final Fantasy VII Remake Intergrade, e até outros mais antigos, como Devil May Cry, rodam acima de 30 FPS. O game Fallout New Vegas chega a 60 FPS em cenários fechados e perto de 30 FPS em árees mais abertas, o que também é impressionante. O sistema modificado do console também mostrou, no vídeo postado, que conseguiu rodar Zelda: Tears of the Kingdom, em resolução 4K. Essa demonstração deixa claro que o sucessor do Nintendo Switch tem potencial para entregar resultados espetaculares e que, para isso, bastam que pequenas alterações sejam implementadas. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Gestoras de fundos encolhem estrutura após saques

Valor Econômico - Finanças Com dois anos e meio sofríveis para fundos de inve... Veja Mais

Preview MINI Countryman SE ALL4 | Agora elétrico, SUV é pura diversão

canaltech O MINI Countryman SE ALL4 sempre foi um carro divertido de dirigir e, em sua linha 2025, recentemente apresentada para o mercado brasileiro, se mostrou ainda melhor. O motivo? A nova motorização do SUV da marca pertencente ao BMW Group, que agora é 100% elétrica. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp MINI Countryman SE ALL4 | Nova geração chega ao Brasil em duas versões O Canaltech foi até Campos de Jordão ver de perto as novidades preparadas pela MINI para o novo Countryman SE ALL4 e, após a apresentação oficial do SUV, que será vendido no Brasil em duas versões (Exclusive e Top), pôde experimentar, na prática, o que o modelo, agora um autêntico BEV, tem a oferecer ao consumidor verde-amarelo. Rodamos por cerca de 30 minutos em trechos de serra e até em pequenos pedaços de estrada de terra, que colocaram à prova os ajustes de suspensão, a rapidez do torque e os recursos de auxílio à condução. Apesar do pouco tempo e da distância reduzida, a conclusão após o contato inicial é nítida: o MINI Countryman SE ALL4 é um verdadeiro deleite. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- As razões para ficar tão impressionado com o que o SUV da MINI mostrou em um espaço tão curto de tempo não são novidades para quem está acostumado a dirigir carros elétricos. Há, porém, alguns pontos que se mostraram diferentes nessa experiência quando comparada as que já tivemos em muitos outros modelos. MINI Countryman SE ALL4 agora tem motorização elétrica e está muito mais "esperto" (Imagem: Paulo Amaral/Canaltech) Como anda o MINI Countryman SE ALL4? Apesar de toda a força e torque dos dois motores elétricos do MINI Countryman SE ALL4 (306 cv e 50,3 kgf/m), a aceleração surpreende ao entregar mais do que a já reconhecida “patada” que faz os corpos dos ocupantes grudarem no banco quando o motorista crava o pé no acelerador. A calibragem dos engenheiros da MINI tornou a arrancada do Countryman SE ALL4 progressiva, ou seja, sem grandes sustos. A exceção, claro, ocorre quando a tecla Boost é ativada. Nesse cenário, 7 cavalos extras são injetados e, durante 10 segundos, o SUV elétrico entrega toda a potência nas mãos do motorista, tornando a condução ainda mais esportiva e divertida. Apesar de pesar quase 2 toneladas, o SUV tem um comportamento dinâmico bastante interessante, superior até mesmo ao apresentado pelo BMW iX1, que compartilha da mesma plataforma e pacote de recursos. O MINI Countryman é mais equilibrado, absorve bem as imperfeições da pista, aponta bem nas curvas e é mais “grudado”, com pouca rolagem de carroceria e sem “balançar” a traseira. Realidade aumentada... um dos muitos recursos do novo MINI Countryman SE ALL4... vê lá no @canaltech pic.twitter.com/S4gaWKkod0 — Paulo Amaral (@Amaral13) July 4, 2024 O percurso preparado pela organização do evento também serviu para testar o sistema de freios do Countryman SE ALL4 2025, e ele se mostrou eficiente ao extremo, tanto no uso do sistema e-pedal, ao soltar o acelerador, quanto nas frenagens tradicionais. Em ambos os casos, as baterias de 66,45 kWh, que prometem até 320 km de alcance no ciclo PBEV, apresentam boa regegeração. Um complemento perfeito para um test-drive rápido, mas bastante prazeroso e muito tecnológico. MINI Countryman SE ALL4: preços e versões A versão testada pelo Canaltech no rápido test-drive em Campos de Jordão foi a Top que, como o próprio nome diz, é a mais completa das duas que estão disponíveis no mercado brasileiro. Ela está sendo vendida por R$ 339.990. Além da Top, há também a Exclusive, que conta com um pacote de acessórios um pouco mais modesto, mas tem o mesmo conjunto mecânico Nesta versão, o SUV sai por R$ 294.990. MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) MINI Countryman SE ALL4 (Lançamento e Preview) (Paulo Amaral/Canaltech) Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

A construção da estrela de 28 anos da extrema direita francesa

Valor Econômico - Finanças A nova imagem pública de Bardella chegaria a simbo... Veja Mais

10 filtros do Instagram que podem substituir a maquiagem

canaltech Criar uma make super elaborada ou estar com o cabelo irretocável são situações que nem sempre estão ao alcance das pessoas no dia a dia — sobretudo para quem se expõe com frequência nas redes sociais. Pensando nisso, o Canaltech elaborou uma lista com filtros do Instagram que podem substituir a maquiagem e dar aquele “talento” na sua aparência. Como usar a figurinha “agite para revelar” nos Stories do Instagram S3xo e m*rte | Por que as pessoas estão escrevendo em código no Instagram? 10 ferramentas ou funções que ainda faltam no Instagram 10 filtros para substituir a maquiagem no Instagram Confira a seguir uma seleção com filtros do Instagram que podem quebrar um galho no lugar de uma make e disfarçar suas “imperfeições” ao ligar a câmera. Algumas opções têm uma apresentação mais sóbria, enquanto outras trazem toques mais descontraídos. Basta tocar no link abaixo de cada descrição e testá-las nas suas fotos e vídeos. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- 1. Cute Ariana A Cute Ariana é uma boa pedida para quem quer aplicar realce nas bochechas, simulando pó de maquiagem na região. O filtro também deixa os olhos mais claros e envolventes, bom para criar interações mais descontraídas no Instagram. Disponível em: Instagram O filtro Cute Ariana destaca as bochechas e dá mais brilho aos olhos (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 2. Faux Foundation Se você procura uma “make digital” mais discreta, a Faux Foundation é o filtro perfeito nesse quesito. Essa opção dá uma boa limpada no rosto e remove outros excessos da face, simulando maquiagem de forma mais “realista”. Disponível em: Instagram O Faux Foundation simula uma make mais realista no Instagram (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 3. Beauty A Beauty é um dos filtros mais discretos na lista, pois gera uma maquiagem artificial no rosto do usuário de forma mais suave e menos carregada, ideal para quem procura uma opção mais sóbria para criar conteúdos. Disponível em: Instagram O filtro Beauty é uma das opções mais sóbrias para quem deseja substituir maquiagem por uma “make digital” (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 4. Silly Face Nem todo filtro precisa simular maquiagem para disfarçar a ausência dela: há opções mais divertidas para isso, como é o caso do Silly Face. Ela distorce o rosto do usuário e aumenta o tamanho dos olhos. Excelente para quem quer arrancar algumas risadas dos seguidores. Disponível em: Instagram Voltado para o lado cômico, o Silly Face distorce o rosto do usuário e aumenta os olhos (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 5. Eyelashes Embora seja um filtro pesado por ser preto e branco, o Eyelashes é capaz de limpar o rosto e pode ser usado em conteúdos no estilo recordação de algum evento do passado ou mostrando um erro de gravação no Instagram. Disponível em: Instagram O Eyelashes é um filtro preto e branco que limpa o rosto (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 6. Matte Pertencente ao time dos filtros simples, o Matte é mais uma opção para quem busca ocultar as “imperfeições” do rosto com efeitos leves. Sobre esse aspecto, o Matte aumenta as cores quentes da imagem, mas sem deixá-la muito descaracterizada. Disponível em: Instagram O filtro Matte aumenta os tons quentes e suaviza “imperfeições” do rosto (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 7. KendallFace Se você é fã de maquiagem carregada, vai adorar o KendallFace, pois o objetivo do filtro é justamente simular uma make mais pesada com bastante “pó” no rosto, o que deixa a pele mais clara e as bochechas mais rosadas. Disponível em: Instagram O KendallFace é um filtro do Instagram que simula maquiagem carregada (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 8. Soft Cream Como o nome sugere, o filtro Soft Cream entrega um tom mais puxado para o creme na imagem. Além de substituir a maquiagem no seu rosto, essa opção também pode ser usada para gerar conteúdos mais leves e intimistas. Disponível em: Instagram Quem gosta de um tom mais creme, pode usar o filtro Soft Cream para substituir a maquiagem (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 9. 90stethic Se você precisa de um brilho com toque retrô, literalmente, pode aplicar o efeito 90stethic no seu conteúdo do Instagram. Além do efeito ser bem divertido, o filtro aplica uma paleta roxa, que também serve para substituir maquiagem. Disponível em: Instagram No melhor estilo anos 90, o 90stethic deixa a imagem roxa e remove as imperfeições do rosto (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) 10. Retro Film O nome do filtro já diz tudo e o Retro Film é tanto para quem deseja substituir a maquiagem real quanto dar um ar mais cinematográfico para o seu material. Essa opção é recomendada para conteúdos mais descontraídos ou recontando algum evento passado. Disponível em: Instagram O Retro Film é um filtro do Instagram que pode substituir a maquiagem e dar um ar de cinema no seu material (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) Como pesquisar mais filtros no Instagram? Se você não encontrou o filtro desejado para substituir a maquiagem no seu conteúdo para o Instagram, sem neura, pois a rede social oferece uma opção para pesquisar livremente as centenas de efeitos catalogadas na plataforma. No app de celular, basta fazer o seguinte: Crie um “Story” ou “Reels”; Arraste a lista de filtros até o final e toque na “Lupa”; Toque na opção desejada para aplicá-la. O Instagram conta com uma ferramenta que permite pesquisar filtros livremente (Imagem: Captura de tela/Fabrício Calixto/Canaltech) Dentro da lupa, você tem acesso a um grande número de efeitos com direito a destaques e a uma opção para pesquisar um filtro em particular. Além disso, uma das possibilidades mais legal da ferramenta é poder criar um filtro do Instagram para disponibilizá-lo para outros usuários. Por fim, caso você esteja visualizando esta lista em outubro, vale a pena dar um “bizu” nas dicas de efeitos de Halloween para usar no Instagram e tocar o horror com os amigos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

10 melhores carros para comprar por até R$ 20 mil em 2024

canaltech Comprar um carro 0km no Brasil em 2024 é uma missão impossível para quem não tiver ao menos R$ 70 mil para gastar — preço médio de um Fiat Mobi ou de um Renault Kwid em suas configurações de entrada. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp 10 carros mais econômicos do Brasil em 2024 Há, porém, boas opções de carros no mercado de usados que podem chegar para a sua garagem por um valor bem menor, custando quase quatro vezes menos do que o cobrado pelos compactos novos. O Canaltech mergulhou em algumas das principais plataformas online de venda de carros e vai mostrar, a seguir, os 10 melhores para comprar com até R$ 20 mil em 2024.  -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Vale lembrar que, por esse preço, os carros selecionados já estão fora de linha e, provavelmente, são bastante rodados. Por isso, não se esqueça de conferir as dicas de segurança para quem busca por modelos usados ou seminovos. Carros usados por até R$ 20 mil precisam de uma boa pesquisa e alguns cuidados (Imagem: tawatchai07/Freepik/CC) 10. Fiat Palio (2009) Vamos abrir nossa lista de 10 melhores carros para comprar por até R$ 20 mil em 2024 com um clássico: o Fiat Palio, lançado pela montadora italiana em 1996 como “papa Gol”, mas que só ficou à frente do rival da Volkswagen em vendas no ano de 2014. O Palio que selecionamos é da versão Economy, dotado de motor 1.0 Fire Flex 8V e com apenas 2 portas. Esse carro, ano/modelo 2009, custa, em média, R$ 17,6 mil nos principais sites especializados do Brasil. Fiat Palio Economy, ano 2009, pode ser encontrado por menos de R$ 20 mil (Imagem: Divulgação/Fiat) 9. Volkswagen Gol (2009) Já que citamos o Volkswagen Gol, nada mais justo do que também colocar uma versão de um dos carros mais vendidos do Brasil em todos os tempos entre as melhores opções para levar para casa por até R$ 20 mil, não é? Por esse valor, é possível encontrar o hatch da marca alemã em sua versão City, ano/modelo 2009, tanto com motor 1.0 quanto 1.0 Mi. Os valores variam entre R$ 19,2 e R$ 19,7 mil, dependendo da região do país. Um "golzinho" geração 4 pode ser encontrado por menos de R$ 20 mil se você pesquisar bem (Imagem: Divulgação/Volkswagen) 8. Chevrolet Corsa (2009) Seguimos nossa lista com mais um hatch que marcou época no mercado brasileiro por ser um carro acessível, econômico e pronto para encarar os desafios do trânsito do dia-a-dia: o Chevrolet Corsa. Para se enquadrar dentro do orçamento de R$ 20 mil, selecionamos uma unidade da versão Joy, ano/modelo 2009. O Corsa Joy oferece motor 1.0 flexpower com 8 válvulas, que preza pela eficiência. O preço médio dos anúncios é de R$ 19,7 mil. Chevrolet Corsa hatch, modelo Joy, também é boa opção para quem quer gastar pouco (Imagem: Divulgação/Chevrolet) 7. Ford Fiesta (2009) O Ford Fiesta é mais um carro que briga pela mesma fatia de mercado que os demais hatches que citamos em nossa relação. Com até R$ 20 mil para gastar, é possível encontrar um Fiesta Class, ano/modelo 2009. Assim como os modelos da Volkswagen, da Chevrolet e da Fiat que já listamos, o Fiesta tem motor 1.0 8V, que troca o desempenho em prol da economia de combustível. Nessa configuração, ele gira em torno de R$ 19,6 mil. Ford Fiesta 2009 ainda é boa opção para quem quer gastar pouco (Imagem: OSX/Wikipedia/CC) 6. Renault Clio (2012) O Renault Clio, lançado no Brasil no início dos anos 2000, não é muito badalado, mas é um carro bastante interessante para quem tem até R$ 20 mil para gastar e busca por um modelo econômico e confiável. Há boas ofertas da versão Hi-Flex, dotada de motor 1.0 flex e câmbio manual de 5 marchas entre os anos de 2010 até 2012. Com uma pesquisada caprichada, encontramos ofertas girando entre R$ 19,5 mil e R$ 19,8 mil nas plataformas de e-commerce. Apesar da má fama dos franceses, Clio é ótima escolha até R$ 20 mil (Imagem: Order 242/Wikipedia/CC) 5. Peugeot 206 (2010) O Peugeot 206 é criticado por muita gente, mas, no fundo, o hatch da marca francesa é um bom carro, especialmente por quem busca por modelos que ofereçam um nível de conforto acima dos nacionais. Por até R$ 15,5 mil é possível encontrar a variante Sensation desse carro francês com motor 1.4 flex 8V. A variante Techno, dotada do motor mais conhecido, o 1.6, já custa um pouco mais — R$ 19,8 mil —, mesmo sendo mais velha (2008). Peugeot 206 é encontrado em boas opções para quem não tem muito orçamento, mas quer um bom carro (Imagem: Vauxford/Wikipedia/CC) 4. Chevrolet Celta (2009) Voltamos ao ano de 2009, mas por uma boa razão. Encontramos ofertas do Chevrolet Celta, em sua versão Life, por preços entre R$ 18,1 mil e R$ 19,3 mil nas ofertas dos principais sites. Por esse preço, o cliente leva para casa um hatch com motor 1.0 com injeção multiponto e câmbio manual. Os principais atrativos são o baixo consumo de combustível e a manutenção barata. O querido "Celtinha" também faz parte de nossa lista de indicações (Imagem: NaBUru38/Wikipedia/CC) 3. Ford Ka (2010) O Ford Ka é um dos muitos carros que o mercado rotula como “ame-o ou deixe-o”, pois é considerado “uma gracinha” por algumas pessoas e “horroroso” por outras. Se você se encaixa no primeiro grupo, temos uma boa notícia. Com até R$ 20 mil para gastar, é possível encontrar ofertas desse simpático subcompacto da Ford ano/modelo 2010, tanto na versão ST quanto na Tecno. Ambas são dotadas de motor 1.0 e custam entre R$ 18,1 mil e R$ 18,4 mil. Visual pode até não agradar a todos, mas o Ka é um carro guerreiro da Ford (Imagem: Vauxford/Wikipedia/CC) 2. Fiat Uno Mille (2011) O Fiat Uno Mille foi o primeiro carro popular do Brasil e, até hoje, carrega com ele uma legião de fãs. Por conta disso, seria injusto deixar esse autêntico ícone da nossa indústria de fora da lista de melhores carros para comprar por até R$ 20 mil em 2024, não é mesmo? Para levar esse hatch compacto para casa, basta procurar por ofertas a partir de 2009 até 2011. Nesse ano específico, embora seja difícil, dá para encontrar um Mille 1.0 Fire Economy por preços até R$ 19,3 mil. Fiat Uno Mille deixou uma geração de fãs órfãos no Brasil (Imagem: Divulgação/Fiat) 1. Ford Fiesta sedan (2007) Vamos fechar a nossa lista de indicações de melhores carros para comprar com até R$ 20 mil com um carro que agrada a uma parcela bem específica da população no Brasil: um Fiesta sedan. O três volumes derivado do “Fiestinha” é um carro que oferece espaço, conforto e bom desempenho, graças ao motor 1.0 8V da configuração Personnalité. Se você encontrar um em bom estado, ano 2007, vai desembolsar cerca de R$ 17,6 mil. Lançado como Ikon na África do Sul, Fiesta sedan é boa opção usado é boa opção no Brasil (Imagem: Divulgação/Ford) E aí: o que achou da nossa lista com 10 carros para comprar por até R$ 20 mil em 2024? Tem alguma indicação bacana pra fazer que não está em nossa relação? Comenta com a gente em nossas redes sociais. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

Remédios "naturais" para emagrecer são um perigo para saúde

canaltech Na internet e nas redes sociais, é possível encontrar “remédios” para emagrecimento e perda de peso, com a promessa de serem 100% naturais. Nesses anúncios, a base de tal medicação fitoterápica pode ser o extrato de carqueja, por exemplo. No entanto, análises de laboratório revelam a composição de tais pílulas, onde são encontradas substâncias de uso controlado. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Médicos alertam para riscos da semaglutida, 1º remédio para obesidade no Brasil É o que revela um estudo em andamento, conduzido do Centro de Informação e Assistência Toxicológica (CIATOx) da Unicamp. Ao analisar o pó dessas pílulas para emagrecer, os cientistas identificaram a presença de sibutramina, fluoxetina e bupropiona. São todas substâncias de uso controlado, normalmente adicionadas em remédios que exigem retenção da receita médica. Qual a diferença entre remédio “convencional” e fitoterápico? De forma técnica e legal, o fitoterápico é um medicamento e, como tal, segue as mesmas regras dos remédios convencionais. A diferença entre eles é que o fitoterápico contém, na fórmula, um extrato vegetal (natural). Entretanto, o Brasil não conta com nenhum fitoterápico registrado para a perda de peso, segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Falsos remédios naturais de emagrecimento O estudo da Unicamp sobre a venda de falsos remédios naturais para a perda de peso começou com o relato de médicos. Esses profissionais da saúde identificaram que alguns pacientes estavam tomando pílulas compradas na internet para o emagrecimento, sem nenhuma orientação.  -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- A partir dessas queixas, a equipe de pesquisadores do CIATOx começou a monitorar medicamentos, vendidos supostamente como fitoterápicos pela internet.  As primeiras conclusões das análises laboratoriais, ainda não publicadas em uma revista científica, indicam que essas pílulas não têm nada de naturais. Na verdade, representam riscos para a saúde dos usuários, como explica José Luiz da Costa, professor de toxicologia e coordenador executivo do CIATOx da Unicamp, para o Canaltech. Substâncias encontradas nas análises da Unicamp “As substâncias que nós identificamos foram a sibutramina, que é um medicamento usado para emagrecer, mas que precisa ser usado com acompanhamento médico”, afirma Costa. Na farmácia, é um daqueles medicamentos com tarja preta. Estudo na Unicamp revela a composição perigosa de falsos remédios para emagrecer, vendidos na internet (Imagem: Aleruana/Envato) Além disso, também foi encontrada a presença de fluoxetina e bupropiona, medicamentos classificados como antidepressivos. Novamente, eles só poderiam ser comprados com prescrição médica. Riscos desses “remédios” para emagrecer “Os riscos para a pessoa que toma [essas pílulas] são os mais variados possíveis, incluindo intolerância ao próprio medicamento”, explica Costa. Em outros casos, esses comprimidos podem levar à dependência química. Afinal, “são substâncias que atuam no Sistema Nervoso Central, que alteram o humor da pessoa, que em algum nível podem causar um aumento de irritabilidade e que podem causar dependência”, detalha o especialista em toxicologia. Posicionamento da Anvisa Em nota enviada a Canaltech, a Anvisa reforça que “não há, no Brasil, nenhum fitoterápico regularizado com indicação de uso para perda de peso ou emagrecimento”. Para os fitoterápicos industrializados, a Anvisa controla a liberação para consumo, analisando estudos científicos, e fiscaliza as indústrias produtoras. Também acompanha a comercialização dos medicamentos, podendo retirá-los do mercado caso seu uso apresente risco ou efeitos adversos graves.  No caso dos fitoterápicos manipulados, eles devem ser elaborados obrigatoriamente em farmácias de manipulação autorizadas, inspecionadas pela vigilância sanitária para verificação quanto ao cumprimento das boas práticas.  Cuidados que os pacientes devem tomar Para que o usuário não seja enganado, a Anvisa explica que a venda de remédios, independentemente da presença de extratos naturais ou não, só pode ser feita através de sites de farmácias ou drogarias regularizadas. "Destaca-se também que plataformas na internet como Facebook, Mercado Livre, dentre outras empresas de marketplace estão proibidas de comercializar medicamentos, o que inclui fitoterápicos, conforme a RDC nº 44 / 2009”, pontua a agência. Para ajudar o consumidor, a Anvisa já elaborou uma cartilha que ensina a distinguir um fitoterápico regularizado de um composto irregular, com possíveis danos à saúde. Por exemplo, todo fitoterápico legalizado tem um número de registro na embalagem, sendo que essa numeração deve começar pelo algarismo 1 e, no total, deve conter 13 dígitos. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

10 notícias mais importantes da semana (01/07 a 05/07)

10 notícias mais importantes da semana (01/07 a 05/07)

Tecmundo Bom dia! Para se manter atualizado neste início de sabadão (06), o TecMundo separou tudo o que rolou de mais importante nesta semana (01 a 05 de julho). Além de várias notícias sobre tecnologia e ciência, o mundo do entretenimento e dos games também foram bastante movimentados no período.Logo na segunda-feira (01), a Samsung lançou o Galaxy Watch FE, um smartwatch “baratinho”. Na quarta-feira (03), noticiamos que dados pessoais de pedófilos no Brasil são vazados por malware. Nesta sexta-feira (05), o governo notificou sobre o roubo de material radioativo que traz perigoso para a saúde humana.Leia mais... Veja Mais

Bugatti Chiron de R$ 50 milhões circula por São Paulo; conheça o novo carro mais caro do país

G1 Economia A unidade foi importada pela Paíto Motors, uma importadora independente de veículos de luxo, e foi vista circulando em São Paulo. Motor é um 8.0 W16 quadriturbo de 1.500 cv. Bugatti Chiron Sport Paíto Motors Um Bugatti Chiron, um dos veículos mais caros e desejados do mundo, foi visto rodando em São Paulo no último final de semana. A unidade foi importada pela Paíto Motors, uma importadora independente de veículos de luxo. O modelo importado é um intermediário Chiron Sport, uma das tantas versões que a Bugatti já fez do modelo. O esportivo tem motor 8.0 W16 quadriturbo (ou seja, dois motores V8 lado a lado) que entrega 1.500 cv de potência e 163,2 kgfm de torque. O conjunto mecânico o faz acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 2,4 segundos, e atingir a velocidade máxima de 420 km/h. Um carro tão potente quanto caro: o Bugatti Chiron Sport tem preço estimado de R$ 50 milhões — entre valor do carro e custos de importação. O modelo passa a ser o mais caro do Brasil até o momento. O líder do ranking até então era uma edição especial La Ferrari, que custou R$ 40 milhões e que foi importada pela mesma empresa. A identidade do dono do Chiron não foi revelada. Bugatti Chiron de R$ 50 milhões roda por SP | Imagens: João Vilkas Chiron por quem viu de perto Um dos influenciadores que acompanhou o passeio do Chiron pelo bairro de Cidade Jardim, em São Paulo, foi João Vilkas, que tem quase 400 mil seguidores nas redes sociais. "Eu já faço conteúdo deste tipo de carro, os hiper-carros, há sete anos. Mas eu não esperava ver o Chiron no Brasil. Quando vimos, eu e meus amigos, a gente queria se abraçar, foi um êxtase", conta o influenciador de 20 anos. Vilkas conta que sempre se emociona ao ver carros do tipo. "E a Bugatti é uma empresa que sempre prezou por unir alta potência com elegância. Presencialmente, foi o carro mais potente que eu já vi e ele é muito bonito", diz. "O ronco dele é bem mais grave que os V10 ou V12 da Lamborghini e Ferrari. Eu ainda não andei no carro, mas pretendo", disse Vilkas. Apesar da estética exterior e do motor que é considerado por muitos um primor da engenharia automotiva, o Chiron não tem central multimídia. A marca fez essa escolha para que o interior do modelo não envelhecesse conforme a tecnologia dos displays fosse evoluindo. Veja mais imagens abaixo. Bugatti Chiron Sport que rodou por São Paulo Afinal, o que é um Bugatti Chiron? Bugatti é uma marca francesa, com sede em Molsheim (França), mas seu fundador foi um italiano, Ettore Bugatti, que criou a empresa em 1909. A história da Bugatti é recheada de muitos altos e baixos. A marca começou como uma escuderia que projetava belos carros para rua também, assim como a Ferrari. Após a morte de seu fundador em 1941, a fabricante passou por tempos difíceis e teve que fechar as portas na década seguinte. Na década de 1980, a marca voltou para o mercado sob o controle italiano, mas novamente durou pouco tempo: entrou em falência em 1995. Três anos depois, o Grupo Volkswagen comprou a marca Bugatti e investiu na retomada dos hiper-carros. O Bugatti Chiron é um dos três icônicos modelos da marca: O Veyron, seu antecessor, tinha 1.001 cv de potência e acelerava de 0 a 100 km/h em 2,5 segundos. A versão original alcançava 407 km/h. Já a configuração Super Sport foi reconhecida pelo Guinness como o carro de rua mais rápido do mundo, chegando a 431 km/h. O modelo foi lançado em 2005 e no primeiro ano já foi escolhido como o carro da década pelo programa de TV britânico Top Gear. O sucessor Tourbillon chega aos primeiros compradores em 2026. Ele dispõe de 1.800 cv e faz a prova saindo da inércia até os 100 km/h em 2 segundos. Serão produzidas inicialmente apenas 250 unidades e o preço é de 3,6 milhões de euros, o equivalente a R$ 21 milhões em conversão direta — sem os custos de importação. De volta ao Chiron: o modelo é uma homenagem ao piloto Louis Alexandre Chiron, um automobilista que participou de corridas de Grandes Prêmios (Grand Prix), antes do surgimento da Fórmula 1. Chiron participou da primeira corrida da principal categoria do automobilismo mundial e é, até hoje, o piloto mais velho a participar de uma corrida de Fórmula 1: em 1958, aos 58 anos, ele correu pela última vez em seu território, o GP de Mônaco. A unidade que chegou ao Brasil foi fabricada entre 2018 e 2021, e é da série especial Sport, limitada a 60 unidades das 500 que a marca já fabricou do modelo. No site oficial de imprensa da marca, existem seis versões diferentes: Chiron (tradicional), Profilée, Pur Sport, Sport, Super Sport e Super Sport 300+. Mas o Chiron não parou por aí. Foram mais 20 unidades da edição comemorativa de 110 anos da Bugatti, a Ans 110. Existe ainda a Chiron Noir (também com apenas 20 unidades no mundo) e a L'Ultime. A série especial Sport tem alguns componentes a mais que a versão "normal", como as rodas diferentes, de fibra de carbono, e itens mais leves que o deixaram com 18 kg a menos. Veja a comparação Veyron x Chiron. Initial plugin text Veja a comparação Chiron x Tourbillon. Initial plugin text Veja Mais

Famílias desalojadas no RS receberão até R$ 40 mil para financiar imóveis

Valor Econômico - Finanças Governo custeará o valor da entrada do financiamen... Veja Mais

Morre Jon Landau, produtor de 'Titanic' e da franquia de filmes 'Avatar', aos 63 anos

Valor Econômico - Finanças Segundo o site de notícias TheWrap, uma pessoa pró... Veja Mais

Indiciado por falsificação em cartão de vacina, Bolsonaro volta a criticar imunizante

Valor Econômico - Finanças Ex-presidente reafirmou, durante a CPAC Brasil, qu... Veja Mais

Com presença de Tarcísio, substituição de Bolsonaro em 2026 é rechaçada em evento conservador

Valor Econômico - Finanças O governador de São Paulo é apontado como possível... Veja Mais

PRESTA ATENÇÃO NO ÁRBITRO KKKKKKKK

PRESTA ATENÇÃO NO ÁRBITRO KKKKKKKK

Band Sports ????@wimbledon #BandSports #Tênis #Wimbledon Veja Mais

Bia Haddad começa bem, leva a virada para Collins e está eliminada de Wimbledon | Melhores Momentos

Bia Haddad começa bem, leva a virada para Collins e está eliminada de Wimbledon | Melhores Momentos

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível no Disney+! http://dis.la/ESPNenDisneyPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #WimbledonNaESPN #TênisNaESPN #ESPN #DisneyPlus Veja Mais

Reforma tributária: cesta básica mais restrita desagrada o setor privado, que deve apelar ao Congresso; entenda

G1 Economia Representantes da indústria defendem lista maior de alimentos isentos ou com alíquota reduzida; governo afirma que quanto mais favorecimentos, maior tende ser a alíquota padrão, atualmente estimada em 26,5%. Novo projeto traz cesta básica nacional isenta e com alíquota reduzida. Helena Pontes/Agência IBGE Notícias A nova versão do projeto de lei que pretende definir regras mais específicas para a reforma tributária, apresentada nesta quinta-feira (4) pelo grupo de trabalho da Câmara dos Deputados, ainda traz ressalvas de parte da indústria de alimentos. Essa versão — que ainda não é definitiva — retoma o projeto entregue pelo ministro da Fazenda, Fernando Haddad, em abril e traz algumas novidades, mas não inclui a tributação zero da carne bovina e de frango, proposta que tem sido defendida pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) recentemente. O projeto manteve a lista de alimentos selecionados para fazer parte da cesta básica nacional, e que serão isentos dos futuros impostos sobre o consumo (CBS, o imposto sobre valor agregado do governo federal, e o IBS, dos estados e municípios). Assim, como no projeto anterior, parte dos alimentos que antes compunham a lista de isenção do PIS/Cofins foram passados para uma cesta de alíquota reduzida. Alternativas mais saudáveis também foram inseridas, e outros produtos foram completamente retirados da lista — e, portanto, passarão a ter a incidência do imposto cheio. (entenda mais abaixo) Outro ponto levantado é que alguns produtos que faziam parte de cestas básicas regionais também podem ter mudança de tributo com as novas regras. Assim, a leitura de especialistas é que o projeto tende a aumentar os debates entre o governo e representantes da indústria sobre como se dará a cobrança de tributos na nova reforma. Alguns setores já sinalizaram uma tentativa de ampliar a lista de alimentos isentos ou com alíquota reduzida em benefício próprio. Do outro lado, o governo precisa evitar a ampliação, para manter sob controle a alíquota que havia previsto. Atualmente, a alíquota projetada pelo Ministério da Fazenda é de 26,5%, entre as maiores do mundo. Nesta reportagem, você vai entender: Como era e como deve ficar a nova cesta básica nacional? Por que o governo reduziu a lista de alimentos isentos? O consumidor vai pagar mais ou menos imposto sobre alimentos? O que dizem representantes da indústria? Haddad: Reforma Tributária substitui sistema cumulativo, opaco e injusto que penaliza os mais pobres Como era e como deve ficar a nova cesta básica nacional? A principal mudança trazida pela reforma tributária na cesta básica nacional diz respeito à quantidade de produtos que devem ter alíquota zero. De acordo com um relatório do Comitê de Monitoramento e Avaliação de Política Públicas (CMAP), formado por vários ministérios, as regras atuais contemplam a desoneração de 745 alimentos diferentes abrangidos por leis de desoneração de tributos federais. Com a nova reforma tributária, a lista de alimentos isentos de imposto cairia para 15 categorias de produtos. São eles: Arroz; Leite fluido pasteurizado ou industrializado, na forma de ultrapasteurizado, leite em pó, semidesnatado ou desnatado e fórmulas infantis definidas por previsão legal específica; Manteiga; Margarina; Feijão; Raízes e tubérculos; Cocos; Café; Óleo de soja; Farinha de mandioca; Farinha, grumos e sêmolas de milho, além de grãos esmagados ou em flocos; Farinha de trigo; Açúcar; Massas alimentícias; Pão do tipo comum (contendo apenas farinha de cereais, fermento biológico, água e sal). Além disso, o projeto proposto pelo governo também prevê a criação de uma cesta básica com alíquota reduzida — que promoveria um desconto de 60% no valor dos impostos. Essa outra cesta, segundo o governo, conteria os demais alimentos isentos de PIS/Cofins que não foram enquadrados na Cesta Básica Nacional. Ficariam de fora aqueles de consumo muito concentrado entre os mais ricos, como lagosta, salmão, bacalhau, fígado de pato e de ganso (foie gras), cogumelos, trufas, caviar, entre outros. Fazem parte da cesta com alíquota reduzida: Carnes bovina, suína, ovina, caprina e de aves e produtos de origem animal (exceto Foies gras) e miudezas comestíveis de ovinos e caprinos Peixes e carnes de peixes (exceto salmonídeos, atuns; bacalhaus, hadoque, saithe e ovas e outros subprodutos) Crustáceos (exceto lagostas e lagostim) Leite fermentado, bebidas e compostos lácteos; Queijos tipo mozarela, minas, prato, queijo de coalho, ricota, requeijão, queijo provolone, queijo parmesão, queijo fresco não maturado e queijo do reino; Mel natural Mate Farinha, grumos e sêmolas, de cerais; grãos esmagados ou em flocos, de cereais Tapioca e seus sucedâneos Massas alimentícias Sal de mesa iodado Sucos naturais de fruta ou de produtos hortícolas sem adição de açúcar ou de outros edulcorantes e sem conservantes Polpas de frutas sem adição de açúcar ou de outros edulcorantes e sem conservantes Os produtos que ficaram de fora dessas duas cestas terão cobrança da alíquota cheia, atualmente estimada em 26,5%. Por que o governo reduziu a lista de alimentos isentos? Segundo o diretor da Secretaria Extraordinária da Reforma Tributária Rodrigo Orair, o projeto visa garantir a redução do preço de alimentos que estão na atual cesta básica isenta de PIS/Cofins — exceto os que são consumidos de maneira mais concentrada entre os mais ricos — e permitir um maior acesso da população de baixa renda a uma alimentação saudável. Para determinar quais seriam os alimentos que entrariam na lista de isenção, diz Orair, o governo utilizou de dois critérios principais: privilegiar alimentos in natura ou minimamente processados; e privilegiar alimentos consumidos majoritariamente pelas famílias de baixa renda. “Como tiramos alguns alimentos que são consumidos pelos mais ricos, aproveitamos o espaço fiscal para trazer alimentos que são considerados saudáveis, desde que não sejam também muito consumidos pelos mais ricos”, diz o diretor. Orair ainda explica que, na visão do governo, o número de produtos isentos na verdade aumentou em relação à lista atual. Isso porque, segundo o diretor, apesar desses alimentos atualmente não terem a tributação federal, eles ainda estão sujeitos à cobrança do imposto estadual, o ICMS — que tem uma taxa média de 8% sobre alimentos —, e dos chamados resíduos tributários (que são aqueles tributos pagos ao longo da cadeia e que são repassados para o preço final). “O novo sistema vai ser mais transparente para o consumidor final porque tira o problema de cumulatividade. Agora, o que ele vê de imposto [descrito na nota fiscal, por exemplo] é, de fato, o que ele paga”, explica Orair. O consumidor vai pagar mais ou menos imposto sobre alimentos? Segundo Orair, a reforma tem o pressuposto de manter a carga tributária atual — o que significa que os consumidores continuarão pagando, em média, o que já pagam atualmente. “Mas, na medida em que eu estou uniformizando [a carga tributária], alguns produtos, bens ou serviços poderão sim acabar pagando impostos mais altos ou mais baixos, a depender da carga que têm hoje”, explica o diretor. De acordo com o projeto, a expectativa é que a tributação média total dos produtos caia de 17,5% para 13,3%. Entre as cestas, a estimativa é de: uma redução da tributação de 8% para zero entre os alimentos que compõem as isenções da Cesta Básica Nacional; e de 15,8% para 10,6% na média da cesta estendida, com alíquota reduzida. E quanto aos repasses? Para especialistas, no entanto, isso significa que a determinação se um consumidor vai pagar mais ou menos imposto sobre alimentos depende principalmente dos produtos que ele consome. Ou seja, aqueles que consomem mais alimentos que eram isentos e passarão a ser tributados poderão, sim, sentir alguma diferença. Além disso, outro ponto abordado pelos especialistas é a forma como isso deve ser tratado pelo Congresso Nacional. Segundo a economista-chefe da B.Side Investimentos, Helena Veronese, apesar de o mercado ainda seguir em compasso de espera para ver o que de fato deve ser aprovado nas próximas etapas da reforma, há certa expectativa de que o consumidor possa arcar com eventuais repasses de aumento de tributo. “O produtor nunca fica com a oneração para ele, ele sempre passa para o consumidor final”, afirma a economista, reiterando que as contas públicas do país, em meio às eventuais renúncias fiscais, também ficam sob os holofotes. Os especialistas ainda destacam que pode haver algum ruído em relação a produtos regionais, aqueles que são mais consumidos em determinadas regiões do país e que não estão contemplados na lista de isenções da Cesta Básica Nacional. Para o sócio da área tributária do Mattos Filho Advogados, Marcel Alcades, apesar de, em termos de uniformização, a reforma trazer uma avaliação técnica “excepcionalmente boa”, a tendência é que isso também traga menos diversidade e regionalização no novo sistema tributário. Entre exemplos, há o caso da erva-mate, que é bastante consumida na região Sul e Centro-Oeste — muitas vezes no lugar do café. Pela nova proposta, o café ficaria isento de qualquer tributação, enquanto o mate ficaria na cesta com alíquota reduzida. “Com certeza esse pode ser um dos motivos de maior influência política. Eu tenho na Câmara uma representação de todos os estados, e no Senado também. Então, é possível que a discussão seja acalorada justamente por conta das regionalidades que temos hoje”, diz o especialista. O que dizem representantes da indústria? No geral, apesar de os representantes da indústria reconhecerem o trabalho do Poder Executivo e da Secretaria de Reforma Tributária no projeto, a leitura é que a proposta ainda deixa a desejar. Para eles, a lista de produtos apresentada para compor a Cesta Básica isenta de tributos ainda “precisa ser aprimorada”. “A expectativa era a que tivéssemos uma maior presença de alimentos, tanto na cesta básica quanto na alíquota reduzida”, afirma o presidente-executivo da Associação Brasileira da Indústria de Alimentos (Abia), João Dornellas. Os pleitos são variados. Enquanto a Abia, por exemplo, defende uma redução mais generalizada dos tributos cobrados sobre os alimentos, a Associação Brasileira de Supermercados (Abras) defendeu, por meio de nota, a inclusão das proteínas de origem animal na lista de produtos isentos. Para Dornellas, se as listas de isenções e alíquota reduzida continuarem da forma proposta pelo projeto do governo, o consumidor deve sofrer as consequências. “A chance de termos um aumento de preços em alguns alimentos existe e vai acontecer se as leis não forem trabalhadas. Qualquer tarifa extra que for aplicada em qualquer produto vai direto para o bolso do consumidor”, disse o executivo. E o que diz o governo? Segundo Orair, o grupo de trabalho feito para elaborar o projeto da reforma tributária se colocou à disposição do setor privado, tendo recebido e analisado centenas de materiais. De acordo com o diretor, além dos critérios para a elaboração do projeto, houve duas preocupações principais na elaboração desse texto: a fiscal e a redistributiva (o quanto as eventuais isenções seriam, de fato, repassadas para o consumidor final). “O grande problema da cesta básica é que não há uma garantia de que essa isenção será repassada para preço. Vários estudos empíricos já mostraram que a redução de preço, nesses casos, não é na mesma proporção de redução de tributos”, diz Orair. Ele reitera, ainda, que foi preciso elaborar a proposta pensando em “concentrar o benefício naqueles que mais precisam”, e destaca que apesar de existirem pleitos para redução de tributos em vários tipos de produto, ainda é preciso ter em mente que “quanto maior o favorecimento, maior tende a ser a alíquota padrão sobre o consumo”. “A interação será feita e agora é que devem começar, de fato, os debates e audiências públicas. Mas a palavra, em última instância, é do Congresso”, completa o diretor. Veja Mais

Crystal: Como assistir ao novo espetáculo do Cirque du Soleil em SP

canaltech Um espetáculo que mistura malabarismo, acrobacias circenses e exercícios de equilíbrio, tudo isso com graciosos movimentos de patinação no gelo. Esse é o resumo de Crystal, novo show do Cirque du Soleil que estreou em São Paulo na sexta-feira e permanecerá em cartaz até o dia 6 de outubro. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp 6 filmes infantis da Pixar que fazem adulto chorar Depois de passar por 135 cidades em 21 países, a companhia acrobática mais conhecida do mundo passará sua próxima temporada em São Paulo, e promete agitar a capital paulistana com uma trilha sonora original mesclada harmoniosamente com músicas populares, marca registrada dos espetáculos do Cirque. O local escolhido para abrigar o espetáculo foi o Parque Villa-Lobos, que fica na Avenida Queiroz Filho, 1.315, no bairro da Vila Leopoldina. O espaço não foi selecionado por acaso, já que esse show se caracteriza por ter a maior tenda já montada pelo Cirque du Soleil no país: 6.300 m², 20 metros de altura e capacidade para 3.582 pessoas. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- O site oficial do espetáculo resume o tema de Crystal como uma “jornada de autodescoberta” da protagonista ao adentrar um mundo deslumbrante, guiada pelo seu próprio reflexo. “Uma fusão extraordinária de habilidades de patinação e acrobacias que vão além do imaginável, com velocidade, fluidez e beleza indescritível”. O espetáculo conta com 44 artistas — patinadores, acrobatas e músicos — de 11 nacionalidades diferentes que, juntos, performam, em 7 atos distintos, uma produção que promete levar o público a sentir fortes emoções. Espetáculo retrata a jornada de Crystal e promete emocionar o público em São Paulo (Imagem: Divulgação/Cirque du Soleil) Como assistir ao novo show do Cirque du Soleil? Se você estiver interessado em assistir às próximas apresentações do Cirque du Soleil, atenção aos preços e horários. Os ingressos custam a partir de R$ 190 (setor Silver, meia-entrada) e podem ser comprados no site oficial da promotora do evento. As sessões acontecem sempre de quarta a domingo. Confira abaixo os dias e horários e programe-se para assistir a Crystal, novo espetáculo do Cirque du Soleil. Serviço: Cirque du Soleil em São Paulo Evento: Cirque du Soleil - Crystal Onde: Parque Villa-Lobos Endereço: Avenida Queiroz Filho, 1.315, Vila Leopoldina Temporada: 5 de julho a 6 de outubro Sessões e horários: quartas e quintas-feiras (21h), sextas-feiras (16h e 20h), sábados (13h - em datas específicas, 17h e 21h), domingos (16h e 20h) Abertura dos portões: 1 hora antes do início das sessões Duração do espetáculo: 2h, com 25 minutos de intervalo Classificação: Livre (menores de 12 anos precisam estar acompanhados) Preços: a partir de R$ 190 Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Meta Quest libera seis janelas de uma vez para rivalizar com o Vision Pro

Meta Quest libera seis janelas de uma vez para rivalizar com o Vision Pro

Tecmundo Os headsets imersivos Meta Quest ganharam um novo recurso de visualização de conteúdo. A partir de agora, é possível abrir até seis janelas ao mesmo tempo enquanto você usa o equipamento de realidade virtual (VR).Quem divulgou a novidade foi o próprio cofundador e CEO da Meta, Mark Zuckerberg. Em uma postagem na rede social Threads, também parte da companhia, o empresário postou uma demonstração da visualização.Leia mais... Veja Mais

Como ganhar arma em Red Dead Redemption 2?

Como ganhar arma em Red Dead Redemption 2?

Tecmundo Red Dead Redemption 2 é o segundo título de uma das franquias mais populares da Rockstar –a empresa responsável por GTA 5. Ambientado no velho-oeste, nele você assume o controle de Arthur Morgan, um fora da lei que, junto com o seu bando, precisa sobreviver em meio a tempos difíceis. E como um bom bandido, é preciso estar sempre bem armado para realizar seus assaltos e se proteger de inimigos. Leia mais... Veja Mais

O Protetor: onde assistir os filmes com Denzel Washington no streaming

O Protetor: onde assistir os filmes com Denzel Washington no streaming

Tecmundo Iniciada em 2014, a série O Protetor (The Equalizer) mostra Denzel Washington em um dos papéis mais marcantes e brutais de sua carreira. Assumindo a identidade do agente especial aposentado Robert McCall, o ator embarca em várias aventuras nos quais as habilidades que ele decidiu deixar de lado precisam ser usadas para proteger os inocentes.Baseada na série de mesmo nome que foi ao ar entre 1985 e 1989, a trilogia de filmes sempre mostra o protagonista surgindo como uma espécie de “anjo salvador” de pessoas oprimidas. Marcada pelas cenas de ação intensas, a série também inspirou um reboot estrelado por Queen Latifah iniciado em 2021 e que está no ar até hoje.Leia mais... Veja Mais

Steam: os melhores jogos para PC em promoção com até 95% de desconto!

Steam: os melhores jogos para PC em promoção com até 95% de desconto!

Tecmundo Sabe que horas são? É hora da nossa seleção semanal com alguns dos melhores jogos para PC com desconto na  Steam! Você já sabe como funciona: listamos vários jogos para PC disponíveis na loja da Valve bem baratinhos, com até 95% de desconto, para você se divertir ao máximo gastando o mínimo.Entre as principais ofertas de jogos na Steam desta semana temos temos os quatro primeiros títulos The Witcher 3: Wild Hunt, Mass Effect Legendary Edition, Star Wars Jedi: Fallen Order, Hellblade: Senua's Sacrifice, Battlefield 4 Premium Edition, Portal 2 e Deponia, que está custando apenas R$ 1,99.Leia mais... Veja Mais

Tudo que você precisa saber antes de comprar um computador

Tudo que você precisa saber antes de comprar um computador

Tecmundo Um computador é muito mais do que um dispositivo tecnológico qualquer. Para a maior parte das pessoas, o PC é uma das principais ferramentas de trabalho. Além de ter uma participação fundamental na vida pessoal e nos momentos de lazer.Por tudo isso, é bem comum que surjam dúvidas na hora de escolher um novo computador. Afinal, há vários fatores que precisam ser levados em consideração, tendo em vista o seu perfil de uso e, claro, o orçamento que você tem disponível para investir na nova máquina.Leia mais... Veja Mais

Itália vai renomear aeroporto de Milão em homenagem a Berlusconi

Valor Econômico - Finanças Berlusconi, que morreu no ano passado aos 86 anos,... Veja Mais

Filme de Watch Dogs é finalmente oficializado

tudo celular Finalmente o primeiro filme de Watch Dogs deixou de ser um sonho e passa a ser um longa em produção. Veja Mais

Kardbank e Rezek chegam a quase 50% de participação na BRB Financeira

Valor Econômico - Finanças A aquisição é mais um movimento dos fundadores da... Veja Mais

Tragédia muda cenário de eleições em Porto Alegre

Valor Econômico - Finanças A catástrofe climática que devastou o Rio Grande d... Veja Mais

Dr4g0n | Atriz conta como é viver uma streamer na série de e-sports do Globoplay

canaltech Focada em entregar cada vez mais produções nacionais para seus assinantes, a Globoplay lança no dia 18 de julho, Dr4g0n, sua primeira série de ficção baseada em esportes on-line. Com oito episódios, a trama vai mostrar os bastidores da formação de um time de e-sports profissional, os desafios interpessoais vividos por cada membro da equipe, além de dilemas éticos e, claro, muita competição. Globoplay em julho tem Dr4g0n, temporada 7 de Good Doctor e mais novidades Clique e siga o Canaltech no WhatsApp O enredo acompanha Daniel (Cauã Martins), um menino tímido e introvertido, desenvolvendo habilidades no jogo Full Force, um game FPS – no qual o jogador tem o ponto de vista de quem está em combate. Em um determinado momento, sua vida muda completamente, quando sua irmã Ana Paula (Fernanda Marques) decide investir na sua carreira de e-esportista a fim de torná-lo um campeão. Bell é uma streamer de sucesso na série Dr4g0n. (Divulgação/Globoplay/Fabio Rebelo) Para os pais da dupla, que vivem um imenso abismo geracional com os filhos, Full Force é apenas um jogo de computador. Para Ana Paula, é a oportunidade de salvar as finanças da família e, mais do que isso, provar para todos suas capacidades. Já para Daniel é a chance de continuar fazendo o que gosta. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Além dos dilemas do núcleo protagonista, Dr4g0n também retrata o mundo dos streamers de jogos, pessoas que fazem lives jogando ou falando sobre o tema. Uma delas é Bell, vivida pela atriz, dubladora, otaku e gamer, Luísa Horta. Dr4g0n traz referências atuais para compor os visuais dos streamers. (Divulgação/Globoplay/Fabio Rebelo) Colorida, animada e muito famosa, Bell passa seis horas do seu dia fazendo lives e conversando com a audiência. Em entrevista exclusiva ao Canaltech, Luísa comentou que vê sua personagem como uma referência de profissional que luta para combater o machismo neste meio. Infelizmente ainda estamos muito aquém do que a gente gostaria em relação ao machismo, mas acho lindo demais ver que hoje em dia está surgindo muita mulher, muita gente engajada e militante sobre isso. Tem muita gente interessante como a Bah Gutierrez que é apresentadora de e-sports. Acho que a Bell entra nesse lugar de inspiração, de mostrar o quanto ela se esforça para estar nesse espaço e para mostrar que ela faz um trabalho impecável, afirma Horta Ver essa foto no Instagram Uma publicação compartilhada por Barbara Gutierrez (@bahgutierrez) Para criar a personagem, a atriz foi atrás de inspirações femininas no mundo dos games, como Thaiga, uma gamer e influenciadora digital que começou a ganhar notoriedade ao fazer transmissões do jogo League of Legends. A Thaiga foi a minha referência para criar a personagem. Fui atrás de meninas que tinham a personalidade parecida com a da Bell para entender a linguagem delas, como elas se comunicam com o público, comenta. E por falar em linguagem, o fato de Horta trabalhar há sete anos como dubladora também a ajudou a construir a personagem. Para a atriz, a dublagem lhe deu um conhecimento maior sobre sua voz, e prontidão para entender o texto. Tudo isso aliado ao fato dela ter crescido jogando videogame ao lado dos irmãos e consumindo animes japoneses, contribuiu para que Bell ganhasse forma. Counter Strike e outros jogos serviram de referência para a Dr4g0n Apesar de se inspirar muito na realidade, o jogo principal de Dr4g0n é fictício. Full Force é um game que foi inspirado em outros semelhantes como Counter Strike e até mesmo o Valor Ant. Por isso, até quem nunca jogou videogame na vida conseguirá entender a trama, já que o enredo faz questão de explicar o game. Muitas coisas a gente explica, em alguns momentos a própria Bell mostra como funciona o Full Force, assim como os streamers que sempre atualizam o público das novidades dos jogos, garante a atriz. E se a trama foca bastante nas disputas, ela também dá espaço para os dramas familiares brilharem. Tudo começa com o fato de que a família de Daniel e Ana Paula entra em falência, já começa com esse drama familiar. É um tragicômico sobre os altos e baixos financeiros deste núcleo familiar, garante Horta. Vale lembrar que todos os episódios chegam no Globoplay no dia 18 de julho. A atriz comenta que, por enquanto, a segunda temporada ainda não foi confirmada, mas que os criadores Tiago Rezende, Ana Saki e Tomas Fleck já têm várias ideias para a continuação da trama. Portanto é possível que novos episódios sejam anunciados em breve. Luisa Horta, intérprete de Bell, conversou com exclusividade com o Canaltech e falou sobre a série Dr4g0n. (Divulgação/Globoplay/Fabio Rebelo) Inscreva-se no Canaltech Ofertas e receba as melhores promoções da internet diretamente no seu celular! Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

‘Economia’ com corte no CadÚnico pode ir para novos beneficiários

Valor Econômico - Finanças O Ministério do Desenvolvimento e Assistência Soci... Veja Mais

Sem medo da concorrência, Shopee investe em logística para crescer além das 'blusinhas'

Valor Econômico - Finanças O mercado de comércio on-line brasileiro está nos... Veja Mais

7 jogos grátis para resgatar e jogar no PC e consoles; veja a lista!

7 jogos grátis para resgatar e jogar no PC e consoles; veja a lista!

Tecmundo Os jogos estão ficando cada vez mais caros para a realidade de muitos brasileiros — mas, felizmente, nem tudo está perdido. Se você se enquadra no grupo de pessoas que não quer gastar nada e mesmo assim se divertir, o Voxel preparou uma lista com sete ótimas opções de jogos gratuitos para você resgatar e jogar no PC, consoles e smartphones.E tem opções para todos os gostos, hein? Procurando uma experiência de tiroteio intenso e visuais deslumbrantes? Temos The First Descendant para esse propósito. Em busca de uma jogatina mais light e descompromissada, mas sem abrir mão de uma boa experiência? Então The Falconeer pode ser a pedida certa!Leia mais... Veja Mais

O que é bom para aumentar a imunidade e se manter ativo no trabalho

Valor Econômico - Finanças Fatores como idade e estresse podem contribuir par... Veja Mais

Cerca de R$ 10 bilhões do pacote de corte de gastos anunciado pelo governo dependem do Congresso

G1 Economia Governo prevê revisão no Cadastro Único, no Bolsa Família e em benefícios da Previdência; medidas vão buscar coibir fraudes e pagamentos indevidos e devem economizar R$ 25,9 bilhões, segundo Haddad Parte do pacote de corte de despesas anunciado pelo governo nesta semana vai depender de aprovação no Congresso Nacional. Ou seja, vai depender de negociação e ainda não está garantido. Cálculos preliminares indicam que cerca de R$ 10 bilhões só serão efetivados após aval dos parlamentares. Isso representa mais de um terço de toda a economia com os cortes esperada para o próximo ano – de R$ 25,6 bilhões. Ainda não há data prevista para o Palácio do Planalto enviar as propostas ao Congresso. Integrantes do governo reconhecem que algumas medidas são duras e devem gerar debate na Câmara e no Senado, mas a equipe econômica confia na aprovação dos projetos apesar de o prazo ser mais curto nesse semestre por causa das eleições municipais. Nesta quarta-feira (3), o ministro da Fazenda, Fernando Haddad, fez uma declaração na qual anunciou os cortes após seguidas reuniões com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. O objetivo foi dar uma sinalização ao mercado financeiro. O dólar chegou a bater R$ 5,70 nos últimos dias em meio ao embate entre Lula e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, em torno da política de juros e das contas públicas. Haddad anunciou um corte de R$ 25,9 bilhões em despesas obrigatórias para 2025. No entanto, o ministro não deu mais detalhes sobre o pacote. Haddad anuncia corte de R$ 25,9 bi em despesas e diz que Lula determinou que seja cumprido o arcabouço fiscal A TV Globo e o g1 conversaram com integrantes do governo para esmiuçar o plano de redução de despesas que acalmou o mercado e contribuiu para a queda do dólar desde quarta-feira. CadÚnico e Bolsa Família Uma das medidas a serem anunciadas prevê mudanças no Cadastro Único, que reúne informações da população de baixa renda e que pode ter acesso a programas sociais. A regra diz que, a cada três anos, a pessoa precisa atualizar os dados fornecidos ao Cadastro. No entanto, essa não tem sido a prática. Por isso, a ideia é que, se o beneficiário está com informações desatualizadas há mais tempo, os pagamentos poderão ser suspensos até que o cadastro seja regularizado. Essa parte do pacote deve precisar de aval do Congresso. Em relação ao Bolsa Família, o governo quer passar um “pente-fino” e encontrar quem fraudou informações para se enquadrar como família unipessoal – quando uma pessoa diz que não tem filhos nem é casada. Desde o início do governo, um dos problemas encontrados pela equipe de Lula foi a explosão de cadastros de famílias solo após o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) ter estabelecido um valor mínimo a ser pago independente do tamanho da família. A maior suspeita de fraude é quando a família se divide para conseguir dois cadastros e receber dois benefícios do programa social. Uma forma de conseguir identificar irregularidades é pelo endereço da pessoa que está no Bolsa Família e cuja informação poderá ser cruzada com a de parentes. Entre novembro de 2021 e novembro de 2022, logo após a eleição presidencial, o número de "beneficiários solos" saltou de 2,2 milhões para 5,8 milhões. Pescadores O governo também planeja fechar o cerco contra o pagamento do seguro defeso, que é um auxílio dado ao pescador durante o período em que ele fica impedido de exercer a atividade por causa da preservação das espécies. Para 2024, estão previstos R$ 6 bilhões com esse benefício, que é pago em média a mais de 800 mil pessoas. Governos anteriores já miraram em fraudes nesses pagamentos, mas pouco se avançou. Por isso, a equipe de Haddad prepara um projeto a ser enviado ao Congresso para mudar o formato de inscrição nesse benefício. Hoje, não é concentrado. O governo federal recebe as informações das cidades (comunidades pesqueiras) e o cadastro é feito quase que automaticamente. O objetivo é ampliar o controle para ter acesso ao benefício cujo valor é de um salário mínimo (R$ 1.412,00). Previdência Outro pilar do pacote foi anunciado pelo ministro da Previdência Social, Carlos Lupi, que comandará um "pente-fino" em benefícios previdenciários temporários, como o auxílio por incapacidade temporária (auxílio-doença), a partir de agosto deste ano. Segundo ele, há uma previsão de que esse tipo de revisão aconteça a cada dois anos. Entretanto, no caso dos benefícios temporários, o processo não era realizado desde 2019. Outras medidas O governo também prevê apertar regras para municípios. A ideia é deixar claro que as prefeituras precisam registrar os funcionários contratados pelo regime CLT. Se isso não for feito, o município poderá perder benefícios como repasses da União para a prefeitura. Outra mudança deve ser nas regras de pagamento de contribuição previdenciária nos casos de servidores públicos federais que são cedidos para cargos em governo estaduais ou municipais. Ou vice-versa, servidores estaduais e municipais que vão trabalhar no governo federal. O objetivo é estabelecer um acerto de contas entre os entes. Contingenciamento Na quarta-feira, Haddad também anunciou que, se necessário, haverá um congelamento de despesas previstas até o fim de 2024. Isso deve ser feito até dia 22 de julho. "A Receita está terminando de fazer a compilação do semestre, o relatório de julho pode apresentar significar algum contingenciamento e algum bloqueio que serão suficientes que o arcabouço seja cumprido", completou o ministro. Integrantes do Ministério da Fazenda dizem que vai ser um valor robusto, mas afirmam que os cálculos ainda não estão concluídos. Veja Mais

Falas de Lula estão realmente fazendo dólar subir?

G1 Economia Além de falas de Lula sobre Banco Central, cenário externo e problemas fiscais brasileiros preocupam mercado. Lula fez críticas pesadas ao Banco Central e seu presidente neste mês. Getty Images via BBC Um grande momento de indefinição — no Brasil e no resto do mundo. É assim que economistas e analistas de mercado estão vendo a economia, o que explica as grandes oscilações no mercado brasileiro vistas nos últimos dias. Nos últimos dias, indicadores de mercado mostraram um aumento do pessimismo: O dólar já se valorizou mais de 16% desde o começo do ano frente ao real. Na terça-feira (1/7), a moeda estava cotada a R$ 5,66 — o recorde do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) até agora; Em junho, a Bolsa brasileira chegou a cair mais de 8% no ano — apesar de ter se recuperado um pouco desde então; O título prefixado do Tesouro Brasileiro para 2031 pagava juro de 10,70% no começo do ano. Hoje, paga 12,50%. Um juro mais alto sinaliza expectativas mais pessimistas do mercado em relação à economia. Na terça-feira (2/7), o presidente disse que o real estaria sendo alvo de um ataque "especulativo" e que estava analisando o que o governo poderia fazer a respeito. A fala de Lula foi interpretada por parte do mercado como um sinal que medidas seriam tomadas para controlar o câmbio, mas o ministro da Fazenda, Fernando Haddad (PT), negou que essa possibilidade estava em estudo. Nesta quarta-feira (3/7), Lula se reúne com Haddad e outros integrantes da equipe econômica para discutir os problemas financeiros. LEIA TAMBÉM Juros nos EUA, cenário fiscal e declarações de Lula: veja a cronologia da disparada do dólar Após turbulências no mercado, Lula diz que 'responsabilidade fiscal é compromisso' Haddad: câmbio 'vai se acomodar' e responsabilidade fiscal é 'compromisso' de Lula Mas o que explica esse cenário? Pelo menos três problemas atraem a atenção de investidores — que no fim das contas são quem define preços e juros, pois são eles quem negociam os valores nos mercados: as falas do presidente sobre o Banco Central, as incertezas sobre os rumos da economia global (sobretudo nos Estados Unidos) e os problemas fiscais brasileiros. O que agrava o momento econômico e deixa os mercados "hiper-sensíveis com o noticiário" — nas palavras do economista-chefe da XP, Caio Megale — é que, com os dados disponíveis no momento, é muito difícil prever o que vai acontecer nos próximos meses, porque não há uma tendência clara à vista. É possível vislumbrar cenários radicalmente opostos — e ambos são considerados igualmente prováveis. Pode haver um alívio nas tensões internas e domésticas que levem o real próximo ao patamar de R$ 5,10. Ou pode haver agravamento em ambos os cenários que levem o real a se desvalorizar ainda mais. O economista André Perfeito, no entanto, apontou que, na opinião dele, há um ataque especulativo contra o real em andamento. "É óbvio que a situação do Brasil está melhor que anos atrás, temos empresas públicas dando lucro, estabilidade de preços e apesar das rusgas o Banco Central tem independência (tanto é que parou de cortar os juros ao arrepio do que o Planalto desejaria)", disse em mensagem a clientes. "Como diria um banqueiro: enfiamos o nariz num copo d'água e estamos achando que estamos nos afogando no meio do Pacífico", acrescentou. Entenda a seguir os motivos que explicam a forte desvalorização do real. 1. Lula e o Banco Central No último mês, Lula fez críticas fortes ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto: Em 18 de junho, Lula disse: "Nós só temos uma coisa desajustada no Brasil nesse instante: é o comportamento do Banco Central. Essa é uma coisa desajustada. Um presidente do Banco Central que não demonstra nenhuma capacidade de autonomia, que tem lado político e que, na minha opinião, trabalha muito mais para prejudicar o país que para ajudar o país". Em 28 de junho, afirmou: "A taxa de juros de 10,50% é irreal para uma inflação de 4%. Isso vai poder melhorar quando eu puder indicar o presidente [do Banco Central]". Na segunda-feira (1/7), Lula voltou às críticas: "O que você não pode é ter um Banco Central que não está combinando adequadamente com aquilo que é o desejo da nação. Não precisamos ter política de juro alto neste momento, a taxa Selic a 10,5% está exagerada". Desde a primeira fala de Lula, no dia 18, o dólar já subiu mais de 4% — passando de R$ 5,44 para mais de R$ 5,64. Qual é a relação entre as falas de Lula e tensões no mercado financeiro? O problema central envolve a definição da taxa de juros da economia brasileira — a Selic. Esse juro — atualmente em 10,5% ao ano — define quanto custa para pessoas e empresas tomarem empréstimos para consumir ou investir nos seus negócios. O juro básico tem enorme repercussão na economia, porque acaba influenciando em todos os preços e nas expectativas futuras de inflação. Quem define a taxa de juro básica da economia é o Comitê de Política Monetária (Copom), do Banco Central. E existe uma diferença de opiniões entre Lula e o Copom. Lula quer que o juro seja mais baixo — o que permitiria crescimento maior da economia, potencialmente gerando mais empregos e renda. O Copom vinha cortando a taxa de juros quase que mensalmente, como quer Lula, alegando que a economia estava dando sinais de melhora. Mas em junho, o Copom manteve a taxa inalterada, em 10,5%, interrompendo uma trajetória de queda que já durava um ano. O Comitê acredita que é preciso manter a taxa neste nível para evitar a alta da inflação. O efeito colateral disso seria queda no rendimento real das pessoas e aumento da desigualdade. A ata da reunião de junho disse que o Copom "unanimemente, optou por interromper o ciclo de queda de juros" e citou cenário global externo e elevação nas projeções de inflação no Brasil. Essa diferença de opiniões sobre os juros é marcada por duas questões políticas. A primeira delas é a autonomia do Banco Central. O presidente da República não tem poderes para demitir o presidente do Banco Central. Roberto Campos Neto foi indicado pelo antecessor de Lula, Jair Bolsonaro, e seu mandato acaba apenas no final deste ano. Lula: estamos colocando as contas em ordem A autonomia do Banco Central foi aprovada em 2021 e estabelece mandatos fixos de quatro anos para o presidente da instituição que não coincidentes com o do Presidente da República. O objetivo é justamente impedir que haja alguma interferência do governo que está no poder na definição dos juros. O PT sempre foi contra a autonomia do Banco Central. O segundo problema é que Lula acusa Roberto Campos Neto de atuação política. Campos Neto participou de encontros públicos com o governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas (Republicanos), que é cotado para liderar a oposição e o bolsonarismo nas eleições de 2026. Campos Neto foi homenageado pela Assembleia Legislativa de São Paulo ao lado de Tarcísio e foi recebido em um jantar pelo governador. O PT entrou com uma ação popular contra Campos Neto, dizendo que ele tem atuação político-partidária à frente do Banco Central — uma crítica feita pelo próprio Lula. Qual o impacto dessas falas de Lula no mercado? Para Caio Megale, da XP, o problema para o mercado financeiro é a falta de clareza sobre o que Lula quer dizer com suas críticas recentes. "As declarações do presidente são contra o presidente do Banco Central? Ou são contra a maneira como o Banco Central está conduzindo a política econômica." Não existe muita dúvida no mercado que Roberto Campos Neto continuará tendo poder dentro do Copom até o final do ano, já que ele está amparado pela lei. Mas, no final do ano, Lula terá direito de indicar o seu próprio presidente — e é isso que muitos analistas tentam entender a partir das falas recentes de Lula. Haveria uma mudança radical na política econômica implementada pelo novo presidente da instituição? O economista Victor Gomes, professor da Universidade de Brasília (UnB), diz que o presidente do Banco Central tem um perfil mais político do que necessariamente técnico — e isso contribuiria para a cotação do dólar ser mais volátil diante de um embate com o presidente, porque Campos Neto seria mais suscetível a tomar decisões ideológicas sobre o câmbio. Gomes acredita que um exemplo de decisão menos técnica e mais política de Campos Neto aconteceu em 2020, quando o Banco Central baixou os juros para 2%. "Nós temos um presidente de Banco Central que é mais ativista. Ele não poderia ter feito isso [baixar os juros para 2%]. Havia muita volatilidade e os modelos não estavam funcionando para prever [o juro ideal]. Ele fala que isso foi uma decisão técnica, mas não foi. Foi um erro técnico." O mercado entende que não haverá mudanças radicais caso Lula venha a indicar o atual diretor de política monetária do BC, Gabriel Galípolo, para o Copom. Galípolo assumiu o cargo poucos meses após ter assumido como secretário executivo do Ministério da Fazenda do terceiro mandato do governo Lula, por indicação de Haddad. Analistas acreditam que continuará havendo um certo grau de autonomia para a instituição. 'Só temos uma coisa desajustada no Brasil: é o comportamento do Banco Central', diz Lula Mas, recentemente, Lula disse que seria necessário ter um presidente mais experiente e calejado — sinalizando que pode escolher outro nome que não Galípolo, que é jovem. Isso levou muitos a especularem que Lula poderia escolher nomes como Guido Mantega, Aloísio Mercadante ou André Lara Resende — economistas que tenderiam a seguir políticas mais alinhadas com o que quer Lula. "Se a visão do Lula é ter um Banco Central que atenda a demandas políticas e reduza taxa de juros, então daí as expectativas de inflação vão subir, a credibilidade da política econômica e da moeda cai e o real se desvaloriza", diz Caio Megale. 2. Problemas fiscais brasileiros Outra pergunta que é feita nos mercados é: os juros deveriam parar de cair no Brasil? Por que eles não seguem na sua trajetória de queda? Afinal de contas, alguns bancos estão revisando para cima as projeções de crescimento do Produto Interno Bruno (PIB) para este ano (para cerca de 2,5%) e o desemprego também está em queda. Em maio, a taxa caiu para 7,1% — a menor para o mês em dez anos. Com a economia se mostrando levemente mais forte, seria de se esperar que os juros brasileiros também caíssem. Mas o Copom afirma em sua ata que existe um risco de a inflação voltar a subir no Brasil. A ata fala em "aumento das projeções de inflação de médio prazo" e da necessidade de uma política "mais contracionista e mais cautelosa, de modo a reforçar a dinâmica desinflacionária". Economistas dizem que há mais dúvidas sobre a capacidade do governo brasileiro de produzir superávits fiscais — ou seja, de gastar menos do que arrecada e manter um equilíbrio fiscal. Para Victor Gomes, da UnB, um dos problemas são as desonerações — uma política de 2012 em que alguns setores produtivos eram beneficiados com renúncias fiscais. O governo tentou acabar com as desonerações neste ano — o que provocaria um aumento da arrecadação —, mas foi derrotado no Congresso. A questão está sendo discutida na Justiça. "Conseguir reduzir o tamanho das desonerações não me parece que seja algo muito factível hoje, apesar de que o governo deveria investir nisso", diz Gomes. Para Caio Megale, da XP, outro problema fiscal que surgiu com força neste último mês foram os gastos previdenciários. "Na política fiscal, de abril para cá, principalmente em maio, as despesas deram uma acelerada, com concessão de alguns benefícios previdenciários. A pergunta é: o que o governo vai fazer a respeito disso?", diz Megale. "Em maio, o gasto da Previdência surpreendeu em R$ 5 bilhões. E isso é uma despesa recorrente e obrigatória. Se esse valor for permanente, nós precisamos então colocar R$ 5 bilhões a mais por mês para sempre nas contas?" Novamente existe aqui uma falta de clareza no mercado sobre como o governo pretende lidar com problemas fiscais. No mês passado, dois ministros de Lula sinalizaram ações do governo para conter despesas. Haddad falou que haveria uma revisão "ampla, geral e irrestrita" dos gastos públicos. A ministra do Planejamento, Simone Tebet (MDB), falou que cortar gastos era um "dever de casa" do governo. Lula diz que decisão do Copom foi 'uma pena' Mas, na semana seguinte, Lula sinalizou em entrevista que talvez não concorde com essa avaliação. "O problema não é que tem que cortar. O problema é saber se precisa efetivamente cortar ou aumentar a arrecadação. Precisamos fazer esta discussão", disse Lula. Outro problema doméstico que aumenta a perspectiva de inflação é a própria alta do dólar registrada nesses meses. Com o real desvalorizado, sobem os preços dos produtos importados — aumentando a inflação interna. 3. Futuro incerto nos EUA A desvalorização da moeda nacional frente ao dólar não é um problema brasileiro. A valorização do dólar é uma tendência mundial este ano. Tudo passa pela inflação americana, que não dá sinais de que está se desacelerando. O ano de 2024 começou com a expectativa de que a inflação nos EUA e na Europa caísse — dando fim ao maior ciclo de alta de inflação e juros em quatro décadas. Seria o fim da crise econômica provocada pela pandemia, e o começo de uma retomada mundial. Mas isso não se confirmou. A inflação nos Estados Unidos seguiu em alta — e, no mês, passado o Federal Reserve (o Banco Central americano) já sinalizava que cortaria os juros básicos da sua economia apenas uma vez neste ano. Com isso, houve uma reversão de expectativas — e de investimentos nos mercados internacionais. Os papéis do título do governo americano passaram a pagar retornos maiores. Para investidores, é muito atraente ter um retorno de mais de 4% ao ano em dólares, em vez de investirem em ativos de riscos ou títulos de países emergentes, como o Brasil. Por isso, existe um grande fluxo de dinheiro internacional para os Estados Unidos, o que provoca a desvalorização das demais moedas do mundo frente à americana. Fed mantém juros entre 5,25% e 5,5% ao ano; Bruno Carazza comenta Victor Gomes, da UnB, lembra que antes da pandemia o dólar tinha uma cotação mais próxima dos R$ 3. Desde que os americanos passaram a subir seus juros, a cotação está mais próxima ou acima dos R$ 5 e nunca mais voltou. O Brasil não é o único país que sofre com esse movimento — mas combinado com os problemas domésticos o real tem sido uma das moedas que mais se desvalorizou esse ano. Apesar dos problemas cambiais, existe uma notícia boa para o Brasil que vem do exterior: as commodities estão em alta nos mercados internacionais, o que beneficia empresas de minérios e petróleo, que têm grande peso na bolsa brasileira. Veja Mais

Relembre brasileiros e brasileiras que se destacaram em realities gringos

G1 Pop & Arte Veja atores, cantores e influencers que já conseguiram um espaço na programação internacional. Relembre brasileiros que já participaram de realities gringos Nessa semana, a brasileira Linda de Sousa Abreu, que atuava como agente penitenciária em Londres, foi presa após ser filmada fazendo sexo com um dos detentos dentro da cela. O vídeo, que foi gravado por outro detento, viralizou, e a brasileira acabou sendo retirada da corporação, e vai ter que responder pelo crime. Só que essa não é a primeira vez que Linda aparece fazendo sexo diante das câmeras. Ela já participou do reality show britânico "Open House: The Great Sex Experiment". O programa é um experimento social que explorava se os relacionamentos podem prosperar sem a monogamia. Linda apareceu do segundo episódio, em 2023, junto com o marido. E os dois, participaram de uma orgia com outros 13 participantes do programa. O g1 relembra outros brasileiros e brasileiras que também já participaram de realities internacionais. Mas diferentemente do que aconteceu com Linda, não são brasileiros com casos em páginas policiais. São atores, cantores e influencers que conseguiram um espaço na programação gringa pelo talento, sem se meter em nenhuma confusão. Relembre outros brasileiros e brasileiras que já participaram de realities internacionais: Gabriel Henrique no 'America's Got Talent' Mineiro de Contagem conquista Golden Buzzer no America’s Got Talent Redes Sociais/Reprodução Em 2023, o mineiro Gabriel Henrique participou da 18ª edição do "America's Got Talent". A interpretação do cantor para o clássico "Run to you" foi tão emocionante, que a atriz Sofía Vergara, uma das juradas do programa, apertou o botão de ouro, colocando o participante direto na etapa seguinte da atração. No fim, o mineiro não passou para a fase final, mas mostrou todo seu talento lá fora e segue investindo na carreira musical. Bruna Gomes no 'Big Brother Desafio Final' Bruna Gomes foi a vencedora do Big Brother português Reprodução/ Instagram @bru Em 2022, Bruna Gomes venceu o "Big Brother Desafio Final", em Portugal, com 91% dos votos. A youtuber catarinense, que é ex-do Felipe Neto, já havia participado de outro reality internacional. Bruna esteve no "Big Brother Famosos", também em Portugal, e ficado com o terceiro lugar. Dayane Mello na versão italiana do 'Big Brother' Em 2021, a modelo Dayane Mello participou da versão italiana do "Big Brother". Ela não venceu o programa, mas levou a melhor em 11 paredões. Isso foi muito pela torcida brasileira, que se mobilizou inteira para defender Dayanne depois que ela se tornou alvo de comentários ofensivos e ameaças no programa. Durante sua participação, Day se declarou bissexual, se apaixonou por uma das participantes e, ainda confinada, recebeu a notícia da morte de um irmão em um acidente de carro. Dayane ficou muito abalada, mas depois de conversar com seu outro irmão e com uma psicóloga, decidiu seguir no programa. Leia também: Irmão de brasileira do 'Big Brother' italiano diz que fãs se identificam com situação dela Nick Meireles em 'Lavar pra Ganhar' Nick Meireles em 'Lavar pra Ganhar' Reprodução/Instagram Dono de uma empresa especializada em limpeza, Nick Meireles foi um dos 16 participantes do reality canadense "Lavar pra Ganhar". Nesse jogo, os concorrentes precisam tirar manchas, limpar sujeiras e organizar a bagunça dos ambientes em provas bem divertidas. Nick chegou ao Top 8 do programa, que teve sua grande final exibida há cerca de duas semanas. Ju Isen no 'Love On Top' Ju Isen hoje e em ensaio fotográfico em 2016 Reprodução-Instagram/Celso Tavares-ego Conhecida no Brasil como a Musa das Manifestações, Ju Isen participou do programa "Love On Top", em 2017. O formato do programa traz cinco homens e cinco mulheres, todos solteiros, que precisam seduzir e conquistar os anfitriões da mansão. E, claro, também precisam conquistar quem está assistindo, já que eles encaram uma espécie de paredão, disputando o voto do público. Leia mais: Musa das manifestações, Ju Isen diz não se sentir bem se vendo no espelho: 'Medo de envelhecer' Veja Mais

TORCIDA DO CORINTHIANS PRESENTE NO TREINO DO BRASIL #Shorts

TORCIDA DO CORINTHIANS PRESENTE NO TREINO DO BRASIL #Shorts

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível no Disney+! http://dis.la/ESPNenDisneyPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #brasil #corinthians #viniciusjr Veja Mais

Na CPAC Brasil, aliados e apoiadores de Bolsonaro rechaçam sua substituição no pleito de 2026

Valor Econômico - Finanças Neste domingo (7), está prevista a participação no... Veja Mais

Tarcísio diz que Bolsonaro é única liderança da direita

Valor Econômico - Finanças O governador disse, durante o CPAC Brasil, que est... Veja Mais

Com o rebranding, Studio W elege o bem-estar como inovação

Valor Econômico - Finanças Com a saída de Wanderley Nunes, Rosângela Barchett... Veja Mais

7 dicas para iniciantes em The First Descendant, novo jogo grátis online

7 dicas para iniciantes em The First Descendant, novo jogo grátis online

Tecmundo Recentemente, The First Descendant foi disponibilizado no PC, PS4, PS5, Xbox One e Xbox Series de forma totalmente gratuita e com crossplay entre as plataformas citadas. Esse jogo multiplayer cooperativo de ação pode ser bem divertido, seja jogando sozinho ou com seus amigos, mas tem tanto conteúdo e recursos que ser meio confuso para jogadores novos. Por isso, nós preparamos um guia com 7 dicas muito importantes para iniciantes em The First Descendant. Confira tudo em detalhes logo abaixo!Leia mais... Veja Mais

Nauru 1000C: Exército brasileiro terá drones com mísseis

tudo celular Exército brasileiro anuncia que terá drones autônomos equipados com mísseis pela primeira vez. Veja Mais

Exame retal em vacas, desfile de 12 km e prova de ordenha: como brasileira foi eleita 'Rainha Mundial da Pecuária'

G1 Economia Jamille Baretta disputou o título de "miss pecuária" com outras 24 candidatas na Colômbia. Essa é a 4ª vitória no Brasil. Brasileira eleita 'Rainha Mundial da Pecuária' fala sobre testes práticos do concurso Ser considerada bonita não basta para ganhar um concurso de beleza. Pelo menos não para conquistar o título de "Rainha Internacional da Pecuária", competição que acontece anualmente na Colômbia. Nessa disputa os atributos físicos têm um peso de apenas 30% na nota. Para conquistar os outros 70%, as candidatas precisam entender sobre agropecuária, demonstrar simpatia e promover a cultura dos seus países de origem. Jamille Baretta, brasileira que venceu a edição deste ano, por exemplo, teve que passar por testes práticos de conhecimentos pecuários como: o exame de palpação retal em vacas - feita para detectar gestações - e ordenha. "Basicamente, introduzimos o braço no reto da vaca para identificar se ela está em fase de gestação. Usamos uma luva de plástico e o veterinário foi explicando como introduzir a mão, onde estava o útero e como fazia para sentir a palpitação". Jamille Baretta foi eleita a "Rainha Internacional da Pecuária" de 2024 Arquivo Pessoal "Foi a primeira vez que eu tive um contato assim com animais porque a minha parte favorita é mexer com plantas (...) Ficamos com um pouco de medo por ser um animal de grande porte. Muita gente não teria coragem", conta a "miss", que já possui formação técnica no setor agrícola. ?? Essa é a quarta vez que o Brasil vence o concurso, que acontece desde 1961, sendo o país com mais vitórias. A disputa aconteceu no mês de junho em Monteria, no estado de Córdona, e contou com 25 candidatas. Durante a competição, Jamille e as outras competidoras também tiveram que ajudar criadores a alimentar bezerros e a fazer análise de solo. "Eles nos levaram ao pasto para mostrar onde os bovinos se alimentavam e explicaram como faziam para que o pasto se formasse novamente. Eu fiz um adendo sobre o solo, que tinha argila, o que possibilita essa recuperação rápida do pasto", lembra a brasileira. Análise de solo e ordenha de vacas são alguns dos testes que as candidatas a "miss pecuária" foram submetidas Arquivo Pessoal Diferente de outras competições, a "Reina Internacional de la Ganadería" tem como objetivo escolher uma embaixadora que promova o setor agropecuário em eventos. Isso explica o fato das candidatas terem que passar por tantos testes. "Foi o melhor que eu já participei porque valoriza não só a beleza, mas também o estudo. Eles querem alguém capaz (...) Realmente você tem que estudar sobre o agro, produção de carne e leite", completa. ???? Experiência rural Apesar da complexidade das atividades, Jamille afirma que "tirou de letra", já que cresceu em um ambiente rural e é técnica em agropecuária e piscicultura. Devidamente vestida como uma miss, com a coroa na cabeça, a jovem contou ao g1 que veio de uma família humilde de Alta Floresta, interior do Mato Grosso, mas sempre teve o sonho de ser modelo. Para participar de concursos e investir na carreira, ela chegou a vender bolo de pote na rua. O convite para participar do concurso "Reina Internacional de la Ganadería" - tradução para Rainha Internacional da Pecuária - surgiu 20 dias antes do início da competição. Mattheus Alencar, que é diretor da seletiva brasileira do concurso, foi o responsável pelo convite. Ele conheceu Jamille através de outro concurso beleza, o Miss Teen Global Beauty International, no qual ela ficou em 4º lugar. "Escolhi a Jamille porque o concurso exalta a beleza, mas também a questão técnicas e conhecimentos da agropecuária (...) e, por ela já ter essa experiência, ser veterana em concursos, sempre vi muito potencial nela", conta Mattheus. "Acho que o Brasil, por ser um dos maiores exportadores em relação a pecuária, faz com que se destaque e que as candidatas tenham esse conhecimento". Jamille Beretta e as outras candidatas desfilaram por 12 km durante a 'Parada Folclórica de Córdoba' Arquivo Pessoal ???? Desfile de 12 quilômetros à coroa de ouro Apesar de ter conhecimentos prévios sobre agropecuária e desfiles, Jamille admitiu que foi difícil conseguir o título de "Rainha da Pecuária". É que, além dos testes e desfiles, as candidatas tiveram que participar de uma festa tradicional da Colômbia: a 'Parada Folclórica de Córdoba'. "Elas [as candidatas] tiveram que desfilar com roupas típicas de lá. É surreal! São 12 quilômetros, dançando. Eu cronometrei, deu 5h38 dançando sem parar. O destaque da Jamille é que ela não perdia a alegria, diferente de outras candidatas, que demonstravam cansaço". Há menos de um mês como a nova "rainha", Jamille exibe com alegria a coroa de ouro e a faixa que conquistou. Na competição, ela também ganhou outras e uma agenda, repleta de compromissos internacionais voltados ao agronegócio para participar. Para conquistar o título de "miss", Jamille Baretta passou por testes de conhecimentos pecuários Reinado de la Ganadería/ Reprodução Leia também Assista Brasil precisa importar arroz? Por que o preço subiu mais de 20% em um ano? As características que ajudaram o cavalo Caramelo a se salvar Trufa: o ouro branco italiano Veja Mais

Justiça Federal arquiva denúncia contra Felipe Neto por suposta ofensa a Arthur Lira

Valor Econômico - Finanças O influenciador digital havia sido acusado de supo... Veja Mais

McLaren lança linha de patinetes elétricos com homenagem a Senna

canaltech Adam Norris, pai do piloto Lando Norris, hoje principal nome da McLaren na Fórmula 1, fechou uma parceria com a escuderia britânica para lançar uma nova linha de e-scooters, por aqui conhecidos como patinetes elétricos. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Startup russa, Whoosh aposta no sucesso de patinetes elétricos no Brasil O empresário é dono da Pure Electric, fabricante dos patinetes motorizados, e preparou uma coleção especialmente dedicada à equipe em que seu filho corre, mas com uma homenagem especial a um piloto que fez história ao volante do monoposto: Ayrton Senna. Um dos três patinetes elétricos da nova linha foi chamado de “edição Senna”. Ele é pintado com as cores que a McLaren usou no GP de Mônaco de 2024, prova em que a escuderia homenageou Ayrton Senna ao adotar os tons azul, amarelo e verde nos carros da equipe, ao invés dos tradicionais preto e laranja do MCL38. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- As duas outras opções foram batizadas como “Papaya” e “Stealth Mode”. A primeira oferece um tom de laranja vibrante, como o Orange utilizado pela McLaren nos carros de Fórmula 1, enquanto a outra remete a um tom mais escuro e furtivo, mas que remete ao visual da flecha de prata, coloração utilizada pela escuderia no final da década de 1990. McLaren has launched an electric scooter featuring a 710W motor, created in partnership with Pure. It boasts a sleek design, easy folding, and is fully waterproof, with a 50 km range. Priced at £1200. pic.twitter.com/UtnB2qMeue — LiAndr (@TechLiandr) July 4, 2024 Como são os patinetes elétricos da McLaren? Os novos patinetes elétricos lançados em parceria pela McLaren e pela Pure Electrics contam com uma configuração única, e se diferenciam apenas pelas cores e pelo preço — que é bem alto, diga-se de passagem (mas não quando comparado ao valor de um carro de Fórmula 1, claro). Os modelos são equipados com motor de 500W, mas que podem atingir picos de 710W. A velocidade máxima do e-scooter é de 25 km/h e, segundo o fabricante, a autonomia pode chegar a 50 quilômetros por carga, com a bateria completa. Os pneus utilizados nos patinetes elétricos da McLaren são sem câmara para, assim, diminuir o risco de furos e aumentar a vida útil. Cada e-scooter pesa apenas 16 kg e pode ser dobrado facilmente em apenas três movimentos, o que torna a missão de guardar o “brinquedo” bastante tranquila, mesmo em espaços reduzidos. Patinetes elétricos da Pure Electric podem custar até R$ 8,5 mil (Imagens: Divulgação/Pure Electric) O preço para quem quiser se aventurar por aí com um patinete elétrico, porém, não é barato. Segundo o site oficial da Pure Electric, os modelos da linha McLaren custam a partir de 899 libras esterlinas, cerca de R$ 6,3 mil, na conversão direta. O modelo com pintura homenageando Ayrton Senna é ainda mais caro, e não sai por menos de 1.200 libras esterlinas, que hoje equivalem a quase R$ 8,5 mil. Apenas para efeitos de comparação, os patinetes “normais”, da linha Advance, costumam custar 749 libras, ou R$ 5,4 mil. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Review JBL Soundgear Frames | Óculos de sol que toca música

canaltech Testamos o óculos de sol JBL Soundgear Frames, que tem como diferencial as caixas de som para tocar música. No começo, parece esquista a ideia, mas ela faz sentido em alguns casos, embora precise de ajustes pontuais. Confira a nosso review completo abaixo. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Caixa da JBL sobrevive após 25 dias embaixo da lama no RS Notas do analista: geral: 4; design: 4; som: 3; bateria 5; conectividade: 4 Prós Bem construído Bateria muito boa Contras Som fraco Precisa de conexão com o celular Poucos casos de uso Um óculos de sol pesado O Soundgear Frames é um óculos de sol de formato redondo. Isso limita bastante o número de usuários, porque veste bem em alguns rostos e mal em outros — particularmente, não é um tipo de óculos que cai bem em mim, mas seria ótimo para quem tem o rosto mais fino. Formato do óculos pode ser um empecilho (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)A versão que testamos veio na cor Pearl, transparente que deixa o hardware interno à mostra. É um design bem industrial, semelhante à família Nothing Phone, muito interessante e diferente do que vemos no dia a dia. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- A construção do Frames é robusta, tendo certificação IP54 de respingos d’água, possibilitando o uso mesmo debaixo de chuva. Porém, o óculos é pesado, e você sente até uma pressãozinha um pouco acima da orelha com o tempo, embora não incomode tanto. Construção do relógio é bem premium, mas é pesado (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)Também é importante mencionar que o Frames não suporta lentes de grau, o que me impediu de usá-lo por longos períodos ou em locais como a rua, onde é necessário ter atenção ao ambiente. Formas de uso são restritas Já que mencionei sobre usá-lo na rua, é importante mencionar que o Frames é um óculos de sol, então você pode utilizá-lo na praia, parques, trilhas e outros ambientes abertos. Escureceu bem o ambiente nos meus testes, mas não consigo compará-lo com outros óculos de sol do mercado. O problema são suas caixas de som do óculos que vazam bastante para fora, fazendo com que as pessoas escutem o que você está ouvindo a metros de distância. Por isso, não gostei de usá-lo em locais fechados, como no ônibus, Uber e escritório. Por unir óculos e fones de ouvidos em um só aparelho, ele pode ser uma saída para quem não consegue usar fones de ouvido por muito tempo, seja por não encontrar conforto ou ainda não ter achado um aparelho que fique preso na orelha adequadamente. "A proposta do JBL Soundgear Frames é interessante, até porque você terá um óculos de sol com fone de ouvido num único produto. Quem não consegue usar fones de ouvido por muito tempo certamente vai gostar, mas o problema é que ele não funciona sozinho. Sempre é necessário ter um celular por perto, e a qualidade sonora não é aquela que você já conhece da JBL." — Diego Sousa Qualidade de som é muito básica O principal diferencial do Soundgear Frames é o som, afinal, é um óculos que toca música. Cada haste possui um alto-falante ultrafino de 25 x 9 mm, capaz de reproduzir faixas de frequência entre 100 Hz e 19 kHz, o que não chega a ultrapassar fones de ouvido TWS. Qualidade sonora do óculos é muito abaixo da média dos dispositivos da JBL (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)De fato, passa longe de qualquer fone Bluetooth que já testei, inclusive da própria JBL. Não tem grave nenhum, o que é uma pena porque a música “Lunch”, de Billie Eilish, fica totalmente sem vida. Na verdade, é complicado achar um gênero muscial que soe bem no Soundgear Frames, desde o rock alternativo do Muse até o funk da Anitta. Não parece definitivamente um produto da JBL, conhecida por seus graves presentes. Além disso, o volume máximo é bem baixo, provavelmente devido ao som mais aberto do produto. E quem estiver perto de você conseguirá ouvir as reproduções com bastante clareza. Praticamente, você consegue uma experiência melhor usando um óculos de sol comum e um fone de ouvido TWS. Aplicativo JBL For Headphones O aplicativo do Soundgear Frames (Android e iOS) é o padrão da empresa para os seus fones de ouvido premium. Tem como equalizar o som — que não adianta muita coisa —, configurar os gestos do óculos e atualizar o firmware. É bem básico e simples, mas com os principais recursos e funcionalidades. Aplicativo JBL For Headphones (Imagem: Diego Sousa/Canaltech)Conectividade e recursos extras O Soundgear Frames tem Bluetooth 5.2, com uma conexão muito boa tanto com celulares quanto PC. No entanto, ele não faz nada sozinho, e isso pode ser um empecilho para quem achou que daria para correr na praia somente com ele — se fosse, seria bem interessante. O dispositivo também não tem multiponto, que permitira conectar a mais de um aparelho. Se quiser usar em outro produto, tem que desconectar do primeiro para parear no segundo. Porém, uma vez conectado, é possível atender a chamadas de voz devido aos microfones embutidos em cada haste. A qualidade é bem básica, mas o outro lado consegue te ouvir bem. Bateria e carregamento O Frames tem duração de bateria de até oito horas seguidas de música segundo a JBL. Surpreendentemente, foi o que consegui durante os testes, sendo excelente para um produto deste tamanho. Se usar no volume máximo, sua autonomia cai para cerca de 7 horas, o que recomendo porque ele é muito baixo. O carregamento do Soundgear Frames é feito curiosamente com dois cabos USB-C, pois as duas hastes são carregadas separadamente. Meio incomum, mas não atrapalha em nada, só que vez ou outra um lado pode descarregar primeiro. Carregamento acontece separadamente entre as hastes (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech) "É muito difícil recomendar o JBL Soundgear Frames porque você pode ter um bom óculos de sol e um ótimo fone de ouvido pelo mesmo preço. Pelo menos se o óculos pudesse armazenar músicas localmente, poderia ser uma boa opção para deixar o celular em casa na hora da corrida." — Diego Sousa Concorrentes diretos O Frames não tem concorrentes no mercado brasileiro, mas dá para citar o Ray-Ban Meta como alternativo de óculos mais inteligente. Não é vendido no Brasil e custa quase três vezes mais que modelo da JBL, mas ele adiciona inúmeras funções extras para valer seu preço, como gravação de vídeos para o Instagram, também reproduz música e permite adicionar lente. Ray-Ban Meta Smart Glasses é um ótimo óculos inteligente (Imagem: Ivo Meneghel Jr./Canaltech)O JBL Soundgear Frames vale a pena? O JBL Soundgear Frames não vale a pena pelo preço que a JBL cobra no momento. O som é o principal problema desses óculos que tocam música, fazendo com que seja difícil acreditar que ele tenha o selo de qualidade da JBL. O fato de ele não ter memória para armazenar músicas limita bastante os casos de uso, tornando o produto menos útil do que poderia ser. Se você achou a ideia interessante, mas não quer gastar R$ 800 nela, vale a pena esperar o preço baixar. Talvez custando R$ 500, com valor perto do de fones mais básicos, o JBL Soundgear Frames possa valer mais a pena. ???? Compre o JBL Soundgear Frames no Magalu ???? Compre o JBL Soundgear Frames no Mercado Livre ???? Compre o JBL Soundgear Frames na Amazon Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Acionistas da Discovery recebem US$ 125 milhões em acordo de fusão com a Warner Bros

Valor Econômico - Finanças O acordo se refere a alegações de que o negócio os... Veja Mais

Avião elétrico com capacidade de voar 3.000 km será alimentado por nova bateria condensada

tudo celular A CATL deve alimentar um avião com suas baterias para entregar uma autonomia de até 3 mil km de voo em breve. Veja Mais

De onde vem a fortuna dos Ambani, família de bilionários com festas luxuosas

G1 Economia O patriarca da família, Mukesh Ambani, de 67 anos, é o homem mais rico da Índia, da Ásia e ocupa o 11° lugar na lista dos mais ricos do mundo, com uma fortuna estimada em US$ 123,3 bilhões. Anant Ambani, à esquerda, e Radhika Merchant posam para fotógrafos durante sua cerimônia pré-casamento em Mumbai, Índia, sexta-feira, 5 de julho de 2024. AP Photo/Rajanish Kakade, arquivo Pouco mais de três meses depois de uma festa de pré-casamento luxuosa, que contou até com show da cantora Rihanna, Anant Ambani e Radhika Merchant estão na etapa final de celebrações antes do casamento, que acontece no próximo dia 12. Entre os preparativos para a cerimônia, a família do noivo já levou os convidados do casamento em um cruzeiro de três dias com apresentações de Katy Perry e David Guetta, uma cerimônia tradicional indiana conhecida como "sangeet" - em que a família dos noivos dançam para os convidados -, além de organizar um casamento em massa para 50 casais carentes na última semana. Todos esses eventos são apenas para o casamento de um dos filhos do casal Ambani, que já preparou festas tão luxuosas quanto estas para os outros herdeiros. Mas de onde vem, afinal, o dinheiro para celebrações tão ostensivas? O patriarca da família, Mukesh Ambani, de 67 anos, é o homem mais rico da Índia, da Ásia e ocupa o 11° lugar na lista dos mais ricos do mundo, com uma fortuna estimada em US$ 123,3 bilhões, cerca de R$ 678 bilhões, segundo o ranking de bilionários da Forbes. Ele é presidente e diretor administrativo da Reliance Industries, um império com receita de US$ 110 bilhões, de acordo com a companhia, que tem negócios em diversos setores: petróleo e gás, petroquímica, telecomunicações, varejo e serviços financeiros. LEIA TAMBÉM O clube dos US$ 100 bilhões: quem são as 14 pessoas com as maiores fortunas do mundo Taylor Swift e Magic Johnson entram para a lista de bilionários da Forbes em 2024 Mukesh Ambani, Anant Ambani e Nita Ambani, esposa de Mukesh e mãe de Anant posam para foto durante as celebrações pré-casamento de Anant e Radhika Merchant, em Jamnagar, Gujarat, Índia Reliance Industries/Handout via REUTERS Reliance e os Ambani A companhia indiana foi fundada em 1996 pelo pai de Mukesh e, inicialmente, era apenas uma fabricante têxtil. Quando ele morreu, porém, em 2002, a empresa já havia crescido e Mukesh e seu irmão, Anil, assumiram o comando. Com os herdeiros no controle, os negócios expandiram ainda mais e a Reliance se tornou uma das principais empresas da Índia. O braço de telecomunicações e banda larga do grupo, por exemplo, a Jio, tem quase 500 milhões de assinantes no país, que tem cerca de 1,4 bilhões de pessoas. Isso é quase um terço de toda a população. Segundo a Forbes, os três filhos de Mukesh já atuam no negócio da família, cada um em uma área. O filho Akash está a frente da Jio, de telecomunicações; a filha Isha supervisiona a Jio Financial Services, empresa de serviços financeiros; e o mais novo, Avant, que vai se casar, já entrou para a área de energia. A agência de notícias AFP diz, também, que a família é dona de um prédio de apartamentos de 27 andares localizado em Mumbai. O empreendimento, chamado de Antila, é avaliado em US$ 1 bilhão e possui, entre outras comodidades: três helipontos; uma garagem para 160 carros; um cinema privado; uma piscina; uma academia. A fortuna de Mukesh Ambani já cresceu 487% desde 2015. De lá para cá, o patrimônio do magnata disparou de US$ 21 bilhões para os US$ 123,3 bilhões até a última sexta-feira (5). Veja Mais

O que é nobreak interativo?

canaltech O nobreak interativo está entre os equipamentos mais populares para evitar desligamentos forçados de dispositivos caso ocorra uma queda de energia. Esse tipo específico de proteção se diferencia por trazer uma abordagem mais ativa no controle da tensão, especialmente se ocorrerem variações menores. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp 3 aplicativos para calcular o consumo da conta de luz Modelos de nobreak interativo realizam compensação ativa da flutuação de tensão (Imagem: Divulgação/TS Shara) Afinal, os modelos de nobreak interativo conseguem monitorar constantemente o fluxo de energia, ajustando a tensão conforme as condições da rede. Estes ajustes periódicos podem acontecer sem descarregar a bateria interna do equipamento. Na prática, isso significa que é possível economizar bateria do nobreak, permitindo que ele funcione por mais tempo quando a energia de fato cai. Nestes casos, o funcionamento é semelhante ao de outros tipos de nobreak, fornecendo carga para dispositivos importantes nos períodos sem luz. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Qual é a diferença do nobreak interativo para o nobreak comum? Como contraste, o nobreak interativo funciona de forma diferente em comparação com os chamados nobreaks offline (também chamados de standby), que apenas realizam intervenções caso seja detectada a interrupção no fornecimento de energia. Equipamento serve para manter produtos funcionando em caso de queda de luz (Imagem: Divulgação/Intelbras) Existe ainda uma opção mais avançada em comparação com o nobreak interativo, que é o nobreak de dupla conversão. Neste caso, a energia elétrica é convertida constantemente em energia estabilizada, o que pode ser útil para ambientes em que é essencial ter um fornecimento constante, como hospitais e servidores. Portanto, o nobreak interativo aparece como uma boa opção intermediária para ambientes domésticos e corporativos, ao oferecer proteção ativa, mas ainda ter um preço mais acessível em comparação com os modelos de dupla conversão. Ao mesmo tempo, o melhor gerenciamento de bateria do nobreak interativo também tende a reduzir o consumo, o que pode levar a um decréscimo perceptível no valor da conta de luz. Desta forma, esse tipo de equipamento pode ser considerado um investimento para escritórios ou residências menores, especialmente em locais que costumam ter instabilidades elétricas além das quedas de luz. Funcionamento e classificação de nobreaks Em geral, os nobreaks são recomendados para manter a energia por um período relativamente curto, que pode ficar na casa dos minutos ou horas, dependendo do modelo. Trata-se do tempo suficiente para salvar arquivos importantes, ou finalizar tarefas antes de acabar a bateria do equipamento. Nobreaks podem manter energia por minutos ou horas, dependendo do modelo (Imagem: Divulgação/SMS) Os nobreaks também podem ser classificados conforme o tipo de onda que entregam. Os modelos de onda senoidal são aqueles que entregam as ondas mais puras e condizente com a alimentação normal da rede elétrica, e por isso é recomendado para equipamentos mais sensíveis. Já os nobreaks de onda senoidal modificada entregam uma onda mais “escalonada”. Eles se destacam por normalmente serem mais baratos, e ainda são opções vantajosas para ligar equipamentos menos sensíveis. Há ainda os nobreaks de onda quadrada, que variam de forma abrupta entre valores positivos e negativos. Neste caso, a recomendação é apenas para ligação de produtos mais simples, ou itens mais antigos que sejam compatíveis com esse tipo de onda. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

WhatsApp muda a cor do selo de verificação para empresas e canais oficiais

WhatsApp muda a cor do selo de verificação para empresas e canais oficiais

Tecmundo O selo de verificação do WhatsApp para empresas e canais oficiais está mudando da cor verde para o azul, a partir de uma atualização lançada para os testadores do app de mensagens no Android. A alteração começou a ser liberada nesta sexta-feira (5) para algumas pessoas, de acordo com o WABetaInfo.Essa mudança, que vinha sendo cogitada há algum tempo, alinha a marca de seleção do popular mensageiro ao padrão visual de outros produtos da Meta, unificando a experiência do usuário em todas as plataformas. No Facebook e no Instagram, o azul já está presente, indicando que a interação acontece com um perfil verificado ao visualizá-lo.Leia mais... Veja Mais

CNJ suspende cadastro obrigatório para empresas no Domicílio Judicial Eletrônico

Valor Econômico - Finanças Segundo advogados, modelo atual da ferramenta comp... Veja Mais

Aquecimento global torna turbulências em voos mais frequentes e severas

canaltech O aquecimento global vem atingindo limites sem precedentes e pode superar 1,5º C pela primeira vez até 2027, de acordo com relatório recente da Organização Meteorológica Mundial (World Meteorological Organization – WMO). Os efeitos desse aumento de temperatura vêm causando preocupação em diversas áreas, inclusive na aviação. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Turbulência pode derrubar um avião? Pesquisadores ao redor do mundo têm coletado dados que comprovam não apenas o aumento da frequência das turbulências durante os voos, mas também a intensidade com que o fenômeno que causa terror nos passageiros tem ocorrido desde que as alterações climáticas se acentuaram. A IATA (Associação Internacional de Transportes Aéreos) classifica as turbulências em três tipos distintos: leve, moderada e severa. E, de acordo com o professor Paul Williams, cientista atmosférico da Universidade de Reading, o aquecimento global tem tornado as turbulências cada vez mais severas. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- O estudo chefiado por Williams compilou informações e detectou que houve um aumento de 55% no tempo de turbulências anuais entre 1979 e 2020, apenas em um ponto específico, acima do Atlântico Norte, uma das rotas de voo mais movimentadas do mundo. Para o cientista, isso foi causado diretamente pela alta das emissões de carbono, que influenciam as chamadas cortantes de vento, ou windshear. Mudanças climáticas e aquecimento global têm tornado turbulências mais fortes e frequentes (Imagem: Alan/Pixabay/CC) Turbulência já causou morte em voo A preocupação com o aumento da frequência com que as turbulências severas vêm ocorrendo em voos também cresceu depois que um britânico de 73 anos morreu e outras pessoas ficaram gravemente feridas durante um voo da Singapura Airlines, entre Londres e Singapura, em maio deste ano. De acordo com os relatórios das autoridades sobre o incidente, o Boeing 777 despencou 178 pés (cerca de 55 metros) em apenas 4 segundos. A violência da queda repentina arremessou alguns passageiros contra o teto e a consequência foi a morte de uma pessoa e a hospitalização de outras 71 que estavam a bordo. Guy Gratton, professor associado de aviação e meio ambiente na Universidade de Cranfield, utilizou o caso mais grave envolvendo uma turbulência severa para reforçar o alerta sobre os perigos do aquecimento global. Aumento da temperatura global vem causando efeitos negativos até na aviação (Imagem: Gerd Altmann/Pixabay) Segundo o especialista, o aumento de temperatura tem tornado mais frequente o aquecimento da troposfera, camada mais baixa da atmosfera da Terra, e o esfriamento da estratosfera, que fica acima.  Essa alteração da energia entre as duas camadas é justamente o que faz com que as correntes de jato, que são as turbulências, fiquem mais fortes e mais severas. Turbulência pode derrubar um avião? Apesar do aumento da frequência e da intensidade das turbulências durante os voos, não há riscos de o fenômeno, por mais forte que seja, derrubar um avião. Foi isso o que assegurou Patrick Smith, em seu site especializado askthepilot.com (pergunte ao piloto, na tradução). Aviões são resistentes às fortes chuvas, relâmpagos e turbulências, segundo especialistas (Imagem: Ionuts Scripcaru/pixabay) "O avião é feito para suportar uma alta carga de força e estresse, e uma turbulência forte o suficiente para causar de fato algum dano a aeronave. É algo que nem o piloto mais experiente vai viver em sua vida, mas só isso. As aeronaves são projetadas para aguentar esse e outros tipos de fenômenos meteorológicos, como chuvas e relâmpagos”, concluiu. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação Veja Mais

Entenda o segundo turno das eleições parlamentares na França

Valor Econômico - Finanças Em apenas uma semana, a dinâmica eleitoral no país... Veja Mais

5G standalone no Brasil: qual a situação após dois anos?

5G standalone no Brasil: qual a situação após dois anos?

Tecmundo Este sábado (06) marca o "aniversário" do 5G standalone no país. A tecnologia de dados móveis de quinta geração foi oficialmente implementada no Brasil nesta data em 2022, com a ativação do sinal em Brasília.Passados dois anos, a estrutura supervisionada pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) segue em expansão. O panorama é de que o 5G standalone cresce "de forma significativa", embora ainda haja muito trabalho pela frente em termos de território a ser coberto.Leia mais... Veja Mais

As 100 melhores cidades médias para viver no Brasil

Valor Econômico - Finanças Três primeiras posições do ranking são ocupadas po... Veja Mais

Novidades da Netflix, Prime Video e Disney Plus nesta semana [06/07/2024]

tudo celular Todas as estreias da semana na Netflix, Prime Video e Disney Plus estão aqui. Veja Mais

Ibama aponta adulteração de agrotóxicos e pede à Justiça bloqueio de R$ 90 milhões da Syngenta

G1 Economia Ação diz que multinacional vendeu 4,5 milhões litros de produtos alterados e tinha protocolo para burlar a fiscalização do órgão ambiental na fábrica de Paulínia. Fábrica da Syngenta em Paulínia, no interior de SP Divulgação/Syngenta O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama) pediu à Justiça Federal de São Paulo, por meio da Advocacia-Geral da União (AGU), o bloqueio de R$ 90,2 milhões da multinacional Syngenta para reparar os danos ambientais causados pela comercialização de três agrotóxicos adulterados. A adulteração, diz a ação na qual o g1 teve acesso, aconteceu com a adição do bronopol, um conservante antibacteriano, nos produtos Engeo Pleno, Karate Zeon 250 CS, Karate Zeon 50 CS em níveis até três vezes acima do permitido. No processo, o Ibama aponta que a Syngenta vendeu 4,5 milhões de litros dos três produtos adulterados, gerando mais de R$ 400 milhões de receita. "A adulteração e a comercialização dos agrotóxicos ilegais, em seus milhões de litros, estão suficientemente provadas e assumidas pela empresa ré ao longo dos processos administrativos", diz. Segundo a ação, a Agência Europeia dos Produtos Químicos classifica o bronopol como muito tóxico para a vida aquática e alerta que o produto pode causar sérios danos oculares, irritação de pele e irritação respiratória. Ao g1, a Syngenta rebateu a ação do Ibama e disse que apresentou à Justiça a comprovação de que não existe qualquer tipo de risco ou dano ambiental decorrente da adição do bronopol aos agrotóxicos. Segundo a multinacional, a composição foi aprovada posteriormente no Brasil. "Os próprios órgãos responsáveis pela avaliação e registro de defensivos agrícolas – MAPA, ANVISA e o próprio Ibama – recentemente aprovaram a nova formulação do produto ENGEO PLENO, considerando os níveis de BRONOPOL encontrados nas formulações citadas na ação da AGU", diz a empresa. Tentativa de burlar a fiscalização A adulteração foi detectada durante uma fiscalização do Ibama na fábrica da Syngenta, em Paulínia (SP), no ano de 2021. No local, foi encontrado um registro feito por funcionários que descrevia ordens para retirar os insumos da linha de produção dos agrotóxicos em razão da visita dos agentes do instituto. Segundo a ação, isso comprova a tentativa de burlar a fiscalização. "Conforme demonstrado nos processos administrativos, e também exposto na presente peça, a empresa ré construiu toda uma cadeia de tarefas e atribuições voltadas para dificultar e impedir a fiscalização do Ibama sobre os agrotóxicos". "As atividades foram tomadas com o claro objetivo de a empresa manter a produção e comercialização de agrotóxicos adulterados e ilegais", diz a AGU. De acordo com o Ibama, a inspeção apontou que o produto foi adicionado aos agrotóxicos após a empresa ter tido prejuízo com devoluções causadas pelo estufamento da embalagem. "A 'solução' do problema da embalagem encontrada pela empresa foi elevar o nível de toxicidade e letalidade do agrotóxico, sem qualquer anteparo legal ou de estudos de impacto, para reduzir o estufamento de suas embalagens de agrotóxico, nas quais ocorria contaminação microbiológica", diz na ação. Sobre a tentativa de burlar a fiscalização, a Syngenta afirmou ao g1 que "todas as medidas cabíveis foram tomadas pela empresa diante do ocorrido, incluindo a realização de auditorias externas e internas, implementação de diversas melhorias processuais e de sistema, eliminando qualquer possibilidade de falha da natureza que havia sido apontada na fiscalização do Ibama, ocorrida em 2021". Bloqueio de R$ 90 milhões e greenwashing Na ação, AGU e Ibama pedem que a empresa seja condenada a reparar os danos ambientais causados pelos produtos adulterados, bem como a pagar indenização pelos danos morais coletivos e pelos danos derivados da exposição ambiental indevida ao produto tóxico. O valor das indenizações deverá ser apurado no curso do processo, mas em caráter de urgência (liminar), os órgãos pedem à Justiça: Que a empresa seja obrigada a dar destinação aos agrotóxicos adulterados já recolhidos, e que continue identificando e recolhendo do mercado os produtos adulterados. Que a empresa seja obrigada divulgar em seus sites e redes sociais, tanto em português quanto em inglês, a existência da ação assim como das decisões judiciais nela proferidas, e também expor em seus relatórios e programas de sustentabilidade a ocorrência de adulteração de agrotóxico cometida pela empresa, evitando o greenwashing (maquiagem verde). Que a empresa seja obrigada, no prazo de 90 (noventa) dias, a incorporar medidas de governança, compliance e controle para evitar quaisquer atos futuros que contribuam para a produção e/ou comercialização de agrotóxicos adulterados ou ilegais, e também evitar práticas orientadas a dificultar ou obstaculizar o exercício das atividades de fiscalização ambientais. Que a empresa seja intimada a apresentar, em 7 dias, a garantia de reparação dos danos. E, na ausência disso, o bloqueio de R$ 90.295.767,07 para garantir a satisfação da reparação dos danos já levantados na ação. Que a empresa seja impedida de obter benefícios fiscais e linhas de crédito do governo até que se comprometa com a reparação do dano causado. "A parte ré produziu, comercializou e propiciou o uso de agrotóxico de forma ilegal por todo o país, sem lastro de controle e contenção de previsibilidade de efeitos. Além disso, produziu esquema de ocultação de dados e de elementos químicos, somados a práticas de greenwashing", diz a AGU na ação. Nota Syngenta na íntegra A Syngenta Proteção de Cultivos, diante da ação movida pela AGU, apresentou ao juiz seus argumentos, bem como a comprovação da inexistência de qualquer tipo de risco ou dano ambiental decorrente da situação descrita. Demonstrando, ainda, que os próprios órgãos responsáveis pela avaliação e registro de defensivos agrícolas – MAPA, ANVISA e o próprio Ibama – recentemente aprovaram a nova formulação do produto ENGEO PLENO, considerando os níveis de BRONOPOL encontrados nas formulações citadas na ação da AGU. Tais fatos nos fazem questionar o movimento destoante da AGU, considerando todo o diálogo já ocorrido anteriormente com o Ibama, que se materializou em uma conciliação formal endossada pelo órgão. A Syngenta afirma, ainda, que todas as medidas cabíveis foram tomadas pela empresa diante do ocorrido, incluindo a realização de auditorias externas e internas, implementação de diversas melhorias processuais e de sistema, eliminando qualquer possibilidade de falha da natureza que havia sido apontada na fiscalização do Ibama, ocorrida em 2021. VÍDEOS: Tudo sobre Campinas e Região Veja mais notícias da região no g1 Campinas. Veja Mais

Samsung aguarda sinal verde da NVIDIA para iniciar produção em massa de memórias HBM3e

tudo celular Gigante sul-coreana está prestes a iniciar a produção em massa da nova geração de memórias, segundo fontes da indústria. Veja Mais

CNJ prevê custo anual de R$ 6 bilhões com lei que impede saidinha de presos

Valor Econômico - Finanças Exigência de exame criminológico para progressão d... Veja Mais

Amazon consegue liminar para manter venda de celular irregular. Anatel diz que vai recorrer

Valor Econômico - Finanças O Mercado Livre, que também entrou com ação, mas n... Veja Mais

Mega-Sena, concurso 2.746: prêmio acumula e vai a R$ 9 milhões

G1 Economia Veja os números sorteados: 22 - 27 - 30 - 43 - 51 - 56. Próximo sorteio será realizado na quarta-feira (10) Aposta única da Mega-Sena custa R$ 5 e apostas podem ser feitas até as 19h do dia do sorteio Marcelo Brandt/G1 O sorteio do concurso 2.746 da Mega-Sena foi realizado na noite deste sábado (6), em São Paulo. Ninguém acertou as 6 dezenas. O prémio acumulou e deve chegar aos R$ 9 milhões na quarta (10). Veja os números sorteados: 22 - 27 - 30 - 43 - 51 - 56. Números do concurso 2746 da Mega-Sena Reprodução Clique aqui para seguir o canal de Loterias do g1 no WhatsApp QUINA: 35 apostas acertaram 5 dezenas e levam R$ 63.470,58 cada. QUADRA: 2.485 apostas acertaram 4 dezenas e levam R$ 1.277,07 cada. O concurso 2.747 da Mega-Sena será realizado na próxima quarta-feira (10), em São Paulo. Entenda como funciona a Mega-Sena e qual a probabilidade de ganhar o prêmio Para apostar na Mega-Sena As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília), em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal – acessível por celular, computador ou outros dispositivos. É necessário fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito. Probabilidades A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, que custa R$ 5, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa. Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 22.522,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa. Veja Mais

Um Tira da Pesada 5 vai acontecer? Veja o que esperar do futuro da franquia

Um Tira da Pesada 5 vai acontecer? Veja o que esperar do futuro da franquia

Tecmundo Lançado no dia 3 de julho pela Netflix, Um Tira da Pesada 4: Axel Foley trouxe de volta o famoso detetive de Detroit após uma espera que durou 30 anos. O filme também representou um retorno do comediante Eddie Murphy, que havia se distanciado dos cinemas após diversos fracassos de crítica e bilheteria.Aprovado por 65% da crítica e 78% do público no Rotten Tomatoes, o capítulo mais recente da série parece abrir portas para que o policial retorne em outras aventuras. Mas será que isso é algo que faz parte dos planos do ator ou da plataforma de streaming? O produtor Jerry Bruckheimer parece ter a resposta.Leia mais... Veja Mais

Jon Landau, produtor de 'Titanic' e 'Avatar', morre aos 63 anos

G1 Pop & Arte Landau produziu vários filmes do diretor James Cameron e trabalhava nas sequências de 'Avatar'. Ele lutava contra um câncer, segundo o site 'The Wrap'. Jon Landau, produtor de filmes como 'Titanic' e 'Avatar' Jordan Strauss/Invision for The Producers Guild of America/AP Images Jon Landau, que produziu filmes como "Titanic" e "Avatar", morreu neste sábado, aos 63 anos, vítima de um câncer, segundo o site "The Wrap". Em sua carreira, Landau produziu alguns filmes do diretor James Cameron. O primeiro foi "Titanic", em 1997, que levou o Oscar de melhor filme no ano seguinte. A parceria foi retomada em 2009, com o primeiro filme da franquia "Avatar". Desde então, a dupla trabalhou na sequência da franquia, incluindo em um filme que deve estrear em 2025, e em "Alita: Anjo de combate". Landau também foi o produtor da comédia "Querida, Encolhi as Crianças", de 1989, e da ficção científica "Solaris". Na década de 1990, ele foi executivo da Twentieth Century Fox e supervisionou a produção de filmes como "Duro de Matar 2", " Power Rangers" e "O Último dos Moicanos". Mais recentemente, ele ocupou o cargo de diretor de operações da Lightstorm Entertainment, produtora de James Cameron. A atriz Frances Fisher, que trabalhou com Landau em "Titanic" lamentou a morte do produtor. "Voe com os anjos, querido Jon", escreveu em uma das últimas postagens de Landau. Veja Mais

Vídeo mostra momento em que foguete da NASA “rasga” céu da Califórnia; veja

canaltech O foguete Alpha, da Firefly Aerospace, que faz parte da Iniciativa de Lançamento CubeSat da NASA, proporcionou imagens espetaculares ao rasgar, literalmente, os céus da Califórnia, nos Estados Unidos, logo após seu mais recente lançamento, no último dia 3 de julho. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Astronauta fotografa Furacão Beryl visto do espaço O cientista David Blanchard utilizou recursos de timelapse e publicou em sua conta no X (antigo Twitter) o exato momento em que o Firefly Alpha, lançado da Base da Força Espacial Vandenberg, na Califórina, com oito pequenos satélites da NASA, “rasgou o céu”, fenômeno que é conhecido como buraco ionosférico. A ionosfera, vale lembrar, é uma camada da alta atmosfera terrestre que está na faixa dos 80 a 600 quilômetros acima da superfície do planeta. Esse intervalo corresponde a toda a termosfera e também uma porção da mesosfera, abaixo dela. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Nesta parte da atmosfera, as moléculas e átomos presentes estão sujeitas à radiação ultravioleta extrema — ondas na faixa de 10 a 120 nanômetros, enquanto o ultravioleta-A, que chega até nós, está entre 315 e 400 nanômetros — e aos raios-X provenientes do Sol. Esta radiação é altamente ionizante, ou seja, possui energia o bastante para remover elétrons de um átomo. Time-lapse video of the @Firefly_Space launch this evening. Video clearly shows the ionospheric red glow. pic.twitter.com/oZaVdy8wnt — David Blanchard (@dblanchard_AZ) July 4, 2024 “Rasgo” no céu não é inédito (e nem perigoso) Apesar da radiação ultravioleta extrema que existe na ionosfera, o “rasgo” causado pelo lançamento do foguete da Firefly durante a missão, batizada de Noise of Summer, não é motivo para causar qualquer tipo de preocupação, medo ou ameaça à vida na Terra. Segundo os cientistas, embora raro, esse fenômeno não é inédito, e um foguete da própria Firefly causou algo similar em setembro de 2023. Na ocasião, como agora, o “rasgo” se fechou rapidamente, tão logo os gases foram ionizados, sem qualquer prejuízo ao planeta. Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Furiosa e mais: os 10 filmes mais pirateados da semana (06/07)

Furiosa e mais: os 10 filmes mais pirateados da semana (06/07)

Tecmundo Adivinhe quem está de volta para alegrar seu sábado? Ele mesmo, nosso quadro semanal que elenca e explora os filmes mais pirateados da semana. Pois é, preparem-se, pois chegou o momento de desvendarmos o mistério sobre os títulos que mais chamaram atenção da internet nos últimos dias, sendo baixados online à exaustão. Será que tivemos mudanças significativas? Vejamos!Apenas lembrando, como de costume, que utilizamos os dados semanais levantados pelo site TorrentFreak, que acompanha quais títulos têm sido mais baixados online, como base para este segmento. Não apoiamos a pirataria de forma alguma.Leia mais... Veja Mais

Setor de viagens corporativas registra forte queda nas vendas no RS em maio

Valor Econômico - Finanças Em Porto Alegre, setor hoteleiro registrou queda... Veja Mais

5G e 4G | Quais Redmi Pad aceitam chip?

canaltech A presença da conectividade 4G e 5G em tablets tem um papel importante na versatilidade dos dispositivos, já que permite o uso de todo o seu potencial produtivo mesmo longe de casa e de outras redes Wi-Fi. Mesmo que tenha uma linha relativamente consolidada de tablets, a Redmi não oferece muitas opções que sejam compatíveis com as redes móveis. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Dá para desenhar? Quais Redmi Pad aceitam caneta Redmi Pad Pro 5G é único representante da linha que recebe chip (Imagem: Divulgação/Xiaomi) Afinal, atualmente o único modelo que aceita chip de operadora é o Redmi Pad Pro 5G, apresentado com a conectividade como diferencial em relação ao Pad Pro comum. Ambos os tablets são vendidos no mercado global, mas ainda não estão listados na página brasileira da Xiaomi/Redmi. Portanto, a empresa não tem tablets com suporte para chip 4G ou 5G oficialmente no país. -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- Já o Redmi Pad SE, única opção da linha listada para o Brasil, tem um processador Snapdragon 680 anunciado há nada menos que seis anos. Portanto, a plataforma não traz embutida um modem 5G, e também fica de fora no que diz respeito ao 4G. Compre tablets com 4G no Magalu Compre tablets com 4G no KaBuM! Compre tablets com 4G no Mercado Livre Compre tablets com 4G na Amazon Outros tablets que aceitam chip Mesmo que os modelos Redmi vendidos no país não ofereçam conectividade móvel, existem outras opções 5G que podem ser compradas no Brasil: iPad Pro (compatível com eSIM): o tablet mais avançado da Apple teve a sua última geração lançada em 2024, com novidades como o processador Apple M4, a tela Tandem OLED e a construção com espessura mais fina entre produtos da Maçã. iPad Air (compatível com eSIM): também apresentado em 2024, o tablet chega como uma opção mais acessível e traz o chip Apple M2 semelhante às plataformas usadas em modelos de MacBook iPad (compatível com eSIM e Nano SIM): opção mais avançada da Apple a ter suporte a chip físico, o iPad de 10ª geração foi anunciado em 2022. O produto já passou pela análise do Canaltech, com destaque para seu alto desempenho. iPad Mini (compatível com eSIM e Nano SIM): apresentado em 2021, o iPad Mini de 6ª geração foi considerado um grande acerto da Apple quando passou pelo review do Canaltech. O produto traz o mesmo chip A15 Bionic visto na linha iPhone 13. Linha Galaxy Tab S9 5G (compatível com eSIM e Nano SIM): a linha mais avançada de tablets da Samsung tem uma lista extensa de dispositivos, e todos possuem suporte para conectividade móvel. A série inclui os modelos Galaxy Tab S9, S9 Plus, S9 Ultra, S9 FE e S9 FE Plus — todos são vendidos no país Galaxy Tab A9+ 5G (compatível com eSIM e Nano SIM): já o Galaxy Tab A9+ está entre as opções mais baratas do mercado nacional com 5G, com preços abaixo dos R$ 1.500. O produto foi lançado em 2023, e mostrou a ampla tela de 11 polegadas como um dos principais atributos Galaxy Tab Active 5G (compatível com eSIM e Nano SIM): por sua vez, o Galaxy Tab Active 5G tem uma proposta bastante diferente de todos os outros. Afinal, ele conta com uma construção robusta e reforçada, para ser usado em ambientes possivelmente hostis aos eletrônicos, como canteiros de obras ou trilhas na mata. Dependendo da operadora escolhida, é possível que sejam cobradas taxas extras para a contratação de uma segunda rede móvel, que será necessária para utilização no tablet. No entanto, a compatibilidade com o eSIM facilita o processo, além de ampliar a segurança ao evitar a utilização da linha em outro dispositivo. Compre tablets com 5G no Magalu Compre tablets com 5G no KaBuM! Compre tablets com 5G no Mercado Livre Compre tablets com 5G na Amazon Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Homem de Ferro tem um poder secreto que nem os outros heróis sabem? Ator Mike Heslin morre aos 30 anos e marido desabafa: "Sem explicação" ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Veja Mais

Secretário do Orçamento deixa o cargo e retorna à consultoria da Câmara

Valor Econômico - Finanças A saída ocorre no momento em que o governo está pr... Veja Mais

O dia que eu virei uma INCUBADORA HUMANA | Minuto da Terra

O dia que eu virei uma INCUBADORA HUMANA | Minuto da Terra

 Minuto da Terra Os bebês prematuros se beneficiam principalmente do contato pele a pele com os pais – também conhecido como “método canguru” – o que reduz as infecções e a hipotermia, e aumenta o ganho de peso e o envolvimento parental. QUER SABER MAIS sobre esse assunto? Pesquise por essas palavras-chave: - Nascimento prematuro: bebês nascidos antes das 37 semanas de gestação. As complicações da prematuridade matam mais de 900 mil crianças todos os anos. - Incubadora: aparelho fechado que proporciona um ambiente controlado para bebês prematuros. - Sepse: uma complicação de infecção com risco de vida. - Hipotermia: emergência médica que ocorre quando o corpo perde calor mais rápido do que pode produzi-lo. APOIE SE VOCÊ GOSTA dos nossos vídeos: - Deixando um comentário (a gente lê todos!) - Clicando em "gostei" ???? - Compartilhando com os amigos \o/ - Contribuindo com R$ - pode ser um pagamento único através do botão VALEU (embaixo do vídeo) ou mensalidade como membro do canal em https://youtube.com/minutodaterra/join S2 SIGA NAS REDES sociais: - https://tiktok.com/@minutodaterra - https://instagram.com/ominutodaterra - https://twitter.com/minutodaterra - https://facebook.com/minutodaterra Versão Brasileira: contato@escarlatte.com Tradução: Maria Carolina Passos Narração: Leonardo Gonçalves de Souza e Maria Carolina Passos Edição de vídeo: Ricardo Gonçalves de Souza Este canal faz parte do SCIENCE VLOGS BRASIL, um selo de qualidade colaborativo que reúne divulgadores de ciência confiáveis do Youtube Brasil. Conheça todos os canais em https://youtube.com/sciencevlogsbrasil. TRADUÇÃO OFICIAL E AUTORIZADA do canal MinuteEarth, produzido por Neptune Studios LLC. Vídeo original: https://www.youtube.com/watch?v=WTA_PLUwfow FONTES (em inglês): Conde?Agudelo A, Díaz?Rossello JL. (2016). Kangaroo mother care to reduce morbidity and mortality in low birthweight infants. Cochrane Database of Systematic Reviews Issue 8. Art. No.: CD002771. https://doi.org/10.1002/14651858.CD002771.pub4 Samra, N. M., Taweel, A. E., & Cadwell, K. (2013). Effect of intermittent kangaroo mother care on weight gain of low birth weight neonates with delayed weight gain. The Journal of perinatal education, 22(4), 194–200. https://doi.org/10.1891/1058-1243.22.4.194 Thidarat Eksirinimit, Busakorn Punthmatharith, Nongyao Bansopit, Kiatkamjorn Kusol. (2023). Effects of Kangaroo Care on body temperature of premature infants and maternal satisfaction at Maharaj Nakhon Si Thammarat hospital, Thailand. Journal of Neonatal Nursing, Volume 29, Issue 2, Pages 302-306. https://doi.org/10.1016/j.jnn.2022.07.005 Sugandha Arya, Suhail Chhabra, Richa Singhal, et al. (2023) Effect on neonatal sepsis following immediate kangaroo mother care in a newborn intensive care unit: a post-hoc analysis of a multicentre, open-label, randomised controlled trial, eClinicalMedicine, Volume 60. Retrieved from: https://doi.org/10.1016/j.eclinm.2023.102006 Kangaroo Mother Care. (2023) Givewell. https://www.givewell.org/international/technical/programs/kangaroo-mother-care#What_is_the_problem Veja Mais

Pianista, arranjador e maestro Laércio de Freitas deixa imenso facho de luz e musicalidade ao morrer aos 83 anos

G1 Pop & Arte Laércio de Freitas (1941 – 2024) era pianista e arranjador reverenciado entre os instrumentistas pela musicalidade inventiva Paulo Rapoport / Divulgação – Reprodução Facebook Paulo Rapoport ? OBITUÁRIO – Pela imensidão do piano que tocava desde os anos 1950 e que aprendera a manusear na cidade natal de Campinas (SP), onde se graduou em 1957 no Conservatório Carlos Gomes, templo de músicos eruditos, o pianista, arranjador, compositor e maestro paulista Laércio de Freitas (20 de junho de 1941 – 5 de julho de 2024) deixa facho de luz e musicalidade no horizonte do Brasil ao sair de cena. Morto ontem em São Paulo (SP), aos 83 anos, enquanto dormia, Laércio de Freitas tinha formação erudita, mas imprimiu o toque inventivo do piano na música popular do Brasil. Chamado carinhosamente de Tio no meio musical, o instrumentista – pai da cantora e atriz Thalma de Freitas – era identificado com o choro, mote de dois dos cinco álbuns da discografia do artista, São Paulo no balanço do choro (1980) e Laércio de Freitas homenageia Jacob do Bandolim (2006), tendo contribuído como compositor para renovar o choro. Contudo, seria reducionista qualquer tentativa de enquadrar Laércio – tanto como pianista e compositor quanto como maestro – em um determinado gênero musical. Com o piano que o fez extrapolar as fronteiras do Brasil já em 1966, indo tocar em países da Europa e da Ásia, Laércio de Freitas caiu com bossa no suingue brasileiro. Além de choro, tocava samba, coco, baião e xaxado, entre outros ritmos nacionais. Sem falar no samba-jazz derivado da bossa nova e exercitado pelo pianista quando Laércio integrou o Tamba Quatro – conjunto oriundo do Tamba Trio – como substituto de Luiz Eça (1936 – 1992). Com o Tamba Quatro, o pianista lançou o primeiro álbum em 1969, no México. O pianista também integrou a Orquestra Tabajara e fez parte do Sexteto Radamés Gnattali. Como arranjador e/ou músico de estúdio, Laércio de Freitas se tornou gigante na música brasileira, tendo posto o toque do piano em álbuns emblemáticos, como Quem é quem (1973), disco divisor de águas na carreira de João Donato (1934 – 2023). Laércio tocou em discos e/ou shows de nomes como Clara Nunes (1942 – 1983), Elza Soares (1930 – 2022), Erasmo Carlos (1941 – 2022), Ivan Lins, Jards Macalé, Maria Bethânia e Martinho da Vila. Como solista, o pianista debutou no mercado fonográfico em 1972 com álbum, Laércio de Freitas e o som roceiro, que se tornaria cultuado com o passar dos anos. Com abordagem moderna dos sons rurais, o disco trouxe sete temas autorais entre as 11 faixas, inclusive a música mais conhecida do compositor, Capim gordura, popularizada em 1971, ano em que a composição foi lançada em gravações de Luiz Carlos Vinhas (1940 – 2001), Lafayette Coelho (1943 – 2021), Orquestra Som Bateau e Ivon Curi (1928 – 1995). No cinema, Laércio de Freitas atuou como arranjador de trilha sonoras de filmes como Viúva virgem (1972) e Violência em Búzios (1977). Enfim, reverenciado como um mestre entre os instrumentistas e mais reconhecido pelo público como o ator de novelas como Mulheres apaixonadas (Globo, 2003), Laércio de Freitas deixa marcas indeléveis na música brasileira. Laércio de Freitas (1941 – 2024) deixa cultuado álbum solo lançado em 1972 Marco Aurélio Olímpio / Divulgação Veja Mais

Com Bolsonaro e Milei, Balneário Camboriú recebe fórum conservador neste fim de semana

Valor Econômico - Finanças Esta será a primeira visita do presidente Argentin... Veja Mais

Documentário 'Vale dos Isolados', do Globoplay, vence Prêmio Gabo na categoria imagem

G1 Economia O filme mostra os conflitos no Vale do Javari e investiga as circunstâncias das mortes de Bruno e Dom. "É um projeto corajoso e poderoso, que leva ao mundo uma mensagem muito importante contra o silenciamento", disse o júri. Documentário 'Vale dos Isolados' vence prêmio Gabo na categoria imagem Reprodução O documentário "Vale dos Isolados - O assassinato de Bruno e Dom", da TV Globo, dirigido por Sônia Bridi e com roteiro de Cristina Krist recebeu nesta sexta-feira (5) na Colômbia o Prêmio Gabo de Jornalismo na categoria imagem. Em 2023,o documentário foi um dos vencedores do Prêmio Vladimir Herzog de anistia e direitos humanos. 'Vale dos Isolados': documentário do Globoplay mostra os conflitos no Vale do Javari e investiga as circunstâncias das mortes de Bruno e Dom O filme se debruça sobre o caso do indigenista Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips, assassinados em 2022, vítimas de uma emboscada. O crime repercutiu no mundo inteiro. O longa, que é uma produção do Globoplay, plataforma onde está disponível, revela como a negligência do Estado fez ressurgir um ciclo histórico de violência no Vale do Javari, região com o maior número de indígenas isolados do mundo. Para gravar "Vale dos Isolados", a equipe passou mais de cem dias na região onde o crime aconteceu, mostrando os conflitos no Vale do Javari e investigando as circunstâncias das mortes de Bruno e Dom. "É um projeto corajoso e poderoso, que leva ao mundo uma mensagem muito importante contra o silenciamento, através da reconstrução das últimas horas de Bruno Pereira e Dom Phillips, assassinados por negligência estatal na região do Vale do Javari, na Amazônia", disse o júri, formado por Carmen Aristegui (México), Ana Brigida (Portugal) e Miguel Salazar Aparicio (Colômbia). Documentário 'Vale dos Isolados' vence prêmio Gabo na categoria imagem Reprodução/ Globoplay Veja Mais

Você percebeu? Todos os streamings ficaram piores ou mais caros em 2024 - Opinião

Você percebeu? Todos os streamings ficaram piores ou mais caros em 2024 - Opinião

Tecmundo Os serviços de streaming cresceram na última década com a "missão não oficial" de acabar de vez com a TV a cabo, trazendo a comodidade dos conteúdos sob demanda com um preço atraente. No entanto, parece que chegamos a um ponto de virada nesse mercado: em 2024, as principais plataformas do meio acabaram ficando mais caras ou piorando a experiência para o público brasileiro.Talvez você não tenha percebido, pois quase sempre essas mudanças são feitas de maneira silenciosa ou ficam atrás de longas explicações. No entanto, os serviços que são líderes em audiência e conteúdo no Brasil sofreram grandes alterações este ano, e quase sempre de forma negativa para o usuário.Leia mais... Veja Mais

Sequoia anuncia lucro líquido de R$ 121,2 milhões combinado com Move3

Valor Econômico - Finanças A receita líquida combinada entre Sequoia e Move3... Veja Mais

Dr4g0n: Globoplay recebe sua primeira série de ficção com temática de e-Sports

tudo celular A produção está prevista para estrear na plataforma ainda este mês Veja Mais

Mike Heslin, ator de 'Lioness', morre aos 30 anos; marido diz que 'médicos não têm explicação para o que aconteceu'

G1 Pop & Arte Ator passou uma semana no hospital devido a um problema cardíaco. Mike Heslin Reprodução/Instagram O ator Michael Heslin, que ficou conhecido pela série de espionagem "Lioness", de 2023, morreu aos 30 anos na última terça-feira (2), após passar uma semana no hospital devido a um problema cardíaco. Em sua carreira, o ator também participou das séries The Influencers, de 2020, e The Holiday Proposal Plan, de 2023. A informação foi confirmada pelo marido de Michael, Nicolas James Wilson, popularmente conhecido como Scott Dynamo, em uma postagem nas redes sociais nesta sexta-feira (5). Segundo Scott, os "médicos não têm explicação para o que aconteceu", porque Michael "era jovem e tinha saúde perfeita". Mike Heslin e Scott Dynamo Reprodução/Instagram Veja o comunicado do marido de Mike na íntegra: "Em 2 de julho, meu marido, melhor amigo e alma gêmea, Mike Heslin, faleceu por um problema cardíaco inesperado após uma semana de longa batalha no hospital. Michael era jovem, tinha saúde perfeita, e os médicos não têm explicação para o que aconteceu. Michael era brilhante, altruísta, talentoso e um anjo da guarda da vida real. Ele cuidou de mim sozinho durante diversas batalhas contra o câncer. Ele era a primeira pessoa que todo mundo queria ligar para compartilhar boas notícias, e ele era a pessoa perfeita para ligar se eles precisassem de um ombro para desabafar ou receber um bom conselho. Ele realmente era o homem mais doce, cuidadoso e amável na Terra, e ele trazia à tona o que há de melhor em todos que tinham o prazer de cruzar com ele. Ele vivia com tanta facilidade e confiança, e fazia com que todos ao seu redor se transformassem em suas melhores versões. Não importava quão difíceis as coisas ficassem, nós sabíamos que não havia nada que não pudéssemos superar com o Mike do nosso lado. Michael, conhecer você foi a melhor coisa que já aconteceu comigo. Você é meu mundo. Você é tudo para mim. Quando eu senti que você respirou pela última vez, meu coração se partiu em milhões de pedaços. Se eu tivesse o poder de trocar de lugar com você, eu faria isso em um instante. Mas eu vou viver um dia de cada vez como você sempre me dizia para fazer, e vou viver todo dia em sua homenagem. Apenas uma semana atrás, nós dávamos os primeiros passos para começar uma família e sempre compartilhávamos nossos nomes de bebês favoritos para nossos futuros filhos. Você sempre me disse que acreditava que havia nascido para ser pai, e eu não poderia concordar mais. Você teria sido o melhor pai do mundo. Se algum dia eu for pai, eu vou nomear meu filho com seu nome e espero que eu consiga criá-lo para ser pelo menos metade do homem que você é. Você era a pessoa mais generosa. Me deixa em paz saber que, por conta seu desejo de ser um doador, você deu um presente de vida para quatro diferentes famílias. Nós estávamos há três semanas do seu aniversários e há quatro meses do nosso primeiro aniversário de casamento, mas eu sei que você está em um lugar melhor e que o céu ganhou outro anjo. Michael, nas palavras se Shania Twain: eu vou te amor para sempre e todos os dias." Veja Mais

Solve for Tomorrow Brasil: Samsung anuncia prorrogação das inscrições

tudo celular Os usuários interessados têm um tempo a mais para se inscreverem no programa Veja Mais

Será que empregadores deveriam, além dos cliques, monitorar os hábitos dos funcionários remotos?

Valor Econômico - Finanças Chefes são encorajados a ajudar trabalhadores a eq... Veja Mais

TudoTV: 10 melhores lançamentos de filmes e séries em junho de 2024

tudo celular Confira aqui os melhores filmes e séries que chegaram à Netflix, Prime Video, Disney Plus, Globoplay e mais em junho de 2024. Veja Mais

Destaques da NASA: nebulosa, Lua, galáxia e + nas fotos astronômicas da semana

canaltech Pronto para conferir as fotos destacadas pela NASA na última semana em seu site Astronomy Picture of the Day? Apareceram vários objetos incríveis por aqui, mas os astros da vez foram as galáxias e nebulosas. Clique e siga o Canaltech no WhatsApp Teoria aposta nas placas tectônicas para cravar que estamos sozinhos no universo Além de serem belíssimas por si só, as galáxias e as nebulosas costumam ter nomes populares inspirados pela aparente semelhança com outros objetos. Por isso, você vai encontrar a Galáxia do Cata-vento, o Aglomerado Estelar da Ostra e muito mais. Saiba mais sobre as imagens e não se esqueça de conferir a galeria de fotos no fim da matéria! -Entre no Canal do WhatsApp do Canalteche fique por dentro das últimas notícias sobre tecnologia, lançamentos, dicas e tutoriais incríveis.- 1. Lua no solstício O fotógrafo Tunc Tezel registrou a Lua cheia em junho, 28 horas após o solstício. O termo descreve o evento astronômico que ocorre duas vezes por ano, quando um hemisfério do nosso planeta fica mais voltado para o Sol, e o outro, mais afastado. Seis meses depois, ocorre o contrário. Assim, o solstício marca o início do verão e do inverno.  Earthrise Em 1968, os astronautas da missão Apollo 8 tiraram uma foto histórica que mostra nosso planeta sobre o horizonte lunar. Agora, que tal conferir a cena em uma versão em vídeo? É o que você vai ver na animação abaixo, que mostra como seria registrar o evento com uma câmera moderna.   Naquela missão, Frank Borman, James Lovell e William Anders se tornaram os primeiros a sair da Terra para viajar rumo a outro mundo distante. Posteriormente, eles recordaram que “o mais importante que descobriram foi a Terra”.    2. Espiral do tempo Já se perguntou quando o universo surgiu? Segundo a Teoria do Big Bang, tudo começou há 13,8 bilhões de anos, que é quando o tempo teria começado. Levou alguns bilhões de anos até os primeiros átomos surgirem e formarem as estrelas. Um pouco deste processo aparece em um infográfico, que ilustra a linha do tempo da Terra e do nosso universo.  ???? Leia mais: infográfico da origem do universo é a foto astronômica de segunda-feira (1) 3. Aglomerado estelar Perto da Pequena Nuvem de Magalhães há um aglomerado estelar incrível. Chamado NGC 602, este aglomerado está cercado pelo o envelope de gás e poeira que o originou — e, para alguns, sua estrutura lembra a de uma ostra repleta de pérolas que, no caso, são estrelas. Por isso, o objeto ficou conhecido como Aglomerado Estelar da Ostra.   4. Galáxia M83 A galáxia M83 fica a 12 milhões de anos-luz de nós na direção da constelação da Hidra. Ela mede cerca de 40 mil anos-luz de comprimento e é conhecida como Galáxia do Cata-vento Sul devido aos seus braços espirais bem definidos. Se preferir, também pode chamá-la de Galáxia dos Mil Rubis, apelido que vem dos berçários estelares avermelhados em seus braços.  5. Nebulosa Trífida A nebulosa M20 é uma nuvem cósmica que abriga estrelas jovens e brilhantes no seu centro, que emitem muita radiação ultravioleta. Ela é chamada de Nebulosa Trífida por sua estrutura, que parece estar dividida em três partes por nuvens de poeira escura.  ???? Leia mais: Nebulosa Trífida é a foto astronômica de quinta-feira (4)  6. Vulcão Etna e o céu O compilado desta semana chega ao fim com uma bela foto do Monte Etna, um dos vulcões mais ativos da Terra. A imagem foi feita por Gianni Tumino e mostra o vulcão acompanhado pela Via Láctea no céu, enquanto inúmeras estrelas brilham. Entre elas, estão Vega, Deneb e Altair, que formam o chamado Triângulo de Verão. ???? Leia mais: Vulcão Etna e estrelas são a foto astronômica de sexta-feira (5) Clique e confira a galeria de fotos Lua cheia fotografada 28 horas após o solstício (Tunc Tezel (TWAN)) Um pouco do que aconteceu desde quando o universo nasceu (Pablo Carlos Budassi via Wikipedia) Aglomerado estelar da Ostra observado pelos telescópios Hubble, Chandra e Spitzer (NASA/CXC/Univ.Potsdam/L.Oskinova et al) A galáxia M83 fica a 12 milhões de anos-luz de nós (Michael Sidonio) Nebulosas de emissão, reflexão e escuras aparecem aqui (Jesús Carmona Guillén) Vulcão Monte Etna, na Itália, cercado pelo brilho da Via Láctea (Gianni Tumino) Leia a matéria no Canaltech. Trending no Canaltech: The Boys | Este é o único herói realmente mais forte que Homelander Relógio de R$ 274 milhões tem duas faces e leva 11 anos para ser montado Ressonância magnética é perigosa apenas para quem não segue as normas Superman vê ícone de sua mitologia sendo destruído 66 anos após criação ???? DESPENCOU | Compre PS5 Slim digital com 2 jogos em oferta com cupom Alguém comprou os Galaxy Buds 3 Pro antes da hora e vazou todos os detalhes Veja Mais

ChatGPT: pesquisadores criam vírus que usa IA para aplicar golpes e driblar segurança do PC

tudo celular Malware é capaz de utilizar o ChatGPT, da OpenAI, para reescrever seu código e passar despercebido por antivírus em computadores. Veja Mais

Reformista Masoud Pezeshkian vence eleição presidencial no Irã

Valor Econômico - Finanças Vitória ocorre em um momento delicado para o país,... Veja Mais

Se tem treino da seleção brasileira nos EUA, tem Endrick dando autógrafo! Legal demais!

Se tem treino da seleção brasileira nos EUA, tem Endrick dando autógrafo! Legal demais!

Fox Sports Brasil Todo o esporte AO VIVO da ESPN disponível no Disney+! http://dis.la/ESPNenDisneyPlus_YT_BR E o melhor do jornalismo esportivo, com vídeos e notícias exclusivas, você acompanha no https://www.espn.com.br/ #brasil #selecaobrasileira #endrick Veja Mais